Page 7

6/7

EDITORIAL

O FIM DO RELÓGIO (BARATO) SUÍÇO? A Suíça exportava em 2011 cerca de 30 milhões de relógios. Em 2018,

ficou-se pelos 24 milhões. Ou seja, em 7 anos, reduziu em 6 milhões, algo como 800 mil em média por ano.

Os números referentes ao primeiro semestre de 2019 são brutais e

esclarecedores – exportaram-se menos 1,6 milhões de relógios suíços.

O segmento de relógios com preço à saída de fábrica inferior a 200 fran-

cos teve uma redução drástica nesse período – menos 26,9 por cento de unidades.

Pelo décimo mês consecutivo, a Suíça viu em Julho o volume de reló-

gios exportados diminuir - só nesse mês foram menos 390 mil peças vendidas ao estrangeiro.

Acentua-se assim, rapidamente, a tendência para o desaparecimento

do sector da relojoaria baixo de gama e de moda na indústria relojoeira

suíça. O argumento Swiss Made não está entre as preocupações do

consumidor típico deste tipo de relógios.

As peças com preço à saída de fábrica superior a 3 mil francos suíços

SETEMBRO 2019

FICHA TÉCNICA

Propriedade / Edição Projectos Especiais, S.A. Av. da República, 1910 lt 34 Quinta Patino - Alcoitão 2645-143 Alcabideche Director João Viegas Soares Editor chefe Fernando Correia de Oliveira Design gráfico José Gonçalves Marketing e Publicidade Mafalda Sanches de Baêna marketing@projectosespeciais.pt Tel.: 216 022 267 Redação Projectos Especiais Consultores de Comunicação, S.A. Av. Infanto Santo 23, 12º esq. 1350-177 Lisboa Tel.: 218 027 912

foram o único segmento a subir em número em Julho. Os com preço

www.anuariorelogiosecanetas.com

dades. Deste balanço, apesar de tudo, fica um crescimento global do

www.facebook.com/anuariorelogiosecanetas

inferior a 200 francos quebraram 26,9 por cento em termos de univalor das exportações no primeiro semestre, na ordem dos 1,9 por

cento. Mas…

Hong Kong, o principal mercado de destino das exportações relo-

joeiras suíças, quebrou 1,3 por cento em valor em Julho, para um acu-

mulado de menos 5,8 por cento no ano. Dada a situação política e social no território, as perspectivas são sombrias.

Ainda em valor, o Reino Unido, quinto mercado de destino, tem um

acumulado positivo no primeiro semestre deste ano - +21,8%, mas a

perspectiva de um Brexit sem acordo já começa a fazer-se sentir - 0,4% em Julho face ao mesmo mês de 2018.

Fernando Correia de Oliveira / Editor-chefe I allaworldontime@gmail.com

www.instagram.com/anuariorelogiosecanetas

Profile for Anuário Relógios & Canetas

Anuário Relógios & Canetas - Setembro 2019  

Edição mensal digital (Setembro de 2019) do Anuário Relógios & Canetas

Anuário Relógios & Canetas - Setembro 2019  

Edição mensal digital (Setembro de 2019) do Anuário Relógios & Canetas