Page 1

DOMINGO 24 DE MARÇO DE 2013

05 Página editada por: António Bernardino

» COUCEIROGARANTEQUEVAI RESPEITARAVONTADEDOSSÓCIOS » GODINHOLOPESDESEJASORTEAOSEU SUCESSOR BRUNODECARVALHODEDICAVITÓRIAÀFAMÍLIA,ÀEQUIPAEATODOSOSSPORTINGUISTAS

HOMENS DO FUTEBOL

«Honraeorgulho» VÍTOR ALMEIDA GONÇALVES

trabalhar em “ Vamos equipa. No entanto, o Sporting terá de ter sempre e apenas uma só voz. Os sócios podem esperar muito trabalho e muita dedicação. Vamos criar condições para que os problemas dos últimos dois anos não se repitam. Iremos construir uma equipa competitiva e ao nível dos objetivos do Sporting

SONHO CUMPRIDO. Novo líder não escondeu felicidade por ser eleito

n Bruno de Carvalho dedicou a vi-

tória eleitoral aos mais próximos. “Quero dedicar à minha família, que tanta força me dá: o meu pai, a minha mãe, a minha mulher, a minha filha. Em segundo lugar dedico a toda a nossa equipa, fantástica na vontade e no querer. E a todos os sportinguistas”, disse, minutos após

Jesualdo Ferreira vai colocar lugar à disposição

“Voudizeraos jogadoresqueestou comelesequeagora têmumaestrutura”

• Jesualdo Ferreira vai colocar

PAULO CALADO

o anúncio de resultados, revelando quais serão as suas primeiras medidas: “A minha primeira atitude será pedir uma reunião com as entidades bancárias e reunir-me com Jesualdo Ferreira, a equipa técnica e todas as pessoas da Academia.” O empresário, de 41 anos, adiantou o que dirá aos jogadores. “Vou dizer-lhes que estou com eles, como sempre estive, e que finalmente vão ter uma estrutura que vai apoiá-los”, sublinhou. Bruno de Carvalho admitiu satisfação pessoal pelo triunfo. “Os sócios mostraram que queriam uma mudança. Temos de esperar até 3.ª feira para termos todas as certezas. Mas foi claro. É uma honra e um

orgulho poder sentir hoje em cima de mim esta responsabilidade”, assumiu, realçando a vitória em todas as frentes. “As pessoas perceberam quem tinha programa e equipa. É importante termos esta unidade e coesão no Sporting para podermos sermos responsabilizados juntos e levar o Sporting à vitória”. É a margem

que os sportinguistas quiseram. Havemos de estar confortáveis e trabalhar com ela”, referiu. Carvalho considerou, ainda, Couceiro diferente de Godinho. “Sem dúvida nenhuma. Queremos unidade e coesão”. Aos adeptos lembrou: “Chegamos aqui hoje com a vossa força. O Sporting é nosso outra vez.” n

VIRGÍLIO LOPES

o lugar à disposição. O técnico e manager do emblema verde e branco, de 66 anos, está determinado a reunir-se com Bruno de Carvalho, com o objetivo de comunicar a sua decisão. Refira-se que, já na quarta-feira, o novo líder quer promover uma reunião com todos os elementos que formam o atual plantel verde e branco. Para lá desta importante tarefa – uma das primeiras do presidente leonino –, Carvalho pretende, também, agendar várias reuniões para os próximos dias. Primeiro com os bancos, depois com os funcionários do clube, posteriormente com os parceiros e, finalmente, com todos os elementos do novo elenco diretivo.

fala é o presidente “ Quem e estamos todos de acordo em relação às metas. Os sportinguistas podem esperar aquilo que o Bruno tem dito: competência, exigência e dar tudo pelo Sporting. Diria que se calhar perdemos dois anos, mas vamos recuperar em tempo recorde. O Sporting elegeu um presidente que vai estar aqui muitos anos. É um líder, forte e corajoso. Vai fazer um grande trabalho e levar o clube a um bom caminho AUGUSTO INÁCIO

INQUÉRITO Ô EM PROJEÇÃOONLINEDEMOSAVITÓRIAABRUNODECARVALHOÀS20H12

chegouprimeiro n Acertámos em cheio. Às 20h12 de

JoséCouceiro–40a45%

CarlosSeverino–1 a3%

PAULO CALADO

BrunodeCarvalho–53 a59%

VITOR CHI

ontem, Record Online revelou em primeira mão o nome do novo presidente do Sporting, tendo atribuído a Bruno de Carvalho uma percentagem entre os 53 e os 58% – corrigida para 59% contados que foram os inquéritos da última meia hora. Os intervalos avançados por Record foram: Bruno de Carvalho, 53 a 59% dos votos; José Couceiro, 40 a 45%; e Carlos Severino, 1 a 3%. Depois do erro das eleições de 2011, em que terminámos o inquérito duas horas antes do fecho das urnas, a equipa de Record, chefiada pelo jornalista João Picanço, trabalhou desta vez até à hora de encerramento da assembleia de voto para que o resultado apresentado aos leitores assentasse em bases seguras. E se há dois anos Bruno de Carvalho já recolhera a preferência da maioria dos sócios – tendo perdido as eleições por cerca de meio milhar de votos –, agora a sua vantagem foi clara: mais de 60% de associados e mais de

55% de votos expressos (ver infos), valores muito aproximados dos resultados oficiais. Curiosamente,às14horas,com 241 votantes inquiridos por Record, a que correspondiam 1.725 votos, José Couceiro liderava com 49,62% e Bruno de Carvalho tinha 49,33%. Depois tudo mudou e Bruno de Carvalho foi-se aproximando da presidência. n

Os cinco jornalistas de Record que fizeram o inquérito: João Picanço, Isabel Aires Rodrigues, Fábio Aguiar, Rita Féteira e José Francisco Sousa; a abordagem a Rui Oliveira e Costa; o resultado final foi publicado às 20h12 na edição online

Sporting eleições  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you