Page 1


índice

-

índice

-

índice

-

índice

-

Um belo jardim na temporada de inverno - Benedito Abbud 8 A construção da cidade como um mosaico, o todo a partir de seus fragmentos - Mara Paludo 10 Conheça as principais tendências para o mobiliário - Silvia Celani 12 Ambientes, produtos e serviços que as pessoas querem, mas ainda não sabem - Leonardo Araujo 16 Design italiano - Qual o segredo de tanto sucesso? - Alessandra Delgado 18 Luz no Jardim, uma verdadeira obra de arte - Rafael Serradura 20 Mostra Artefacto D&D 22 Casa Kids 58 Alma do Mar 86 Benedito Abbud 40 anos 98 Especial Cozinhas 166 DuPont Corian une o rústico ao contemporâneo em sua nova linha de 190 superfícies sólidas, Private Collection Eucatex destaca o Eucaprint lacca alta definição 194 Formica lança nova cartela de laminados na Formóbile 2010 195 Ducha da ThermoSystem deixa o banho na temperatura certa para o inverno 196 Vidro curvo é solução para otimizar espaços 198 Eternit apresenta Eterclean: filtro para tubulação de água 200 Nova Linha de Porcelanato Técnico da Tecnogrés leva brilho e efeito espelhado aos ambientes 201 Bollpi lança a mais nova coleção da Masterpiece Mosaicos 202 Nova Linha Piso Seco Expambox para acabamento de sistemas hidráulicos 204 Sasazaki amplia Linha Aluminium com modelos Multiflex 205 Parceria Lider Interiores e Victor Dzenk 206 LP Siding Vinílico: revestimento garante beleza e praticidade às construções 207 Banheira Auster da Pretty Jet atrai pelo design e tecnologia 208 A hora e a vez das cubas 209 Yale lança fechadura eletrônica com acionamento por impressão digital 210 Tarkett Fademac lança revestimentos vinílicos para áreas molhadas 211 Razor - qualidade Haworth produção brasileira 214 Glasurit na Medida Certa - inova no mercado de tintas decorativas 218 Produtos de iluminação de fácil instalação podem ser boas alternativas para presentear os pais 220 Porcelanato – Aplicação exige ferramentas adequadas 222 Montana lança produtos base água na Formóbile 223 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 7


Um belo jardim na tempora Com a aproximação do inverno e a queda na temperatura, as pessoas começam a buscar regiões mais interioranas ou serranas para passar suas horas de descanso e lazer. Nas férias e finais de semana dessa época do ano, os refúgios deixam de ser as casas de praia, que dão lugar às casas de campo. E, como o próprio nome diz, campo está ligado à natureza. Então é preciso preparar os jardins e as áreas externas para recepcionar moradores e visitantes. Para a maioria das pessoas, a vegetação é a grande preocupação no inverno, pois é quando algumas árvores abandonam suas velhas folhas. Mas muitas espécies aproveitam o clima frio para florescer e colorir a paisagem, como os ipês amarelo, rosa e branco, atraindo, beija-flores, borboletas 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

e pássaros, o que aumenta suas chances de reprodução e perpetuação na natureza. Além disso, com a ausência de suas folhas, a luz do sol passa pelas copas e alcança o solo, enchendo-o de energia. Se no verão é possível ter um espaço aconchegante e sombreado com as copas folhadas dos ipês, o mesmo ambiente ensolarado pode ser criado no inverno, quando os amenos raios de luz são prazerosamente bem-vindos. Outras espécies também se dão bem no inverno e podem compor de maneira harmônica o jardim, tais como quaresmeira – que também floresce no começo do ano –, pata de vaca e mulungus (entre as árvores); primaveras e flor de São João (entre as trepadeiras); camélias, azaléias, gardênia e orquídeas olho-de-boneca (en-


da de inverno tre as flores). Para desfrutar confortavelmente desse jardim, seja sozinho ou em grupo, a dica é criar lounges externos com sofás e mesas resistentes à chuva e dispostos de maneira semelhante à da sala de estar interna. Além disso, uma luz discreta e quente com o fogo das piras e até clareiras externas criam um clima gostoso e agradável para conversar e se aquecer junto à natureza. Mas esse lazer e descanso não é privilégio de adultos. No inverno, o jardim tem lugar garantido para toda a família: desde as crianças, que podem se divertir em uma deliciosa casa na árvore rodeada por frutíferas, como jabuticabeira, caquizeiro, figueira, pessegueiro e pereira; até os animais de estimação, que podem aproveitar as horas de sol para brincar no

Com 40 anos de profissão, Benedito Abbud é arquiteto paisagista formado, pós-graduado e mestre pela FAU/USP. Em 1981 fundou sua própria empresa, que hoje conta com cerca de 5200 projetos paisagísticos desenvolvidos em todo Brasil, Argentina, Uruguai e Angola. pet place. O ambiente da piscina também merece atenção, embora seja mais um lugar de contemplação do que de uso, nessa época do ano. De qualquer forma, é sempre bom manter o espaço harmônico, bonito e limpo, principalmente em relação à vegetação: as plantas menos indicadas para esse local são as de folhas miúdas e as caducas, já que caem no inverno. Por causa de suas características, elas acabam “sujando” a água, o que requer uma limpeza e manutenção mais frequentes. Vale também estar atento à boa luminosidade do local onde estão as plantas e às regas moderadas no inverno, uma vez que a evaporação é menor e, portanto, demora mais para secar a terra. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 9


A construção da cidade como um mosaico, o todo a partir de seus fragmentos

Por Mara Paludo – arquiteta titular do escritório Habitat Urbano A cidade é a construção do nosso habitat. É o local onde acontece a síntese de toda a nossa manifestação cultural, social e econômica. É o ambiente que construímos para acomodar os integrantes de nossa sociedade. Levando em consideração o fato de que cada comunidade está localizada num sítio único e é formada por pessoas com características peculiares, cada cidade é diferente e singular em suas qualidades e desafios de crescimento. O espaço urbano é construído a cada dia, por pedaços, tal como um mosaico feito por diversas pessoas. O poder público com seus 1 0 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

diversos órgãos, os proprietários de terrenos, os loteadores, as empresas incorporadoras e vendedoras, os construtores e os cidadãos que fazem suas casas e nelas habitam são, juntos, os agentes transformadores e construtores da “cara final” de cada canto da cidade. Para que todos possam atuar nesta construção, o território deve estar regulamentado segundo um arcabouço legal – conjunto de leis, normas e procedimentos que orientam a ação dos construtores de cidade. Estas leis devem definir o desenho da cidade, o fio condutor de seu crescimento e a organização


Conheça as principais ten o mobiliário 1 2 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


dências para tex to

S i l v i a C el an i

fotos di v u lgaç ão

Os organizadores da Semana do Design, em Milão, este ano, não têm do que se queixar: com um público estimado em mais de 330 mil visitantes conferiram as novidades do Salão Internacional do Móvel e Eurocucina, entre outros eventos. Todos querem conhecer as tendências e inovações. Buscar inspiração, novos contatos e negócios. “Não é só o design italiano que está em evidência. Empresas e designers do mundo inteiro expõem em Milão, isso é o que oferece diversidade e faz desta feira um marco, a mais importante do setor”, explica Luciane Gomes, arquiteta da Príncipe Marcenaria, associada ao APL Movelaria Paulista. O mercado moveleiro foi representado por um grupo de empresários (sendo nove de empresas do APL Movelaria Paulista), e com o apoio do SEBRAE-SP, também visitou a fábrica da Blum (especializada em ferragens) na cidade de Bregenz (Áustria). Durante a visita, eles puderam conhecer os últimos lançamentos da empresa, a área de treinamento, desenvolvimentos de automação, com destaque para um novo sistema de basculantes (linha Aventos) com dispositivo eletrônico de acionamento. “Também chamou a nossa atenção o laboratório de testes da empresa, que inclusive filma a casa dos clientes para verificar a utilização dos seus produtos e realizar os ajustes necessários”, conta Sidnei Del Vai, diretor da Delta Cozinhas, empresa do APL Movelaria Paulista. Para Luciane Gomes é complicado falar de tendência numa feira como a de Milão, um lugar onde todas as “tribos” se encontram e cada uma se expressa a sua maneira. “Não há uma regra e nem um padrão. O que ficou evidente foi o brilho presente no acabamento da maioria dos móveis. O uso do vidro e do metal também foi muito explorado”, destaca Luciane. Ela acredita que mais importante do que utilizar as tendências nos projetos é filtrar todas as informações e saber como aplicá-las de forma coerente na linha de produtos. “Este é o grande desafio”, afirma. “Seguir uma tendência é estar bem informado e fazerse valer disto para criar coisas novas. Isto significa encontrar um caminho diferente daquilo que todos fazem”, diz. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 3


Para a designer Alessandra Delgado, cada vez mais a construção dos móveis em madeira em Milão aparece mais leve, com espessuras finas e delicadas. “Less is more! O design, as texturas, cores fortes e materiais diferenciados revestindo imitando tecidos, dão o tom”, completa Alessandra. Chamou sua atenção o fato da Girona Design, empresa para a qual cria os móveis, caminhar neste sentido da delicadeza há algum tempo: ”é uma briga com o mercado brasileiro convencer que o móvel bonito não tem a beleza medida em quilos”, destaca.

A c a b a m e n to s

Entre as propostas apresentadas em Milão, destacou-se a utilização da pintura com alto brilho, combinada com a madeira em acabamento fosco na mesma cor; o vidro sem perfil de alumínio (colado diretamente no MDF, com espessura de 2 mm); lâminas de madeira com alguns desenhos (ranhuras) no sentido transversal, sem brilho e com os poros da madeira abertos. O vidro foi um dos grandes destaques do Salão do Móvel e da Eurocucina, tanto no acabamento dos móveis como complemento dos projetos, muitas vezes somado às incrustações e adesivos geométricos, de forma artística. 1 4 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

C o re s

As lâminas com cores mais claras, destacando a textura e os desenhos naturais da madeira continuam em alta. No acabamento alto brilho destacou-se a utilização do cinza, do branco e do verde. Para a Arquiteta Alessandra Delgado (Designer Girona Design) o maior destaque, no que diz respeito às cores das lacas em alto brilho foras as cores fortes em tons de roxo, laranjas, azuis, amarelos... “tanto nas cozinhas como em ambientes de salas e homes”, diz.

M at e r i a i s e Fo r m a s

Os tampos das bancadas e pias de cozinha não possuem mais a área úmida. Além da utilização do aço inox (mais fino) com cantos quadrados no sobre tampo, destacouse também o mármore anticato flameado esculpido na própria pedra, a sobreposição do vidro sobre a lâmina de MDF. As cubas e cooktops também apareceram embutidos nos tampos. As cozinhas brancas retornam com toda a força, bem como a utilização de algumas formas mais arredondadas somadas aos módulos quadrados, o que oferece um efeito mais sensual e delicado. Também chamou a atenção de Sidnei Del Vai a larga utilização dos fornos embutidos nos armários de cozinha. Como forma de acionamento aparecem as portas retráteis e basculantes. “Há claramente a associação de alguma tecnologia que não permite a dissipação do calor, possibilitando, por exemplo, embutir o forno próximo de um freezer”, explica Sidnei. Os puxadores embutidos aparecem usinados na madeira e também no vidro. A organização das gavetas ganhou um importante aliado nas divisórias feitas em madeira, com espaços especiais para cada item utilizado no faqueiro. Em muitas propostas, as gavetas ocupam o lugar das portas, em outras, são “escondidas” atrás de portas que deslizam perfeitamente sobre os armários.


destaque é a utilização da tapeçaria incrustada na marcenaria. Nos closets há larga utilização de prateleiras com mãos francesas e caixas, pintura em dois tons (um fosco ou na cor natural da madeira e outro brilhante), sistema de portas coplanar e pintura com toque emborrachado,

Mobiliário

A m b i e ntes

Permanece forte a tendência de integração dos espaços, unindo a cozinha ao living e o quarto ao banheiro. Entre as cozinhas, chamou atenção a nova linha da Dada, que se somou à grife Armani e nesta edição trouxe uma proposta ultramoderna, com destaque para a cor amarela nas portas. “A cozinha estava praticamente embutida, como se fosse um armário. Quando as portas eram abertas, percebia-se a grande sofisticação e aproveitamento dos espaços”, conta Sidnei. Nos quartos, os armários e closets permanecem com um visual bem clean, com grandes portas de correr. A cor branca em alto brilho foi também o principal destaque, seguido pela utilização do vidro com desenhos em formas geométricas, misturado com couro e tecidos. Os vãos embutidos e as gavetas com extração parcial mostram que é possível inovar e ao mesmo tempo reduzir custos. Outro

Os móveis chapados, simples, seguindo um desenho reto, elegante e leve foram na opinião de Luciane Gomes as características mais marcantes da feira. “O supérfluo foi eliminado, ficou o essencial”, diz. Karim Hashid fez um show room conceito para a Casa Corian muito interessante, com cama, criado, armários, tudo moldado em Corian e utilizando cores vibrantes. Muito rosa e lilás, é claro, que sempre marcam seu estilo.

Silvia Celani

é jornalista, pós-graduada em Administração Mercadólógica e mestrada em Comunicação e Mercado, tendo mais de 15 anos de experiência e atuação como consultora de comunicação nos segmentos de Construção, Arquitetura e Interiores. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 5


Ambientes, produtos e serviços que as pessoas querem, mas ainda não sabem texto Neste mês, quero compartilhar com vocês leitores uma percepção a respeito de recentes experiências que vivenciei na minha participação em dois importantes eventos mundiais de design: o pragmático e tecnológico NRF Retail Big Show, realizado em Nova York, e o trendsetter, industrial e humano, Salone Internazionale del Móbile, em Milão. Ambos enfocaram as relações com os ambientes. No NRF, por exemplo, discutiu-se esse relacionamento sob a óptica do varejo e a busca da otimização dos resultados, com foco no mercado e em negócios, enquanto no Salone se busca o desenvolvimento da ambiência e da mobília, que de certa for1 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

Leonardo Araújo

ma são ferramentas que utilizamos para produzir e viver melhor. Negócios e necessidades humanas me pareceram um bom tema para avaliarmos pensando em ambientes de relacionamento entre pessoas e marcas. O evento da cosmopolita Nova York reforçou tendências percebidas nos últimos anos e apontou, entre outras coisas, a força e a oportunidade representada pelos países emergentes, como o Brasil. Reforçou ainda o poder do consumidor, a mobilidade e o varejo multicanal, a importância do serviço/atendimento e a força das marcas autênticas e consistentes. Em Milão, reforçaram-se tendências.


Apontou-se a simplificação sem empobrecimento, o minimalismo com mais ordem e disciplina nas relações, o green em todos os seus aspectos, o natural, a atenção ao cliente e, sobretudo, as suas necessidades cotidianas. Destaca-se a força e a qualidade da indústria e do design na busca por novas formas de produção e na incessante pesquisa por novos materiais e aplicações, onde a qualidade é requisito básico. Como designers e como cidadãos apreendemos a desenvolver um olhar holístico, ou seja, 360°, que requer acompanhar e interpretar cenários. Esses nos parecem apontar um mundo que tenta ser mais conectado e também mais humano, comprovado pela força que consumidores e usuários são percebidos no mundo contemporâneo. Eles decidem cada vez mais o sucesso de marcas, produtos e ambientes. Nessa avaliação, destaco os pontos convergentes relacionados principalmente a

um novo modo de gestão de negócios (no varejo ou no desenvolvimento de produtos/serviços) com um olhar desenvolvido a partir de uma estratégia e da coerência da sua linguagem de design. O conforto e a simplificação são o foco do design contemporâneo. A questão da humanização do processo e a visão verde e/ou sustentável também não podem ser deixadas de lado pelos designers, tampouco pelos empreendedores. Pensar varejo hoje, no meu entender, significa estabelecer relações com as pessoas, entendê-las, agregar valor ao seu dia-a-dia, bem como facilitar suas decisões. Estabelecer relações de exploração, escolha e compra como uma realização. Entender lifestyles e interpretar cenários, tendências e entregar experiências memoráveis é, sem dúvida, a equação para o sucesso de qualquer negócio. E é essa a provocação para reflexão. É essencial pensar ambientes, produtos e serviços que as pessoas querem, mas ainda não sabem.

Leonardo Araújo

é arquiteto e diretor-executivo do Gad’Retail 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 7


Design italiano Qual o segredo de tanto sucesso? texto Talvez possamos dizer que a grande sorte da Itália foram seus problemas mais graves, sobretudo no período após a Segunda Guerra Mundial. Neste cenário, com uma economia empobrecida, a diversidade de línguas e culturas, um palco de invasões e guerras diversas... Como tudo tem dois lados, esta diversidade cultural - que remonta a época do império romano e a influencia da cultura grega – proporcionou também uma herança rica e fez da Itália um celeiro de grande produção (e de qualidade) em todas as artes. Lembremos de Michelangelo, da Vinci, Caravaggio e tantos outros, responsáveis por mudanças em nosso modo de ver artes como a pintura e escultura até hoje. Esta riqueza se tornou a grande identidade cultural italiana. A Itália empobrecida e destruída no pós-guerra, vendo a necessidade de incrementar sua indústria e sem condições financeiras para investir em tecnologia, como faziam os americanos, apelou ao que sempre fez bem: vamos nos diferenciar pela criatividade estética, pelo estilo e “design”. E assim, através do cinema e da moda, os italianos começaram a criar o sonho da 1 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

Alessandra Delgado

“dolce vida” e conseguiram passo a passo difundir esta imagem para o mundo todo. Este estilo da “dolce vida”, muito difundido, sobretudo através do cinema (quem já não assistiu a algum filme antigo onde o mocinho passeia com a mocinha na garupa de uma vespa, ícone do design italiano criado nos anos 50, pelas ruas de uma cidadezinha na Itália?) fez com que os produtos passassem a deixar de ser pura necessidade para ter outros apelos: tornarem-se objetos de desejo. Não é à toa que o carro na Itália é um objeto tão desejado: eles o chamam de “la maquina”... Mas o design PiniNFARINA ajudou a criar este modelo. O carro não é só para andar - para isso, compre um Ford. A mecânica é excelente. Para passear, compre uma Ferrari! O design italiano se baseou sempre em dois princípios para o desenvolvimento de produtos: inventar novos modos de uso e reduzir! (O quê? Componentes, materiais, tudo o que é desnecessário – less is more!). O resto é puro estilo. Nisto temos que reconhecer o talento que sempre tiveram. A Itália questiona hoje se o seu design está em crise, pois parece que com a globalização a nova geração de designers ainda não


encontrou sua identidade, não se identifica e até despreza a “italianidade” que motivou tanto sucesso com o estilo italiano de viver. Os novos designers produzem objetos pequenos. Onde estão os móveis? Mas ainda guardam um fator marcante no estilo italiano: a crítica e o bom humor. Ao contrário do que aconteceu no pós-guerra, em que foi possível criar um estilo de vida que se torna objeto de desejo, hoje os diferentes estilos de vida das “tribos” que se espalham pelo mundo é que rege a quem se destina o produto concebido. O marketing convencional está em crise. Não basta classificar por sexo, idade, classe, mas fazer um verdadeiro estudo de comportamento destas “tribos”. Por isto é muito difícil falar em tendências. Tendências para que mercado? As tendências são referência importante para o designer, que deve analisar a moda, a comida, o cinema, a arquitetura, a tecnologia, para construir seu universo criativo. Mas sem um alinhamento ao posicionamento da empresa, ao público que se busca atingir, sem conhecer as tendências, é inútil. A coerência em relação ao uso do produto é fundamental. Por exemplo: uma cozinha tem que ter beleza, mas tecnologia e funcionalidade são extremamente importantes; numa luminária, além da estética, a segurança do equipamento também precisa ser levada em consideração. As empresas italianas são muito focadas em desenvolvimento de produto, em qualidade! Os empresários investem, acreditam na parceria com a criação e os designers. A “cabeça” das empresas fabricantes está em sintonia com a criação e, muitas vezes, a gerência faz parte do grupo criativo. É um trabalho de equipe, que alia pesquisas de mercado e parcerias regionais na produção de diferentes componentes de um produto. Foram estas as relações fundamentais para o sucesso do modelo industrial italiano. O conceito dos “APLs” (Arranjos Produtivos Locais). Interessante é que se comenta que este modelo nasceu espontaneamente, por ser a Itália um país pequeno, de cidades pequenas, onde as relações de vizinhança, as conversas de happy hour facilitaram esta sinergia... Será possível reviver este modelo? Em termos de gostar de jogar

conversa fora, acho que nós brasileiros somos campeões, mas será que dá para usar esta habilidade para os negócios? Vejo sinceramente algumas semelhanças no Brasil com aquela vontade da Itália dos anos 50 em se fazer um bom design... Temos uma cultura e natureza ricas e criatividade com certeza! Talvez falte se acreditarmos mais em nosso potencial... Os próprios italianos acreditam que o Brasil tem muito potencial em design. Quem sabe na esteira de sediar tantos eventos importantes mundialmente, ainda seremos dignos de sediar o “Salão Internacional do Móvel de São Paulo” e Milão será só a capital da moda na Itália?

Alessandra Delgado

é arquiteta formada pela FAU/USP, responsável pela criação de linhas de produtos para fabricantes de diversos segmentos do setor moveleiro e diretora da Girona Design. Foi vencedora do Salão Design MOVELSUL em 2000 com a linha de jantar SERATA e finalista do prêmio VIA DESIGN 2005 com o Buffet GARDA. Seu interesse em acompanhar os processos de produção do início até a concepção do móvel, fez da Girona Design uma empresa fabricante de produtos de alto padrão. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 9


Luz no Jardim, uma verdadeira obra de arte R afae l S e r rad ura texto

Aqui iremos apresentar uma das áreas complementares de maior importância na arquitetura, o Paisagismo. Paisagismo ou Arquitetura de Paisagem tem como função principal a arte técnica de criar um projeto e preservação de espaços livre na qual se constituem paisagens. O Paisagismo promove o estimulo de sensações estimulando todos os sentidos do ser humano, sendo pelo olfato no aroma de uma flor, no tato da textura de um tronco, na visão espetacular de cores de uma folha, na audição da sinfonia do canto de passaros e no paladar das frutas, por exemplo. Como na Arquitetura, o Paisagismo têm alguns estilos que seguem tendencias e são aprimorados por profissionais em técnicas e conceitos, temos no Paisagimo o estilo Rural, Contemporâneo, Formal, Colonial, Mediterrâneo, Oriental e Tropical. Cada um têm o seu proprio conceito e estilo, mas todos tem o mesmo proposito, gerar vida. Um dos maiores paisagista do mundo é brasileiro, o nome dele é Roberto Burle Marx. Burle Marx nascido em São Paulo no dia 04 de agosto de 1909, criou mais de 2.000 jardins ao longo de sua carreira. Burle Marx projetou jardins fantasticos em obras fantasticas como: Aeroporto da Pampulha - Belo Horizonte em 1953, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro MAM/RJ em 1955 e Embaixada do Brasil em Washington em 1968. Burle Marx ficou conhecido e reconhecido por seu estilo tropical, valorizando a vegetação brasileira, usando plantas estruturais em seu estilo natural, projetando toto o jardim em telas e aquarelas. Como na Arquitetura o Jardim se transforma a noite e com isso conseguimos gerar Jardins iluminados que se tornam grandes obras de arte ao ar livre. Cada estilo de projeto paisagistico necessita de uma aplicação especifica na iluminação, como sempre digo, a iluminação tem o poder de construir ou destruir qual20 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

quer espaço. É preciso estudar o porte de cada vegetação, as suas cores, as forma, a história e o principal a expectativa noturna do observador. É necessário visualizar como as pessoas irão reagir a determinada aplicação, eu não sou a favor de aplicar cores nas vegetações, não utilizo nenhum cor na luminárias, pois qualquer jardim em qualquer estilo tem joias de grande valor, joias coloridissimas que merecem o devido destaque, com isso, temos lâmpadas com o IRC (Indice de Reprodução de Cor) em 100%, destacando e confirmando os valor reais dessa obra de arte natural. É preciso lembrar que todas as luminárias devem ser blindadas e certificadas pelo fabricante como sendo um produto certificado a trabalhar em área externa, pois eletricidade e água não combinam, por isso seja muito exigente nos materias a serem aplicados, pois a arte foi feita para durar por muito tempo e não por alguns minutos.

Rafael S erradura titular do esc ritório St ud io S erradura é designer industrial e arq uiteto urbanista espec ializado na disc iplina l um ino téc nica


O paisagista Marcelo Bellotto apresenta sua coleção exclusiva de vasos: VASOS DA TERRA. O processo de fabricação é totalmente artesanal desde a modelagem, confecção até a reprodução de cada peça; feitos para durar seu interior é de concreto armado com alma de aço e seu exterior, revestido a base de minerais, confere a eles uma aparência marcada pela ação do tempo. A linha com design do próprio paisagista está disponível em modelos, tamanhos e cores diferentes sendo apropriada tanto para o uso individual como em conjunto.

VASOS DA TERRA é a síntese entre o rústico e o contemporâneo, o diferencial para seu projeto de arquitetura, decoração e paisagismo.

www.vasosdaterra.com.br Rua São Sebastião, 141 - Alto da Boa Vista Tel.: 5523-5312 5523-5318 contato@vasosdaterra.com.br 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 25


texto Tacla foto Edison Garcia


Gerson Dutra de Sá e Ana Lúcia Salama O casal de arquitetos projetou um espaço que integra Dormitório, Living, Home Office e Espaço para Refeições. Para reunir tantos usos a opção foi pelo estilo clean, com móveis de linha reta que dão mais leveza ao ambiente. Para contrastar com os móveis e tecidos onde predominam o branco, o preto e o cinza, as cores vermelha e marrom trazem vibração e ajudam a delimitar as áreas que não têm paredes divisórias.


Beto Galvez e Nórea de Vit to O Living assinado pela dupla formada pelo decorador e a arquiteta na 11ª Mostra ARTEFACTO do D&D Shopping foi pensado para uma família de quatro pessoas. O clima informal e aconchegante é inspirado no trabalho do designer de interiores inglês, David Hicks, conhecido por misturar o clássico e o moderno com equilíbrio e elegância. O preto e o branco são as cores predominantes, que destacam ainda mais alguns detalhes em amarelo e dourado e reforçam o estilo vintage desse ambiente. 28 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Edison Garcia


texto Tacla foto Edison Garcia 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 31


Letícia Ruivo A arquiteta e urbanista criou o Refúgio da Lareira a partir deste equipamento, sempre relacionado a aconchego e intimidade. O uso de couro, veludo, seda e linho garantem o conforto do ambiente, onde predominam os tons branco e preto. O sofá e as poltronas over size convidam para o descanso ou conversas informais. As fotos e os objetos registram o gosto pelas viagens e os bons momentos familiares.

32 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Edison Garcia 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 33


texto Tacla foto Edison Garcia


Márcia Bueno Net to A Sala de Jantar idealizada pela designer de interiores é na verdade um espaço multiuso que serve também para relaxar, trabalhar ou receber amigos. Em vez do mobiliário tradicionalmente utilizado no espaço para as refeições, um sofá cheio de almofadas, dois pufes e uma poltrona servem de apoio à mesa, que por sua vez pode ser utilizada como escrivaninha, transformando o espaço em home office. As cores escolhidas marinho, branco e chocolate – contrastam com o tapete zebrado e dão sofisticação ao ambiente. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 35


Mariana Sabino O Quarto do Arquiteto remete à origem da profissional que assina o ambiente. Natural de Brasília, Marina se inspirou nas formas arquitetônicas da Capital Federal, estendendo as linhas retas, típicas do modernismo, aos móveis que escolheu para mobiliar o espaço que idealizou. O piso de concreto aparente e o uso do branco mantêm o equilíbrio com a linguagem utilizada. 3 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Edison Garcia


texto Tacla foto Edison Garcia 3 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Ravic Arquitetura O espaço montado por este escritório de arquitetura recorre aos mais variados objetos étnicos para dar vida ao Refúgio da Viajante, montado em uma espécie da gazebo, que pode estar em uma casa de praia ou no campo, mas também em um apartamento na cidade. O ambiente reúne as lembranças de inúmeras viagens, com bom gosto, conforto e equilíbrio entre os objetos decorativos e o mobiliário escolhido. Tecidos mais rústicos e cores sóbrias se harmonizam no espaço no qual não cabem modismos

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 39


Silvana Lara Nogueira Hall de Entrada e Salão de Festas de um prédio residencial foi a solução da arquiteta e urbanista para tirar bom proveito do espaço que recebeu para decorar. As cores neutras predominam e dão unidade aos ambientes, que misturam laca branca das colunas e rodapés com paredes revestidas de palha. Os tecidos claros utilizados para estofar sofás e poltronas se armonizam com as almofadas floridas - mesma estampa das cadeiras colocadas nas cabeceiras da mesa que ocupa o espaço gourmet. Para controlar a entrada da iluminação natural são utilizadas cortinas de gaze de linho e xales de linho de tom cru. 40 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Edison Garcia


texto Tacla foto Edison Garcia

4 2 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Vilma Massud A designer de interiores assina a Suíte da Jovem Senhora – uma mulher elegante, romântica, mas também atualizada e dinâmica, que tem como profissão o designer de joias. Os móveis de linha contemporânea e o uso de tons prata, azul noite e branco formam um conjunto sofisticado, enquanto o lavabo integrado ao quarto garante um toque moderno ao ambiente.

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 4 3


texto Tacla foto Renato Elkis

Adriana Fontana A designer de interiores assina mais um ambiente que reúne Living e Sala de Jantar e que também aposta no equilíbrio entre o conforto e a sofisticação. O preto e o branco servem de base para o uso de cores mais quentes, como o uva e o verde. A parede revestida de papel prata destaca as luminárias de cristal e se harmoniza com o aço inox, utilizado nos pés das mesas de centro e de jantar, assim como na estrutura das poltronas. Os espelhos são usados como recurso para dar sensação de mais espaço.

4 4 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Renato Elkis


Antonio Figueiroa O espaço que o arquiteto e designer de interiores assina abriga um Home Office funcional, mas também elegante e sofisticado. Esse clima é reforçado pelo mobiliário, que inclui sofá de seda e poltronas de aço, sobre o tapete de lã e seda que recobre parcialmente o piso de madeira de demolição. A escrivaninha, também de aço, e a cadeira giratória garantem mobilidade e integração. A escolha dos tons bege e cinza remete à concentração necessária em um ambiente de trabalho e a iluminação pontual destaca objetos e obras de arte e é complementada pelo pendente de cristal âmbar, sobre o aparador de croco. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 47


Danielle Superti e Gustavo Jacob A dupla de arquitetos assina o ambiente que reúne Estar e Quarto, onde predomina a funcionalidade. Uma chaise longue e duas poltronas com bases giratórias demarcam o espaço destinado ao relax e à leitura, com livros e objetos de arte. Os tecidos de seda revestem a cabeceira da cama, o banco de apoio e também são utilizados nas cortinas. No corredor, uma parede revestida de mica e espelhos ajuda a ampliar o espaço que abriga os equipamentos eletrônicos, incluindo o home theater.

4 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Renato Elkis

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 49


50 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Lílian Bianchini e Ramiro Fernandes A designer de interiores e o arquiteto prestam uma homenagem à Olga Krell, a mais reverenciada jornalista da área de decoração e arquitetura, com o Estúdio que idealizaram para a 11ª Mostra Artefacto do D&D Shopping. O lugar remete ao início de carreira da homenageada e apresenta um local de trabalho integrado ao quarto de dormir, onde é possível criar, estudar, pesquisar e escrever, mas também relaxar, ouvindo música e usufruindo de um home theater. No espaço não faltam eferências à profissão de Olga Krell, com elementos decorativos que garantem a atmosfera elegante com a qual sempre conviveu. 52 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


texto Tacla foto Renato Elkis

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 53


Salim Dib e Yara Furtado O ambiente assinado pelo arquiteto Salim Dib e sua sócia Yara Furtado inspira a reunião familiar. O estilo predominante é o contemporâneo e a opção de cores privilegia os tons claros nos sofás e nas poltronas, que variam do cru ao bege, em perfeita harmonia com o estampado gráfico do tapete e com os tons mais escuros da mesa de centro, das estantes e das paredes. No espaço aproveitado com praticidade e elegância não falta nada para os moradores, nem mesmo as fotos de viagens, revelando o hobby da família.

texto Tacla foto Renato Elkis 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 55


texto Tacla foto Renato Elkis 56 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Sueli Adorni O Living idealizado pela arquiteta e designer de interiores reúne o conforto da lareira com a praticidade da eletricidade, mas não dispensa o revestimento tradicional, de mármore. O piso de porcelanato é aquecido pelo tapete de tom gris e a cortina off white preserva a claridade no ambiente que tem paredes forradas com papel liso marrom e estampas douradas. A iluminação inclui arandelas de cristal âmbar no ambiente com sofá modular revestido de seda, mesmo tecido da cúpula do abajur. Na sala de jantar a mesa tem tampo de cristal e seis cadeiras forradas de seda dividem o espaço com duas de veludo, demarcando as cabeceiras.

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 57


texto Tacla foto Renato Elkis 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 59


62 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


6 4 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


6 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


6 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


70 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


72 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


74 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


76 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


78 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


80 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


82 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


84 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


86 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


o m a r, tem uma alma pr贸pria...


94 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Viver um amor! O p u b l i c i t á r i o e s u r f i s ta T i to B e r to l u c c i , d e p o i s d e u m a b e m s u c e d i d a c a r re i ra p ro f i s s i o n a l , re a l i z o u aquilo que poucos têm a o p o r t u n i d a d e d e f a z e r, a b ra ç o u s u a p a i x ã o, e com sua experiência publicitária viu na sua p a i x ã o p e l o s u r fe u m a o p o r t u n i d a d e e m p re s a r i a l .

texto Vanessa Decicino fotos divulgação

T i to B e r to l u c c i

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 95


O

Brasil, apesar de seu extenso litoral, não tem uma tradição e uma linguagem de praia. Em suas viagens como surfista conheceu nos EUA e Austrália um novo mercado, com temática voltada ao mar e ao surf, nascia aí a Alma do Mar, um mix de loja e galeria, que reúne peças e obras de arte, garimpadas em suas viagens pelo mundo e abre um novo espaço para artistas e designers brasileiros apresentar e comercializar suas peças.

96 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


I

nstalada no bairro mais antenado as novas tendências, Vila Madalena em São Paulo, a loja-galeria é um espaço que nos remete imediatamente ao espírito praiano, o acervo reúne quadros, ampliações fotográficas, obras de arte, livros, esculturas e pranchas com o objetivo de sugerir tendências de decoração com a temática praiana. A beach culture, como é conhecida esse tipo de arte, vem ganhando cada vez mais adeptos. Atualmente, são vários os artistas, tanto brasileiros, quanto estrangeiros, que trabalham com temas oceânicos, “Até mais do que eu podia imaginar quando comecei o negócio”, afirma o empresário. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 97


O

acervo reúne mais de 200 peças exclusivas, incluindo obras raras como a prancha usada no filme Endless Summer, um dos filmes mais influentes sobre surf, autografada pelo diretor Bruce Brown, a prancha usada na segunda versão do filme rodado em 1996 e até mesmo pranchas de madeira abalone, ou em madrepérola e fios de ouro, adquiridas na Califórnia. “Temos peças históricas, clássicas e raras. Por isso, atuamos não apenas como boutique, mas também como museu”, explica Bertolucci.

98 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


A decoração com “ocean art” cria a oportunidade para designers e arquitetos desenvolverem projetos únicos e inusitados para seus clientes, através de peças e obras de arte que valorizam o projeto e o espaço. Assim como o mar a loja-galeria A Alma do Mar não para, realiza mensalmente exposições renovando e atualizando seu acervo. Confira. Serviço: Alma do Mar Rua Harmonia – 150 Vila Madalena – São Paulo SP +55 11 3097 0665 http://www.almadomar.com.br 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 99


1 00 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


A rqu i teto, professo r e m est re, se m dúvida um dos nomes mais representativos do p ai sagi s mo mun d ial, m a s a c i m a de t u do um arti sta, seus tra ços, fo lha s e t ro n cos, sua p aleta d e co res, a s f lo res, e co m essas fe r ramenta s, tra n s fo r m a o mu n do a o nosso re dor.

Benedito Abbud, 40 anos d e p ro f i ssã o. . . e m 40 p roj etos 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 01


1 04 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 07


1 08 arq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 1 1


1 1 2 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 1 5


1 1 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 1 9


1 20 arq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 23


1 24 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 27


1 28 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 31


1 32 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 35


1 3 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 39


1 40 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 4 3


1 4 4 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 47


1 4 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Faria Li m a F i n a n c i a l C enter Projeto desenvolvido com a EDSA, maior escritório americano de arquitetura paisagística, em um dos terrenos mais valorizados do Brasil. O paisagismo enfoca o movimento das águas para amenizar os barulhos da avenida. Uma passagem de pedestres une duas ruas paralelas, conferindo um boulevard muito usado pela população e oferecendo uma gentileza urbana.

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 51


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 53


1 54 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 57


1 58 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 6 1


1 62 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 6 5


Cozinhas!

proj eto Ci l e n e Montei ro Lu pi foto di v u lgaç ão 1 6 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


1 6 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Cilene Monteiro Lupi 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 6 9


1 70 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Adriana Scartaris

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 7 1


Ana Paula Mamede

1 72 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 73


1 74 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Andréa Gonzaga

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 75


Carlos Rossi 1 76 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 7 7


Clélia Regina Angelo 1 78 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


1 80 arq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


Deborah Roig 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 81


Gerson Dutra

1 82 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 83


Marí Aní Oglouyan

1 84 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 85


1 86 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Paula Carvalho 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 87


1 88 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


Karina Afonso

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 89


C i r r u s W h i te 1 9 0 arq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


DuPont Corian une o rústico ao contemporâneo em sua nova linha de superfícies sólidas, Private Collection Insp i ra d os nos elementos d a n at u reza, os p rodutos su rp reen dem pel a est é t i ca e elegân ci a A DuPont do Brasil apresenta sua nova linha de superfícies sólidas DuPont Corian Private Collection. Os produtos foram desenvolvidos a partir de um conceito naturalista, tendência do design mundial, que resgata os elementos da natureza para compor os mais variados projetos residenciais, especialmente para cozinhas e banheiros. Segundo estudos conduzidos pela DuPont em âmbito global, é cada vez maior a influência de elementos naturais na com-

posição do ambiente para estimular os sentidos e renovar as energias. Seja em revestimentos, tampos ou peças de decoração, cresce a demanda por projetos que façam referência à natureza, sempre associados a conceitos estéticos modernos e produtos com tecnologia eficaz para manipulação, conservação e limpeza. A casa virou um refúgio do caos urbano e espaço dedicado para renovar as energias. A partir desse princípio, surge a necessidade de resgatar a ligação com o ambiente de origem, por meio de produtos e projetos de decoração que estabeleçam essa conexão”, explica Gabriel Auricchio, responsável pela área de Design de Produtos do departamento de Building Innovations da DuPont do Brasil. Disponível no mercado brasileiro em seis cores, as peças refinadas de Private Collection traduzem a tranquilidade e o bem estar proporcionados durante o contato com a natureza. Composta por resina acrílica e minerais naturais, a nova coleção reproduz os veios observados no mármore, granito, rocha e o deslizar da areia pelo deserto, traduzindo aspectos sutis do movimento e suavidade de tais elementos por meio de partículas e texturas. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 91


Cirrus White: os veios posicionados de forma aleatória na mistura de tons de branco recriam a beleza de tipos específicos de nuvens, com a aparência de novelos muito finos e delicados. O produto é ideal para uso em bancadas e ilhas, resgatando a ligação com a natureza. Ecru: o tom neutro e as linhas levemente amarelas proporcionam equilíbrio ao projeto, remetendo à atmosfera mística dos grandes desertos cujas partículas brilhantes inspiram o movimento da areia pelo vento. Natural Gray: tons de cinza e veios levemente mesclados ao branco estabelecem relação com os minerais e suas pedras preciosas, proporcionando sofisticação por meio de partículas reluzentes. Clam Shell: inspirada no universo marinho, a peça proporciona discrição e elegância ao ambiente. Os veios e as partículas translúcidas criam um efeito suave e natural ao ambiente, adequando-se aos mais variados projetos.

Tumbleweed: a peça impressiona pela associação da base bege com pigmentos marrons, que se difundem na superfície em variados tons. O movimento das cores e seus veios remetem aos mármores mais luxuosos. Earth: o tom escuro e a associação com partículas uniformes recriam o efeito de rochas vulcânicas e suas variações mais profundas. DuPont Corian Private Collection une o efeito natural à qualidade superior em design, permitindo variadas combinações e formatos graças ao processo de termomoldagem. A praticidade, a durabilidade e a higiene do material resultam da sua composição, não poroso e homogêneo, facilitando a limpeza e manutenção. “Independente do projeto, Private Collection proporciona experiências sensoriais a todos os ambientes da casa”, destaca Auricchio.


Eucatex destaca o Eucaprint lacca alta definição texto

Paula Ferrezin foto divulgação

Linha de produtos é indicada para fabricação de móveis residenciais mais sofisticados

A Eucatex, um dos maiores fornecedores para a Indústria Moveleira, após dois Anos de intensas pesquisas destaca, com exclusividade para América Latina, um de seus produtos mais inovadores, o MDP Eucaprint Lacca Alta Definição. O painel Eucaprint Lacca Alta Definição é mais uma opção alternativa de produto para fabricação de móveis, com pintura em laca e, portanto, com melhor relação custo/benefício. “O acabamento espelhado do produto atende à aplicação em móveis com design diferenciado e sofisticado, seguindo as tendências das feiras internacionais de materiais com alto brilho”, afirma Andrea Krause, gerente de Marketing da Indústria Moveleira da Eucatex. “Além do acabamento diferenciado, seu revestimento decorativo com verniz UV de alta qualidade garante resistência à abrasão, riscos, agentes machadores e produtos de limpeza, e contribui para maior lisura da superfície e evolução da qualidade visual da cor e do padrão madeirado. Graças à tecnologia de alta definição, at1 94 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

ende aos quesitos da norma técnica NBR 14535 da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas - Móveis de Madeira requisitos e ensaios para superfícies pintadas”, conclui. Fabricados com tecnologia de ponta, madeira proveniente de florestas próprias, com manejo ambientalmente correto e conforme a prática de princípios e critérios relacionados à sustentabilidade e ao compromisso social, como atesta o Selo Verde FSC - Conselho Mundial de Florestas, o produto está disponível nos padrões Castanho Avelã, Oliveira Marrom, Nogal Saara, Alumínio, Verde Oliva, Champagne e Preto, e os recentes lançamentos Branco Neve, Ciliegio Bianco, Teka Rivoli, Nogal Saara, Palissandro, Ébano Exotic, Rovere Cinza e Preto Málaga, todos com efeito espelhado, que os tornam ainda mais vibrantes e nítidos. Os painéis são comercializados com 15 mm e 18 mm de espessura (outras sob consulta) e nas dimensões 1860 x 2750 mm.


Formica® lança nova cartela de laminados na Formóbile 2010 Melina Ferrazzo texto

Em preparação para a 4ª Feira Internacional de Fornecedores da Indústria Madeira – Móveis (Formóbile), a Formica® lançará a nova cartela nacional de laminados, a qual conta com lançamentos que surpreenderão os consumidores. Estarão na Formóbile também, a nova coleção Unlimited Design By Europe, as novas cores de fitas de borda em PVC e as colas de contato à base d’água e sem toluol. A Formóbile acontecerá nos dias 27 a 30 de julho, no Anhembi, sendo considerada a maior feira de madeira – móveis da América Latina. Além de um novo layout, a cartela nacional de laminados contará com novos padrões, sendo sete madeirados, duas fantasias, um unicolor, quatro novas texturas (tecido (tc), couro (co), pixel (px) e line (ln)), padrões com aplicação de acabamentos. A coleção Unlimited Design By Europe segue as tendências de decoração da Europa, oferecendo aos móveis um novo conceito de modernidade, um acabamento e qualidade que só a Formica® tem. As linhas que compõem essa nova coleção são: flo-

foto divulgação

wer, line cross, shine, arabesco, ellipse e cimbalo, que estão disponíveis em dois tipos de acabamentos, o Brilhante (BR) e Texturizado (TX), com exceção da linha cimbalo, que apresenta ainda o acabamento Top Matte. Vale ressaltar que os laminados da Formica® contêm a proteção antimicrobiana da Microban® (tecnologia que inibe continuamente a proliferação de fungos e bactérias nos laminados). Além da nova cartela nacional de laminados, da coleção Unlimited Design By Europe, a Formica® está lançando também a fita de borda em PVC com padrões madeirados e novas cores, garantindo um perfeito acabamento aos móveis. As fitas de borda em PVC da Formica® estão disponíveis em comprimentos que variam de 20 a 300 metros e espessuras de 0,4 mm e 1,0 mm. Para a Formóbile ainda a Cola de Contato a Base d’água: Cola que possui em sua composição água, eliminando o cheiro forte e não causando danos à saúde e ao meio ambiente. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 95


Ducha da ThermoSyst temperatura cert

1 96


tem deixa o banho na ta para o inverno texto

Laura Peruchi foto divulgação

O clima frio que o inverno traz vem acompanhado de outra preocupação: a temperatura ideal para o banho e o modo como ela altera a conta de energia. Com tempo mais frio, os banhos tendem a ser mais quentes e demorados. Assim, consequentemente, as contas costumam vir mais caras. Acertar a temperatura na hora do banho torna-se uma tarefa difícil quando se usa o modelo mais comum de chuveiro, que tem apenas três temperaturas. O que era para ser um momento de prazer pode se tornar tortura com um banho frio ou quente demais. Para levar mais conforto aos consumidores, a ThermoSystem desenvolveu a Ducha Eletrônica ThermoSystem. Trata-se do produto de maior sucesso da empresa e o mais conhecido, estando há mais de 15 anos no mercado. Seu sucesso é explicado por razões simples: além da haste ao alcance das mãos que permite a regulagem da temperatura, mesmo com a ducha em funcionamento, o produto permite a visualização do nível da temperatura, através das cores verde, amarelo e vermelho. Essa visualização consegue atender ao gosto individual de cada pessoa na hora do banho. Cada um tem uma sensibilidade de pele e a Ducha Eletrônica ThermoSystem permite que cada pessoa escolha a temperatura ideal para o seu banho. Frio, morno frio, morno quente, muito quente. Todas essas opções são possíveis com a ducha – o que traz muito mais conforto e prazer ao momento do banho. Aliado ao conforto está a economia proporcionada pelo produto. A Ducha Eletrônica ThermoSystem é a única no mercado que comprova, por meio de laudo técnico, uma economia de até 35% de energia elétrica e até 54% no consumo água em relação às duchas tradicionais. Tudo isso devido ao controlador de temperatura, sistema inovador pioneiro no segmento, lançado pela empresa. “Trata-se de um produto que agrega conforto, segurança e economia, além de design aliado a uma marca forte”, explica Líbni da Silva, gerente de P&D da empresa. Para conseguir a excelência, a ThermoSystem investe continuamente em pesquisa e desenvolvimento, a fim de aprimorar a arte do banho, ditando as inovações deste mercado e criando novos conceitos. O design do espalhador, arredondado e com mais orifícios de saída, permite mais vazão de água, proporcionando um banho com muito mais prazer. É por essas vantagens que o produto é sucesso, que se traduz em vendas e prêmios conquistados, entre eles o Certificado de Mérito Empresarial em Gestão de Design (1998), Prêmio Talentos Empreendedores e II Prêmio Finep de Inovação e Tecnologia (1999), Prêmio Vilson Kleinübing de Conservação de Energia Elétrica (2001) e Prêmio SESI / Premio CNI. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 97


Está com pouco espaço para a banheira ou para o box de sua casa? O vidro curvo pode ser a solução para este problema. A Vipel / Via-SP apresenta sua linha de vidros curvos temperados que promete acabar com a preocupação de nove em cada dez pessoas: a falta de espaço nos banheiros. Perfeito para a arquitetura dos novos ambientes, que são caracterizados por espaços cada vez menores, o vidro curvo temperado aproveita, da melhor forma possível, uma área pequena sem deixar de lado a valorização do design do produto e a harmonização do ambiente, otimizando o espaço e produzindo uma sensação de um ambiente maior. Uma grande tendência na montagem de um banheiro pequeno é a utilização de boxes e banheiras nos cantos das paredes para não perder nenhum espaço da área, sendo a única solução para box sob banheira que possui um canto a 90 graus e o lado oposto curvo . O design diferenciado proposto pelo vidro curvo agrega estilo e modernidade, além de dar flexibilidade em obras mais arrojadas, se tornando, na maioria das vezes, o produto que melhor atende na criação e desenvolvimento dos projetos

Vidro temperado

Trata-se de um vidro de segurança, pro-

duzido através de um tratamento térmico ou químico que amplia sua resistência mecânica para evitar o risco de quebra e dos acidentes produzidos pelos fragmentos. Em caso de quebra, este tipo de vidro fragmenta-se em pequenos pedaços minimizando os riscos de lesões profundas, tornando o produto muito seguro durante o uso.

Vidro curvo

Já o vidro curvo, nada mais é do que um envidraçamento, como o próprio nome diz, em curvas, transmitindo uma idéia de movimento. Os vidros curvos são utilizados na construção civil, em boxes, banheiras, móveis, painéis separadores de ambiente, interiores, balcões frigoríficos, indústria automobilística e outros veículos industriais. Produzido em forno de têmpera horizontal, semelhante ao que ocorre com o vidro tradicional, ele é submetido, após o aquecimento, ao processo de curvatura, onde se obtém a forma desejada. Depois disso, o vidro é resfriado bruscamente e está pronto para ser utilizado. A junção dessas duas características resulta em um vidro especial, compacto, que agrega estilo, modernidade, segurança e principalmente flexibilidade. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 1 99


Eternit apresenta Eterclean: filtro para tubulação de água texto

Mônica Silva foto divulgação

Indicado para a retenção de sólidos, o produto foi desenvolvido a partir de tecnologia israelense e inaugura a ‘Linha Agua’ da empresa

A Eternit está lançando o filtro Eterclean, aparelho de uso doméstico que atua por meio de filtragem mecânica e é destinado a melhoria da qualidade da água. O produto não tem função bacteriológica, porém atua na retenção de sólidos como areia, ferrugem, sal e outras sujeiras. O Eterclean é totalmente fabricado com plástico atóxico e pode ser instalado em qualquer ponto entre o hidrômetro e a caixa d´água, ou antes de qualquer equipamento que utilize água, como: máquinas de lavar roupa ou louça, bebedouro, chuveiro etc., desde que tenha pressão mínima na tubulação de água. A filtragem é realizada por anéis de polipropileno com micro ranhuras, alinhados na parte interna do filtro, que retém 20 0 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

as partículas sólidas. O filtro EterClean atende todos os requisitos exigidos pelo INMETRO. Além da facilidade na instalação, outro principal diferencial do produto é que não há a necessidade de troca de refil. Para a retirada das partículas que ficam presas nos anéis, basta um jato de água e Eterclean está pronto para reutilização. Inovador para o mercado da construção civil, o Eterclean pode ser adotado em projetos de médio e alto padrão, em quantidades que vão variar de acordo com a necessidade de aumento de vazão. O modelo está disponível no mercado em dois tamanhos: ¾ e 1” (uma polegada) e já está à venda em todo o Brasil, na rede de revendas Eternit.


Nova Linha de Porcelanato Técnico da Tecnogrés leva brilho e efeito espelhado aos ambientes texto

A Tecnogrés apresenta sua nova linha de Porcelanato técnico “Polido & Retificado” fabricada em parceria com um dos maiores especialistas mundiais nesta tecnologia. A inovação desta linha está no seu efeito espelhado que dá um toque de brilho natural e reflexo absoluto aos ambientes. Tudo isso, graças ao duplo polimento que a superfície do porcelanato recebe e a porosidade próxima de zero do produto. Comercializado na versão 60x60 cm e nas cores preto puro, branco total e bege elegante, o porcelanato Polido & Retificado é feito com

Valéria Blanco foto divulgação

massa colorida e tem retifica nas laterais, permitindo o seu assentamento com juntas mínimas, formando uma peça única e dando a sensação de um grande “tapete contínuo”. Seu acabamento liso sem detalhes e veios confere também refinamento e descrição aos espaços. Desenvolvida especialmente para arquitetos e engenheiros que procuram um porcelanato técnico extremamente resistente, a linha Polido & Retificado da Tecnogrés apresenta uma textura diferenciada e cores básicas e vitais que podem ser combinadas entre si. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteton l in e 201


202 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


Bollpi lança a mais nova coleção da Masterpiece Mosaicos texto

Sonia Lellos foto divulgação

A bol l pi a ca ba de re ce b e r e m s ua l o j a a nova cole ç ã o da Ma ste r p ie ce Mos aicos, q ue te m o con ce i to de qu e c h ar m e, e l e gâ n c ia e b o m g os to são requ i si tos esse n c iais p ara to r n a r q ua l q ue r tipo de a m bi e nte a g ra d á ve l . Os mosaicos da Masterpiece são produzidos artesanalmente com pedras naturais - mármores e granitos nacionais e importados, quartzito e basalto – e podem ser adquiridos e vistos nos ambientes da loja bollpi, projetados pela arquiteta Cristiane Schiavoni, que aplicou o granito Preto Absoluto com vidro laminado refletivo, e pelo decorador pernambucano José Roberto Moreira do Valle, que optou pelo mármore Marrom Imperial. Além dos lançamentos, nos espaços dos arquitetos Renato Pavan, Erica Salguero e Marcelo Faisal, estão expostos os modelos Quartizito Bege, Travertino Romano Bruto e o mosaico em granito Preto Absoluto. A nova coleção da Masterpiece Mosaicos inova no uso de materiais e aplicação de peças. É por isso que trabalhar em conjunto com esta marca é agregar mais valor à bollpi”, afirma Aníbal Pires, diretor da bollpi. Serviço: Local: Av. República do Líbano, 2.218 Ibirapuera – São Paulo Telefone: (11) 5052-0787 Estacionamento no local www.bollpi.com.br 14ª ediç ão 2 011 | arquiteton l in e 203


Nova Linha Piso Seco Expambox para acabamento de sistemas hidráulicos Silvana Baierl texto

foto divulgação

Com o lançamento, a empresa amplia sua linha de Grelhas e Ralos, oferecendo cerca de 35 itens diferentes. O novo produto oferece eficiência no escoamento de água 16% superior, em comparação a outros produtos disponíveis no mercado. A Expambox desenvolveu uma linha completa de Grelhas e Ralos com design diferenciado, acompanhando as últimas tendências adotadas entre os acabamentos e projetos de decoração. Composta pelo Sistema de Escoamento Tornado, Grelhas Decor e Piso Novo, os produtos estão inseridos no segmento de Hidráulica, dando continuidade ao sistema de escoamento de água. Produtos indispensáveis à conclusão das instalações hidráulicas, a linha acaba de ser ampliada, com o lançamento da Linha Piso Seco, que reúne dois modelos retangulares para projetos residenciais, corporativos, comerciais, hospitalares, públicos ou destinado ao lazer. “Apesar de ser um item de pouco destaque no projeto, é impossível concluir uma obra sem utilizar grelhas em todas as áreas molhadas”, acrescenta o diretor comercial da empre20 4 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11

sa, Antonio Luiz Simão. Piso Seco oferece dois modelos de ralos retangulares, em alumínio e requadramento de duralumínio. Com design arrojado, atinge altos níveis de escoamento de água. Em duas medidas: 5 x 50 cm e 10 x 50 cm, Piso Seco é uma opção decorativa, com alto desempenho e qualidade, para completar instalações hidráulicas de piscinas, varandas, sacadas, quadras de esportes, banheiros, academias, cozinhas, escolas, garagens, hotéis, lavanderias, supermercados, áreas externas ou internas, ambientes residenciais, comerciais ou industriais, sendo ideal também para soluções com escoamento de água ocultas. Disponíveis em dois tipos de embalagem: stanless, numa versão mais sofistidada; ou saquinhos plásticos, com redução no preço de aproximadamente 16%.


Sasazaki amplia Linha Aluminium com modelos Multiflex texto

A Sasazaki, tradicional fabricante de portas e janelas de aço e de alumínio, amplia o portfólio de produtos da Linha Aluminium com o lançamento das Janelas e Po r t a s - b a l cão de correr veneziana na versão Multiflex. As palhetas móveis das folhas venezianas é um atrativo apreciado pelos consumidores. Através de um acionador acoplado ao produto, é possível variar as posições de abertura e regular a entrada de luz e ventilação, garantindo maior conforto ao ambiente e assegurando a liberdade de escolha. A versão Multiflex demonstra o pioneirismo da Sasazaki: a primeira janela com palhetas móveis foi lançada pela empresa em 1975. “Temos como estratégia de crescimento suprir as necessidades, com produtos tecnologicamente aperfeiçoados, de alta qualidade, durabilidade, praticidade e design moderno”, destaca Edson Ichiro Sasazaki, diretor de marketing da empresa. “Estes lançamentos da Linha Aluminium foram desenvolvidos para valorizar todos os tipos de imóveis e proporcionar bem-estar e conforto às pessoas que irão conviver com as portas e janelas ao longo dos anos”, completa. Produtos prontos para instalação As Janelas e Portas-balcão de correr veneziana Multiflex Aluminium são oferecidas prontas para instalação. Possuem perfis mais robustos, resistentes e duráveis, e estão disponíveis com duas opções de

Regiane Damasceno foto divulgação

pintura de acabamento: acetinado natural (anodizado) ou na cor branca (pintura eletrostática a pó). Além disso, os itens saem de fábrica com vidro liso colocado, que recebem vedações especiais do tipo EPDM (Etileno-Propileno-Dieno-Metileno é um tipo de borracha que se diferencia por oferecer excelente desempenho à exposição solar, ao ozônio e às variações de temperatura - intempérie), permitindo maior flexibilidade e durabilidade. A perfeição no acabamento é outro diferencial da linha Multiflex Aluminium. Os produtos possuem precisão nos esquadros, que resultam em encaixes perfeitos. As portas-balcão têm sistema de rodízio com rolamentos, sistema de regulagem e guia inferior com trilho de aço inox, que proporciona um deslizamento leve e suave às folhas, conferindo maior durabilidade ao produto. O fecho embutido é de alumínio. Uma embalagem especial protege o item até o acabamento final na obra. Versões disponíveis As Janelas venezianas de correr Multiflex Aluminium estão disponíveis em duas versões: sem ou com grade Classic. O modelo com 3 folhas tem batentes de 14 cm, abertura para direita ou esquerda e as seguintes medidas (alt. x larg. cm): 100x150; e 120x150. Já o modelo com 6 folhas, com batentes de 14 cm, tem as seguintes medidas (alt. x larg. cm): 100x150; 100x200; 120x150; e 120x200. O modelo com 3 folhas da Porta-balcão de correr veneziana Multiflex Aluminium tem batente de 17,5 cm, abertura para direita ou esquerda e a seguinte medida (alt. x larg. cm): 216x160; já a versão com 6 folhas tem batente de 17,5 cm e as seguintes medidas (alt. x larg. cm): 216x200 e 216x250. Para as janelas e portas-balcão Multiflex, a Sasazaki oferece, como item opcional, a Guarnição e a Tela Mosquiteira contra insetos, que foi projetada para manter a luminosidade e o frescor num ambiente, evitando a presença inoportuna dos insetos. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteton l in e 205


Parceria Lider Interiores e Victor Dzenk texto

Juliana Morato foto divulgação

O estilista mineiro Victor Dzenk desenvolveu uma linha exclusiva de estampas para a Preview de Verão 2011. E em parceira com a Lider Interiores, levou essa estampa para os móveis. A coleção já foi apresentada no Minas Trend Preview e agora no Fashion Rio. A cadeira King, que tem em seu trono dimensões para um rei, possui conforto incomparável e visual leve de encher os olhos. Ela possui 80cm de altura, 59cm de largura e 55cm de profundidade. O mimo custa R$ 765,00 e já pode ser encontrado em todas as lojas Lider Interiores. Vale destacar que os produtos estofados da Lider podem ser encomendados com os tecidos de todas as coleções do Victor Dzenk. 20 6 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


LP Siding Vinílico: revestimento garante beleza e praticidade às Juliane Ferreira construções texto

Quem busca beleza e praticidade em revestimentos externos para residências e imóveis comercias já encontra uma novidade que alia essas duas características. O LP Siding Vinílico, comercializado pela LP Brasil, é produzido em PVC, o que garante facilidade na manutenção e excelente resistência a intempéries. Basta lavá-lo para obter a aparência de novo. Disponível nas cores branca a bege, há ainda as vantagens de poder ser aplicado nos mais variados projetos arquitetônicos sem a necessidade de pintura e a garantia de 20 anos. O revestimento é ideal para fachadas de Construções Energitérmicas Sustentáveis (CES), como as executadas em steel frame e wood frame. De acordo com o gerente de vendas da LP Brasil, Rubens Campos, o

foto divulgação

produto também é sinônimo de obra limpa e seca, garantindo características sustentáveis à construção. “A preocupação com a menor geração de resíduos e a otimização do trabalho na construção civil abriu oportunidade para a criação de novos produtos que atendam a esse perfil de obras”, afirma o gerente. A construtora Tecverde, que constrói casas em wood frame por meio de uma tecnologia alemã, é uma das empresas que já adotou o revestimento como uma das opções para as suas obras. “Oferecemos aos nossos clientes projetos com o Siding Vinílico, já que ele é muito competitivo frente a outros revestimentos, de fácil aplicação, reciclável e gera pouco resíduo”, afirma o sócio-diretor da construtora, Caio Bonatto.(CES) 14ª ediç ão 2 011 | arquitetonl in e 207


Banheira Auster da Pretty Jet atrai pelo design e tecnologia texto

Auster, design com elegancia e tecnologia A banheira acomoda um adulto confortavelmente, tendo como medidas 180 x 80 x 66 cm. E para potencializar o relaxamento, é oferecido um sistema de cromoterapia, oito pontos de blower – borbulhas com o efeito champagne - e mais 20 pontos de hidromassagem distribuídos por toda sua extensão. Com tecnologia, praticidade e 20 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

Pedro Orlandi foto divulgação

beleza, a banheira da Pretty Jet ainda oferece o inovador travesseiro Up and Down, que, com regulagem de altura, atende a qualquer estatura. Seu tamanho é tão generoso que abraça toda as costas, e, com 55 cm de largura por 60 cm de altura, é o maior travesseiro do mercado. Na Auster há ainda um dosador e o sistema de acionamento inteligente, características que colaboram com a praticidade no banho. E para descomplicar a instalação, a empresa compôs a Auster com o Sistema Instala Fácil que, com a facilidade dos pés niveladores, dispensa assentamento da base com cimento.


A hora e a vez das cubas texto

Para quem quer dar uma nova cara para o banheiro ou lavabo, a Ibiza selecionou algumas opções de cubas para os mais diferentes estilos Atualmente os toilettes cumprem um papel além de sua função, servindo também como um local para períodos de relaxamento e descontração, que vão desde o simples retoque da maquiagem até o deleite de assistir um DVD deitado na banheira. Pensando nesses pequenos prazeres, os arquitetos têm optado pela criação de projetos requintados, com elementos mais sofisticados, para aumentar o conforto do morador e o visitante. A Ibiza possui uma infinidade de formatos e acabamentos, lisas ou decoradas, para todos os estilos. Veja a relação: Cubas em pedra natural - De origem natural, as pastilhas de mármore que compõem a linha de pedras naturais garantem um efeito exclusivo através da variação de tonalidades, veios e granulações da cada peça. Cubas de vidro - Destacam-se pela criati-

Tatiana Vidal foto divulgação

vidade dos materiais utilizados na elaboração das peças. A reciclagem dos vidros pode sugerir uma imagem diferente e exclusiva para cada cuba. Cubas em Corian Corian é um material moderno à base de minerais e acrílico que oferece às cubas uma aparência suave e delicadeza ao toque, além de total resistência. Cubas Pettra A cuba Pettra dispõe de alto apelo estético e vem acompanhada de uma válvula com sistema pop up, onde você aperta a tampa para abrir ou fechar. Pode ser encontrada na cor esmalte branco brilhante com acabamento de dreno cromado. A linha também possui suporte para encaixe de cubas em pequenos lavabos. Cubas em Sólido Surface Cubas feitas com o material Sólido Surface, uma resina de poliéster de alta durabilidade. Pode ser encontrada em vários tamanhos, cores e modelos. 14ª ediç ão 2 011 | arquitetonl in e 209


Yale lança fechadura eletrônica com acionamento por impressão digital texto

Ana Maria Senatore

foto divulgação

A Assa Abloy, grupo sueco líder mundial

para que o usuário se sinta mais seguro.

em sistemas de segurança para portas,

Por exemplo: para evitar que a senha seja

presente no Brasil com os produtos da

exposta pelas marcas das impressões dig-

marca Yale e La Fonte, lança no país as

itais no teclado, a função de toque com

fechaduras biométricas Gateman da Yale.

a palma da mão elimina qualquer resíduo

Disponível nas versões a YDM 4109 (para

visível”. Mesmo com todos os dispositivos

embutir) e YDR 4109 (para sobrepor) a

eletrônicos, as fechaduras são econômi-

nova linha combina tecnologia de acesso

cas no consumo de energia e operam com

e identificação a um design sofisticado.

quatro pilhas AA. Veja abaixo outros itens

Além disso, as fechaduras também con-

inclusos na linha Gateman. Guia sonoro: a

tam com sinalização auditiva e visual o

cada operação realizada é emitido um som

que facilita a utilização por pessoas por-

de identificação e confirmação da abertura

tadoras de necessidades especiais. O sis-

ou fechamento da porta. Mecanismo anti-

tema biométrico é muito simples: a im-

violação: impede que a abertura seja bur-

pressão digital do usuário é verificada com

lada. Código falso: para evitar a identifi-

apenas um toque. Podem ser registradas

cação da senha numérica, o usuário pode

até 20 impressões digitais que permitem

digitar um código falso antes ou depois de

a abertura das portas, o que torna a linha

digitar a senha correta. Alarme de tentati-

uma solução ideal para o uso residencial e

va de violação: o alarme sonoro de 80 dec-

comercial. “Ao desenvolver a linha Gate-

ibéis é ativado caso alguém tente forçar ou

man nossa preocupação foi apresentar ao

danificar a fechadura. Teclado inteligente: a

mercado um produto que aliasse beleza

cada operação, o teclado informa o resulta-

a um alto padrão de segurança. A versão

do com uma sequência pré-determinada de

embutir (YDM 4109) possui sistema de ab-

acendimentos dos números. Além disso, o

ertura eletrônico e manual para casos de

teclado fica invisível sempre que a fechadura

emergência”, explica o gerente de market-

não estiver sendo usada. Alarme de bateria

ing Siegfried Wagner Jorge. Conta também

fraca e alimentação de emergência: avisos

com um terceiro controle de acionamento,

sonoro e luminoso são emitidos sempre

feito por uma chave mecânica codificada.

que a troca da bateria for necessária. Caso

Siegfried informa que a abertura pode ser

as baterias descarreguem por completo, é

feita por leitura da impressão digital ou

possível abrir a porta utilizando-se uma ba-

senha, ou ainda das duas maneiras. “Toda

teria comum de 9 volts conectada ao ter-

a tecnologia do produto foi desenvolvida

minal externo de alimentação de energia. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 21 1


Tarkett Fademac lança revestimentos vinílicos para áreas molhadas A Tarkett Fademac, traz ao mercado o sistema Wetroom®, exclusivamente desenvolvido para garantir segurança, higiene e conforto térmico em áreas como banheiros, vestiários e piscinas. Focados na praticidade e segurança do usuário, os produtos da linha Wetroom são totalmente ergonômicos e tornam o acesso à ambientes molhados mais simples e protegido, principalmente para pessoas com mobilidade reduzida. São termicamente confortáveis, pois são confeccionados em PVC, material que não troca calor com o usuário, além de proporcionar um sistema impermeável, impedindo a umidade e a proliferação de fungos e bactérias. Sem perder o foco no design e na decoração, os pisos e revestimentos Wetroom estão disponíveis em uma variada gama de cores. O revestimento de paredes Aquarelle WAll HFS é encontrado em 10 cores. Enquanto o piso Eclipse Aquasafe está disponível em cinco cores. Graças à confecção em mantas contínuas, a limpeza e manutenção são muito simples, pois a inexistência de vãos e frestas impede a formação de sujeiras. O Aquarelle Wall HFS possui proteção extra contra fungos e bactérias. O sistema Wetroom é instalado de forma rápida e limpa e é indicado para qualquer local que exija segurança na mobilidade em áreas molhadas e a certeza de um ambiente higienizado, como banheiros residenciais, piscinas, clubes, academias, hospitais e hotéis. A Tarkett Fademac oferece garantia de 10 anos para os dois produtos. 21 2 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

texto

Tássia Lourenço foto divulgação

O Wet ro o m é um s i ste m a h i g i ê n i co, f á c i l d e l i m pa r e o fe re ce co n fo rto t é rm i co ta nto pa ra a mb i e ntes res i d e n c i a i s co m o co me rc i a i s


Razor - qualidade Hawor

21 4 arq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11


rth produção brasileira texto

M. Balzano foto divulgação

14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 21 5


2


A Haworth, segunda maior empresa de mobiliário corporativo do mundo, lança o sistema Razor, primeira linha nacionalizada da marca. Com o lançamento do Razor, sistema mobiliário de estações de trabalho, a companhia americana pretende aumentar sua presença no mercado brasileiro. De acordo com Tânia Costa, Managing Director da Haworth, com esse lançamento a empresa reafirma sua fé no potencial do mercado nacional, “a nacionalização é um processo longo, que exigiu a homologação de fornecedores junto a matriz para garantir que a as peças nacionalizadas tenham exatamente a mesma qualidade das encontradas em outros mercados, estamos constantemente analisando as demandas do mercado e para assim que possível nacionalizar mais elementos de nossa linha, com a nacionalização temos condições de oferecer os mesmos produtos com preços mais competitivos, estamos trabalhando também na expansão de nossa rede de atendimento fora do eixo São Paulo – Rio”. Para que seja viável a nacionalização e até mesmo a manufatura local é necessária escala atraente. A Haworth tem entre seus pontos de destaque a qualidade, tecnologia, responsabilidade social e a preocupação com a sustentabilidade em toda sua cadeia de produção, o que a credencia como fornecedora mundial de grandes empresas. Na linha Razor a empresa destaca a flexibilidade na montagem e no layout que se adéqua a inúmeras necessidades. Seu sistema de canaletas permite a completa adequação a todo tipo de fiação Outro destaque da Haworth no evento é o lançamento mundial da cadeira EZ, que como todas as linhas de assentos Haworth, é totalmente ergonômica, com design diferenciado sendo mais uma opção para o mercado brasileiro. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 21 7


“Glasurit na Medida Certa” inova no mercado de tintas decorativas texto

A Glasurit, marca de tintas imobiliárias da BASF, acaba de lançar um produto que promete surpreender o mercado: o “Glasurit na Medida Certa”. Trata-se de um sachê plástico inovador, que contém um litro de tinta e cobre uma parede de até 2,5m x 2,5m, considerando duas demãos. Para o desenvolvimento do produto, a Glasurit realizou uma série de pesquisas e detectou a oportunidade de oferecer uma embalagem prática e leve, atendendo às necessidades do consumidor de tintas econômicas. “Para oferecer ao cliente uma embalagem inovadora e moderna, realizamos vários testes tanto no laboratório quanto em campo”, detalha Francisco Verza, vice-presidente de tintas imobiliárias e repintura da BASF para a América do Sul. Um estudo realizado pela BASF há cerca de dois anos apontou ainda que as classes C e D representam os compradores majoritários de acabamentos para paredes, sendo este um mercado em constante crescimento no país. “Após pesquisar as características dos nossos clientes, desenvolvemos um produto de alta tecnologia, com o objetivo de garantir ainda mais facilidades ao consumidor, tanto no momento da compra quanto na sua utilização”, ressalta Verza. A ampla oferta de cores é outro destaque do novo produto. O “Glasurit Na Medida Certa” está disponível em 24 tonalidades, sendo oito delas lançamentos. Além disso, o produto tem um grande diferencial: o cliente poderá visualizar a cor da tinta 21 8 a rq u i teto n l i n e | 14 ª edi çã o 20 11

Mariana Aidar foto Arquivo Glasurit

por meio de uma “janela” transparente na embalagem. O “Glasurit na Medida Certa” possui a medida ideal para colorir e alegrar áreas menores da casa a um custo bastante acessível. O consumidor pode pintar uma parede de sua residência por apenas R$ 9,90 (preço sugerido).

E como escolher a cor certa para pintar sua parede? Para facilitar esse processo, a Glasurit também lança este mês o “Glasurit Teste em Casa”. “Desenvolvemos um tubo de 30 ml de tinta, com uma prática esponja aplicadora, que permite ao consumidor escolher a cor em casa, junto com a família. O produto tem preço sugerido de R$ 2,50 e está disponível em 22 cores”, explica Verza. O produto vem em um tubo transparente que permite visualizar a cor da tinta a ser testada. As embalagens farão parte de um display instalado no ponto de venda e o consumidor poderá ver a cor no local e tirar suas dúvidas na hora da compra.


Produtos de iluminação d ser boas alternativas p texto

Rodrigo Hernandes foto divulgação

Se o seu pa i é da qu e l es q ue ad o ra fa ze r to d os os re paros e i n sta l a ç ões e m cas a o u no t rab a l h o, e le va i ad orar ser prese ntea do no p r óxim o Dia d os Pa is com p ro dutos de i l u m i n a ç ã o c uj a m o ntag e m é fá c il e r ápid a . Lu s t re S p a z i o B ra n c o S ta r t e c

220 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


de fácil instalação podem para presentear os pais Consertar a torneira da cozinha, montar o chuveiro, trocar lâmpada ou instalar uma luminária, certamente, ainda são tarefas que, na grande maioria dos lares, são realizadas pelos homens. É verdade que muitos se metem a fazer trabalhos nos quais um profissional especializado teria mais conhecimento e experiência para executá-los, porém a vontade de fazer e agradar a família fala mais alto. Pensando nesse homem, que muitas vezes também é pai, a Startec, empresa especializada em produtos de iluminação, busca oferecer produtos de fácil instalação e de alta qualidade, sem deixar de priorizar a segurança. São lustres, luminárias de mesa, colunas, plafons, pendentes, arandelas, dentre outros produtos, por exemplo, que podem ser boas dicas para presentear os pais no próximo dia 08 de agosto. Pequenas instalações de luminárias, além de outros reparos, eu mesmo faço em casa e no meu escritório. Creio que essa característica é de quase todo homem, isto é, primeiro tentamos fazer antes de chamar um especialista”, diz o contador Antônio Santiago, pai de três filhos. Para o gerente de marketing da Startec a opção de produtos de iluminação de fácil instalação como presente atende a duas necessidades, quer dizer, além de não haver a necessidade de contratar um profissional especializado para colocar o produto em funcionamento, ele pode iluminar e decorar o próprio local de trabalho do pai, como um escritório ou consultório etc. Algumas manutenções e instalações de luminárias podem, sim, serem realiza-

das sem a presença de um especialista, desde que o produto tenha manual de instrução bem detalhado e didático, como prioriza a Startec em seus produtos. Sem dúvida, quando a instalação de um produto for de maior complexidade, não devemos abrir mão de um profissional especializado, observa Campagnare.

Veja algumas dicas para a instalação segura dos seus produtos de iluminação ▪ Respeite o limite de potência indicado pelo fabricante. ▪ Verifique se a tensão da rede elétrica é igual a da(s) lâmpada(s). ▪ Antes de manusear vidro ou lâmpada, certifique-se de que não estejam quentes. ▪ Desligue a energia ao instalar, remover ou trocar um produto. ▪ Em caso de avaria no produto, não o conecte à rede elétrica. ▪ Para limpeza, use somente flanela seca ou espanador de pó. ▪ Mantenha os produtos longe do alcance das crianças. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 221


Porcelanato – Aplicação exige ferramentas adequadas texto

José Roberto Krasucki foto divulgação

As elegantes e sofisticadas peças de porcelanato encontradas no revestimento de ambientes com alto tráfego, residências, banheiros, saunas entre e outros espaços, a cada dia conquistam mais a preferência de designers, engenheiros e arquitetos. Seja rústico ou polido, o grande desafio para os profissionais de construção civil que fazem à aplicação deste tipo de produto nobre e em alta no mercado, além das técnicas de assentamento, é o nível de qualidade dos acabamentos. Para garantir a qualidade do acabamento a Vonder disponibiliza algumas ferramentas e acessórios que podem fazer toda a diferença, facilitando o serviço e tornando-o mais eficiente e proveitoso. Com destaque para:

O DISCO DIAMANTADO XLD PORCELANATO VONDER, recém lançado pela marca, traz a certeza de cortes precisos. A alta concentração de diamante auxilia na redução da temperatura, melhora consideravelmente o acabamento e aumenta o desempenho, facilitando o corte. Esse modelo foi desenvolvido para cortar peças com altíssimo nível de resistência à abrasão, em especial, de porcelanato. Utilizado em serras mármore e com refrigeração continua, possui diâmetro de 110 mm, furo de 20 mm e rotação máxima de 14000 RPM.

As LIMAS DE TUNGSTÊNIO VONDER integram o time de ferramentas indispensáveis para o trabalho com cerâmica, telhas, tijolos e porcelanato. O cabo plástico facilita o manuseio, e o revestimento em tungstênio as tornam ideal para acabamentos. Esta disponível em dois modelos, o primeiro com perfil chato adequado para desbaste de superfícies planas. E o segundo com perfil meia cana (meia lua), indicado para áreas arredondas.

222 a rq u i teto n l i ne | 14 ª edi çã o 20 11


Montana lança produtos base água na Formóbile texto

Clarissa Vassimon foto divulgação

A Montana lança nova linha de acabamentos base água para móveis na maior feira da indústria moveleira do País. O mercado brasileiro de móveis tem uma forte expectativa em relação a produtos de acabamento base água. Tanto pelo aspecto ecológico, como pelo técnico e econômico, o mundo todo volta sua atenção para esse tipo de produto. O lançamento de produtos poliuretânicos base água, estratégico para a Montana Química, vem atender as necessidades do mercado brasileiro no segmento da alta decoração. São soluções de alta qualidade e de baixo impacto ambiental para serem utilizadas por fabricantes de móveis residenciais e corporativos. Seu melhor alastramento proporciona um custo por metro quadrado de produto aplicado vantajoso em relação a outros tipos de acabamento. O mercado e o ambiente agradecem. Para comprovar o desempenho dos produtos base água da Montana para indústria moveleira, ensaios rigorosos foram feitos recentemente pelo Cetemo, Centro Tecnológico do Mobiliário do Senai/RS, que é referência nacional do setor. Os testes basearam-se na norma ABNT NBR14535 - Móveis de madeira – Requisitos e ensaios para superfícies pintadas, revisada no mesmo ano. A norma estabelece os requisitos e métodos de ensaio para acabamento e proteção de superfícies de móveis de madeira pintadas, contra os efeitos provocados por agentes que possam causar danos como: umidade, luz UV, temperatura, risco, impacto, abrasão, produtos de limpeza e líquidos em geral. Institui ainda limites para metais pesados na composição do filme de revestimento. Com o lançamento da linha base água, a Montana complementa seu leque de opções já composto pelos de base solvente, todos com qualidade e desempenho assegurados. 14ª ediç ão 2 011 | arquiteto n l in e 223


Profile for Marcos Balzano

Arquitetonline Ed14  

Revista Arquitetonline Ed 14, focada em arquitetura, design, construção e comportamento

Arquitetonline Ed14  

Revista Arquitetonline Ed 14, focada em arquitetura, design, construção e comportamento

Advertisement