Page 133

Trabalhos de Conclusão de Curso | 2019_1

Portando a ideia é de acabar com a ameaça de autodestruição desse bem importantíssimo para a história do país de forma que as intervenções sejam pontuais e sutis, onde possibilite ressaltar o valor do espaço, integrado com sua memória. A reestruturação do local pretende ser desenvolvida com o objetivo de diferenciar os novos elementos construídos - usando sistemas, materiais e linguagens da construção contemporânea, contrapondo os elementos originais desse bem. Visando preservar todos os aspectos do passado, sua intervenção não devera esconder traços, feridas e cicatrizes – evidenciando essa sútil transição entre o antigo e o novo. Os métodos utilizados precisam fortalecer a construção sem apagar os sinais de deterioração que o espaço sofreu, e sim adicionando novos significados a esse legado histórico. Destacar a ideia de um monumento vivo, em constante mutação – continuando seu processo de registro no tempo em cada marca.

Referências BOITO, Camillo. Os Restauradores. 1884. Tradução e Apresentação Beatriz Mugayar Kühl. Editora Ateliê Editorial. Ensaio & Pesquisa. BYE BYE Barcelona. Direção: Eduardo Chibás. Barcelona, Espanha. 2014. CALDAS, André. Itanhaém Histórica. Um Resumo da Trajetória da Segunda Cidade do Brasil. São Paulo: Daikoku, 2011. CHOAY, Françoise. A Alegoria do Patrimônio. 1992. Tradução Luciano Vieira Machado. São Paulo. IPHAN. Cartas Patrimoniais. LE GOFF, Jacques. História e Memória. Cap. Documento/Monumento. 1924. Tradução Suzana Ferreira Borges. MENESES, Ulpiano Toledo Bezerra de. A Cidade Como Bem Cultural: áreas envoltórias e outros dilemas, equívocos e alcance da preservação do patrimônio ambiental urbano. São Paulo: IPHAN. 2006. PEREIRA, Meire Aparecida de Souza. Projeto de Preservação do Acervo Museológico do Convento de Nossa Senhora da Conceição de Itanhaém. 2018. RUSKIN, John. As Sete Lâmpadas da Arquitetura. Cap. A Lâmpada da Memória. 1849. Tradução e

Pesquisa. Turismo Cultural. Ministério do Turismo. Brasília. 2010. VIOLLET-LE-DUC, Eugène Emmanuel. Restauração. Tradução e Apresentação Beatriz Mugayar Kühl. Editora Ateliê Editorial. Ensaio & Pesquisa.

131

L3

SANTOS, Carlos Nelson F. dos. Preservar Não é Tombar, Renovar Não é Pôr Tudo Abaixo. Ensaio &

Patrimônio Arquitetônico e Urbano

Apresentação Maria Lucia Bressan Pinheiro. Editora Ateliê Editorial. Ensaio & Pesquisa.

Profile for ARQLAB SENAC

Revista do TCC 2019_1  

Revista dedicada à publicar, em forma de ensaios, os trabalhos de conclusão de curso dos alunos de Arquitetura e Urbanismo do Centro Univers...

Revista do TCC 2019_1  

Revista dedicada à publicar, em forma de ensaios, os trabalhos de conclusão de curso dos alunos de Arquitetura e Urbanismo do Centro Univers...

Advertisement