Page 1

RURAL SEMANAL

19

Informativo da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro ANO XIX - 2012

Informativo atinge maioridade

Rural na mídia: Jô entrevista professora da UFRRJ Pág.2

João Henrique Oliveira (Ascom/UFRRJ)

Mais regular publicação editada por uma universidade brasileira, o Rural Semanal está completando 18 anos de circulação. A data será comemorada com uma mostra no Centro de Memória (no P1, campus Seropédica), onde ficarão expostas dezenas de exemplares representantivos da trajetória do informativo. A abertura da mostra será na próxima quartafeira (26), às 9h. Ela fica aberta à visitação nas próximas duas semanas. Sob a curadoria de Kate Hellen de Souza Batista, a mostra foi produzida pela Assessoria de Informação e Comunicação (Ascom), com apoio da Assessoria de Infraestrutura Institucional. Entre as edições que ficarão expostas, destaque para o número 1, de 26/9/1994, trazendo um pequeno texto justificando a novidade. O RS foi idealizado pelo professor Miguel Ângelo da Silva, na gestão do reitor Manlio Silvestre Fernandes. Segundo o texto, a nova publicação deveria veicular atos da Reitoria e “notícias das unidades e outras informações de interesse da comunidade universitária”. Edições especiais ou temáticas marcaram esses 18 anos. É o caso da Edição Especial de 5/6/2007, que traz como tema a revitalização do Lago Açu, patrimônio paisagístico-ambiental da UFRRJ. A edição contém depoimentos de professores, técnicos e estudantes da Rural, como os pesquisadores Aldo Lopes, Joannes de Oliveira Dias, Raul Lucena; os servidores Eloiza Petini, Adejair Antunes de Sá e Eunice Salvador; e os então estudantes Angelina Assad e Sílvia Azeredo, entre outros. Outro número temático, que também ficará exposto, saiu no dia 20/10/2010, comemorando os 100 anos de origem da UFRRJ. E também a edição especial ‘Estatuto da UFRRJ aprovado em 13/12/2010’, publicada em 9/5/2011. A mostra comprova a capacidade do informativo se manter sintonizado aos momentos de inquietação da comunidade universitária, como no recente episódio de greve dos três segmentos (professores, técnicos e estudantes). Na edição 16 (3/9/ 12), por exemplo, o RS veiculou a Moção do Conselho Universitário que “manifestou sua profunda preocupação com a situação atual das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes)”. No texto, o Conselho advertiu sobre “a necessidade da abertura de efetivas negociações para que se chegue a uma solução satisfatória para os impasses gerados e a volta à normalidade no mais breve prazo”. Credibilidade, transparência, serviços, liberdade de expressão, conquistas científicas e sociais... Greves, eleições, muitas festas, muitas teses e dissertações, muitos prêmios, muitas notícias boas, muitas notícias ruins, muitas alternâncias de poder, muitas formaturas, muitos elogios, muitas críticas e principalmente muitos amigos leitores. Em suma, participando ativamente do cotidiano de nossa Universidade. “O meu amor pela Rural é tão grande, que tomei o seu nome para mim!”, como disse certa vez o professor Miguel Ângelo, dando voz ao Rural Semanal .

SETEMBRO

Arte Fotográfica

Exposição comemora os 18 anos da mais regular publicação jornalística universitária

A exposição fica em cartaz até 5/10, nas salas 63 e 64 do CAC/UFRRJ (P1). Na abertura (foto), em 17/9, com presença do reitor Ricardo Motta Miranda, foi inaugurado o Grêmio de Arte Fotográfica da UFRRJ. Promoção: ARII/UFRRJ. Realização: CAC.

S

T

Q

Q

S

S

D

24

25

26

27

28

29

30

CALENDÁRIO ACADÊMICO Confira, na página 2, a Deliberação nº 146, que trata da reformulação calendário acadêmico do primeiro período letivo de 2012, aprovada pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) e homologada pelo Conselho Universitário (ConsU), no dia 21/9.

Seminários sobre desenvolvimento sustentável Divulgação

Discente de Engenharia Florestal da UFRRJ é premiado pela Bayer O estudante Alan Henrique Marques de Abreu (Engenharia Florestal/UFRRJ) está entre os oito premiados do Brasil pelo programa ‘Bayer Jovens Embaixadores Ambientais’. É um dos mais importantes programas mundiais de responsabilidade socioambiental, organizado pela empresa Bayer S.A. e realizado em mais de 16 países. Ele faz parte de uma parceria com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), com o objetivo de estimular e reconhecer jovens engajados em iniciativas socioambientais. O trabalho premiado tem como tema ‘Uso de lodo de esgoto para produção de mudas de espécies florestais da Mata Atlântica’ e faz parte das atividades do convênio entre a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) e UFRRJ/FAPUR, com apoio da Agência da Bacia do Rio Paraíba do Sul (Agevap). A orientação é do professor Paulo Sérgio dos Santos Leles, do Laboratório de Pesquisas e Estudos em Reflorestamentos (Departamento de Silvicultura/Instituto de Florestas/UFRRJ). A premiação foi recebida em cerimônia realizada em 17/9, em São Paulo/SP. Os contemplados também ganharam viagem de quatro dias para um destino ecológico do Brasil, com atividades ligadas à sustentabilidade e preservação do meio ambiente.

DAU/IT/UFRRJ promove palestra internacional O Departamento de Arquitetura e Urbanismo do Instituto de Tecnologia (DAU/IT/UFRRJ) convida a comunidade universitária para a palestra ‘Estratégias para o Desenho Urbano e o Movimento Slow City’, com o professor Lawrence Herzog, diretor do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano da ‘School of Public Affairs’ (San Diego, State University California). Dia 26/9, às 10h30, no Auditório do IT. Cartaz em http://bit.ly/NGYcbh Carta aberta à Comunidade da UFRRJ Pág.3

O Programa de Pós-Graduação em Práticas em Desenvolvimento Sustentável (PPGPDS/UFRRJ) inicia, em 25/9, às 14h, a disciplina ‘Seminários em Desenvolvimento Sustentável, com o tema ‘Diálogos para a prática do Desenvolvimento Sustentável’. Na ocasião, será proferida a palestra ‘A Agricultura Orgânica no Estado do Rio de Janeiro’, com o professor Antonio Carlos Abboud, diretor do Instituto de Agronomia (IA) da Rural e coordenador do curso de pós-graduação em Agricultura Orgânica (UFRRJ-Embrapa Agrobiologia).Confira o folder do evento em www.ufrrj.br/eventos2/pdf/2012/ PrimeiraSessao.jpg

UFRRJ tem projetos aprovados pela Faperj Três pesquisadores da UFRRJ tiveram propostas aprovadas no edital ‘Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica em Química Verde – 2012’, da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa (FAPERJ). Confira: ‘A conversão de celulose a derivados furânicos empregando os princípios da Química Verde’, de Angelo da Cunha Pinto; ‘Preparação de aditivos verdes para biodiesel’, de Aurélio Baird Buarque Ferreira; e ‘Recuperação de produtos de alto valor agregado de resíduos usando a tecnologia com fluido supercrítico’, de Marisa Fernandes Mendes. Acesse o resultado completo em http://migre. me/aNOgH CAIC recebe kit de Minibiblioteca da Embrapa Pág.4


Pág. 2 24 a 30/9/2012

UNIVERSIDADE E SOCIEDADE

Ofício nº 757/12 - GR/UFRRJ, de 11/9/2012

RURAL SEMANAL Deliberação nº 146, de 21/9/2012

Esclarecimento em relação à ‘Moção de repúdio’, de 5/9/2012, veiculada em 7/9 no ‘Blog do Comando O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFRRJ, tendo em vista a decisão tomada em sua Local de Greve’ (http://grevenarural.blogspot.com.br/2012/09/mocao-de-repudio.html). 259ª Reunião Extraordinária, realizada em 21/9/12, Ofício nº 757/12-GR/UFRRJ foram devidamente atendidas pela Pró-Reitoria de considerando que um contingente significativo de estudantes reside em outros Estados da FederaSeropédica, 11 de setembro de 2012 Pesquisa e Pós-graduação. É da nossa compreensão que, se houvesse o ção e as deliberações das assembleias dos doÀ ADUR/RJ – S.Sindical encaminhamento semelhante por algum coletivo, se- centes e dos estudantes, resolve: ja acadêmico ou sindical, por uma questão de coe- I. Determinar a retomada do primeiro período Senhora Presidente: Vimos pelo presente prestar alguns esclarecimen- rência, seria dado o mesmo tratamento, desde que letivo de 2012 no dia 1º/10, para os campi Nova tos a respeito de fatos que motivaram a moção de não entrasse em conflito com outros compromissos Iguaçu e Três Rios, e no dia 2/10, para o campus repúdio, aprovada pela Assembleia Permanente da de agenda ligados ao evento, como é o caso do apoio Seropédica; ADUR, durante a reunião de 5/9, próximo passado. da Faperj, já aprovado para a realização da 22ª II. Ratificar as diretrizes expressas na Deliberação Conforme pode ser constatado no texto da Deli- Jornada de Iniciação Científica, que estava condicio- do CEPE n°135, de 18/9/12, como pressupostos beração nº 102, de 23/5/12, decorrente da decisão nado ao cumprimento dessa agenda. para a reestruturação do calendário acadêmico do Esclarecemos, ainda, que todos esses progra- 1º período letivo de 2012, exceto o item 3, que tomada na 307ª reunião ordinária do CEPE, que estabelece a garantia da retomada do calendário mas envolvem dezenas de pessoas, entre servi- dispõe sobre a revisão dos conteúdos, que passa a acadêmico da graduação após o término da greve dores da PROPPG, professores da Comissão de ter caráter obrigatório; dos docentes, preservando a tradição de nossa Organização da Jornada e comitês externos vin- III. Aprovar o calendário acadêmico do primeiro Universidade em recompor integralmente as ativi- culados ao conjunto dos Programas de Iniciação período letivo de 2012, nos termos da Deliberação dades didáticas durante todo o período em que as Científica CNPq/UFRRJ, o que implica a observân- nº 102/CEPE/2012. cia criteriosa do cronograma para que a UFRRJ IV. Indicar o dia 7 de janeiro de 2013 para o início mesmas forem interrompidas. Como de praxe, assim que for deliberado, pela possa cumprir com sua responsabilidade junto à do 2º semestre de 2012. assembleia da ADUR, o fim da greve, a Administra- comunidade universitária e as agências de pesqui- V. Criar a comissão para estudos sobre os calenção Superior apresentará proposta de calendário sa envolvidas na realização da Jornada Científica. dários que irão vigorar a partir do 2º período letivo Esclarecemos, outrossim, que a inscrição nes- de 2012, a ser integrada pelo professor Leonardo com essa finalidade. A Deliberação, portanto, demonstra o compro- se evento, fato causador da moção de repúdio, ba- de Gil Torres, representante da PROGRAD; pelos metimento da UFRRJ com o calendário acadêmi- teu o recorde de participação em toda a história conselheiros Paulo de Tarso Landgraf Botteon, Maco visando à reposição das aulas interrompidas, o da realização da Jornada de Iniciação Científica ria do Rosário da Silva Roxo, Miliane Moreira Soaque não significa que todas as demais agendas da UFRRJ, o que, associado ao fato de não ter res de Souza, Rui de Goes Casqueira e Aroldo Luis decorrentes de programas e convênios institucio- havido nenhum pedido coletivo de adiamento, não de Carvalho; e pelo representante do Diretório afetou a participação de projetos de professores e Central dos Estudantes, Leandro Rocha dos nais sejam necessariamente interrompidos. Nesse sentido, programas como o PIBIC estão estudantes na 22ª Jornada de Iniciação Científica Santos. intimamente relacionados ao calendário das insti- da UFRRJ. Ricardo Motta Miranda, Presidente Cumpre, também, destacar que outros progratuições parceiras que os financiam, nos termos mas de bolsas nacionais e internacionais tiveram Deliberação nº 135, de 18/9/2012 estabelecidos em seus editais. No caso específico da ‘Jornada de Iniciação seus editais lançados nos últimos meses (PLI, Científica’, trata-se de uma parte de um conjunto PET, Ciência Sem Fronteiras), com os períodos O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da de programações que se iniciam com o pedido de para inscrições indicados pelos órgãos financia- UFRRJ, tendo em vista a decisão tomada em sua bolsas, que ocorreu no período de 16/4 a 16/5/12; dores, não havendo qualquer manifestação da co- 309ª Reunião Ordinária, realizada em 18/9/12, e julgamento das propostas, que ocorreu de 25 a munidade universitária através de suas instâncias considerando o comunicado do Andes Sindicato Nacional (ANDES-SN), divulgado no dia 16/9/12, 29/6/12; inscrição para participação na Jornada, representativas no sentido de inviabilizá-los. resolve: I. indicar o reinício do primeiro período Na certeza de que estes esclarecimentos remede 16/7 a 24/8/12; e a realização da Jornada, prevista para ser realizada de 5 a 9/11, obedecendo à tam a uma reavaliação da equivocada moção apro- letivo para o dia 24/9/12; II. aprovar as diretrizes dinâmica da programação do CNPq, que determi- vada pela Assembleia Permanente da ADUR/RJ, abaixo como pressupostos para a reestruturação na a realização dessas etapas ao longo de cada solicito que estas informações sejam prestadas na do calendário acadêmico do 1º período letivo de 2012: ano. Observe-se que, desde o início dessa pro- próxima reunião da Assembleia Permanente. Finalizando, coloco-me à disposição para 1. O calendário deverá permitir a revisão e a integramação, não houve nenhuma manifestação coletiva questionando nenhuma das etapas previs- quaisquer esclarecimentos que se façam neces- gralização dos conteúdos das disciplinas; tas; exceto quatro situações individuais para a sários. 2. Nas duas primeiras semanas do período letivo, Ricardo Motta Miranda, Reitor fase de inscrição de participação na Jornada que não poderão ser aplicados provas e outros tipos de avaliação; 3. As duas primeiras semanas, após o reinício do período letivo, poderão ser destinadas à revisão Rural na mídia: Jô entrevista professora da UFRRJ de conteúdos das disciplinas, conforme decisão Divulgação/TVGlobo conjunta do professor e dos discentes; No dia 5/9, Jô Soares entrevistou a professora Celina 4. Os docentes responsáveis pelas disciplinas Frade (IM/DTL). Doutora em Linguística, ela comanda a equipe da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitá- deverão divulgar aos estudantes o novo calendário ria) que analisa e redige as bulas de remédios no país. Ela de avaliações e entrega de trabalhos nas duas é autora do ‘Guia de Redação de Bulas’. Veja a entrevista primeiras semanas após o reinício do período letivo; 5. O calendário acadêmico é único para os cursos em http://glo.bo/Qsb2aF de graduação presenciais regulares da UFRRJ e todos os atos acadêmicos do período letivo devem ocorrer conforme previsto no calendário; 6. A PROGRAD reabrirá o período de trancamento de matrícula em disciplinas entre 24/9 a 5/10/12. Ricardo Motta Miranda, presidente Já está no ar o Rural Semanal On-line , o blog inforNota de falecimento mativo da Ascom/UFRRJ. Nesse novo espaço virÉ com pesar que registramos o falecimento Ascom nas redes sociais tual, divulgaremos notícias, eventos, matérias espedo servidor aposentado Paulo Roberto Cusfacebook.com/UFRRJ ciais, entrevistas e artigos da comunidade ruralina. tódio (DGV), em 17/9. twitter: @ufrrjbr Colabore! http://ruralsemanalonline.blogspot.com


RURAL SEMANAL Carta aberta à Comunidade da UFRRJ Considerando que a nossa associação de docentes não mede esforços na emissão de opiniões na forma de moções de repúdio por atos administrativos necessários para o andamento da vida acadêmica de nossa Universidade, nós, professores do Departamento de Química abaixo-assinados, vimos também, por meio deste instrumento, externar o nosso repúdio por conta da inabilidade na condução do processo de votação na assembleia do dia 13/9/12, no Gustavão. Causou-nos perplexidade quando a mesa, após uma votação em que a proposta de indicativo de fim de greve para o dia 17/9/12 saiu vitoriosa, resolveu repetir a votação sob alegação de que a contagem estava errada, após a mesa já ter declarado publicamente o resultado, e alguns docentes já terem se retirado da assembleia. Isso apesar de os próprios professores que conduziram a contagem dos votos, sob a fiscalização criteriosa da mesa, declararem que tudo ocorreu corretamente. Cabe lembrar que os professores que efetuaram a contagem são, neste caso, insuspeitos de contagem tendenciosa para a proposta vencedora, pois votaram contra ela. A partir desse fato a mesa decidiu, unilateralmente, e contrariando grande parte da plenária, que uma nova votação seria realizada. Em razão desta decisão injustificada, muitos professores se retiraram, em sinal de protesto, entendendo que a mesma comprometeria fortemente um processo que deveria ser democrático, como alardeado pelos diretores da ADUR nos quatro cantos da universidade. Em nossa opinião, o objetivo maior na condução de uma assembleia é a aglutinação de forças em torno de um interesse comum dos docentes supostamente representados pela sua AD; mas o que se observou foi um flagrante desrespeito aos princípios democráticos mais básicos, podendo perigosamente levar ao enfraquecimento da nossa associação, causado por uma perda de legitimidade perante seus associados. Assim, ficou provado que a atual direção de nossa associação despreza fortemente manifestações contrárias aos interesses político-partidários que tomaram conta das decisões sindicais em nossa Universidade, negligenciando os interesses da maioria dos professores que se propõe a representar. É lamentável que tenhamos que vir a público para externar esta indignação que tomou conta de boa parte daqueles que lá permaneceram durante toda a tarde, com o objetivo de encerrar um movimento grevista que, como a própria assembleia se deu conta, encontrava-se mais do que desgastado. Caberá à atual direção da ADUR o ônus pela falta de interesse e pelo afastamento dos docentes de nossa Universidade em futuros movimentos grevistas. O que poderia ter sido um primeiro momento na reconstrução de um movimento docente forte corre o risco de tornar-se apenas mais um triste episódio do corroído aparelhamento políticopartidário das ADs.

UNIVERSIDADE Assinam, em ordem alfabética, docentes do DeQuim: Amanda Porto Neves, Andressa Esteves de Souza dos Santos, Antonio Gerson Bernardo da Cruz, Arthur Eugen Kummerle, Carlos Eduardo Rodrigues de Paula, Carlos Maurício Rabello de Sant’anna, Cedric Stephan Graebin, Clarissa Oliveira da Silva, Claudio Eduardo Rodrigues dos Santos, Danielle Marranquiel Henriques, Douglas Siqueira de Almeida Chaves, Glauco Favilla Bauerfeldt, Guilherme Pereira Guedes, Inês Rosane Welter Zwirtes de Oliveira, João Batista Neves da Costa, Marcelo de Freitas Lima, Marcelo Hawrilak Herbst, Márcio Soares Pereira, Mário Geraldo de Carvalho, Marco Edilson Freire de Lima, Martha Teresa Pantoja de Oliveira Castro, Márcia Cristina Campos de Oliveira, Milane de Souza Leite, Rosane Nora Castro, Victor Marcos Rumjanek, Wagner de Assis Alves, Waleska Giannini Pereira da Silva, e Yara Peluso Cid. Nosso Serocentrismo de cada dia... Vivenciamos o desafio daqueles que ingressaram há pouco em uma universidade em expansão, mas enraizada em forte cultura política centrada no Serocentrismo: nossa dependência diária das instâncias acadêmicas e administrativas centradas no campus de Seropédica. Apesar de convivermos já há quase uma década com a realidade multicampi, a Rural continua mantendo sua vida acadêmica e administrativa centrada nas decisões tomadas nos corredores do P1. Esse elemento inusitado de uma cultura política arcaica aponta as deficiências em perceber um modelo administrativo para a universidade que conceba a nova estrutura multirregional e a perspectiva de promover a integração da pesquisa e do ensino com uma prática extensionista onde a universidade se proponha a realmente dialogar de forma permanente com a sociedade. No debate eleitoral que se apresenta hoje na universidade, corremos sério risco de ver o velho mascarado de novo: diretrizes traçadas por velhos olhares que não conseguem romper e entender a nova universidade; o apelo de uma cultura personalista onde a perspectiva política se constrói a partir de grupos já estabelecidos é forte demais, impossibilitando que se formule para a universidade uma proposta realmente democrática. E é bom lembrar que, para ser democrático, é necessário aceitar o diferente, lidar com as divergências, incluir o novo. Para que a Rural possa ter uma política multicampi e multirregional não basta reconhecer ‘seu entorno’. É necessário planejar, direcionar ações que melhorem a situação dos diversos campi; descentralizar as práticas administrativas (a administração deve ser também multicampi!); desconcentrar o poder, democratizar a informação e solucionar as assimetrias diversas geradas pelo distanciamento entre os campi. No entanto, para fazer surgir uma nova proposta de universidade é necessário que se proponha a romper com as

Pág. 3 24 a 30/9/2012 velhas práticas políticas. É necessário que a administração central não seja um clube de amigos, mas que ela se torne um elo entre as mais diversas vozes da universidade. Ahyas Siss, Denise Takenaka, Evandro Correa, Marcos Caldas, Mônica Martins, Otair Fernandes, Ricardo Costa e Sandro Neves – Professores do Instituto Multidisciplinar/Campus Nova Iguaçu Indicação de Disciplina Na Universidade de Paris-Vincennes, cursei uma disciplina muito interessante, que recomendo a todos(as): ‘Le marxisme comme volonté et comme représentation’. O aprendizado a partir dela me leva a perceber, cotejando o fantástico ‘18 Brumário’, como um grupo ruim se apodera de uma instituição sob o lema de ‘democrático’, de ‘esquerda da Universidade’, mesmo se constituindo em um universo de personalismos – onde um princípio basilar da Lei 8.112, a impessoalidade, ainda não foi apresentada às práticas política e de gestão; e a base de ataque, mesmo que transfigurada em ‘tempo de viver melhor’, é a disseminação do ódio ao ‘diferente’, a demonização de pessoas para eliminação de concorrência na guerra de grupelhos pelo poder, de pessoas se digladiando “pelo majestoso cargo de secretário geral do coral”, como diria Mário de Andrade em ‘O valioso tempo dos maduros’. Antonio Carlos Nogueira, professor do DDAS/ ICHS/UFRRJ N.R.: Reflexão para gerar reflexão A obra de Karl Marx, intitulada ‘Luta de Classes na França de 1848 a 1850’ é uma referência importante na análise da experiência da luta revolucionária do proletariado e dos principais acontecimentos franceses, meio século após o golpe que levou Napoleão I ao poder. Tal obra é uma referência importante para a análise dos personagens, grupos, táticas e partidos desse período da história francesa. Um século depois, Georges Canguilhem, em ‘O Conhecimento da Vida’, ao falar sobre o ‘Pensamento e o Vivente’ em sua introdução, nos afirma que “A vida é formação de formas, o conhecimento é análise das matérias informadas. É normal que uma análise não possa nunca dar conta de uma formação e que se perca de vista a originalidade das formas quando nelas vemos somente resultados cujos componentes buscamos determinar. As formas vivas sendo totalidades cujo sentido reside em sua tendência a se realizar como tais ao longo de sua conformação com seu meio podem ser apreendidas em uma visão, jamais em uma divisão. Pois dividir é, no limite, e segundo a etimologia, fazer o vazio, e uma forma, não sendo senão um todo, não poderia ser esvaziada de nada”. Acreditamos que a obra de Canguilhem deve também fazer parte das referências para o aprofundamento de análises sobre a Vida, quando o objetivo é, sem adjetivos, melhorá-la.

Portaria nº 148/ICHS, de 20/9/2012

Portaria nº 782/GR, de 28/8/2012

O Diretor do Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), nos termos da alínea XVIII do Artigo 67 do Regimento Geral da UFRRJ, resolve designar as docentes Niceas Alencar da Silva (Siape 0387669) e Patrícia Oliveira de Freitas (Siape 1002121), e a técnico-administrativa Rosane Celeste Dias Reis (Siape 0387046) para, sob a presidência da primeira, constituírem Comissão de Processo Administrativo Disciplinar (PAD) encarregada de apurar os fatos levantados no processo nº 23083.000335/2012-01.

O Reitor da UFRRJ, no uso das suas atribuições legais e estatuárias, resolve designar o servidor Duclério José do Vale, auditor interno (Siape 0386373), para atuar como interlocutor da UFRRJ junto à Corregedoria - Setorial do Ministério da Educação/Controladoria Geral da União, com o objetivo de fornecer informações sobre os Processos Administrativos Disciplinares instaurados no âmbito desta Universidade. Ricardo Motta Miranda, Reitor


Informes Gerais Eventos na Rural

CAIC recebe kit de Minibiblioteca da Embrapa

Semana Nacional de Trânsito Com o intuito de conscientizar pedestres e condutores, a empresa Expresso Real Rio promoverá a Semana Nacional de Trânsito. O evento ocorre no dia 25/9, de 8h às 10h, na entrada principal da UFRRJ (campus Seropédica). Semana de Educação Física De 24 a 28/9, das 8h às 17h, no Salão Azul (3° anNo último dia 12, a Embrapa Agrobiologia entredar do Pavilhão Central), campus Seropédica. gou ao CAIC Paulo Dacorso Filho o primeiro kit Exposição de Orquídeas e Bromélias do ‘Projeto Minibibliotecas’ a uma escola do município de Seropédica (RJ). A cerimônia, realizada De 3 a 5/10, na UFRRJ. Realização: Instituto de nas dependências do colégio, contou com a partiAgronomia. Participação: OrquidaRio. Apoio: cipação da vice-reitora da UFRRJ, professora Reitoria/UFRRJ. Ana Dantas; do diretor-geral da Embrapa Agrobiologia, Eduardo Campello; do diretor do Colégio VII Fórum da Pós Técnico da UFRRJ (CTUR), Ricardo Crivano Estão abertas, até o dia 4/10, as inscrições para Albieri; da diretora geral do CAIC, professora submissão de resumos para o VII Fórum da Pós- Carmem Oliveira Frade; além de pais de alunos. Graduação da UFRRJ. O evento ocorrerá no Eduardo Campello falou da importância da período de 27 a 29/11 no Pavilhão Central da preservação do meio ambiente e do quanto essas UFRRJ. Mais informações na página sites. publicações podem auxiliar os alunos e suas google.com/site/forumposgradufrrj famílias. Já a professora Carmem Frade ressaltou que a ideia é que todo material do kit (120 títulos de XXII JIC/UFRRJ publicações impressas, sendo dois exemplares de A XXII Jornada de Iniciação Científica (JIC) da cada, 80 programas de vídeo do ‘Dia de Campo na UFRRJ acontece de 5 a 9/11, no Pavilhão Central TV’ e 160 programas em aúdio do ‘Prosa Rural’) (campus Seropédica). Para mais informações, possa ser utilizado pela família das crianças. acesse o site www.ufrrj.br/portal/modulo/dppg/ Sobre o projeto - Iniciado em 2003, em parceria index.php ou ligue para o telefone 2681-4708. com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, o projeto Minibibliotecas, uma Diálogos em Literatura de Língua Inglesa iniciativa da Embrapa Informação Tecnológica O ‘II Colóquio Diálogos em Literatura de Língua (Brasília/DF), objetiva atender às demandas por Inglesa: Shakespeare em foco’ acontece nos dias informações tecnológicas que contribuam para o desenvolvimento das comunidades rurais. A inten9 e 10/10, a partir das 10h, no Salão Azul (P1). ção é levar o projeto a outras escolas do município de Seropédica. Foto: Acervo Embrapa Lançamentos da Edur Agrobiologia Confira no site da Editora Congresso de Secretárias da UFRRJ: www.editora. ufrrj.br A UFRRJ enviará à Uberlândia/MG, 34 servidoE vem aí a Feira do Livro res/secretários(as) para participarem do 7º ConEdur 2012, de 5 a 9/11, no P1. gresso de Secretárias das Universidades BrasiTodos os livros com 50% de leiras, no período de 25 a 28/9. desconto!

VII Feira de Estágio e emprego do Cefet-RJ De 25 a 27/9, na Unidade Maracanã (Av. Maracanã 229, Rio de Janeiro), das 10h às 18h. Gratuito.

Dissertações e teses Defesas de Dissertação do PPGAO Turma 01/2010. Local: Auditório do CFAAO – Fazendinha Agroecológica, às 9h. Dia 13/9, defesa da dissertação de mestrado de Djair Brandão Maracajá. Banca: Elen de Lima Menezes (UFRRJ), Edinaldo Luz das Neves (Unijorge-BA) e Antonio Carlos de Souza Abboud (UFRRJ). Dia 20/9, defesa da dissertação de mestrado de Marinete Bezerra Rodrigues. Banca: Margarida Goréte Ferreira do Carmo (UFRRJ), José Antonio Azevedo Espindola (Embrapa Agrobiologia) e Maria Luiza de Araújo (Pesagro).

Revisão das aposentadorias por invalidez permanente A UFRRJ já efetivou a publicação da revisão das aposentadorias por invalidez permanente dos servidores amparados pela EC 70/2012. Confira, nos links a seguir, as páginas do Diário Oficial da União (DOU) que trazem portarias da UFRRJ referentes ao tema: http://bit.ly/NEW8jW ; http:// bit.ly/QpdHlw ; http://bit.ly/QFo70P Contribuição do professor Hermano Tavares

Dicas de segurança no campus Sempre que houver necessidade de permanecer na Universidade fora do horário administrativo e/ ou acadêmico, comunique à Divisão de Vigilância (2682-1871); Não fique dentro do carro em lugares desertos, telefonando ou fazendo leituras; Não comente seus hábitos (horários, local de trabalho, itinerários, previsão de viagens, etc.) com estranhos; Procure andar em grupo, principalmente à noite; Se estiver sendo seguido, entre em local movimentado; Estacione o carro em local bem visível; Não abra bolsas e carteiras em vias públicas; Evite carregar grandes quantias em dinheiro; Use, de preferência, cheques e cartões de crédito; Não deixe objetos valiosos e/ou materiais de trabalho (como laptops, câmeras etc.) expostos no veículo (use o porta-malas); Tenha o dinheiro da passagem ou vale-transporte separado; Quando sozinho, não deixe objetos na mesa, se dela se afastar; Só entregue seus pertences a pessoas credenciadas, nos guardavolumes; Seja cauteloso com conhecidos recentes, não dê informações de sua vida pessoal.

Rural Semanal Uma construção coletiva da comunidade universitária

Os conceitos, opiniões, declarações, comunicados, resenhas e cartas são de total responsabilidade dos autores. Colabore enviando artigos, cartas e notas até terça-feira para ascom@ufrrj.br

Correção Na ‘Nota de Falecimento’ da última edição (RS 18, de 17 a 23/9), o correto é “servidor aposentado da Reitoria”.

RURAL SEMANAL : Informativo da Reitoria da UFRRJ, fundado em 26/9/1994. Reitor: Ricardo Motta Miranda Vice-reitora: Ana Maria Dantas Soares Pró-Reitores: Assuntos Administrativos: Pedro

Rural Semanal Ano XIX - número 19 - 24 a 30/9/2012

Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

IMPRESSO

Paulo de Oliveira Silva Assuntos Financeiros : Eduardo Mendes Callado Assuntos Estudantis: Carlos Luiz Massard Graduação: Nidia Majerowicz Extensão: José Claudio Souza Alves Pesquisa e Pósgraduação: Aurea Echevarria Assessora de Informação e Comunicação: Teresinha Sena Pacielo Editor colaborador: Valdomiro Neves Lima Colaboradora: Aline Avellar (jornalista/Mtb06470-MG) Redação/revisão/diagramação: João Henrique Oliveira (jornalista/Mtb24325-RJ) Distribuição: Aline da Silveira Figueroa Bolsista: Julio Salles Impressão: Imprensa Universitária Tiragem desta edição: 1.500 Redação: Assessoria de Informação e Comunicação - BR 465 - Km7, Pavilhão Central, sala 131, CEP 23890-000 Seropédica/RJ. Tel.: (21) 2682-2915 e 2682-1080/1090; fax: (21)2682-1120. E-mail: ascom@ufrrj.br Portal: www.ufrrj.br Blog: http://ruralsemanalonline.blogspot.com ‘A exatidão dos dados dos eventos é de responsabilidade de seus organizadores’.

Rural Semanal 19 (de 24 a 30/9/12).  

Informativo da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ).

Advertisement