Issuu on Google+

Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado

go i am o A

Junho 2009

A trajetória de um amigo Aos 7 de junho de 1964 nascia, em São Vicente, Marcelo Afonso Prado. Hoje, tenente coronel da Polícia Militar do Estado de São Paulo, comandante do 39° BPM/I - Batalhão João Ramalho, em São Vicente, cuja solenidade de assunção de comando foi realizada no dia 26 de junho de 2009. Nem o vento frio e a ga-

roa, típicos desse período do ano, afugentaram os amigos do antes garoto das domingueiras do C. R. Tumiaru e E. C. Beira Mar ou ainda dos companheiros do E. C Tapuias e do Real, clubes de futebol varzeano da cidade nos quais jogou, além dos atuais amigos que conquistou durante a trajetória na Polícia Militar, não só pelo respeito a todos os

companheiros de missão mas, principalmente, pela conduta ilibada que sempre o acompanhou em todos os momentos e nas ações durante a vida. Fica aqui, neste espaço, o meu singelo agradecimento pelos ensinamentos e orientações transmitidos por ti. “Não adianta ser correto, mas tem de parecer correto”. Obrigado.

Todos conhecem a responsabilidade de um comandante?

Polícia Militar

de São Paulo “Confia em DEUS. Aceita, no dever de cada dia, a vontade do Senhor para as horas de hoje. Não fujas da simplicidade. Conserva a mente interessada no trabalho edificante. Detém-te no lado bom das pessoas, das situações e das coisas. Guarda o coração sem ressentimentos. Cria esperança e otimismo onde tiveres. Reflete nas necessidades alheias, buscando suprimi-las e atenuá-las. Faze todo o bem que puderes, em favor dos outros, sem pedir remuneração. Auxilia muito, Espera pouco. Serve sempre. Espalha a felicidade no caminho alheio, quanto seja possível. Esteja em paz e seja feliz”. Espírito de Emmanuel.


go i am o A

Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado Junho 2009

Trajetória profissional O Ten Cel Marcelo Prado ingressou na Polícia Militar do Estado de São Paulo em 1° de fevereiro de 1982, na Academia Militar do Barro Branco. Em 15 de dezembro de 1985, foi declarado Aspirante, após conclusão do Curso de Oficiais. No decorrer de sua vida profissional, obteve as seguintes promoções: 2° Tenente, em 25 ago de 1986; 1° Tenente, em 24 de maio de 1989; Capitão, em 24 de maio de 1995; Major, em 24 de maio de 2005; e Ten Cel, em 24 de maio de 2009.

Compromissos Durante o discurso de

posse, Marcelo Prado elencou seis objetivos principais à frente do Batalhão João Ramalho: 1) Transmitir sensação de segurança, fazendo com que a polícia seja mais visível e nos aproxime ainda mais da comunidade, dentro da filosofia de polícia comunitária; 2) Manter o controle da criminalidade, utilizando o programa de policiamento inteligente e mantendo os delitos em tendências estáveis ou decrescentes; 3) Incrementar o combate ao crime organizado, mostrando que pertencer ao crime não compensa; lembro-me que hoje, 26 de jun, é o Dia Internacional de Combate às Drogas; 4) Continuar o processo de modernização da Polícia Militar, ampliando os pro-

Cel Brandão (direita.) confirma a passagem de comando ao Ten Cel Marcelo Prado pelo Ten Cel Jairo

gramas de qualidade baseados em tecnologia e gestão, utilizando o novo Sistema de Gestão de Polícia Ostensiva (GESPOL), desenvolvido pela Polícia Militar;

5) Valorizar o policial militar, nosso mais precioso recurso, reconhecendoo e melhorando ainda mais a sua condição de trabalho; e 6) Continuar o processo

de depuração interna, continuando a ser implacável com os desvios de conduta, cortando na própria carne se preciso for, como temos feito, em prol de uma polícia cada vez melhor.

“Agradeço a presença de todos e ao Pai Celestial, Grande Arquiteto do Universo e Senhor dos Mundos, que vossa bondade e justiça continue a nos guiar, diante de nossas imperfeições, guardando e abençoando a nossa Polícia Militar”, Marcelo Prado, comandante do 39° BPM/ I. Jun/09 Comte do CPI, Cel Brandão, ladeado pelo ex-comte Jairo e comte atual Marcelo

Marcelo Prado informa a todos o compromisso que o norteará à frente do 39° BPMI


Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado

go i am o A

Junho 2009

Qualificação profissional Ao longo dos 27 anos na Polícia Militar, além dos cursos regulares de formação, Marcelo Prado concluiu uma série de outros que o transformaram num dos principais oficiais da milícia paulista, tal é o tamanho de seu currículo. Prado realizou cursos no Brasil e no exterior. Eis alguns deles: bacharel em Ciências Policiais e Segurança e Ordem Pública (Barro Branco), bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais (Unisantos), curso de Combate com Faca (Exército Brasileiro), curso de Imobilização Tática (CATI), curso de Força Tática (ROTA), curso de Negociação com Reféns (GATE),

curso de Técnica de Tiro Israelense e proteção de Dignatários (AFTARRAT ISHIM), curso de Entrada de Alto Risco (Swat - Los Angeles - Califórnia), entre outros. Medalhas e condecorações O novo comandante Marcelo Prado também foi condecorado e recebeu medalhas dentro e fora da polícia. Dentre elas, destacam-se: láurea de Mérito Pessoal em 1° grau, medalha 9 de Julho (Capacetes de Aço), título de Cidadão Vicentino, membro da Loja Maçônica Pedro I - grau 32, conselheiro eleito do Santos Futebol Clube (6 anos), entre outras homenagens.

Mais uma homenagem para enriquecer e abrihantar o currículo do Ten Cel PM Marcelo Prado

Unidades nas quais serviu CPI/6

29° BPM/I

* C F Patr * Of SJD

* Cmt de Cia Territorial

39° BPM/I 6° BPM/I *Cmt Pel Chq * C F Patr * Cmt de Cia Territorial

21° BPM/I * Sub Cmt BTL

* Cmt Pel Tát Móvel * Oficial P/3 * Cmt de Cia FT * Of SJD * C F Patr * Cmt de Cia Territorial * Tribunal de Justiça Militar de São Paulo

Prado aguarda a passagem da tropa no encerramento da cerimônia de posse do comando do BTL


Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado

go i am o A

Junho 2009

Trajetória familiar Nenhum ser humano é perfeito e completo se, por trás dele, não existir uma família digna, honrada e amorosa. Com o comandante Marcelo Prado, chavão à parte, não é diferente. Depois de agradecer aos amigos presentes à cerimônia de passagem de comando, foi a vez de agradecer àqueles que, dia a dia, estão presentes, desde a mais tenra idade no conforto do lar materno, até nos dias atuais com os mais novos descendentes.

Começou por agradecer ao papai Nelson e à mamãe Adelina, cujos atributos pessoais de exemplo de vida, dedicação carinho e atenção foram ressaltados como itens imprescindíveis na formação do caráter. Passou pelo vovô Pedro (in memoria), a quem grifou como modelo de retidão. Chegou, então, à esposa Luciane, destacando as qualidades de companheira, cúmplice, amiga e alma gêmea, finalizando com os frutos do amor: os filhos Pedro e Matheus.

Mais que real: “atrás de todo grande homem existe uma grande mulher”, esposa Lu recebe as flores

À esquerda Papai Nelson (sentado) e mamãe Adelina (blusa cinza). “Exemplos de vida, dedicação, carinho e atenção, além da contribuição na formação de meu caráter e orientação do caminho certo a seguir”, Marcelo Prado

À direita Papai Marcelo Prado, esposa Luciane e filhos Pedro e Matheus.

À esquerda Mais da família do Ten Cel Marcelo Prado. “... esposa Luciane: companheira, cúmplice, amiga... e os frutos do nosso amor, nossos filhos Pedro e Matheus... Papai ama vocês”, Marcelo Prado.

À direita O titio Adilson Batalha: um companheiro e amigo de todas as horas e a amiga Sônia.


go i am o A

Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado

Junho 2009

Recepção aos familiares e amigos

O Ilha Porchat Clube, um dos mais tradicionais de São Vicente, foi o palco onde o Ten Cel Marcelo Prado recepcionou os amigos e familiares O deputado estadual paulista e amigo, Luciano Batista, compareceu para prestigiar a posse do comandante do 39° BPM/I Marcelo Afonso Prado. Os dois ainda são membros do Conselho do Santos Futebol Clube. “Cícero, grande filósofo e orador romano, numa de suas reflexões, concluiu que: ‘nenhum dever é mais importante do que a gratidão’, razão pela qual externo meus agradecimentos a todos”, discurso de Marcelo Prado na cerimônia de posse do comando do 39° BPM/I, em São Vicente/SP. O amigo e também Ten Cel Lara, hoje reformado, e esposa. Um dos comandantes que serviu de exemplo no tratamento e respeito dispensados aos policiais militares de todos os postos e graduações.


Tenente Coronel Marcelo Afonso Prado

go i am o A

Junho 2009

Um pouco mais da recepção aos amigos e familiares do Ten Cel Marcelo Prado A entrega desta simples homenagem ao amigo Marcelo Prado coincide com a comemoração do Dia dos Pais

Origem do Dia dos Pais: Estados Unidos da América Em 1909, Sonora Louise Dodd, filha do veterano da Guerra Civil, John Bruce Dodd, ao ouvir o sermão da mãe, teve a ideia de celebrar

o dia dos Pais. Sonora, de Washington, queria um dia especial em homenagem ao pai, que viu sua mãe dando a luz ao sexto filho, tendo de

criar o recém-nascido e seus outros filhos sozinho. Assim, como o pai de Sonora nasceu no mês de junho, ela escolheu celebrar o primeiro

dia dos Pais em 19 de junho de 1910.

No Brasil O publicitário Sylvio Bhering instituiu o dia 14 de agosto de 1953, coincidindo com o dia

de São Joaquim, patriarca da família, como o primeiro Dia dos Pais no Brasil. Atualmente, a data é comemorada no segundo domingo de agosto. Fonte: www.pailegal.net


Marcelo Prado