Page 151

Foto09 – Propaganda Suvinil – Pintura do Mercado Modelo Fonte: Portal Mercado Modelo (agosto 2007)

Por último, ainda nesse sentido, as intervenções práticas sobre o patrimônio podem ser predeterminadas e condicionadas por imposições de empresas, atendendo a interesses particulares. É possível que algumas intervenções sejam determinadas a fazer uso ou adotar produtos e ou soluções técnicas, sendo transformadas em show room ou “ações promocionais” ou “garotos propagandas” amplamente exploradas em campanhas e informes publicitários comerciais. Além de das intervenções, objetivando a veiculação de imagens em outras mídias, terem as soluções projetuais decididas em função de uma “estética publicitária”. Nesse caso, possivelmente, os projetos de intervenção são direcionados e adequados às disposições empresariais, ficando a atuação profissional e as escolhas técnicas subordinadas às diretrizes dos “parceiros” ou “padrinhos” - dos interesses privados - nem sempre as mais adequadas. A recente intervenção e “restauração” do Forte São Marcelo, ou melhor dizendo, agora conhecido como “Forte São Marcelo – espaço cultural LG & Insinuante”, é um rico “caso de sucesso” dessas práticas de apropriação simbólica dos bens patrimoniais às estratégias de comunicação, tanto empresarias quanto governamentais. Com um agravante de 151

Revista ARQCHRONOS - Arquitetura em Patrimonio  

A criação da Revista ARQCHRONOS – arquitetura em patrimônio – é um pólo de troca e de ação crítica relacionado a área de Patrimônio Arquitet...

Advertisement