Issuu on Google+

Número 05 6 a 13 de Abril de 2010

www.vereadormarlos.com.br

Marlos reafirma, em audiência, compromisso com Alcântara Na ausência de projetos do Executivo para a região do Alcântara, Marlos propõe à Plenária da audiência criação de Comissão Tempórária Sobre a Urbanização do bairro. Trabalhos devem começar ainda em abril em várias localidades Foto: Assessoria Marlos

“A prefeita nos pediu para que elaborássemos um projeto para a região do Alcântara.” Essa revelação do subsecretário de Empresários e moradores preinfraestrutura, Antônio Pedral, sentes á audiência lamentaram deixou todos os presentes no profindamente o abandono do Plenário da Câmara de VereaAlcântara. “Há anos denunciadores boquiabertos com a falta mos o assoreamento do Rio Alde atenção da prefeitura com a cântara. Tivemos um prejuízo região da Grande Alcântara, a de R$ 4 mil na última chuva”, mais importante e mais problerelata Maria Salomé, adminismática de São Gonçalo. tradora do condomínio Solar I. A audiência, realizada no dia O dono da loja Villano, Sérgio, 25 de março para discutir os reclama do pouco caso com o problemas e soluções da região, empresariado: “Nós que parecebeu representantes do bairgamos alta carga de impostos ro e da prefeitura. Esta última somos os mais prejudicados. A admitiu não haver um plano prefeitura tem que ter mais atende intervenção urbanística para ção com a gente”, desabafou. a área: “O bairro é muito complexo. Precisamos recorrer à Marlos articula com Aécio Nery a criação de comissão GABINETE MARLOS: 3078-3413 GABINETE sociedade para que elaboremos um projeto viável”, disse Aécio o presidente Lula toca o desen- nas chuvas desta semana. mais agora com o COMPERJ Nery, presidente da empresa de volvimento do país através do O evento, porém, seguiu a sua batendo à nossa porta”, disse o obras de SG (EDURSAN). PAC, em que os municípios que linha propositiva e fez surgir a geógrafo Mauricio Mendes, que O presidente da audiência, ve- têm projetos são agraciados com Comissão Temporária de urba- fez questão de salientar a exisreador Marlos Costa, lembrou verbas para o seu desenvolvi- nização do Alcântara, em que tência de um Plano Diretor em da importância do bairro para a mento”, disse o parlamentar, que representantes da prefeitura, São Gonçalo que não está sendo economia de São Gonçalo. “Não citou o triste episódio recente do Câmara e sociedade partici- aproveitado. “Tem que ter voné possível que o bairro que mais retorno de quase R$ 100 milhões parão de um Fórum de Deba- tade política. Aquele trânsito é gera riqueza para a cidade esteja para os cofres da União porque tes para propor soluções para irracional e só prejudica quem completamente abandonado. Eu o Executivo não apresentou um o bairro. “Temos que integrar produz e mora ali.”, finaliza. me pergunto por que em cinco projeto para a canalização dos definitivamente a cidade à toda O vereador Marlos apresenanos de governo o Executivo rios Imboassú e Alcântara, fun- região metropolitana. Aquela tará à Câmara a proposta de não tenha elaborado um plano damental para combater as en- região do jeito que está trava o criação da Comissão ainda no de ação. Sobretudo agora que chentes que assolaram a região nosso desenvolvimento, ainda mês de abril.

INDIGNAÇÃO GERAL


ARTIGO

www.vereadormarlos.com.br

A PÁSCOA E O GOLPE MILITAR: UMA REFLEXÃO CRISTÃ Por Marlos Costa Há 46 anos, de um dia para o outro, o país mudou de regime político. Saiu de cena a democracia e entrou um regime de exceção que cassou os direitos políticos de quem não se enquadrava com os ideiais “revolucionários” dos militares e parcela da sociedade que apoiou o Golpe de Estado. A normalidade política e jurídica no Brasil deu lugar a tanques e prisões arbitrárias de quem fosse contrário ao regime. O medo tornou-se regra para quem tinha consciência do que acontecia nos palácios e porões do poder estabecido à força. Poucos anos depois o que eraruim tornou-se pior: a decretação do AI 5 cassava, além dos direitos políticos, também os civis. O país entrava oficialmente numa ditadura. O habeas corpus foi abolido, e ninguém mais tinha garantia de nada. Tudo isso me faz lembrar, já que a data coincidiu com a Páscoa, da Via Crucis de Jesus, Nosso Salvador que, por interesses mesquinhos, foi entregue à “ditadura” romana para servir de exemplo ao povo para não transgredir contra as leis injustas e autoritárias em voga na Judéia. Mas Jesus venceu. O que são hoje Pôncio Pilatos, Judas e os fariseus, os traidores de Deus? São apêndices da História. Figuras que só servem para ilustrar a injustiça, a ingratidão e a intolerância contra uma força maior que não tem início e jamais terá fim que a força de Deus. A Páscoa nos faz refleir sobre o perdão. Mas não nos dá o direito ao esquecimento. Só podemos perdoar aquilo que sofremos pela parcela humana e divina que temos e somos.

Estudantes visitam Marlos na Câmara

Foto: Assessoria Marlos

FIQUE LIGADO! CONSELHO DE CULTURA CRIA CÂMARAS TÉCNICAS O Conselho de Cultura se reuniu no dia 31 de março e criou Câmaras Técnicas para dar encaminhamento ao que foi decidido em Conferência Municipal em 2009. RAFAEL MASSOTO COMPÕE E ATACA DE PRODUTOR

Estudantes da Escola Estadual Pandiá Calógeras foram ao gabinete do vereador Marlos Costa e reclamaram das enchentes no bairro de Alcântara que interromperam as aulas por vários dias em março. Na ocasião, Marlos aproveitou para convidá-las a participar dos debates sobre o bairro.

Beto Cury se emociona com homenagem de Marlos O vereador Marlos deu o título de Cidadão Gonçalense, na sexta-feira (26/3), no auditório da UERJ/SG, ao secretário Nacional da Juventude, Luiz Roberto Cury, carinhosamente chamado de Beto Cury. “Estou muito emocionado com essa homenagem que o Marlos essas pessoas maravilhosas me proporcionaram”, disse o secretário criador do Conselho Nacional da Juventude e responsável pelas políticas de apoio aos jovens em todo o país, dentre elas, o PROUNI. Seguindo o exemplo de Cury, Marlos propôs a criação do Con-

Foto: Assessoria Marlos

Cury e Marlos: compromisso com a juventude

selho Municipal da Juventude aqui em SG: “Isso demonstra o compromisso de nosso mandato com o futuro da cidade”, disse o vereador, que já havia apresentado à Câmara proposta de meia passagem para os estudantes universitários de São Gonçalo.

O RIO VAI DE LINDBERG PARA O SENADO Foto: Assessoria Marlos

O PT de São Gonçalo foi às urnas no dia 28/3 e escolheu o prefeito de Nova Iguaçu como o candidato do partido ao Senado Federal. Ele obteve 80% da preferência do eleitorado frente a sua concorrente, Benedita da Silva. O resultado geral ficou 67% a 33% para Lindberg Farias

FALE COM MARLOS: GABINETE - 3078-3413 EMAIL: vereadormarlos@vereadormarlos.com.br

Ele é um dos maiores visionários do Rio de Janeiro. Aqui em São Gonçalo vive meio “de banda”. “Nunca espere nada do poder público daqui.”, dispara Rafael Massoto, artista multicultural, compositor e gonçalense teimoso. Tá ele aí na Praia das Pedrinhas... Mas se o poder público não chega junto, ele dá uma dica: “Nesta área se a gente não correr na frente se lasca. Falta um pouco de empreendorismo dos artistas também”. O idealizador do CEP 20.000 em SG hoje trabalha nos bastidores da arte, mas compondo e arriscando na produção: “Lançamos para o mundo uma cantora hiper-talentosa que me enche de orgulho, a Deborah Vasconcellos. Aos poucos vem conseguindo espaço nas rádios do Rio e do Brasil”, revela. A música em questão é Sua Falta, composição de Massoto e primeiro single da cantora. Visite o My Space e ouça: w w w. m y s p a c e . c o m / d e b o rahvasconcellos YOU TUBE: www.youtube.com/ watch?v=iHmOVwIhqgY

Conheça o Marlos

Ele tem 35 anos, é advogado, auditor do TCE, casado e pai de uma filha. Também é conselheiro da OAB/RJ, eleito em 2009. Está em seu primeiro mandato pelo PT.

Número 05 6 a 13 de Abril de 2010

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

VEREADOR MARLOS COSTA

TEL.: 7895-9388 / 37488*59

Câmara dos Vereadores Rua Feliciano Sodré, 100 - Centro. São Gonçalo, Rio de Janeiro Marque uma visita na sua comunidade

www.vereadormarlos.com.br


boletim do mandato