Page 32

A palavra tradição, por sua vez, apesar de usada atualmente com relativa freqüência, designando todo “acervo cultural”, origina-se do latim traditione que significa entrega ou o ato de transmitir ou entregar e, assim, aborda além do conhecimento, a prática de transmissão. Apesar de ser usada também significando a acumulação do saber de uma sociedade ou grupo social, contempla também as maneiras de transmitir, as formas de ensinamento, a hierarquia social fundada no conhecimento e práticas culturais – ou seja, quando estamos falando em tradição estamos falando da relação dos indivíduos em sociedade. Em certa medida, a tradição é entendida como o mundo se dá a um indivíduo e como ele se dá ao mundo. No livro Ser e Tempo, Heiddeger (1927) desenvolve a idéia de tradição como sendo algo ou tudo que precede a existência, ou melhor, a pre-sença. A idéia da tradição como mundo e relações no e com o mundo é recorrente nos seus escritos. É a partir do mundo, da tradição herdada, que um indivíduo se relaciona e compreende a si mesmo e ao próprio mundo. Em certa medida, a consciência da relação entre o si-mesmo e o mundo, enquanto tradição, é o que regula e permite a abertura das possibilidades de seu ser, da sua existência no mundo, da sua pre-sença. Para ele o ser - podemos dizer um indivíduo-, é o passado que “acontece” em seu presente, lançando-se ao futuro, condicionado e apropriando-se continuamente das coisas do mundo, das heranças, das tradições e de si mesmo. A pre-sença “é” seu passado no modo do seu ser, o que significa, a grosso modo, que ela sempre “acontece” a partir do seu futuro. Em cada um dos seus modos de ser e, por conseguinte, também em sua compreensão do ser, a pre-sença já nasceu e cresceu dentro de uma interpretação de si mesma, herdada da tradição. De certo modo e em certa medida, a pre-sença se compreende a si mesma de imediato a partir da tradição. Essa compreensão lhe abre e regula as possibilidades de seu ser. Seu próprio passado, e isso diz sempre o passado de sua geração, não segue mas precede a pre-sença, antecipando-lhe os passos. (HEIDEGGER, [1927], 2000 p. 48)

Por fim, é fundamental esclarecer que, enquanto a cultura engloba o acervo das coisas no mundo, a tradição tem um aspecto importantíssimo e determinante ao entendimento

10

Considera que as capacidades e diferenças culturais resultam de especificidades e diferenças entre as “raças” ou grupos humanos.

32

Revista ARQCHRONOS - Arquitetura em Patrimonio  

A criação da Revista ARQCHRONOS – arquitetura em patrimônio – é um pólo de troca e de ação crítica relacionado a área de Patrimônio Arquitet...

Advertisement