Issuu on Google+

JORNAL

www.jornalinformante.com.br

@PaperInformante

INFORMANTE

Farroupilha Ano V - Edição 233 27 de julho de 2012 R$ 2,00

COMPROMISSO COM A CIDADE

Agricultor & Motorista

Homenagem a todos que produzem e transportam Caderno Especial

BPM celebra aniversário Divulgação

Economia

Matéria Especial

Soprano e Tecnovidro no embalo da construção civil Páginas 6 e 7 e Editorial

Esporte

Campos abrem frente em busca do bicampeonato Página 18

Esporte

Farrapos vence Sênior e forma base das seleções Página 19 e pôster

Há exatamente seis anos era implantado o 36º Batalhão de Polícia Militar no município, que permitiu muitas ações, como a da foto acima, com a formatura da primeira turma de soldados, história que recebe homenagem em sessão especial do Legislativo nesta sexta - Páginas 2 e 3 e Opinião


2 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Compromisso com a cidade

Matéria EspEcial

Conquista que beneficiou Farroupilha A instalação do 36º Batalhão de Polícia Militar na cidade ocorreu em 2006, tendo como primeiro comandante o tenente-coronel Leonel da Silva Bueno elisa@jornalinformante.com.br

N

Bueno considera fundamental para a sua carreira ter exercido o comando do Batalhão local

Divulgação

Com a instalação do 36º BPM, a primeira turma de soldado foi formada ainda em 2006

O comandante do policiamento do município

O capitão Luis Fernando Becker comanda o policiamento de Farroupilha. Ele mora na cidade há dois anos e exerce o cargo há oito meses. Como morador local ele afirma que acaba se envolvendo mais com os problemas da cidade. Ele acaba se identificando e se vinculando mais aos moradores e observa as dificuldades locais até mesmo em momentos de lazer. Há diversos programas atualmente desenvolvidos em Farroupilha. O Cidade Segura, trabalhado em integração com a comunidade, através de reuniões comunitárias; as câmeras de monitoramento, Farroupilha é vigiada por policiais, através de 19 câmeras; Policiamento Comunitário, que está presente no 1º de Maio, Vila Jansen, São Marcos, Nova Sardenha, Nova Milano, Burati e Caravaggio, sendo que os policiais são equipados com viaturas próprias; Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), que é uma atividade de prevenção direcionada às crianças do 5º e 7º ano, bem como para seus pais, e já formou 18,6 mil crianças, em escolas municipais, estaduais e particulares e no programa Rumo Certo. E o capitão, ainda está visitando os estabelecimentos comerciais para passar orientações de segurança e, na oportunidade, entrega um folder sobre as atividades do 36º BPM.

Elisa Rossi Kemmer

o dia 27 de julho de 2006, o 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM) foi inaugurado. Após a data, ele passou a ter responsabilidade territorial sobre os municípios de Farroupilha, onde está localizada a sede, Flores da Cunha, Antônio Prado, São Marcos, Nova Pádua, Nova Roma do Sul e Ipê. Quem lutou para a viabilização do BPM foi o tenente-coronel Leonel da Silva Bueno (veja artigo dele na Editoria de Opinião, página 4). Ele atuou na cidade durante nove anos e foi o primeiro comandante do 36º BPM, cargo no qual permaneceu até dezembro de 2011. “Na época, Caxias do Sul estava viabilizando a construção de um novo Batalhão, para que o 12º BPM ficasse com menos trabalho. Lutamos para que ele fosse em Farroupilha. Essa foi uma maneira de contemplar o terceiro maior município da região e absorver as outras seis cidade que também eram subordinadas a Caxias”, relata Bueno, afirmando que o Batalhão foi uma grande conquista para a cidade e para o restante da Serra e mostrou que era necessário. “Iniciamos o Batalhão em 2006. Então foi preciso dar a ele uma formatação, criar toda a estrutura, consolidando assim a prática de polícia ostensiva. Eu sempre buscava elevar a autoestima dos policiais, procurando treiná-los e buscando constantemente melhorias nos equipamentos, no prédio e reforço no efetivo”, conta Bueno, salientando que hoje o 36º BPM é a unidade da BM, proporcionalmente, mais bem armada. Ele considera fundamental para a sua carreira ter exercido o comando do 36º BPM, pois foi

onde conseguiu se realizar na profissão, pelo excelência no trabalho feito na unidade pelos brigadianos que estavam sob o seu comando. Uma das conquistas que Bueno destaca na sua passagem por Farroupilha é o de ter realizado dois cursos de formação de soldados na cidade. “Realizávamos um trabalho forte na prevenção, com iniciativas como o Programa Educacional de Resistências às Drogas e à Violência (Proerd), Policiamento Comunitário e o Cidade Segura”, destaca o tenente-coronel. Ele afirma que todas essas ações, que ainda são desenvolvidas, tem por objetivo tornar a cidade um ambiente desfavorável ao crime. Também ressalta que as parcerias que foram firmadas durante a sua presença no município, com Judiciário, Ministério Público (MP), Sindilojas, União das Associações de Bairro (UAB), Polícia Civil e com o poder público, conseguiram mostrar à comunidade o quão importante é a segurança pública. Bueno finaliza afirmando que não escolheu sair do 36º BPM, mas chegou um momento em que sua própria carreira o impulsionou para um cargo mais importante. Atualmente, ele é chefe do Estado Maior do Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra).

Arquivo Jornal Informante

Elisa Rossi Kemmer

Becker comanda o efetivo da cidade


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 3

Compromisso com a cidade

Matéria EspEcial

Batalhão festeja o sexto aniversário Elisa Rossi Kemmer

Esta é a primeira vez que Knebel atua em um local que conta com sete municípios sob sua responsabilidade: necessidade de adaptação a cada realidade

facilita o trabalho policial. Nesta sexta, às 18h, a Câmara de Vereadores presta uma homenagem aos seis anos de instalação do Batalhão na cidade. Na oportunidade, os soldados Marion dos Santos da Silveira e Luis Fernando de Carvalho Martins, que ficaram feridos em um assalto a uma fruteira, localizada na região central da cidade, no mês passado, receberão a Medalha 11 de Dezembro, dia da emancipação política de Farroupilha. A honraria foi criada no último dia 9 e é destinada a homenagear pessoas que se destacaram em ato de bravura na defesa do cidadão. Na sessão, o tenente-coronel apresentará três metralhadoras que foram obtidas com o auxílio da comunidade e que integrarão o policiamento do Burati, Caravaggio e da Vila Jansen. Knebel destaca ainda que está previsto para que em setembro ocorra um curso de formação de soldados na região. A expectativa é de que cerca de 25 a 30 dos formados passem a integrar o Batalhão.

Imagem: Reprodução

O atual comandante do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Haroldo Edison Knebel, destaca que a sede do Batalhão está localizada na cidade por ser um ponto estratégico em termos de população, acesso de vias, trafegabilidade de veículos e por ficar no centro da Serra. Através do Pelotão de Operações Especiais (POE), são feitas ações em diversos municípios. “A experiência na Serra é muito boa, porque cada lugar tem características diferentes, desde cultura, organização e eventos. Comandar o 36º BPM soma muitas experiências aos meus 31 anos de carreira”, afirma Knebel. Ele conta que busca se aproximar à realidade de cada local. “Este é o primeiro comando que exerço com responsabilidade sobre outros municípios, sendo que cada um tem um sistema de vida próprio”, destaca o comandante. Ele já atuou em diversas cidades do Estado, mas afirma que a 133ª Romaria ao Santuário de Caravaggio foi o maior evento do qual já participou e que ocorreu sem incidentes. O tenente-coronel aponta como uma conquista da sua gestão a aplicação do sistema de rastramento das viaturas via GPS, que já está funcionando na cidade há cerca de um mês. O acompanhamento das viaturas é feito através do Google Maps, que marca por onde o veículo passou, se está parado ou a velocidade em que está andando. O rastreamento também está em fase de implantação em outros municípios de responsabilidade do 36º BPM. O monitoramento poderá servir como uma forma de prestação de contas à comunidade, para mostrar os locais que foram policiados. “As parcerias com o Executivo, Legislativo, Movimento de Combate a Violência de Farroupilha (Mocovi), Sindilojas e, principalmente, com a comunidade, é o que nos dá suporte para funcionarmos com plenitude. Elas nos possibilitam melhorar a infraestrutura, na manutenção das viaturas e até mesmo oferecer auxílio-moradia aos policiais militares”, relata Knebel. Ele comenta que a tropa local é muito dedicada, técnica e realiza um excelente trabalho. O comandante afirma que a comunidade farroupilhense sempre busca se envolver e passar informações à BM, o que

O sistema de rastreamento das viaturas por GPS é um dos programas focados na prevenção


4 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Editorial

ExpEdiEntE rEdação - redacao@jornalinformante.com.br Elisa rossi KEMMEr elisa@jornalinformante.com.br raMon cardoso ramon@jornalinformante.com.br thaís ZiMMEr Martins thais@jornalinformante.com.br vitória lovat vitoria@jornalinformante.com.br coMErcial - comercial@jornalinformante.com.br Fabiano gaspErin gasperin@jornalinformante.com.br valéria vEttoraZZi valeria@jornalinformante.com.br vandErlEi bortoncEllo vande@jornalinformante.com.br artEs - artes@jornalinformante.com.br bruno gaspErin bruno@jornalinformante.com.br MarcElo bortagaray MEllo marcelo@jornalinformante.com.br assinaturas - assinaturas@jornalinformante.com.br MarcEla Kuhn marcela@jornalinformante.com.br assinatura anual: r$ 95,00 assinatura sEMEstral: r$ 50,00 FinancEiro - financeiro@jornalinformante.com.br KEli dE alMEida MaciEl keli@jornalinformante.com.br logística - logistica@jornalinformante.com.br luiZ carlos dE andradE luiz@jornalinformante.com.br Editorias EconoMia: economia@jornalinformante.com.br cidadE: cidade@jornalinformante.com.br política: politica@jornalinformante.com.br Educação: educacao@jornalinformante.com.br sEgurança: seguranca@jornalinformante.com.br EsportE: esporte@jornalinformante.com.br insidE: inside@jornalinformante.com.br social: social@jornalinformante.com.br sEçõEs EspEciais boca-dE-urna: bocadeurna@jornalinformante.com.br prEliMinar: preliminar@jornalinformante.com.br sétiMa artE: setimaarte@jornalinformante.com.br tElEFonEs (54) 3401-3200 / (54) 3401-3201 (54) 3401-3202 / (54) 3401-3203 EndErEço rua dr. JaiME roMEu rösslEr, 348, bairro planalto colunistas arMando Wartha crônicas da rEdação Flávio lopEs lauro Edson da cás

bEnaMi spilKi Fabrício oliboni laura cristina nardi callEgari

FEchaMEnto coMErcial Quarta, às 12h tiragEM 4.000 ExEMplarEs

ÍndicE edItorIal

Matéria EspEcial .................................páginas 2 E 3 Editorial E opinião ..............................página 4 EconoMia .............................................páginas 6 E 7 cidadE .................................................páginas 8 E 12 política ...............................................páginas 14 E 15 Educação.............................................página 16 sEgurança ...........................................página 17 EsportE ...............................................páginas 18 E 19

InsIde

Compromisso com a cidade

EspEcial...............................................capa Flávio lopEs ........................................página 2 Música .................................................páginas 2 E 7 cinEMas ...............................................página 2 FotograFia...........................................página 3 arMando Wartha .................................página 3 social..................................................páginas 4 E 5 crônicas da rEdação ..........................página 6 priMEiro parágraFo .............................página 6 lauro Edson da cás ...........................página 7 horóscopo ..........................................página 7 sétiMa artE .........................................contracapa saúdE, bElEZa & Estética ....................4 páginas classiFicados ......................................12 páginas agricultor & Motorista ......................12 páginas

Premissa para competir

Não é de hoje que o ramo da construção civil está aquecido. O segmento é o centro de uma imensa cadeia produtiva e reflete, como nenhum outro setor, o andamento da economia. Farroupilha é um exemplo acabado do bom momento vivido pela área recentemente. A expansão imobiliária foi expressiva, especialmente ao longo da última década. Muitas empresas do município acabam se beneficiando da situação. Porém, o mercado está cada vez mais exigente e para acessá-lo, bem como para ampliar clientela, é necessário uma produção de excelência. O segundo passo é garantir visibilidade à marca. É o que fez a Tecnovidro nesta semana e o que fará a Soprano na próxima. As duas gigantes farroupilhenses apostam, não apenas em produtos de qualidade, mas em avanço de suas marcas em feiras especializadas do setor. O Grupo Tecnovidro participa, até esta sexta, nos Pavilhões do Anhembi, em São Paulo, da 5ª Feira Internacional de Fornecedores da Indústria de Madeira e Móveis, a ForMóbile. O destaque fica por conta do lançamento da coleção Immagini, da Saint Claire,

empresa do Grupo que apresenta portas com perfil de alumínio e vidro temperado com design inovador, que valorizam tramas e estampas em vidro e levam requinte e sofisticação aos mais diversos ambientes. Por tabela, a linha de utilitários domésticos Casavitra também integra o estande da empresa. Na próxima quarta, a Soprano estreia na 15ª Feira Internacional da Construção (Construsul), fato que marca o retomo de sua participação em eventos do gênero, uma necessidade diante do competitivo mercado do setor. Considerada a maior da Região Sul no segmento, a Construsul acontece no Centro de Eventos da FIERGS, em Porto Alegre, e a empresa farroupilhense contará com um estande próprio, onde estarão expostos mais de 200 produtos das divisões de Construção Civil e de Materiais Elétricos (confira matérias na Editoria de Economia, páginas 6 e 7). As empresas não divulgam, nas feiras, somente seus produtos e marcas, mas a própria excelência do Setor Secundário farroupilhense. A vantagem, portanto, vai muito além de um mercado em crescimento constante.

opinião

O 36º BPM sob a ótica de um ex-comandante Leonel da Silva Bueno * Tudo começou no ano de 2006. Naquele ano, ciente de que a Brigada Militar, depois de inúmeros estudos técnicos na área de Segurança Pública, tinha o propósito criar um segundo batalhão em Caxias do Sul para assumir a responsabilidade atinente às atividades de polícia ostensiva na região norte da cidade mais os sete municípios do entorno. Todavia a iniciativa não prosperou, pois, um novo batalhão da Brigada Militar necessitava de uma estrutura mínima para funcionar, qual seja, de prédio, efetivo, recursos materiais (viaturas, armamentos, equipamentos) administração, oficiais e Comando. Eis, que surge como alternativa o município de Farroupilha para receber uma nova Unidade Operacional da Corporação, já que a iniciativa se justificava, pois além de ser a terceira maior cidade da região da Serra, ainda sua localização entre Caxias do Sul, Bento Gonçalves e a região do Vale dos Sinos, contando com duas das mais movimentadas rodovias estaduais, importância econômica e política, e, pela existência da sede de uma Companhia de Polícia Militar com um major no comando e uma estrutura que facilmente poderia ser adaptada para comportar um batalhão, fez com que a decisão do comando da instituição optasse pela criação e instalação do batalhão na cidade de Farroupilha. Inicialmente o 36º BPM estava localizado em Bento Gonçalves. Entretanto face às peculiaridades do Vale dos Vinhedos, foi criado o 3º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas ao mesmo tempo em que foi extinto o 36º BPM, naquela cidade, e criado em Farroupilha. A comunidade teve importante papel na decisão do comando da Corporação pela sua mobilização social e comunitária, com destaque para o Poder Público, na pessoa do prefeito municipal, na ocasião o senhor Bolivar Antônio Pasqual, que se empenhou pessoalmente na causa sensibilizando o governo do Estado, que ratificou a decisão do comando da Brigada Militar. Também ao Movimento de Combate à Violência (Mocovi), na pessoa do senhor Glacir Nazário Gomes, que fez frente a esse propósito de elevar o nível institucional da Brigada Militar na cidade, com mais autonomia administrativa e operacional. Nesse período, nosso maior investimento foi nos policiais militares. Aqueles que são os verdadeiros atores/heróis na Segurança Pública, através de ações motivadoras nesse ofício policial e com autoestima sempre elevada. Trabalhamos incansavelmente em diversas questões. Na moradia, fomentando e criando a Cooperativa

Habitacional dos Policiais Militares com a destinação de área pública a 24 PMs; treinamento constante nas áreas dos Direitos Humanos, defesa pessoal, socorros de urgência, atendimento de ocorrências diversas, direção defensiva, legislação aplicada a função, tiro policial; busca por uma melhor estrutura, com aquisição de equipamentos, como rádios de comunicação, coletes balísticos com capas, celulares, terminais embarcados; aumento do efetivo policial e política de administração de Recursos Humanos a fim de manter o pessoal na cidade e região, reduzindo o déficit de efetivo; melhorias no quartel, com a construção de alojamentos, sala de aulas, sala de operações, estruturação administrativas com equipamentos de informática e rede interna de internet, medidas de economia, segurança com a instalação de sistema de câmeras, cercamento eletrônico e portões de acesso. No exercício da atividade de policiamento, o 36º BPM impôs um ritmo de trabalho orientado para o estabelecimento de parcerias com outros órgão e entidades. Na repressão, realizamos operações de combate aos crimes de tráfico de drogas, captura de foragidos, apreensão de armas e veículos furtados e roubados; ações de inteligência e intenso combate à reincidência. No campo preventivo, desenvolvemos o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), que já formou mais de 18 mil jovens, tornando-se referência no Estado. Além disso, incentivamos novos núcleos de Policiamento Comunitário, desenvolvemos o Cidade Segura e contamos com a parceria do poder público e iniciativa privada para a implantação de câmeras de vigilância. Com esse exitoso trabalho, o 36º BPM recebeu, através de seus integrantes, todos os reconhecimentos possíveis, seja pelos entes políticos, seja pela comunidade através das entidades representativas e pessoas. O Brasão do 36º BPM bem traduz essa vontade de fazer a diferença, pois em sua simbologia baseia-se na imigração Milanesa e na religiosidade do povo de Farroupilha, que combate o mal e cuida das peregrinações, à Basílica de Nossa Senhora de Caravaggio, como verdadeiros Templários na eloquência de vencer os inimigos sem sangue. E assim, o 36º BPM tem perseguido a sua trajetória. Parabéns à comunidade de Farroupilha. Parabéns aos integrantes do Batalhão. Que Deus ilumine o caminho de todos. * Tenente-coronel, chefe do Estado Maior do Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra e comandante do 36º Batalhão de Polícia Militar de 2006 a 2011


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 5

Compromisso com a cidade

Responsabilidade civil dos pais em face dos atos dos filhos menores Franciele Boschetti Reche (OAB/RS 79.537) * Gerusa Calera da Silva (OAB/81.500) *

A

convivência saudável entre pais e filhos vai muito além da manutenção dos filhos quanto alimentação, educação e guarda. Assim, com o intuito de detalhar a abrangência do dever que envolve a capacidade dos pais, falar-se-á sobre a responsabilidade civil destes, em face de atos ilícitos praticados por seus filhos. Cumpre ressaltar que os pais, curadores ou tutores, respondem pelos atos e danos causados por aqueles menores que estiverem sob sua guarda, independente de culpa. Além do mais, para a responsabilização dos pais é necessário que o filho esteja sob o poder e em companhia dos mesmos, pois caso conviva com outra pessoa, a responsabilidade será daquele a quem incumbe o poder de vigilância. Assim, para que resulte na responsabilidade, é preciso que os pais sejam negligentes com a vigilância dos filhos, isto é, incorram na culpa in vigilando. A mesma regra é imposta ao tutor ou curador, que é igualmente responsável, como os pais, pelo menor. Convém observar que os pais possuem o poder familiar sobre seus filhos, ou seja, centralizam uma série de direitos e obrigações que devem ser cumpridas e exercidas regularmente sob pena de responsabilidade nos seus mais variados setores. O Código Civil em seu artigo 932, inciso I, prevê a responsabilidade dos pais em face de atos ilícitos praticados por seus filhos, nesse particular estabelece o artigo 932 do CC. “São também responsáveis pela reparação civil: I – os pais, pelos filhos menores que estiverem sobre sua autoridade e companhia”. Mais adiante, no mesmo diploma legal, o artigo 933 complementa: “As pessoas indicadas nos incisos I a V do artigo antecedente, ainda que não haja culpa de sua parte, responderão pelos atos praticados pelo terceiro ali referido”. Assim, pela leitura dos artigos é possível perceber que o Código Civil, em determinados casos, responsabiliza um sujeito que não deu causa direta a um dano por ato praticado por terceiro, como é o caso da responsabilização dos pais, tutores ou curadores por atos ilícitos praticados por seus filhos, tutelados

ou curatelados menores de idade. Dessa forma, independentemente se os pais tiveram culpa ou não pelos atos praticados por seus filhos, os genitores serão responsabilizados, se comprovada a culpa dos filhos no ato ilícito. Assim, a responsabilidade dos pais perante aos atos dos filhos é objetiva, ou seja, independe de culpa, o que gera o dever de indenizar, enquanto a responsabilidade dos filhos é subjetiva, ou seja, necessita da comprovação da culpa dos menores para a responsabilização. Importante frisar que, no caso do responsável (pai, tutor ou curador), não poder cumprir com a obrigação imposta em face do ato do menor, a responsabilidade do menor quanto aos atos por ele praticado será subsidiária à responsabilidade principal dos pais, ou seja, conforme regula o artigo 928 do Código Civil, “o incapaz responde pelos prejuízos que causar, se as pessoas por ele responsáveis não tiverem obrigação de fazê-lo ou não dispuserem de meios suficientes”. Assim, o menor responderá pelos danos que causou se os pais não tiverem condições de arcar com os prejuízos. Ressalta-se que, nos casos de menor impúbere ou de pessoa absolutamente incapaz, que são aqueles que, em razão da idade, não alcançaram a capacidade jurídica plena para o exercício de seus direitos (o menor impúbere é absolutamente incapaz de exercer pessoalmente os atos da vida civil, são assim considerados os menores de dezesseis anos). Entre dezesseis e dezoito anos de idade, o menor será considerado púbere e, após completar dezoito anos, cessará a menoridade em que estes não têm condições de avaliar a ilicitude do ato. Nestes casos, não se pode falar na existência de culpa e, portanto, os pais responderão objetivamente pelos atos praticados. Assim, é preciso estar atento e prestar o devido zelo ao filho, vigiando seus atos e impondo limites na educação, caso contrário, quem pagará a conta pela ausência de vigilância serão aqueles que se responsabilizaram pela criação e educação da criança ou adolescente. * Advogadas


6 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Economia

Compromisso com a cidade economia@jornalinformante.com.br

Sescon Serra Gaúcha, anfitrião da Conescap Evento, que acontece no próximo ano, em Gramado, tem lançamento oficial no dia 6 Ramon Cardoso

Tiago e a jornalista Christiane Finger, da Chris Finger Assessoria de Comunicação, visitaram a Redação na quarta pela manhã para divulgar o evento

A

Convenção Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Conescap) chega à sua 15ª edição em 2013. Realizado bienalmente e considerado o maior evento nacional para empresários de serviços do Brasil, ele acontece em Gramado, de 21 a 23 de agosto do próximo ano. À frente da organização está o Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis da Serra Gaúcha, o Sescon Serra. Juntamente com a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis (Fenacon) e o Sescon/RS, ele está mobilizado, desde maio do ano passado, quando ocorreu a definição da sede gaúcha, para tornar a 15ª edição a melhor entra as já realizadas. “Esperamos 2 mil empresários em Gramado. Não somente do setor contábil, mas de empresas de auditoria, consultoria, holdings, enfim, será um grande fórum de debates e troca de ex-

periências”, destaca Tiago De Boni Dal Corno, presidente do Sescon Serra. O lançamento oficial do evento acontece no dia 6, às 20h, no Hotel Plaza São Rafael, em Porto Alegre, com presença de autoridades nacionais do segmento. Ao longo dos três dias de evento estão sendo programados debates, oficinas, palestras e seminários. Conforme Tiago, no momento os organizadores trabalham para fechar a participação de nomes de expressão no cenário nacional e internacional. Com mais de 80 filiados e figurando como a segunda cidade em representação no Sescon Serra, Farroupilha conta com a contadora Nádia Emer Grasselli como coordenadora da Feira de Negócios. “Estamos trabalhando na parte dos expositores, algo que já realizamos na Fenakiwi. Nosso objetivo é oferecer uma ampla gama de opções e serviços que venham a agregar qualidade à Conescap”, revelou a sócia administradora da Copase Contabilidade.

Soprano faz estreia na 15ª Construsul Com uma série de produtos voltados à área da construção civil, a Soprano participa, a partir da próxima quarta, da 15ª Feira Internacional da Construção (Construsul). O evento ocorre no Centro de Eventos da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (FIERGS), em Porto Alegre. A empresa farroupilhense vai apresentar seus mais recentes lançamentos, além da tradicional variedade de itens que desenvolve para o setor. Diversos produtos da Soprano foram utilizados na concepção do estande que está localizado no Pavilhão 3 (número 433a). Entre os destaques, a empresa apresentará seu novo lançamento, a linha de fechaduras Hórus que, além de um design diferenciado, é comercializada a um preço atrativo para atender a um mer-

cado em constante crescimento. Buscar visibilidade e aumento da clientela são focos de atuação da Soprano no evento. “Vamos aproveitar esse bom momento do setor. A Construsul marca a retomada da participação da Soprano em feiras. Contaremos com um estande de 75 metros quadrados onde estarão expostos mais de 200 produtos das divisões de Construção Civil e Materiais Elétricos”, explica Fabrício Justo, coordenador de Marketing da Divisão de Construção Civil da empresa. Realizada anualmente, a Construsul é o maior encontro da construção civil da Região Sul. A feira se estende até o dia 4, das 14h às 21h, e tem entrada franca. Nesta edição, a Construsul conta com 550 empresas expositoras e deve reunir um público de 75 mil visitantes.


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 7

Compromisso com a cidade

Economia

economia@jornalinformante.com.br

Immagini, novidade Saint Claire Nova linha de portas com perfil de alumínio e vidro temperado do Grupo Tecnovidro é destaque na ForMóbile, que encerra nesta sexta, no Anhembi, em São Paulo oleção desenvolvida especialmente para a ForMóbile, que iniciou na terça e segue até esta sexta, nos Pavilhões do Anhembi, em São Paulo, a Immagini é a novidade da Saint Claire. Ela apresenta portas com perfil de alumínio e vidro temperado com tendências de design handmade (feito à mão), que valorizam tramas com a tecnologia de estampas em vidros. São cinco linhas para a indústria moveleira: Barrado Crochê, Ponto Crochê, Ponto Cruz, Croco e Parquet. Inovadoras, as portas remetem a trabalhos manuais e incorporam requinte e sofisticação aos ambientes, como se fossem obras de arte. As tramas são desenvolvidas e produzidas por meio de estampas em vidro, trabalho que é possível graças à alta tecnologia empregada pela empresa ao longo de seu processo produtivo. A impressão digital em vidro, feita por uma máquina italiana, permite a aplicação de todo tipo de imagem, ampliando a gama de possibilidades dos clientes garantindo, assim, a qualidade e a resistência de uma pintura vitrocerâmica. Desta maneira, o vidro assume, por vezes, um papel minimalista na composição dos diversos ambientes, proporcionando maior conforto e garantindo uma identidade particular. As linhas foram desenvolvidas em parceria com o Studio Marta Manente, mas não ficam restritas às apresentadas no evento na Capital paulista, que apenas serviu para a primeira investida da empresa na área. “A coleção não se esgota aqui. Estamos testando outras estampas para que os clientes da Saint Claire sempre sejam surpreendidos com produtos diferenciados, únicos como obras de arte”, comenta a designer Marta. A Immagini pode estar em qualquer ambiente da casa, por meio da aplicação de suas linhas nas portas com perfil de alumínio e vidro temperado da Saint Claire, que inclui tanto portas deslizantes quanto de giro.

Arquivo Saint Claire

C

O Barrado Crochê é uma das opções apresentadas pela Saint Claire na coleção Immagini, exposta durante a ForMóbile

Outras atrações na ForMóbile

A Immagini é o carro-chefe do Grupo Tecnovidro na ForMóbile, mas a Saint Claire também utiliza o evento, uma das principais feiras do País dirigida ao setor moveleiro, para mostrar seus mais recentes sistemas de portas, que se destacam com puxadores integrados, apresentando um conceito lançado na Itália e adaptado aos padrões do consumidor brasileiro. Outra novidade serão as portas de roupeiro com TV acoplada. Com visualização plana, o aparelho vem embutido na porta do roupeiro, protegido pelo vidro, ficando praticamente imperceptível quando desligado. No estande da empresa, que celebra 25 anos em 2012, também são apresentados os fogões, além das tábuas e bandejas da Casavitra, outra empresa do Grupo, no espaço Cooktop Excellence. Confira mais informações pelo site www.tecnovidro.com.br.

vitra

asa

oC

uiv Arq

O modelo Dot Preto é uma das 13 opções de bandejas e tábuas de vidro que integram a linha de utilitários domésticos da Casavitra


8 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Cidade

Compromisso com a cidade cidade@jornalinformante.com.br

Os homens comandam Eles vão pilotar os fogões e auxiliar no evento da Liga de Combate ao Câncer de Farroupilha a vez de eles provarem que também são bons quando o assunto é cozinhar. A 16ª edição do Jantar/Baile Homens na Cozinha tem a sua data agendada para o dia 11 de agosto, no Clube Santa Rita. A ação beneficente é promovida pela Liga de Combate ao Câncer de Farroupilha e visa auxiliar de diversas formas os portadores de câncer da cidade. Os ingressos, no valor de R$ 80,00, podem ser adquiridos com os integrantes da entidade ou com os cozinheiros responsáveis. A presidente da Liga, Jussara Guidalli, ressalta que serão disponibilizados 480 lugares. No total, são 12 pratos oferecidos com 40 ingressos cada. “Ao adquirir a entrada, é possível escolher a cozinha que deseja. Após provar o escolhido, todos terão a oportunidade de experimentar as outras opções do cardápio”, explica Jussara. Os 12 cozinheiros que vão coman-

Arquivo Jornal Informante

É

Na edição passada do Jantar/Baile todos ingressos foram comercializados

dar a noite são representantes dos parceiros da organização e, de acordo com a presidente, seis opções já estão esgotadas. “Possuímos menos de 100 ingressos para a venda. De

acordo com o resultado das outras edições, acreditamos que esta tem tudo para ser uma das melhores”, ressalta. A animação da noite fica por conta da banda realce Bis.

Serviço

O que: 16ª edição do Jantar/Baile Homens na Cozinha Quando: 11 de agosto, a partir das 20h Onde: Clube Santa Rita (Vêneto, 233) Quanto: R$ 80,00 Informações: pelo fone 3268-1071

Esquina

Desfile de 7 de Setembro

As entidades que querem participar do desfile cívico do Dia da Pátria têm até a terça para fazer a sua inscrição. A presença deve ser confirmada com a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desportos (SMECD), no Departamento de Cultura, ou pelo fone 3261-6942. Com o tema “Belezas Deste Nosso Brasil”, em torno de 50 instituições devem participar. O início da marcha está previsto para as 9h do dia 7 de setembro, atendendo pedidos das diretoras das instituições de ensino da cidade.

Um cãozinho macho e uma cachorrinha fêmea estão precisando de um lar. Com aproximadamente 60 dias, o casal é preto e branco, tem porte e pelagem média. Quem quiser adotá-los deve entrar em contato com Carla pelo fone 9103.2232.

Está aberto o período de solicitação e renovação de isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para os aposentados e pensionistas. Os farroupilhenses nesta situação têm até o dia 14 de novembro para encaminhar o pedido para a Secretaria Municipal de Finanças (Praça da Emancipação, s/nº) de segunda a sexta, das 11h às 16h. O programa oferece o benefício apenas para quem possuir a renda mensal familiar de até dois salários mínimos, ter um único imóvel e residir nele. Divulgação

Alguém quer nos adotar?

Prazo de isenção do IPTU


12 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Compromisso com a cidade

Cidade Esquina

Uma semana dedicada à família

Inscrição no Pronatec

As inscrições para o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) estão abertas. Como iniciativa do governo federal, em Farroupilha os cursos são oferecidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Para a integração no projeto, a renda familiar do aluno não pode ultrapassar três salários mínimos. As inscrições devem ser feitas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS I e II). Os cursos têm diferentes datas de início e acontecem durante este segundo semestre.

Farroupilhense leva título Suzana Bertuol venceu o 25° Concurso Internacional de Contos de Araçatuba, em São Paulo, na categoria Nacional

“O

conto vai além da crônica”, comenta a farroupilhense Suzana Bertuol. E ela também atravessou os limites da cidade. A agricultora, licenciada em História, apostou em suas histórias para participar do 25° Concurso Internacional de Contos de Araçatuba, em São Paulo. Com o título “A Sesta”, a escritora faturou a competição e trouxe para o município a primeira colocação na categoria Nacional. Buscando descrever a dificuldade de relacionamentos familiares, Suzana descreveu o conto premiado como um retrato da dificuldade de comunicação que existia entre as pessoas, principalmente na época em que a história se passava. Ela coloca que, no ambiente familiar, a liberdade foi adquirida aos poucos, ao longo dos anos. Já na sociedade, como um todo, as pessoas estão cada vez mais distantes. “Escrevi o texto há mais ou menos dois anos, mas o reescrevi para participar da escolha”, destaca. A narrativa é do amor entre um pai e uma filha, mas que ambos não conseguem demonstrar o sentimento de afeto e carinho, fazendo então que, ao invés da aproximação, eles vivessem solitários e afastados. Os personagens criados por ela são uma representação da realidade, fazendo com que o enredo final seja uma união de várias peças. Suzana escreve desde 1993 e, apesar da formação em História, investe na agricultura. Prêmios para ela não são novidade, já que foi vencedora de títu-

Divulgação

Fazendo alusão ao tema da Campanha da Fraternidade 2013, “Fraternidade de Juventude”, a IX Semana Municipal da Família acontece no mesmo período da Semana Nacional da Família e tem como foco “Família e Saúde”. Buscando oportunizar momentos de reflexão sobre a importância e a responsabilidade da família na construção de uma sociedade que cuida da vida, o evento ocorre dos dias 11 a 17. A programação é organizada em conjunto pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania, Secretaria de Educação, Cultura e Desportos, Secretaria de Saúde, Paróquia Sagrado Coração de Jesus, Colégio Estadual Farroupilha, Colégio Estadual São Tiago, Nossa Senhora de Lourdes e Instituto de Educação Cenecista Ângelo Antonello.

cidade@jornalinformante.com.br

Suzana, apesar de ter optado pelo trabalho no campo, não perdeu o hábito pela escrita e pretende conquitar ainda mais títulos com seus contos

los municipais e regionais. Em 2009, no mesmo concurso, ela teve menção honrosa também na categoria Nacional, com o título “O Velho e a Casa”. A entrega da premiação está agendada para o dia 14 de setembro, em Araçatuba, mas Suzana ressalta que não vai ser possível se deslocar até São Paulo para o evento de premiação. O valor de R$ 2 mil pelo prêmio deve ser encaminhado pela organização

para a farroupilhense. “Estou muito feliz com a conquista. É uma forma de reconhecimento do trabalho e um incentivo para continuar escrevendo e acreditando nos nossos objetivos”, finaliza. O concurso contou com mais de 600 participantes e a premiação era dividida em três categorias: Internacional – Mundo Lusófono”, “Nacional” e “Regional”. Foram nove ganhadores e 15 menções honrosas no total.


14 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Política

Compromisso com a cidade politica@jornalinformante.com.br

De olho em uma vaga

Farroupilha foi a primeira cidade da Serra a implementar a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul (Sebrae/RS). Foram diversas ações que contribuíram para criar um ambiente mais favorável ao desenvolvimento dos pequenos negócios. Entre as iniciativas desenvolvidas no município está a nomeação de um Agente de Desenvolvimento Local, profissional que auxilia na implementação e continuidade dos programas e projetos contidos na lei, numa parceria mantida com o poder público e lideranças do setor privado. O Executivo também instituiu tratamento diferenciado para o Empreendedor Individual (EI) e para as Micros e Pequenas Empresas (MPE), como a manutenção do IPTU residencial para os que desenvolvem a atividade comercial em sua residência, desburocratização dos processos internos para tornar mais acessível a implantação de novos negócios pelos pequenos empreendedores e atuação fiscalizadora voltada à orientação e regularização da situação antes da aplicação de multa. Até a última semana, 23 cidades gaúchas haviam adotado a Lei (veja lista abaixo). Até o final do ano, o Sebrae/RS estima a implantação da nova legislação em 41 municípios.

Onde está valendo

Farroupilha (Serra), Alegrete (Campanha), Santiago e Santa Maria (Central), Balneário Pinhal (Litoral), Barra do Guarita, Campo Novo, Chiapetta, Derrubadas, Horizontina, Porto Mauá, Santo Ângelo, São Martinho, Tiradentes do Sul e Tuparendi (Noroeste), Erechim (Norte), Mormaço, Pontão e Tio Hugo (Planalto), Jaguarão e São Lourenço do Sul (Sul) e Arroio do Tigre e Encantado (Vale do Taquari).

om a eleição municipal se aproximando, a Faculdade América Latina (FAL) está com inscrições abertas para o curso de Estratégias de Marketing Político, voltado exclusivamente para candidatos a vereador das cidades da Serra. Serão 12 horas em três dias de aula, a partir do próximo dia 11. “Nosso objetivo é fornecer informações e subsídios aos vereadores nas diversas questões que envolvem uma disputa eleitoral. Desde a arrecadação de valores, aplicação de recursos e prestação de contas, passando pelo conteúdo da campanha até a análise e projeção de cenários políticos”, explica o professor Fábio Scopel Vanin, coordenador do curso de Ciência Política da FAL. Seu conteúdo será ministrado no primeiro módulo, e se refere ao Direito Eleitoral e regras de campanha. Os cientistas políticos Marcos Paulo dos Reis Quadros, também professor da FAL, e Rodrigo Giacomet serão os responsáveis pelas aulas de marketing político e análise do cenário eleitoral, respectivamente. Fábio, que também coordena o curso de Ciência Política na instituição de ensino caxiense, revelou que desde o início do ano a realização da extensão estava nos planos da FAL. Ele ressaltou que foram mantidos contatos com personagens do meio político para definição dos tópicos a serem abordados e que a ideia é tornar o curso contínuo, inserido na grade curricular das extensões, com pequenas variações dependendo do período. O foco de momento, claro, é voltado à eleição municipal.

Serviço

O que: Curso de Estratégias de Marketing Político Quando: dias 11, 18 e 25, das 8h30min às 12h30min Público alvo: candidatos ao Poder Legislativo Onde: Faculdade América Latina (Marechal Floriano, 889, em Caxias do Sul) Quanto: R$ 100,00 Informações: pelo fone (54) 3022-8600

Divulgação

Lei Geral implementada Faculdade América Latina abre curso de Estratégias e Marketing Político para candidatos a vereador no município C

Estreia em ano eleitoral: Fábio coordena curso de extensão voltado a candidatos ao Poder Legislativo

Os professores

* Fábio Scopel Vanin é advogado, mestre em Direito e pós-graduado em Direito da Economia. Já atuou como assessor jurídico e de bancada da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul. É coordenador jurídico da Secretaria do Meio Ambiente de Caxias e professor e coordenador dos cursos de Ciência Política e Relações Internacionais da FAL; * Marcos Paulo dos Reis Quadros é cientista político, pós-graduado em História do Brasil Contemporâneo e doutorando em Ciências Sociais. Pesquisador do Centro de Análises Econômicas e Sociais, atua na área de consultoria e marketing político e também é professor do curso de Ciência Polícia da FAL; * Rodrigo Giacomet é cientista político, atuou como assessor de bancada no Senado, é analista de pesquisas do Instituto Methodus e consultor político da Fecomércio/ RS. Atua na área de Consultoria e Marketing Político.


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 15

Compromisso com a cidade

Política

politica@jornalinformante.com.br

Hora da intensificação Calmaria que pautou campanha eleitoral no primeiro mês deve mudar a par tir deste final de semana

A

té o momento, o trabalho das três chapas que concorrem à eleição majoritária, a Farroupilha Mais (PMDP/ PP/PSDB/PRB/PPS/PR/PTB/PSL), a Farroupilha Quer, Pode e Merece (PDT/PSB/PT/PCdoB/DEM) e a Pela Vida (PV) esteve muito mais focado em ouvir eleitores, definir as frentes de ação no plano de governo e avaliar as perspectivas do cenário eleitoral na cidade do que propriamente apresentar propostas e sair em busca dos votos dos 51.531 eleitores farroupilhenses aptos a participarem do pleito de 7 de outubro. Porém, essa realidade deve ser alterada. “Ainda não definimos a programação para o final de semana. Ela será finalizada nesta sexta, mas a mobilização passa a ser cada vez maior a partir de agora”, destacou o prefeito Ademir Baretta, candidato à reeleição. A equipe situacionista concentra esforços na finalização de um plano de governo que, segundo o candidato, será arrojado. “Estamos tendo uma boa aceitação da comunidade, não somente pelo trabalho que realizamos, mas especialmente pela perspectiva de continuidade do governo transformador que fizemos ao longo dos últimos anos”, comentou. As candidaturas oposicionistas devem intensificar as ações de campanha durante este final de semana. Adesivação de carros, caminhadas e distribuição de bandeiraços devem pautar os trabalhos de campanha neste encerramento de semana. Quem dá início à mobilização é a Farroupilha Quer, Pode e Merece. Nesta sexta à noite, no Comitê, carros serão adesivados e no sábado pela manhã uma caminhada pelas ruas centrais estão na agenda dos candidatos Claiton Gonçalves e Pedro Pedroso. “Contamos com uma equipe muito profissional cuidando da campanha e a estratégia definiu que o ideal seria lançarmos ela de forma oficial neste final de semana”, ressaltou Claiton. O ponto alto será um encontro na salão da Comunidade Luterana neste sábado, a partir das 20h, que inclui apresentação dos 56 candidatos a vereador e o apoio de importantes lideranças políticas nacionais à candidatura do pedetista Claiton e do peessebista Pedroso. “Temos sido muito bem recebidos pela comunidade e sentimos que a campanha irá refletir esse anseio por mudança dos farroupilhenses. Nossa expectativa é a melhor possível”, salientou Claiton. Por fim, o Partido Verde também terá um sábado que promete ser bastante agitado. “O dia será movimentado. Dedicado para intensificarmos ainda mais o contato com o eleitor, adesivarmos carros, mostrarmos nossas bandeiras, enfim, mobilizarmos os filiados, simpatizantes e os que desejam novas propostas”, explicou o candidato Glacir Gomes. Ele avaliou de forma positiva o primeiro mês de campanha eleitoral. “Cada dia que passa recebemos novas adesões, apoio de onde não esperávamos receber. Isso nos motiva a continuar cada vez mais fortes na campanha, mostrando ao eleitor as nossas ideias, que são inovadoras e que pretendem implementar um novo jeito de fazer política”, finalizou o cabeça de chapa da frente Pela Vida.

Fotos: Arquivo Jornal Informante

Boca-de-Urna

bocadeurna@jornalinformante.com.br

Ainda em ritmo lento

A partir deste final de semana a campanha eleitoral deve entrar em uma nova fase. São inúmeras ações que estão sendo planejadas pelas três candidaturas à eleição majoritária e a tendência é que a disputa realmente inicie. Claro que a maior movimentação acontece com o começo da propaganda em rádio e televisão, prevista para o dia 21, mas mesmo assim o primeiro mês de campanha foi muito parado para aquela que, em tese, deve ser a disputa mais acirrada da história política farroupilhense.

Reunindo informação

Baretta e o vice Nilton Bozzetti: mobilização nos dois meses decisivos

A disputa pelo Executivo parece, neste primeiro momento, estar muito mais focada na compilação de informações, avaliação de cenários e anseios de eleitores para a formatação dos planos de governo. Eles serão os cavalos de batalha da campanha. Diferente de eleições anteriores, o cuidado parece ser redobrado neste pleito. O primeiro mês foi muito mais de planificação estratégica do que busca por votos. A condição deve mudar daqui para frente, momento em que será possível avaliar quem melhor trabalhou nas semanas iniciais de campanha.

Avaliação finalizada

Claiton e Pedroso: final de semana de lançamento oficial da campanha

A Justiça Eleitoral avaliou as candidaturas à eleição proporcional. Ao final da análise, ocorreram duas substituições. Ana Maria da Silva Reginato, do PSB, dá lugar a Tainá Girelli Gientorski. Já Zelinda Lúcia Pozzebon, do PT, será substituída pela candidata Sirlei Maria do Amaral.

Foco na proporcional

Maria Isabel Settin e Glacir: sábado com diversas ações programadas

Aproveitando o momento, a Faculdade América Latina, de Caxias do Sul, lança curso de Estratégias de Marketing Político, voltado primordialmente para os candidatos que buscam cadeiras nos Poderes Legislativos municipais (veja na página ao lado). O programa é bem amplo e vai da arrecadação de valores ao conteúdo da campanha, da avaliação de cenários eleitorais à prestação de contas. Com as inúmeras restrições impostas pela legislação, não resta dúvida que é uma excelente ideia da instituição.


16 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Compromisso com a cidade

Educação

educacao@jornalinformante.com.br

Buscando educação alternativa

Com a produção de barras de sabão caseiro, a Escola de Educação Infantil Projeto Esperança procura obter melhorias e proporcionar outras formas de aprendizagem nir culturas antigas com novas formas de ensino pode ter um bom resultado. Quem provou isso foi a professora Silvia Rossi Kemmer. Ao ingressar na Escola de Educação Infantil Projeto Esperança, em 2009, ela levou a ideia da produção e a venda de barras de sabão caseiro. A medida buscava ser uma forma alternativa de obtenção de lucro, para conseguir melhorias na escola, além da aprendizagem da preservação do Meio Ambiente. Com a mãe, Silvia aprendeu cada passo da receita do sabão. Ele é produzido a partir da mistura de álcool, soda, sebo, óleo de cozinha reciclado e outros ingredientes. Apesar de ser feito de forma artesanal, ele tem duração maior do que os industrializados e também melhor resultado. “No começo, os pais dos alunos desconfiavam da nova medida, mas com o tempo a credibilidade cresceu e atualmente

eles são nossos parceiros para comprar o produto, vender para os conhecidos e ainda doar o óleo de cozinha reciclado”, comenta a professora. Com quase quatro anos de projeto, hoje são produzidas e vendidas de 250 a 300 barras por mês. A docente destaca que a parceria com os pais é um fator determinante para o bom andamento do projeto, tornando-o reconhecido e abrangendo um público fora dos portões da escola. A ajuda de outras empresas facilita ainda mais o trabalho. Casas de carnes doam o sebo, padarias oferecem óleo já utilizado e ainda há postos de combustível que disponibilizam o álcool para a produção. As barras pesam aproximadamente 300 gramas e o valor, quase que simbólico, é de apenas R$ 2,00. Mas o que parece pouco transformou o espaço. Primeiro a biblioteca, depois a reforma na cozinha, na lavanderia e a aquisição de

diversos eletrodomésticos tornaram o ambiente, que atende 52 crianças, melhor. “Temos que ser persistentes naquilo que fazemos, porque de pedacinho em pedacinho que são vendidos, conseguimos fazer grandes mudanças”, coloca a diretora da unidade, Ione Ducati. Atualmente a proposta é de instalar os computadores, que foram recebidos de doação, e oferecer uma sala de informática aos alunos. “Junto às reformas nas instalações, a medida proporciona uma base para os professores debaterem a preservação do Meio Ambiente em sala de aula”, coloca a diretora. A proposta da reciclagem do óleo de cozinha é levada para casa e as crianças incentivam os pais a levar o produto para a Escola. Quem tiver o interesse em comprar barras de sabão, pode entrar em contato pelo fone (54) 3268-6395 ou pelo email projeesperanca@yahoo.com.br.

Vitória Lovat

U

Silvia e Ione comentam a satisfação em reconhecer que o projeto está crescendo e que elas estão fazendo a diferença

Reconhecimento nacional

Em 2010, a escola participou de um projeto da Caixa Econômica Federal em parceria com o Unicef, onde concorreu com 2,4 mil ações inscritas de todo o Brasil. A iniciativa de Farroupilha foi uma das contempladas e ficou com a 3ª colocação do Rio Grande do Sul, obtendo o valor de R$ 25 mil. A verba foi investida na construção de um playground para os alunos, além de outras melhorias que eram necessárias.


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 17

Compromisso com a cidade

Segurança

seguranca@jornalinformante.com.br

Assaltantes são presos em flagrante Nesta semana, dois criminosos foram detidos na cidade, sendo um deles do regime semiaberto

N

o início da noite de quarta, um Corsa foi roubado em Bento Gonçalves. A vítima, de 29 anos, informou que os assaltantes teriam seguido na direção de Farroupilha. Uma guarnição do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Farroupilha se deslocou até a RSC-453. O veículo foi avistado e seguido até o bairro São Roque. No local, o caroneiro efetuou disparos contra a viatura da Brigada Militar (BM), mas não deixou nenhum policial ferido. Após, três indivíduos abandonaram o carro. O autor dos disparos se entregou, enquanto os outros dois conseguiram fugir. O indivíduo, de 25 anos, foi encaminhado à Delegacia de Polícia para registro. Com ele foi apreendido um revólver calibre 32 com três munições, sendo duas deflagradas e uma intacta. Na manhã de segunda, mais um estabelecimento comercial da cidade foi alvo de crimino-

sos. Dois homens encapuzados e armados invadiram um mercado, localizado na Vila Jansen, e renderam o proprietário do estabelecimento. Os bandidos levaram do local R$ 200,00, a carteira e diversos documentos do proprietário, uma espingarda calibre 12, oito tiros com um cartucho e um rifle calibre 22 semiautomático com 10 munições. Para a fuga, os meliantes utilizaram um Focus prata pertencente à vítima. Segundo o Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra), durante a ação, um indivíduo, de 40 anos, entrou e saiu do local sem ser abordado pelos assaltantes. Após o crime ter ocorrido, o homem estava ao lado do mercado, dentro de um Logus branco. Quando indagado sobre o que fazia ali, ele não soube afirmar nada convincente. O proprietário do estabele-

cimento rendeu o indivíduo até a chegada da Brigada Militar (BM), que o conduziu à Delegacia de Polícia, onde foi lavrado o flagrante. O detido é apenado do regime semiaberto. O Focus já foi recuperado. O capitão do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Farroupilha e comandante do policiamento da cidade, Luis Fernando Becker, deixa algumas dicas para os comerciários se prevenirem contra os criminosos. “Observe atitudes suspeitas, como motos ou veículos parados com o motor ligado e pessoas no seu interior, veículos que circulam diversas vezes no mesmo local, pessoas que perguntam muito sobre o horário de fechamento da loja. Não deixe dinheiro à mostra no caixa registrador. Não deixe aparente cofres. Não comente datas de pagamento nem a forma como ele é feito”, enumera Becker.

190

Caminhão tomba na Curva da Morte

Na tarde de quarta, um caminhão, que trafegava no quilômetro 47 da RS-122, trecho conhecido como Curva da Morte, tombou na lateral da pista. O veículo estava carregado com bobinas de aço. O condutor, de 28 anos, trafegava no sentido São Vendelino–Farroupilha. Ele havia saído de Porto Alegre pela manhã e se dirigia a uma empresa em Caxias do Sul. O caminhoneiro não se feriu. A caroneira, de 22 anos, teve ferimentos leves e foi encaminhada ao Hospital Beneficente São Carlos. Não houve interrupção na pista. O óleo que vazou do caminhão foi coberto por um pó, pelo Corpo de Bombeiros, para não prejudicar o tráfego no local. A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Farroupilha é responsável por 455 quilômetros de rodovias. Algumas delas estão entre as mais movimentadas e com os maiores índices de acidentes do Estado. Segundo o comandante do grupamento, sargento Marcelo Stassak, nesse ano a PRE já atendeu mais de 700 acidentes, sendo 255 com feridos e que já causaram 22 mortes.

Obituário

20 de julho Nelson Palhano dos Santos, 73 anos. Sepultamento no cemitério do bairro Nova Vicenza; Maria Lidia da Silva, 61 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal. 21 de julho Adelaide Maria Gralik, 86 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Agenor Maria Vedói, 73 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal de Nonoai. 22 de julho Salustiano da Silva, 90 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal. 23 de julho Zulmira Antonia Santini, 90 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Irene Elza Rizzo, 89 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal; Silvia Teolina Haefliger, 28 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade de Nova Milano; Florinda Nichetti Bortolosso, 98 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal. 24 de julho Odolir Guilherme Bresolin, 31 anos. Sepultamento no cemitério da comunidade do Rio Burati; Agenor Antonio Fedrigo, 58 anos. Sepultamento no Cemitério Público Municipal.


18 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Compromisso com a cidade

EsportE

Preliminar

preliminar@jornalinformante.com.br

O mais vantajoso

O mais disputado

O Campeonato Municipal Sênior reafirma sua condição de principal disputa da Liga Farroupilhense de Futebol de Campo (LFFC). Especialmente entre os quatro finalistas, houve equilíbrio durante toda a competição, que se verificou inclusive nos duelos semifinais e na grande decisão. Farrapos e Canarinho não entraram com as melhores campanhas, mas avançaram à decisão e nela esteve refletido o nivelamento entre os dois times. Com mais atletas decisivos, o Farrapos fez valer sua pequena superioridade técnica. Título com todos os méritos e uma menção honrosa ao Canarinho, que derrubou o bicampeão invicto Serrano na semifinal.

Festa e projeção

Nesta sexta à noite, na SERC Farrapos, acontece a cerimônia de premiação da Copa Farroupilha e do Sênior. Foco da LFFC, agora, está voltado ao Farroupilhão. A expectativa é que a disputa conte com, pelo menos, oito times.

Título bem encaminhado Com a segunda dobradinha da temporada, João e Márcio Campos abrem frente na busca do bicampeonato

A

dupla farroupilhense João e Márcio Campos chegou ao Autódromo Internacional Nelson Piquet com apenas dois pontos de vantagem para Fernando Júnior. Deixou Jacarepaguá com uma diferença de 36 pontos para o vice-líder e encaminhou a conquista do bicampeonato da temporada no Mercedes-Benz Grand Challenge (MBGC). “Tenho 25 anos de automobilismo e posso dizer que esse foi um dos finais de semana mais vantajosos da minha carreira”, avaliou João. Ele correu no sábado e, apesar de largar em 5º, venceu a prova que abriu os trabalhos da 4ª etapa. “Fiquei preocupado com a minha colocação, mas o objetivo era fazer uma prova pensando no campeonato. Como Jacarepaguá tem um asfalto velho e com pouca aderência, nosso foco não estava em conquistar uma boa posição na largada, mas em realizar uma corrida consistente. Foi o que aconteceu”, comemorou João. Com descarte, dupla chega a sete provas: seis primeiros lugares e um segundo lugar A vitória no sábado, combinada com a péssima performance dos oponentes diretos, deixou os farroupilhenses mais tranquilos para a prova dominical. Quarto colocado no campeonato, Neto de Nigris chegou em 10º, marcando apenas seis pontos. Cesare Marrucci, 3º na geral, chegou em 14º e marcou apenas dois pontos. Para completar, o vice-líder Fernando Júnior acabou desclassificado. Com isso, a vantagem dos Campos para Júnior aumentou para pelo menos 29 pontos (22 da diferença na classificação, mais oito pontos de uma prova de descarte do oponente e menos um ponto do descarte da dupla farroupilhense). Porém, embora tenha ido à pista, no domingo, sem a pressão por resultado, Márcio sabia da importância de uma boa colocação, que permitiria a eliminação

Fernanda Freixosa

João Campos não pôde afirmar com certeza, mas destacou que o último final de semana foi um dos mais vantajosos que teve um sua longa e vitoriosa carreira no automobilismo. Certamente, foi o mais vantajoso para a família Campos. Eles foram a Jacarepaguá sustentando uma vantagem de dois pontos e deixaram o Rio de Janeiro com 36 de distância para o vice-líder. Além de um desempenho fantástico, com a vitória dupla, contaram com a péssima performance dos oponentes diretos na briga pelo título do Mercedes-Benz Grand Challenge. Nesta e na temporada passada, em nenhum momento a dupla farroupilhense conquistou uma diferença tão expressiva na liderança. O bicampeonato na categoria está cada vez mais próximo.

esporte@jornalinformante.com.br

A manobra ousada e decisiva para o duplo triunfo: por fora da curva, Márcio Campos (carro 31) ultrapassa Luiz Carlos Zappelini (3º no grid) e Sérgio Martinez (2º) e avança para a liderança

da pior prova (15º lugar obtido em Interlagos, que rendeu 1 pontos à dupla). Mesmo largando em 6º (o grid dos seis primeiros é invertido em relação à prova de sábado), o jovem piloto teve uma postura agressiva desde o início e praticamente venceu de ponta a ponta, garantindo nova dobradinha (a primeira havia ocorrido na 2ª etapa, em Curitiba), o descarte do pior resultado (1 ponto) e uma confortável liderança. “Arrisquei bastante desde a primeira curva. Optei por fazer o traçado por fora quando todos realizam ele por dentro. Foi sensacional. Assumi a liderança e depois foi só administrar”, comentou Márcio. Ele admitiu que a vantagem é significativa e que o campeonato está bem encami-

Classificação do MBGC

nhado, mas reforçou a necessidade de manter o foco no trabalho. Como não tinha realizado uma boa prova ano passado (largou na pole e chegou em 4º), era importante deixar Jacarepaguá (o autódromo será demolido para a construção de um Parque Olímpico para os Jogos de 2016) com uma vitória. “Foi importante sair com uma boa lembrança do circuito”, finalizou. Os farroupilhenses competem pela equipe Sicredi Racing, que tem o apoio das seguradoras parceiras da Corretora de Seguros Sicredi, a Icatu e a Mapfre. A próxima etapa, que marca o início da segunda metade da disputa, acontece somente nos dias 13 e 14 de outubro, no autódromo Orlando Moura, em Campo Grande (MS).

1º) João Campos e Márcio Campos: 137 pontos 2º) Fernando Júnior: 101 pontos 3º) Neto de Nigris: 94 pontos 4º) Cesare Marrucci: 89 pontos 5º) Léo de Nigris: 75 pontos


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 | 19

Compromisso com a cidade

EsportE

esporte@jornalinformante.com.br

Sênior é da SERC Farrapos

Em partida equilibrada e com emoção até o final, equipe vence Canarinho no estádio Ângelo Venzon Neto e celebra conquista inédita do Campeonato Municipal

A

ausência de Liminha, principal jogador da Sociedade Esportiva, Recreativa e Cultural (SERC) Farrapos, com uma torsão no joelho, foi muito lamentada pelo time que decidia, em seus domínios, no estádio Ângelo Venzon Neto, o Campeonato Municipal Sênior. O desfalque teve o poder de diminuir o favoritismo do mandante, que passava a ter como trunfo apenas o fato de atuar em casa. E a equipe sentiu a falta do meia. Tanto que na etapa inicial foi o Canarinho que controlou as ações da partida. Apesar do maior tempo de posse de bola, o time do bairro Medianeira não conseguia criar oportunidades de gol. A melhor delas aconteceu aos 38 minutos, quando o centroavante Renato Teixeira cabeceou antecipando Giovani, a bola subiu e caiu sobre o travessão. Três minutos depois, o atacante Flávio, o melhor do Farrapos, entrou na defesa do Canarinho a dribles, mas o goleiro Samuel defendeu com os pés. Na volta do intervalo, Renato teve outra chance em cabeçada que passou raspando a trave. A partir daí, o Farrapos equilibrou as ações. Aos 21 minutos, Claudinho recebeu no meio e acionou Flávio, ele avançou e cruzou na medida para o centroavante do

As Seleções

Adotamos a prática no ano passado e seguimos neste ano. Além de montarmos a Seleção da Redação do Jornal Informante, solicitamos aos integrantes da diretoria da LFFC que escolhessem os melhores da competição. O presidente Luiz Valdelírio da Silva (Chocolate), os vices Renato Benacchio e Ricardo Ló, o tesoureiro Gilberto Brustolin (Giba) e os secretários Cristiano Lemos e Fábio Carnesella escalaram seus times abaixo, com treinador e melhor jogador do Sênior. E aí, caro leitor, concorda com as escolhas?

Fabiano Gasperin

Liga de Futebol de Campo

Farrapos completar de carrinho e marcar o 1 a 0 aos 21 minutos. Ele teve mais duas oportunidades para ampliar na sequência, aos 23 e 25 minutos. Sidicaio respondeu com uma cabeçada para o Canarinho que também parou no travessão de Giovani. Claudinho acabou expulso aos 30 minutos, o que fez aumentar a pressão do Canarinho. O Farrapos tentava os contra-ataques, mas não conseguia encaixar nenhum, fato que fazia o visitante adiantar ainda mais a marcação. A situação ficou ainda mais desesperadora para os mandantes quando o volante Élton também foi para o chuveiro mais cedo, recebendo dois amarelos em sequência, aos 40 e 41 minutos. Com nove em campo o Farrapos resistiu à pressão até o apito final de José Roberto Rach e celebrou o título inédito com direito a champagne e foguetório.

Taça no armário: SERC Farrapos fez valer o fator local e celebrou uma conquista inédita em seus domínios

Premiação aos melhores nesta sexta

A cerimônia de entrega dos prêmios aos campeões do Sênior e da Copa Farroupilha (que teve o Cinquentenário como grande vencedor), competições organizadas pela Liga Farroupilhense de Campo (LFFC) neste primeiro semestre, acontece nesta sexta, a partir das 20h, na SERC Farrapos.

A campanha do campeão

Fase classificatória Serrano 3x0 Farrapos Farrapos 4x1 São Paulo Farrapos 3x0 Nova Vicenza Cinquentenário 1x4 Farrapos Farrapos 2x0 Canarinho São Luiz/Amizade 3x2 Farrapos Fase semifinal Farrapos 0x2 São Luiz/Amizade São Luiz Amizade 1x5 Farrapos Decisão Canarinho 1x1 Farrapos Farrapos 1x0 Canarinho Em 10 partidas, o Farrapos venceu seis, empatou uma e perdeu três. Marcou 22 e sofreu 12, saldo de 10 gols.

Classificação final

Campeão: SERC Farrapos Vice: Canarinho 3º lugar: Serrano 4º lugar: São Luiz/Amizade

Artilheiros

Odil (Serrano) e Adriano (São Luiz/Amizade), com 5 gols

Melhor ataque

Farrapos, com 22 gols marcados

Defesa menos vazada

Serrano, com quatro gols sofridos

Equipe mais disciplinada São Paulo, com 14 cartões (12 amarelos e dois vermelhos)

Gols e jogos

Foram marcados 88 gols em 27 jogos (3,25 por jogo)

Seleções Goleiro Lateral direito Zagueiro central Quarto zagueiro Lateral esquerdo Volante Volante Meia Meia Atacante Atacante Técnico Melhor jogador

Jornal Informante Giovani (Farrapos) Marquinhos (Farrapos) Baggio (Serrano) Gilmar (Canarinho) Carlão (Farrapos) Sandro (Serrano) Sidicaio (Canarinho) Chaiane (Canarinho) Liminha (Farrapos) Flávio (Farrapos) Claudinho (Farrapos) Vili David Júnior (Canarinho) Chaiane (Canarinho)

Chocolate Perso (Serrano) Jadir (Serrano) Baggio (Serrano) Marciano (São Luiz/Amizade) Cabecinha (Canarinho) São Gabriel (Canarinho) Liminha (Farrapos) Clairton (Serrano) Rogerinho (Serrano) Vinícius (Canarinho) Claudinho (Farrapos) Vili David Júnior (Farrapos) Claudinho (Farrapos)

Renato Benacchio Perso (Serrano) Leandro (Canarinho) Gilmar (Canarinho) Geleia (Serrano) Carlão (Farrapos) Sandro (Serrano) Orion (São Luiz/Amizade) Elias (Farrapos) Urtigão (Serrano) Odil (Serrano) Claudinho (Farrapos) Vili David Júnior (Farrapos) Elias (Farrapos)

Ricardo Ló Giovani (Farrapos) Marquinhos (Farrapos) Baggio (Serrano) Zezo (Farrapos) Carlão (Farrapos) São Gabriel (Canarinho) Sidicaio (Canarinho) Elias (Farrapos) Liminha (Farrapos) Odil (Serrano) Claudinho (Farrapos) Vili David Júnior (Farrapos) Sidicaio (Canarinho)

Giba Giovani (Farrapos) Marquinhos (Farrapos) Baggio (Serrano) Gilmar (Canarinho) Cabecinha (Canarinho) Nilson (Farrapos) Sidicaio (Canarinho) Elias (Farrapos) Chaiane (Canarinho) Claudinho (Farrapos) Renato Teixeira (Canarinho) Vili David Júnior (Farrapos) Chaiane (Canarinho)

Cristiano Lemos Giovani (Farrapos) Marquinhos (Farrapos) Baggio (Serrano) Gilmar (Canarinho) Elinho (São Luiz/Amizade) Régis (Farrapos) Sidicaio (Canarinho) Chaiane (Canarinho) Liminha (Farrapos) Odil (Serrano) Renato Teixeira (Canarinho) Vili David Júnior (Farrapos) Sidicaio (Canarinho)

Fábio Carnesella Giovani (Farrapos) Marquinhos (Farrapos) Baggio (Serrano) Zezo (Farrapos) Carlão (Farrapos) São Gabriel (Canarinho) Sandro (Serrano) Sidicaio (Canarinho) Chaiane (Canarinho) Odil (Serrano) Claudinho (Farrapos) Vili David Júnior (Farrapos) Sidicaio (Canarinho)


Farroupilha, 27 de julho de 2012

Gripe A é uma gripe comum Segundo a infectologista Lessandra Michelim, o que a difere das demais é o vírus causador, que está presente no País desde 2009 Estado já contabiliza 316 casos de Gripe A confirmados. O número de óbitos chegou a 46 em todo o Rio Grande do Sul. Na cidade, oito suspeitas foram investigadas, mas apenas dois casos foram confirmados. Um menino, de 12 anos, foi medicado e já está em casa. Uma mulher, de 42 anos, está internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Beneficente São Carlos, mas o seu estado de saúde é estável. A vacina contra a gripe combate três tipos de vírus, os da Influenza A H1N1, H3N2 e da Influenza B. O da H1N1 é o que está assuntando a população. Ele está presente no País desde 2009, quando causou uma epidemia. O secretário de Saúde Itaroty Fagherazzi descarta que a fatalidade aconteça novamente. A infectologista Lessandra Michelim afirma que os sintomas da Gripe A não diferem dos demais tipos de influenzas, o que muda é apenas o vírus causador da enfermidade. “Ela não é mais grave do que as outras, o que acontece é que mais pessoas são suscetíveis a ela. Quem tiver suspeita deve procurar um médico, que irá avaliar e tratar adequadamente cada caso”, diz Lessandra. Segundo ela, a gravidade ou não da gripe depende da imunidade de cada um. Para a especialista, também não se pode afirmar que ela mata mais pessoas do que a gripe comum. “O vírus já está circulando no País há três anos, então as pessoas já estão mais resistentes a ele. Quanto mais gente imunizada, menos ele vai ficar no ar”, observa a infectologista. De acordo com ela, para quem ficou sem a vacina, a maneira mais eficiente de se cuidar e evitar o contágio é redobrar os cuidados higiênicos.

Divulgação

O

Precaução necessária: cuidados simples, como higienizar as mãos com frequência, pode evitar o contágio da doença

Dicas básicas de prevenção

Higienizar as mãos com frequência; utilizar lenço descartável para higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; higienizar as mãos após tossir ou espirrar; evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; não partilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal; evitar aperto de mãos, abraços e beijo social; reduzir contatos sociais desnecessários, ventilar os ambientes e evitar, dentro do possível, locais com aglomeração e visitas a hospitais.


Farroupilha, 27 de julho de 2012

Aproveite o inverno pa Equipe Espaço da Beleza *

O

inverno é a época de começar mudanças positivas para o corpo: aceitar o corpo é importante para cuidá-lo e conhecer suas necessidades. O corpo avisa quando está precisando de ajuda. Começam a ocorrer mudanças no humor, aumento da ansiedade, transtornos no sono impedindo que o organismo absorva as vitaminas e minerais, causando desequilíbrios no metabolismo e alterações no corpo como: desidratação de pele, unha e cabelo, aumento do peso ou simplesmente gordura localizada. Quando o objetivo é deixar a pele mais firme de um jeito rápido e eficiente, os tratamentos estéticos podem dar aquela força. Estimulam a produção de colágeno, fibras que dão sustentação ao tecido cutâneo. Vale lembrar que flacidez de pele e de músculo são diferentes: a primeira é caracterizada por uma frouxidão no tecido e surge por vários motivos, como excesso de sol, gravidez, efeito sanfona e o próprio envelhecimento natural, que geralmente começa após os 30 anos. Já a do músculo surge principalmente pela falta de atividade física, além da passagem do tempo. Os dois tipos podem ocorrer juntos ou separados. Antes de iniciar um tratamento, é importante fazer uma avaliação para checar qual técnica é mais indicada para o seu caso. Confira, a seguir, os passos que devem ser seguidos e as boas opções para tratamento de gordura ou celulite.

Início do tratamento

Desintoxicar o corpo é fundamental para preparar o metabolismo, reequilibrar as vitaminas e minerais. O tratamento ativa a circulação, limpa o intestino, hidrata o corpo, auxilia na redução do peso e no retardo do envelhecimento. Cuidar com alimentação, iniciar uma atividade física e ingerir bastante água são iniciativas fundamentais para obter maiores resultados.

Contorne a flacidez

Hooke é o equipamento de radiofrequência indicado para flacidez, para combater a celulite e no pós-operatório de cirurgias estéticas. Além de diminuir as células de gordura, que causam as celulites, ele também estimula a produção de colágeno, substância responsável por

Aproveite o período e deixe seu


Farroupilha, 27 de julho de 2012

ara tratar do seu corpo Fotos: Divulgação

u corpo em forma para o verão

dar sustentação à pele e no pós-operatório de lipo consegue atuar nas ondulações da pele e remodelar os contornos corporais evitando uma nova intervenção. Para potencializar os resultados, o Hooke possui três aplicadores com combinação de calor intenso e frio. Pode ser associado a sessões de drenagens. Onde ele deve ser usado: bumbum, joelhos, braços, abdômen e coxas. Número de sessões: em média, são indicadas 6 a 8 sessões, com intervalos de 10 a 15 dias.

Relaxe o corpo e remodele os contornos

Drenagem linfática: é uma técnica de massagem que trabalha o sistema linfático, estimulando-o a trabalhar de forma rápida, movimentando a linfa até os gânglios linfáticos. A principal função da drenagem linfática é acelerar o processo de retirada dos líquidos acumulados entre as células e os resíduos metabólicos, encaminhando-os aos vasos capilares e, por meio de movimentos específicos, direcionando para que sejam eliminados. Essa técnica também estimula a regeneração dos tecidos, melhora o sistema imunitário, é relaxante e tranquilizante. Combate a celulite e a gordura localizada e ainda melhora a ação anti-inflamatória do organismo. Máscaras termogênicas: a proposta dos tratamentos à base das máscaras termogênicas é a queima de gordura e a eliminação da celulite. Composta de ativos que estimulam a circulação sanguínea e linfática, melhora edemas e auxilia na liberação da gordura do tecido adiposo. Provoca um aumento do tecido de sustentação, aumenta a oxigenação e nutrientes e é muito eficaz na eliminação de toxinas e radicais livres. Tratamento indicado para todos os graus de celulite e gordura. Já o Burst System é um tratamento inovador de alta precisão, com 25 mecanismos de ação, que atuam em todo o ciclo da celulite num único produto, inibindo as oxidoredutases endógenas, melhorando o aspecto da celulite. O Centro Estético Espaço da Beleza disponibiliza os mais modernos tratamentos para redução de medidas e celulite. Ligue e agende sua avaliação. O tratamento é elaborado conforme suas necessidades. * Espaço da Beleza Centro Estético Fones (54) 3268-5511 ou (54) 8119-5645 Site www.spabeleza.com.br


Farroupilha, 27 de julho de 2012

Tratamento da obesidade através da Medicina Tradicional Chinesa Aline S. Schneider *

Divulgação

A

obesidade vem crescendo no Brasil e no mundo, trazendo um sério problema de saúde pública, pois o excesso de peso predispõe o indivíduo a uma série de doenças cardiovasculares, diabetes, apneia do sono, problemas articulares e de coluna, além de deixar a pessoa sem disposição, afetando sua vida sexual, autoestima e alegria de viver. A Medicina Ocidental oferece muitas soluções “mágicas” para o emagrecimento: cirurgias de redução de estômago, medicamentos, dietas milagrosas. São procedimentos que oferecem riscos à saúde e que, a longo prazo, não garante que o peso das pessoas submetidas a esses processos permaneça. A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) dispõe de várias técnicas seguras para o tratamento da obesidade, como acupuntura, craniopuntura, auriculoterapia e dietoterapia. O tratamento é eficaz, pois a acupuntura age no Sistema Nervoso Central (particularmente no tronco cerebral, mesencéfalo, tálamo, hipotálamo, glândula pituitária e córtex), fazendo com que o próprio organismo da pessoa libere neuroquímicos que são responsáveis pela regulação dos sistemas, como o digestivo, endócrino, cardiovascular e outros, além de controlar a ansiedade e a compulsão alimentar. A vantagem da acupuntura é que não há intoxicação dos órgãos internos, ao contrário dos medicamentos. Além disso, atua no sistema linfático, fazendo com que o organismo diminua signifi-

Acupuntura é uma das frentes de atuação da MTC: preocupação e foco no bem estar

cativamente a retenção de líquidos. Já a partir da primeira sessão começam a aparecer os resultados. A dietoterapia vai ser tão importante quanto a acupuntura para o tratamento desses pacientes, pois vai ter um efeito ainda mais desintoxicante e revitalizante. Na dietoterapia chinesa o paciente não passa fome, não fica desnutrido nem indisposto. Pelo contrário, a quantidade de alimentos que serão acrescentados será maior do que a quantidade de alimentos retirados. A dieta é baseada na variedade e na combinação dos alimentos. O processo é gradual, mas muito gratificante, pois o emagrecimento vai acontecer pela mudança consciente, focado na saúde e não na perda de peso. Para a Medicina Tradicional Chinesa todas as doenças aparecem por acumularmos maus hábitos ao longo da vida, e a maioria desses hábitos equivocados estão na má alimentação, sedentarismo e cultivo de emoções negativas como a raiva, mágoa, medo, tristeza, preocupação, ansiedade e outros. Estudos já comprovaram que a genética colabora com uma porcentagem muito pequena no desenvolvimento das doenças. Por isso, se quisermos saúde, precisamos cultivá-la desde a fase intrauterina e ao longo de toda nossa vida. Como bem destaca uma citação conhecida dentro da MTC: “Não existe um milhão de causas para um milhão de doenças, existe meia dúzia de causas para todas as doenças”. * Fisioterapeuta (Crefito 99769-F)


Inside

Farroupilha, 27 de julho de 2012

inside@jornalinformante.com.br

Eletrônica também nos vinis Na 3ª edição da festa The Basement, nesta sexta, o produtor e DJ Henrique Casanova, mais conhecido como Apoena, toca no República Beer razendo o processo analógico das músicas eletrônicas de décadas passadas, o produtor e DJ porto-alegrense Henrique Casanova vem a Farroupilha com novidades na 3ª edição da festa The Basement. Utilizando um set list totalmente tocado em discos de vinil, ele segue com as lineups de Fran Botolossi, Ander Oliveira e Beto Biasio. A promoção de tequila liberada para as mulheres das 23h à meia noite promete esquentar ainda mais o evento. Usando o codinome de DJ Apoena, ele é reconhecido internacionalmente pelos diversos lançamentos mesclando o clássico com o atual sem esquecer da pegada com o feeling que o technohouse tem. Os selos da gravadora Stuga Musik, de Londrina, no Paraná, nos seus dois EPs, ajudam a promover o seu trabalho. O seu primeiro EP, o “Falando Sério”, se classificou em 1º lugar nas indicações da Juno Records, maior loja de música eletrônica do mundo. Indicado por nomes internacionais, como os DJs americanos Delano Smith e Luke Hess, ele também tem as suas faixas tocadas pelos paulistas Ney Faustini e Gustavo Balleste. O segundo lançamento, “Mover & Cooler EP”, feito neste ano, teve repercussão ainda maior. Com distribuição abrangente, a venda foi esgotada em lojas do Japão, da Europa e dos Estados Unidos. O DJ francês Laurent Garnier, assim como James What e Lee Jones, outros grandes nomes internacionais, adotaram as tracks em seus sets. “Comecei a discotecar muito jovem, conhecia apenas o processo analógico, o digital era novidade pra mim ainda. Hoje o que vejo é quase que um total esquecimento dos LP’s, exceto pela grandes casas e DJs renomados no Brasil e, principalmente, fora dele”, desta-

Divulgação

T

O DJ porto-alegrense aposta na mistura das tracks clássicas com o que há de mais atual na technohouse para formar o set list da noite

ca. Ele afirma que o espanto é grande quando afirma para alguns produtores que utiliza apenas discos. Uma das maiores dificuldades de se trabalhar neste segmento é o equipamento, que é restrito. Apenas as grandes casas possuem toca-discos. Nas demais, uma negociação com os bares ou os promotores dos eventos é feita para conseguir uma locação. Para divulgar seu trabalho, Apoena revela que, nos locais próximos, que não requerem muito deslocamento, costuma levar seu próprio equipamento. “A indústria desse cunho é outra,

muito diferente da de CDs ou da música digital. A compra dos vinis é mais cara, demora mais para chegar, todo o processo é mais lento. Os equipamentos são raros, principalmente quando se trata de interior”, comenta. O DJ tem o intuito de disseminar a ideia de que não apenas a música digital é a correta e levar aonde puder esse velho/novo conceito em electro. “O que há de melhor no mundo da música technohouse é armazenada em vinis. É necessário uma valorização, especialmente pela dificuldade e conservação”, observa. E ele vai apresentar o pro-

jeto para Farroupilha, que ainda não teve a oportunidade de ver o trabalho do DJ. “O que eu mais gostei de tocar ao longo dos anos, levo para todas as festas. Cerca de 40% da minha mochila é composta de clássicos para que eu possa mesclar o que possuo de mais atual com uma pegada das antigas”, finaliza.

Serviço

O que: The Basement Quando: nesta sexta, a partir das 23h Onde: República Beer (República, 445) Quanto: R$ 10,00 o feminino e R$ 15,00 o masculino


2 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Inside

Compromisso com a cidade

Flávio Lopes

Música

flaviolopes1978@ibest.com.br

O retorno do swing

Muitos falam da inversão de valores existentes na sociedade de hoje. Ela é real, mas o que mais me chateia é a forma como deixamos de priorizar as pessoas, a vida, a natureza. Em nome dos negócios, dos mercados, do crescimento econômico, dos votos, abrimos mão daquilo que é realmente importante. É um verdadeiro “vale tudo”. Vale tudo para crescer economicamente, vale tudo para se eleger na próxima eleição, vale tudo pelo lucro. Tratar com pessoas é mais complexo. Esses seres raciocinam, têm vontades, anseios, sonhos e, principalmente, carências. Fortunas são gastas em ações e em obras que não priorizam a vida, que não mudam a vida das pessoas, que não atendem suas necessidades básicas e que não se importam com o futuro da humanidade, a tão falada e pouco praticada sustentabilidade. É muito bom construirmos praças, monumentos, estádios de futebol, investirmos em turismo, fazer com pessoas de outros lugares do planeta queiram nos visitar para apreciar aquilo que temos, eu concordo plena e indiscutivelmente com tudo isso, mas seria tão bom se essas mesmas pessoas nos visitassem para apreciar aquilo que fazemos de bom para nossas pessoas, pela nossa qualidade de vida, nossas ações sustentáveis, nossos investimentos em cultura, nossas obras assistenciais. Enfim, seria tão bom se fossemos exemplo de alguma coisa que enriquecesse e priorizasse o ser humano, a vida e a natureza. Apesar de vivermos em uma região privilegiada em termos de desenvolvimento, basta andarmos pelos bairros da periferia para nos darmos conta das carências que ainda temos: pavimentação, iluminação pública, rede de esgoto, creches, postos de saúde, transporte, educação e outras deficiências ainda limitam para baixo a qualidade de vida de muitas pessoas. São essas as desigualdades que temos que combater, pois, às vezes, nos sensibilizamos muito mais com os maus tratos aos animais do que com os maus tratos com as pessoas. Algumas perguntas devem ser feitas para que esta reflexão seja completa: nossas crianças possuem vagas garantidas em escolas infantis ou creches? Os estudantes possuem transporte escolar disponível para deslocamento para escolas e faculdades? Os deficientes têm sua acessibilidade assegurada nas ruas da nossa cidade? Os idosos possuem tratamento de saúde gratuito, com qualidade e sem esperas para atendimento? As ruas dos bairros estão pavimentadas e iluminadas? As redes de esgoto atendem a todas as moradias e os dejetos são devidamente tratados? A verdade é que o sistema é propulsor de muitas desigualdades, enquanto para uns as necessidades básicas são facilmente alcançadas, para outros o caminho até elas é árduo e difícil. Vamos imaginar, como sente-se uma mãe que, ao sair para o trabalho, tem que deixar seu filho em algum lugar que não seja uma creche devidamente estruturada e legalizada para realizar este tipo de serviço ou então um trabalhador que fica ao relento nas madrugadas frias do nosso inverno sem o abrigo de uma parada para aguardar seu ônibus. É em situações como essas que a transformação da vida das pessoas começa a acontecer, mas há inúmeras outras formas. É nisso que temos que pensar, e é isso que temos que buscar. Se gostamos tanto dos animais, se fizemos de tudo para protegê-los, o que então fazemos pelos seres humanos quando encontramos algum doente, sem teto, ferido física, moral ou emocionalmente e abandonado pela nossa sociedade? Deus criou o homem e o deu o domínio sobre todas as coisas. Será que ele está contente com o tratamento que estamos dando aos nossos semelhantes? * Líder de Equipe de Produção

A

referência musical em swing do Rio Grande do Sul volta ao Boteco do Chá. O grupo porto-alegrense Nova Virtude, que já faz sua história nas rádios do Estado, promete animar a sexta em Farroupilha. Quem completa a noite são os sertanejos Bruno e Renan e o DJ Fran Azevedo. A promoção de dose dupla de cerveja segue até a 1h. Com quase quatro anos de trabalho e mais de 300 apresentações contabilizadas, a formação segue com Éverton da Costa no vocal, Cássio Carvalho no rebolo, Alex Rosa no surdo e Joner Raddi no pandeiro. Os rapazes são os pioneiros no Rio Grande do Sul a gravar um clipe do gênero musical em outro País. O “Se Você Quiser Voltar”, foi filmado em Bueno Aires, na Argentina, no ano passado. No dia posterior ao show na cidade, eles fazem o lançamento do novo clipe “Já Passei da Idade”, com a participação do músico carioca Wallace Vianna e da representante gremista no Musa do Brasileirão 2011, Marilisy Antonelli. Éverton, que é mais conhecido por Ton, também divide composições com Vianna e projeta planos para a banda. “Estamos gravando nosso primeiro CD. Apostamos no swing nas nossas músicas para fugir um pouco do pagode tradicional”, destaca o vocalista. O lançamento do disco, que conta com 12 faixas, está previsto para o final de setembro e também deve ganhar uma festa de divulgação. “É a quarta vez que tocamos no Boteco e, em todas as festas, ele lotou. O público é carismático. Esperamos que o show seja um sucesso mais uma vez”, finaliza.

Divulgação

Afinal, qual é nossa prioridade?

Referência do gênero musical no Estado, o grupo Nova Virtude retorna ao Boteco, nesta sexta à noite

Serviço

O que: show com Nova Virtude Quando: nesta sexta, a partir das 23h Onde: Boteco do Chá, (Rômulo Noro, 555) Quanto: até a 1h, ingresso feminino a R$ 10,00 e o masculino a R$ 15,00. Após, feminino a R$ 15,00 e masculino a R$ 25,00

Cinemas GNC Caxias (Shopping Iguatemi, RST-453, quilômetro 3,5)

GNC 1: A Era do Gelo 4 (dublado) – às 13h10min, 15h10min e 17h10min GNC 1: O Espetacular Homem-Aranha (dublado) – às 19h10min GNC 1: Na Estrada – às 21h40min GNC 2: Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge – às 14h30min, 18h e 21h10min GNC 3: Valente (dublado) – às 13h30min, 15h30min e 17h30min GNC 3: O Espetacular Homem-Aranha (dublado) – às 19h30min GNC 3: Para Roma com Amor – às 22h10min GNC 4: Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge – às 15h (dublado) e às 18h20min e 21h30min (legendado) GNC 5: Valente (dublado e em 3d) – às 13h e 17h40min GNC 5: A Era do Gelo 4 (dublado e em 3d) – às 15h20min e 19h50min GNC 5: O Espetacular Homem-Aranha (3d) – às 22h GNC 6: Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (dublado) – às 14h, 17h20min e 20h45min Ingressos: sexta, sábado, domingo e feriados: R$ 14,00; meia entrada, menores de 12 anos e sênior (a partir dos 60 anos): R$ 7,00; Movie Club Preferencial: R$ 12,00 e Clube do Assinante RBS R$ 10,50. Segunda, quarta e quinta (exceto feriados): R$ 12,00; meia entrada, menores de 12 anos, sênior e Clube do Assinante RBS: R$ 6,00 e Movie Club Preferencial: R$ 10,00. Terças (exceto feriados): ingresso único: R$ 7,00.

Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho (Luiz Antunes, 312) Shame – sexta às 19h30min e sábado e domingo às 20h Matinê: Notas sobre um Escândalo – quinta às 15h (entrada franca) Ingressos: R$ 5,00 e R$ 2,00 (estudante e sênior)

Alterações na programação ou nos valores dos ingressos são de responsabilidade das salas


Sexta-feira, 27 de julho de 2012 |

Inside

Compromisso com a cidade

Fotografia

Armando Wartha armandowartha@yahoo.com

Olhar sobre os trilhos

Como atravessar a rua em 2062?

Fotógrafo Luiz Eduardo Achutti foca trabalho na malha ferroviária para registrar história do Estado Luiz Eduardo Achutti

Q

uantas vezes não prestamos atenção nas paisagens que estão presentes no nosso cotidiano? A malha ferroviária do Rio Grande do Sul encantou os olhos do fotógrafo e jornalista porto-alegrense Luiz Eduardo Achutti. O cenário, que integra a paisagem de Farroupilha e de outras cidades da região, pautou Achutti para a composição da exposição “Trilhando a Memória”. O acervo está sendo apresentado em diversos municípios e em Farroupilha restam poucos dias para a visitação. Pela iniciativa de um projeto do Serviço Social do Comércio (Sesc), Arte Sesc - Cultura por Toda a Parte, a mostra pode ser conferida até a próxima sexta, no Restaurante e Café Caminho do Trem. Produzidas durante a realização da pesquisa pela Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), ela tem o objetivo de valorizar o projeto arquitetônico que está sendo esquecido. Com o título de doutor em Antropologia Visual e membro da associação Phanie (Centre de l'Ethnologie et de l'Image), de Paris, Achutti tem o seu trabalho reconhecido internacio-

3

Achutti fotografa estações de trem das cidades gaúchas desde 1996

nalmente. O que não faz com que ele esqueça suas raízes, já que um dos propósitos também é o de resgatar a história do Estado com a Fotografia. Atuando na área desde 1996, as primeiras imagens, ainda em preto e branco, retratam as estruturas de diversas cidades captando as peculiaridades de cada uma. Ele já registrou lugares como Bento

Serviço

Gonçalves, Camobi, Capão do Leão, Caxias do Sul, Pinhal, Santa Maria e Santa Tereza. Contando com aproximadamente 40 fotos, a exposição atual ainda está sendo trabalhada e, quando finalizada, vai compor um livro. Até o final de 2013, Achutti afirma que pretende fotografar cerca de 100 estações férreas que ajudam a contar um pouco do passado gaúcho.

O que: exposição Trilhando a Memória Quando: diariamente até a próxima sexta, das 11h às 14h30min Onde: Restaurante e Café Caminho do Trem (Rômulo Noro, 545) Quanto: gratuito

Penso nessa possibilidade, de como atravessar uma rua no futuro, olhando hoje para a dependência sempre maior do homem em relação à eletrônica, ao virtual. Parece que nada mais faz sentido se não passar pelo crivo de uma tecla, de um chip, de um algo que necessariamente remeta ao mundo impalpável de uma tela. Não estou, com isso, refutando este mundo. Antes pelo contrário. Este mundo é presente e veio para ficar. Não tem jeito. Ou se é virtual, ou se está fadado ao dinossaurismo (palavra desconectada, não?). Hoje, para atravessar uma rua, na qual os carros ainda são de verdade (ferro, plástico, luzes, motorista, combustível, etc.), as bicicletas são de verdade, os pedestres são de verdade, as carroças são de verdade, temos que olhar com nossos olhos de verdade, ouvir com nossos ouvidos de verdade. Temos que calcular a nossa velocidade e a dos carros com nosso senso de percepção, que ainda é de verdade. Temos, por tanto, que tomar todas as medidas de segurança, porque ainda temos um corpo de verdade, com ossos, músculos e fluidos, que devem permanecer nos seus devidos lugares, sob pena de... Nem quero pensar! Três batidas na madeira! Na velocidade em que este mundo impalpável avança por sobre o mundo concreto, penso como fará um jovem para atravessar uma rua em 2062 (penso no jovem porque, hoje, é o mais fascinado pelo virtual. Mas isto não exclui idade alguma). Provavelmente ele descerá do prédio no seu elevador particular. Particular por que o virtual conduz ao individualismo. Ao pisar na calçada, ele observará não a rua, logicamente, mas sim a uma mini tela implantada no canto inferior da lente do seu, inseparável e necessário (como o ar que ele respira) óculos multiuso (TV, DVD, CD, luneta, microscópio, filmadora, internet, celular e, é claro, protetor dos raios solares). Esta mini tela, conectada via satélite a milhares de pontos de observação ao longo da rua, não detectando a aproximação de um veículo, já virtual, pela esquerda, pela direita ou pelo ar (sim, pelo ar, pois possivelmente os carros do futuro também poderão ser mini aeronaves) ascenderá um ponto verde, acompanhado de um curto bip, e o jovem, então, atravessará. Contudo, ainda restaria um pequeno problema que este miraculoso avanço não poderia prever. Existiria ainda, aqui e ali, algum veículo automotor à combustão que os colecionadores teriam guardado como relíquia. Estes rinocerontes não seriam detectados por estas moderníssimas câmeras de alta resolução. Com isso, o nosso jovem poderia ainda ser atropelado, do mesmo modo como acontece hoje. Como resolver essa falha no avanço eletrônico/virtual? Fácil: o nosso jovem não mais sairá do apartamento. Sairá apenas virtualmente. Ou seja, somente sua imagem será projetada na rua. Ele, de corpo e alma, viverá em frente a uma tela de computador, dirigindo-se lá fora nos afazeres do cotidiano. Sua imagem então descerá às ruas para comprar, pagar, estudar, arranjar namorada, tomar sol, sem correr o risco de ser atropelado pelos rinocerontes remanescentes, invisíveis às câmeras virtuais. Enquanto ele, ainda com ossos, músculos e fluidos de verdade, terá todo o tempo do mundo para desfrutar deste fantástico mundo de mentirinha. Pensem nisso! * Escritor


Valéria Vettorazzi valeria@jornalinformante.com.br

N

Guilherme Fernandes

Dupla Rodada esta sexta o Boteco do Chá promove a festa Dose Dupla a partir das 23h. O evento conta com o pagode do grupo Nova Virtude e o sertanejo da dupla Bruno & Renan. As cer-

vejas da casa tem dose dupla até a 1h. A entrada custa R$ 10,00 para elas e R$ 15,00 para eles até a 1h e, após este horário, R$ 15,00 a feminina e R$ 25,00 a masculina. Para reserva de mesas os interessados devem contatar pelo fone 3261-6128.

Diversão Garantida O bom rock and roll da banda Cartolas invade o The Cavern no sábado, dia 4. O grupo que já se apresentou duas vezes no Planeta Atlântida traz um estilo que vai do sério ao sarcástico para agitar o bar. Para brindar a noite, a cerveja Heineken long neck custará R$ 2,00 enquanto durar o estoque. Os ingressos ficam por R$ 10,00 do primeiro lote e R$ 20,00 do segundo e podem ser adquiridos na loja Autunno, na Akústica Musical e na DM Escola de Música.

Integrantes do Núcleo de Jovens Empreendedores Aline Fernandes, Adriel Somacal e André Bisol juntamente com os alunos da Miniempresa Tamila Araldi, Julio César Sosnoski e Bruna Scheimer da Silva na entrega dos valores adquiridos com o projeto, aos representantes da entidade Amafa, Elaine Zanella Bartelle, Ana Villela Esmeraldo e Bolivar Antônio Pasqual José Zignani

Jovens Empresários Na próxima terça acontece, no Salão Nobre da Prefeitura, a formatura dos alunos do projeto Miniempresa, aplicado nas escolas São Tiago e Estadual Farroupilha, pelo Núcleo de Jovens Empreendedores da CICS. O programa, neste primeiro semestre, envolveu cerca de 40 pessoas entre estudantes, advisers e colaboradores.

Feliz Aniversário No dia 22, Amanda Pasqual completou mais um ano de vida. No dia 25, Joice Michele Wammes, Bruno Bampi Schwantes e Bruna Trubian apagaram as velinhas. Na quinta, dia 26, Laura Ledur, Júnior Magero e Cíntia Idalêncio comemoraram a data. No mesmo dia, quem ficou mais velho foi o papai recente Pedro Depelegrin.

Recém-formada em Direito, Fernanda Silvestrin com seus pais, João e Natalina, no sábado, na colação de grau no Teatro do Sesi, em Porto Alegre Fotos: Valéria Vettorazzi

Formaturas No último sábado, João Vicente Trevisan, filho de Roberto Trevisan e Sílvia Mandelli Trevisan, comemorou sua formatura em Direito, pela Unisinos. A colação aconteceu na FIERGS, em Porto Alegre e, após, os convidados foram recepcionados no Clube do Comércio. A decoração em preto e branco ficou a cargo de Dirceu Dalla Riva, doces e organização por Denise Colombo, da D&C Cerimoniais. Também se graduou neste mesmo dia Fernanda Silvestrin, filha de João Fernando Silvestrin e Natalina Silvestrin, em Direito pela mesma universidade. Os convidados foram recepcionados no Restaurante Parque dos Pinheiros. A ambientação, inspirada no estilo Art Nouveau, reuniu as tonalidades azul turquesa e rosa antigo.

Ana Paula Willers, Renata De Marchi, Eliane Tarelli, Arlene Lazzari e Leti Rombaldi, integrantes da ONG dos Peludos, na festa organizada pela entidade, no domingo, no Boteco do Chá

Rafael Malenotti vocalista da que se apresentou no s


Arquivo Pessoal

banda Acústicos & Valvulados sábado, no The Cavern

Juka Fernandes

Invernada Mirim do CTG Rancho de Gaudérios, que participou do concurso Festimirim, que aconteceu em Santa Maria no último final de semana, onde alcançou a 8ª colocação

As amigas Rafaela Sartori e Aline Gregio curtiram o bom rock que embalou o República Beer, na sexta

Leticia Bortolotto Pedó e Juliana Messinger estiveram presentes na Noite das Sopas, no Boteco do Chá, na quinta


6 | Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Crônicas da Redação Ramon Cardoso

ramon@jornalinformante.com.br

O ataque de riso da Seleção: o (Incrível) Hulk e o Pato (Donald)

A esbelta maria chuteira Stephany Brito (à esquerda) acabou preterida pela possante polenteira Barbara Berlusconi: o amor é lindo, não?

Compromisso com a cidade

xxxxxxx Parágrafo Primeiro

O grito de Rousseau Livro autobiográfico “As Confissões”, do filósofo genebrino, foi publicado postumamente e contém diversos episódios de importância primordial para o desenvolvimento de seu pensamento, único à época Filipe Oliveira Especial para o Jornal Informante

A

os 16 anos, retornando de uma caminhada, Jean-Jacques Rousseau encontra fechadas as portas da cidade onde morava e escolhe a aventura. A partir daí trabalha nos mais diversos empregos e, lentamente, entra em contato com os pensadores do século XVIII, sua época, entre eles o já famoso Denis Diderot. Por incentivo deste, Rousseau participa do concurso da Academia de Dijon, que consistia em responder a seguinte questão: “O reestabelecimento das Ciências e das Artes contribuiu para a corrupção ou depuração dos costumes?”. Ao ler a pergunta, Rousseau diz que ficou tomado por uma euforia tal, que apenas deu conta de si mesmo, sentado embaixo de uma árvore, com o rosto e o corpo encharcados de lágrimas. Sua resposta a este problema, ímpar em uma época em que todos louvavam o rápido desenvolvimento das Ciências e das Artes, deu-lhe o primeiro lugar e reconhecimento instantâneo nos círculos intelectuais. Daí em diante, Rousseau seguiu tentando responder as mais diversas questões filosóficas de seu tempo, tanto por meio de ensaios como por meio da Literatura, sempre mantendo o princípio de que o homem é naturalmente bom e a sociedade o corrompe. Estes são alguns dos episódios narrados em “As Confissões”. A obra é autobiográfica, uma das primeiras de seu gênero focando na subjetividade do autor. Ela foi escrita com o objetivo de impedir a corrupção de sua memória para gerações posteriores. Em mínimos deta-

lhes, o filósofo descreve cenas, pensamentos e, principalmente, sentimentos que até então haviam sido contidos. O livro revela um Rousseau inquieto devido aos efeitos de seu pensamento na sociedade e perseguido pelo que chamava de complô por parte dos filósofos e de seus amigos. Entre agonias, paixões e suspiros reprimidos, o escritor passa por diversas fases da sua vida, desde pequenos roubos, quando criança, até amores proibidos, na maturidade. A impressão que fica, ao se ler os relatos, é de uma trajetória de sofrimento pontuada por pequenos relances de felicidade. A imagem que aparece, no fluir das confissões, é a de um homem muito diferente do que sua reputação sugeria. No livro, ele procura responder também a diversas críticas feitas por outro filósofo famoso da época, Voltaire, e explicar algumas de suas ações mais polêmicas. Um exemplo disso pode ser o contraste entre o fato de que, apesar dos protestos de sua mulher, entregou seus cinco filhos a um orfanato para, em seguida, escrever o livro “Emílio”. A obra, considerada a melhor pelo autor, aborda a Educação ideal para evitar a corrupção gerada pela vida em sociedade. Mesmo quem não conhece seus livros mais famosos, como “O Contrato Social” e “Discurso Sobre A Origem e os Fundamentos da Desigualdade entre os Homens”, pode ler “As Confissões” com a mente, ou melhor, com o coração aberto. O conjunto de relatos pode ser considerado também um romance, do ponto de vista literal. As palavras apresentadas

Imagem: Reprodução

Mano Menezes começou muito bem seu trabalho à frente da Seleção. Destroçou os Estados Unidos (não são grande coisa, mas sempre complicaram diante do Brasil) em Nova Jersey e deu aos torcedores da Seleção (um produto em extinção) esperanças de que o trabalho de renovação seria exitoso. Foi só a primeira impressão. Depois, o técnico convocou Lúcio, Júlio César, Ronaldinho Gaúcho, só faltou mesmo o trio Cafu, Roberto Carlos e Ronaldo. Se perdeu completamente. Por isso o Brasil fez uma Copa América ridícula. Por isso a Seleção, restando menos de dois anos para a Copa do Mundo, não tem um time. Por isso acho que só ganha a Olimpíada pela ruindade dos oponentes. Um ataque que tem Hulk e Pato pode até ganhar o ouro olímpico, mas não merece. Sério. Uma Seleção que tem Alex Sandro, Rômulo (quem?) e essa duplinha de ataque aí, tem mais é que perder. O Hulk foi artilheiro do Campeonato Português, que é um pouco melhor que a Segundona Gaúcha. O Chelsea, do endinheirado Roman Abramovitch, ofereceu R$ 110 milhões por ele. E o Porto não quer vender. É possível apontar quem é mais idiota na situação? A dupla Gre-Nal está dormindo. Se o Hulk tem essa valorização, o André Lima e o Jajá certamente valem uns R$ 60 milhões. Cada um, claro. Abramovitch certamente pagaria. Outro caso escandaloso é o de Alexandre Pato. O mais certo na história foi o Inter. Ele fez uns três golzinhos e venderam ele. Perfeito. Tinham conhecimento da sua pífia capacidade técnica. Pato confia tanto no seu futebol que chutou aquela atriz global bonitinha (como é mesmo o nome dela?) pra ficar com Barbara Berlusconi (um horror). Mas a jovem é filha de Silvio Berlusconi, ex-premier italiano e presidente do Milan, clube onde ele atua. Certamente não será despedido. O que o cara não faz pra se segurar em um emprego, hein? Como fechamos o Inside, nosso caderno de Cultura mais cedo, escrevi esse texto antes do duelo de estreia da Seleção nos Jogos de Londres. Hulk e Pato poderiam até jogar bem e fazer gol diante do Egito que não mudariam meu conceito. Volto a frisar, o Brasil só ganhará o ouro olímpico por demérito dos rivais, dificilmente por mérito próprio. Honestamente, é preferível perder do que vencer com um time ridículo desses. Imagina atletas desse nível ficarem marcados na história da Seleção. Tu estás lá, caro leitor, mostrando ao filho, ao neto, os atacantes que o Brasil teve. Romário, Bebeto, Rivaldo, Ronaldo e... Hulk e Pato. Não sei se o Incrível Hulk ou o Pato Donald já jogaram bola na vida. Mas aposto que são melhores que os homônimos menos famosos. Convocava os personagens antes que os atletas sem pensar duas vezes. Fotos: Divulgação

Inside

Ficha Técnica As Confissões

Autor: Jean-Jacques Rousseau Tradução: Wilson Lousada Gênero: Biografia Literatura Suíça Ano de publicação: 1782 Editora: Martin Claret Páginas: 624 Preço médio: R$ 20,00 ao longo das 624 páginas abordam todos os aspectos da vida do filósofo, a partir do seu ponto de vista, e foram publicadas apenas depois de sua morte. Apesar de ter escrito a obra para se justificar perante os homens, muitas informações precisas são contestadas pela crítica atual, o que não exclui a veracidade dos sentimentos do escritor. Além de todos estes aspectos, o livro de Rousseau é um grito no Iluminismo em direção ao futuro, tendo influência significativa na Era da Sensibilidade e na formação do movimento romântico. O grito vai além disto: pede pelo reconhecimento da bondade natural do homem e a nobreza de seu propósito, qualquer que seja ele.


Inside

Compromisso com a cidade

Sexta-feira, 27 de julho de 2012

Música

A parada é no Bangalô

Divulgação

Q

uem gosta do velho Rock and Roll e de música eletrônica tem mais uma opção neste sábado. O Estação Bangalô, em Bento Gonçalves, promove mais uma edição da festa Atlântida na Pista. Com banda, comunicadores da Rádio, DJs e VJ, a festa promete agradar todos os gostos. O palco do pub conta com as presenças de Marcelo Menezes e Maurício Pretto, da Atlântida, que agitam a noite acompanhados dos DJs Luiz Metz e M. Carbonera. O telão e as imagens ficam por conta do VJ Andrei Peruzzo, que promete ilustrar o bar com o tema da festa. E para quem curte música das décadas de 70, 80 e 90, a banda Alaude, de Garibaldi, também toca. Com Igor Masutti na bateria, Marlon Gasperin no vocal, Kleber Ben no baixo e Josiel Mikowaiski na guitarra, o quarteto

Músicas dos anos 70, 80 e 90 embalam a noite com a banda Alaude

conta que, inspirados em artistas como Bon Jovi, eles seguem a linha de um Rock mais antigo. “A ideia é fazer o melhor som para o bar. Levar o nosso estilo

de Rock”, comenta o baterista. Eles já tocaram em Farroupilha e esperam retornar. “Já tocamos no República Beer e, com certeza, gostaríamos de voltar”, destaca.

Serviço

O que: Atlântida na Pista Quando: neste sábado, a partir das 23h Onde: Estação Bangalô (Herny Hugo Dreher, 92, em Bento Gonçalves) Quanto: até as 21h, a entrada é liberada. Das 21h às 23h, o ingresso feminino custa R$ 15,00 e o masculino R$ 25,00, em consumação. Após, o valor é o mesmo, porém, sem consumação.

Horóscopo Áries - 21/03 a 20/04

Fase lunar crescente é um estimulo a crescer no que lhe é importante interiormente. O ciclo atual remete a energias afetivas, familiares, emocionais e ao desapego. Poder de regenerar situações, a fim de se conectar com suas bases e alicerces internos.

Touro - 21/04 a 20/05

Momento de fazer crescer as relações em que se sente totalmente envolvido. Pode haver aprofundamento, transformações e curas importantes nas relações. A Lua cresce em Escorpião, simbolizando a magia da entrega ao maior, ao mistério, ao renascimento.

Gêmeos - 21/05 a 20/06

Momento de Lua crescente, que favorece a percepção de seus talentos e valores. Importância das questões materiais e profissionais. Da reciclagem, de recuperar algo precioso. O ciclo atual remete à percepção do que toca o coração geminiano e que tem valor emocional.

Câncer - 21/06 a 20/07

A lunação canceriana chega ao momento da fase crescente, que estimula mudanças emocionais. Percepção da riqueza criativa e de sentimentos que o atual período evoca. Cresce a conscientização de que está vivendo um novo ciclo. Quer estar sintonizado com as emoções.

Leão - 21/07 a 20/08

O Sol em seu signo e a Lua em Escorpião caracterizam a fase lunar crescente, leonino. Momento com importantes reflexos em família e nas emoções. Um ciclo está findando. Percepção de suas emoções e necessidades mais profundas e de como estão ocorrendo transformações.

Vírgem - 21/08 a 20/09

A Lua crescente promove a expansão das energias que vêm se desenvolvendo. Importância do que está ocorrendo com amigos, projetos para o futuro e realizações conjuntas. A Lua em Escorpião favorece uma percepção transformadora e curadora das situações.

Líbra - 21/09 a 20/10

Ciclo de importantes reflexos sobre a carreira, família, emoções e finanças, libriano. Momento interessante para usar seus talentos e dons de uma nova maneira, transformadora. União de recursos pode auxiliá-lo a se sintonizar com novos propósitos de vida.

Escorpião - 21/10 a 20/11

Em seu signo a Lua está na fase crescente, exaltando um momento de expansão. Importância da sintonia com seus ideais, sonhos, com o que lhe nutre emocional e espiritualmente. Momento que pode ser de progresso, se você se deixar inspirar pelo que lhe nutre.

Sagitário - 21/11 a 20/12

A fase atual é de finalizações, de mudanças emocionais e familiares importantes. Percepção da necessidade de se desapegar e de acabar com velhos padrões emocionais. Um momento desafiador, mas que contém a chave de um renascimento pessoal, sagitariano.

Capricórnio - 21/12 a 20/01

O ciclo atual diz respeito aos vínculos emocionais cultivados nos relacionamentos. Perceba como as relações familiares tem a chave de todos os relacionamentos em sua vida. A Lua em Escorpião ativa poderosas emoções e percepções. Renascimento, capricorniano.

Aquário - 21/01 a 20/02

A Lua crescente reitera o compromisso de evolução emocional nos aquarianos. Momento importante para perceber como você tem lidado com os sentimentos. Reflexos da Lua crescente ocorrem no trabalho, no que você considera fator de realização e de sucesso.

Peixes - 21/02 a 20/03

A lunação atual chega ao momento da Lua crescente, estimulando o crescimento emocional. Momento muito importante para as questões afetivas e familiares, nativo de Peixes. Percepção intuitiva aflorada. Percepção do que lhe nutre em termos espirituais e emocionais.

|7

Lauro Edson Da Cás ldacas@hotmail.com

Acompanhando Os Jogos Olímpicos já iniciaram, mas a abertura oficial, propriamente dita, é nesta sexta. Estaremos (ou já estamos) acompanhando os jogos, as decisões, o esforço e a superação de cada atleta/equipe que está em Londres representando seu País. O envolvimento e a amplitude mundial deste evento que se prolifera pelas redes de comunicação é algo olímpico, também, pois não faltam equipes, tecnologia e equipamentos para que o mundo todo possa, assim, ir acompanhando as Olimpíadas. Esta Olimpíada 2012 está sendo realizada em Londres. A próxima será aqui no Brasil, mais especificamente, no Rio de Janeiro (a cidade será a sede olímpica, ou ainda, a primeira cidade sul-americana que irá ser sede de uma Olimpíada, bem como, os jogos Paraolímpicos). Teremos, na sequência da Londres 2012, a Olimpíada Rio 2016. Que esta escolha (e por ter deixado para trás cidades como Madri, Chicago e Tóquio), possa nos orgulhar. Possamos, ainda mais, nos orgulhar deste nosso País. Possível? Eis o desafio, seja dentro das quadras e das competições, seja nas ações de todo o Comitê Organizador deste novo evento a ser realizado no Brasil. Só para recordar, o Brasil terá a Copa do Mundo em 2014 que será em seu solo amado e gentil. Já em 2016, teremos outro grande evento do esporte mundial, ou seja, os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos. Tudo bem. De fato, é um período que nos deixa esperançosos e, claro, angustiados, também. Em nível estrutural, sabemos que existem muitas coisas a serem buscadas, construídas e organizadas. Muito dos serviços essenciais e básicos para nós, os brasileiros de ontem, de hoje e do amanhã, estão precários, desestruturados e, porque não dizer, ultrapassados. Imaginem, por exemplo, o caos das nossas estradas, das rodovias, etc. Entretanto, se não fossem estes eventos mundiais que sediaremos, teríamos a vontade ou alguma iniciativa maior (pública e privada) para o desenvolvimento do País, da região e das diversas cidades? Fico a me perguntar. Enquanto não somos desafiados, parece que não é preciso avançar (isso é para ser analisado em nível público, em nível particular, em nível pessoal e em nível profissional, também). Até se faz, mas não como devia ser feito. Até se sabe que há muita coisa a ser feita e que já devia ser realizada, porém, em épocas que não se têm grandes eventos ou motivações maiores, se deixa, ou pelo menos, vai se ignorando fatos, problemas, situações, pessoas, moradores. Vamos acompanhando as Olimpíadas em Londres. Por outro lado, não deixamos de acompanhar os eventos, planejamentos e propósitos que nos cercam e que nos envolvem diariamente. Que possamos nos orgulhar do desempenho e das vitórias de nossos atletas. Todavia, possamos comemorar e nos alegrar com os avanços e progressos que podem e devem (ou já deveriam!?) ser realizados na nossa cidade, pelos bairros e por onde transitamos. Que a alegria de vitória dos atletas olímpicos, independente do País que estão representando, possa nos motivar para vencermos a inércia e a falta de motivação para fazermos o que se precisa. Que os exemplos dos Jogos Olímpicos londrinos nos inspirem. * Mestre em Letras, Cultura e Regionalidade


Sétima Arte

Ficha Técnica Título original: Hugo Título traduzido: A Invenção de Hugo Cabret

Direção: Marin Scorsese Roteiro: John Logan Gênero: Aventura Duração: 126 minutos País: Estados Unidos, França e Inglaterra Ano de produção: 2011 Estúdio: GK Films e Infinitum Nihil Distribuição: Paramount Nota: 7

A Invenção de Hugo Cabret

Scorsese reverencia Méliès Em “A Invenção de Hugo Cabret”, cineasta americano presta uma honesta e oportuna homenagem às raízes da Sétima Arte e, por tabela, ao universo infantil oi a partir de um pedido de sua esposa Helen que Martin Scorsese fez sua investida mais ousada no Cinema. Ela solicitou que fizesse um filme para sua filha Francesca, 11 anos, para que ela pudesse admirar o trabalho do pai antes de completar a maioridade e assistir aos clássicos que o guindaram à condição de um dos maiores cineastas de todos os tempos. Claro, estamos falando da época áurea do diretor. Período da produção de obras do nível de “Taxi Driver”, “Touro Indomável”, “Os Bons Companheiros” e “Cabo do Medo”, quando tinha Robert De Niro como ator predileto, e não de porcarias como “Gangues de Nova Iorque”, “O Aviador”, “Os Infiltrados” e “Ilha do Medo” que, além de serem filmes de pífia qualidade e com foco estritamente comercial, para piorar ainda tinham Leonardo Di Caprio como protagonista. Adaptado a partir do romance homônimo de Brian Selznick,

Scorsese apostou alto em “A Invenção de Hugo Cabret”. Realizar uma fábula de época, em 3D e extremamente trabalhada, com uma riqueza absurda de detalhes, certamente foi um grande desafio para o diretor. Ele o superou com sobras. A relação da história infantil com a origem do Cinema é um primor e uma sincera e genial homenagem aos irmãos August e Louis Lumière e, especialmente, a George Méliès, os pais da Sétima Arte. A história acontece em 1931. Quando o jovem Hugo Cabret (Asa Butterfield) perde seu pai (Jude Law) em um incêndio, ele passa a conviver com seu tio, o alcoólatra Claude (Ray Winstone), que cuida dos relógios da Estação de Trem de Paris. Hugo herdou do pai, um hábil engenheiro, a criatividade e a curiosidade para invenções. Em pouco tempo, ele passou a desempenhar o ofício do tio, que invariavelmente sumia do local. Realizava a tarefa a fim de

Homenagem na Música

evitar ser enviado para um orfanato pelas mãos do atrapalhado e intransigente inspetor Gustave (Sacha Baron Cohen), responsável por manter a ordem na estação parisiense. Se os relógios parassem de funcionar, ele certamente seria descoberto. Entre um e outro pequeno furto para sobreviver, Hugo acaba mantendo contato com Papa Georges (Ben Kingsley), com quem não mantém uma boa relação. O pequeno comerciante de uma loja de brinquedos na estação, no entanto, parece ser a chave para o jovem descobrir o sentido de uma herança deixada por seu pai, um autômato. Com o auxílio de Isabelle (Chlöe Grace Moretz), afilhada de Georges, Hugo não sossegará até desvendar o mistério, que incursiona por clássicos da Literatura e Cinema, a base onde os sonhos são feitos. Confira trailer no site www.jornalinformante.com.br

Em 1996, a banda americana Smashing Pumpkins fez o clipe de “Tonight, Tonight”, faixa do aclamado “Mellon Collie and the Infinite Sadness”, lançado no ano anterior e que se tornou o álbum duplo mais vendido da década. Ele prestou uma homenagem ao filme “Viagem à Lua”, de Méliès, realizado em 1902. Entre dezenas de prêmios, Tonight, Tonight venceu o Video Music Awards, a mais prestigiada honraria conferida a um videoclipe pela MTV Americana. No mesmo álbum, a melódica Thirty-Three também faz, em escala menor, homenagem a Méliès e ao Expressionismo Alemão, uma das mais tradicionais escolas do Cinema e que também recebe menções na trama de Scorsese. Confira clipes no site www.jornalinformante.com.br.

Divulgação

F

Hugo Cabret (Asa Butterfield) e Papa Georges (Ben Kingsley): pequenas desavenças minoradas por conta de habilidades e interesses em comum

Globo de Ouro

Indicações Filme em Drama Prêmios Diretor (Martin Scorsese) Trilha Sonora Original

Oscar

Prêmios Efeitos Visuais Fotografia Direção de Arte Edição de Som Mixagem de Som

Indicações Filme Diretor (Martin Scorsese) Roteiro Adaptado (John Logan) Trilha Sonora Original Figurino Montagem

Desde os Irmãos Lumière

Para quem admira Cinema é comovente a passagem em que George Méliès assiste a exibição de “A Chegada de um Trem na Estação”, dos irmãos August e Louis Lumière, em 1895, que haviam inventado o cinematógrafo. Apesar dos reiterados pedidos, os Lumière não quiseram vender a câmera, pois achavam que o entretenimento seria apenas passageiro. A exibição durou menos de um minuto, mas fascinou de tal forma Méliès que ele abandonou a carreira de mágico e ilusionista para se dedicar à Sétima Arte. Méliès produziu sua própria câmera e criou seu estúdio particular. Foi o precursor de efeitos especiais e das técnicas de trucagem no Cinema. Dirigiu, roteirizou e atuou em mais de 500 filmes.


Veículos RANGER XLT 4X2 C. DUPLA 2001 BRANCA .........37.500,00 GM ZAFIRA CD 2004 BRANCA ..............................31.500,00 FORD FIESTA SEDAN 1.6 FLEX 2005 PRATA ...... 24.500,00 SUZUKI GRAN VITARA 2.0 W 4X4 2000 AZUL .....23.500,00 BLAZER DLX 4.3 C/ GNV 1997 BRANCA ................20.500,00 CLIO RN 1.0 COMPLETO 2003 PRATA ...................18.000,00 GM CELTA 5 POTAS VHC 2003 VERMELHA .........16.500,00 GM KADETT GL MPFI 1998 VERMELHA ...............13.500,00

Taxas de juros a parTir de 0,89%. Na compra de um carro usado, TaNque cheio, TraNsferêNcia e ipVa pago. NISSAN FRONTIER SEL 4X4 2008 PRETO................ 88.000,00 CITROEN C4 VERMELHO 2011 ................................ 55.000,00 MEGANE 2.0 COMPLETO 2009 PRETO ................... 43.000,00 COROLLA XEI AUTOMATICO VERDE 2000 ................ 22.000.00 FIORINO FURGÃO 2004 BRANCA .............................. 19.000,00 DUCATO FURGÃO BRANCA 2006 DIESEL ................. 54.800,00 UNO WAY 2P 2010 BRANCO ...................................... 22.500,00 IDEA ADVENTURE COMPLETA 2008 VERDE ............ 38.800,00

VOLKSWAGEN GOL GIII 1.0 16V 2000 PRATA .....12.000,00

STILO SPORTING COMPLETO 2007 VERMELHO ...... 39.000,00

FIAT PALIO ED 1998 VERMELHA .......................... 11.800,00

FOCUS GHIA CHAMPAGNE 2001 .............................. 23.500,00

VOLKSWAGEN GOLF GL 1.8 1997 VERDE .......... 11.500,00 GM KADETT GSI MPFI 1995 VERMELHA ............. 11.500,00 FIAT UNO MILLE SX 1997 PRETA ......................... 11.000,00 GM KADETT GSI MPFI 1994 VERMELHA .............10.600,00 SANTANA SPORT S/TROCA 1993 BRANCA ..........10.000,00 FORD ESCORT 2.0I XR3 1993 PRATA ....................9.800,00 GM CHEVETTE TUBARÃO 1976 AZUL ................. 8.200,00 GM KADETT GL 1994 VERMELHA ......................... 8.000,00 VOLKSWAGEN QUANTUM GL 1990 AZUL ............ 6.900,00 GM CHEVETTE “TUBARÃO” 1976 AZUL ................ 5.300,00

FIESTA GL 2000 PRATA .............................................. 16.000,00 FIESTA SEDAN 2005 PRATA ....................................... 23.500,00 FORD KA COM DIREÇÃO 2009 BORDÔ .................... 10.800,00 RANGER XLT LIMIT 2006 PRATA ............................... 59.800,00 VECTRA CD 1997 PRATA ............................................ 19.500,00 MERIVA MAX 2005 COMPLETA VERDE ..................... 32.800,00 PRISMA JOY 1.4 2007 COMPLETO -VIDRO ............... 24.800,00 CHEROKEE LIMITED 5.8 4X4 1997 BORDO ............ 25.300,00 FOX 1.0 2P 04 COMP. -VIDRO FLEX DOURADO ........ 23.800,00 BORA 2.0 C/TETO 2009 PRETO ............................... 42.500,00 BORA 2.0 AUTOMATIC C/TETO 2008 BORDO .......... 40.000,00 VOYAGE GLS 1.8 1988 VERDE ................................. 10.800,00 GOL GL 1.6 1996 BRANCO ....................................... 12.900,00 GOL 1995 1.6 AZUL ................................................... 11.500,00 GOL 2003 1.0 8V 4P BRANCO .................................. 18.800,00

GM MONZA SL/E 1984 VERMELHA ........................ 3.700,00

GOLF 1.6 GASOLINA 2001 DOURADO ...................... 25.000,00

Motos

SPACE FOX COMPLETA FLEX 2009 PRATA ............... 35.000,00

HONDA CBX 250 TWISTER 2008 CINZA ................ 7.500,00

HONDA CBR 600 S 1999 PRETA............................... 24.900,00 PEUGEOT 307 2007 PRATA .................................... 33.000,00 TRITON AUTOMATICA 2009 PRETA ........................... 93.000,00 SW4 SRV 3.0 PRATA 2010 ....................................... 149.800,00

Blazer DLX compl. + GNV preta S10 2.2 branca + dir GNV cabine simples Corsa Hatch 1.4 2P branco Corsa Hatch 1.0 completo -Ar branco Corsa Hatch 2P 1.0 prata Corsa Sedan 1.0 Modelo novo c/Dir prata Corsa 1.4 maxx com direção prata Pick-up Corsa 1.6 branca Ducato Furgão branco Fiorino Furgão branca Fiorino Pick Up 1.5 branca Escort SW completo prata C3 GLX 1.4 completo preto RAV 4 completa altomatica prata Civic LX completo prata/preto Ecosport completa 1.6 branca Gol G3 1.6 MI confortline completo -AR cinza Gol 1.0 4P bordô bolinha Gol G3 power 1.6 4p prata Gol G3 1.0 4p vermelho Gol G3 1.0 4p prata Gol G4 1.0 4P c/Dir prata Gol G5 1.0 4P completo menos ar vermelhor Kombi passageiro teto alto branca Fox 1.0 4p c/Dir branco Honda Civic SI completo vermelho Fiesta Hatch 1.0 completo vermelho/prata Focus hatch completo verde água F1000 pick-up preta Parati Cl 1.8 branco Parati 1.6 G4 completa -AR branca Santana 1.8 completo azul Palio Weekend 1.5 completa -AR Bordô Palio fire 1.0 4P c/ ar cinza Palio Fire 1.0 4p c/direção branco Palio Weekend Adventure completa prata Palio Weekend 1.5 Vermelha Palio Weekend 1.3 ELX completa prata Palio 1.6 2p completo -AR Kadett GL completo -AR cinza Kangoo passageiro prata Gran Besta GS azul Motor novo 16 lug 00 Montana 1.4 c/ Dir branca 10 Ka GL 1.0 motor rocam prata 06 Vectra GL compLeto - ar branco 98 corsa sedan 1.0 00 Vectra GL branco 98 Uno ex 1.0 4p cinza GoL 1.0 doUrado 95 LoGUs GLi Verde 95

98 96 96 05 94 04 08 01 01 03 94 97/98 11 05 99 05 00 99 03 00 04 06 10 00 05 08 03/08 01 91 95 07 00 97 04 03 06 97 03 96 95/96 04 R$ 35.000 R$ 26.500 R$ 16.000 r$ 14.900 r$ 14.500 r$ 14.000 r$ 10.500 r$ 8.500 r$ 8.500


Venha conhecer uma proposta inovadora de negócios que permite grande possibilidade de ganhos e crescimento. Interessados ligar para (54) 9972-1315. Tratar com Elisete. Vendo mercadorias para um bar, 2 cervejeiras, uma fritadeira elétrica, cadeiras, mesas e outros utensílios. Interessados ligar para (54) 9948-2626. Faça a arte de seu Folder, Cartão de Visita, Cartaz, Banner, Encarte, Adesivo, Rótulo, Pasta, Outdoor, catálogos e muitos outros. Contatos E-mail: bruninho.gas@ hotmail.com ou Fone: (54) 99245559. Assine o Jornal que tem comprometimento com sua comunidade! No Jornal Informante você encontra todas as notícias de Farroupilha com um forma de leitura suave e atraente. Ligue (54) 3401-3200 e assine. Receba em sua casa ou empresa.


Vendo área de terra de 8.2 hectares, em Linha Jacinto, com casa, sendo 2 hectares de parreira Moscato comum, 2.5 hectares de pêssego, 0.5 hectares de caqui, com açude. Valor R$ 310.000,00. Fone: (54) 9135-1622 Vende-se Máquina de costura de coluna para calçados da marca PFAFF. Valor a combinar. Fone (54) 9906.0060 ou (54) 9684.6995. Contrata-se atendente de loja, sexo masculino, preferencialmente com vivência na área agrícola. Interessados enviar curriculum para: resilves@terra.com.br ou Rua Coronel Pena de Moraes, 118 centro Farroupilha-RS. Vendo 7 Box de estacionamento do Central Park. Interressados tratar Fone (55) 3433-9763 ou (55) 9973.4161.


Vende-se Mercedes Benz 914, ano 2003, amarelo/vendo hillux 2008, diesel, prata. Interessados ligar. Fone (54) 3260.5095 ou (54) 9602-0269. Procuro casa de 2 dormitórios para alugar direto com o proprietário. Pago até R$ 550,00. Fone (54) 8401-2091 ou (54) 9698-3442. Vende-se uno 1.0, 2008, IPVA 2012 pago, Valor R$ 18,000.00. Interessados. Fone (54) 9908-5104. Vendo casa de alvenaria, 230m², a 100m do posto modelo, recebo apartamento de menor valor no negócio. Fone (54) 9949-3234. Vende-se terreno ao lado do bairro América, na Cooperativa Esperança, com abertura de rua em andamento Valor R$ 35,000.00. Fone (54) 3268.9045.


Vende-se caminhão cargo 815, 2004, com bau, aceito troca de menor valor. Fone (54) 9994-1633 ou (54) 8149-5984. Vende-se Loja com clientela formada, tratar Fone (54) 3401.0070. Seg. a sex, após as 19h30min. Vende-se um excelente pavilhão no bairro São Luiz com 250m² construido e terreno de 442m², já esta pronto para subir mais um andar, vale apena conferir. Interessados Ligar Fone (54) 9916-5672. Precisa-se de manicure, salão de beleza no centro. Interessados ligar (54) 9115-5292. BARBADA sem troca Voyage 2009, 1.0, 26 mil km, Roda de liga, DH. Interessados ligar Fone (54) 9189-2404.


Compro carros novos ou usados, financiados ou n達o. Interessados ligar para (54) 9974-0749. Vendo Saveiro, ano 2010 GS, C/S, na cor preta. No valor de R$ 32.500,00, estudo troca. Interessados ligar para (54) 9955-2711. Vendo Gol 1.0, ano 2007, 8V, com ar quente, na cor branca. No valor de R$: 16.500,00, estudo troca. Interessados ligar para (54) 9955-2711.


Vendo Santana Exclusive, ano 97, na cor verde, completa e em ótimo estado. No valor de R$ 15.500,00, estudo troca. Interessados ligar para (54) 9955-2711. Vende-se Palio 1.8R com vidros elétricos, interface, rodas de liga leve, ar condicionado, porta copos, computador de bordo, ar quente, limpador traseiro, desembaçador traseiro, ano 2007, IPVA 2012 pago. Interessados. Fone (54) 9194.9192 Vende-se Saveiro 1.6, ano 95. Com vidro elétrico e trava elétrica. Na cor chumbo. Interessados entrar em contato pelo Fone (54) 9100.2866


Vendo caminhão Ford, cargo 1521, ano 2003, acompanha baú de 9 metros, com chapa de ferro no assoalho, climatizador, com marcha reduzida e direção hidráulica. IPVA 2012 PAGO. Interessados entrar em contato pelo fone (54) 3268-1062 ou (54) 9951-3583. Silverado GNV 1998. Gasta a metade da Pickup Diesel em reais, faz 12km\m³ tem AQ, Rodas Liga, MP3, DH, Vidros Verdes. Inteiríssima. Recebo troca, Parcelo parte. Placa IHD 5427. Interessados ligar Fone (54) 9114-8224. BARBADA, vendo ranger XLT 4.2, cabine dupla, 2001, branca valor R$ 38.000,00. Interessados ligar Fone (54) 3261.3307. Imperdível, vendo Fiesta GL 2000 prata. Valor R$ 16,000.00 Interessados ligar (54) 3268.6504.

MITSUBISHI TRITON V6 FLEX 2010 PRETA ........79.000,00 HONDA CBR 450 1992 AZUL ....................................... 9.800,00 YAMAHA VIRAGO XV 250 2000 PRATA ........................ 9.500,00 HONDA TWISTER CBX 250 2008 AMARELA ............... 8.000,00 HONDA CBX 250 TWISTER 2005 PRATA ..................... 6.800,00 HONDA CBX 250 TWISTER 2003 VERMELHA ............. 5.900,00 HONDA TORNADO/XR 250 2002 AZUL ........................ 5.500,00 HONDA CG 150 TITAN ES 2008 CINZA ......................... 4.900,00 HONDA CG 150 TITAN 2008 PRETA .............................. 4.800,00 HONDA CG TITAN 150 ES 2008 VERMELHA ................ 4.800,00 KASINSKI CRUISE 125 2003 PRETA ............................ 4.500,00 YAMAHA XTZ 125 E 2005 BRANCA .............................. 4.500,00 YAMAHA YBR 125 2008 PRETA .................................... 4.300,00 HONDA BIZ 125 ES 2008 PRETA .................................. 4.200,00 YAMAHA YBR 125K 2007 VERMELHA ......................... 4.000,00 YAMAHA NEO 115 2008 AMARELA .............................. 3.900,00 SUNDOWN SUNDOWM STX 200 2008 PRETA ............. 3.800,00 YAMAHA YBR 125 2006 VERDE ................................... 3.800,00 YAMAHA YBR 125 K 2006 VERMELHA ........................ 3.700,00 HONDA CG 125 FAN 2007 PRETA ................................. 3.500,00 YAMAHA YAMAHA YBR 125K 2004 PRATA ................. 3.500,00 YAMAHA YBR 125 E 2005 VERMELHA ........................ 3.500,00 YAMAHA YBR 125 ED 2003 VERMELHA ..................... 3.500,00 YAMAHA YBR 125 ED 2004 PRETA ............................. 3.500,00 YBR/125 E 2004 ROXA ................................................. 3.200,00 SUNDOWN WEB 100 2007 PRATA ............................... 2.900,00 SUNDOWN SUNDOWN MAX 125 SE 2007 PRATA ...... 2.800,00 YAMAHA YBR 125E 2001 VERMELHA ........................ 2.800,00 YAMAHA YBR 125E 2003 BEGE .................................. 2.800,00 HONDA XL 250 1985 PRETA ........................................ 2.700,00 HONDA CBX 150 AERO 1992 VERMELHA .................. 2.200,00 SUNDOWN/HUNTER 125E 2007 VERMELHA .............. 2.200,00 YAMAHA YBR 125K 2002 PRETA ................................ 1.200,00

RENAULT MASTER 2007 BRANCA ........................78.000,00 SAVEIRO S SURF RODAS 17 LEG 2008 PRATA ....34.900,00 GM D-10 DIESEL RARIDADE 1982 BEGE ............28.000,00 GOLF SPORT 1.6 2003 PRATA ................................27.900,00 BORA 2.0 IMPECAVEL 2001 PRETO .....................23.900,00 GOL 1.0 TREND G4 RODAS 15 2008 PRETO .......22.900,00 PALIO CELEB FIRE FLEX COMPL 2008 .................20.900,00 CELTA 4P SUPER IMPECAVEL 2005 BRANCA ......18.500,00 FORD CORCEL 4 P 1969 VERDE ..........................18.000,00 GOLF GTI RODAS 15 1995 VERMELHO ................16.900,00 GM CORSA 4P+I HIDRAULICO 2001 PRATA ........15.900,00 GOL GIII 1.0 8V 4 PORTAS 2001 PRATA ................15.900,00 SAVEIRO CLI 1.6 MI 1997 BRANCA .......................14.500,00 PALIO 1.6 16V 1997 VERMELHO ............................13.900,00 FIAT PALIO WEEKWND 1.5 8V 1998 CINZA ..........13.900,00 GM KADETT IPANEMA GL 1996 BORDO .............. 11.900,00 VOYAGE SPORT ORBITAL 1993 PRATA ................. 11.900,00 VOLKSWAGEN GOL CLI 1.8 1996 VERDE ............10.900,00 VOLKSWAGEN GOL GTS 1.8 1993 PRATA ...........10.900,00 SANTANA GLSI 2000 1993 AZUL MET ....................10.900,00 GM VECTRA CD 2.0 1994 BRANCO ........................9.900,00 GM KADETT GL 1.8 1995 BORDO ...........................9.800,00 FIAT GOL GL 1.8 1992 BEGE ...................................9.500,00 VOLKSWAGEN GOL CL 1.8 AP 1994 BRANCO ......8.500,00 VOLKSWAGEN GOL GL 1.8 1992 AZUL ..................8.500,00 FUSCA 1300 RARIDADE 1979 AZUL ....................... 7.900,00 KOMBI 9 LUGARES 1987 BRANCA .......................... 7.900,00 HONDA CBX 250 TWISTER 2008 AMARELO ......... 7.500,00 VOLKSWAGEN GOL GL 1.6 GNV 1987 PRATA ...... 7.500,00 FIAT VOYAGE CL 1988 VERDE .............................. 6.900,00 CHEVETTE SL RODAS LIGA 14 1989 MARRON .... 5.900,00 GM MONZA SL/E 1988 VERMELHO ....................... 5.900,00 GM MONZA SL/E 4 PORTAS 1988 VERMELHA ..... 4.900,00 FORD ESCORT GL 1.6 1989 CINZA ....................... 3.900,00 TRCICLO BIZ C-100 C/PARTIDA 2002 PRETA ........ 3.500,00 GAIOLA MOTOR DE FUSCA 1500 2000 .................. 2.500,00 SUSPENÇÃO A AR PARA GOLF 2013 .................... 1.500,00 RODAS 15 ORIGINAL DA BMW 328I 1996 ............. 1.300,00 FORD/CARGO 1722 2008 PRATA .......................... Aconsultar

MITSUBISHI PAJERO TR4 2005 VERMELHO ......35.000,00 FORD FOCUS 1.6 FLEX 2008 PRATA ...................29.800,00 PEUGEOT 207 HB XR 2010 BRANCA ...................29.000,00 MITSUBISHI PAJERO GLS V6 1999 BRANCA ......29.000,00 FIAT PALIO ELX FLEX 2008 PRETA ......................26.000,00 FIAT SIENA 1.0 ELX FLEX 2006 PRATA ................21.800,00 VOLKSWAGEN SAVEIRO 1.8 2001 PRATA ...........19.800,00 FORD MONDEO GUIA V 6 1999 AZUL ..................19.500,00 GM CELTA SPIRIT 2005 PRATA .............................18.000,00 HONDA CRF 450 X 2007 VERMELHA ...................18.000,00 FORD FIESTA 2003 PRATA ....................................18.000,00 FIAT UNO MILLE ECONOMY 2009 BRANCA ........18.000,00 VOLKSWAGEN GOLF GLX 2.0 MI 1997 PRETA ....15.900,00 GM CORSA SUPER 1999 BRANCA .......................15.000,00 FORD FIESTA STREET 2005 BRANCA ................ 15.000,00 FIAT FIORINO IE 2001 BRANCA ........................... 14.800,00 FORD KA GL 2003 BRANCA ................................. 14.500,00 GM VECTRA GLS 1996 BRANCA ......................... 12.500,00 VOLKSWAGEN SANTANA GLS 1992 PRATA ....... 11.500,00 HONDA 150 TITAN KS 2008 CINZA ........................ 3.500,00 NISSAN FRONTIER LE 174CV 2007 PRETA ....... Aconsultar MITSUBISHI TRITON 3.2 D AUT. 2010 BRANCA . Aconsultar


Compro terreno de cooperativa, mesmo que esteja em atraso. Interessados ligar para (54) 9925-2068. VENDE-SE terrenos escriturados, entrada de 20 a 30% e saldo até 140 vezes através de consórcio. Interessados ligar para (54) 9135-1622. Alugo sala comercial de aproximadamente 250m², 2º piso. Valor R$ 1.500,00. Localizada no endereço: Giacomo Broilo, nº 54. Interessados ligar para (54) 9948-2626. MUDANÇA PARA NORDESTE, enviar meia mudança para Aracaju. Interessados ligar para Fone (54) 9114-8224.


Vendo apartamento no bairro Imigrante com piso laminado nos dormitórios, área social, sacada fechada integrada, porcelanato nos pisos e paredes da cozinha, WC e lavanderia. Interessados ligar (54) 3261-2553 com os corretores da Serrana Imobiliária. Vendo Excelente terreno em Canto de Praia, Itapema, Santa Catarina, com maravilhoa vista, com 376,58 mt² e viabilidade para contrução de mais 2 pavimentos. Aceita-se terreno em Farroupilha como parte do pagamento. R$ 250.000,00. Interessados ligar (54) 9978-7647. Você quer vender ou alugar seu terreno, casa ou apartamento? Ligue para o mais completo classificados da cidade: (54) 3401-3200 e anuncie nas linhas do NOVO CLASSIFICADOS do Jornal Informante e tenha retorno garantido.


www.jornalinformante.com.br

JORNAL

INFORMANTE

Agricultor & Motorista

COMPROMISSO COM A CIDADE

Parte integrante da Edição 233 do Jornal Informante. Não pode ser vendido separadamente 27 de julho de 2012

Quem produz e transporta Dia do Motorista, celebrado na quarta, e do Agricultor, neste sábado, reforçam a importância das duas classes profissionais no desenvolvimento do País


A

Sindicato com nova direção

última semana foi de votação para os associados ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) de Farroupilha. Depois dos três anos de administração de Eduardo Piaia, foi realizada a escolha dos novos nomes que vão compor a frente do Sindicato a partir de fevereiro do próximo ano. Josecarla Signor, que concorria com chapa única, foi eleita para a presidência da Associação. Para validar o processo eleitoral, era necessário que mais de 50% dos farroupilhenses associados votassem a favor da candidatura. Atualmente o STR conta com aproximadamente 1,9 mil pessoas cadastradas, mas apenas 1,1 mil contribuintes, por motivo da isenção da taxa para quem já atingiu 70 anos. Para facilitar o voto e não haver riscos da quantidade de pessoas não ser atingida, além da urna na sede do Sindicato, no Centro da cidade, outras

foram disponibilizadas em 38 comunidades. O que evitou o grande deslocamento e foi determinante para que o número esperado fosse atingido. “Estou feliz com o resultado, e como já faço parte da organização sei como ocorrem os processos de mudança. Pretendo dar continuidade ao bom trabalho que vem sendo realizado”, adianta a nova presidente. Com o foco da informação no campo, Josecarla aposta em maior alcance de telefonia e internet, assim como melhorias na infraestrutura das estradas de acesso e maior tecnologia na produção. “São medidas para evitar o êxodo rural. Está cada vez mais difícil manter os jovens no interior. Precisamos de atrativos para que o trabalho agrícola tenha continuidade”, destaca. Ela enfatiza que quer realizar um trabalho coletivo, formando líderes nas comunidades que possam auxiliar a equipe nos próximos três anos.

Divulgação

A partir de fevereiro de 2013, Josecarla (segunda da direita para a esquerda) assume o comando do STR

Quadro eleito do Sindicato dos Trabalhadores Rurais A nova equipe conta com 18 pessoas: a presidente Josecarla Signor; o vice Adriano Calegari; o tesoureiro Márcio Ferrari; os secretários João Carlos Três e Fábio Pegoraro; os suplentes Celi-

to Contini, Jocelei Cappelletti e Liziane Bartelle; os conselheiros fiscais Ivete Maria Formalioni Tonin, Airton Schmitt e Leonel Mattana; os suplentes do Conselho Fiscal Marilucia Giacomin,

Miriam Zucco Nicoletto e Jones Fabro; os delegados representantes Marcelo Brustolin e Suzana Maggioni Bertuol e os delegados suplentes Solice Beatriz Moroni e Zilmar Neumann.


a

os dam perdo. o conquatro timas com oras”, ssa é tro da bordar horas uação os vão ábitos acosserva. adora Arrosi tá em ova leoristas alham m hos lonntratar cional reunir ações


Apostando na qualidade técnica

A

Vitória Lovat

Solagri Máquinas e Produtos Agrícolas oferece uma completa linha de suprimentos para os trabalhadores do ramo da agricultura. A empresa também tem uma opção do acompanhamento da safra por um engenheiro agrônomo ou técnicos que ficam responsáveis e auxiliam em todo o processo, desde o preparo da terra até a colheita. Fundada no dia 25 de junho de 2004, a sede é localizada na Júlio de Castilhos, 2595, em Farroupilha, mas atende os produtores rurais também das cidades de Bento Gonçalves, Caxias do Sul e São Marcos. A busca de novidades no manejo das culturas para um produto final de melhor qualidade e rentabilidade, através de dias no campo e reuniões técnicas, é um dos lemas da empresa. “Somos a única casa da região que os atendentes da parte comercial são também especialistas na área, o que permite um maior conhecimento sobre os produtos que estão oferecendo, focando a qualidade e o respeito com o cliente”, comenta o proprietário Francisco Correa da Silva Neto. “Neste ano, o clima está favorecendo a safra, mas tudo pode mudar quando o período de colheita se aproxima. Uma seca, chuva de granizo ou vendaval podem causar grandes danos”, destaca. Ele enfatiza ainda o compromisso com o mercado de produtos saudáveis, respeitando o Meio Ambiente e cuidando Proprietário Francisco Correa da Silva Neto afirma que o respeito com o cliente é um dos pontos primordiais da empresa da saúde do agricultor.

A

P

cupaç O ca Rube 15 an Rio G a São ro. O rodov 101 e estar ções Se cia de (PRF) Leand rodov PRF c aos c ele, no estão condiç Se Políci (PRE) Marce que m de a são a


is

Elisa Rossi Kemmer


Romagna parabeniza profissionais região da Serra é forte tanto em produção como em transporte e essas duas atividades estão entre as principais do País”, afirma o sócio-proprietário da Romagna Corretora de Seguros, Jéferson Eduardo Heinen. A empresa homenageia o agricultor que produz o alimento que está presente em nossa mesa e o motorista que transporta tudo que é produzido no País. “A Romagna muito se orgulha em fazer parte desse processo fazendo seguros dos bens dessas duas classes trabalhadoras, garantindo o patrimônio e a tranquilidade para que eles possam continuar crescendo, produzindo e prosperando”, diz Heinen. Ele aponta os dois profissionais como heróis. “Os agricultores pelas grandes dificuldades enfrentadas com as intempéries e também por dificilmente conseguirem manter a nova geração trabalhando no interior. Os motoristas tornam-se heróis em função de ter que dirigir nas péssimas estradas com o alto custo de manutenção de seus caminhões. Eles, muitas vezes, trabalham com uma carga horária muito além do normal para poder pagar

as parcelas do seu veículo”, relata o sócio-proprietário. Ele finaliza parabenizando as duas classes trabalhadoras e afirmando que ambas profissões são essenciais para o desenvolvimento do País e motivo de orgulho para os brasileiros.

Seguros oferecidos pela corretora Para o agricultor: seguro de casa, galpões, máquinas, tratores e caminhões, bens que são indispensáveis à produção e transporte de seus produtos. Para o motorista: seguro, táxis, vans, ônibus e caminhões, que transportam os mais diferentes tipos de cargas da nossa região para todos os cantos do Brasil e do exterior.

Heinen destaca que a equipe da empresa sente-se honrada em assegurar os bens dessas duas classes profissionais

Elisa Rossi Kemmer

“A


a

a Lovat

presa

A

Perigo nas rodovias estaduais

s condições das rodovias do Estado é caso de preocupação de muitos motoristas. O caminhoneiro Joni Rodrigo Rubert, de 33 anos, dirige há 15 anos. Atualmente, ele sai do Rio Grande do Sul em direção a São Paulo e ao Rio de Janeiro. O profissional usa mais as rodovias federais, como a BR101 e a BR-116, que ele afirma estarem em melhores condições do que as estaduais. Segundo o chefe da 5ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Caxias do Sul, inspetor Leandro da Silva Lins Baía, as rodovias de responsabilidade da PRF caxiense não oferecem riscos aos condutores. De acordo com ele, no geral, as estradas federais estão bem sinalizadas e em boas condições para o tráfego. Segundo o comandante da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Farroupilha, sargento Marcelo Stassak, as rodovias que mais preocupam, na área de atuação do grupamento, são a RSC-453, no trecho entre

Elisa Rossi Kemmer

Ponto crítico: a RSC-453, no trecho entre Farroupilha e Bento, oferece inúmeros riscos aos motoristas

Farroupilha e Bento Gonçalves; a VRS-313, entre Farroupilha e Garibaldi; e a RS-122, entre Antônio Prado e a BR-116. A assessoria de imprensa do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER) informou que a 2ª Superintendência Regional do órgão, que fica em Bento Gonçalves, realiza manutenção periódica nas rodovias sob sua jurisdição e afirmou que está em análise na Diretoria de Infraestrutura Rodoviária uma nova tecnologia que poderia ser aplicada com chuva e restauraria os buracos com durabilidade de até três anos, resolvendo os problemas da RSC-453, entre Farroupilha e Bento. Não há previsão para que o DAER faça manutenção na VRS313 pois, no momento, a Superintendência está atendendo as rodovias com maior fluxo. E na RS-122, entre Antônio Prado e a BR-116, na medida do possível, reparos são realizados na rodovia. A expectativa é que na próxima semana uma equipe avalie o trecho.


Horário para garantir a segurança O

s motoristas profissionais, tanto de transporte de cargas como de pessoas, não podem mais rodar direto, sem pausa para descanso. A lei 12.619 passou a regulamentar a profissão dos motoristas. O que entra em vigor é a regulamentação da fiscalização da classe profissional. Agora, a cada quatro horas trabalhadas, o condutor deve descansar por, no mínimo, 30 minutos, podendo estender esse período por até uma hora se o local não oferecer condições adequadas de descanso. O profissional também deve intercalar 12 horas de trabalho, sem incluir as pausas, por 11 horas com o veículo parado. Segundo o chefe da 5ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Caxias do Sul, inspetor Leandro da Silva Lins Baía, a fiscalização vai ser feita através das abordagens de rotina. O motorista, incluindo os que exercem a profissão de forma autônoma, deverá apresentar o disco de tacógrafo e uma planilha padrão de controle,

Thaís Zimmer Martins

Tanto os motoristas autônomos como as transportadoras precisarão se adequar à nova legislação

onde devem estar registrados dados como a quilometragem percorrida e o horário trabalhado. “Caso verificarmos que o condutor trabalhou além das quatro horas permitidas, nas últimas horas, ele irá permanecer com o veículo parado por 11 horas”, afirma Baía. Segundo ele, essa é uma lei que vem ao encontro da segurança. “Já cheguei a abordar condutores dirigindo há 30 horas sem pausa. Essa é uma situação desumana e de risco. Muitos vão reclamar, pois mexe nos hábitos de uma categoria que está acostumada com a situação”, observa. Gerente da transportadora Megabasi, Rodrigo Augusto Arrosi diz que a empresa ainda está em processo de adaptação à nova legislação. No local, os motoristas com carteira assinadas trabalham apenas dentro do Estado, em horário definido. Para viagens longas, a empresa opta por contratar autônomos. O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) irá se reunir na terça para fazer adequações na forma de fiscalizar a lei.


ulgação

o STR

ais

Jones esenSuzadeleeatriz


A

Q

Dia


edicao 233