Page 1

REDAÇÃO | (28) 99991 7726 ANÚNCIOS E ASSINATURAS (28) 3521 7726

CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM E REGIÃO SUL | ANO V EDIÇÃO 01539| DIÁRIO

TERÇA-FEIRA

20 DE DEZEMBRO DE 2016 Foto: Arquivo/Pâmela Koppe

CÂMARA DE CACHOEIRO PODE VOTAR HOJE REDUÇÃO DE CARGOS P.4

Com tantas interdições, confira as rotas alternativas para Cachoeiro P.7 Foto: Divulgação

Hoje tem show para arrecadar alimentos para vítimas da chuva em Castelo Foto: Divulgação

P.13

Ponte é levada pela água em Itapemirim

FESTA NA P.5 DIPLOMAÇÃO DE DR. LUCIANO

A história de um bombeiro que trocou o “MENGÃO” pela farda P.8 e 9


2 OPINIÃO

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

FOLHEANDO »» Marcos Freire »» marcosfolhadocaparao@gmail.com

VOLTANDO O Tribunal de Justiça do Espírito Santo decidiu derrubar a decisão judicial que afastava o prefeito de Irupi Carlos Henrique Storck e secretários municipais. Segundo a defesa, o TJES aceitou o argumento de que o Ministério Público não apresentou provas concretas de qualquer irregularidade contra o prefeito. Contudo, a situação ainda não está definida para o prefeito, porque ele ainda depende de outra decisão, da Justiça Eleitoral. Ou seja, a vida do prefeito para assumir a administração ainda depende de cuidados jurídicos e seus advogados estão trabalhando para isso. Só acho que o prefeito devia se pronunciar, para dar sua versão e sua impressão sobre o que está acontecendo, o que seria bom para população que fica no nível da especulação e da fofoca das redes sociais.

ALIENAÇÃO PARENTAL X ABANDONO AFETIVO ARQUIVO

FERROVIA O governador Paulo Hartung e o presidente da Vale, Murilo Ferreira, anunciaram, ontem, que a mineradora pode assumir a responsabilidade de construir uma nova estrada férrea interligando Vitória ao município de Presidente Kennedy, no Sul do Estado. O presidente da Vale anunciou ainda que a expectativa é que a mineradora Samarco retome suas atividades até o final de 2017. Para Hartung, a nova ferrovia será uma importante realização para dinamizar a economia da região e viabilizar importantes projetos na área portuária. O governador também explicou que a empresa já iniciou o processo de renovação da concessão da Ferrovia que interliga Vitória-Minas, que expira em 2026, e o investimento no novo ramal ferroviário seria uma contrapartida da mineradora para manutenção dessa permissão.

O casal se divorcia, os filhos ficam no meio, na maioria das vezes, sem a menor consciência do que está acontecendo. Guarda, pensão, divisão de feriados, magoas e lembranças; um turbilhão de emoções. A grande dificuldade é separar o ex-cônjuge da criança, individualizar este pequeno ser. Frases como: “quem você prefere, mamãe ou papai?”; “quem você ama mais, papai ou mamãe?”; “obedece sua mãe, você não tem pai, quem te cria sou eu, ele nunca te deu nada!”; “seu pai está aí, mas se você não for com eu te levo no cinema”; “não conta isso pro seu pai!” começam a aparecer; causando estresse emocional e confusão a mente das crianças. É uma verdadeira lavagem cerebral contra o outro genitor. Além destas condutas que ocorrem diretamente com a criança, temos casos de falsas denuncias, há quem

se mude para dificultar a convivência com o menor. Inclusive, há quem omita informações importantes sobre a criança, tais como as escolares e médicas. As crianças devem ser protegidas. Não podem sofrer com esse tipo de situação, que é bastante comum. A criação psicológica, emocional e afetiva é dever de ambos pais. Não pode misturar com a separação do casal. O ordenamento jurídico tem meios para proteger as crianças, sendo necessária a identificação e punição de quem pratica alienação com os filhos, a lei 12.318/2010 dispõe sobre o assunto, traz as condutas e as penalidades. O alienador pode ser multado, pode ter suspensa sua autoridade parental. Há casos em que há medida protetiva para o bem da criança. Inclusive perda da guarda e necessidade de visitas monitoradas. Deverá haver tratamento psicológico

e/ou biopsicossocial. Por outro lado, há genitor que não quer contato, no máximo paga pensão alimentícia. Tem quem acredita que o pai tem apenas o dever de sustentar. Errado. Os tribunais têm entendido que há dever de indenizar a criança que foi vítima de abandono por um dos genitores. Enquanto pessoas que não desejam ser pais e não se preparam pra essa função, tiverem filhos, haverá necessidade do Estado tutelar os deveres dos pais e direitos dos menores. Nos termos da decisão do STJ: “Não se trata de uma impossível obrigação de amar, mas de um dever impostergável de cuidar”. Em tempo, existe projeto de lei que visa caracterizar o abandono afetivo como ilícito civil, alterando o Estatuto da Criança e do Adolescente. Projeto já aprovado no Senado, aguarda a votação na Câmara dos Deputados.

ESCOLHA O Detran|ES lançou na sexta-feira (16), a nova campanha do órgão, que alerta os motoristas sobre os riscos de misturar bebida e direção e como essa escolha pode ter consequências trágicas. A campanha “Bebida e Direção” será veiculada em TV, rádio, jornal e internet, usando o mote “Se você pensar na consequência, não faz essa mistura” e faz um alerta para o poder de escolha do motorista. E é o que deve ser enfatizado mesmo, porque dirigir é uma opção, logo, quem a faz deve estar pronto para assumir os resultados que o ato pode lhe trazer. Quando o acidente acontece a culpa não é de Deus, a culpa é de quem bebeu. Não existe fatalidade ou acaso. Quem bebe e dirige está assumindo o risco de morrer e matar. Pensamento do dia: Existem dias nas nossas vidas que gostaríamos de apagar, mas é melhor escrever um novo dia amanhã, sem repetir os erros.

EXPEDIENTE

GRUPO FOLHA DO CAPARAÓ DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME | CNPJ: 10.916.216\0001-55 Rua Irmãos Fernandes, 59, Bairro Bela Vista, Cep: 29.560-000 - Guaçuí-ES Telefone: (28) 3553 0517 Rua Dona Joana, 25, 2º Pavimento, Bairro Centro, Cep: 29.300-120 - Cachoeiro de Itapemirim-ES Telefone: (28) 3521-7726 | (28) 3511 2611

DIRETORIA GERAL: Elias Carvalho Soares EDITOR GERAL: Lucia Bonino REPORTAGEM: Ana Gláucia Chuína, Edézio Peterle, Guilherme Gomes, Lucas Schuina e Taynara Barreto EMAIL: jornalismo.aquinoticias@gmail.com ASSISTENTE COMERCIAL: Débora Osório, Alcino Júnior PROJETO GRÁFICO: Giliard Santos Silva Nogueira DIAGRAMAÇÃO: Celso Wallace

COLABORADORES: Alexandre Garcia, Ewerton Miranda Tréggia, Guilherme Gomes, Luciana Fernandes, Ricardo Lemos, Ruy Guedes, Wagner Medeiros Junior, Basílio Machado, Almir Forte, Ramom Barros.

CIRCULAÇÃO Anchieta, Atílio Vivácqua, Cachoeiro de Itapemirim, Castelo, Conceição do Castelo | Iconha, Itapemirim, Marataízes, Mimoso do Sul, Muqui, Piúma, Presidente Kennedy, Rio Novo do Sul, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante.

As matérias assinadas e publicadas neste jornal, não traduzem a opinião do próprio jornal. A veracidade das informações publicitárias veiculadas é de responsabilidade de quem as patrocina (anunciante). A legislação não impõe ao órgão que veicula o anúncio (jornal) a obrigatoriedade de verificação e comprovação da fide lidade e correção destes anúncios. Fonte: STJ (Superior Tribunal de Justiça).

ACESSE:


POLÍTICA 3

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

NOVO EJA

ENSINO DE JOVENS E ADULTOS SERÁ SEMIPRESENCIAL Outra novidade é a criação de núcleos de educação de jovens e adultos em vários municípios, inclusive Alegre, no Caparaó Redação Estado

Com o intuito de inovar e facilitar o atendimento educacional aos jovens e adultos de todo o Estado, a Secretaria de Estado da Educação (Sedu), implantará, para o ano letivo de 2017, a modalidade semipresencial. Nesse formato, os estudantes terão aulas presenciais as terças, quartas e quintas-feiras, além de contar com reforço de uma plataforma digital. As novidades foram anunciadas ontem. “A Educação de Jovens e Adultos (EJA) agora passará a ser híbrida, trazendo mais flexibilidade para que o aluno possa concluir os estudos. Essa é uma modalidade na qual muitos estudantes já são trabalhadores e conciliam trabalho e estudo. Há um índice elevado de abandono e reprovação na EJA. Nosso objetivo maior é facilitar a vida do cidadão, para que ele possa ter melhores condições de cumprir com as suas obrigações”, destacou o secretário de Educação, Haroldo Rocha. Além da modalidade EJA semipresencial, o secretário também anunciou que sete municípios passarão a contar com Núcleos Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (Neeja), além das quatro cidades que já contam Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja). “Vamos contar com 11 unidades de atendimento à Educação de Jovens e Adultos

levando para mais próximo dos estudantes essa oportunidade. Com uma melhor oferta, compatível com a realidade das pessoas, também estamos levando a tecnologia para agregar conhecimento. Precisamos usar as ferramentas tecnológicas para aprender e se capacitar. As escolas precisam fazer essa evolução, facilitando a aprendizagem dos

AULAS PRESENCIAIS DE TERÇA A QUINTA alunos”, ressaltou Haroldo. A partir de 2017, A carga horária do EJA será de 12 aulas presenciais (semanais). Os professores das disciplinas, exceto educação física, encaminharão atividades a serem executadas nas 2ª e 6ª feiras para que os alunos, no tempo não presencial, possam fazer exercícios de fixação dos conteúdos dados, reforço, pesquisa, produções, etc. O horário da oferta dos cursos da modalidade da Educação de Jovens e Adultos, na forma semipresencial, continuará o mesmo do já praticado nos anos anteriores, nas escolas que ofertam EJA.

Atualmente, existem quatro Centros Estaduais de Educação de Jovens e Adultos (Ceejas) no Estado: Vitória, Linhares, Colatina e Cachoeiro de Itapemirim. Para ampliar as oportunidades em todo o Estado, foi criado um Ceeja em menor escala, que será instalado dentro das escolas estaduais: Núcleo Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Neeja), expandindo a modalidade para mais sete municípios: Afonso Cláudio (Escola Estadual Afonso Cláudio), Alegre (Escola Estadual Prof. Lellis), Cariacica (Escola Estadual Prof.ª Maria de Lourdes Silva Santos), Governador Lindenberg (Escola Estadual Escola Governador Lindenberg), Nova Venécia (Escola Estadual Dom Daniel Comboni), São Mateus (Escola Estadual Dr. Emílio Roberto Zanotti) e Vila Velha (Escola Estadual Agenor de Souza Lé). Esse novo modelo vai atender nos mesmos moldes e materiais do Ceeja, além de incluir a plataforma digital. Para os estudantes que não possuem internet ou habilidades com a tecnologia será ofertado material impresso.

Foto: divulgação SEDU

As novidades no EJA foram anunciadas ontem, pelo secretário Haroldo Rocha


4 POLÍTICA

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

MUDANÇAS

CÂMARA DE CACHOEIRO DEVE VOTAR HOJE REESTRUTURAÇÃO ADMINISTRATIVA Segundo os autores, as mudanças propostas irão economizar cerca de R$ 740 mil por ano Lucas Schuina Cachoeiro de Itapemirim

Na última sessão do ano da Câmara Municipal de Cachoeiro de Itapemirim, que acontece hoje, uma nova proposta de reestruturação da Casa deverá ser votada. Segundo os proponentes, as mudanças deverão acarretar em uma economia de aproximadamente R$ 740 mil ao ano, em contraponto a projeto de Julio Ferrari (PMDB) sobre o mesmo assunto, rejeitado em novembro, o qual, segundo eles, resultaria em redução de cerca de R$ 659 mil. As mudanças serão apresentadas em três projetos de resolução que, por motivos de formalidade, serão assinados pela Mesa Diretora da Câmara, da qual Julio Ferrari é o atual presidente. Tratam-se, porém, de propostas elaboradas a partir de uma comissão formada em novembro, de iniciativa do verea-

dor Alexandre Maitan (PDT), que realizou estudos sobre a situação financeira e funcional da Casa. Atuaram na comissão os vereadores Delandi Macedo (PSC), nomeado presidente, Alexon Soares (Pros), o relator, e Alexandre Bastos (PSB), membro titular. Os suplentes foram Braz Zagotto (Pros), Ely Escarpini (PV) e Alexandre de Itaoca (DEM) – Maitan, mesmo sendo autor da iniciativa, abdicou de participação. “Em nossos estudos, identificamos três pontos essenciais para a redução dos gastos com a folha: o primeiro diz respeito à redução dos cargos comissionados da Mesa Diretora; o segundo foca na diminuição do valor da gratificação de servidores ocupantes de funções especiais; e o terceiro, que trata da diminuição do valor gasto com assessoria dos vereadores. O pro-

Foto: Divulgação

Vereadores ser reúnem para discutir mudanças. As proposta tem aceitação dos eleitos que ainda não assumiram mandato

jeto do Júlio Ferrari focava apenas nesse último ponto”, justifica Delandi Macedo. Outro ponto a favor da nova proposta, segundo Macedo, é que ela foi elaborada somente por vereadores reeleitos, e conta com a aceitação dos vereadores eleitos que ainda não assumiram o cargo – ao contrário da proposta de Julio Ferrari, muito criticada pela ausência desse fator. “Foi feito em comum acordo. Todo mundo é o ‘pai da criança’”, co-

CIDADE DE LUTO

Morre Aluísio Filgueiras, prefeito de Muqui

Foto: Divulgação

Ana Glaucia Chuina Muqui

Faleceu na tarde de ontem, o prefeito de Muqui, Aluísio Filgueiras (PSDB), de 66 anos. Segundo informações, Filgueiras estava internado desde o mês de outubro, em um hospital da Grande Vitória, onde fazia tratamento contra um câncer no cérebro. O prefeito em exercício Carlos Renato Prúcoli, se manifestou via ofício e decretou luto oficial de cinco dias no município, e ponto facultativo hoje. No decreto, Prúcoli ressaltou a importância de Filgueiras

como prefeito, sempre atuando “com zelo, honestidade e competência”. Também destacou a relevância do seu trabalho como médico. O local do velório ainda não foi confirmado, mas deve ocorrer na Câmara Municipal ou na Igreja Presbiteriana da cidade. O enterro

deve acontecer na tarde desta terça-feira. Aluísio era médico há mais de 40 anos. Ele atuou como secretário de Saúde e foi diretor do hospital da cidade. Ele exercia mandato político pela primeira vez, após vencer as eleições de 2012, com 51,72% dos votos.

menta o vereador eleito Silvinho Coelho (PRP). Sem mandato após se candidatar a prefeito

de Cachoeiro, e perder, Julio Ferrari também aproveitará a ultima sessão do ano na Câ-

mara Municipal para fazer uma prestação de contas de sua gestão na presidência da Casa.

MUDANÇAS PROPOSTAS NA CÂMARA DE CACHOEIRO - O valor da verba de gabinete dos vereadores ficará fixado em R$ 10 mil (contra os R$ 10.602), sendo que o número de assessores, divididos em treze faixas salariais (variando de R$ 950 a R$ 3 mil), não poderá ser maior do que 7. Economia es-

perada: R$ 183.175 - Os cargos comissionados ligados à Mesa Diretora serão reduzido de 16 para 6. A remuneração de cada cargo será diferenciada, de R$ 1.682,01 a R$ 3.348,25. Economia esperada: R$ 304.700,90 - O valor das grati-

ficações dos servidores com funções especiais, hoje de R$ 990, será reduzido. Haverá um escalonamento por função, de R$ 550 a R$ 790. Economia esperada: R$ 248.237 Economia total esperada: R$ 736.112,90

COMPANHIA DE ALIMENTOS UNIAVES CNPJ nº. 07.144.671/0001-75 NIRE nº. 32300030866 AVISO AOS ACIONISTAS AUMENTO DE CAPITAL POR SUBSCRIÇÃO DE AÇÕES Comunicamos que o CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA COMPANHIA deliberou pela CHAMADA DE CAPITAL mediante o lançamento de ações no valor total de R$ 50.000.000,00 (cinquenta milhões de reais), dentro do limite do capital autorizado fixado no Estatuto da Companhia, a saber: 1 – Objetivo do Aumento do Capital: Dotar a Companhia de capital de giro necessário ao desenvolvimento de suas atividades com a consequente redução de custos financeiros e otimizando os índices de liquidez. 2 – Quantidade de ações a serem emitidas: (a) 4.914.684.926 (quatro bilhões, novecentos e quatorze milhões, seiscentos e oitenta e quatro mil, novecentos e vinte e seis) ações ordinárias nominativas da classe “A”, sem valor nominal; (b) 8.304.205 (oito milhões, trezentos e quatro mil, duzentos e cinco) ações ordinárias nominativas da classe “B”, sem valor nominal; (c) 74.737.841 (setenta e quatro milhões, setecentos e trinta e sete mil, oitocentos e quarenta e um) ações preferencias nominativas da classe “A”, sem valor nominal. (d) 2.273.028 (dois milhões, duzentos e setenta e três mil, vinte e oito) ações preferenciais nominativas da classe “B”, sem valor nominal. 3 – Preço das ações a serem emitidas: R$ 0,01 (um centavo de real) por cada ação a ser subscrita, fixado com a observância dos critérios estabelecidos no inciso II do § 1º do artigo 170 da Lei 6.404/76, alterado pela Lei 9.457/97, tendo como parâmetro o valor patrimonial de cada ação que, de acordo com as demonstrações financeiras levantadas em 31/12/2015 auditado pela Moore Stephens Consulting News Auditores Independentes e publicadas no Jornal Aqui Notícias do dia 03/05/2016 e Diário Oficial do ES no dia 04/05/2016, é inferior a R$0,01(um centavo de real). 4 – Data-base: Terão direito à subscrição os acionistas titulares de ações na posição acionária final do dia 28.10.2016. 5 – Direito de preferência: Os acionistas poderão exercer o direito de preferência à subscrição no período compreendido entre o dia 19.12.2016 a 19.01.2017, na proporção de 452,97226% sobre as quantidades de ações da mesma espécie que possuírem na data-base. 5.1 – Os acionistas que não desejarem exercer seus direitos de preferência à subscrição poderão cedê-lo a outros acionistas da Companhia. 5.2 – No cálculo do percentual de subscrição foram excluídas as ações de emissão própria existentes que se encontram em tesouraria. 6 – Forma de pagamento: À vista, em moeda corrente nacional, no ato da assinatura do respectivo boletim de subscrição. 6.1 – Os acionistas credores da Companhia em decorrência de empréstimos por eles concedidos à emitente das ações poderão utilizar tais créditos para integralizar as ações que vierem a subscrever. 7 – Subscrição de sobras de ações: Os acionistas que optarem por subscrição de sobras de ações poderão subscrevê-las, ao mesmo preço e condições, exclusivamente nas seguintes datas: 1º rateio, no dia 31.01.2017; 2º rateio, no dia 14.02.2017, na proporção das ações subscritas no 1º rateio. Quaisquer esclarecimentos adicionais serão prestados na sede da Companhia, nos horários e dias já indicados. Castelo, ES, 14 de dezembro de 2016. Eustáquio Moacyr Agrizzi – Presidente do Conselho de Administração.


POLÍTICA 5

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

RUMO À POSSE

PREFEITO ELEITO DE ITAPEMIRIM É DIPLOMADO Aos gritos de “O campeão voltou”, Dr. Luciano foi diplomado em “clima” de festa de virada Ilauro Oliveira Itapemirim

Fogos, cartazes, salão do Juri lotado e uma multidão do lado de fora do Fórum de Itapemirim. Esse foi o cenário na tarde de ontem, durante a diplomação do prefeito eleito Dr. Luciano Paiva (PROS). Ao ser chamado pelo juiz eleitoral Romilton Alves Vieira Junior, para receber o diploma, os presentes explodiram em coro: “O campeão voltou! O campeão voltou”. O clima apesar de pacífico, não deixava de mostrar uma espécie de indignação dos presentes com o fato de o

prefeito não estar exercendo o seu mandato atual, uma vez que se encontra cassado. Talvez, por isso, um dos vários cartazes levantados no momento da diplomação dizia assim: “Por favor, deixe o nos-

REELEITO COM 67% DOS VOTOS VÁLIDOS so prefeito trabalhar”. Reeleito com 67% dos votos válidos em Itapemirim, Dr. Luciano foi diplomado para mais quatro anos no poder juntamente com o novo vice, Thiago Peçanha (PSDB. Ele obteve esmaga-

dores 15.941 votos, contra apenas 6.874 votos de Norma Ayub (DEM), derrotando assim, pela segunda vez consecutiva, o grupo político de Theodorico Ferraço (DEM). Se antes do evento havia alguma dúvida jurídica quanto à diplomação de Dr. Luciano, ela foi dissipada na tarde de ontem, quando o juiz eleitoral realizou a cerimônia. Agora, com diploma na mão, o próximo passo é tomar posse em primeiro de Janeiro. Também foram diplomados os 11 vereadores eleitos e os suplentes. De maneira surpreendente, Dr. Luciano

Foto: Marcos Kito Dr. Luciano e o juiz eleitoral Romilton Aves Junior

optou por não se pronunciar. Sem discurso, mas atendendo a nossa reportagem, ele disse que, cumprida mais essa etapa da democracia, “o importante é continuar tra-

balhando pelo povo de Itapemirim e olhando sempre para frente”. Os vereadores eleitos e diplomados foram: Paulinho da Graúna (PMN), Bill (PRP), Rogerinho (PC do B),

João Bechara Netto (PV), Delei (PSB), Fábio da Gata (PSL), Mariel (PC do B), Joceir Cabral (PP), Vaguinho da Safra (PDT), Lenildo Henriques (PP) e Patinho (DEM).

ACESSO LIBERADO

TJ suspende afastamento de prefeito e secretários de Irupi Marcos Freire Irupi

O presidente do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), desembargador Annibal Rezende de Lima, decidiu pela suspensão do afastamento cautelar contra o prefeito De Irupi, Carlos Henrique Emerick Storck (PSDB) e os secretários municipais Denilson Gomes, Roziel Estevão Olavo, Herivelto Carvalho e Eliomar Chuenque. Eles ficaram impedidos de ocuparem seus

cargos na Prefeitura, no final de novembro, por meio de uma medida cautelar que determinou o afastamento, por 180 dias, de suas funções. A decisão garante aos secretários a volta aos cargos após o recebimento de intimação. A advogada. Carla Vicente, uma das responsáveis pela defesa do prefeito e secretários, explicou que o Ministério Público Estadual não apresentou qualquer prova robus-

ta que demonstre que Carlos Henrique e os secretários municipais estavam obstruindo a instrução processual. Ainda de acordo com a advogada, não estavam presentes os requisitos legais da medida cautelar de afastamento, bem como afirmou que

SEGUNDO DEFESA, NÃO HÁ PROVAS DE IRREGULARIDADES não há nos autos provas que apontem qual-

quer irregularidade na gestão do município. No pedido de suspensão liminar da medida cautelar para o afastamento foi colocado que o Estado-Juiz não poderia intervir no Poder Executivo, proporcionando um transtorno administrativo. “Foi uma decisão abrupta, o que aconteceu na administração de Irupi, que acabou causando uma desestruturação no governo que deixou de cumprir serviços e programas muni-

cipais, em prejuízo à população irupiense”, explicou Carla Vicente. O afastamento do prefeito havia sido determinado com base em denúncias do Ministério Público Estadual. E justamente sobre isso, o advogado Luciano Ceotto, também responsável pela defesa do prefeito, disse a este jornal que Carlos Henrique não poderia ter sido afastado baseado apenas em acusações. De acordo com Ceotto,

o Ministério Público não apresentou provas concretas de qualquer possível irregularidade. O prefeito Carlos Henrique e o secretário de Agricultura, Herivelto Carvalho, aguardam um segundo processo que segue em andamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Segundo a assessoria da Prefeitura, nenhum deles iria se manifestar, por enquanto, já que esperam a decisão do TRE.


6 CIDADES

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

MILAGRE DE NATAL

COMÉRCIO APOSTA EM “NOEL” PARA RECUPERAR PREJUÍZOS DA CHUVA

Afetado pela cheia do rio Itapemirim, o comércio de Cachoeiro está levando fé nas vendas de Natal para não fechar o ano no prejuízo

Fotos: arquivo

Redação Cachoeiro de Itapemirim

A Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Cachoeiro de Itapemirim (Acisci) aposta nas vendas de Natal para recuperar os prejuízos causados pela enchente que afetou o comércio na última semana. “Essa é a semana da “berradeira”, como dizem os nordestinos, que significa última semana. Se o comércio não recuperar os prejuízos essa semana, não recupera mais. Estamos apostando nas vendas de Natal para isso”, afirma o presidente

da Acisci, Pedro Sandrini. Nessa segunda-feira ainda era possível ver comerciantes limpando lojas e arrumando estoques. Numa grande loja de departamentos, no centro, funcionários passaram o fim de semana organizando o estoque. Produtos que tiveram embalagens danificadas pela água, mas que estão em bom estado, devem, inclusive, começar a ser vendidos em forma de promoção. O comércio de Cachoeiro está funcionando em horário especial desde ontem. Até o dia 23, sexta-feira, as por-

O fim de semana foi de faxina no comércio de Cachoeiro. Muitos, precisarão faturar bem esta semana, para compensar os prejuízos

tas estarão abertas das 9 horas às 21 horas. No dia 24, véspera do

Natal, o horário estabelecido é das 8horas às 18 horas.

No horário especial de Natal não estão incluídos os supermer-

cados, hortifrutigranjeiros e os shoppings da cidade.


CIDADES 7

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

TRAJETOS ALTERNATIVOS

CHUVA ALTERA ROTAS PARA CACHOEIRO Com a queda de barreiras, árvores e asfalto cedendo, foram necessárias diversas alterações de trânsito para que as pessoas cheguem ou saiam do município Guilherme Gomes Cachoeiro de Itapemirim

Muita confusão e trânsito com desvios alternativos depois das fortes chuvas que atingiram Cachoeiro de Itapemirim nos últimos dias. Com a queda de barreiras e árvores, asfalto cedendo e abertura de cratera nas ruas, foram necessárias diversas alterações de rota para que as pessoas cheguem ou saiam do município. A primeira grande intervenção aconteceu há puco mais de uma semana, por consequência da abertura de uma cratera na Rodovia ES 482 que liga Cachoeiro x Alegre, na altura da localidade de Morro Grande. O motorista que estiver deixando Cachoeiro tem duas opções. Ele poderá seguir pela ES 164 (sentido Vargem Alta) e, na altura de Soturno, pegar a ES 488. Para quem estiver seguindo pela BR 393, precisará continuar pela estrada que dá acesso ao distrito Industrial de São Joa-

quim. Para quem estiver indo para Cachoeiro, também há duas opções. Seguindo pela ES 482, o motorista pegará a estrada que dá acesso ao distrito Industrial de São Joaquim, ou pode utilizar a ES 488, chegando a Cachoeiro pela ES 164.

MOTORISTAS DEVEM ESTAR ATENTOS AOS DESVIOS No último sábado, mais mudanças. A Defesa Civil de Cachoeiro e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), interditaram a Rodovia BR-482 Safra x Cachoeiro, por causa de um afundamento de 30 cm em um terço da pista. O trecho foi bloqueado na altura do km 0 + 500, a oito quilômetros de Cachoeiro e a 500 metros do acesso ao trevo da BR-101 Sul. Desde então, os motoristas que querem chegar à Cachoeiro ou à BR-101 Sul, e ao litoral

sul capixaba, devem pegar desvios. Para evitar o mínimo possível de transtornos e dificuldades aos motoristas, foi providenciado um desvio utilizando o antigo traçado da própria BR-482. Segundo o Dnit, obras de recuperação estão sendo feitas e a rodovia deve voltar a seu traçado original na quinta-feira. “Para não piorar a situação, decidimos fazer a substituição do tubulão. Estamos trabalhando para liberar as duas pistas até o dia 22 de dezembro”, explica o chefe da Unidade Local de Santa Isabel (ES), Luiz Fernando Caldelas. As entradas para a cidade pela ES 489, na Rodovia Ricardo Barbieri e pela ES 393, na Rodovia Lúcio Meira, estão liberadas e sem quedas de barreiras. Outra que está em boas condições é a ES 164, pela Rodovia Gumercindo Moura Nunes, que liga Cachoeiro x Vargem Alta. A Rodovia do Frade e a Estrada

Foto: Guilherme Gomes

da Gruta também são opções para se chegar a Cachoeiro. As ocorrências mais comuns têm sido quedas de barreiras e galhos de árvores. Equipes do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo (DER-ES) estão de plantão e monitorando todos os trechos para garantir a trafegabilidade nas rodovias estaduais.

PREVISÃO DO TEMPO Hoje e amanhã, o tempo segue com variação de nebulosidade ao longo do dia e há previsão de chuva no litoral norte apenas pela manhã, enquanto nas demais áreas da metade norte capixaba pode ocorrer chuva em alguns momentos do dia. As demais áreas do estado seguem com variação de nuvens, mas sem previsão de chuva.

A primeira intervenção aconteceu por causa da abertura de uma cratera na Rodovia ES 482

Seguindo pela ES 482, o motorista pegará a estrada que dá acesso ao distrito Industrial de São Joaquim

MAIS DESVIOS

Ponte que liga Itapemirim a Rio Novo desaba Fotos: Internet

Guilherme Gomes Itapemirim

A cheia dos rios em decorrência das fortes chuvas no sul do Espírito Santo fez desabar a ponte que liga Vila de Itapemirim a Rio Novo do Sul, na tarde de sábado. Segundo informações da Guarda Municipal de Itapemirim, a ponte já vinha sofrendo com os desgastes do tempo e aguardava um reparo do Governo do Estado. A ponte dava acesso à localidade de Gomes, no interior de Itapemirim.

Um projeto de reforma da ponte já estava em elaboração pelo Governo do Estado e agora terá a sua conclusão acelerada

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES) informou que a ponte estava em fim de vida útil e

não resistiu a força das chuvas. Um projeto de reforma já estava em elaboração e agora terá a sua con-

clusão acelerada. As equipes do DER-ES sinalizaram o local. A alternativa para o motorista que esti-

ver indo de Rio Novo do Sul (BR 101) para Itapemirim será a estrada da localidade de Fazenda Velha,

passando pela comunidade do Gomes e chegando à ES 060. Essa alternativa é também para quem estiver saindo de Barra do Itapemirim em direção à BR 101. Para quem estiver em Marataízes, o acesso mais viável para a BR 101 continua sendo por meio da ES 490. As equipes do DER-ES estão de plantão para as ocorrências das chuvas, e os motoristas precisam ter atenção redobrado na condução dos veículos.


8 ESPECIAL

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

HISTÓRIA DE VIDA

DE HERÓI DO MENGÃO A SALVA

Atuando do Corpo de Bombeiros de Guaçuí, o soldado Helder, já brilhou nos gramados com a camisa do Flamengo. Nesta re

Daniele Muruci Guaçuí

O que você queria ser quando crescer? Para muitos, principalmente entre os meninos, jogador de futebol e bombeiro, com certeza estão na lista. Já imaginou uma única pessoa realizar estes dois sonhos de criança? Foi o que aconteceu com Helder Moratti Dalmonech. Atualmente no Corpo de Bombeiros de Guaçuí, ele já brilhou nos gramados e usando nada mais nada menos, do que a camisa do flamengo. Natural de Guaçuí e morador de Ibatiba, na região do Caparaó, Helder foi, ainda menino, para o Rio de Janeiro com um único objetivo: seguir carreira como jogador de futebol no Clube de Regatas do Flamengo. A família, apesar

de ser tricolor, vibrava a cada conquista do garoto. Esse sonho não foi adiante, mas Helder tinha outro, que também fazia dele um herói, ser do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar. Helder conta que começou no futebol muito novo. Jogava em um time de Ibatiba, pelo qual disputou a Copa A Gazetinha, uma das principais competições de base do Espírito Santo. O ingresso em um clube profissional

aconteceu quando ele estava com 13 anos. Foi descoberto durante um “Peneirão”. “Lembro que teve uma seleção de jovens talentos aqui no Espirito Santo, e, depois de disputar com vários outros garotos, eu passei. Pensei que já estava dentro do time infantil do Flamengo, mas, chegando ao Rio, ainda tive que passar por outra seleção. Foi muito difícil mas, criança quando gosta é assim. Quando vi, já tinha dado certo”, lembrou Helder. Ele foi então morar longe dos pais, em um alojamento, na concentração do clube, onde ficavam todos os jogadores que eram de fora do Rio. A concorrência era grande, já que o número de vagas era limitado a cerca de 40. Helder conta que o alojamento era muito bom, com boa alimentação, escola particular e acompanhamento de assistente social e psicóloga. Em contrapartida, ele tinha que jogar bem e dar resultados, porque o time

tinha expectativa de vê-lo chegar ao profissional. “Se você tiver numa fase ruim e chegar um garoto melhor, você tem que sair do alojamento para dar espaço pra ele”, recorda. Moratti ficou nove anos no Flamengo, de 1999 a 2009. Em 2006 e 2007, jogou no profissional. “Fui para o profissional em 2006, com o Ney Franco, e, em 2007, com o Joel Santana como treinador. Praticamente duas temporadas no time principal”, relembrou o zagueiro. Na memória, guarda várias histórias daquela época. “Foram quase dez anos de história que pude viver muito intensamente. Aos quinze anos, comecei a viajar. Participei de um campeonato no México, depois viajei para outros países também”, fala. O ex-zagueiro do Flamengo destaca que foi uma mudança de vida drástica para um garoto que saiu do interior e só conhecia aquele mundo pela televisão.

O soldado Moratti destaca a amizade com o “time” do quartel

O JOGO QUE MUDOU TUDO Dos tempos do futebol, a ida para o profissional foi o que mais marcou Helder. “Eu era do juniores e, em 2006, tive a oportunidade de ir para o último jogo do Brasileirão daquele ano. Eu já tinha estreado contra o Paraná e joguei poucos minutos. Mas, nesse último jogo, contra o São Caetano, meu time estava perdendo de 1x 0 e eu entrei no intervalo. Zagueiro já não é muito de fazer gol e foi muito rápido, em questão de 15 minutos eu fiz dois gols e viramos o jogo. En-

tão, aquele fim de ano, pra mim, parecia como se eu fosse o principal jogador do Flamengo. Jornais falavam muito de mim, do próximo ano, porque criou uma expectativa em mim, por isso foi muito marcante”, explica. Por ser zagueiro, Helder contou que seu objetivo maior naquela partida era não deixar o São Caetano marcar, e que apenas aproveitou as oportunidades que teve para fazer os dois gols que deram a vitória do Flamengo. “Aconteceu! Foi um momento


ESPECIAL 9

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

ADOR DE VIDAS NO CAPARAÓ

eportagem, você confere um pouco da trajetória deste bombeiro, que conseguiu realizar seus dois sonhos de infância Foto: Danielle Muruci

MUDANÇA DE CARREIRA

Foto: Arquivo Pessoal

Ao fazer dois gols em uma partida decisiva, Helder foi destaque na imprensa nacional

mágico que uniu tudo isso. Eu estava bem preparado, aproveitei a oportunidade, mas é um conjunto mesmo de vários fatores que levou até aquele momento tão especial e que se tornou

marcante”, garante. Além do Flamengo, antes de deixar os gramados Helder jogou no Tombense, em Minas Gerais. Ele saiu de campo, definitivamente, em 2010.

O contrato de Helder com o Flamengo acabou em 2007. Naquele ano, ele disputou apenas duas partidas com a camisa do time. De acordo com o ex-zagueiro, naquela época, a política do clube era diferente. Apostava-se muito nas categorias de base. Em 2007, por exemplo, o Flamengo chegou a ter nove zagueiros no elenco. Isso tornou ainda mais competitiva a disputa entre os atletas. “Eu, como fiz esses dois gols, não fui emprestado para outro time, como o Egídio do Palmeiras e o Renato Augusto do Coríntias, que tiveram a oportunidade de jogar em outros clubes profissionais e ganhar experiência. Mas, como teve todo um apelo da torcida, por ser um garoto da base que se destacou, tive que disputar espaço com grandes profissionais”, contou. “Acredito que ali foi o início do fim da minha carreira”, completou. Mas, ele faz questão de dizer que foi um momento muito especial e que, apesar de ter sido muito difícil tomar a decisão de pa-

PAIXÃO QUE CONTINUA Mesmo mudando de profissão, Moratti não abandonou por completo os gramados. Ele faz parte de um time de futebol society, composto por bombeiros do quartel onde trabalha. “Participamos de partidas entre equipes do município e região. É um momento de descontração que temos juntos”, comentou.

rar, acredita ter feito a coisa certa e na hora certa. Com incentivo do irmão, que já era militar, o ex-zagueiro ingressou no Corpo de Bombeiros do Espírito Santo. O PRAZER EM AJUDAR Ao se tornar bombeiro, Helder passou a ser conhecido pela patente e o sobrenome. O jogador Helder passou a bola para o soldado Moratti. Hoje, Moratti diz estar feliz com profissão que escolheu e pretende seguir carreira. Além de ter o privilégio de trabalhar perto de casa, em um quartel que, segundo ele, tem um clima de trabalho muito bom. “Sem contar que a profissão é muito bem vista pela sociedade. Então, me sinto muito honrado em ajudar as pessoas, salvar vidas. E, ao ver minha trajetória de vida, vejo que minha família tem orgulho e eu também me orgulho de hoje, estar nos bombeiros, e, de ter sido jogador do Flamengo, que é o sonho de qualquer criança”, afirma. Moratti se considera

realizado. Ele descreve que fez o caminho contrário da maioria dos jovens. Porque saiu de casa muito cedo, viveu longe de casa e, agora, tem a oportunidade de voltar a curtir mais a família. Ele entrou para os bombeiros em 2013. Nesse tempo de experiência, o militar destaca que o mais importante, para ele, é saber que está ajudando pessoas. Ele diz que conta com orgulho, suas vivências para a família. Outro fator marcante para Moratti, na vida como bombeiro militar, são as amizades. “Aqui,nós trabalhamos aquartelados, não estamos na rua, então, temos um convívio de família. Quando a sirene toca, todo mundo se prontifica. Às vezes é uma ocorrência do caminhão, mas a outra viatura vai pra dar um apoio. Então, somos uma equipe e levamos isso para fora do quartel também. Com certeza, vejo estas amizades como muito importantes em minha vida” destacou. AS AMIZADES QUE FICARAM

Sobre amizade, aliás, Moratti tem muito o que falar. Várias, que ele fez no campo, na época do Flamengo, continuam, sobrevivendo ao tempo e à distância. “É um pessoal muito alegre, muito animado, então, é uma rotina de vida muito bacana. Você pode ficar dez anos sem ver a pessoa, mas, quando a encontra, o assunto continua o mesmo”, brincou. Ele destacou que, daquele time em que jogou, cada um seguiu a vida. O goleiro do Flamengo, Paulo Vitor, é um dos amigos com que Moratti mantém contato mais frequência. “Por várias vezes o Paulo Vitor esteve aqui em Ibatiba. A família dele é de Assis, em São Paulo, um pouco mais longe, então, sempre que tínhamos uma folga no fim de semana, vínhamos para a minha casa”, recordou. Cléberson, que já disputou várias partidas pela Seleção, e o atacante Kayke, também se tornaram amigos de Moratti, na época em que jogaram juntos no Flamengo. Foto: Arquivo Pessoal

Hoje, Moratti joga no time formado pelos bombeiros do quartel onde trabalha


10 ENTRETENIMENTO

MALHAÇÃO GLOBO - 17H47 Toninho discute com Joana por causa do dinheiro que, supostamente, é para cuidar de sua avó Damiana. Nanda dispensa Rômulo mais uma vez. Bárbara provoca Giovane por conta de Joana. Rômulo e Belloto seguem Nanda e Jéssica no parque de diversão de Orlando. Krica e Cleyton sonham em viajar para os Estados Unidos. Toninho faz sucesso ao acompanhar Lucas em um show no hostel. Jabá e Juliana registram o comportamento de Toninho.

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

ROCK STORY / GLOBO 19H00 Diana fica furiosa com a atitude de Léo contra Gui e pede um tempo para o rapaz. Júlia conta a Gui que Vanda a ameaçou. Gordo insiste para que Laila não abandone a música. Néia e Lázaro comemoram ao saber que Diana pediu um tempo para Léo. Júlia confessa a Edith que está fugindo da polícia. JF desiste de fazer parte da banda. Gordo manda Nanda pagar as despesas de Laila no hotel. Gilda tenta convencer Nicolau a deixar a banda. Romildo leva Vanda ao aeroporto. Néia chama a atenção de Yasmin por conta de seu rendimento na escola. Alex, Romildo e William festejam quando Vanda confirma que embarcou.

FAMOSOS

Núbia Óliiver entrega segredo do corpão aos 43 anos: ‘Maturidade’ SOL NASCENTE GLOBO - 18H00

Sócrates exige que Cesar faça Alice desistir de demiti-lo. Tanaka presenteia Mocinha. Mario conversa com Felipe e desconfia da armação entre Cesar e Sócrates. Ralf se preocupa com os estudos de Milena. Sirlene reconhece João Amaro e Patrick nota o desconforto entre os dois. Damasceno questiona Cesar sobre a noite da explosão na traineira. Lenita comenta com Vittorio que tem esperanças de reencontrar sua filha. Mario aconselha Tiago sobre sua relação com Dora. Tiago e Dora decidem se tornar amigos. Cesar e Mocinha cobram o envolvimento de Carolina no plano contra Alice e Tanaka. Vittorio convence Milena a se concentrar nos estudos até passar no vestibular.

‘Sabe viver bem quem consegue pagar menos na hora de levantar da mesa’, disse a modelo, que posou de biquíni e contou que se exercita desde os 28.

A LEI DO AMOR GLOBO - 21H00

Tião e Magnólia ficam juntos. Vitória pede que Augusto a acompanhe à festa de Ana Luiza. Tiago leva Letícia para ver Fausto. Magnólia garante a Gigi que não está apaixonada por Tião. Beth e Ciro se encontram. Misael briga com Yara por causa de Aline. Elio fica intrigado ao ver Ana Luiza pesquisando sobre câmeras ocultas. Pedro pede para ter outro filho com Helô. Mileide reclama dos pedidos de Jáder. Salete vai com Augusto à favela da Bica. Um ex-cliente de Luciane pede uma grande encomenda de roupas e Gledson insiste para que ela aceite. Ciro chega pela manhã na casa de Silvia e encontra Magnólia.

MaisTelevisão PEQUENOS ESPIÕES 4

REVIVENDO O NATAL

SESSÃO DA TARDE - 15:13

CORUJÃO- 01:35

Marisa Cortez Wilson se casa com Wilbur, pai de dois filhos, e eles têm um bebê. Ele é um repórter conhecido por desmascarar espiões. Título Original: Spy Kids 4 Elenco: Jessica Alba, Joel Mchale, Alexa Veja, Daryl Sabara, Rowan Blanchard, Mason Cook Direção: Robert Rodriguez Nacionalidade: Americana Gênero: Aventura

Na véspera do Natal, Kate tenta reconquistar seu ex-namorado e acaba arruinando seu encontro às cegas com Miles Título Original: 12 Dates Of Christmas Elenco: Audrey Dwyer, Jayne Eastwood, Richard Fitzpatrick, Mark-Paul Gosselaar, Vijay Mehta, Laura Myata, Amy Smart Direção: James Hayman - Nacionalidade: Americana Gênero: Comédia


ENTRETENIMENTO 11

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

Passatempo

Sudoku

Caça Palavras

Solução: Para jogar:

Preencha com números de 1 a 9 os quadrados pequenos, as linhas verticais e horizontais. Não repita.

Horóscopo Diário ÁRIES

20/03 20/04

Atenção redobrada aos detalhes: Mercúrio está retrógrado e os erros vão aparecer. Seu regente Marte entra em Peixes hoje, e sua disposição pode diminuir. Assegure-se o devido descanso, programe menos trabalho.

CÂNCER

21/06 21/07

As discussões que podem surgir durante a retrogradação de Mercúrio se estendem aos parceiros de trabalho, mas podem ser produtivas. Há questões a reconsiderar. E novos caminhos a abrir com a entrada de Marte em Peixes.

LIBRA

23/09 22/10

Mercúrio retrógrado abre o baú, e questões antigas estão aí para serem discutidas e melhoradas. Com Marte em Peixes, seu trabalho ganha impulso e a rotina pode ser mais ocupada. Organize a agenda, mas não exagere.

CAPRICÓRNIO 22/12 21/01 A retrogradação de Mercúrio é em Capricórnio, e até 7 de janeiro você reavalia todo seu modo de pensar. Cuide com carinho dessa comunicação, Marte em Peixes está na área dos estudos, viagens e deslocamentos.

TOURO

21/04 20/05

Mercúrio retrógrado pede revisão das ideias e projetos e pode desorganizar sua programação. Mantenha a agenda mais flexível a imprevistos. E divulgue seus trabalhos: Marte entra em Peixes e favorece seu “networking”.

LEÃO

22/07 22/08

Atrasos, burocracias e mudanças de agenda são possíveis efeitos da retrogradação de Mercúrio. Com Marte em Peixes, você batalha pela grana e lida com dívidas, herança, impostos, comissões, financiamento.

ESCORPIÃO

23/10 21/11

Algumas coisas terão que ser melhor explicadas com Mercúrio retrógrado bem na área da comunicação do seu mapa. Marte em Peixes engatilha processos criativos, mas formatar as ideias pode demandar certo tempo.

AQUÁRIO

21/01 18/02

Ideias passadas devem ser revistas com Mercúrio retrógrado, que indica tempo de reavaliações e fechamentos. Marte em Peixes na área do dinheiro pode impulsionar ganhos, mas também gastos. Mantenha sob controle.

GÊMEOS

21/05 20/06

Até 7 de janeiro Mercúrio retrógrado mexe com seu bolso, faça as contas direitinho. E também pode ressuscitar ideias que ficaram perdidas. Aproveite o embalo de Marte em Peixes para catapultar sua carreira.

VIRGEM

23/08 22/09

Parcerias em discussão com o ingresso de Marte em Peixes: pode ser conflito de ideias ou colaboração poderosa. E Mercúrio retrógrado pode ser bom para trabalhar em ideias e projetos que ficaram engavetados.

SARGITÁRIO

22/11 21/12

Com Mercúrio retrógrado você vai reavaliar muita coisa, desde o bolso até a qualidade dos trabalhos. Tenha paciência: com Marte em Peixes a sua disposição é desafiada, flua com o tempo.

PEIXES

19/02 19/03

Marte em Peixes é o impulso que você esperava para fazer acontecer no trabalho, vale até o final de janeiro. Mas nessa primeira etapa tem Mercúrio retrógrado atravessando a comunicação e trazendo contatos de volta.


12 COLUNA SOCIAL

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

Foto: Ramon Barros

NUMA CIDADE QUENTE COMO Cachoeiro de Itapemirim, não existe um curso técnico de manutenção em ar condicionado. Porque? FACEBOOK pretende lançar ferramentas para auxiliar os internautas a identificarem as noticias falsas. Agora, haverá um índice destas inverdades para consulta diária. ATENÇÃO HOMENS Sua esposa, noiva, namorada, passa quase dois dias se produzindo para um evento... e na hora de chegar na Cerimônia você vai de camisa de malha, calça jeans e boné? JONAS NOGUEIRA é um dos nomes fortes do Governo Victor Coelho. Faz falta. RICARDO COELHO & JOSÉ ARCANJO Nomes difíceis de substituir em suas respectivas pastas. Os sucessores serão anunciados. CULTURA EM ALTA foram lançados no último sábado (17), os livros “Esse ofício das letras”, coletânea de crônicas e contos de 26 escritores cachoeirenses publicados na Revista Cachoeiro Cult, “Simplesmente Monte Alegre”, do escritor Leonardo Ventura, e “Quase”, de Marcos Roly. AS OBRAS marcam o 10º aniversário da revista Cachoeiro Cult. O lançamento contou com a presença de escritores e professores consagrados: Ariette Moulin, Ísis Gonçalves, Fábio Britto, José Pontes Schanneyder, Adilson Santos e Evandro Moreira.

Chintia e Alexandre Gasparini, ele que desempenhou grandes ações pela pasta de ciência e tecnologia de Cachoeiro de Itapemirim, segue para novos projetos. Foto: Divulgação

AMIGO DA COLUNA o Administrador Hospitalar Mauro Quintão comemora dia 23 sexta, em família seus 48 anos de idade. Quintão, que hoje é Vice presidente regional da FBAH (Federação Brasileira de Administradores Hospitalares) , por conta de sua altíssima qualificação cientifica na área, acaba de ser convidado por empresários hospitalares de SP para compor uma comissão multidisciplinar de análise e certificação da higienização e hotelaria hospitalar daquele Estado. “UMA NOVA FACULDADE está de olho em investimentos no sul. Fundação Estácio pode lançar pelo menos 4 cursos em 2017, com base em Cachoeiro de Itapemirim”

Equipe da Cult:_Marcelo Grillo, Fernando Gomes, Claudia Sabadini e Diego Scarparo em manhã de lançamentos.

MAPLE BEAR hoje abre as portas às crianças Cachoeirenses. A primeira escola bilingue da região já iniciou as obras da sua nova sede no Bairro São Geraldo. Regina Monteiro já alcançou a excelência com sua moda Pluz Size. Agora abre sua nova loja em Vitória, conquistando as mulheres de bom gosto da Capital. Na foto, Mauro Quintão, sua Roberta que também é Administradora Hospitalar , as filhas Juliana e Gabriela com o internacional Prof Tejon Mejido

No portal aquinoticias.com você encontra mais fotos e informações de todos os eventos. Acesse!


CIDADES 13

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

SOLIDARIEDADE

ARTISTAS UNIDOS PELAS VÍTIMAS DA CHUVA EM CASTELO

Sensibilizados em prol das vítimas da chuva, artistas da região fazem um grande show beneficente nesta terça Guilherme Gomes Castelo

Usando a hashtag #forcacastelo, 24 artistas se uniram para a arrecadação de alimentos para as famílias que foram atingidas pelas chuvas dos últimos dias, em Castelo. O evento acontece nesta terça-feira, a partir das 19 horas, no Castelão. A entrada será dois quilos de alimentos não perecíveis. O município teve que decretada situação de emergência. O nível do rio Castelo subiu aproximadamente seis metros e atingiu várias residências, deixando cerca de 270 pessoas desalojadas e 83 pessoas desabrigadas. Contando com os sho-

ws de Garotos Tradição, Gang Brasil, Beijo com Mel, Alex Campanha, Pedro Otávio & Thiago, Felipe Contti, Thiago Meirelles, Jakin Soares, Charles Vicentin, Raian Sarty, Banda Anjo Guardião, André Bertolli, Trio Chocomel, Carlinhos & Josy, Juninho Xavier, Pablo Muniz, Academia Sertaneja, Nando Fernandes, Wagner Biló, Vando & Vinícicius, Lucas Silva e os Dj’s Nicolas Ramos, Naldinho e Seven, o #forcacastelo vem somar esforços a todas as outras manifestações de apoio ao município. EMERGÊNCIA A Secretaria de Assistência Social do

Foto: Divulgação

O município teve decretada situação de emergência. O nível do rio Castelo subiu aproximadamente seis metros e atingiu várias residências

município também está realizando uma campanha de doações para ajudar as famílias atingidas. As doações

podem ser entregues no Salão Paroquial da Igreja Matriz Nossa Senhora da Penha, no centro da cidade. Os

itens mais solicitados são roupas, calçados, água, leite, alimentos não-perecíveis e materiais de limpeza e

higiene. O município de Castelo decretou situação de emergência na última sexta-feira.

TURISMO E HISTÓRIA

Correios lançam selo e carimbo comemorativo dos 200 anos da Rota Imperial Lucas Schuina Região

Os 200 anos da Rota Imperial, via que liga Espírito Santo a Minas Gerais e possui grande importância histórica e turística, foram celebrados com um selo e um carimbo comemorativo dos Correios. O lançamento oficial foi na sexta-feira à noite, na sede da Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes), em Vitória. O selo é uma produção personalizada feita a pedido do Instituto Rota Imperial (IRI), que é gerido pela Findes, e tem uma prensagem de 7.200 unidades, os quais deverão ser distribuídos pela entidade. Já o carimbo será usado nas postagens dos Correios por 30 dias em uma agência de Vitória, mais 60 dias na Central de Vendas à Distância dos

Correios no Rio de Janeiro e, após esse período, será encaminhado para o acervo do Museu Postal dos Correios em Brasília. “Essa ação vai ficar marcada na história. Cada selo distribuído ficará como uma lembrança da Rota Imperial. E o carimbo será

usado em postagens para o Brasil inteiro, o que ajudará a divulgar a Rota”, afirma Elias Carvalho, diretor da Findes para assuntos da Rota Imperial e diretor-presidente do Grupo Folha do Caparaó. De acordo com o presidente do Sistema

Findes, Marcos Guerra, lançamento do selo dará visibilidade ao Instituto Rota Imperial. “O lançamento do selo comemorativo da Rota Imperial dá visibilidade ao Instituto. Estamos fortalecendo a marca do IRI, organizando novas ações e pensando no desenvol-

“Selo e carimbo ajudam a divulgar Rota Imperial”, afirma Elias Carvalho

vimento do interior do Estado”, disse. A deputada estadual Luzia Toledo (PMDB), que tem atuação direta nos trabalhos de divulgação e valorização da Rota Imperial, destaca que o lançamento do selo e do carimbo faz parte de uma série de eventos rela-

Fotos: Arquivo/Pâmela Koppe

tivos à data comemorativa realizados ao longo do ano. “Será o ponto alto das comemorações. O selo e o carimbo representam a valorização integral da história da Rota”, diz a deputada. ROTA IMPERIAL Concluída em 1816 após a chegada da família real portuguesa ao Brasil, a Rota Imperial definiu a interligação entre as cidades de Vitória e Ouro Preto, consolidando a ocupação dos territórios dos 31 municípios do Espírito Santo e Minas Gerais pelas quais passa. No percurso da Rota, que atualmente tem exploração turística, é possível apreciar paisagens exuberantes e participar de manifestações culturais relativas à colonização europeia dos locais.


14 CIDADES

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

ESPECIAL DE FIM DE ANO

BALÉ CLÁSSICO HOJE EM CACHOEIRO

O espetáculo “A Casa Doce”, da Livre Cia. de Dança, se apresenta nesta terça-feira no Teatro Rubem Braga Guilherme Gomes Cachoeiro de Itapemirim

A Livre Cia. de Dança apresenta hoje, a partir das 20 horas, no Teatro Municipal Rubem Braga, em Cachoeiro de Itapemirim, o espetáculo de balé clássico “A Casa Doce”. Com censura livre e apresentado pela primeira vez na “Atenas” capixaba, a montagem especial de fim de ano vai contar com 50 bailarinos, entre professores profissionais, adolescentes e crianças. A Casa Doce conta a história de três jovens que, voltando para casa na noite de Natal, descobrem, e entram,

em uma loja mágica, onde uma doceira misteriosa produz quitutes que ganham vida. “As jovens vão viver uma aventura inacreditável. A doceira não está esperando a visita desses três clientes especiais e curiosos, que vão fazer de tudo

MONTAGEM ESPECIAL DE FIM DE ANO para descobrir os segredos de um armário guardado por um soldado de brinquedo e uma bailarina”, conta Bruno Silva, bailarino e diretor artístico do espetáculo.

A companhia foi criada em 2014, pelos bailarinos Bruno Silva e Isabella Ferreira. Juntos, eles somam mais de 25 anos de experiência na área clássica. A Livre Cia. de Dança oferece aulas de balé clássico, adulto e infantil, e dança de salão, com preços acessíveis, na sede da Associação de Teatro e Dança de Cachoeiro de Itapemirim (ASTECA), anexo ao Centro Operário e de Proteção Mútua, na rua 25 de Março. O espetáculo “A Casa Doce” é o segundo de encerramento anual de atividades da companhia.

Foto: Eduarda Guidi

A peça conta a história de três jovens que descobrem uma loja mágica, onde doces ganham vida

HOMENAGEM

Segundo “Seu” Juquita Rock Fest foi sucesso de público Marcos Freire Guaçuí

Mesmo com a chuva, a noite da última sexta-feira foi de muito rock’n’roll em Guaçuí,

com a realização do 2º “Seu” Juquita Rock Fest. O evento aconteceu próximo à praça da Igreja Matriz, na rua ao lado do bar de

Seu Juquita, negócio iniciado há 51 anos e que vem passando de geração em geração, fazendo parte da história de muitos mora-

dores da cidade. Conforma explicam os atuais proprietários do bar, os empresários Ricardo e Patrícia Fernandes, o evento

é uma realização que conta com o apoio de vários amigos patrocinadores e também das bandas que se apresentam. E na ediFotos: Marcos Freire

Marcius Rock

Alternative Stage

Locomotivo

Red Lizard

ção deste ano, quatro bandas locais se apresentaram: Marcius Rock, Locomotivo, Alternative Stage e Red Lizard. Com repertório variado, quem foi prestigiar o tributo ao “seu” Juquita ouviu o que há de melhor no rock internacional e nacional. Durante as apresentações, debaixo de uma grande tenda que protegeu bandas e público da insistente chuva que caia, muitos roqueiros de todas as idades, porque se tocou de tudo, desde Raul Seixas, Van Hallem e Nirvana. Só para citar alguns dos covers que levaram o público ao delírio. Enquanto isso, o bar mais roqueiro da cidade garantiu cerveja gelada e boa comida, durante até o último acorde da última banda. Agora, o pessoal só espera pelo ano que vem, porque vai ter mais.


SEGURANÇA 15

TERÇA-FEIRA|20 DE DEZEMBRO DE 2016

PREJUÍZO

DESTRUIÇÃO DE CARROS PÚBLICOS EM IÚNA Fotos: Divulgação

Os carros da prefeitura foram vandalizados dentro do almoxarifado. O local não tem câmaras de segurança Danielle Muruci Iúna

Carros da Prefeitura de Iúna foram encontrados batidos, na manhã de ontem, no almoxarifado do município, localizado no parque de exposições da cidade. É a segunda vez que isto acontece, este ano. De acordo com a Polícia Militar, assim como da primeira vez, o vigilante do almoxarifado acionou os militares por volta de 7h30, informando que, ao chegar para trabalhar, se deparou com quatro carros públicos depredados. Segundo a PM, os veículos batidos estavam enfileirados, mas não foi possível concluir o motivo do engavetamento. To-

dos os carros tiveram os vidros traseiros quebrados. Foi dessa forma que a polícia supõe que o responsável pelo vandalismo tenha entrado nos veículos. A PM destacou que nenhum autor do crime foi identificado.

SEGUNDO CASO EM MENOS DE DOIS MESES Segundo o delegado responsável pela investigação, Fábio Teixeira Machado, a primeira depredação a carros do município aconteceu há pouco mais de um mês, no mesmo local. Fábio Teixeira declarou que a linha de raciocínio adotada é que tenha sido vandalismo.

Questionado se o crime teria alguma relação política, pelo fato de ser fim de mandato, o delegado disse que, até o momento, não há nada que ele possa afirmar com relação a isso. “Se tem, é caso que possa ser elucidado depois. Mas não tem nada que se possa chegar a isso ainda não”, disse. De acordo com o delegado o funcionário que acionou a polícia não suspeita de ninguém e não viu nada. O local não tem câmeras de segurança. “Estamos tentando apurar para ver se chegamos a alguma autoria, mas, até o momento, não há nenhuma autoria identificada”, finalizou.

os carros foram vandalizados dentro do almoxarifado

CRIMINOSOS

Polícia prende bando que assaltou ônibus de comerciantes de Cachoeiro Redação Cachoeiro de Itapemirim

Seis pessoas foram presas pelas polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal na noite de domingo, após assaltarem um ônibus na localidade do Morro do Coco, em Campos dos Goitacazes – RJ. O ônibus levava mais de 50 comerciantes que seguiam de Cachoeiro de Itapemirim para São Paulo, onde iriam fazer compras para o Natal. De acordo com o delegado Gabriel Lana, responsável por atender a ocorrência no plantão da 9ª Delegacia Regional de Itapemirim, os suspeitos teriam embarcado em Cachoeiro se passando por comerciantes.

Na altura da localidade de Morro do Coco, os criminosos anunciaram o assalto. Uma mulher, que estava entre os assaltantes, utilizou uma máquina de choque, aparelho utilizado para defesa pessoal, para imobilizar as vítimas. Um disparo de arma de fogo chegou a ser efetuado. Por sorte ninguém foi atingido. Após roubarem dinheiro, cheques, cartões de crédito e débito, celulares e aparelhos eletrônicos, os criminosos fugiram em dois automóveis. Por meio do celular de uma das vítimas, que possui tecnologia de rastreamento, seis envolvidos no assalto acabaram detidos

numa ação conjunta entre PM, PC e PRF em Rio Novo do Sul em um cerco que foi montado. O delegado informou que mais de R$ 30 mil em dinheiro, cheques, e aparelhos eletrônicos foram recuperados. Ele não soube precisar o valor exato que foi roubado. Um revólver calibre 38, uma espingarda e munições foram apreendidos. “As mais de 50 vítimas foram liberadas na madrugada de ontem. Os detidos ainda estão sendo ouvidos e serão autuados em flagrante. Outros envolvidos no crime conseguiram fugir. Após terminar o procedimento aqui na 9ª Regional, o inquérito será encaminhado

para a Polícia Civil de Campos do Goitacazes que dará continuidade

as investigações”, disse o delegado Gabriel Lana, em entrevista na

manhã desta segunda-feira ao aquinoticias. com.


16 PUBLICIDADES

TERÇA-FEIRA |20 DE DEZEMBRO DE 2016

Aqui Notícias Edição 1539