Page 1

-

ANUARiO

SMU

2017


-

ANUARiO Anuário SMU - 2017

Secretaria Municipal de Urbanismo Prefeitura de Itajaí - 2017


Prefeitura Municipal de Itajaí Volnei Morastoni Prefeito Marcelo Almir Sodré de Souza Vice-Prefeito Secretaria Municipal de Urbanismo Arq. Rodrigo Lamim Secretário Arq. Ricardo Rebello da Cunha Secretário Adjunto Andressa Piassum da Costa Assessora de Direção Taicil César da Luz Gerente de Apoio Administrativo Diretoria de Controle Urbano João Paulo Kowalsky

Diretor de Controle Urbano

Ivany Ferreira da Cunha Reichardt Agente de Serviços Gerais Ezequias Gervásio Gonçalves Técnico Atividades Administrativas Angela Aparecida Amaral Agente em Atividades de Engenharia Daniela Elizete Machado Assessora de Direção Ana Paula Fernandes Gerente Administrativo Luiz Baptista Gerente de Projetos e Espaços Públicos Luciane Candida Pacheco Gerente de Análise de Projetos Lisiane Schneider Arquiteta e Urbanista Rosemeri Liz de Oliveira Leão Arquiteta e Urbanista Luciane Guerra Alves Técnica em Saneamento Marcos Geraldo Benedeti Consultor Técnico Administrativo Bianca Patrício Assessora de Direção Loreno da Rosa Machado Gerente de Fiscalização Manoel Antônio da Silva Auditor Fiscal Municipal Patrícia Dias Auditora Fiscal Municipal Rafael Rick Rebelo Auditor Fiscal Muncipal Roberto Bittencourt Rangel Auditor Fiscal Municipal Rubens Camilo Pacheco Auditor Fiscal Municipal Vilda Justina Aiolfi Auditora Fiscal Municipal Aglae Cassia Dobrachinski Auditora Fiscal Municipal Cesar dos Santos Brum Auditor Fiscal Municipal Dolores Golçalves Fernandes Agente em Atividades Administrativas Marcio Fritzke Técnico em Atividaes Administrativas Edmilson Amaral Gerente de Projetos Assessoria Jurídica Daiane Thaise Ramos Assessora Jurídica Isadora Biachi Balan Estagiária Direito Julia Alves Silvestre Estagiária Direito Bruna Vieira de Novaes Estagiária Direito


Assesoria Especial Auri Antônio Pavoni Jade Martins Ribeiro

Assessor Especial de Gabinete Coordenadora Técnica de Captação de Recursos

Diretoria de Projetos Urbanos Rafael da Silveira Santos Albuquerque

Diretor de Projetos Urbanos

Beth Hogla Gadelha de Melo Arquiteta e Urbanista Daniel Moojen Lemos Arquiteto e Urbanista Jaceguay Zukoski Arquiteto e Urbanista Fabian Haack Zago Arquiteto e Urbanista Rossana Ferrari Scolaro Arquiteta e Urbanista Tanise de Goes Maia Arquiteta e Urbanista Wilson de Almeira Paulo Engenheiro Civil Luis Fernando Pacheco Gomes Engenheiro Civil Francisco C. Nascimento Engenheiro Agronomo Roberto Klintwort Gerente de Custos e Obras Públicas Luiz Carlos Gomes Agente em Atividades Administrativas Diego Osni dos Santos Estagiário Arquitetura e Urbanismo Gustavo Antonio Fabrico Cardoso Estagiário Arquitetura e Urbanismo Lucas André Pereira Domingos Estagiário Arquitetura e Urbanismo Thais Nara Souza Estagiária Arquitetura e Urbanismo Topografia Eder Scuzziatto Técnico em Atividades de Engenharia Emerson Andrigueto Técnico em Atividades de Engenharia Rodrigo Paza Agente em Atividade de Engenharia Claudio Ricardo Junior Agente em Atividade de Engenharia Ronaldo Gazaniga Agente em Atividade de Engenharia Luiz Carlos Gomes Agente em Atividades Administrativas Diretoria de Engenharia de Trânsito Marcelo Faria Zimmer

Diretor de Engenharia de Trânsito

Emerson Celso Victorino Técnico Atividades Administrativas Roberto Dias Rocha Engenheiro Civil Gabrielle Medeiros Operador de Estacionamento Rotativo Juliane Esser Operador de Estacionamento Rotativo Almiria Vilma Leite Medeiros Operador de Estacionamento Rotativo Rafael de Carvalho Estagiário Engenharia Civil


Cidades têm a capacidade de prover algo para todos, somente porque, e somente quando, elas sao criadas por todos. (JANE JACidades têm a capacidade de prover algo para todos, somente porque, e somente quando, elas são criadas por todos. (JANE JACOBS, 1961)


OBRAS ENTREGUES Praças e Parques

QUEM QUE SOMOS NOS? OFIZE MOS? • SMU • Itajaí 2040 • ODS ONU

URBANISMO EM NÚMEROS

• Arno Bauer • Espinheiros • Cidade Nova • Ivo Stein • Parcão • Praça Manuel Bernardino Vicente • Murta Passarelas e Pontes • Lagoa do Cassino

FISCALIZAÇÕES DE OBRAS • Praça do PEC • Centro de Inovações • Restauro da Igrejinha • Ampliação e Restauro do Palácio Marcos Konder • Praças Ressacada

O QUE PLANEJAMOS? (PROJETOS DESENVOLVIDOS) Praças e Parques • Praça da Pista de Pouso Parapente • Nossa Senhora das Graças • Parque Linear Marginais do Ribeirão da Murta

11 17 21 39 43 51

69

74

79

• Praça Camelódromo • Silvio Tolentino • Tancredo Neves • Antiga Inspetoria do Porto • Parque Náutico • Caminho Xinxiang • Praça de Esportes • Parque do Atalaia • Praça Rua Goiás • Portal I

Reurbanizações

• Av. Sete de Setembro • Av. Cel. Marcos Konder • Av. Prefeito Paulo Bauer

Binários

• R. Tijucas • R. Brusque • R. Uruguai • Av. Osvaldo Reis • R. Delfim Mário de Pádua • Av. Campos Novos • Av. Mário Uriarte

• Centro • Rio Bonito • Praia Brava • Osvaldo Reis


-

ANUARiO ANUARiO SMU -

85 Propostas Viárias

• Espinheiros/ Rio Novo / Itaipava • Fazenda / Praia Brava • São Vicente • Dom Bosco / São Judas / São João

90

95

• Cidade Nova • Centro • Cordeiros / Murta • Barra do Rio / VEP

Via Expressa Portuária

2017

SMU

2017


Projetos Internos

Intervenções Pontuais

Passarelas e Pontes Ciclovias • Sistema Cicloviário • Ciclovia da Orla • Caminho Xinxiang • Ciclovia Carlos Mafra • Ciclovia Jacob Ardigó

• Ponte São Judas / Cidade Nova • Ponte São Roque/ Rio Novo • Ponte São João / São Vicente • Ponte Itaipava/Rio Novo

• Esquina Rua Laguna / Sete de Setembro • Esquina Lauro Muller / Tubarão • Acessibilidade Largo do Mercado Velho • Totem Ponto de Ônibus • Alargamento Calçadas UNIVALI • Acesso Ferry Boat

Viabilizações de Rodovias Municipais e Estaduais • Eixo Viário Oeste • Perimetral Oeste • Alça Viária Adolfo Konder • Novo Acesso Sul • Jorge Lacerda / BR101 • Antônio Heil / BR101

• Confecções de Mapas EFS - SMS • Sede da Defesa Civil • Estudo para Acessibili dade das Unidades de Saúde - SMS • Layout Parque do Agricultor - SEAD • Reforma Conselho Tutelar - SECAJ • Reforma Associação de Moradores (Espinheiros)

97 103 109 115 119 143 145 147 O QUE Transporte Coletivo

Ações Especiais

• Plano Emergencial • LABTRANS

• Prefeitura nos Bairros • Serviço de Informações Espaciais • Plano de Arborização • Plano de Calçadas • Revisão do Plano Diretor

QUEREMOS PARA 2018?

A


• Reforma Conservatório de Música - Fundação Cultural • Galpão de Reciclagem - FAMAI • Concurso Parque do Agricultor - SEAD • Reforma Gabinete do Prefeito • Reforma Praça do Cidadão • Layout Mudança SEPOG / Procuradoria • Preventivo de Incêndio- Defesa Civil

Decretos e Legislações Loteamentos • Loteamento Adolfo Konder • Assentamento Popular São Vicente • Assentamento Popular Cordeiros

Requalificações Urbanas • Parque Beira Rio • Largo do Mercado Velho • Calçadão Mercado Velho

• Alargamento de Calçadas • Incentivo ao Térreo Comercial • PAS • Audiências Públicas • ZEIS • Aprovação do Plano de Mobilidade

119 121 125 141

-

SMU ANUARiO

SMU ANUARiO 2017

2017


QUEM SOMOS NOS?

11

-

QUEM SOMOS NÓS? | SMU


SMU


13

QUEM SOMOS NÓS? | SMU


SMU

SECRETARiA MUNiCiPAL DE URBANiSMO

A Secretaria Municipal de Urbanismo (SMU) tem em seu rol de competências: executar todas as políticas de desenvolvimento urbano, como o controle urbano, o planejamento de tráfego, de uso do solo, de espaços públicos no Município de Itajaí; coordenar as atividades relativas à elaboração e à atualização de planos de desenvolvimento integrado do Município; coordenar a elaboração do Plano Diretor do Município, bem como o planejamento, a aprovação e fiscalização referente às obras públicas e parcelamento do solo. E também, aprovar e fiscalizar a instalação de estabelecimentos particulares destinados a atividades secundárias ou terciárias, bem como a estética urbana e atuar normativamente no setor de tráfego urbano.


O Planejamento Estratégico do Município de Itajaí 2040 é um plano de administração pública que formula metas e objetivos sólidos que devem ser cumpridos a longo prazo, pois independente de qual governo foi eleito, a cidade deve seguir evoluindo.

ITAJAI

2040

O Planejamento Estratégico do Município de Itajaí – PEMI 2040 tem como objetivos o desenvolvimento de uma cidade mais sustentável, inteligente e com justiça social, através do estabelecimento de metas para o futuro com base nos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Para a construção dessas metas o Planejamento promove as oficinas do Painel Itajaí do Futuro

ITAJAI 2040

Está oficializado e fixado em todas as secretariais municipais a “Carta Para a Itajaí de 2040”, um compromisso dos gestores do Município de Itajaí com o futuro da cidade. A Carta é uma prova pública do compromisso do prefeito Volnei Morastoni com construção de um futuro sólido, ético e próspero para Itajaí. “Nosso trabalho é para que Itajaí fique ainda forte daqui pra frente. Declaramos publicamente o empenho que minha equipe e eu teremos para que Itajaí se torne a cidade que todos nós sempre sonhamos”, comenta Volnei.

nomia global, visando a qualidade de vida dos cidadãos. CIDADE SUSTENTÁVEL Desenvolver uma cidade sustentável incorporando de maneira integrada as dimensões social, ambiental, econômica, política e cultural e abordando as diferentes áreas da gestão pública. CIDADE COM JUSTIÇA SOCIAL

São objetivos para Itajaí 2040

Cidade com igualdade de oportunidade, que dispensa tratamento igual aos iguais e corrigir as desigualdades nas medidas em que elas se apresentam.

CIDADE INTELIGENTE

CIDADE FELIZ

Cidade atrativa para talentos, visitantes e investidores pela aliança entre a inovação, a qualidade do ambiente e a inclusão social e cultural, num contexto de governança aberta e de conectividade com a eco-

Objetivo principal de uma sociedade não é somente o crescimento econômico, mas a integração do desenvolvimento material com o psicológico, o cultural e o espiritual.

15

QUEM SOMOS NÓS? | SMU


Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável demonstram a escala e a ambição desta nova agenda universal. Eles se constroem sobre o legado dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e concluirão o que estes não conseguiram alcançar. Eles buscam concretizar os direitos humanos de todos e alcançar a igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres e meninas. Eles são integrados e indivisíveis, e equilibram as três dimensões do desenvolvimento sustentável: a econômica, a social e a ambiental. Os 17 objetivos são:

ODOSNU ODS - ONU

Objetivo 1. Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares Objetivo 2. Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável Objetivo 3. Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades Objetivo 4. Assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos Objetivo 5. Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas Objetivo 6. Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos Objetivo 7. Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos

Objetivo 8. Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos Objetivo 9. Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação Objetivo 10. Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles Objetivo 11. Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis Objetivo 12. Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis Objetivo 13. Tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos Objetivo 14. Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável Objetivo 15. Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade Objetivo 16. Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis Objetivo 17. Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável


O QUE FIZEMOS?

11 O QUE FIZEMOS? | URBANISMO EM NÚMEROS 17 O


E ?

URBANISMO EM NUMEROS


O controle urbano tem a função de aprovar e fiscalizar a instalação de estabelecimentos particulares destinados a atividades secundárias ou terciárias. Os requerimentos de cálculo e solicitação para o Processo de Análise Simplificada (PAS) de projetos hidrossanitários começaram a ser disponibilizados para a inscrição para construção, reforma e ampliação das edificações urbanas na Secretaria Municipal de Urbanismo. A forma de cadastramento dessas informações para os analistas deixa mais ágil os trâmites e complementa o já existente aos Projetos Arquitetônicos. O Decreto foi publicado no Jornal do Município no dia 30 de agosto “Com a mudança das análises dos projetos do hidrossanitário, os analistas terão mais tempo para avaliar os parâmetros. A execução e os detalhes ficam a cargo dos responsáveis técnicos. Assim, o processo será mais dinâmico trazendo benefícios para o interessado final pela agilidade e o aval de um arquiteto ou engenheiro do Urbanismo”, destaca o diretor de Controle Urbano, João Paulo Kowalsky.

Tempo de Análise

PAS - Processo de Análise Simplificada

120 dias

12 dias! Com o PAS o tempo de análise de projetos reduziu de 120 dias em média para 12 dias.

19 O QUE FIZEMOS? | URBANISMO EM NÚMEROS


1.611

consultas prévias de viabilidade de construção

10.378 consultas de viablidade eletrônicas aptas para alvará.

361 habite-se 420.000m²

3.001 análises de

projetos

427 alvarás de construção 320.000m²


OBRAS ENTREGUES

21 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES


-

PRACAS E PARQUES


Arno Bauer A praça terá uma característica mais contemplativa e irá valorizar o entorno histórico da Itajaí, já que está localizada no Centro Histórico da cidade e cercada por edificações importantes como a Igreja Matriz do Santíssimo Sacramento, o Palácio Marcos Konder, a Casa de Cultura Dide Brandão e o terreno do Colégio Estadual Victor Meirelles. Estão previstos espaços de múltiplo uso que podem receber desde feiras culturais até feiras temporárias, como a de produtos orgânicos. Além disso, serão colocados na praça bancos, lixeiras, bicicletários, áreas de contemplação, paisagismo e iluminação.

ANTES

11 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES 23 O


FICHA TÉCNICA Localização: Esq. Cel. Marcos Konder com R. Gil Stein Ferreira Centro Início da Obra: Agosto/2016 Término da Obra: 2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 772.433,81 Recurso: Fundo Municipal Área: 3.716,06 m²


25 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES


Espinheiros

A praça do bairro Espinheiros tem espaço para o lazer, contemplando caminhadas, quadra poliesportiva, tabela de basquete, playground, academia ao ar livre, bicicletários, entre outros equipamentos. A obra foi custeada por um Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV). O projeto e a fiscalização ficaram por conta da Secretaria Municipal de Urbanismo, tendo o apoio da Secretaria de Obras e Serviços Municipais.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Fermino Vieira Cordeiros Espinheiros Início da Obra: Julho/2017 Término da Obra: Dezembro/2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 300.000,00 Recurso: Privado Área: 1.527,75 m²

27 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES


Cidade Nova A proposta de implantação da Praça Cidade Nova vem de encontro com os anseios da comunidade, visando requalificar o espaço público e promovendo o lazer e o bem estar dos moradores deste bairro. O empreendimento, com área total de 629,24m², conta com playground, academia ao ar livre, quadra de esportes, quadra de basquete, além de áreas ajardinadas e arborizadas e locais de convívio que possibilitem a sociabilidade e integração comunitária.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Maria Alves Mafra x Av. Maria Marques Werner - Cidade Nova Início da Obra: Novembro/ 2016 Término da Obra: Setembro/ 2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 150.000,00 Recurso: Fundo Municipal Área: 629,24m²


Ivo Stein

A Secretaria Municipal de Urbanismo em parceria com o Semasa, realizou um projeto de recuperação da praça Ivo Stein Ferreira. A praça foi revitalizada e contempla áreas de estar com bancos e arborização, além de preservar a elevatória da rede de esgoto existente no local.

FICHA TÉCNICA Localização: R. João Bauer x Av. Cel. Marcos Konder - Centro Início da Obra: Janeiro/2017 Término da Obra: Abril/2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 110.000,00 Recurso: Fundo Municipal Área: 483,54 m²

29 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES


Parcao O Parcão é o primeiro parque público exclusivo para animais em Itajaí, a área possui mais de 300 metros quadrados e foi inaugurada no dia 24/09/2017. O projeto é uma iniciativa da DalPet Rações que está inserida na Lei 2571, de 02 de julho de 1990, a Lei de Adoção de Praças. Os brinquedos foram projetados para que os animais de estimação possam se divertir e praticar exercícios, também foram instalados bancos para descanso dos donos.

FICHA TÉCNICA Localização: Praça Genésio Miranda Lins – Fazenda Início da Obra: Julho/2017 Término da Obra: Setembro/2017 Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Recurso: Iniciativa Privada Área: 360 m²


Praça Manuel Bernardino Vicente

A comunidade do Loteamento Pedro Paulo Rebello, no Bairro São Vicente, ganhou a Praça Manoel Bernardino Vicente e a quadra tênis comunitária Edson Heusi (Fuba). O evento de inauguração integra a programação de aniversário dos 157 anos do Município de Itajaí. A obra foi custeada por um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). O projeto e a fiscalização ficaram por conta da Secretaria Municipal de Urbanismo, tendo o apoio da Secretaria de Obras e Serviços Municipais para implantar a iluminação e a drenagem do local. Desde que foi construída, técnicos de tênis já começaram a jogar e testar este novo equipamento esportivo protegido por alambrados e uma rede fixa. Já a praça tem espaço para o lazer, contemplando caminhadas, academia ao Ar Livre e também brinquedos adaptados à cadeirantes.

11 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES 31 O


FICHA TÉCNICA Localização: R Alice dos Santos Bittencourt x R. Leopoldo Cristiano de Miranda – São Vicente Início da Obra: Julho/2016 Término da Obra: Janeiro/2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 300.000,00 Recurso: Iniciativa Privada Área: 2.346,52 m²


33 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES


Praça da Murta A proposta da Praça da Murta é a de um empreendimento de 1.135,90 m² para o uso público visando o lazer e o bem estar da comunidade. A praça contempla uma área ao final da rua Luiz de Queiroz Gauderetto e conta com playground, academia ao ar livre, área para prática de esportes além de amplo espaço arborizado e locais de convívio que possibilitam a sociabilidade e integração comunitária.

11 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PRAÇAS E PARQUES 35 O


FICHA TÉCNICA Localização: R. Luiz De Queiroz Gaudereto – Murta Início da Obra: Novembro/2016 Término da Obra: Março/2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 90.779,00 Recurso: TAC Área: 1.135,90 m²


PASSARELAS E PONTES

37 O QUE FIZEMOS? | OBRAS ENTREGUES | PASSARELAS E PONTES


Lagoa do Cassino A travessia tem 77 metros de comprimento por 4,3 metros de largura conectando os dois lados da praia. Além de permitir o acesso de pedestres e ciclistas, o deck conta com uma área para contemplação panorâmica da Praia Brava. Esta é a primeira parte do projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Urbanismo, em parceria com a Fundação do Meio Ambiente (Famai), e executado pela Associação dos Proprietários Praia Brava Norte (Aprobrava), com investimento aproximado de R$ 700 mil. A passarela integra um projeto, já em andamento, que transformará a Lagoa do Cassino e suas margens em um Parque de proteção ambiental e de lazer. O projeto prevê além da construção da travessia, a urbanização dos acessos, despoluição da lagoa, recuperação das margens e a construção de uma unidade de apoio. FICHA TÉCNICA Localização: Av. José Medeiros Vieira – Praia Brava de Itajaí Início da Obra: Julho/2017 Término da Obra: Março/2017 Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Fiscalização: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 700.000,00 Recurso: Iniciativa Privada Área: 454,57 m²


FisCALiZACOES -

de OBRAS

39 O QUE FIZEMOS? | FISCALIZAÇÕES DE OBRAS


Além dos projetos desenvolvidos na secretaria que encatam a cidade, a SMU é responsável também pela fiscalização de diversas obras que acontecem em Itajaí, como a Praça do PEC, as Praças da Ressacada, o Centro de Inovações, o Restauro da Igrejinha, a Ampliação e o Restauro do Palácio Marcos Konder.


Praças Ressacada

41 O QUE FIZEMOS? | FISCALIZAÇÕES DE OBRAS


O QUE PLANEJAMOS?

43 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


-

PRACAS E PARQUES


Praça Pista de Pouso Parapente O projeto contempla uma pista de pouso para voo livro com parapente, um dos principais atrativos turístico na cidade, além de possuir playground, equipamentos para calistenia e áreas de contemplação para a Praia Brava.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. José Medeiros Vieira – Praia Brava de Itajaí Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 500.000,00 Área: 3.073,91 m²

45 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Nossa Senhora das Graças A localidade Nossa Senhora das Graças é uma área caracterizada por assentamentos informais e de baixa renda que se desenvolveu junto a uma topografia de morraria da cidade. O local encontra-se carente de diversas infraestruturas e equipamentos urbanos, sendo umas das principais demandas a falta de áreas de lazer tanto no bairro quanto nas proximidades. Desta forma, esta a porposta visa a inserção de uma praça que ofereça uma revitalização urbana integrada a outras infraestruturas. Estão previstos diversos equipamentos para a interação de diferentes atividades: esportiva, recreação infantil, academia ao ar livre, espaços de incentivo as artes, convívio comunitário, entre outros. O local para implantação é bastante estratégico, e visa também a melhoria dos acessos ao bairro, conectando a cidade à comunidade. Além das áreas de lazer, a praça também agrega uma gama de soluções de infraestruturas, como acessibilidade aos moradores que residem nas áreas de morro, drenagem, compartimentos para recolhimento do lixo, iluminação urbana e esperas para futuras infraestruturas, como coleta de esgoto.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Ver. Abrahão João Francisco - Comunidade Nossa Senhora das Graças Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 2.297,00m²


47 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Parque Linear Marginais da Murta

A proposta propõe alterar a mudança no padrão de ocupação urbana do bairro, pois, atualmente, os empreendimentos estão sendo implantados com a frente para a rua Fermino Vieira Cordeiro ou para a Rodovia Jorge Lacerda, o que sobrecarrega a estrutura viária existente e nega completamente o ribeirão e a sua área de proteção.

SITUAÇÃO ATUAL

11 O QUE FIZEMOS?QUE 49 O | OBRAS PLANEJAMOS? ENTREGUES | PRAÇAS | PRAÇAS E PARQUES E PARQUES


FICHA TÉCNICA Localização: Margens do Ribeirão da Murta - Espinheiros Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Extensão: 2,18km


Praça do Camelodromo O projeto segue o conceito do “pocket park”, que confere um novo modelo de espaço público: uma minipraça, compacta e implantada em lotes urbanos inutilizados, sem uso pré-estabelecido, terrenos baldios ou até mesmo, ocupados por estacionamentos. A minipraça contempla bancos, bicicletários, academia ao ar livre e um pergolado com balanços, atraindo moradores e frequentadores do Camelódromo.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Alexandre Fleming x R. Dr Cacildo Romagnani - Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 262,66 m²

51 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Silvio Tolentino O projeto também segue o conceito do “pocket park” e fará a ligação de duas ruas através de um caminho agradável destinado ao pedestre. O projeto da praça foi trabalhado de forma lúdica e atrativa, com bancos coloridos, mesa para ping pong, platôs de madeiras, quadro negro e pergolado com mesas estilo bistrôt.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Silvio Tolentino de Souza x R. Anita Garibaldi - Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Orçamento: R$ 50.000,00 Área: 332,55 m²


11 O QUE FIZEMOS?QUE 53 O | OBRAS PLANEJAMOS? ENTREGUES | PRAÇAS | PRAÇAS E PARQUES E PARQUES


Tancredo Neves Revitalização da praça do mercado do peixe no bairro São Vicente, com áreas de contemplação, ciclovias e mesa de jogos.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Luiz Lopes Gonzaga - São Vicente Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 1.000,00m²

55 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Praça Antiga Inspetoria do Porto Projeto de adequação no entorno a fim de ser utilizada pela população e turistas como área de contemplação da área portuária, rio e futura utilização do edifício histórico.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Pref. Paulo Bauer x R. Silva - Cordeiros Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 3000,00m²


Parque Nautico Localizada com fluência da Via Expressa Portuária (VEP) e Rio Itajaí Mirim, onde o Parque Náutico terá um alargamento e irá contemplar espaços para lazer e esportes. Além disso, a sua extensão ao longo do Rio Itajaí Açú será revitalizada, resgatando a integração do usuário com a água.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Dr. Reinaldo Schimitausen Cordeiros Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 5.083,00m²

57 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


O projeto prevê a revitalização do parque náutico com a chegada da VEP, alargando o que hoje é visto como um passeio, trazendo assim a ideia de praça com a implantação de elementos que geram identidade, além disso o projeto prevê também a utilização da área sob o viaduto exclusivo para o transporte de carga.


FICHA TÉCNICA Localização: R. Caminho de Xinxiang – Cabeçudas Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 15.000,00m²

11 O QUE FIZEMOS?QUE 59 O | OBRAS PLANEJAMOS? ENTREGUES | PRAÇAS | PRAÇAS E PARQUES E PARQUES


Caminho Xinxiang Proposta de um parque de lazer e esportes, com a requalificação do aterro da Fazenda, localizada no acesso ao Molhes, respeitando a vegetação nativa e que contempla uma quadra poliesportiva, pista de skate, playground, mesa de jogos, pista de patinação, áreas de contemplação, ciclovia e vagas para estacionamento.


-

Praca de Esportes A implantação dos novos loteamentos (na localidade de Volta de Cima) tem previsto áreas com espaço público, através dessa previsão, foi proposto uma praça de esportes que contempla campo de futebol (com área de apoio), pista de skate, pista de corrida, academia ao ar livre, entre outros.

11 O QUE FIZEMOS?QUE 61 O | OBRAS PLANEJAMOS? ENTREGUES | PRAÇAS | PRAÇAS E PARQUES E PARQUES


FICHA TÉCNICA Localização: R. Ver. Pedro João de Souza Filho x Av. Marcos Aurélio Seara - Santa Regina Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 13.700,00m²


63 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Parque do Atalaia

É um espaço para lazer e contemplação da natureza onda há um mirante de madeira plástica com desniveis.

FICHA TÉCNICA Localização: Parque Natural Municipal do Atalaia - Fazenda Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 1.520,00m²

65 O QUE PLANEJAMOS? | PRAÇAS E PARQUES


Praça R. GoiasPraça implantada às margens da Via Expressa Portuária (VEP) com estares bem arborizados e academia ao ar livre.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Goiás - Cordeiros. Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 423,00m²


11 O QUE FIZEMOS?QUE 67 O | OBRAS PLANEJAMOS? ENTREGUES | PRAÇAS | PRAÇAS E PARQUES E PARQUES


ATUALMENTE

Praça do Portal I O projeto também segue o conceito do “pocket park”, com horta comunitária, árvores frutíferas, equipamentos para calistenia, mesa de jogos, academia ao ar livre e bolas de concreto lúdica em diferentes tamanhos.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Carlos Luiz Stringari – Portal I Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 600,00m²


REURBANiZAçAO

69 O QUE PLANEJAMOS? | REURBANIZAÇÃO


R. Tijucas


R. Brusque

R. Uruguai

71 O QUE PLANEJAMOS? | REURBANIZAÇÃO


Av. Osvaldo Reis

R. Delfim Mario de Padua


Av. Campos Novos

- Uriarte Av. Mario

73 O QUE PLANEJAMOS? | REURBANIZAÇÃO


Av. Sete de Setembro

Av. Cel. Marcos Konder


Av. Coronel Marcos Konder O projeto do binário da Marcos Konder com sua urbanização busca a garantia da acessibilidade com um desenho universal, a implementação do plano de arborização urbana e de paisagismo de Itajaí. Resultando na melhoria do tráfego com a implantação do sistema binário, da faixa de ônibus exclusiva e da ciclovia bidirecional. Além da nova iluminação urbana com rebaixamento da rede elétrica; implantação de mobiliário urbano diferenciado (áreas de estar, bicicletários, pontos de ônibus).

75 O QUE PLANEJAMOS? | REURBANIZAÇÃO


Av. Pref. Paulo Bauer

77 O QUE PLANEJAMOS? | REURBANIZAÇÃO


BiNARiOS

79 O QUE PLANEJAMOS? | BINÁRIOS


AV. ALBERTO WE RNER

RUS QUE

R. B

O

AV. JOSE EUGE NIO MULLER

R. INDAIAL

BRO

R. J

M SETE

NA VU E

RIT

OB

LIBER A R I E R ATO R. J. PE

DE TE AV. SE N ER KOD RCOS L. MA AV. CE

UAI RUG R. U

LIN MBE

R. U

Centro

IA

ARC G L

Av. Cel. Marcos Konder / Av. Sete de Setembro R. Uruguai / R. Umbelino de Brito R. Alberto Werner / R. José Eugênio Muller R. Juvenal Garcia / R. Brusque R. José Pereira Liberato / R. Indaial


R. LUIZ LOPES GONZAGA

R. PEDRO CRISTIANO DE MIRAD N A

R. PROFESSORA EROTIDES D A SILVA FONTES R. SAUL SCHEAD DOS SANTOS

Rio Bonito

ER N D O K LFO

DO A . V O AV. G

R. Pedro Cristiano de Miranada / R. Luiz Lopes Gonzaga R. Professora Erotides da Silva Fontes / R. Saul Schead dos Santos Retorno Av. Gov. Adolfo Konder

81 O QUE PLANEJAMOS? | BINÁRIOS


R. LUCI CA

NZIANI

R. CABO PM ANTONIO RUDOLF

Praia Brava

R. Luci Canziani / R. Cabo PM Antônio Rudolf


Av. Osvaldo Reis

Av. Osvaldo Reis

Osv . v A

is e R o d l a

Osvaldo Reis

Binรกrio Av. Osvaldo Reis

83 O QUE PLANEJAMOS? | BINรRIOS


PROPOSTAS VIARIAS

85 O QUE PLANEJAMOS? | PROPOSTAS VIÁRIAS


Espinheiros Rio Novo Itaipava


Fazenda Praia Brava 87 O QUE PLANEJAMOS? | PROPOSTAS VIÁRIAS


Sao Vicente


Dom Bosco - Judas Sao - Joao Sao 89 O QUE PLANEJAMOS? | PROPOSTAS VIÁRIAS


Cidade Nova


C entro 91 O QUE PLANEJAMOS? | PROPOSTAS VIÁRIAS


Cordeiros Murta


Barra do Rio VEP 93 O QUE PLANEJAMOS? | PROPOSTAS VIÁRIAS


ViA EXPRESSA PORTUARiA

95 O QUE PLANEJAMOS? | VIA EXPRESSA PORTUÁRIA


Em 2017 o Município deu um grande passo para retomar os trâmites da Via Expressa Portuária com reuniões de desapropriações e demolição de uma casa na Rua Pedro Camilo Vicente, no Bairro Cordeiros.


CiCLOViA

97 O QUE PLANEJAMOS? | CICLOVIA


Sistema Cicloviario O sitema clicloviário proposto no PlanMob vem sendo revisado e desenvolvido nas ruas de Itajaí. Busca-se ligar os principais eixos viários e conectar as ciclovias já existentes a fim de gerar novas rotas e alternativas para o ciclista.

Fonte: PlanMob - ITAJAÍ


Ciclovia da Orla A proposta do novo sistema cicloviário para cidade, além de ligar e reconectar toda as ciclovias já existente, se desenvolve na ideia de caminhos turísticos que levem aos principais pontos de interesse da cidade. Como principais caminhos temos os: Caminhos do Rio; Caminhos de Sodeguara; Caminhos de Cabeçudas; Caminhos de Xinxiang; Caminhos da Rainha e Caminhos da Brava.

AS ROTAS

CAMINHOS DO RIO – 1,2km CAMINHOS DE SODEGAURA – 1,3km CAMINHOS DE CABEÇUDAS – 2,5km CAMINHOS DE XINXIANG – 1,4km CADA TRECHO

ORLA CABEÇUDAS– 800m CAMINHOS DA BRAVA– 1,5km ORLA DA BRAVA– 3km CAMINHOS DA RAINHA 800m EM ITAJAÍ

99 O QUE PLANEJAMOS? | CICLOVIA


Caminho Xinxiang É um importante ponto turístico da cidade que leva a uma importante paisagem natural, além do farol. A proposta visa a reestruturação do passeio garantindo a acessibilidade e a rota cicloviária.


Ciclovia Carlos Mafra Com 1,37 km de extensão a ciclovia Jacob Ardigó é uma rota protegida que passa pela Carlos Mafra ligando o São Vicente (Estefano J. Vanolli) até o Dom Bosco, trazendo segurança aos ciclistas e usuários de forma geral.

101 O QUE PLANEJAMOS? | CICLOVIA


CicloviaJacob Ardigo


PASSARELAS E PONTES

103 O QUE PLANEJAMOS? | PASSARELAS E PONTES


20.024 habitantes

5.467 habitantes

6.863 habitantes

Rua Adolfo Batschauer / Sidney Schulze Orçado/ Sidney R$ 6.000.000,00 Rua Adolfo Valor Batschauer Schulze Extensão AproximadaValor 14,5m x 90mR$ + 150m de Rua Orçado 6.000.000,00 Extensão Aproximada 14,5m x 90m + 150m de Rua


5.146 habitantes Espinheiros

5.027 habitantes Itaipava

Valor Orรงado R$ 7.000.000,00 Extensรฃo Aproximada 14,5m x 100m

105 O QUE PLANEJAMOS? | PASSARELAS E PONTES


31.287 habitantes São Vicente

12.207 habitantes

Rua Juca Cesário / Rua São Joaquim Valor Orçado R$São 5.000.000,00 Rua Juca Cesário / Rua Joaquim Extensão Aproximada x 90m Valor Orçado R$ 14,5m 5.000.000,00 Extensão Aproximada 14,5m x 90m


5.146 habitantes Espinheiros

5.027 habitantes

Valor Orรงado R$ 5.300.000,00 Extensรฃo Aproximada 14,5m x 90m

107 O QUE PLANEJAMOS? | PASSARELAS E PONTES


-

-

INTERVENCOES PONTUAiS

109 O QUE PLANEJAMOS? | INTERVENÇÕES PONTUAIS


Resumo

Reurbanização UNIVALI

Além dos projetos apresentados anteriormente, outras intervenções mais pontuais têm sido desenvolvidas dentro da Secretaria Municipal de Urbanismo, a fim de melhorar a qualidade de vida urbana. São projetos que resgatam a legibilidade da cidade, melhoram a acessibilidade e a interação social como um todo. Foram projetos desenvolvidos (ou ainda em desenvolvimento) aqui: o Totem do Ponto de Ônibus; o alargamento das Calçadas de acesso a UNIVALI; a melhoria do acesso ao Ferry Boat, a requalificações das esquinas da Rua Laguna com a Av. Sete de Setembro, da Rua Lauro Muller com a Rua Tubarão; a acessibilidade ao Mercado Público com a elevação da faixa de pedestre.


Totem Ponto de Onibus v

O projeto do novo ponto de ônibus para a cidade vem da necessidade de segurança e legibilidade. É munido com painel solar, que alimenta a ilumanação de LED.

111 O QUE PLANEJAMOS? | INTERVENÇÕES PONTUAIS


Reurbanizaçao Univali O projeto de requalificação do entorno da UNIVALI visa o aumento da segurança e da acessibilidade dos estudantes e da população como um tudo.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Ver. Abrahão João Francisco - Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 5.000,00m²


Acesso ao Ferry O projeto busca requalificar o principal acesso entre Itajaí e Navegantes, melhorando a qualidade urbana da via que dá acesso ao ferry, direcionando a população que chega com esse modal para o centro da cidade.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Prefeito Paulo Bauer Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 15.000,00m²

113 O QUE PLANEJAMOS? | INTERVENÇÕES PONTUAIS


ViABiLiZACOES de -

RODOViAS MUNiCiPAiS e ESTADUAiS

11 O 115 O QUE PLANEJAMOS? | QUE VIABILIZAÇÕES FIZEMOS? | DE OBRAS RODOVIAS ENTREGUES MUNICIPAIS | PRAÇAS E ESTADUAIS E PARQUES


Eixo - Oeste Viario É uma ligação ao oeste da BR 101 entre os bairros Espinheiros e Itaipava.

Via Perimetral Oeste

Eixo de ligação da cidade desviando o fluxo do centro urbano promovendo um contorno viário do trafego de veículos.


Alça Viaria Av. Adolfo Konder

Aumento da capacidade da via com o tratamento dos cruzamentos e criação de retornos de quadra e também a criação de ciclovias e melhorias do passeio.

Novo Acesso Sul Ligação alternativa da Praia Brava de Itajaí (Av. Osvaldo Reis) com a BR101.

117 O QUE PLANEJAMOS? | VIABILIZAÇÕES DE RODOVIAS MUNICIPAIS E ESTADUAIS


Rod. Jorge Lacerda

acerda

L Rod. Jorge

BR

10

1

Acesso a BR101 / Rod. Jorge Lacerda

v

Rod. Antonio Heil Rod. Antônio Heil

1

10 BR

Acesso a BR101 / Rod. Antônio Heil


PROJETOS INTERNOS

119 O QUE PLANEJAMOS? | PROJETOS INTERNOS


A Secretaria Municipal de Urbanismo, além de projetos para cidade, promove também serviços para as demais secretarias e órgãos públicos de vão desde assessoria à projetos arquitetônicos. No ano de 2017 foram desenvolvidos o projeto da Sede da Defesa Civil e preventivo de incêndio, estudos de acessibilidade das unidades de Saúde, além de confecção de mapas para o programa de Estratégia Saúde da Família (EFS). As reformas do Conselho Tutelar (SECAJ), da Associação de Moradores do Espinheiros, do conservatório de Música (Fundação Cultural), do gabinete do Prefeito, além da praça do Cidadão. Elaborou Layouts para o parque do Agricultor (SEAD), e para mudança do SEPOG para procuradoria. Também contribuiu para viabilização do Galpão de Reciclagem (FAMAI), e do concurso do parque do Agricultor (SEAD).


LOTEAMENTOS

121 O QUE PLANEJAMOS? | LOTEAMENTOS


Loteamento Adolfo Konder O loteamento foi desenvolvido para conformar o parcelamento do solo e a infraestrutura urbana de acordo com as necessidades das obras do governo federal implantadas pelo PEC.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Gov. Adolfo Konder Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Recurso: Fundo Municipal Área: 60.471,84m²


Assentamento Popular Sao Vicente O assentamento popular Nilo Bittencourt foi desenvolvido para receber os moradores dos arredores da VEP que terão sua habitações desapropriadas em decorrência da implantação da via.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Nilo Bittencourt - São Vicente Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 14.625,00m²

123 O QUE PLANEJAMOS? | LOTEAMENTOS


Assentamento Popular Cordeiros

O assentamento popular Cordeiros foi desenvolvido para receber os moradores dos arredores da VEP que terão sua habitações desapropriadas em decorrência da implantação da via.

FICHA TÉCNICA Localização: Av. Agostinho Alves Ramos Cordeiros Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 2.229,00m²


REQUALiFiCACOES -

URBANAS

11 O 125 O QUE PLANEJAMOS? QUE FIZEMOS? | REQUALIFICAÇÕES | URBANISMO EM URBANAS NÚMEROS


ARNO BAUER

PARQUE BEIRA RIO O projeto do Parque Beira Rio surge por demanda do porto em resgatar uma área subutilizada que iria refletir no levantamento fundos para a ampliação do complexo portuário. É um projeto inovador com uma arquitetura iconica que visa estimular o turismo, a economia e o lazer. Um empreendimento multiuso integrando a beira rio e o largo do mercado público gerando qualificação da área atual e do seu entorno, devolvendo a vitalidade ao local, com qualidade e segurança.

SITUAÇÃO ATUAL

11 O QUE FIZEMOS? 127 O QUE PLANEJAMOS? | OBRAS ENTREGUES | REQUALIFICAÇÕES | PRAÇAS E URBANAS PARQUES


FICHA TÉCNICA Localização: Av. Min. Victor Konder - Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 50.000,00m²


129 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


131 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


Largo do Mercado Velho A proposta da via compartilhada frente ao mercado público tem objetivo de desviar o fluxo da R. Felix Busso Asseburg tornando-a uma rua mais atrativa, ampliando os passeios com utilização de mobiliário urbano e arborização. Tudo a fim de promover a utilização das calçadas pelos estabelecimentos trazendo vitalidade e lazer noturno.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Felix Busso Asseburg Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 1608,65m²

133 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


Calçadao Mercado Velho proposta I

Além da proposta da via compartilhada frente ao mercadão, também foi desenvolvido uma proposta onde sugere-se a criação de uma peatonal com uma cobertura sob qual aconteceriam eventos gastronômicos.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Felix Busso Asseburg Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 1608,65m²


135 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


137 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


Calçadao Mercado Velho proposta II Outra proposta peatonal com uma cobertura sob qual aconteceriam eventos gastronômicos também é sugerida aqui. A cobertura dessa vez se desenvolve de forma mais flexivel a partir de uma arquitetura textil tensionada em pórticos fixos.

FICHA TÉCNICA Localização: R. Felix Busso Asseburg Centro Projeto: Secretaria Municipal de Urbanismo Área: 1608,65m²

139 O QUE PLANEJAMOS? | REQUALIFICAÇÕES URBANAS


A assimetria dos pórticos e a ideia de movimento criada por eles remete as ondas do mar, da mesma forma foram desenvolvidos 7 tons de azul representando os 7 mares, no instante que a cobertura azul se encontra com as coberturas de tons terrosos (tensionadas como tendas) representando dunas, há a presença de um palco democrático que está instalando frente a um grande quiosque/bar que tem o objetivo de incentivar o uso do calçadão.


-

DECRETOS- E LEGiSLACOES

141 O QUE PLANEJAMOS? | DECRETOS E LEGISLAÇÕES


Iniciativas •

Aprovação do Plano de Mobilidade: Realizada revisão da proposta apresentada pela empresa contratada, elaborado projeto de lei encaminhado à Câmara de vereadores.

Organização do organograma de fluxograma voltado para eficiência e eficácia da Secretaria.

Diagnóstico da atual situação do solo criado, elaboração de regulamentação e relatório individualizado de projetos.

Simplificação do processo de aprovação de projeto hidrossanitário, elaborado decreto de regulamentação. Decreto Municipal nº 11.035/2017.

Realização de audiência pública do Estudo de Impacto de vizinhança (EIV) e do Estudo de Impacto de Polo Gerador de Viagens (EIPGV).

Aprovação relatório genérico de valores para desapropriações da via Expressa Portuária.

Elaboração de Projeto de Reassentamento de famílias da VEP (construção de unidades habitacionais): Aguardando encaminhamento de projeto de Lei para câmara de vereadores criando as ZEIS. Elaboração do termo de referência para contratação de empresa para construção das unidades habitacionais. Licitação em andamento.

Criação e publicação do Decreto 11060/17 que prevê a incorporação do recuo ao passeio.

Elaboração do Projeto de Lei 52/17 que incentiva que os empreendedores construam salas comerciais térreas, o que deve trazer mais segurança, iluminação, circulação de pessoas e aquecimento da economia local.


TRANSPORTE COLETiVO

143 O QUE PLANEJAMOS? | TRANSPORTE COLETIVO


Em 2017 o transporte coletivo foi destaque com a fiscalização dos ônibus, participação no Plano de Emergência com vans, taxis e ônibus que receberam autorização para a realização de condução de passageiros e também o suporte à Transpiedade, que opera o contrato emergencial, para começar operar no município a partir de 1º de agosto. Também foi contratada uma empresa do Laboratório de Transportes da Universidade Federal de Santa Catarina, Labtrans/FEPESE, que está elaborando um estudo de um novo sistema de transporte público da cidade.


ACOES -

ESPECiAiS

145 O QUE PLANEJAMOS? | AÇÕES ESPECIAIS


Além dos projetos urbanos, outras ações também são desenvolvidas dentro da SMU a fim de melhorar a vida das pessoas na cidade. São algumas dessas ações: Prefeitura nos Bairros: A Secretaria de Urbanismo sempre tem participado desse projeto com a intenção de atender a população que está longe, mas que precisa dos serviços prestados por aqui. Serviço de Informações Espaciais: O SIE é uma plataforma online desenvolvida para disponibilizar internamente informação georreferenciadas no muncipio. Já estão disponíveis lá informações acerca da

Moradores da Itaipava recebendo atendimentos na Prefeitura dos Bairros

▪ Malha Viária / Cicloviária e pontes ▪ Patrimônio Público, equipamentos urbanos ▪ Planta de localização de loteamentos ▪ Levantamento Praças ▪ Dutoviário ▪ Levantamento Arborização ▪ Levantamento Drone ▪ Drenagem Pluvial e pavimentação ▪ Levantamento enchentes, Defesa Civil de Itajaí ▪ Lei complementar nº 215/2012: Zoneamento, parcelamento e uso do soloProposta delimitação dos bairros ▪ DET - Propostas de intervenções viárias -Mapas históricos

Plano de Arborização: Surge com objetivo de melhorar a paisagem, criar identidade para as ruas utilizando as plantas de forma adequada. Foi elaborado em 2017: • •

Levantamento quantitavio, qualitativo (FAMAI). Definição dos Eixos.

Plano de Calçadas: Tem o objetivo de melhorar a acessibilidade urbana com enfoque nas calçadas inclusivas. Foi elaborado: • • •

Demarcação das rotas acessíveis da cidade. Definição do padrão construtivo do perfil básico. Finalização e revisão da futura lei para implementar a cartilha das calçadas inclusivas.

Revisão do Plano Diretor, código de zoneamento, código de obras e código de posturas. Encaminhado termo de referência à SEPOG. Aberto e em andamento o procedimento licitatório para contratação da empresa de consultoria.

Mapeamento dos Patrimônios Públicos e Equipamentos Urbanos. (Serviço de Informações Espaciais)

Zoneamento (Serviço de Informações Espaciais)


O QUE QUEREMOS PARA 2018?

147 O QUE QUEREMOS PARA 2018? | METAS E PLANOS


Planos para o futuro.. . Além da continuidade de tudo que vem sendo planejado e desenvolvido pela secretaria no ano de 2017, o próximo ano carrega expectativas que vão ao encontro aos planos incentivados aqui para uma cidade mais humana. Para isso a SMU trabalha constantemente atendendo a demanda da população por espaços públicos de mais qualidade, tal como uma melhor acessibilidade à esses espaços e à cidade como um todo.

• Início da execução do novo sistema viário de Itajaí com base no Plano de Mobilidade Urbana.

São as principais metas da Secretaria Municipal de Urbanismo de Itajaí para 2018:

• Finalização do Estudo do Transporte Coletivo e os novos termos para o edital de licitação, o manual de cálculo tarifário específico do município e georreferenciamento de todo o sistema.

• Elaboração da Revisão do Plano Diretor com nova Lei de Zoneamento, Código de Posturas e Código de Obras.

• Requalificação das vias, padronização de passeio e arborização da cidade. • Viabilização do Parque Linear do Rio Itajaí Mirim • Ampliação do sistema cicloviário incluindo a ciclovia turística da orla


ANUÁRIO SMU - 2017  
ANUÁRIO SMU - 2017  
Advertisement