Page 1

REDAÇÃO | (28) 99991 7726 ANÚNCIOS E ASSINATURAS (28) 3521 7726

CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM E REGIÃO SUL | ANO V EDIÇÃO 01551| DIÁRIO

QUINTA-FEIRA

5 DE JANEIRO DE 2017 Foto: Divulgação

DOR SEM

FIM

Irmã procura irmão desaparecido há mais de 40 anos. O Caso aconteceu em 1972. Robert Paiva, então com dois anos, desapareceu nas ruas do bairro Aquidaban, em Cachoeiro, onde brincava com os irmãos e outras crianças

Com base em fotos antigas, a Polícia Civil fez uma projeção de como Robert seria hoje

SEM DINHEIRO, EVANGÉLICO PODE FECHAR EM ITAPEMIRIM

P.13

Em Cachoeiro o hospital já fala em cortar leitos de UTI e suspender fornecimento de sangue na região

Botafogo chega ao Estado dia 16 para treinar em Domingos Martins

Cachoeiro já começou a vacinar meninos contra HPV Outra novidade é a vacina contra meningite C para adolescentes

P.10

Estado vai receber recursos do Programa Federal de Combate à Seca P.4

ALMIR BARROS GARANTE JOGOS DE VERÃO EM ATÍLIO VIVÁCQUA P.4

P.10


2 OPINIÃO

QUINTA-FEIRA |5 DE JANEIRO DE 2017

TRANSIÇÃO DE CACHOEIRO SERVE DE EXEMPLO BANHO DE SANGUE Nem só de críticas deve viver o mundo político. Há bons exemplos de civilidade republicana que devem ser louvados. Um desses casos foi a transição aqui em Cachoeiro. Fora duas queixas do prefeito Victor Coelho (PSB) ao seu antecessor Carlos Casteglione (PT), em relação à compra de computadores e ao chamado restos a pagar, nada demais houve. Atitude louvável de ambos que deve servir de exemplo, principalmente porque não tem sido assim por aí. Em Mimoso do Sul o pau tá cantando entre o prefeito Giló (PMDB) e sua antecessora Flávia Cysne (PSB). Troca de acusações marca início e fim de gestões, atrapalhando ainda mais a cidade que já tem uma baixa arrecadação e problemas sem fim. O prefeito que entrou disse que tem uma dívida de mais de R$ 2 milhões e apenas R$ 680 mil em caixa. Terá de fazer milagre, se é que milagres existem. Até sem carro o gabinete do prefeito está. Ele usa um emprestado já que, segundo diz, a frota inteira está destruída. Em Anchieta, os primeiros dias de trabalho do novo prefeito, Fabrício Petri (PMDB), têm sido de muita dificuldade porque, segundo ele, o cenário encontrado

é o pior possível. De acordo com o peemedebista, secretarias e gerências estão sucateadas, sem as condições ideais para se iniciar um trabalho. E mais: linhas telefônicas estariam cortadas por falta de pagamento, que deveria ter sido feito pela gestão passada. Nenhum telefone da prefeitura está realizando chamadas e os veículos não podem circular por falta de combustível, é a informação. E para completar: Fabricio diz que tem uma dívida de R$ 100 milhões, mas, sobre ela, dará mais detalhes em breve. Voltando a Cachoeiro, Casteglione sai de cena discretamente, mas com um cenário diferente. Dinheiro para contas futuras (o chamado restos a pagar, no valor de R$ 11 milhões), secretarias funcionando, frota com combustível... Se não for isso, pelo menos até agora não se ouviu o prefeito Victor Coelho dizendo o contrário. Parece pouco e

é mesmo. Trata-se de uma obrigação óbvia de quem sai com quem entra. Porém, nem sempre é o que se vê, por isso não custa elogiar transições pacíficas. Casteglione pode não ter sido o prefeito dos sonhos, mas disso, ao que parece, não dá para reclamar dele. **************** Danildo de Oliveira e Dr. Celso Gonçalves, dois cachoeirenses a serviço de Vargem Alta, nas Finanças e Saúde. Tem tudo para dar certo. ******************* A possível entrada de Paulo Hartung (PMDB) no PSDB, pode ser a consolidação da candidatura de Ricardo Ferraço (PSDB) ao governo do Estado. Pintando por aí um embate do cachoeirense contra o castelense Renato Casagrande (PSB). ******************* “Você é virtualmente amada amante / Você real é ainda mais tocante / Não há quem não se encante” – Capitu (Luiz Tatit)

EXPEDIENTE

GRUPO FOLHA DO CAPARAÓ DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME | CNPJ: 10.916.216\0001-55 Rua Irmãos Fernandes, 59, Bairro Bela Vista, Cep: 29.560-000 - Guaçuí-ES Telefone: (28) 3553 0517 Rua Dona Joana, 25, 2º Pavimento, Bairro Centro, Cep: 29.300-120 - Cachoeiro de Itapemirim-ES Telefone: (28) 3521-7726 | (28) 3511 2611

DIRETORIA GERAL: Elias Carvalho Soares EDITOR GERAL: Lucia Bonino REPORTAGEM: Ana Gláucia Chuína, Edézio Peterle, Guilherme Gomes, Lucas Schuina e Taynara Barreto EMAIL: jornalismo.aquinoticias@gmail.com ASSISTENTE COMERCIAL: Débora Osório e Ludmylla De Moraes PROJETO GRÁFICO: Giliard Santos Silva Nogueira DIAGRAMAÇÃO: Celso Wallace

Multiplique por três o número de mortos no presídio de Manaus. É muito, é escandaloso? Pois 164 mortos é a média diária de homicídios no Brasil. E isso não nos escandaliza. Reagimos quando acontecem no mesmo lugar. Ou quando ocorre a invasão de uma casa em Campinas no réveillon por um tresloucado a matar todos, inclusive o próprio filho de oito anos. O banho de sangue não é apenas o do presídio manauara; é o dia-a-dia do nosso país tropical, habitado pelo brasileiro cordial de que falou Sérgio Buarque de Hollanda. Foi uma guerra entre facções. O PCC, importado de São Paulo para a Amazônia e a FDN – a Família do Norte – que mostrou quem manda, matando 56 integrantes do grupo inimigo. A polícia decidiu não intervir, por decisão sábia do Secretário de Segurança, um delegado federal. Se interviesse, seria

COLABORADORES: Alexandre Garcia, Ewerton Miranda Tréggia, Guilherme Gomes, Luciana Fernandes, Ricardo Lemos, Ruy Guedes, Wagner Medeiros Junior, Basílio Machado, Almir Forte, Ramom Barros.

CIRCULAÇÃO Anchieta, Atílio Vivácqua, Cachoeiro de Itapemirim, Castelo, Conceição do Castelo | Iconha, Itapemirim, Marataízes, Mimoso do Sul, Muqui, Piúma, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante.

responsabilizada pelas mortes, tal como no Carandiru, em 1992, em que os PMs foram condenados a mais de 600 anos de prisão. A síndrome do Carandiru poupou a polícia de mais um ônus, embora já a estejam criticando por não intervir. Paga por ir e paga por não ir. Aliás, é incrível essa nossa preferência por bandidos e nossa antipatia em relação à polícia. Paradoxalmente, reclamamos da falta de segurança. Parece uma posição psicótica. Aos noticiarmos a ação de bandidos, não poupamos para eles adjetivos elogiosos. “Numa ação audaz, assaltaram o carro forte”; ou: “Quadrilha especializada em explosão de caixas eletrônicos”. No país de amedrontados e amadores, audaz e especializado são elogios raros, em geral reservados para bandidos, nas nossas páginas e microfones. Em vez de quadrilha de ladrões de automóveis, a notícia sai assim: “Quadri-

lha especializada em roubo de automóveis.” Os bandidos agradecem e devem pôr os recortes na parede. O povo está acuado e amedrontado. As autoridades recomendam que não reajam. A leis desarmou as pessoas de bem, impedindo o elementar direito de defesa e dando tranquilidade ao bandido, enquanto a polícia carece de meios e de apoio dos governos e dos meios de informação. As leis, feitas por nossos representantes, mais parecem ter sido feitas por representantes de foras-da-lei. Depois do presídio de Manaus, ainda há quem sugira soltar condenados, por causa da superlotação. Pois os que estavam no semi-aberto levaram as armas que mataram. Só tem um lugar em que o bandido pára de assaltar e matar: atrás das grades. Para isso, é preciso perguntar de que lado estamos. Pois o banho de sangue pode aumentar.

As matérias assinadas e publicadas neste jornal, não traduzem a opinião do próprio jornal. A veracidade das informações publicitárias veiculadas é de responsabilidade de quem as patrocina (anunciante). A legislação não impõe ao órgão que veicula o anúncio (jornal) a obrigatoriedade de verificação e comprovação da fide lidade e correção destes anúncios. Fonte: STJ (Superior Tribunal de Justiça).

ACESSE:


CIDADES 3

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

CRISE NA SAÚDE

HOSPITAL EVANGÉLICO PODE FECHAR EM ITAPEMIRIM A instituição tem um deficit mensal de aproximadamente R$700 mil da unidade. Em Cachoeiro, onde a situação é igual, leitos de UTI podem ser fechados e a distribuição de sangue suspensa Lucas Schuina Cachoeiro de Itapemirim

Enfrentando uma grave crise financeira, a diretoria do Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim (Heci) anunciou, ontem, que a instituição pode reduzir serviços e até mesmo fechar a unidade de Itapemirim até março. Segundo as informações, a unidade de Itapemirim tem um déficit mensal de R$ 700 mil, mesmo valor registrado no hospital de Cachoeiro. A diretoria do Heci, que esteve representada pelo superintendente Wagner Medeiros Júnior, pelo presidente do Conselho Elizeu Crisóstomo de Vargas, e pelo diretor clínico Fábio Bortolini, des-

tacou que 90% dos atendimentos do hospital são de pacientes do SUS. Entretanto, o valor repassado ao hospital, que é filantrópico, foi reduzido em 5% de 2013 a 2016, sendo que os serviços aumentaram muito no mesmo período. Também foi destacado que a tabela de valores dos serviços

REPASSE DO SUS CAIU E GASTOS SUBIRAM do SUS está completamente defasada. “A gente não pretende deixar de atender, mas precisamos equacionar a situação. Não tenho ainda as medidas necessárias, a equipe técnica está estudando. Mas, pelos

mesmos valores que recebemos hoje, não poderemos manter os mesmos serviços”, afirmou Elizeu Crisóstomo, destacando que a crise econômica nacional agravou os problemas do hospital. Wagner Medeiros destacou que o Heci é um hospital que realiza atendimentos de média e alta complexidade, e que, por isso, são atividades de alto custo. “Há um princípio muito propagado de que o importante é a quantidade de atendimentos no SUS, mas nós primamos pela qualidade. Ou a gente vai manter a sobrevivência do hospital dessa forma, ou continuamos do mesmo jeito e quebramos, como tem

Foto: Divulgação

Wagner Medeiros, Elizeu Crisóstomo e Fábio Bortolini. Diretoria do Heci teme queda na qualidade do atendimento

acontecido com outros hospitais filantrópicos pelo Brasil”, ressaltou. Ainda segundo Medeiros, a instituição está buscando aportes financeiros para a unidade de Itapemirim com as prefeituras de Itapemirim, Marataízes e Presidente Kennedy, mas, se a situação não se resolver até março, a unidade será fechada. “Nós temos buscado parcerias em todas as esferas políticas, mas nem sempre temos sucesso. No caso dos municípios, tivemos um aceno de que vão ajudar, mas não ocorreu o mesmo com o governo estadual”, alertou. Além do fechamento do hospital de Itapemirim, o Heci poderá

reduzir o número de leitos de UTI em Cachoeiro e até mesmo interromper a coleta e o fornecimento de

bolsas de sangue – um serviço que é de atribuição do Estado, mas cuja responsabilidade a entidade assume.

SALÁRIOS ATRASADOS Com o déficit nas contas, os salários dos funcionários do Heci estão atrasados, e o 13º também não foi pago. Os atrasos tem afetado, sobretudo, a classe médica. Indagado se a categoria está disposta a esperar pelas negociações que estão sendo feitas, até março, Fábio Bortolini afirmou que a classe pensa de forma “heterogênea”. “A gente parte da premissa

de que ou a gente atende bem, ou não atende. Os próprios pacientes do Sul do Estado veem o Heci como uma referência. Mas, infelizmente, durante todo o ano de 2016, mesmo com todo o diálogo, a situação se agravou. Eu não lembro, nesses oito anos em que eu trabalho aqui no Evangélico, de outro período que os salários dos funcionários atrasaram”, comentou Bortolini.

COMUNICADO MINERAÇÃO SÃO DOMINGOS LTDA. - ME, torna público que requereu ao IEMA, através do processo nº 41523970, a renovação da Licença de Operação nº 331/13, para atividade de extração de saibro, situada na Localidade de Cachoeira Alegre, Zona Rural, no município de Venda Nova do Imigrante, ES.

EDITAL DE PROCLAMAS Faço saber que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro: JULIANO ALMEIDA DE OLIVEIRA e IZABEL CRISTINA DE ALMEIDA. ELE: de nacionalidade brasileira, profissão mecânico, estado civil solteiro, de trinta e um (31) anos de idade, natural de Lajinha-MG, nascido aos 23 de outubro de 1985, residente e domiciliado na Rua Ismael Vicente de Barros, nº 150, Nossa Sra da Penha, Iúna-ES, filho de JOÃO ALMEIDA e de ELIANA MARIA DE OLIVEIRA ALMEIDA. ELA: nacionalidade brasileira, profissão lavradeira, estado civil solteira, de trinta (30) anos de idade, natural de Conceição do Castelo-ES, nascida aos 11 de abril de 1986, residente e domiciliada no Crg Boa Sorte, s/nº, Trindade, Iúna-ES, filha de JORGE TRINDADE DE ALMEIDA e de ANA LEITE DE ALMEIDA GABRIEL LOPES QUINELLATO e SABRINA LAUDELINA DE OLIVEIRA. ELE: de nacionalidade brasileira, profissão policial militar, estado civil solteiro, de vinte e cinco (25) anos de idade, natural de Cachoeiro de Itapemirim-ES, nascido aos 10 de maio de 1991, residente e domiciliado na Rua Sebastião José Dias, nº 63, Bairro Quilombo, Iúna-ES, filho de MARCO AURÉLIO QUINELLATO e de LUCIA HELENA LOPES QUINELLATO. ELA: nacionalidade brasileira, profissão Engenheira civil, estado civil solteira, de vinte e tres (23) anos de idade, natural de Iúna-ES, nascida aos 01 de novembro de 1993, residente e domiciliada na Rua Sebastião José Dias, nº 63, Bairro Quilombo, Iúna-ES, filha de JOSÉ JOÃO DE OLIVEIRA e de ALDENES LAUDELINA DE ANDRADE OLIVEIRA Se alguém souber de algum impedimento, acuse-o na forma da Lei. Iúna-ES, 05 de janeiro de 2017


4 POLÍTICA

QUINTA-FEIRA |5 DE JANEIRO DE 2017

PRIMEIRAS MEDIDAS

PREFEITO DE ATÍLIO VIVÁCQUA PRIORIZA LIMPEZA, PATROLAMENTO E ILUMINAÇÃO Equipe de Almir Barros também já prepara os Jogos de Verão, evento tradicional na cidade Fotos: Divulgação Ilauro Oliveira Atílio Vivácqua

Três dias após assumir a prefeitura de Atílio Vivácqua, Almir Barros (PSB) começa a impor seu jeito de governar definindo as ações imediatas. E, de acordo com ele, nesse primeiro momento a limpeza, a melhoria da iluminação pública e o patrolamento de estradas do interior são essenciais. “Encontramos a cidade muito suja. Estamos empenhados em recolher entulhos acumulados nas vias, fazer o que pudermos para melhorar a iluminação e o patrolamento de estradas interiora-

nas. O reparo em calçamentos e a podas de árvores também serão medidas imediatas. Já determinamos essas prioridades ao secretário de Obras e Serviços Urbanos Helinho Lima”, falou.

DIFICULDADE EM OBTER INFORMAÇÕES O prefeito disse ainda que, apesar da dificuldade em obter informações que sua equipe teve junto à Secretaria de Cultura, Esportes, Turismo e Lazer na transição, a atual secretária já está organizando os Jogos de Verão, um evento

esportivo tradicional na cidade. “Nossa secretária Joelma Consuelo Fonseca e Silva, que é ex-subsecretária estadual de Cultura, veio somar com sua experiência e já está organizando os Jogos de Verão juntamente com Edes Camargo e Márcio Conceição, que ajudou na nossa transição e tem vasta experiência nessa área. Lamentavelmente, a falta de repasse de informações por parte do ex-secretário e sua equipe estão dificultando um pouco, mas vamos ter uma organização à altura de Atílio Vivácqua”, completou.

Almir Barros disse que fará os Jogos de Verão este ano

DECISÃO

Temer vai incluir es no programa federal de combate à seca Lucia Bonino Cachoeiro de Itapemirim

Uma boa notícia para os capixabas. O presidente Michel Temer solicitou ao ministro de Integração Nacional, Helder Barbalho, que inclua o Espírito Santo na lista de estados que receberão ajuda do Governo Federal no combate à seca. A decisão saiu a partir de uma reunião, ontem, do presidente com os senadores

Ricardo Ferraço e Magno Malta, e o deputado Federal Evair Mello. Os parlamentares capixabas entrega-

ram ao presidente um documento com todos os detalhes de como a seca atingiu o Estado. Com a decisão, o Espí-

rito Santo poderá receber parte dos R$756 milhões destinados pelo Programa Federal de combate à seca. Os detalhes da reunião foram divulgados nas redes sociais, em um vídeo feito por celular, gravado pelo Senador Magno Malta, durante o encontro. “Eu quero, em primeiro lugar, cumprimentar o povo do Espírito Santo e quero dizer, desde já, que

incorporo a angustia do povo do Espírito Santo que sofre com a forte estiagem”, disse Temer, e completou, “Eu liguei imediatamente para o ministro Jader Barbalho para que incluísse, nos planos todos de combate à seca, também o Espírito Santo, ou pelo menos as regiões mais afetadas. O ministro Helder vai ver todos os estudos, que, claro, isso depende de uma

avaliação técnica, mas a avaliação técnica já está evidenciada nesta publicação que os senhores me trouxeram e nós vamos adiante este plano para incluir o Espírito Santo também neste planejamento contra a seca”. O vídeo gravado com os parlamentares e o presidente, está disponível no Portal aquinoticias. com.


POLÍTICA 5

QUINTA-FEIRA |5 DE JANEIRO DE 2017

DIA DE FAXINA

Foto: Divulgação

MUTIRÃO DE LIMPEZA NAS RUAS DE BOM JESUS

De acordo com o prefeito Marquinhos Messias, com a casa limpa fica mais fácil manter os serviços Redação Bom Jesus do Norte

O dia foi de faxina, ontem, em Bom Jesus do Norte. A prefeitura começou um verdadeiro mutirão nas ruas da cidade. Além da varrição, houve capina, poda de arvores, coleta de entulho. Segundo Antônio Marcos Liberato, secretário de Obras do município, cinco equipes foram organizadas para dar conta do

trabalho. “Estamos dando uma geral na cidade, começando pelo centro e em seguida estaremos atuando nos bairros” Informou. O prefeito Marquinhos Messias esteve acompa-

FALTA DE MEDICAMENTOS nhando o trabalho dos garis. “A nossa meta, nesse primeiro momento, é dar uma boa faxina na cidade. Com a

cidade limpa, fica mais fácil a manutenção diária dos serviços” declarou o Prefeito. Desde segunda-feira que Marquinhos vem percorrendo o município e checando os serviços prestados à população. Uma das primeiras paradas foi na Secretaria de Obras, onde ele tomou café com os servidores e ouviu algumas demandas. Acompanhado da vice, Angélica

OPORTUNIDADE

Ibitirama abre seleção para o magistério Redação Ibitirama

A Prefeitura de Ibitirama, lançou edital para processo seletivo destinado a formação de cadastro reserva na função de Professor habilitado e não habilitado. As oportunidades são para as áreas de Educação Infantil e Ensino Fundamental Anos Iniciais, Anos Finais do Ensino Fundamental nas disciplinas de: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, História, Geografia,

Inglês, Zootecnia e Agricultura, Ensino Religioso, Arte e Educação Física. A jornada semanal é de até 25h e a remu-

OS SALÁRIOS PODEM CHEGAR A R$ 1.609,15. neração pode variar de R$ 1.183,10 a R$ 1.609,15, dependendo da titulação. A seleção será realizada em fase única. O resultado final está previsto para ser publicado no dia 26 de janeiro.

O processo seletivo terá validade até a convocação dos aprovados no concurso público ou o término do calendário escolar do ano letivo de 2017, podendo ser prorrogado por igual período, nos termos da Legislação Municipal. A inscrição será realizada na Secretaria Municipal de Educação, nos dias 12 e 13 de janeiro. Confira os detalhes do edital no site da prefeitura do município no endereço www.ibitirama.es.gov.br.

Equipes farão, em regime de mutirão, a limpeza da cidade

Baptista, Messias também visitou a Unidade de Pronto Atendimento Padre Galeno, no bairro Silvana, onde se reuniu com o administrador da unidade. Um dos maiores problemas é a falta de insumos e medicamentos. “A Saúde não espera, vamos concentrar nossos esforços, no sentido de minimizar a situação para que volte o mais rápido possível

à normalidade”, disse. SECRETARIADO Marquinhos Messias também assinou os primeiros decretos de nomeação de secretários, subsecretário e diretores de departamento. Foram nomeados os secretários de Administração, Carlos Alberto Moraes Thiebaut; Assistência Social, Aline Fátima de Faria; Defesa Ci-

vil, Flávio Nascimento Azevedo; Educação e Cultura, Rogério Cantelle Tavares; Fazenda, Silvia Regina Barreto Tavares; Obras e Agricultura, Antônio Marcos Liberato; Planejamento, Alex Luiz de Oliveira e Saúde, Márcia Alessandra da Silva Azevedo. Paulo Petriccioni Vizoto foi nomeado para a Controladoria e Diego Rangel, para pregoeiro.


6 POLÍTICA

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

DESCASO COM O DINHEIRO PÚBLICO

CARROS ATÉ NO MEIO DO MATO E

Ao assumir a Prefeitura, Fabrício do Posto encontrou um verdadeiro caos em vários setores, principalmente Marcos Freire Apiacá

O prefeito de Apiacá, Fabrício “do Posto” Gomes Thebaldi (PP), que assumiu o município no dia 1º de janeiro, encontrou uma situação de quase calamidade na administração. Apesar de ter a cautela de dizer que a contabilidade ainda está sendo apurada, porque as contas dos últimos meses da administração passada são feitas agora, para serem publicadas, Fabrício acredita que a dívida deixada deve ficar acima de R$ 1 milhão. Ele afirma isso, porque tem conhecimento que o restos a pagar, deixado pelo ex-prefeito, vai ficar em R$ 758 mil, sem contar o que ainda não foi contabilizado. “Com certeza, ele deixou menos dinheiro do que vai ser preciso pagar, por isso, não descarto a possibilidade de fazer uma auditoria”, afirma. Ele também conta que a cidade estava imunda, porque o lixo não vinha sendo recolhido e as ruas não eram varridas. Por isso, sua primeira ação foi limpar as ruas da cidade. Mas está precisando utilizar um caminhão caçamba para o recolhimento do lixo, porque o caminhão compactador do município está quebrado. Aliás, o que não falta

são veículos quebrados no almoxarifado da prefeitura de Apiacá. Funcionando, mesmo assim de forma precária, o município tem apenas um trator, uma retroescavadeira, dois carros, o caminhão caçamba e uma moto. “Duas pás carregadeiras estão em Cachoeiro, quebradas, e os ônibus escolares não tem nenhum bom. Vou ter que resolver a situação antes de começar o ano letivo”, afirma o prefeito. SAÚDE Outra área que a administração afirma ter encontrado abandonada é a da Saúde. “Não há exames, nem medicamentos básicos e, no Hospital José Monteiro (instituição filantrópica que recebe repasses da prefeitura), não havia nada, nem esparadrapo ou gaze, por isso, conseguir repassar R$ 3 mil, para que possam ser comprados, pelo menos, medicamentos básicos”, conta o prefeito Fabrício. Ele adianta que pretende aumentar o repasse para o hospital, que era de R$ 80 mil na administração passada. Além disso, o prédio do hospital apresenta infiltrações e a proliferação de cupim, sem contar a falta de limpeza adequada, o que foi regularizado pela nova direção da instituição.

A administração que assumiu encontrou problemas diversos, como falta de estrutura nas escolas, frota sucateada e carros abandonados, hospital sem medicamentos e cheio de infiltrações e obras inacabadas, abandondas ou bloqueadas pelo Minis

Na Educação, a atual administração está precisando realizar reformas em várias escolas, inclusive, nos telhados de algumas delas. A escola Casinha Feliz, que atende as crianças das primeiras séries do município de Apiacá, está passando por uma grande reforma, porque apresenta vários problemas em sua estrutura, inclusive, na escada que dá acesso ao segundo pavimento, onde as crianças brincam pró-

ximo a uma grade que não oferece a menor segurança. Os brinquedos estão quebrados e oferecem risco, com vergalhões expostos.

FABRÍCIO VAI AUMENTAR REPASSE PARA O HOSPITAL O município também tem obras inacabadas e bloqueadas pelo Ministério Público, sob a suspeita de superfaturamento. Este é o caso

de uma praça, que parece mais um calçadão, na entrada da cidade, que esta orçada – conforme divulgado na placa da obra – em mais de R$ 456 mil. Perto, também há a obra de uma praça de esportes, com quadras de areia e outros equipamentos que também está bloqueada. Inclusive, a informação do município é que, nesta paralisação, a prefeitura perdeu 150 sacos de cimento, que ficaram guardados e vi-

raram pedra. Também próximo, há um ginásio de esportes completamente abandonado e vandalizado que, segundo moradores e pessoas da administração, está servindo para usuários de drogas. No local, a sujeira impera, com banheiros depredados e fedendo. De dentro deste ginásio é possível ver três veículos abandonados, entre eles uma ambulância, no meio de um grande matagal que – acredi-


POLÍTICA 7

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

Fotos: Marcos Freire

EM APIACÁ

e, na frota do município e na saúde

stério Público

tem – fica nos fundos e do lado da sede da Estratégia Saúde da Família (ESF) José Carlos. Aliás, a ESF é um exemplo da situação das outras existentes em Apiacá, repleta de infiltrações, o que impede seu funcionamento e atendimento básicos. PROVIDÊNCIAS O prefeito Fabrício do Posto revela que já começou a tomar providências para tentar melhorar a situação que encontrou, começando pelo corte de gratificações e horas extras que considera indevidas. “É um festival. Tem uma porção de servidor fazendo 40 horas extras por mês, além de horas de descanso remuneradas. Temos que rever isso”, destaca. Ele também suspendeu todos os contratos, para análise, e pagamentos por RPA (Recibo de Pagamento de Autônomo). “São mais 60

profissionais recebendo por RPA, na saúde, lembrando que o pagamento com RPA não incide sobre o índice da folha de pagamento, que já estava acima do limite que permite a lei, na administração passada”, pontua. Fabrício afirma que pretende realizar um processo seletivo, nas áreas da Saúde e da Educação, e sua maior prioridade é aumentar o repasse para o hospital da cidade, além da melhoria de sua estrutura, o que também pretende fazer nas escolas do município, e de investir na capacitação dos servidores. “Vou também, é claro, providenciar o conserto dos veículos e máquinas, e não permitir o uso de fora do horário de serviço. Eu estou usando meu carro particular para trabalhar, porque o gabinete não tem carro”, conclui.

CAPELA MORTUÁRIA Um fato curioso que aconteceu em Apiacá é que a administração passada publicou, em uma revista da região, 10 páginas com suas realizações. Estão relacionados os veículos adquiridos, que estão na sua maioria sucateados, e obras. Entre estas, está a foto da Capela Mortuária, como se já fosse uma obra finalizada, mas a mesma não foi terminada, como pode ser conferido pela foto feita no local.


8 COLUNA SOCIAL

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

Foto: Arquivo Pessoal

CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM já está se acostumando com o calor que faz parte da cidade. Mas bem que podia refrescar no final do dia, não é? A brisa do mar… chegando por aqui… MONTE AGÁ na mira dos apaixonados por natureza. A subida organizada acontece aos sábados, a partir de 06h da manhã, em Itapemirim. Qualquer informação pode ser obtida pelo telefone (28)3529-6419. ETIQUETA não sai de férias. Por isso se for na casa de amigos, curtir a piscina, leve sua própria toalha, filtro solar e qualquer outro acessório. PET POR MAIS EDUCADO que seja, não deve ir na casa de amigos, muito menos na praia. SETE EMPRESAS do Empresário Camilo Cola foram adquiridas por um grupo de São Paulo. Viação Kaissara incluída na negociação. MAIS DE 2 MIL EMPREGOS devem ser gerados em Cachoeiro de Itapemirim, de acordo com as informações preliminares. Vamos torcer para essa realidade.

QUERIDÍSSIMA Familia Rabinovitch recebeu alguns dos grandes amigos para celebrar a chegada de 2017. Desejamos para vocês muito sucesso e harmonia neste novo ano. Foto: Arquivo Pessoal

CHIQUES e animados para 2017, Rodrigo Bragança, Marcus Ferraço, Karla Sardenberg e Eiras JR em celebração animada na virada. Para vocês, saúde e paz.

INTERNACIONAL foi o roteiro do casal Dielle e Fabricio. Eles começaram em Lisboa e seguiram para Sintra, Cascais, Belém, Alcochete, Almada, Parede, Oeiras... enfim um sonho de lua de mel. Fabrício segue para Angola onde vai jogar futebol.

No portal aquinoticias.com você encontra mais fotos e informações de todos os eventos. Acesse!


CIDADES 9

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

MISTÉRIO

IRMÃ DE MENINO DESAPARECIDO EM CACHOEIRO RETOMA BUSCAS 44 ANOS DEPOIS Robert Paiva sumiu em 1972, enquanto brincava na rua. O caso foi investigado pela polícia mas permanece um mistério. Apesar do tempo, uma das irmãs de Robert não perdeu a esperança e ainda busca por ele Lucas Schuina Cachoeiro de Itapemirim

Soraya Paiva tem bem vivos na memória os acontecimentos do dia 10 de outubro de 1972. Nesse dia, ela e os irmãos Ricardo, Fabíola e Robert brincavam com outras crianças na rua em que ficava a casa da família, no bairro Aquidaban, em Cachoeiro de Itapemirim. Muita gente circulava pelo local. A certa hora do dia, os pais da vizinhança começaram a pedir que os seus filhos voltassem para casa. Mas Robert, o caçula da família Paiva, fez pirraça e não obedeceu à ordem. Os irmãos, então, seguiram para dentro sem ele e chamaram pela mãe, Maria Dulce Cabelino Paiva. Ao sair para a rua atrás do caçula, Maria Dulce não o encontrou em parte alguma. Ele havia desaparecido. As buscas se seguiram por pelo menos um ano, sem pistas – nenhum grito, choro ou pedido de socorro. A suspeita mais consistente era de que Robert, então

Fotos: Divulgação

com 2 anos e 9 meses, tivesse se afogado, pois existia um córrego artificial que movia um moinho de milho próximo à casa deles. O canal chegou a ser esvaziado, mas o corpo do menino não foi encontrado. O pai, Devanir do Nascimento Paiva, chegou a contratar um pescador para fazer buscas em regiões próximas, sem sucesso. A polícia tampouco chegou a um resultado conclusivo. Com o passar do tempo, os pais de Robert se conformaram com o fato de que tinham feito todo o possível para reencontrar o menino, e o assunto foi sepultado. Quando a família se mudou para Vitória, em 1983, para que os filhos pudessem fazer curso superior, a história já tinha ficado para trás. Agora, 44 anos após o desaparecimento, Soraya reavivou a possibilidade de achar o irmão perdido. “Eu acredito que ele ainda esteja vivo, parte da família também. O meu irmão (Ricardo)

Retrato de Robert Paiva quando criança e uma simulação de sua possível aparência atual

acha que, se ele está morto, não morreu naquele momento. De qualquer forma, o meu objetivo é pelo menos por um ponto final

LEMBRANÇA Funcionária do Banco do Brasil e atualmente morando em Brasília, Soraya está com 48 anos. No dia do desaparecimento do irmão caçula, que também era chamado de “Bob”, ela tinha apenas 5 anos – Fabíola estava com 6 anos e Ricardo, 11 anos. Segundo ela, Robert, era um garoto muito

“esperto”. “Com 2 anos de idade, ele já falava bem. Meu irmão Ricardo também lembra que nessa época ele muitas vezes jogava bola com os meninos mais velhos na rua”, diz ela. A irmã de Robert afirma que vai prosseguir nas buscas por mais alguns anos. Caso não tenha sucesso, ela rea-

Para qualquer informação sobre esse caso ou de outras pessoas que desapareceram, entre em contato com a Delegacia de Pessoas Desaparecidas (DPP) do

lizará um enterro simbólico de “Bob”, destruindo todo o material que remete ao seu desaparecimento, como recortes de jornais antigos. “Ele merece que a gente faça isso por ele. Sem ele, a gente já está de qualquer jeito. Se ele não aparecer, a gente vai encerrar as buscas e seguir em frente” finaliza Soraya.

Espírito Santo. A delegacia fica na Av. Nossa Senhora da Penha, 2290, no bairro Santa Luiza. O telefone de lá é o (27) 3137 9065.

nesse assunto”, afirma Soraya, destacando que a mãe faleceu em 2014 crendo que o filho tinha de fato morrido afogado. SEQUESTRO? Para isso, Soraya se ancora nas novas possibilidades tecnológicas e em duas pistas que vieram à tona recentemente. Ela ficou sabendo que, cinco anos atrás, uma pessoa ligou para um membro de sua família querendo falar sobre o desaparecimento de Robert. Na época, porém, o familiar, já falecido, não confiou na veracidade da conversa. Também chegou ao conhecimento dela que um rapaz, não identificado, procurou a família Paiva em sua antiga residência há cerca de sete anos. No final do ano

passado, Soraya procurou a Delegacia de Pessoas Desaparecidas (DPP) do Espírito Santo, em Vitória. Em novembro, a Polícia Técnico-Científica realizou uma projeção de envelhecimento e um retrato com a possível aparência atual de Robert, que

completou 47 anos no último dia 2 de janeiro, caso não tenha falecido. A polícia também fez um levantamento dos registros existentes de Robert Paiva, e constatou que não há qualquer documento civil feito por alguém com esse nome (identidade, certidão de casamento, entre outros). “Se ele estiver vivo, foi raptado e tem outro nome”, comenta a irmã do desaparecido.

Soraya Paiva acredita que o irmão ainda está vivo

Foto: Lucas Schuina


10 CIDADES

QUINTA-FEIRA |5 DE JANEIRO DE 2017

PREVENÇÃO

Foto: Divulgação

CACHOEIRO JÁ VACINA MENINOS CONTRA HPV Outra novidade já disponível nas unidades de saúde é a vacina contra meningite C para adolescentes de 12 a 13 anos Redação Cachoeiro de Itapemirim

A vacina contra o vírus HPV, antes só para meninas, agora também está disponível para meninos de 12 e 13 anos no Sistema Único de Saúde (SUS). Em Cachoeiro, a dose pode ser encontrada nas unidades de saúde que têm sala de vacinação. A vacina protege con-

tra câncer de pênis, garganta, ânus e verrugas genitais. Além disso, de acordo com estudos, a inclusão dos meninos no esquema vacinal contribui para a diminuição do câncer de colo do útero e vulva das mulheres, já que isso possibilita a diminuição da circulação do vírus na população. “Para os meninos,

são duas doses, com seis meses de intervalo entre elas. Nós orientamos que os pais aproveitem o período das férias para vacinar seus filhos. É necessário levar o cartão de vacinação”, recomenda a coordenadora municipal de imunização, Marusca Mesquita. Outra novidade já disponível nas unidades

A vacina está disponível nos postos de saúde

de saúde, que funcionam das 7h às 16h, é a vacina contra meningite C para adolescentes de 12 a 13 anos. Antes, essa imunização era oferecida apenas para

crianças aos 3, 5 e 12 meses de idade. “A meningite C é o subtipo mais frequente da doença, representa de 60% a 70% dos casos, e é conside-

rada grave e de rápida evolução. A vacinação dos adolescentes também vai proteger indiretamente quem não foi imunizado”, explica Marusca.

NA TORCIDA

DIA DE REIS

Botafogo chega no ES dia 16

Grupos de Cachoeiro vão levar Folia de Reis para as Montanhas

Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo

Foto: Divulgação

Redação Domingos Martins

Esta será a segunda vez que o Botafogo treinará na região Edézio Peterle Domingos Martins

Os torcedores capixabas do Botafogo podem comemorar. Pelo segundo ano consecutivo, o time carioca fará sua pré-temporada no Espírito Santo entre os dias 16 e 28 de janeiro. Os atletas ficarão hospedados no Hotel Fazenda China Park, em Domingos Martins, na região Serrana do Estado. Com estrutura de ponta, o Hotel Fazenda foi uma opção que agradou aos jogadores, comissão técnica e também aos torcedores que, no ano passado, puderam se aproximar da equipe

e acompanhar a rotina de treinos. Este ano, os sócios-torcedores e proprietários alvinegros terão a oportunidade de usufruir de 15% de desconto na hospedagem no local durante o mês de janeiro. Segundo o Hotel Fazenda, os atletas costumam circular pelos estabelecimentos do parque, sendo possível o contato com os torcedores para fotografias e autógrafos, principalmente no final dos treinos. A universitária Juliana Zambon Hubber, 19 anos, é botafoguense desde criança e esteve no China Park

na pré-temporada do time no ano passado. “No fim do treino, todos os jogadores foram muito simpáticos e generosos. Tirei fotos com todos que estavam lá. Foi uma alegria imensa ver os atletas para que sempre torci desde pequena. Só não deu pra chegar perto do meu ídolo, o Jeferson, mas foi muito legal e muito gratificante estar ali com eles”, conta a torcedora alvinegra. O Botafogo está na Série A do Campeonato Brasileiro de Futebol 2017. Ano passado, o time encerrou a competição em quinto lugar, com 59 pontos.

Domingos Martins será palco, amanhã, de uma das mais tradicionais manifestações culturais e religiosas do Brasil . O colorido e a cantoria da Folia de Reis vão estar nas ruas de Campinho a partir das 19 horas e moradores e turistas estão convidados a participar. Em homenagem aos reis magos, os católicos realizam a folia de reis, que se inicia em 24 de dezembro, véspera do nascimento de Jesus, indo até o dia 06 de janeiro, dia em que encontraram o menino. A folia de reis é de origem portuguesa e foi trazida para o Brasil na época da colonização. A celebração relembra a história dos Três Reis Magos, que partiram em uma jornada à procura do esconderijo do menino Jesus para prestar-lhe

A Folia lembra a saga dos Reis Magos, na busca pelo menino Jesus

homenagens e dar-lhe presentes. Os grupos folclóricos Folia do Mar e Missão Divina, de Cachoeiro de Itapemirim, irão percorrer diversas ruas e avenidas da cidade e visitarão moradores. Outros dois grupos de Santa Teresa foram convidados pelo município, e a prefeitura

aguarda a confirmação de participação. O ponto de partida dos grupos será no coreto da Praça. Dr. Arthur Gerhardt, às 19 horas. Após a peregrinação, a Folia de Reis retorna ao coreto para um grande encontro de encerramento com apresentações de músicas típicas.

BRILHO DE NATAL CONTINUA ATÉ O DIA 15 Embora a Folia de Reis marque, para os católicos, também o encerramento dos festejos natalinos, o

Brilho de Natal de Domingos Martins segue até o dia 15 de janeiro, com iluminação da Praça Dr. Arthur

Gerhardt e visitação à Vila do Papai Noel. No sábado e domingo, tem neve a partir das 20 horas.


SEGURANÇA 11

QUINTA-FEIRA|5 DE JANEIRO DE 2017

CAPTURADO

TRÁFICO

Homem é baleado e morre PM PRENDE SUSPEITO DE MATAR APOSENTADO no centro de Vargem Alta

Foto: Divulgação

Guilherme Gomes Vargem Alta

O crime aconteceu no bairro São Luiz Gonzaga. O suspeito, que estava foragido, foi preso ao desembarcar de um Um homem foi baleaônibus, na rodoviária de Cachoeiro Foto: Divulgação do e morreu na noite de

terça-feira, na Avenida Beira Rio, no Centro de Vargem Alta. O crime aconteceu por volta das 20h30. Segundo a polícia, Luiz Antônio, mais conhecido como “Luizinho”, tinha envolvi-

Redação Cachoeiro de Itapemirim

A Polícia Militar prendeu na manhã de ontem, na Rodoviária de Cachoeiro de Itapemirim, o homem suspeito de matar a tiros, um aposentado de 70 anos. O crime aconteceu em 2015 no bairro São Luiz Gonzaga, no município. J.B.P., 54 anos, estava com mandado de prisão em aberto. De acordo com a equipe da Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) de Cachoeiro, ele confessou o crime e depois desapareceu. Em depoimento na época ( o crime aconteceu no dia 8 de novembro de 2015), ele contou para a polícia que matou o aposen-

Vivaldo Pizzeta foi assassinado em novembro do ano passado

tado Vivaldo Pizzeta, que era seu vizinho, porque vinha sendo ameaçado. Acompanhado de um advogado, ele foi liberado após ter sido ouvido. A arma utilizada, um revólver calibre 32 foi apreendido. Testemunhas ouvidas pela polícia dão outra razão para o assassinato. Segundo elas, o aposentado foi

morto após fazer um comentário que não teria agradado J.B.P. “Ele foi morto porque comentou que a calçada feita por J.B.P. estava torta”, declarou uma delas. J.B.P. foi encaminhado para a 7ª Delegacia Regional e transferido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cachoeiro, onde permanece à

Caminhão carregado de madeira tomba na BR 482 em Alegre Um motorista ficou ferido em um acidente de trânsito no início da tarde de ontem, próximo ao local conhecido como ‘Curva do Boi’, na BR 482, na

mento com o tráfico de drogas. O caso será

investigado pela Polícia Civil de Vargem Alta.

CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM

CURVA DO BOI

Redação Alegre

Os assassinos fugiram e ainda não foram localizados

chegada de Alegre. De acordo com populares, o motorista do caminhão que estava carregado de madeira, teria perdido o controle da direção logo após passar por uma curva. O veículo tombou na con-

O acidente interrompeu o tráfego em parte da pista

tramão e a carga ficou espalhada na pista. O motorista foi socorrido sem ferimentos graves. Devido ao acidente, o tráfego no local que possuí três faixas, ficou liberado em apenas um dos sentidos. Foto: Divulgação

Adolescentes são pegos com drogas e arma de fabricação caseira Guilherme Gomes Itapemirim

A Polícia Militar apreendeu dois menores, de 16 e 17 anos, com drogas e arma de fogo. Foi na terça-feira à noite, no bairro Village da Luz, em Cachoeiro de

Itapemirim A PM foi acionada por volta das 22 horas, após denúncia de um assalto no meio da rua, em que os ladrões usaram uma arma “longa” para levar um aparelho celular da vítima.

Durante as buscas, os menores foram abordados. Com eles, a polícia encontrou o celular roubado, uma arma longa de fabricação caseira, três buchas de maconha e três pinos de cocaína.

ITAPEMIRIM

Mulher leva três tiros na cabeça e sobrevive Guilherme Gomes Itapemirim

Uma tentativa de homicídio foi registrada na noite de terça-feira, em Itapemirim. Uma mulher de 26 anos foi atingida por quatro tiros, sendo três na cabeça. Apesar da gravidade, ela foi socorrida e

levada com vida para o Hospital. O fato aconteceu no bairro Santa Rita II, mais conhecido como “Buraca”. A Polícia Militar foi acionada para averiguar a informação de uma mulher que havia sido baleada e estava sangrando no

meio da rua. Segundo informações da PM, um homem entrou na residência da vítima e efetuou o primeiro disparo. Ela conseguiu correr e foi atingida por mais três. O homem fugiu do local. A Polícia Civil está investigando o caso.


12 PUBLICIDADE

QUINTA-FEIRA |5 DE JANEIRO DE 2017

Aqui seu verão fica completo! Programação Sexta-feira (06/01)

Domingo (08/01)

MAROBÁ

MAROBÁ

22h - Samuel e Banda

08h - Copa Beach Soccer das comunidades/masculino (Fechado)

23h30 – Banda Ginga Forrozear

Sábado (07/01) MAROBÁ 23h – Banda Feijão Balanço

16h - Banda Auge

NEVES 14h - Banda Garotos Tradição

NEVES 15h - Banda Agitaê

Colabore com a limpeza de nossas praias. Separe seu lixo em seco e úmido nas lixeiras disponibilizadas pela prefeitura.

presidentekennedy.es.gov.br

Aqui Notícias Edição 1551