Issuu on Google+

Edição nº2 Outubro 2011

Associação Cultural Recreativa e Desportiva do Arco da Memória

Tudo o que se passa na Associação está aqui.

Não se esqueça!

Pode enviar sugestões, críticas, fotografias e comentários para o e-mail arconaparede@gmail.com

Em Destaque:

Almoço Churrasco na Associação

Foi mais um evento levado a cabo pela nossa Associação, no passado dia 23 de Outubro. Sopa de legumes, grelhados, batata frita e salada compuseram a ementa, nunca faltando as já habituais sobremesas, maioritariamente oferecidas. A adesão ao almoço, cerca de 150 pessoas, leva mais uma vez a comprovar o que já tinha sido percebido com o almoço realizado em Agosto, o empenho em regularizar as contas da Associação é geral! A nota é mais uma vez positiva, o resultado está à vista! Obrigado a todos!

Arranque da Escola de Música

Já está em actividade desde o início de Outubro a escola de música do Arco da Memória! Com as aulas teóricas ao sábado e as aulas de instrumento durante toda a semana, a escola de música é mais uma actividade da associação. Se gostava de aprender a tocar algum instrumento, venha experimentar!


Arco Na Parede

Edição Nº 2 Outubro 2011

Obras no forno da Associação

2

É com satisfação que a Associação, graças ao trabalho voluntário de alguns habitantes, tem um forno a lenha pronto a ser utilizado! A inauguração oficial do forno está para breve, esteja atento! Aos que tornaram possível o acabamento do forno, oferecido por Júlio Filipe, a todos um muito Obrigado!

Actuação do Rancho no Pé da Serra Foi no último domingo de Outubro que o Rancho do Arco da Memória encerrou a sua agenda de actuações de 2011. Foi no Pé da Serra que as danças e cantares do nosso Rancho animaram a tarde de um animado público.

Anúncios

Insira o seu anúncio no nosso jornal!

Basta enviar o seu anúncio para o email arconaparede@gmail.com.

Flor de Canela

O artesanato original para si e para o seu Natal. Visite aos sábados à tarde das 14:30 às 17:30 (junto aos tractores).


Arco Na Parede

Edição Nº 2 Outubro 2011

Mensagem da presidente

3

O ASSOCIATIVISMO NA “COMUNIDADE ARCO DA MEMÓRIA”

Surgiu a ideia do “Arco na Parede” que achei óptima! Um meio de comunicar à população o que vai acontecendo na nossa comunidade, e também uma via onde, quem quiser participar, poderá expressar as suas ideias e os seus conhecimentos. Quando me foi proposto que contribuísse para a elaboração desta edição, falando de um tema ao meu critério, pensei que seria uma óptima oportunidade para partilhar com todos os que lêem este jornal, a ideia que tenho do Associativismo na “Comunidade Arco da Memória”(1). Nos tempos que correm, em que a todo o momento ouvimos anunciar a “crise” e as “dificuldades do país e do mundo”, pensamos nós: “quem é que se preocupa, nesta altura, com o Associativismo”? Mas, dizia o Sr. Padre na missa de Sábado passado, que “a crise monetária que vivemos actualmente foi criada pelas pessoas, que na sua azáfama diária e na sede de satisfação material, não conseguiram evitar uma crise de sentimentos e afectos! Essa é a maior crise!” E é certo que, se pensarmos um pouco, acabamos por concordar com esta teoria. No entanto, é com alegria e reconforto que olho para o meio onde vivo e sinto que aqui ainda não chegou essa crise! Senão vejamos: • A nossa Associação continua de pé, apesar das dificuldades e da situação de dívida em que se encontra; • As coisas boas que se conseguiram criar ao longo dos tempos, mantêmse, e por enquanto, de boa saúde! • A Escola de Música, graças à boa vontade de professores, alunos e encarregados de Educação, e com o apoio possível da Associação, continua em funcionamento; ->


Arco Na Parede

Edição Nº 2 Outubro 2011

4

• O Rancho Folclórico teve um ano repleto de actuações e já tem agenda iniciada para o ano de 2012; • O Bar continua aberto ao serviço de quem gosta de tomar o seu cafezinho do almoço, a sua cerveja de fim de tarde ou de passar um bocado ao serão! • As obras, são poucas é certo, mas o nosso salão ganhou mais cor e luminosidade há uns meses atrás, e ainda agora se concluiu a construção do forno do pão; • Actividades não têm faltado, e até final do ano outras surgirão, conforme já anunciado;

• À custa da união de esforços e boa vontade de todos, e do sucesso dos eventos que se têm realizado, a dívida da nossa Associação está ser amortizada, embora gradual e lentamente, e as contas-correntes actuais estão em dia. Deixando a crise de lado, o que mais podemos querer ou pedir num meio como o nosso? O que de melhor podemos querer nesta vida do que a concretização de objectivos para os quais todos lutamos em conjunto? Concluindo o meu raciocínio, estou confiante de que se continuarmos a trabalhar como até aqui, mais além conseguiremos ir. No entanto, nada disto será possível sem um elemento essencial: a união, esforço e boa vontade da população na luta por um mesmo objectivo! Espero poder continuar a afirmar que no meio onde vivo existe Associativismo! (1) Entenda-se: Arco da Memória e todas as Aldeias em seu redor. Outubro’2011 Clara Rosa


Arco Na Parede

Edição Nº 2 Outubro 2011

5

Agenda da Associação:

11 de Novembro (Sexta-Feira): Castanhas e água pé na Associação. 20 de Novembro (Domingo): Feira das Sopas na Associação. 31 de Dezembro (Sábado): Passagem de Ano na Associação.

Convívio de São Martinho

Dia 11 de Novembro (sexta-feira) venha comemorar o São Martinho na Associação! A partir das 21:30 traga a água-pé que a Associação oferece as castanhas!

Feira das Sopas

É já no próximo dia 20 de Novembro a 1ª feira das sopas aqui na Associação! As portas abrem às 12:30h, uma excelente oportunidade para vir eleger a melhor sopa, saborear os deliciosos petiscos típicos e tornar a feira das sopas mais um evento de sucesso da nossa Associação. Não é preciso inscrever-se, basta aparecer!


Arco Na Parede

Rubricas:

Edição Nº 2 Outubro 2011

6

O Arco da Memória visto de outra perspectiva...

Memórias...

Reconstrução do arco em 1981


Arco Na Parede

Boletim Mentiriológico

Edição Nº 2 Outubro 2011

7

PRECIPITAÇÃO DE MENTIRAS OCORRIDAS DURANTE O MÊS DE OUTUBRO Poucas pessoas se deram conta que o último dia do passado mês de Outubro foi mais comprido, teve precisamente 27h 30m; isto deveu-se a uma avaria no sistema que faz girar a Terra. Felizmente a paragem foi só de 3h 30m, dado a rápida intervenção de um grupo de técnicos Marcianos. . Numa pequena aldeia transmontana houve em tempos uma família que descobriu o segredo de viver muito mais tempo; essa descoberta que só agora nos foi revelada consiste em comprar um caixão quando se atinge os 30 anos e a partir daí dormir todas as noites dentro dele. Parece que o método dá resultado, pois existe ainda um membro dessa família com 175 anos e já conhece os bisnetos dos trisnetos. PREVISÕES MENTIRIOLÓGICAS Cheio de coragem e determinação, há um jovem do Arco da Memória que resolveu entrar para o Guiness: propõe-se bater o recorde anterior, cavando terra seca durante 228 horas, dia e noite. Adaptado de um excerto escrito para o jornal “O Alcobertense” de 1988

Coisas que provavelmente não sabia

- Um banco na América dá armas grátis; - Polícias na Índia têm o salário aumentado quanto maior forem os seus bigodes; - É ilegal dar o nome de Napoleão aos porcos na França; - O corvo é a ave mais inteligente que existe; - É ilegal cortar a relva vestido de Elvis na Suiça.


Arco Na Parede

Mural dos protestos

Edição Nº 2 Outubro 2011

8

Tem-se constatado as dúvidas que algumas pessoas têm ainda sobre o que se pode reciclar. Prova disso são os resíduos de madeira depositados recentemente junto ao ecoponto do plástico.

E não ficamos por aqui. Habitantes mais atentos já observaram, com certeza, desde colchões velhos a televisões junto aos ecopontos. Será falta de informação?! Acreditando nesta hipótese, o Arco na Parede dá algumas dicas importantes, esperando que contribuam para um Arco da Memória mais limpo. Ecoponto amarelo: O QUE COLOCAR Embalagens de plástico: garrafas e garrafões; sacos de plástico (de supermercado ou maiores), esferovite limpa; garrafas de iogurte; garrafas de óleo alimentar. Embalagens de aço e alumínio: latas de bebidas e de conserva; aerossóis vazios; tabuleiros de alumínio. Embalagens de cartão para líquidos alimentares: pacotes de sumo, leite, vinho, etc. (desde que escorridos).

O QUE NÃO COLOCAR Embalagens de plástico que tenham contido gorduras, por exemplo: margarina, manteiga e banha; cosmética gordurosa; copos de iogurte. Embalagens de plástico que tenham contido produtos tóxicos ou perigosos, por exemplo: combustíveis e óleo de motor, pesticidas. Electrodomésticos Pilhas e baterias Outros objectos de metal que não sejam embalagens: tachos e panelas, talheres, ferramentas, etc.


Arco Na Parede

Ecoponto azul:

Edição Nº 2 Outubro 2011

O QUE COLOCAR Caixas de cartão liso e canelado: caixas de cereais; de sapatos e invólucros de cartão, por exemplo. Sacos e papel de embalagem de embrulho Jornais, revistas e papel de escrita.

Ecoponto verde:

O QUE COLOCAR Garrafas de vinho, refrigerantes ou cerveja, boiões e frascos são os materiais por excelência que compõem o casco, destinado a ser novamente fundido.

http://www.deco.proteste. pt/residuos-e-reciclagem/ como-contribuir-para-umareciclagem-mais-eficientes433991.htm

9

O QUE NÃO COLOCAR Embalagens e papéis que tenham servido para produtos orgânicos ou com gorduras: pacotes de batatas fritas, pacotes de manteiga e margarina. Fraldas, guardanapos, lenços e toalhetes. Papeis metalizados (folhas de alumínio), plastificados ou de autocolantes. Embalagens de produtos tóxicos e perigosos: sacos de adubos, pesticidas e cimento, por exemplo. Loiça de papel.

O QUE NÃO COLOCAR Objectos em cerâmica e porcelana são um autêntico veneno para a reciclagem do vidro, pelo que deve depositá-los no contentor do lixo indiferenciado. Objectos em cristal, pois contêm chumbo na sua composição. Materiais de construção (estuque, tijolos, cimento, etc.) também devem ser banidos do vidrão ou de qualquer outro contentor dos ecopontos. Vidros especiais, como os provenientes de párabrisas, janelas, lâmpadas, espelhos, vidros com rede de arame, pirex, pois modificam a composição do vidro de embalagem.

Novo acordo ortográfico - o que muda Palavras que perdem o hífen: - Manda-chuva passa a mandachuva; - Fim-de-semana passa a fim de semana; - Hei-de passa a hei de; - Anti-religioso passa a antirreligioso; - Extra-escolar passa a extraescolar; - Co-opositor passa a coopositor. (Continua...)

http://mulher.sapo.pt/carreiravida/carreira/o-que-mudacom-o-novo-acordo-o-915103. html


Arco Na Parede

Edição Nº 2 Outubro 2011

Curtas: Sabes como é que se diz sogra em

10

Como se diz russo? Soestrova bicicleta em Sabes como é que se diz sogra em chinês? Quasi- japonês? Aturatu Era um homem tão pequeno, tão moto Sabem qual é o pequeno que cuspiu para o ar e morcúmulo da estu- reu afogado! pidez? - Assinar Deixar a bebida é bom... O mau é cartas anónimas. não se lembrar onde! Uma senhora vai pôr um anúncio para informar a morte do marido. A falta de dinheiro leva-a a escolher a versão mais barata. Diz ela: - Escreva apenas: “Manel morreu”. Diz o vendedor: - Minha senhora, ainda pode escrever mais duas palavras… Acrescenta a mulher: - Então ponha: “Manel morreu, vende-se carrinha”.

Arco Na Parede Jornal da Associação Cultural Recreativa e Desportiva do Arco da Memória Editores: Luciano Silva e Telma Silva


Arco na Parede Outubro 2011