Issuu on Google+

N° 33 . OUT/12

Publicação da Arquidiocese de Belo Horizonte • Ano 3

Catedral Cristo Rei avança com o pouco e o muito de cada um

Dona Nair, doadora de duas latas de argamassa


na minha casa

Foto: Mary Lane Vaz

A dona de casa Maria Matilde de Jesus Miranda acolheu com muito carinho a equipe da Campanha Faço Parte. Ela, que mora no bairro Guanabara, em Betim, reuniu filhos e netos para viver um breve momento de oração. “Gosto de participar da Igreja. Faço parte com muita alegria e estou feliz em poder ajudar”, disse a dona de casa, que colabora com a Campanha Faço Parte.


Foto: Camapanha Faço Parte

MENSAGEM DO ARCEBISPO

Amado e amada de Deus, Saúde e paz

Bênçãos do Senhor

Foto: Tião Mourão

A caminhada rumo à edificação da Catedral Cristo Rei alcança uma nova fase, com a seleção e o anúncio das instituições responsáveis pela realização das obras. Passo a passo, aproxima-se o momento em que ganhará forma esse grande sonho, que nasceu nos primeiros anos de nossa amada Arquidiocese. Essa nova fase é fruto da crescente participação de todos, com destaque muito especial para cada um que assumiu o compromisso de oferecer sua doação à Campanha Faço Parte. Acolhida calorosamente em diversos lugares, especialmente nas paróquias, a Faço Parte ganha força e sustenta importantes iniciativas, fazendo cumprir a determinação do Mestre Jesus: “Ide pelo mundo inteiro e anunciai o Evangelho a toda criatura” (Mc 16,15). Essas iniciativas incluem os meios de comunicação da Arquidiocese e o Santuário Nossa Se-

nhora da Piedade - Padroeira de Minas Gerais. Para marcar essa nova fase, a Revista Faço Parte ganha novo projeto gráfico e editorial. É para você e por você que mudamos e melhoramos. Trata-se de uma renovação que tem a missão de apresentar o resultado da oferta generosa de cada um, incentivando todos a continuarem juntos, caminhando rumo a novas etapas. Uma necessária prestação de contas a quem tanto ajuda a Igreja Católica na tarefa de edificar um mundo melhor, a partir dos ensinamentos de Cristo. Com fraterno abraço e a proteção materna de Nossa Senhora da Piedade, padroeira de todos os mineiros.

Dom Walmor Oliveira de Azevedo

Arcebispo metropolitano de Belo Horizonte

03


SUMÁRIO

03 TV Horizonte: novidades no ar 04 Protocolo de intenções 06 Catedral Cristo Rei: as primeiras fases 08 Doações de amor

12 Visita da Maquete da Catedral Cristo Rei 13 Vila Fátima: promoção da cidadania 14 Santuário Nossa Senhora da Piedade: prestando contas

Gostaria de ajudar na construção da Catedral Cristo Rei de alguma forma. Sou trabalhadora assalariada, não posso ajudar com muito, mas quero muito ver esta obra em pé. Talvez através de um boleto, quem sabe! Marília Conceição das Dores

MENSAGENS DOS LEITORES Linda paisagem! Tirei essa foto durante a subida ao Santuário. Gabriel Vitor Alves Silva

Fizemos uma caminhada com a equipe Faço Parte ao Santuário Nossa Senhora da Piedade. Multidões cultivam essa bela devoção à “Padroeira de Minas” . Pela expressão desse lugar entrei em sintonia com o Senhor e a natureza! Maria de Fátima Alves Soares Belo Horizonte, MG

EXPEDIENTE

Revista Faço Parte Publicação da Arquidiocese de Belo Horizonte Arcebispo metropolitano de Belo Horizonte Dom Walmor Oliveira de Azevedo

04

Vigário Especial para a Comunicação e Cultura Dom Joaquim Giovani Mol Coordenação da Catedral Rede de Comunicação Católica e da Campanha Faço Parte Padre Fernando Lopes Gomes Foto Capa: Mary Lane Vaz

Produção, redação, edição e diagramação Assessoria de Comunicação e Marketing da Arquidiocese de Belo Horizonte e Catedral Rede de Comunicação Católica Impressão Fumarc Tiragem 20.000 exemplares


TV HORIZONTE

TV Horizonte: novidades no ar do Horizonte Notícia são transmitidas toda quinta-feira, às 20h15.

Terço no Santuário da Padroeira Para comemorar os 14 anos de fundação, a TV Horizonte incluiu na programação o Terço da Piedade. Momento de devoção mariana, a produção é gravada no Santuário da Padroeira de Minas Gerais nos fins de semana. As filmagens demandam uma equipe de 17 profissionais. Para a produtora executiva Viviane Rodrigues, a realização do programa envolve delicadeza, porque é um momento de fé e espiritualidade. O coordenador de programação da TV Horizonte, padre Geovane Marques, afirma que a criação do Terço de Piedade era um desejo do arcebispo metropolitano, dom Walmor Oliveira de Azevedo, como forma de difundir a espiritualidade por meio do Santuário. O Terço da Piedade é transmitido pela TV Horizonte, de segunda a sexta, às 18h15.

Foto: Gabriela Jacques

O Programa Horizonte Notícia ganhou novo cenário. Com projeto do editor de arte da TV Horizonte, Adriano Pereira, e execução da PBR Cenografia, o programa mantém a cor laranja como predominante e as imagens remetem às principais referências da cidade de Belo Horizonte. Novas vinhetas, maior movimentação nos enquadramentos e bancada para realização de entrevistas conferem dinamismo ao programa jornalístico da emissora. A renovação só foi possível graças aos recursos da Campanha Faço Parte. No ar há dez anos, o Horizonte Notícia divulga as principais ações pastorais da Arquidiocese de Belo Horizonte, celebrações, festividades, romarias, projetos sociais, contribuindo assim para a evangelização. O programa destaca também informações nas áreas da saúde, política, serviço e cultura. As edições inéditas

Adriana Ferreira entrevista padre Aureo Nogueira no novo cenário do Horizonte Notícia

05


CATEDRAL CRISTO REI

Protocolo de intenções

Foto: Mary Lane Vaz

A Arquidiocese de Belo Horizonte já definiu e apresentou as duas construtoras responsáveis pela edificação da Catedral Cristo Rei. Durante solenidade, a Andrade Gutierrez e a Mendes Júnior, construtoras mineiras, especializadas na execução de projetos arquitetônicos de Oscar Niemeyer, assinaram um protocolo de intenções que prevê o início dos estudos construtivos para a edificação da Catedral. A solenidade, realizada no Palácio Cristo Rei, começou com um momento de oração. Em seguida, o arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo, o diretor-técnico da Andrade Gutierrez, João Marcos de

“A Arquidiocese está se preparando para iniciar as três primeiras etapas, ainda este ano”.


Almeida Fonseca, e o presidente da Mendes Júnior, Murilo Mendes, assinaram o protocolo de intenções. Dom Walmor lembrou que importantes passos foram dados desde a retomada do sonho idealizado pelo primeiro arcebispo da Arquidiocese, dom Antônio dos Santos Cabral, de edificar a Catedral Cristo Rei. Destacou que todos esses passos só foram possíveis graças à colaboração de muitos. O arcebispo explicou que a construção da Catedral Cristo Rei será dividida em seis fases. “A Arquidiocese está se preparando para iniciar as três primeiras etapas, ainda este ano”.

07


CATEDRAL CRISTO REI

Uma obra em suas mãos A Catedral Cristo Rei será construída em seis fases. Conheça as três primeiras, que terão início ainda este ano. A sua colaboração é muito importante para que todas as etapas sejam concluídas. A Catedral Cristo Rei é um projeto de todos nós.

1ª fase

Movimentação de Terra e Contenção A primeira fase da construção da Catedral Cristo Rei consiste na terraplenagem, que é o conjunto de operações para deixar o terreno com a conformação topográfica desejada. É necessária uma preparação do terreno para que operações básicas, como cortes e aterros, sejam executadas conforme o cronograma da obra, em função das soluções arquitetônicas e estruturais do projeto. Também fazem parte dessa etapa, as contenções das esca­ vações, que são necessárias principalmente em áreas limitadas, seja por vias públicas, seja por terrenos vizinhos. É um procedimento básico que objetiva a segurança da obra e das pessoas.

2ª fase

Fundação Profunda A segunda fase da construção da Catedral Cristo Rei consiste nas fundações profundas. Trata-se das estruturas responsáveis por sustentarem no terreno o peso da edificação. São definidas levando em consideração o tipo de terreno e as cargas da construção.


3ª fase

Nave da Catedral Cristo Rei Na terceira fase, será construída a estrutura arquitetônica definida pela área que protege os espaços que abrigarão a nave da Catedral Cristo Rei: seus acessos diretos e adjacentes, as áreas de projeção dos pavimentos inferiores, que abrigarão o Santuário da Divina Misericórdia e a sacristia (no terceiro pavimento), o Museu de Arte Sacra (no segundo pavimento) e um espaço de serviços (no primeiro pavimento). A terceira fase contempla também a execução da estrutura em concreto moldado no próprio terreno, e toda a tecnologia e metodologia da construção, como escoramentos, formas e acabamento do concreto, considerando o melhor aproveitamento dos recursos técnicos, humanos e financeiros, e objetivando o melhor resultado da obra. Esta etapa não considera as instalações e os acabamentos da arquitetura no interior dos espaços.


CATEDRAL CRISTO REI

Deus ouviu nossas preces

Foto: Iraci Laudares

O aposentado Antônio Maia, que mora em Divinópolis, distante cerca de 120 km de Belo Horizonte, disse que sonha com a construção da Catedral Cristo Rei desde a década de 1950. Naquela época, aos seis anos, Antônio Maia era coroinha e ouvia o padre de sua paróquia contar, com grande entusiasmo, que dom Antônio dos Santos Cabral, primeiro arcebis­ po da Arquidiocese de Belo Horizonte, estava planejando construir a Catedral Cristo Rei. Segundo Antônio Maia, o padre, durante as missas, convidava os fiéis a rezarem pela conclusão da obra. “Lembro que não foi possível, naquele momento, a construção da Catedral, que ficaria

na Av. Afonso Pena”, recorda-se. Mas, 62 anos depois, o aposentado disse ter vivido uma grande alegria quando viu, pelos meios de comunicação, a notícia de que a Arquidiocese de Belo Horizonte havia retomado o projeto. “Deus ouviu nossas preces e, agora, encorajou dom Walmor a realizar essa grandiosa obra”, destacou. Bastante entusiasmado, Antônio Maia revela que contribui, com grande alegria, para a edificação da Catedral Cristo Rei. “Na minha pequenez, ofereço minha alegre contribuição e continuo com minhas orações. Vou incentivar sempre os meus amigos a fazerem o mesmo”, acrescentou o aposentado.


CAPA

Gesto de grande amor à Igreja A aposentada Nair de Oliveira Lana, de 86 anos, doou duas latas de argamassa para a construção da Catedral Cristo Rei. Um gesto simples, mas que reflete o grande desejo de dona Nair: ver edificada a Catedral Cristo Rei. A aposentada, que mora com as filhas e o neto, disse que todos os dias escuta o programa “Encontro com o Pastor”, transmitido pela Rádio América e apresentado pelo arcebispo dom Walmor. Dona Nair conta que todos os dias faz orações para que Deus dê muita vida e saúde para o Arcebispo. “A palavra de dom Walmor traz muita paz para minha casa”, conta. Dona Nair disse ter muita fé na construção da Catedral Cristo Rei. “Tenho fé que ainda vou participar de missa lá”.

11


CATEDRAL CRISTO REI

Visita da Maquete A maquete da Catedral Cristo Rei está sendo apresentada às comunidades de fé das paróquias da Arquidiocese de Belo Horizonte. A maquete foi abençoada pelo Papa Bento XVI durante a exposição “O esplendor da verdade, a beleza da caridade”, realizada no Vaticano. A exposição homenageou os 60 anos de sacerdócio do Papa.

Fotos: Campanha Faço Parte

Maquete da Catedral Cristo Rei visita a Paróquia Nossa Senhora da Saúde, em Lagoa Santa

Maquete da Catedral Cristo Rei visita a

Paróquia São Gonçalo,

12

em Contagem


CARIDADE E VIDA

Promoção da cidadania O Projeto Vila Fátima tem o objetivo de contribuir para melhorar a qualidade de vida, os vínculos comunitários e o compromisso com a cidadania. um espaço do Centro de Evangelização Vila Fátima, revitalizado pela Arquidiocese de Belo Horizonte. A instituição conta com dois laboratórios de informática, além de salas para oficinas temáticas, atendimento psicossocial e assistência social. De acordo com dom Wilson, o Projeto Vila Fátima tem a expectativa de crescer ainda mais, “ofertando novas atividades”.

Foto: Gustavo Araújo

A Arquidiocese de Belo Horizonte promoverá oficinas gratuitas para jovens de 14 a 17 anos que moram em Ribeirão das Neves e região. O Projeto Vila Fátima, lançado em cerimônia presidida pelo bispo auxiliar da Arqui­ diocese dom Wilson Angotti, também oferece atendimento psicossocial e assistência social, com o objetivo de contribuir para melhorar a qualidade de vida, os vínculos comunitários e o compromisso com a cidadania. São desenvolvidas oficinas na área de informática, montagem e manutenção de computadores, culinária, arte e artesanato, coordenadas por professores e alunos da PUC Minas, com o apoio do Vicariato Episcopal para a Ação Social e Política. As oficinas são realizadas em


PRESTANDO CONTAS

Ermida mais bonita para os fiéis

Fotos: Ir. Débora Miguel

Os peregrinos que visitam o Santuário Nossa Senhora da Piedade durante o período do Jubileu, têm a oportunidade de admirar a nova pintura da Ermida da Padroeira. Graças à colaboração de todos que participam da Campanha Faço Parte, a pequena capela, que há mais de dois séculos acolhe romeiros para momentos de oração, ficou ainda mais bonita para os fiéis, período em que o Santuário recebe maior número de visitantes. A tinta utilizada para a pintura da Ermida é especial, pois precisa atender as exigências do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O Santuário Nossa Senhora da Piedade é tombado pelo órgão federal e também pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG). Conforme explica a arquiteta da Mitra Arquidiocesana, Daniela Duarte de Freitas Oliveira, a tinta deve ser à base de cal. “Essa tintura permite maior conservação das estruturas”, esclarece. Em função do clima característico da região de montanhas, que é bastante úmido, as tintas comuns provocariam o isolamento da umidade no interior das paredes, desencadeando um processo de deterioração. A arquiteta lembra que o vento e a chuva removem a pintura rapidamente. “Precisamos pintar a Ermida cerca de três vezes ao ano, pois além das condições climáticas, a tinta à base de cal, que proporciona maior conservação, tem menor durabilidade”, ensina. As cores que sempre são utilizadas nesse processo respeitam a pintura original da edificação. 14


Faça parte

Sua contribuição faz toda a diferença.

Você pode participar com débito automático ou débito em conta: Banco Itaú (341)

Agência: 1403 Conta Corrente: 97.888-3 Nominal: Mitra Arquidiocesana de Belo Horizonte

Banco Bradesco (237) Agência: 2485-6 Conta Corrente: 33.777-3 Nominal: Mitra Arquidiocesana de Belo Horizonte

Banco Santander (033)

Agência: 3476 Conta Corrente: 13003705-7 Nominal: Mitra Arquidiocesana de Belo Horizonte

Foto: Jair Amaral - E.M.

Mais informações: 31.3209.3559 www.arquidiocesebh.org.br


“ Os projetos do Niemeyer são como música que tocam o coração da gente. Um prédio desenhado por ele é muito mais do que uma construção, é uma obra de arte. É a cultura viva, porque está nas ruas, onde estão as pessoas o artista tem que estar. Entre as obras de Oscar Niemeyer, as igrejas e catedrais têm um significado especial na minha vida. Eu cresci ouvindo os cantos das missas e procissões e isso ficou para sempre dentro de mim, na minha música. Esse projeto da Catedral Cristo Rei é especial para nós mineiros, por ser a mais recente catedral projetada pelo Niemeyer, um espaço para a fé, a paz e por ter essa coisa tão importante de promover a cultura. “

Foto: Divulgação

Milton Nascimento Cantor e compositor


Revista Faço Parte - Edição 34