Issuu on Google+

SOBROU PARA O IDOSO

MATOU SÓ POR COCAÍNA Na fissura, Franklin Souza matou um homem de bem a chutes e pedradas. Na frente da delegada, ele deu pra chorar MALDADE

l ARIVALDO SILVA email@nononono.non

"Chutei a cabeça dele até ele desmaiar. Depois bati com as pedras na cabeça, peguei a bolsa e joguei fora. Eu cheirei (cocaína) para sair aprontando mesmo". As barbaridades saíram da boca de Franklin Breno da Silva Souza, 18 anos, que matou na tarde de domingo o cabeleireiro Domingos Santos, 76. Ele queria roubar o idoso para poder comprar cocaína. Ontem ele foi apresentado na

delegacia do CIA e misturou choro e euforia enquanto contavaahistória. O crime foi na noite dedomingo,nasproximidades da Ceasa. Depois da sessão de espancamento, a vítima, com muitas fraturas, sofreu cortes com faca por todo o corpo. Domingos foi levado para o Hospital do Subúrbio, mas já chegou morto. “Ele chamou os santos dele, mas eu estava muito drogado e continuei batendo”, disseomiserável.

Só na frieza

Bandido contou como apagou o senhorzinho e limpou a bolsa dele

Bom passado

Desde pequeno, Franklin conhecia o idoso. O velhinho era evangélico e, segundo a mulher, Lucília de Souza, de 23 anos, nunca teve inimigos.

Assassino era fichado

Bebê sem pai

Leal, o De acordo com a delegada Magali ícia por pol a pel ens sag adolescente tem pas ro de Lau e o zeir Jua de s furto nas cidade cia do ega del na ado fich ser Freitas, além de do to Bonfim. A vítima era cem por cen um filho a tinh e a vid a a tod ou bem, trabalh de 5 meses com Lucília.

SALVADOR

CONFUSÃO

Barulho leva André Lelys para a delegacia O cantor André Lelys, irmão de Durval Lelys, foi preso na noite de domingo quando fazia um show na casa de show Suburbia, em Aracaju, Sergipe. A acusação do PM Igor Soares é que o espetáculo estava com o som muito alto e que eles foram chamados por vizinhos incomodados. O cantor foi levado para uma delegacia sob alegação de que não teria obedecido à ordem da polícia de parar o show e por ter jogado o público contra a PM. Rolou uma vaia geral na polícia. Na delegacia, o cantor aguardou por três horas para ser ouvido lá pelas 2h da madrugada. Ele alegou não ter como saber, do trio, se o som estava alto. “E a abordagem foi arrogante e truculenta”, completou. E saiu de lá levantando a bola de Salvador: “Lá não acontece isso”. POLÍCIA CIVIL

MAU CHEIRO NO AP

Morto sentado no sofá

O artista plástico Márcio Tosta Anjos, 34 anos, foi encontrado morto ontem no apartamento 1.204 do Edifício Palazo Amal-

fi, na Avenida Princesa Isabel (Barra). A polícia chegou ao local depois que uma vizinha de Márcio informou que um forte

Massa!

Terça-feira, 1 de março de 2011 ARESTIDES BAPTISTA

6 !NAS RUAS

mau cheiro exalava da casa. Após arrombar a porta, encontraram o corpo no sofá. Não havia sinais de violência.

CANAVIEIRAS

Quarteto das drogas e da orgia barbarizava

O VERMELHINHO

Carollaine Santana, 19 anos, Ana Paula da Silva, 21 anos, e Nivaldo Souza da Silva foram presos com um menor de idade em uma boca de fumo de Canavieiras, a 559 km de Salvador. O grupo tinha crack (86 pedras), vários papelotes de cocaína e dolinhas de maconha. O pior é que, além da droga comprovar que são traficantes, ainda são acusados de fazer orgia com o menor.

RECOMPENSA

Levaram tudo do fotógrafo

O fotógrafo Luciano Bastos, 30 anos, oferece recompensa a quem possa dar pistas do paradeiro de sua câmera fotográfica modelo Nikon D300, uma filmadora Canon e um notebook de marca LG. Os equipamentos foram furtados de seu apartamento na madrugada do último sábado. Contatos pelo telefone 8734-9754.

ERIK SALLES

PM ASSASSINO

l TEIXEIRA NEWS

BÊBADOS E BRIGÕES Socos e pontapés na praça de Itamaraju, no final de semana. Começou com uma briga de casal, mas muita gente meteu a colher e a praça virou de guerra com 30 brigões. A PM chegou, levou 3 e liberou depois. Mulher deu chilique e desmaiou.

Investigação Como Rosângela morreu, o policial militar agora vai ter de responder por homicídio.

34 dias de agonia Rosângela Barreto da Silveira, 41 anos, morreu depois de ficar internada 34 dias no HGE. Ela foi baleada no dia 23 de janeiro pelo PM Valter Paulo dos Santos, 48, no

bairro do Uruguai. O PM estava de folga no dia e interferiu em uma discussão de Rosângela com a vizinha Josinalva Estrelado, conhecida como Índia. Ela é cunhada do PM.


Matou só por cocaína