Issuu on Google+

In

for me

Boletim Informativo da Câmara de Dirigentes Lojistas - Ano III, nº 12, maio/junho de 2011

Horário do comércio em junho Página 2

78º Seminário Nacional de SPCs Página 2

Inovar para não perder mercado Página 4

Acesse: www.cdlvca.com.br

Venha para o “São João quente na terra do frio” A campanha de São João da CDL sorteará R$ 40 mil em prêmios! Com o tema “São João quente na terra do frio”, o comércio, como já é tradição, atrairá os consumidores com ofertas imperdíveis. Quem comprar no comércio no período de 01 a 30 de junho concorrerá a 20 vales-compra com valores que variam de R$ 1.000,00 até R$15.000. O sorteio será realizado dia 09 de julho, às 10 horas, na Praça 09 de Novembro. Peça seu cupom e lembre-se de preenchê-lo corretamente. Mais informações em www.cdlvca.com.br.

Acompanhe-nos no


Editorial Comércio faz a festa do “São João quente na Terra do Frio”

Expediente

O comércio de Conquista está preparado para o São João 2011. Como de costume, nos meses que antecedem os grandes períodos festivos, os lojistas abastecem seus estabelecimentos, apostando na variedade. Os artigos da nova estação, outono/inverno, bem como outros produtos que caíram no gosto da população já podem ser encontrados nas vitrines do comércio local. Verde, azul e vermelho são as cores que estão em alta. Circulando pelas ruas e bairros da cidade, onde o comércio é forte, há muito estampado e florido. São gostos antigos retornando à moda atual, uma releitura de vários artigos com cortes e estampas modernos, que estão de volta por meio da moda retrô. Segundo os vendedores, com quem o Informe CDL conversou, a procura está sendo satisfatória. Segundo eles, as mulheres continuam sendo as que mais compram. A CDL espera um grande São João e, para isso, sorteará R$ 40 mil em prêmios. Ao comprar nas lojas participantes da campanha, o consumidor receberá cupons para participar do sorteio, que será realizado dia 11 de julho. É o comércio fazendo a festa do SÃO JOÃO QUENTE NA TERRA DO FRIO!

No período de 31/03 a 01/04, a CDL, representada pelo presidente Marcos Alberto de Oliveira e o diretor de finanças, Nailton Veiga, participou do 78º Seminário Nacional de SPC's, realizado no Centro de Convenções e Eventos Brasil 21, em Brasília. Organizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo SPC/Brasil, o Seminário proporcionou debates com temáticas sobre mercado, necessidades e soluções, cadastro positivo e sua importância para as Micro e Pequenas Empresas, certificado digital, o desafio de trabalhar com líderes voluntários, eficiência na captação de novos associados, relacionamento e comunicação, dentre outros temas. Segundo o diretor Nailton Veiga, além do SPC, também foram discutidas questões pertinentes à unificação dos sistemas SPC e SERASA. “Os dados ficarão disponíveis tanto ao SPC quanto ao SERASA, formando um cadastro único em todo o país. A união criará um dos maiores bancos de dado do mundo”, explica. Outra discussão importante foi acerca da criação do cadastro positivo. “No Brasil, nós só temos o cadastro negativo. A idéia é criar o cadastro positivo do cliente,

Horário do comércio para Junho Horário acordado entre os Sindicatos do Comércio Varejista e Atacadista, dos Empregados do Comércio e a Câmara de Dirigentes Lojistas. Você também pede acessá-lo na página da CDL, na internet: www.cdlvca.com.br

Boletim Informativo da Câmara de Dirigentes Lojistas de Vitória da Conquista. Endereço: Travessa do Triunfo, 45 – Centro - Vitória da Conquista-BA. Fone Fax: 3420-7400 E-mail: cdlvca@clubenet.com.br / ascomcdl@gmail.com Home page: www.cdlvca.com.br

Presidente: Marcos Alberto de Oliveira das Virgens Produção e redação: CDL Diagramação: Ailton Fernandes

02

CDL participa do 78º Seminário Nacional de SPCs

Colaboração: Antônio Vilmar Esechias Araújo Lima Impressão: Espaço Gráfico Tiragem: 5 mil exemplares Distribuição gratuita

Parceiros da CDL:

melhorando a questão do crédito. Alguns países já usam o cadastro positivo, como os Estados Unidos, França e Canadá. O cadastro positivo vai dizer quem são os bons pagadores e isso ajudará a reduzir as taxas de juros para esses clientes em seus financiamentos, que, no Brasil, são muito altas. Acreditamos que esse projeto trará um avanço enorme ao comércio”, salienta Nailton.

CADASTRO POSITIVO Dia 10 de maio, a Câmara dos Deputados aprovou a MP (Medida Provisória 518/10) que cria o cadastro positivo. Para fazer a inclusão do nome do consumidor no cadastro, bem como o compartilhamento de suas informações entre o os bancos de dados, será necessário que o consumidor autorize por meio de documento específico. Segundo o projeto, que também foi aprovado dia 18 de maio no Senado, esses dados poderão ficar disponíveis até 15 anos, e o consumidor pode solicitar a retirada do seu nome do cadastro quando quiser. Ele também poderá acessar suas informações gratuitamente via telefone ou internet. A MP segue agora para a sanção presidencial. Acompanhe as informações sobre o cadastro positivo no site da CDL: www.cdlvca.com.br


Venha para o São João 2011, o comércio de Conquista o espera!

Os consumidores receberão das lojas participantes da campanha de São João, de 01 a 30 de Junho, cupons promocionais para participar do sorteio de 20 vales-compra, que juntos totalizam R$ 40 mil. Serão entregues no máximo 40 cupons por compra realizada. O regulamento da campanha está disponível no seguinte endereço: www.cdlvca.com.br. Os cupons devem ser preenchidos corretamente. Confira os prêmios:

03


Entrevista

Inovar para conquistar clientes, manter os que existem e não perder mercado Nesta edição, o informe CDL conversou sobre inovação com a Assessora da Superintendência do SEBRAE/Salvador para assuntos de Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Isabel Ribeiro. Na entrevista, que você acompanha abaixo, ela fala sobre os desafios e a importância em investir na inovação. Em abril, durante a Expoconquista, ela ministrou uma oficina sobre o tema. A íntegra da entrevista está disponível no site da CDL: www.cdlvca.com.br. Confira:

Informe CDL - Inovar para quê? E por quê? I.R. - A humanidade passa por um acelerado processo de progresso tecnológico, que permite mudanças radicais e rápidas em atributos de produtos e processos, acompanhados de campanhas publicitárias que criam necessidades desses novos produtos e serviços inovados. As empresas que não perceberem essa tendência podem estagnar na sua forma de perceber as novas exigências dos consumidores e perder espaço no mercado, o que pode contribuir para o declínio ou fechamento desse empreendimento. Isso também vale para os profissionais. Os mercados estão cada vez mais seletivos e buscando pessoas que estejam se qualificando continuadamente para atender às novas exiIsabel Ribeiro gências desse mercado. Informe CDL - Por que algumas empresas ainda não entenderam a inovação como um instrumento para a competitividade e para avançar em novos mercados? I.R. - Os empreendedores e empresários, em especial os de negócios de porte micro e pequeno, até mesmo devido ao seu tamanho e participação no mercado, além das características da administração: personalizada no sócio-proprietário, com baixo nível ou ausência de delegação, dificuldade de contratar e remunerar profissionais mais qualificados, acúmulo de tarefas (liderança, gestão, administração, contabilidade), têm poucas oportunidades para perceber as coisas que estão acontecendo no seu entorno.

Ou seja, as atividades internas das suas unidades demandam muito tempo do empreendedor, restando pouco tempo para a participação em eventos de atualização da sua competência gerencial, eventos que informem sobre as tendências e riscos do segmento onde atuam, feiras e exposições setoriais. Esses seriam eventos onde informações importantes sobre possibilidades de inovação poderiam ser apresentados e apreendidos por esses empreendedores. Aí, creio, residem as razões que dificultam a compreensão e entendimento da inovação como aliado importante no processo de crescimento sustentado e sustentável do empreendimento, seja ele de qualquer porte. Informe CDL - Investir em inovação demanda muitos recursos? I.R. - Demanda recursos mínimos em consultoria de suporte, aquisição de software, sistema de automação em processos produtivos. O tamanho dos recursos necessários é coerente com o tamanho do empreendimento. Vale lembrar que há recursos, inclusive, sem retorno (o antigo a fundo perdido) que podem ser prospectados para essa finalidade. Embora reconheça que ainda exista elevada burocracia para acessá-lo, os governos federal e estadual estão buscando alternativas sistemáticas para democratizar recursos para inovação. Mesmo reconhecendo essa dificuldade, o empreendedor deve ter persistência para prospectar esses recursos se, realmente, estiver imbuído do propósito de inovar.

Destaque

Faça parte do CDL Business Em abril, durante a Expoconquista, a CDL lançou oficialmente o CDL Business, espaço criado na internet com objetivo de divulgar as empresas parceiras e associadas. O CDL Business é mais uma estratégia da CDL para fomentar as vendas do comércio, oferecendo ao consumidor mais uma opção para pesquisar preços e produtos. Até o momento, cerca de 130 empresas já expuseram suas marcas e

04

serviços. Para o diretor administrativo da SICOOB CREDCOOP, Pedro Euvaldo Cairo, que participou do lançamento, a proposta é boa. “É muito importante porque é mais um veículo de integração com os associados. A nossa cooperativa é a primeira e única cooperativa de crédito dos servidores municipais do Estado, somos filiados à CDL e achamos interessante a iniciativa”, ressalta.

A DIVULGAÇÃO É SEM CUSTO PARA O ANUNCIANTE E FUNCIONA ASSIM: a empresa interessada que já possui site, hotsite ou blog procura a CDL, envia a logomarca e o endereço eletrônico e a CDL cria um espaço gratuitamente no CDL business. A empresa que não tem e precisa criar, a CDL encaminha o material a um designer para que seja montada a página do anunciante. Nesse caso, é cobrado o serviço do profissional. Veja tabela de valores no site da CDL – www.cdlvca.com.br ou entre em contato com a CDL pelo telefone 3420-7400.


Ano 3 . Nº 8 Maio - Junho/2011