Page 1

EDIÇÃO 116

Ano VIII – EDIÇÃO Nº 116 – Dezembro 2016 – Santiago – RS – ASSEMBLÉIA DE DEUS – Presidida: Pr. Almarino M. da Costa – CNPJ Nº 14.332.612/0001 – 96 – Insc. Mun.: 986432

Jaguari - São Vicente - Mata - Capão do Cipó - Nova Esperança do Sul - Unistalda

Ano VIII - Nº 116 - DEZEMBRO 2016


2

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

PALAVRA DO DIRETOR J. Franco - Diretor Arauto francoprof@gmail.com | francoprofe@yahoo.com.br | (55) 99674 .7590 / 98131-9259

Quando temos que crer e obedecer mais à Deus ! Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção. Gênesis 12:1,2 Muitas vezes Deus fala conosco e insistimos em não ouvir a sua voz, sempre vamos querer fazer a nossa vontade em primeiro lugar, mas temos inúmeros exemplos Bíblicos daqueles que obedeceram e foram exemplos de triunfos, não só para eles, mas como também para todos os que o rodeavam, assim é na nossa vida. Deus tem um tempo determinado para cada projeto e propósito nas nossas vidas, mas muitas vezes queremos antecipar ou não sabemos o momento em que Deus quer que saíamos para conquistar o que “Ele” tem para nossas vidas. Este é um versículo que me deixa arrepiado, pois Deus está falando dum dos seus grandes lideres juntamente com Calebe, fizeram o povo conquistar Jericó... A Terra Prometida. Estamos rodeados destes exemplos que lideres começam bem, fazem grandes coisas, mas seu final não dos melhores e muitos terminam sendo reprovados por Deus. Veja o que esta escrita na Bíblia no livro de Josué – Cap. 13 -1-2 Era, porém, Josué já velho, entrado em dias; e disse-lhe o SENHOR: Já estás velho, entrado em dias; e ainda muitíssima terra ficou para possuir. A terra que ainda fica é esta : E Deus enumera uma grande quantidade de terras que ficaram por serem conquistadas... Ou seja no meu entendimento, Deus estava dizendo a Josué, você começou bem, e foi até uma altura ... Mas e o final Josué ? E quando a Bíblia, que o nosso Manuel diz : Seja Fiel Até o Fim, e serás Salvo. Podemos entender o porquê Deus está mais interessado no final de todas as coisas que o inicio. O Pregador – Salomão divide bem claro no livro de Eclesiastes Cap. 12 : Vs 13 e 14 = De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. Porque Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau. Não podemos nunca esquecer que um dia estaremos frente à frente com Deus, e teremos que prestar contar de tudo que fizemos... PENSE BEM NISSO !

DEZEMBRO/ 2016

CREMOS : 1) Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19 e Mc 12.29); 2) Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão (2Tm 3.14-17); 3) Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is 7.14; Rm 8.34 e At 1.9); 4) Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurar a Deus (Rm 3.23 e At 3.19); 5) Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo 3.3-8); 6) No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor. (At 10.43; Rm 10.13; 3.24-26 e Hb 7.25; 5.9); 7) No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt 28.19; Rm 6.1-6 e Cl 2.12); 8) Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9.14 e 1Pd 1.15); 9) No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a sua vontade (At 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7); 10) Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme sua soberana vontade (1Co 12.1-12); 11) Na Segunda Vinda premilenial de Cristo, em duas fases distintas. Primeira — invisível ao mundo, para arrebatar a sua Igreja fiel da terra, antes da Grande Tribulação; segunda — visível e corporal, com sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos (1Ts 4.16, 17; 1Co 15.51-54; Ap 20.4; Zc 14.5 e Jd 14); 12) Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber a recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra (2Co 5.10); 13) No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Ap 20.11-15); 14) E na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis .


DEZEMBRO/ 2016

3

“ O Amor suporta tudo, mas não aceita tudo, pois o que tudo se aceita, não é Amor, mas omissão.”

O calor do sol

Lidando com as distrações

…os cuidados do mundo […] sufocam a palavra… —Mateus 13:22 Estou cansado de tanto gemer; todas as noites faço nadar o meu leito, de minhas lágrimas o alago. —Salmo 6:6 Os Beach Boys, Brian Wilson e Mike Love, num dia de novembro de 1963, compuseram uma canção relativamente diferente das melodias animadas da banda. Era uma canção pesarosa sobre um amor perdido. Love, mais tarde, disse: “Por mais difícil que esse tipo de perda possa ser, o que fica de bom é ter tido a experiência de estar apaixonado.” Eles intitularam a canção como The Warmth of the Sun (O calor do sol). O fato de a tristeza servir como catalisador para a composição das canções não é nada novo. Alguns dos salmos mais comoventes de Davi, incluindo o Salmo 6, foram redigidos em momentos de profunda perda pessoal. Ainda que não sejamos informados

dos acontecimentos que o moveram a escrever, os versos são repletos de pesar, “Estou cansado de tanto gemer; todas as noites faço nadar o meu leito, de minhas lágrimas o alago. Meus olhos, de mágoa, se acham amortecidos…” (vv.6,7). Mas não é aqui que a canção termina. Davi conhecia dor e perda, mas conhecia também o consolo de Deus. E portanto escreveu, “o Senhor ouviu a minha súplica; o Senhor acolhe a minha oração” (v.9). Em seu pesar, Davi não apenas encontrou uma canção, mas também encontrou motivo para confiar em Deus, cuja fidelidade permeia todas as épocas difíceis da vida. No calor de Sua presença, nossas tristezas ganham uma perspectiva de esperança.

Fiquei tomado de surpresa com a atitude do dono de um restaurante nas margens da ruta 12 (Br 12 ) que nos leva a Puerto Iguazu. Ele educadamente ofereceu um desconto de 50% para os clientes que desligassem seus celulares. J. Ibrahim acredita que smartphones mudaram o foco das refeições: do companheirismo e conversa para a navegação na internet, envio de mensagens de texto e telefonemas de negócio. “A tecnologia é algo muito bom,” Ibrahim diz. “Mas… quando você está com a sua família e os seus amigos, é possível ser capaz de esperar por meia hora e simplesmente desfrutar do alimento e da companhia.” Como é fácil nos distrairmos com muitas coisas, seja em nosso

relacionamento com os outros ou com o Senhor. Jesus disse aos Seus seguidores que a distração espiritual começa com os corações endurecidos, com ouvidos que dificilmente ouvem e olhos que já se fecharam (Mateus 13:15). Ao usar a ilustração de um fazendeiro espalhando sementes, Jesus comparou a semente que caiu entre espinhos à pessoa que ouve a Palavra de Deus mas cujo coração está focado em outras coisas. “…os cuidados do mundo e a fascinação das riquezas sufocam a palavra, e fica infrutífera” (v.22). Há grande valor em cultivarmos momentos, todos os dias, nos quais acabamos com as distrações da mente e do coração e nos focamos no Senhor.

Você pode ajudar?

Adeus

Queixou-se o povo de sua sorte aos ouvidos do Senhor; ouvindo-o o Senhor, acendeu-se-lhe a ira… —Números 11:1 Quando Max Lucado participou de um Meio-Ironman triatlo, ele experimentou o poder negativo da reclamação, e disse: “Após nadar quase 1900 m, e de 90 km de ciclismo, não tinha muita energia sobrando para a corrida de 21 km. E nem o camarada correndo ao meu lado, que me disse: ‘Isto é uma droga. Esta competição foi a decisão mais tola que já tomei.’ Eu lhe respondi: ‘Adeus.’” Max sabia que se o ouvisse por muito tempo, começaria a concordar com o outro triatleta. Disse-lhe adeus e continuou correndo. Entre os israelitas, muitas pessoas ouviram reclamações por muito tempo e começaram a concordar. Isto desagra-

dou a Deus e com razão. Ele havia libertado os israelitas da escravidão e concordara em viver no meio deles, mas mesmo assim eles reclamavam. Além da dificuldade do deserto, eles estavam insatisfeitos com a provisão do maná. Em suas reclamações, Israel esqueceu que o maná era um presente concedido a eles pela amorosa mão de Deus (Números 11:6). Como a reclamação envenena o coração com ingratidão e pode ser contagiosa, Deus precisou julgá-la. Dizer “adeus” à reclamação e ingratidão é a maneira correta de agirmos. Todos os dias, relembremos a fidelidade e a bondade de Deus para conosco.

…a fé, se não tiver obras, por si só está morta. —Tiago 2:17 Os administradores de uma escola no Alasca, EUA, cansaram-se de ver os alunos arranjando problemas e 50% deles desistindo de estudar. Para mantê-los interessados, eles começaram um time de futebol que lhes oferecia uma chance para desenvolver habilidades pessoais, espírito de equipe e aprender lições de vida. O problema com o futebol nessa cidade, que fica ainda mais ao norte do que a própria Islândia, é a dificuldade em plantar um campo de grama. E assim, eles competiam num campo de pedregulhos e terra. Muito distante dali, uma senhora ouviu falar da equipe e do perigoso campo de futebol em que treinavam. Sentindo que Deus a movia para ajudar e impres-

sionada pelas mudanças positivas que viu nos alunos, ela entrou em ação. Quase um ano mais tarde, eles dedicaram seu novo campo de futebol, completo com um gramado artificial. Ela havia arrecadado milhares de dólares para ajudar adolescentes que nem conhecia. Isto não se trata de futebol — ou dinheiro. Trata-se de lembrar-se “…a prática do bem e a mútua cooperação…” (Hebreus 13:16). O apóstolo Tiago nos lembra de que demonstramos a nossa fé por nossas ações (2:18). As necessidades em nosso mundo são várias e opressivas, mas quando amamos o nosso próximo como a nós mesmos, conforme Jesus disse (Marcos 12:31), alcançamos pessoas com o amor de Deus.


4

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

Noticias da URI Equipe passa por importante treinamento

Intuito é qualificar ainda mais o projeto “Novos produtos a partir de resíduos da indústria da construção civil no Vale do Jaguari” Há alguns dias, ocorreu a instalação e o treinamento com alguns dos equipamentos do Laboratório de Tecnologia da Construção do curso de Arquitetura e Urbanismo. O mesmo ocorreu entre os dias sete e 11 de novembro, com a empresa Agostini Industrial, realizando montagem e treinamento da equipe do projeto, a qual é composta por arquitetos urbanistas, engenheiro civil, geólogo, químico, economista, além de técnicos administrativos. O projeto de pesquisa mencionado acima chama-se “Novos produtos a partir de resíduos da indústria da construção civil no Vale do Jaguari/RS”, e é desenvolvido pelo curso de Arquitetura e Urbanismo da URI Santiago, coordenado pelo professor Rodrigo Barcelos Pinto, com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado do Rio Grande do Sul (SDECT). O intuito dessa pesquisa é reduzir o impacto ambiental causado pela destinação indevida dos resíduos sólidos da construção civil a partir da produção de artefatos construídos com o uso de rejeitos da construção e demolição.

URI Santiago convida a comunidade para o Visite URI Ideia é que as pessoas conheçam o câmpus e aproveitem ótimos momentos Neste sábado, 19, a URI Santiago realizará mais uma edição do Visite URI, evento já tradicional, o qual recebe centenas de estudantes de Santiago e região, como também o público em geral. Para esta edição, o câmpus terá: cabine de fotos, mateada, pipoca e algodão-doce, mostra dos cursos de graduação no hall principal, inscrições promocionais ao vestibular (R$ 40) e oficinas diversas para as pessoas vivenciarem na prática o que os cursos oferecem. O Visite URI ocorrerá das 9h30min às 12h e das 14h às 17h. Algumas oficinas oferecidas (veja a programação completa no anexo): *Conhecendo o mundo da Física- sala 319 *Simulação de Jogos Empresariais *Oficina de identificação e preservação de fauna silvestre *Avaliação física: medidas de massa corporal, estatura, IMC- Índice de Massa Corporal, circunferências- abdominal, cintura, quadril *Compartilhando a Enfermagem * Oficina de desenho * Oficinas de cosméticos, de plantas medicinais e de controle de qualidade em alimentos * Demonstração de análises de toxicidade * Conheça o novo Cruze Computadorizado (o carro estará a disposição no stand do curso de Ciência da Computação para demonstração) * Drones e helicópteros computadorizados Para informações ligue 55 3251 3151, 9600 0519 ou envie e-mail para imprensa@urisantiago.br

DEZEMBRO/ 2016

TecnoURI: alunos poderão estudar com bolsa e estagiar em empresas Uma das metas do projeto é aumentar quantidade de profissionais qualificados na área de TI O TecnoURI buscará talentos para o desenvolvimento tecnológico da região. Através dele, o curso de Ciência da Computação da URI Santiago proporcionará uma integração com empresas da área de TI, objetivando também o aumento do interesse pela área de TI e programação de computadores; a qualificação da mão de obra para as empresas vinculadas ao projeto, bem como, facilitar, através de bolsas de estágio remunerado, o acesso de alunos ao curso de Ciência da Computação. O projeto possui várias etapas, como a busca de empresas parceiras; seleção de talentos dentre os alunos do curso de Ciência da Computação; supervisão das atividades e, após o período da bolsa-estágio, o aluno estará apto a ser contratado pela empresa caso seja do interesse da mesma. Segundo a coordenadora do curso, professora Carla Castanho (foto), o momento agora é de fechamento de contrato com as empresas, sendo que estão sendo feitos contatos com Porto Alegre, Santa Maria, Santiago, etc. O projeto deverá iniciar em março de 2017. “Os alunos estudarão na URI com bolsa e receberão treinamento das empresas dentro da própria Universidade, ainda com possibilidade de contratação ao final do período de um ano”, salientou. Atualmente, o setor de Tecnologia da Informação encontra-se em um grande dilema a nível nacional e internacional: a TI está cada vez mais presente e necessária nas mais diversas áreas da economia e há um aumento cada vez maior na demanda por profissio-

nais, mas, a quantidade de interessados nos cursos de informática mantém-se estável ou em declínio. E, como a busca de resultados é a prioridade da URI, uma das metas é que, a médio prazo, aconteça um aumento na quantidade de profissionais qualificados na área de TI, melhorando as condições de competitividade das empresas relacionadas à área na região e favorecendo o desenvolvimento regional. Informações: 55 3251 3151 (ramal 285) E-mail: carla.castanho@urisantiago.br

Curtas da URI Doutora- A professora dos cursos de Farmácia e Enfermagem da URI Santiago, Thaís Felli Kubiça, concluiu mais uma etapa da sua formação: a defesa de Doutorado em Ciências Farmacêuticas, pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), ocorrida no último dia 17, após a aprovação e publicação do seu artigo. Viagem técnica- Na última semana, as professoras Camila Baldicera Biazus e Marcia Jager estiveram com acadêmicos do sexto semestre de Psicologia em visita técnica na Cidade Escola Ayni – Educação e Sustentabilidade, em Guaporé- RS, município da serra gaúcha. O local foi desenhado e expressado para ser um lugar de inspiração, referência em transformação do ser, educação e sustentabilidade. É um espaço de aprendizado e expressão para crianças, pais, educadores e comunidade. Verão- Está marcado para o dia quatro de dezembro o lançamento do projeto Verão Saudável 2017, o qual acontecerá na praça do Ginasião, em uma parceria entre a Prefeitura e a URI. Através do Departamento Municipal de Esportes e do curso de Educação Física, acontecerão atividades físicas todos os dias, envolvendo um público diverso. 12 acadêmicos de Educação Física da URI Santiago estarão envolvidos, até março, no projeto.


DEZEMBRO/ 2016

5

“ O Amor suporta tudo, mas não aceita tudo, pois o que tudo se aceita, não é Amor, mas omissão.”

Noticias da URI Comitê de Sustentabilidade entrega prêmio para acadêmica Concurso, com inscrições abertas em outubro, selecionou o melhor slogan para a Política de Sustentabilidade da URI Santiago O concurso “Slogan para a Política de Sustentabilidade da URI Santiago” recebeu inscrições de cinco a 31 de outubro e no dia quatro de novembro a comissão julgadora reuniu-se para a escolha do melhor slogan, de acordo com o regulamento. A comissão foi formada pela professora Ana Cristina Sapper Biermann, coordenadora do curso de Ciências Biológicas; professor Claiton Ruviaro, coordenador do curso de Agronomia (representado pelo professor Vanius Veiga); professor Edmar Pereira Fabrício, coordenador do curso de Arquitetura e Urbanismo; professora Eliane de Fátima Manenti Rangel, coordenadora do curso de Letras e

Sonaira Canterle de Oliveira, coordenadora do Núcleo de Comunicação e Rádio da URI. Com o slogan “Sustentabilidade: o futuro convida!”, a vencedora foi Maiara Botta Sampaio, acadêmica de Arquitetura e Urbanismo, do 2º semestre. Ela recebeu, na noite de quarta (23), um certificado, uma caneca ecológica, uma cafeteira e um puff de pneu (fabricado pelo curso de Arquitetura e Urbanismo da URI). Também, assinou a cessão de direitos do slogan. O Comitê de Sustentabilidade da Universidade é formado por: Diretor: Professor Clóvis Bem Brum Componentes: Professora Michele Noal Beltrão Professora Vanessa dos Anjos Baptista Professor Júlio Wincher Soares Funcionário: Renato Pacheco

Especialização em Planejamento e Gestão da Educação com inscrições abertas Inscrições podem ser realizadas na Secretaria da URI Santiago Iniciaram na quarta (23) as inscrições para a especialização em Planejamento e Gestão da Educação, dentro do Programa de Pós- graduação Lato Sensu do Departamento de Ciências Humanas. Podem inscrever-se profissionais da área da educação e professores que atuam no planejamento e gestão de instituições escolares e/ou redes de ensino. A contribuição da Universidade deve ser oportunizar a construção do conhecimento e desenvolvimento de competências e habilidades pertinentes ao eixo temá-

tico do Planejamento e Gestão da Educação proporcionando aos graduandos, ferramentas de intervenção na realidade institucional, local e regional. Egressos da Universidade e alunos tem 20% de desconto na mensalidade. Informações: Inscrições na Secretaria da URI Santiago Grupo de Pesquisa: Grupo de Pesquisa em História, Educação e Processos Formativos Linha(s) de Pesquisa: Formação do Educador e Práticas Pedagógicas/ Movimentos sociais e cidadania

Modalidade: presencial Valor total do curso: R$ 8.765,30 Valor de cada parcela: 24 x R$ 365,00 Observação: alunos e egressos da URI tem desconto de 20% na mensalidade Nome da coordenadora pedagógica do curso: Elaine Maria Dias de Oliveira, Doutora em Educação- UFSM. É professora da URI desde1997 e também é coordenadora de área do conhecimento de Ciências Humanas de 1998 a 2005 e de 2010 até o momento. Ainda, coordenou o curso de Pedagogia de 1998 a 2005 Informações: 3251 3151 ou elaine@urisantiago.br

Pregue a tempo e fora de tempo! Nestes últimos meses Santiago esta vivendo um mover de Deus, muitos eventos em prol do Evangelismo estão programados na nossa cidade, e este é um bom sinal. Pois nossa linda Santiago, necessita muito de Jesus, para voltar a ser uma cidade tranquila, sem abalos climáticos, que desapareçam os suicídios, homicídios, que os jovens ocupem as praças com o intuito de lazer, de estar com sua família, e não se refugiem em outros subterfúgios, que só levam a destruição deles, os separam dos seus entes queridos, e os levam ao sofrimento futuro.


6

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

DEZEMBRO/ 2016

Aniversariantes :

Palavra do Pastor Pr. Almarindo M. da Costa Pr. Presidente

Entregue seus caminhos para Deus

“Eu sei, Senhor, que a vida do homem não lhe pertence; não compete ao homem dirigir os seus passos” (Jeremias 10:23). Deus tem um plano para a vida de cada um de nós. Ninguém veio a este mundo por acaso, e todos nós temos duas opções: viver com Jesus ou viver sem Ele. A Bíblia diz: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo” (Apocalipse 3:20). Essa passagem mostra que Jesus não vai interferir na escolha de ninguém, pois Ele não quer que as pessoas sejam forçadas a ficarem ao Seu lado. Ao invés disso, Ele deseja que elas O aceitem por amor. Foi por isso que Deus nos deu o livre arbítrio; para que sejamos livres para fazer nossas escolhas. O problema é que muitas pessoas escolhem o caminho errado e preferem levar a vida como querem, sem se preocupar com o amanhã. Isso faz com que Deus permita que elas colham as consequências ruins. Por outro lado, existem aqueles que fazem a escolha certa e decidem viver ao lado do Pai. Essas pessoas entregaram os seus caminhos para Deus e agora é Ele quem cuida delas. Em Jeremias 17:7,8 está escrito: “Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor. Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto”. Aquele que confia em Deus sabe que a sua vida está plantada no terreno certo, e mesmo que algumas coisas deem errado, a sua fé não é abalada, porque ele entendeu que nada foge do controle de Deus e que tudo contribui para o seu bem. Se você já chegou à conclusão de que não consegue resolver as coisas sozinho e que o amanhã é muito incerto, eu quero te convidar a entregar o seu coração e a sua vida para Deus. Só Ele pode te guiar por caminhos seguros e te dar a salvação por meio de Jesus Cristo. Ele tem um propósito maravilhoso para a sua vida e basta andar com Ele todos os dias. Se você já abriu a porta do seu coração para Jesus, então permaneça ao lado dEle, buscando comunhão através da oração, da leitura e meditação da Palavra de Deus e, principalmente, agindo conforme Ele manda. Assim você estará no lugar mais seguro do mundo: no centro da vontade de Deus! “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apóie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas” (Provérbios 3:5-6).

Todos os familiares da irmã Maria da Glória Barreto Sales, deixam sua homenagem pelos 90 anos completados no dia 14 de novembro. Parabéns !

Aniversariou a irmã Roselaine Soares – Secretária da nossa Igreja, parabéns !

5º Congresso UMADNES Nova Esperança do Sul


DEZEMBRO/ 2016

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

11º Cong. Circulo de Oração

7


8

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

Conhecendo Deus

DEZEMBRO/ 2016

por Rosani Franco

INTIMIDADE COM DEUS Quando há intimidade há transformação de dentro para fora “A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele fará conhecer a sua aliança.” (Salmos 25.14.) A intimidade é o elemento espiritual fundamental que todo o cristão deve buscar, pois se trata de um relacionamento profundo com Deus. Porém, infelizmente, o Corpo de Cristo não tem dado o devido valor. É interessante observar a definição da palavra “intimidade”, segundo o Dicionário Aurélio: “Vida íntima; vida particular”; “Que está muito dentro; Que atua no interior; Muito cordial, afetuoso; Estreitamente ligado por afeição e confiança”. Ressalta-se aqui a definição que diz que o íntimo “atua no interior”. Ser íntimo de alguém requer tempo e esforço para conhecer e ser conhecido por esse alguém como você realmente é. Intimidade é conhecer o outro profundamente. É conhecer os anseios, os desejos e os segredos do coração do outro, assim é a intimidade com Deus: é conhecê-lo profundamente, atendendo aos desejos do Seu coração. Quando há intimidade há transformação de dentro para fora, porque você está em Deus e Ele está em você. Assim como no casamento, se o relacionamento não for trabalhado, cultivado, o amor esfria, empobrece, você não conhece mais o outro e, assim, passa a se sentir sem identidade: “O que eu fiz?”; “Por que o Senhor não está feliz comigo?”. Intimidade com Deus é um tesouro escondido e a ser explorado. Embora sabemos que a salvação é de graça, a intimidade tem um preço que nem todos estão dispostos a pagar. É o preço da disposição de tempo, de negar as coisas do mundo, de por um momento parar tudo para sentir e ouvir o que Deus tem a dizer. Intimidade não é orar mecanicamente. É gastar tempo de diálogo com Deus como está escrito nos Salmos 139; é tempo de qualidade. Intimidade é para os que temem ao Senhor (Salmos 25.14), pois o temor é o primeiro passo para ter acesso à intimidade do Senhor, aos segredos do Seu coração. Os que temem ao Senhor são atraídos por conhecê-lo, deixando-o agir em suas vidas não de forma limitada, mas em todas as áreas. Na intimidade Deus é

VOCÊ NÃO É DONO DE NADA Salmos 111.1-10 O desígnio original de Deus para o homem era o de dominar a Terra com o reino dos céus. Os planos são muito simples: fomos chamados para sermos reis na Terra. “Anunciou ao seu povo o poder das suas obras, para lhe dar a herança dos gentios. As obras das suas mãos são verdade e juízo, seguros todos os seus mandamentos. Permanecem firmes para todo o sempre; e são feitos em verdade e retidão”. Todos os que seguem seus preceitos têm bom entendimento. O preceito é a ideia, antes do pensamento, que produz um conceito. Quando lemos a Bíblia temos um conceito de democracia e não o conceito de reinado. Precisamos transicionar nossa mente para o conceito de reino. Davi disse a Deus: ensina-me os teus conceitos para que eu possa te entender. A bíblia é um livro do reino e não uma democracia e você precisa entender a diferença. O reino é um lugar onde alguém ou alguma coisa é senhor absoluto e já a democracia se baseia na ideia de liberdade e de soberania popular. Você não vota em um rei, ele nasce como rei, vem de uma linguagem real. Da mesma maneira Deus é chamado Senhor porque é dono da nação, da Terra, do povo, de tudo. Senhor é dono. A bíblia é clara ao dizer que a Terra e toda a sua plenitude pertencem ao Senhor. “Do Senhor é a terra e a sua plenitude, o mundo e aqueles que nele habitam. Porque ele a fundou sobre os mares, e a firmou sobre os rios”, Salmos 24:1,2. Deus pode destruir qualquer sistema instantaneamente porque é dono. Jesus disse a Pedro que encontraria um homem com um jumento velho e um jumento novo, se fosse hoje, um carro e um carro velho, e que era para pegá-lo. A orientação foi: “Diga aquele homem que o Senhor precisa dele”. Assim é conosco, não somos dono de nada. Tudo que temos pertence ao Senhor!

participante e livre para agir em qualquer área ou circunstância da vida de alguém. Na intimidade Deus faz o que Ele quer e quando quer, no tempo determinado por Ele. A intimidade tem alguns elementos importantes que descrevem sua definição: INTIMIDADE É SACRIFÍCIO – de tempo, seja apropriado ou não, vivendo como imitadores de Cristo (Ef 5.1-2). INTIMIDADE É PRIVILÉGIO DE POUCOS – Para os que o temem (Sl 25.14.), para os dispostos (Jr 33.3) e para os sinceros, retos (Pv 3.32). INTIMIDADE É DESAFIO – quem está disposto? Novamente para os que o temem (Sl 25.14); para os que o buscam e o buscam de coração (Is 55.6 e Jr 29.1314) e desafio para aquele que é limpo de mãos e puro de coração (Sl 24.3-5). INTIMIDADE É OFERTA – é o desejo de estar com Deus ofertando todo o seu ser em busca da presença Dele (Sl 27.8). Buscar a presença do Senhor é uma escolha, um ato de oferta. INTIMIDADE É AMOR E ANELO PELA PRESENÇA COM DEUS – Sl 27.4; Sl 63. É amando-o sobre todas as coisas, honrando-o não apenas em oração, mas, principalmente, em atitudes. Honrando-o com o próprio corpo como templo do Espírito Santo (1Co 6.19). Nosso corpo como templo, tem que estar purificado para habitar o Deus Aba-Pai. O templo precisa estar reparado para que flua essa intimidade com Deus. Portanto, meditemos e arrependamo-nos. Não fiquemos acomodados e busquemos a presença de Deus enquanto é tempo. REFLITA: Você tem tido intimidade com Deus? Até que ponto? Você realmente conhece a Deus? Até que ponto você tem deixado Deus ser seu amigo íntimo atuante nas áreas da sua vida? O que você precisa reparar nesta noite para ter essa intimidade com o Pai? Ore, arrependa-se e repare seu altar, sua vida diante de Deus para que sua intimidade, sua presença flua entre nós.


DEZEMBRO/ 2016

9

“ O Amor suporta tudo, mas não aceita tudo, pois o que tudo se aceita, não é Amor, mas omissão.”

Páginas dos Jovens

por Arthur Sangoy

Por que os jovens evangélicos estão se “desviando” na Universidade? As estatísticas são sombrias. Alguns chegam a afirmar que em média, 60% dos jovens evangélicos que adentram a universidade se afastam da comunhão dos santos e da igreja. Ora, seria simplista da minha parte afirmar de modo absoluto os reais motivos para a apostasia de nossos jovens, todavia, acredito que algumas razões são preponderantes para o esfriamento da fé da juventude cristã: 1- Nossos jovens não estão sendo preparados pela igreja para enfrentar as demandas sociais, comportamentais e filosóficas na universidade. Na verdade, afirmo sem a menor sombra de dúvidas de que a igreja não está oferencendo a sua juventude ferramentas necessárias para a desconstrução de valores absolutamente anticristãos. Por exemplo, as universidades públicas estão repletas de conceitos marxistas. Volta e meia eu recebo a informação de professores que em sala de aula zombam de Cristo, ridicularizando publicamente todos aqueles que se dizem cristãos. 2- Nossos jovens não estão sendo preparados pelos pais com vistas ao enfrentamento cultural. Vivemos numa sociedade multifacetada, cujo os valores relacionados a sexo, família, trabalho, sucesso e moral foram relativizados. Nesta perspectiva não são poucos aqueles que ao longo dos anos tem sucumbido diante da avalanche de conceitos extremamente antagônicos aos pressupostos bíblicos-cristãos. 3- Nossos jovens não tem sido preparados pela igreja para responder as perguntas de uma sociedade sem Deus como também oferecer respostas àqueles que lhes questionam a razão da sua fé. Nesta perspectiva os conceitos “simplistas” de alguns dos nossos rapazes e moças tem sido facilmente descontruídos num ambiente onde o cetiscismo e a incredulidade se fazem presentes. 4- Nossos jovens tem sido influenciados negativamente pelo secularismo, hedonismo e satisfação pessoal. Sem sombra de dúvidas acredito que o secularismo é um grave problema em nossos dias. A Europa por exemplo transformou-se num continente secularista onde o que mais importa é o bem estar comum e a ausência de Deus. Nesta perspectiva vive-se pa-

ra o prazer, nega-se uma fé transcendente quebrando todo e qualquer paradigma que nos faça lembrar de Cristo ou da igreja. Diante deste funesto quadro surge a pergunta: O que fazer então? 1- A Igreja precisa fortalecer a família oferecendo aos casais ferramentas para a edificação de lares sólidos cujo fundamento é infalível Palavra de Deus. 2- A Igreja precisa preparar os seus jovens para responder as perguntas da sociedade. Nessa perspectiva, deve-se investir numa formação apologética, cujo foco deve ser oferecer a juventude “armas” espirituais capazes de anular sofismas. 3- A Igreja precisa investir em universitários promovendo grupos de comunhão, debates, além de discussões teológicas, sociológicas e filosóficas, oferecendo a estes condições de responder aos seus inquiridores o porque da sua fé. 4- A Igreja precisa estudar teologia com os universitários. Questões relacionadas ao pecado, juízo eterno, salvação, morte e sofrimento além de tantos outros conceitos relacionados aos nossos dias precisam ser explicados e entendidos pelos nossos jovens. 5- A Igreja precisa preparar os seus jovens para se relacionarem com a cultura. O problema é que em virtude do maniqueísmo que nos é peculiar satanizamos o mundo bem como todas as suas vertentes culturais. Por outro lado, existem aqueles que em nome da contextualização “mundanizaram” a Igreja, levando o povo de Deus a um estilo de vida ineficaz cujos frutos não tem sido muito bons. 6- A Igreja precisa fomentar em seus jovens o desejo de conhecer a Deus e se relacionar com Ele. Jovens que se relacionam com Deus através da oração e das Escrituras Sagradas tornam-se mais fortes diante dos embates desta vida. Que Deus nos ajude diante ardua missão e que pela graça do Senhor nossa juventude possa ser bênção da parte do Senhor na universidade.E serem futuros profissionais trinfadores, vencedores em Cristo, Basta de jovens frustrados, tristes e decepcionados. Por Renato Vargensblog.com.br

Jovem: Como conservar a santidade na juventude Desde o final da década de 60 que o jargão se fez notório: Sexo, Drogas e Rock Roll. Este foi o grito requerendo ajuda de uma juventude em decadência profunda daquela época e é o mesmo grito nos dias de hoje. Tudo o que precisavam era de um referencial e o buscaram de forma errada nas pessoas erradas, já que a própria estrutura familiar estava desabando frustrando os sonhos e gerando desequilíbrio emocional. Nos dias de hoje não é diferente, a juventude esta em busca de referencial, tudo o que querem e paz e amor em suas vidas. Porém Jesus disse em João 14:27: “A minha paz voz deixo, a minha paz voz dou, dou não como o mundo a dá, não se turbe o vosso coração e nem se atemorize.” Conhecendo a raiz desta afirmação: A Palavra paz liberada por Jesus é, Shalom que quer dizer, paz perfeita, sem barganhas, paz sem mistura, este nível de paz somente um ser perfeito em tudo pode conceber, e a paz que não depende de circunstâncias. Por duas vezes no mesmo versículo o Senhor Jesus afirma que concebia a Paz, pois ninguém melhor do que ele para ser o referencial de alguém que caminhava debaixo deste principio de paz que o povo daquela época não conhecia. Jesus estava nos chamando a caminhar debaixo de uma paz que o mundo não pode em hipótese alguma oferecer, pois esta paz gera alicerces para fé. “A PAZ de Cristo gera alicerces para a fé do Crente”. E o que isto tem haver com a juventude? Tudo! Pois a única classe que abertamente declara a sua busca pela paz é a classe juvenil, é a juventude. Um jovem como referencial de Paz é um jovem que pode atrair multidões, por cauda da graça que naturalmente já lhe é concedida por meio de uma intimidade contínua com o Criador. O príncipe deste mundo sabe exatamente o que um jovem busca. O jovem busca a Paz, e esta não lhes é normalmente oferecida em seus lares que é a base social, e eles em sua própria linguagem buscam entre si soluções para resolverem seus problemas e questionamentos. Um jovem sempre está disposto a mudanças e se ele estiver convencido de que a melhor forma de se viver é baseado na santidade ele vai procurar buscá-la, porém ele precisa de um roteiro a seguir e um referencial para imitá-lo e uma inspiração para motivá-lo.

“Todo jovem está em busca de um referencial, um modelo” Se a juventude perceber que aqueles que estão ao seu redor são santos será mais fácil para eles. A criança e o jovem são perspicazes e extremamente inteligentes eles percebem quando algo está errado e respondem na mesa dimensão. “A Juventude costuma responder ao Modelo” Em sua existência é apresentada a juventude vários modelos a serem seguidos. Já sabemos que o principal deles é a família, mais especificamente o pai e a mãe. “Na ausência do modelo ideal o jovem busca modelos paralelos” Quando estes ou a ausência destes modelos não responde satisfatória mente dando-lhes a direção correta, o jovem sai em busca de outros modelos a seguir, e geralmente os mesmos modelos que os pais estão fundamentados: Novelas, filmes, conceitos impiedosos e princípios baseados no espírito deste mundo, costumes pagãos etc. Porém se lhes for oferecido o modelo santo a probabilidade de obtermos uma resposta santa aumenta. E é a esse tipo de exposição que a juventude precisa ser submetida. “Se oferecermos um padrão de santidade, o jovem responde” Manter-se santo é um ato individual, porém gerar um estilo em santidade é esforço coletivo, onde há um santo deve haver mais. Um rapaz ou uma moça tem total condição de se manter puros para um matrimonio de sucesso. Deus acredita nisto (“Jovens eu vos escrevo porque sois fortes” - I João). Há uma força especifica observada por Deus na juventude para que este vença a sua carne e os apelos do mundo, isto é possível. É possível um jovem caminhar em um estilo de santidade a tal ponto que incomodo de outros ao seu redor e desperte uma curiosidade e inspiração em outros jovens. Porém creio que no que diz respeito à igreja isto terá que começar do líder e passar a repousar nos demais. Dizer não para o pecado é uma questão de em primeiro lugar decidir que devo dizer: Eu decido caminhar em santidade, dizer não para o pecado. Depois de ter decidido, ai começa a segunda fase, que é lutar, esmurrar o seu próprio eu para ver a glória de Deus. “Fazer a vontade de Deus atrai a Sua Glória”.


10

“ As pessoas estão perdendo as suas vidas, porque nós não estamos dispostos a doar as nossas.”

DEZEMBRO/ 2016

ESTRATÉGIAS E PLANEJAMENTO PARA SUA VIDA CRISTÃ JEREMIAS 29:11. Pois eu sei os planos que tenho para vós, diz o Senhor, planos de paz, e não de mal, para vos dar uma esperança e um futuro. PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO = serviço de preparação de um trabalho, de uma tarefa, com o estabelecimento de métodos convenientes; planificação. O pensar em uma estratégia ou planejamento para nossa vida espiritual encontra grande resistência no meio cristão, por causa do entendimento de que a Soberania de DEUS se aperfeiçoa sem a necessidade de qualquer agir do homem, logo desnecessária qualquer atitude humana. Evidente que a Soberania de DEUS não necessita de ajuda sendo auto-suficiente, contudo foi Ele em sua Soberania que criou a estratégia e o planejamento. Podemos ver desde a criação o operar do planejamento: GÊNESIS 1: 26 E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo réptil que se move sobre a terra. Perceba que DEUS planejou fazer o homem e somente então o criou! Planejar, significa examinar a situação e em seguida estabelecer os procedimentos e colocar em prática as estratégias. EZEQUIEL 37:1-4. Veio sobre mim a mão do Senhor ; e o Senhor me levou em espírito, e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos, e me fez andar ao redor deles; e eis que

eram mui numerosos sobre a face do vale e estavam sequíssimos. E me disse: Filho do homem, poderão viver estes ossos? E eu disse: Senhor Jeová , tu o sabes. Então, me disse: Profetiza sobre estes ossos e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor . 5 Assim diz o Senhor Jeová a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis. Na sequência DEUS começa a explicar como seria executado o plano Dele. UNIR. EZEQUIEL 37: 7 Então, profetizei como se me deu ordem; e houve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se juntaram, cada osso ao seu osso. Pois sabemos pelo próprio texto, que DEUS estava usando o profeta Ezequiel para determinar o restabelecimento de Israel como nação, e tudo começaria com as famílias sendo restaurada. SENTIMENTO EZEQUIEL 37: 8 E olhei, e eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima; mas não havia neles espírito. VIDA EZEQUIEL 37:9-10 E ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize ao espírito: Assim diz o Senhor Jeová : Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam. E profetizei como ele me deu ordem; então, o espírito entrou neles, e viveram e se puseram em pé, um exército grande em extremo. Portanto, quando nos colocamos diante da sabedoria de DEUS, planejar se torna uma tarefa não tão difícil.

Razão pela qual, o Senhor despertou em meu coração o desejo de alertar a Igreja sobre as questões prejudiciais que envolvem o colocar em pratica os planos. Isto equivale dizer, as circunstâncias que devem ser compreendidas para a execução do planejamento. O TEMPO DE DEUS. ECLESIASTES 3:1 Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: Apesar de planejarmos e estabelecermos em nosso coração todos os princípios necessários para execução de um bom plano, precisamos estar sensíveis para o momento certo de executá-lo. PROVÉRBIOS 21:5“Os planos do diligente conduzem à abundância; mas todo precipitado apressa-se para a penúria.” E como fazemos isto? Observando com cuidado se as circunstâncias são favoráveis, ou se a ordem parte do próprio DEUS, de modo que sejam quais forem as circunstâncias tudo dará certo. Ao comando de DEUS, o tempo já é determinado, já é o correto! E isto não tem como ser ensinado, deve ser perseguido através de uma profunda intimidade com DEUS, pois isto nos fará estarmos sensíveis ao comando Dele. É o que ninguém consegue explicar, apenas viver! Vejamos o que a Palavra diz à cerca disto: PROVÉRBIOS 16:11.“Ao homem pertencem os planos do coração; mas a resposta da língua é do Senhor.” PROVÉRBIOS 19:21. “Muitos são os planos no coração do homem; mas o desígnio do Senhor, esse prevalecerá.” Para que você não seja frustrado é importante entender que os planos dos homens muitas vezes podem ser falíveis, por este fato é que DEUS permite e deseja que façamos planos mas prefere dar a Palavra final. Tiago nos fala sobre a falibilidade dos projetos humanos. TIAGO 4:13-15. Eia, agora, vós que dizeis: Hoje ou amanhã, iremos a tal cida-

de, e lá passaremos um ano, e contrataremos, e ganharemos. Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco e depois se desvanece. Em lugar do que devíeis dizer: Se o Senhor quiser, e se vivermos, faremos isto ou aquilo. Por mais difícil que seja, as vezes perdemos, pois nem sempre é tempo de ganhar, e ocasionalmente nos entristecemos. ECLESIASTES 3: 4 tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar; ECLESIASTES 3: 6 tempo de buscar e tempo de perder; tempo de guardar e tempo de deitar fora; Deve fazer parte do teu planejamento a possibilidade de ter que recomeçar outra vez. PROVÉRBIOS 24: 16 Porque sete vezes cairá o justo e se levantará; mas os ímpios tropeçarão no mal. Para que seu planejamento seja um sucesso é preciso compreender que recomeçar faz parte de todo planejamento, examinando o que deu errado, o que poderia ser melhorado, aprimorar, CRER e seguir adiante. Lembre-se, PROVÉRBIOS 4: 18 Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito. Ou seja, DEUS vai te aperfeiçoando, te moldando, até que você estabeleça o melhor e mais perfeito plano para tua vida. E tudo começa com CRISTO em tua vida. JOÃO 15: 5 Eu sou a videira, vós, as varas; quem está em mim, e eu nele, este dá muito fruto, porque sem mim nada podereis fazer. Desta forma, se você já tem CRISTO estabeleça uma caminhada mais firme e mais próxima Dele, se você ainda não o aceitou como Senhor e Salvador da sua vida, tome esta decisão e o planejamento agora. DEUS TE ABENÇOE.


DEZEMBRO/ 2016

“ O Amor suporta tudo, mas não aceita tudo, pois o que tudo se aceita, não é Amor, mas omissão.”

ACREDITE E TENHA FÉ Acreditar que a nossa vida não é melhor ou pior do que a de ninguém. Nunca sentir-se maior ou menor, mas igual. Fazer o bem sem olhar à quem e não esperar nada em troca, é uma maneira de encontrar a felicidade. Procurar sorrir sempre, mesmo diante das dificuldades e não se envergonhar das lágrimas, diante da necessidade, é outra maneira de irmos ao encontro dela. Ser humilde, prestar favores sem recompensas, abrir as mãos e oferecer ajuda, é uma maneira de buscar a felicidade. Chorar e sofrer, mas lutar e procurar vencer, sem deixar o cansaço te derrotar, nem o desânimo ou o preconceito te dominar, é uma maneira de ganhar a felicidade. Aprender à defender seus ideais e a amar seus semelhantes, à conquistar seus amigos pelo que é e não pelo que queiram que seja, é mais uma maneira de abraçar a felicidade. Saber ganhar e saber perder, é uma rara conquista, mas você consegue. Tenha fé, acredite em Deus! Viva cada momento de sua vida como se fosse o último. Faça de sua vida uma conquista de vitórias, uma virtude e aproveite tudo o que ela te der como oportunidade. Mesmo sofrendo, sofra amando. Pois é através do amor que você encontrará as chaves para abrir as portas da felicidade…

11

PERDÃO É A VIRTUDE DOS FORTES Na caminhada da vida, aprendi que nem sempre temos o que queremos. Porque nem sempre o que queremos nos faz bem. Foi preciso as dores, para que eu aprendesse com as lágrimas. Foi necessário o riso, para que eu não me enclausurasse com o tempo. Foi preciso as pedras, pra que eu construísse meu caminho. Foram fundamentais as flores, para que eu me alegrasse na caminhada. Foi imprescindível a fé, para que eu, não perdesse a esperança. Foi preciso perder, para que ganhasse de verdade. Foi no silencio que fui ouvido com clareza. Pois sem provas não tem aprovação. E a vitória sem conquista é ilusão. E a maior virtude dos fortes é o perdão.

QUANDO VOCÊ MUDA TUDO EM SUA VOLTA MUDA! Você já imaginou se a partir de hoje, tudo que você reclamar seja tirado da sua vida? Só imagine…. Ai, não aguento minha mãe! Pronto, morreu. Meu cabelo é horrível! Pronto, careca. Não dá para engolir meu emprego! tudo bem, desempregado. Meu marido é uma praga! Tudo bem, viúva agora. Não suporto mais esse calor! A partir de hoje só neve e chuva. Minha casa não é boa! Então, viva na rua a partir de agora. Assustador? Agora olhe ao seu redor… O que te diferencia das demais pessoas? O sol nasce para justos e injustos, o que nos diferencia dos demais, são nossas atitudes frente às diversas situações. Então, dê graças à Deus e seja alegre com o que tem, seja grato de coração. E o que depender de você para mudar, mude! Quando você muda tudo em sua volta muda.


Ano VIII- Nº 116 - DEZEMBRO 2016

Ano VIII – EDIÇÃO Nº 116 – Dezembro 2016 – Santiago – RS – ASSEMBLÉIA DE DEUS – Presidida: Pr. Almarino M. da Costa – CNPJ Nº 14.332.612/0001 – 96 – Insc. Mun.: 986432

Jaguari - São Vicente - Mata - Capão do Cipó - Nova Esperança do Sul - Unistalda

É tempo de Fronteira em Chamas

Jornal arauto santiago edição dezembro  

Jornal Arauto Edição 116

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you