Page 22

Ratos e Homens

O Quarto de Jack

de John Steinbeck

de Emma Donoghue

Esta história tem uma linguagem acessível, e é contada pela ternurenta voz de Jack, o nosso protagonista de 5 anos, que relata uma situação de amor incondicional entre mãe e filho.

livros

O livro Ratos e Homens, de John Steinbeck, fala de dois amigos que se conhecem desde a infância. Lennie é alto e bom trabalhador, porém com um distúrbio mental, o que obriga George a aguentar o companheiro como um fardo e a não ter a vida que esperava.

Esta história leva-nos a pensar, principalmente, no conceito de amizade e no sonho que todos os moradores da quinta mais desejavam concretizar: obter liberdade e independência. Os trabalhadores sentiam-se enganados e dependentes do trabalho e dos seus superiores, pois, se fossem despedidos, poderiam morrer. Na obra, existem vários elementos simbólicos que põem à prova a amizade dos dois amigos e reforçam a ideia da desigualdade que os separa. A história tem um enredo denso e absorvente. É uma história inesquecível e um pouco violenta, cuja leitura dá muito prazer. O livro não é muito grande e lê-se depressa, dado que, à medida que mais problemas vão acontecendo às duas personagens, mais curiosidade temos em saber o desenlace da ação.

O conto narra a história de uma menina de 19 anos, que foi raptada por um senhor, Nick Mafarrico, que a manteve em cativeiro durante 7 anos, e que acabou por, após sucessivas violações e maus tratos, ter um filho, que morreu no parto. Mais tarde, teve o segundo, que nasceu saudável e a quem foi dado o nome de Jack. Juntamente com a sua mãe, Jack viveu mais 5 anos neste mundo minúsculo. A criança e a sua mãe foram forçadas a viver nas duríssimas circunstâncias que lhes foram impostas. Após fugir deste pequeno barracão de 11 metros quadrados, e pensando que apenas existia o Quarto e a Televisão, isto é, que tudo acontecia neste pequeno eletrodoméstico, Jack depara-se com uma situação difícil, a descoberta do mundo real. No geral, o livro é atrativo e empolgante. Porém alguns assuntos podiam ser mais aprofundados, como a reação do Avô ao encontrar Jack.

Luís Branco (8ºC)

Elisa Bulhosa (8º C)

O Cristal Dourado

de João Aguiar

O livro O Cristal Dourado da coleção “Sebastião e os Mundos Secretos”, de João Aguiar, conta a história de Sebastião, um menino que, quando chega aos doze anos, se apercebe de que não é um miúdo como os outros todos, pois entende que é especial. Sebastião conclui também que os adultos à sua volta, professores e pais, são uma caixinha de surpresas e mistérios. De repente, em vez de umas férias tranquilas com simples preocupações (como fazer a composição que a sua professora de Português lhe tinha “encomendado”), o nosso protagonista vive aventuras muito arriscadas e mesmo medonhas, mas em nenhum momento se dá por vencido. Também porque as vive com dois grandes amigos, Inês e André, e com os Cavaleiros da Ordem da Esperança... A vida de Sebastião dá uma volta de 180˚, a partir do momento em que viaja, inesperadamente, com os seus professores, Elisa e Elvius, mas fazendo de conta que são seus avós! Estarás a questionar-te sobre a razão de tal mentira. Mas, se quiseres saber, terás que o ler! Adorei este livro, cheio de segredos e mistérios, que nos prende e nos entusiasma. Recomendo-o e desejo a todos boa leitura nas férias da Páscoa!  Maria Maio Dias (7º D)

22 J O R N A L E S A S  abril 2 0 1 4

,

Jornalesas marco 2014 04 01 cores  
Jornalesas marco 2014 04 01 cores  

Jornal oficial da Escola Secundária/3 Aurélia de Sousa, Porto

Advertisement