Page 156

nenhum, mas no último ano, mais ou menos... Houve essa mudança na minha capacidade de acompanhar o ritmo no trabalho... Ela jogou a erva daninha pela sacada, na rua lá embaixo, e voltou a regar. – Acho que é parte do motivo pelo qual eu tentei dizer a mim mesma que iria manter você a uma distância segura. Ela ergueu os olhos e me deu um sorriso insolente. – Viu? Eu já estava delirando. Nós dois sabemos que este não é o tipo de relacionamento que uma pessoa pode controlar. – Você não acha que é injusto que tenha ficado bem todos esses anos e a gente só tenha se encontrado quando você começou a ficar doente de novo? – O acaso é o acaso, Cal. Ela regou uma planta morta, como se ainda houvesse esperança para ela, de alguma forma. – Depois que nos encontramos aquela primeira vez, eu decidi que não seria justo com você deixar que essa coisa entre nós se solidificasse. Para falar a verdade, eu fui de carro para o trabalho depois daquela primeira noite para não ter que ver você e daí pá, lá estava você, passando pelo meu escritório bem na hora certa. Parte de mim quer acreditar que era para ser assim, mas a maior parte de mim acredita que simplesmente aconteceu e depois que nos conhecemos... Ela divagou e se virou de volta para mim. – Você tirou licença do trabalho? – Eles me mandaram um e-mail hoje de manhã. Eu tinha, na verdade, lido o e-mail enquanto ela arrumava as coisas para ir embora do hospital, mas depois me esquecera completamente. Era engraçado como o trabalho era a menor das minhas preocupações ultimamente. – Os diretores me deram uma licença remunerada de três meses. Depois disso, vamos reexaminar a questão. – Reexaminar – repetiu Lilah baixinho. O fluxo do regador reduzira para poucas gotas e ela se virou para mim e o esticou na minha direção. – Pode encher de novo? – Você sabe que está regando plantas mortas, né? As dezenas de vasos na sacada continham basicamente galhos sem folhas e terra seca. Ela balançou o regador mesmo assim e ergueu as sobrancelhas para mim. – Nós estamos na fase de cumprir os últimos desejos da minha vida de verdade, seu imbecil, e ser uma jardineira incrível está na minha lista de coisas para fazer antes de morrer, então trate de ir se mexendo.

Profile for Ariana Santos

Eu Sem Voce - Kelly Rimmer  

Eu Sem Voce - Kelly Rimmer  

Advertisement