Page 1

6 anos Se beber, não dirija!

edição 2 | dezembro 2009

Aos Democratas Em Dobro Bar apresenta novo espaço e inova ao trazer um novo conceito em samba, chopp e futebol

birita

O melhor tirador de chopp do país Mais uma vez, bar conquista prêmio de qualidade da Ambev

democráticas

Misses caem no samba no Aos Democratas


pé no samba

Mini-orquestra

O Aos Democratas estreia, em dezem-

bro, uma nova banda fixa, com estrutura inédita em casas de show do Brasil. Serão doze músicos

que dá

(quatro cordas, quatro metais e quatro percussões), tocando um repertório composto pelo melhor do samba, samba-rock, samba de gafieira, MPB e samba enredo, que é tocado no bar. “Nem em casas do

samba

Rio de Janeiro há bandas como a que vamos ter. Seremos uma referência nacional, sobretudo no Sul do país”, aponta o músico e produtor musical do Aos Democratas, Jack.

A nova banda terá a formação de uma mini-orquestra e será composta pelos melhores músicos de samba

da cidade. O objetivo é mesclar a descontração (marca registrada do Aos Democratas) a músicos de primeira. De acordo com Jack, a ideia é apresentar a Curitiba uma estrutura que só é vista em apresentações de grandes artistas nacionais. “A gente só vê uma banda como a que estamos formando em shows de caras como Zeca Pagodinho e Dudu Nobre. Agora, o público curitibano poderá assistir todos os dias a uma grande apresentação”, apontou o produtor musical. “É preciso destacar o incentivo que Aos Democratas sempre deu a nós, músicos. Para mim, essa mini-orquestra é um sonho realizado”, finalizou.

democráticas

1.

Elas, as

! s e s s i m Não, o Aos Democratas não se

tornou uma passarela, mas esteve repleto de misses, na terça-feira, 10 de novembro. Em uma festa promovida em parceria com a Danilo D’Ávilla Eventos, o bar foi palco da primeira aparição oficial da Miss Curitiba 2010, Danielle Stival. Também marcaram presença Suzimara Steff e Jéssica Jorge, que ficaram em segundo e terceiro lugares no concurso.

1. Jéssica Jorge, Danielle Stival e Suzimara Steff comemoram a conquista 2. Em noite de festa, as misses brindaram no Aos Democratas 3. O promotor do Miss Curitiba, Danilo D’Ávilla (ao centro) foi recebido pelos proprietários do bar, Márcio Minoru e Leandro Teixeira.

2

2. 3.


parceria

Por dentro da

velocidade! No final de outubro, o Autódromo Internacional de Curitiba vibrou ao som dos motores dos carros da Stock Car, Stock Car Light e Pickup Racing. Foram dias em que a emoção foi realçada pela velocidade. E o Aos Democratas não poderia ficar de fora. Em uma iniciativa inédita, o bar firmou parceria com a AMD Racing, da categoria Pickup Racing. Com a parceria, Júlio Campos, da AMD, venceu a prova e conquistou, por antecipação, o título da categoria. Seu colega de equipe, Fabrício Lançoni, chegou em sePARCERIA: O proprietário da AMD, Fábio Arasanz (ao centro), com os proprietários do Aos Democratas, Leandro Teixeira e Márcio Minoru

gundo lugar. Com o resultado, a AMD foi campeã por equipes. Festa completa!

We are the champions! A equipe e convidados da AMD Racing e do Aos Democratas assistiram à corrida de um camarote, no Autódromo Internacional de Curitiba. De lá, todos viram as máquinas da equipe dominarem a prova e receberem a bandeira quadriculada. Após a premiação oficial, o que não faltou foram motivos para comemorar. Haja champagne!

DOBRADINHA: Júlio Campos e Fabrício Lançoni comemoram no pódio

PLIM-PLIM: O narrador Luiz Roberto, com Leandro Teixeira, do Aos Democratas

NOS BOXES: Márcio Minoru e sua namorada Débora Nichele


em dobro A evolução do conceito em

A essência continua a mesma: reunir em um só bar a descontração dos botecos cariocas e a qualidade dos serviços dos estabelecimentos paulistas, adequados à exigência do público curitibano. E, de quebra, oferecer o melhor chopp Brahma do país e um

samba, futebol

e chopp!

espaço “democrático” para acompanhar o futebol, tudo ao som do bom e velho samba. A novidade é que o Aos Democratas está ainda maior. Não só em espaço, mas também o conceito foi ampliado. São quatro ambientes, dois palcos, uma mini-orquestra de samba, o maior telão de casas noturnas do país, vinte pontos para assistir futebol e o único Camarote Brahma permanente do país. A casa continua inovando, trazendo o que há de mais moderno

Aem Lapa: o berço do samba som, iluminação, música, decoração, ... enfim: um bar como você merece!

A Lapa: o berço do samba

Os clientes democráticos vão se sentir na Lapa. O primeiro novo ambiente do bar reproduz uma rua do bairro carioca onde o samba nasceu. Tudo faz referência e remonta à boemia sambista: desde as calçadas com pedrinhas portuguesas à arquitetura, reproduzida em casas cenográficas, postes de iluminação e móveis de época.

Serão dois bares funcionando em tempo integral, devidamente caracterizados e com a cara da Lapa. Nesta atmosfera, dá até a impressão de que a gente vai encontrar Noel Rosa em alguma esquina.

4


Para cair no samba... No primeiro novo ambiente fica o palco principal. Nele, todas as noites, à partir das 21h30, uma mini-orquestra composta pelos melhores músicos da cidade vão tocar o melhor de todas as vertentes do samba, em uma leitura democrática. O projeto de som da casa é referência no Brasil. Foi desenvolvido pela Bose e assinado pelo engenheiro que já desenvolveu projetos para a Nasa, Broadway, Ferrari e Hard Rock Café. Os equipamentos são de primeira, modulados de maneira a proporcionar um som mais potente e com maior qualidade. Destaque também ao projeto de iluminação, que trouxe um novo conceito a Curitiba. Agora, é só cair no samba!

Escolas na avenida

Da Lapa, o samba foi mais popularizado e mais

difundido por meio das escolas de samba. Nas avenidas, com fantasias e criatividade, o samba se tornou produto de exportação e um dos responsáveis pela projeção do Brasil em âmbito internacional. É a maior festa popular do planeta!

O segundo novo ambiente do Aos Democratas é, justamente, uma homenagem às escolas de

samba. O espaço é um mesanino, decorado com objetos e motivos que lembram as agremiações que fazem bonito no carnaval. Os clientes democráticos vão se sentir em plena Marquês de Sapucaí.

O único camarote Brahma fixo do Brasil

Happy Hour de responsa O espaço do Aos Democratas que você já conhecia continua com a mesma cara. Será o ambiente ideal ao happy hour, com direito à brasilidade dos petiscos da casa e ao melhor chopp Brahma do país. No palco, à partir das 18 horas, os músicos tocarão sucessos da MPB e Bossa Nova, criando um clima agradável e ideal para aquele bate-papo após

No carnaval, as festas mais desejadas são as promovidas no Camarote Brahma. Personalidades, atores, músicos e celebridades marcam presença nos eventos. O vermelho e branco se unem ao sabor do chopp Brahma, dando um gosto especial ao samba. O Aos Democratas vai ser a única casa do Brasil a ter um Camarote Brahma fixo. O espaço fica no segundo mesanino e é caracterizado fielmente ao evento mais disputado do carnaval.

o trabalho. É a qualidade que você já conhece!


birita lançamento

O melhor chopp do Brasil! Depois de conquistar por três anos consecutivos prêmios Colarinho de Ouro da Real Academia do Chopp, o Aos Democratas tem agora também o melhor tirador de chopp do país. O gerente-comercial do bar, o animado André Ramos conquistou o título de campeão do Brasil Master Chopp, também promovido pela Real Academia. Com seu chapéu panamá, sapato bicolor e encarnando o melhor estilo da “malandragem do samba”, André deixou os outros competidores para trás e trouxe mais um troféu para a galeria do Aos Democratas. Os competidores foram avaliados nos quesitos: Respeito ao ritual, Qualidade no serviço, Habilidade, Destreza e Simpatia.

é chopp

Dicas para um bom chopp O primeiro passo é a higienização da caldereta. Ela deve ser lavada com detergente neutro e secado naturalmente. Em seguida, o copo deve ser resfriado com gelo ou água gelada, para que o recipiente fique em temperatura semelhante à do chopp. Deve se dispensar o primeiro jato de chopp. Isso elimina resquícios da bebida que, porventura, tenham ficado na chopeira e evita a formação de espuma em excesso. Ao servir, o copo deve ser segurado com as pontas dos dedos, a um ângulo de 45 graus. O líquido deve preencher até aproximadamente a borda. O próximo passo é o colarinho. Com a caldereta posicionada a um ângulo de 90 graus, deve-se despejar o creme até que transborde (o que elimina bolhas e deixa o colarinho mais homogêneo). O ideal é que o colarinho tenha em torno de três dedos. O último passo é a apresentação. Limpe a base do copo e sirva sobre uma “bolacha” de papelão. Tim tim!

Sauza e... shot!!! Originária do México, a Tequila é uma bebida permeada de lendas e rituais de degustação. Um dos mais famosos é o “shot” com sal e limão. Ninguém sabe ao certo como tudo começou, mas reza a lenda que, durante a epidemia mundial de gripe em 1918, alguns médicos começaram a receitar shots de tequila como tratamento. Coincidentemente (ou não...), depois da epidemia, muitos “pacientes” alegavam estar com gripe para continuar o “tratamento”. No Aos Democratas, a sugestão para os “shots” é a Tequila Sauza. Envelhecida e com história que data de 1873. Saúde!

6


comida de boteco nça... Carne de O

! ...Racapeta

Carne de Onça Onça ou ou Racapeta? Racapeta? Por Marco Guimarães, chef do Aos Democratas

D

e onça na verdade ela absolutamente nada tem,

da, vem ainda acrescentada de páprica, alho, variando muito

e, acreditem, muitos quando olham escrito isso no

com molho inglês, gema de ovo, alcaparras, molho tártaro e

cardápio quase incontrolavelmente perguntam ao

mostarda escura.

garçom: “É de onça mesmo?”. De carne bovina, o prato típi-

co curitibano, tem esse nome por causa do hálito que deixa

te não se serve com qualquer tipo de pão, enquanto a Carne

após ser degustado: o famoso “bafo de onça”. Mas não pense

de Onça é tradicionalmente servida com broa ou pão preto.

que isso seja um obstáculo ao delicioso sabor da carne com

A tradição ainda diz que normalmente o prato é feito na pre-

seus variados temperos. Há muita confusão entre a Carne de

sença do cliente.

Onça e a Racapeta. Mas qual a diferença entre elas?

A Racapeta (Hackepeter, em alemão) tem origem no

de Onça ou a Racapeta com um chopp Brahma. Pela sua fa-

norte da Alemanha e em Berlim e foi trazida a Curitiba pelos

cilidade e praticidade irá impressionar certamente seus ami-

imigrantes e acabou virando Racapeta. A Carne de Onça é

gos. Se for ao bar ou restaurante fique atento e procure se

uma variante deste prato, porém mais rústico, baseado em

informar qual prato e como ali é servido, tenho certeza que

carne bovina, cebola, pimenta preta, azeite e cebolinha, sal e

muito estabelecimento agora irá rebolar para lhe esclarecer o

o pão preto. Já a Racapeta, mais tempera

que agora você já sabe.

A apresentação varia muito. A racapeta normalmen-

Conversa à parte o bom mesmo é saborear a Carne

no cardápio

Crocante por fora, macio por dentro Um petisco crocante, que harmoniza o sabor suave da carne frango à brasilidade do tempero à base de mandioca. Estes são alguns dos motivos para se provar a Tulipa Aos Democratas, a novidade que o bar acaba incluir em seu cardápio e com a qual o bar participou do Festival Bar em Bar, promovido pela Abrasel. O prato tem como base asas de frango, cuja carne é puxada a uma das extremidades, formando uma tulipa. O recheio conta com o sabor inconfundível da mandioca, realçado por cubinhos de bacon. Antes de serem fritas, as tulipas são empanadas em ovos, farinha e tortilha de milho, dando um gostinho especial à crocância do prato.


bate-bola bate bola

m o c l o b e t Fu o t l a o t l a s Q uando se fala em jogo de futebol, logo se imagina 22 jogadores em campo,

com os zagueiros grandalhões, os meias

franzinos e habilidosos e os atacantes com porte atlé-

tico, no melhor estilo centroavante. Um estereótipo que

por Patricia Bahr

não é à toa. Historicamente o ambiente do futebol sempre foi marcado por um universo machista. Se o jogo é ruim, logo o caracterizam como “pelada”. Se o jogador atua mal,

e prestígio: foi ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2003, em

de forma displicente em campo, apontam: “está jogando

Santo Domingo, e de 2007, no Rio de Janeiro, além de duas

de salto alto”. Entretanto, hoje os tempos são outros e as

medalhas de prata nas Olimpíadas de Atenas em 2004 e em

mulheres estão, a cada dia, conquistando mais o seu espa-

2008, em Pequim. Também foi eleita a melhor jogadora do

ço. É o futebol com salto alto, batom, cabelo comprido... a

mundo em 2006, 2007 e 2008. Hoje, encanta os gramados

bola, agora, também é das mulheres!

brasileiros com a camisa 10 do Santos, que já foi vestida por

Quem acha que a dobradinha “futebol e mulher” é algo novo, está enganado. Em 1898, em Londres, Inglaterra e

ícones como o Rei Pelé e o craque Robinho. Marta brilha muito com a bola nos pés. Assim como

Escócia protagonizaram o primeiro jogo de futebol, entre

brilham tantas outras meninas e mulheres nos campinhos do

mulheres, da história. No Brasil, a primeira partida feminina

Brasil e gramados de todo o mundo. Futebol arte, bonito de se

foi em 1921, em São Paulo, entre mulheres de Tremembé e

ver, gostoso de jogar. Futebol para não deixar marmanjo ne-

de Santa Catarina.

nhum olhar atravessado. Os campos de futebol agora também

Um dos ícones desta nova fase do futebol feminino é brasileira, da cidade de Dois Riachos-AL. Com dribles desconcer-

são delas, num futebol de salto alto, sim senhor, mas que não perde o equilíbrio e tem muito talento nos pés.

tantes, jogadas de pura magia e gols espetaculares, Marta conquistou o planeta futebol e encantou a homens e mulhe-

Patricia Bahr é jornalista e admiradora do futebol arte –

res com a bola nos pés. Pela seleção Brasileira ganhou títulos

de homens e mulheres | patybahr@hotmail.com

O bar oficial do futebol O Aos Democratas já é reconhecido por ser o ponto de

telão de 4 x 6 metros: o maior em bares do Brasil. Além

encontro de torcedores de todos os clubes, que encontram no

disso, a casa (que já tinha 8 monitores de 42 polegadas)

estabelecimento um ambiente agradável para assistir ao vivo

disponibilizou 10 novos monitores, agora, de 50 pole-

a diversas partidas dos principais campeonatos do mundo.

gadas. Nas telas, o melhor de todas as modalidades

A estrutura, que já era boa, ficou ainda melhor. Os

expediente

clientes democráticos poderão assistir aos jogos em um

esportivas, para que o cliente não perca nada. Serão vários estádios no boteco. É só escolher o jogo.

Aos Democratas | Rua Dr. Pedrosa, 485 | Batel | 41 3024 4496 | www.aosdemocratas.com.br Produção: Centro de Notícias Comunicação | Jornalista Responsável: Guilherme Vieira – Mtb: 1794 Redação: Felippe Aníbal | Projeto Gráfico: Rodrigo Braga | Diagramação: Rodrigo Braga e Andrea Pacheco Fotos: Mauro Campos

Informativo Aos Democratas  

Informativo feito para o bar Aos Democratas pelo Centro de Notícias Comunicação

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you