Page 1

Escola Secunária DSancho I

A Importância Das Associações No Nosso Concelho

Tabalho realizado por: Adriana Martins nº1 Adriana Barbosa nº 2 Ana Filipa Ribeiro nº5 Bruna Meireles nº6 Luciana Silva nº13 Ddocente : Raquel Costa


Índice As Cinco Mosqueteiras........................................................................................3 Introdução..........................................................................................................10 Área de Projeto é................................................................................................11 Como será o nosso projecto................................................................................12 Calendarização....................................................................................................15 Sumários..............................................................................................................22 Vamos espreitar o que fazemos durante as aulas...............................................33 Logótipo Solidário................................................................................................47 Nossas Atividades................................................................................................42 Visista á Associação “Dar as Mãos”.........................................................43 Decoração de Caixotes............................................................................49 Triagem....................................................................................................54 Feira “S.O.P.A para Todos”......................................................................58 Triagem Gondifelos..................................................................................73 Viagem a Lisboa.......................................................................................77 Anexos.................................................................................................................81 Documentos fornecidos pelo professor.............................................................105

2


As Cinco Mosqueteiras ...

3


Adriana Martins Chamo-me Adriana Filipa Pereira Martins, mais conhecida por Dri ou Drica como bem entenderem. Sou da turma 1207, do curso Línguas Humanidades. Eu vou-vos falar de mim, tenho 18 anos, sou de Gavião. Sou de estrutura média, tenho olhos azuis e sou morena no Verão. Quem me conhece sabe que eu sou uma rapariga simpática, mas também um pouco chata. Adoro ajudar os meus amigos no que posso. Gosto imenso de ouvir música, ver televisão principalmente séries e ler. Descobri este gosto pela leitura que me ajuda a ser um pouco mais culta. Adoro comer, tenho alguns pratos preferidos como arroz de frango, de marisco e de pato. Enquanto a minha vida profissional, ainda estou indecisa do que quero seguir. O que eu gostava de ser era fotógrafa, porem este curso é muito procurado e não tem muitas saídas profissionais. Alem de fotografia gosto de fazer manicure, este também pode ser um futuro a seguir. Bem acerca de mim não há mais nada a dizer. Quem sabe no futuro saibam mais alguma coisa.

4


Luciana Silva Chamo-me Luciana Silva, tenho 18 anos, moro em Arnoso Santa Maria. Vivo com a minha mãe, a minha avó e tia. Sou uma pessoa simpática, responsável, sou bem disposta e tento alegrar os outros, mas também tenho o meu lado de resmungona e teimosa que por vezes não é fácil de lidar. Estou inserida como estudante de Línguas e Humanidades e estou a acabar o último ano secundário. Para ambições futuras pretendo entrar na escola de hotelaria do Porto e formar-me. Quando tiver mais experiencia, gostaria de abrir uma pastelaria e ser uma grande chefe de bolos. Gosto de fazer exercício físico, pois é uma maneira de me sentir bem, adoro andar na risota, de estar com as amigas, de ir ao cinema especialmente ver filmes de terror, amo fazer bolos é algo que me satisfaz e me distrai da rotina, gosto de ouvir musica e estar no meu mundo a pensar. Gosto de jogar Play Station. Uma das coisas que realmente não me agrada é o facto de ter de estudar, de esperar muito pelas pessoas, detesto estar em casa sem fazer nada e do mau tempo, podia dizer mais coisas mas estas são as principais. Tudo o que escrevi sobre a minha personalidade é o que realmente me define, e não tendo mais nada a referir, dou por terminado a minha caracterização.

5


Adriana Barbosa Chamo-me Adriana Filipa Silva Barbosa e tenho 17 anos. Sou simpática,

simples,

divertida,

bem-disposta.

Mas

também

teimosa,

resmungona e preguiçosa. Estou no 12º ano do curso de Línguas e Humanidades e pretendo entrar na universidade no curso de Educação na Escola Superior de Educação Paula Frassinetti no Porto. Gosto de estar com a minha família, com os meus amigos, de ir ao cinema, embora não tenha muito tempo para isso, de ir á praia, sorrir, passear, ler, ouvir musica. Detesto o frio, secas, discussões, chorar, mentiras, pessoas falsas. Não gosto de me levantar cedo. Sou como sou e até hoje nada me arrependo de fazer.

6


Ana Filipa Ribeiro Cheguei ao mundo no dia 12 de Março de 1993 com o nome de Ana Filipa Castro Ribeiro, tenho 17 anos e vivo em Vila Nova de Famalicão. Com o passar dos anos, fui descobrindo a minha personalidade e a pessoa que sou. Descobri que sou uma pessoa carinhosa, amiga dos meus amigos, boa companheira, lutadora e perfeccionista. Descobri também que tenho defeitos sou muito teimosa, um pouco orgulhosa e irrito-me facilmente. Tento compensar estes defeitos com aquilo que tenho de bom. Desde pequenina tenho o meu futuro muito bem determinado, ser jornalista! Tenho este fascínio pela profissão desde os três anos de idade. Já com esta idade ia com os meus pais para as conferências de imprensa, para os congressos políticos, debates, reuniões de Assembleia Municipal entre outros. Uma das experiencias que mais gostei foi a ida à Assembleia da Republica. Foi um momento único. Neste momento estou no décimo segundo ano e ansiosa por entrar a universidade para ai seguir mesmo a área de jornalismo. Contudo vou sentir grande tristeza por deixar a turma em que estou. Tenho grandes amigas como a Adriana Barbosa, a Luciana, a Bruna, passamos momentos inesquecíveis. Como podem ler sou uma pessoa com os objectivos bem definidos e com espírito de luta para os conseguir obter. Isto deixa-me concretizada e bastante feliz

7


Bruna Meireles Olá amigos, chamo.me Bruna Meireles e tenho 20 anos. Sou uma menina de estatura média, gordinha, tenho cabelo loiro e olhos esverdeados. Vivo em Famalicão, mais propriamente nas Lameiras com a minha mãe, com o meu irmão e com a minha sobrinha. Estudo na escola D.Sancho I, também em Famalicão, no décimo segundo ano no curso de Línguas e Humanidades. Basicamente sou uma rapariga divertida, brincalhona, alegre, bem-disposta mas o sobretudo sou muito amiga dos meus amigos. - “Adoro ajudar as

pessoas”! Contudo, tenho também o meu lado “off”, em que sou teimosa, muito resmungona, chata e por vezes preguiçosa. Para o meu futuro gostava de entrar na Escola Superior de Educação Paula Frassinetti no Porto, para tirar o curso de educadora de infância O que mais amo no mundo são as crianças, dai este meu sonho desde pequena em seguir esta área. Na vida gosto de fazer varias coisas, mas a mais importante é estar com o meu afilhado de 1 aninho chamado Salvador. Ele para mim é o meu tesouro, adoro todos os dias passados com ele, todas as horas, todos os minutos, todas as brincadeiras, tudo onde ele esteja. Existem muitas coisas que eu pessoalmente odeio, como mentiras, traições, discussões, guerra mas principalmente odeio pessoas cínicas. Penso que toda esta minha caracterização chega para definir todo o meu carácter e dar-vos uma pequena ideia de como sou, pois

se tivesse que

escrever todas as minhas qualidades/ gostos e todos os meus defeitos não chegaria um livro de 900 paginas!!

8


Área projecto é...

9


1)

O que é a Área de Projecto, para que serve e como se faz?

A Área de Projecto é uma disciplina que debate temas que podem ser ou não da actualidade. Esta, desenvolve-se um tema escolhido ao inicio do ano para no final apresentar um trabalho, que inclui todo o trabalho realizado ao longo do ano. Para relizar um projecto é necessário formar objectivos, organizá-los, desenvolvê-los e pô-los em prática. Oprojecto tem como finalidade preparar-nos e alertar-nos para os acontecimentos futuros.

2)

Como poderemos desenvolver um projecto?

Um projecto pode ser desenvolvido de várias maneiras. O inicio do projecto torna-se igual com a formação de objectivos, organização destes, a investigação, a preparação para no final obter uma só informação para expor à sociedade. Esta informação pode ser apresentada de várias formas, como por exemplo: teatros, palestras, exposições, vídeos, etc. Quando finalizado este projecto poderá ou não ser bem sucedido.

3) Para trabalharmos em grupo são necessários alguns pressupostos básicos, de forma a que o projecto seja mais facilmente exacutado. Indique quais são? Para que um grupo trabalhe, num todo, de forma organizada e sem problemas é necessário ouvir todos os elementos em questão, falar de uma forma ordeira, debater ideias, organizar as deias, aceitar as várias sugestões de cada elemento, divisão de tarefas de um modo igual, respeito pelo trabalho de cada um.

10


Como serรก o nosso Projecto...

11


1) Tema do projecto – IPRS´S – Importância das Instituições no nosso concelho 2) Propósitos do trabalho:  Informar a sociedade o que fazem as associações  Modo funcional  A quem ajudam  Como arranjam os bens essenciais 3) Intervenientes:  Adriana Martins  Adriana Barbosa  Ana Filipa Ribeiro  Bruna Meireles  Luciana Silva  Director das várias associações  Voluntários 4) Objectivos:  Ajudar as instituições a ser divulgada  Ajudar as instituições com os bens necessários  Conseguir alertar as pessoas para este tema. 5) Resultados ou produtos esperados:  Sensibilizar, envolver as pessoas nas associações;  Angariar o maior número de bens para ajudar as várias instituições de Vila Nova de Famalicão. 6) Estratégias para atingir os objectivos e ou produtos (actividades e processos de trabalho)  Anuncio no jornal “ O Povo Famalicense”;  Noticia ou explicação do nosso trabalho;

12


 Palestras

com

os

vários

elementos

das

diversas

associações/instituições;  Investigação sobre cada instituição;  Visitar algumas instituições;  Fazer voluntariado;  Entregar os bens recolhidos  Anuncio no jornal da escola  Cartaz a entrada da escola  Posto de recolha na escola e na redacção do jornal. 7) Quais os recursos e materiais de que vão necessitar:  Computador  Jornal “OPF”  Rómulo de Carvalho  Caixotes para a recolha dos bens  Veiculo para transportar os bens  Cartazes de sensibilização 8) Obstáculos a encontrar:  A falta de adesão da população  A indisponibilidade das pessoas para as palestras 9) Divisão de tarefas:  Ana Filipa:  Adriana Barbosa:  Bruna Meireles:  Luciana Silva:  Adriana Martins:

13


Calendarização

14


Outubro 1 6 8

12 13 15

19 20 21 22 26 27

Formação de grupos e escolha de temas a tratar Apresentação dos temas a turma Aula: Iniciação do projecto- Acta, planificação do projecto, forma de realizar o diário de bordo, calendarização, planificação das varias visitas as associações. Reunião de Grupo: Contactos, e-mails as associações / diario de bordo da aula nº 4 [8/10/10] Aula: Trabalho de aula, planificação do anuncio para de apelo a a sociedade, circular, contactos com associações. Aula: Debater ideias sobre o cartaz de sensibilização, organização das visitas, questões para a orientação da visita, alteração da calendarização. Trabalho de campo: Visita a “Associação Dar as Mãos” Trabalho de Campo: Entrevista com o jornal “O Povo Famalicense” Aula: Trabalho de pesquisa para apresentação a turma Reunião de Grupo: Organização do trabalho Aula: Apresentação dos trabalhos com critica dos outros grupos. Reunião de Grupo: decoração dos caixotes Aula: debate sobre as vistas

15


Novembro 3

4 5 9

10 12

17 19 24 26

30

Aula: Planificação do relatório de grupo Reunião de Grupo: Continuação da decoração dos caixotes, powerpoint, documentos passados para formato digital, Diarios de Bordo em falta. Reunião de Grupo: Continuação da decoração dos caixotes Aula: Continuação do relatório de grupo, ida a escola Júlio Brandão. Reunião de Grupo: Continuação da decoração dos caixotes, reformulação do portofolio, actualização da calendarização, impressão da circular, inicio da produção de um vídeo sobre o nosso primeiro período Aula: Circular,pontos do portefólio, aprovação dos caixotes, e caracterização de um elemento. Reunião de Grupo: decoração de caixotes Aula: Continuação da elaboração do portefólio, realização do cartaz e elaboração de um video Aula: Colação dos postos de recolha,aquisição da circular.terminamos com um filme "O quarto poder" Aula: Continuação do visionamento do filme,primeira reunião com a representante da YUPI Aula: Breve referência ao portefolio. Dúvidas acerca do relatório de grupo e ideias acerca do dia da "S.O.P.A para todos" Aula: Entrega de relatórios individuais. Presença da representante da YUPI, a Mariana. Dialogo com o nosso grupo acerca dos pontos da feira e do voluntariado. Reunião de grupo: conclusão da decoração dos últimos caixotes. Reunião de Grupo: Recolha de patrociníos para a feira “S.O.P.A para todos” e inscrição para a mesma.

16


Dezembro 3 5 7 9 10 15 17 21 22

Aula: Entrega e apresentações do portefólio Reunião de grupo: Finalização do portefólio e organização da feira Feira “S.O.P.A para todos”. Reunião de grupo: Revisão e adição de mais uma atividade realizada pelo grupo no portefólio Reuniao de grupo: Conclusão do relatório de grupo Aula: Entrega dos relatórios de grupo e apresentação do portefólio Aula: Auto e hetero-avaliação Aula: Balanço dos trabalhos realizados no primeiro periodo Formação do voluntariado para quatro elementos do grupo Reunião de grupo: Triagem e entraga de bens à Associação “Dar As Mãos”

17


Janeiro 5 7 10 12

14 18 19

21 25 26 28

Aula de área de projecto – Circular; plano para o 2º período, Diário de bordo Aula de Área de Projecto- Relatórios da entrega dos bens Reunião com a yupi e a Associação dar as mãos Aula de Área de Projecto – preparação e entraga da calendarização Reunião –Triagem Aula de Área de Projecto- preparação das atividades para este período Triagem em Gondifelos com a YUPI Aula de Área de Projecto- planeamento da reunião com a YUPI, relatorio da formação de voluntariado e relatório da triangem do dia anterior. Reunião- Reunião com a YUPI Aula de área de projecto- Visita a Júlio Brandão Triagem em Gondifelos com a YUPI Aula de Área de Projecto – Inicio da elaboração do relatório de grupo Aula de Área de Projecto – Continuação da elaboração do relatório de grupo

18


Fevereiro 2 4 5 8 9 11 15 16

18 23

25

Aula de área de projecto – Continuação do relatório de grupo, cridibilidade para a carta dirigida aos hipermercados Aula de área de projecto – Entrega do relatório de grupo, preparação das diferentes atividades. Ida a Lisboa ao ano Europeu do Voluntariado Loja Social – Ana Filipa, Bruna, Adriana Martins Visita a Mafra Aula de Área de Projecta – Preparação da apresentação oral à turma sobre o trabalho já realizado Loja Social- Ana Filipa, Bruna, Adriana Martins Aula de Área de Projecto – Apresentação Oral do ponto de situação de cada grupo de trabalho Loja Social – Adriana Barbosa e Luciana Aula de Área de Projecto – Continuação das diferentes atividades para os diferentes grupos de trabalho Aula de Área de Projecto – preparação do portefólio para este período e elaboração do 2º relatório de grupo. Loja Social- Luciana e Adriana Barbosa Aula de área de projecto – Avaliação dos trabalhos apresentados na aula e elaboração dos relatórios da Loja Social. Reunião: Filmagens para apresentação do portefólio.

19


Março 1 2

4 10

11 16 18

23 25

30

Loja Social – Ana Filipa, Bruna e Adriana Martins Aula de área de projecto – Ida a escola Julio Brandão para averiguar o ponto da situação da recolha de bens, revisão do portefólio. Aula de área de projecto – Não houve aula Aula de área de projeto – realização de realtórios em atraso, Organização da apresentaçãop do portefólio e debate sobre vários assuntos. Aula de área de projecto –Continuação da elaboração do portefólio Reunião – Triagem e entraga dos bens à associação Dar As Mãos Aula de área de projecto – Organização de diários de bordos, Anotação de material em falta para o portefólio. Visualização da estrutura do portefólio. Aula de Área de Projecto – Continuação da elaboração do portefólio. Aula de Área de Projecto – Preparação da apresentação dop portefólio, continuação do segundo relatório de grupo. Reunião – Preparação do portefólio a ser entregue no próximo dia 30 deste mês. Aula de Área de Projecto- Apresentação dos portefólios e entrega dos relatórios de grupo (segunda parte)

20


Abril 1 5 6 8

Aula de Área de Projecto Loja Social – Ana Filipa, Bruna e Adriana Martins Aula de Área de Projecto Loja Social – Luciana e Adriana Barbosa Aula de Área de Projecto Reunião – Triagem e entrega dos bens

21


Sumรกrios

22


Aula nº1 29 de Setembro de 2010 Sumario: Apresentação. Conversa com os alunos sobre a disciplina de área de projecto.

Aula nº2 1 de Outubro de 2010 Sumário: Constituição dos grupos de trabalho. Indicação de diferentes temas para a relação do projecto nos diversos grupos. A estrutura do projecto.

Aula nº3 6 de Outubro de 2010 Sumário: Apresentação oral dos temas pretendidos á turma pelos diferentes grupos no sentido de se averiguar existência ou não de temas semelhantes.

Aula nº4 8 de Outubro de 2010 Sumário: Constituição definitiva dos grupos de trabalho. Indicação e explicação do tema a abordar no projecto. Redacção e entrega da acta de grupo referente a esta situação. Aula nº5 13 de Outubro de 2010 Sumario: Inicio ao trabalho de pesquisa e investigação sobre o tema/problema a trabalhar. Elaboração do primeiro diário de bordo.

23


Aula nº6 15 de Outubro de 2010 Sumário: Continuação do trabalho de pesquisa iniciada na aula anterior.

Aula nº7 20 de Outubro de 2010 Sumário: Conclusão do trabalho de pesquisa realizado nas aulas anteriores.

Aula nº8 22 de Outubro de 2010 Sumário: Apresentação de trabalhos de pesquisa realizados nas aulas anteriores.

Aula nº9 27 de Outubro de 2010 Sumário: Continuação da aula anterior. Realização do diário de bordo.

Aula nº10 29 de Outubro de 2010 Sumário: Inicio da planificação das diferentes actividades de cada grupo irá realizar.

Aula nº11 3/11/2010 Sumário: Conclusão da aula anterior. Reflexão acerca da apresentação dos trabalhos. Início da redacção do primeiro relatório de grupo.

24


Aula nº12 5/11/2010 Sumário: Continuação da redacção do relatório de grupo. Aula nº13 10/11/2010 Sumário: Conclusão da elaboração do relatório de grupo.

Aula nº14 12/11/2010 Sumario: Reinicio e revisão da elaboração dos projectos dos diferentes grupos.

Aula nº 15 17/11/2010 Sumário: Visionamento do filme “ O quarto poder”, apresentado por um dos grupos da turma do âmbito do seu projecto.

Aula nº 16 19/11/2010 Sumário: Conclusão do visionamento do filme iniciado na aula anterior. Realização de uma ficha de trabalho acerca do filme. Reorganização dos projectos efectuados pelos grupos. Início da construção do portfolio.

Aula nº 17 24/11/2010 Sumário: Continuação da organização do portfolio de grupo.

25


Aula nº 18 26/11/2010 Sumário: Participação no Congresso promovido pela Fundação Bernardino Machado no âmbito da comemoração do primeiro centenário da República.

Aula nº19 3/12/2010 Sumário:Apresentação do portefólio de grupo. Aula nº 20 10/12/2010 Sumário: Continuação da apresentação dos portefólios. Aula nº21 15/12/2010 Sumário: Avaliação dos trabalhos realizados pelos alunos. Auto e hetero avaliação.

Aula nº22 17/12/2010 Sumário: Balanço do aproveitamento dos alunos ao longo do 1º período. Aula nº23 5 /01/2011 Sumario:Apresentação oral á turma do ponto de situação do trabalho de cada grupo.

Aula nº24 7 /01/2011 Sumário:Organização das actividades argendadas pelos diferentes grupos.

26


Aula nº25 12 de Janeiro de 2011 Sumário Continuação da aula anterior. Entrega do calendário por cada grupo.

Aula nº26 14 de Janeiro de 2011 Sumário:Continuação da aula anterior. Trabalho de grupo: organização, preparação das actividades planeadas por cada grupo para o desenvolvimento do seu projecto.

Aula nº27 19 de Janeiro de 2011 Sumário:Continuação da aula anterior.

Aula nº28 21 de Janeiro de 2011 Sumário: Preparação das actividades pelos diferentes grupos.

Aula nº29 26 de Janeiro de 2011 Sumário:Inicio da elaboração do relatório de grupo.

Aula nº30 28 de Janeiro de 2011 Sumário:Continuação da elaboração do relatório de grupo.

27


Aula nº31 2 de Fevereiro de 2011 Sumário: Continuação da elaboração do relatório de grupo.

Aula nº32 4 de Fevereiro de 2011 Sumário:Entregar do relatório de grupo. Preparação de algumas das actividades dos diferentes grupos de trabalho.

Aula nº33 9 de Fevereiro de 2011 Sumário: Visita de estudo ao convento de Mafra.

Aula nº34 11 de Fevereiro de 2011 Sumário:Preparação da apresentação oral á turma, do ponte de situação da cada grupo de trabalho.

Aula nº35 16 de Fevereiro de 2011 Sumário:Apresentação oral do ponto de situação dos projectos pelos diferentes grupos de trabalho.

28


Aula nº36 18 de Fevereiro de 2011 Sumário:Continuação da preparação das actividades pelos diferentes grupos de trabalho.

Aula nº37 23 de Fevereiro de 2011 Sumário: Elaboração dos projectos/actividades definidas por cada grupo.

Aula nº38 25 de Fevereiro de 2011 Sumário:Continuação da elaboração das actividades pelos diferentes grupos.

Aula n39 2 de Março de 2011 Sumário:Continuação das actividades. Realização do portefólio de grupo.

Aula nº40 10 de Março de 2011 Sumário:Inicio da reactualização do portefólio de grupo.

Aula nº 41 11 de Março de 2011 Sumário:Continuação da elaboração do portefólio de grupo.

29


Aula nº42 18 de Março de 2011 Sumário: Inicio da elaboração do portefólio de grupo.

Aula nº43 23 de Março de 2011 Sumário: Continuação da elaboração do portefólio e relatório de grupo.

Aula n44 25 de Março de 2011 Sumário: Conclusão da elaboração do portefólio de grupo e do relatório de grupo.

30


Vamos espreitar o que fazemos durante as aulas...

31


Sessão nº 1 - dia 8-10-2010 Pelas 8:40 continuamos com a tarefa da aula anterior, a acta, em que explicamos pormenorizadamente a planificação do projecto que iremos executar ao longo do ano. Posteriormente, ocorreu-nos certas dúvidas como concluir a acta, a forma que iríamos realizar o diário de bordo e por fim saber como agendar os nossos compromissos. Por volta das 9:30 iniciamos a calendarização em que os dias em que nos iríamos

32


Sessão nº2 – dia 13-10-2010 A aula teve inicio pelas 8.25. O grupo reuniu-se pelas 8:40 e começou por debater ideias sobre a organização do trabalho de aula. Seguiu-se a planificação do anúncio, em que realizamos um apelo à sociedade. Pelas 9:05 começamos por fazer uma circular do nosso projecto e da recolha de bens que se vai realizar no átrio da escola. Por volta das 9:15 iniciamos os pontos principais para a realização da notícia. Às 9:30 contactamos a associação “Dar as Mãos” e obtemos uma visita prevista para a próxima sexta-feira pelas 15h. Debatemos alguns dos tópicos que iríamos explorar no portfolio. Deu-se por concluída a aula.

33


Sessão nº3 – dia 15-10-2010 Iniciamos a nossa aula pelas 8:35. Debatemos ideias sobre o cartaz de sensibilização que iremos expor no átrio da escola. Este contém um breve apelo para a comunidade escolar. De seguida organizamos as visitas às associações que vão decorrer durante a tarde de hoje. Elaboramos assim simples questões para nossa orientação ao conhecer as instalações. Preparamo-nos para a entrevista que está marcada para a próxima semana para ser publicada no jornal “ O Povo Famalicense”. Alteração da calendarização pelas 9:45. Aula finalizada.

34


Sessão nº 4 – dia 20-10-2010 Na aula nº7, começamos por preparar a apresentação do trabalho de pesquisa, pelas 8:40. A preparação conteve a disposição dos diapositivos. De seguida, elaborou-se um pequeno texto sobre a visita da passada sexta feira, dia 15 de Outubro, pelas 9 horas. Contém a informação como se fundou, como se organizam e o seu modo de funcionamento. Terminámos a aula com a realização de uma breve sobre a Loja Social que irá abrir no início do próximo mês em Vila Nova de Famalicão.

35


Sessão nº5 – dia 22-10-2010 A aula teve como finalidade conhecermos um pouco da história sobre os temas de cada grupo. Apresentaram dois grupos, o grupo 3 com o tema: “ Mundo dos Jovens e as Saídas Profissionais. Este grupo abordou temáticas como o aparecimento das universidades, os seus trajes, a praxes. O grupo numero 2 “ Influência dos mass media” teve como principais temas o aparecimento da televisão, do Jornal, da rádio. Os grupos tiveram uma boa apresentação perante a turma, explicando cada ponto com clareza esclarecendo as dúvidas que iam surgindo. Com isto a aula terminou, faltando dois grupos que irão apresentar na próxima aula.

36


Sessão nº 6 – dia 27-10-2010 A aula teve inicio ás 8:35h da manhã com a apresentação do grupo 4 (nosso grupo) com o tema: A Importância das Associações no Nosso Concelho, decorreu em metade da aula com a apresentação em power point com dialogo entre o grupo e os colegas. O resto da aula foi entregue ao grupo 1 com o tema Ajuda-me a Sorrir que apresentou o seu trabalho de pesquisa em power point e algum dialogo entre os grupos e os colegas. Deu-se finalizada a aula.

37


Sessão nº7 – dia 29-10- 2010 A aula iniciou-se com a correcção do texto sobre a descrição de um elemento do grupo tendo em conta os erros, construção frásica e elementos que faltavam no texto. De seguida executamos, também, a correcção da circular para dar a conhecer a nosso projecto e o que nós pretendemos à comunidade escolar. Esta contem a identificação do grupo, a ajuda que pedimos aos alunos e o objectivo do nosso projecto. Nesta agradecemos também a adesão á recolha de bens. A calendarização, foi um dos pontos, em discussão nesta mesma aula. Havendo alterações no calendário e nas tarefas a executar. Terminamos a aula com uma pesquisa sobre associações nas Páginas Amarelas sem obter resultados. Deu-se por terminada a aula.

38


Sessão nº8-dia-3-11-2010 A aula iniciou-se pelas 8:35h com a reflexão da professora sobre os trabalhos apresentados por todos os grupos da turma. Findada a reflexão da professora, pelas 9:05h, iniciamos o nosso primeiro relatório de grupo a ser entregue no final de Novembro. Posteriormente, realizamos a planificação da reunião prevista para a parte de tarde. Com isto terminamos a aula.

39


Sessão nº 9 – dia 5-11-2010 Iniciamos a aula por volta da 8:30h. Começamos por agendar as próximas reuniões do grupo. Posteriormente realizamos a introdução do relatório de grupo e alteramos também a parte inicial do desenvolvimento. Por volta das 9:15h dirigimo-nos a Escola EB 2,3 Júlio Brandão a fim de pedir uma autorização para colocarmos um posto de recolha n respectiva escola. Concluímos a aula com o relatório da visita à escola.

40


Sessão nº10 – dia 10-11-2010 AS 8:30 tivemos que imprimir a circular, para passar pelas varias turmas da escola. Posteriormente realizamos um dos pontos para o portfolio de grupo. Um texto sobre o primeiro impacto com a disciplina, com o grupo, com as aulas e com o tema. Pelas 9:15 dois dos elementos do grupo dirigiram-se a direcção da escola para ter aprovação da exposição dos caixotes no átrio da escola. Estes obtiveram resposta positiva.. Um dos elementos do grupo realizou a sua caracterização que será um dos pontos complementos para o portfolio.

41


Sessão nº11 – dia 12/11/2010 A aula iniciou-se pelas 8:35 com a continuação da elaboração do portfolio. De seguida realizamos o cartaz que será exposto no átrio da escola junto do posto de recolha. Como conclusão da aula continuamos a elaboração de um vídeo surpresa para a apresentação do portfolio na sala de aula.

42


Sessão nº 12 – dia 17/11/2010 A aula iniciou-se pelas 8:30 com a colocação dos postos de recolha no átrio da escola. De seguida dirigimo-nos á escola Júlio Brandão para colocar um outro posto de recolha. Posteriormente dirigimo-nos á direcção para aquisição da circular sobre o nosso projecto. Verificamos a circular, e detectamos erros de construção frásicas. Pelas 9:30 deslocamo-nos a sala de aula, onde estava a decorrer o visionamento do filme “ O quarto poder” apresentado pelo grupo cujo tema é “ Meios de comunicação social. Com isto a aula terminou.

43


Sessão nº 13 – dia 19/11/2010 Nesta aula, iniciada pelas 8:35, continuamos com o visionamento do filme iniciado na aula anterior. A meio da aula, veio à nossa sala uma representante da YUPI, com o objectivo de ajudar os vários grupos cujos temas se enquadram no projecto deles. Discutiu-se, de uma forma breve, como nos podiam ajudar. Marcamos encontro para o próximo dia 26 de Novembro na aula de área de projecto. No final desta intervenção concluímos o visionamento do filme, para no final realizarmos uma ficha sobre o mesmo. Deu-se por finalizada a aula.

44


Sessão nº14 – dia 24/11/2010 No dia 24 a aula iniciou-se com uma breve referência de alguns pontos sobre o portefólio. De seguida como havia dúvidas acerca do relatorio individual expusemos as nossas questões à professora Raquel Costa. A meio da aula, dirigimo-nos à professora para aprovação das ideias surgidas em relação à feira do dia 5 de Dezembro intitulada “S.O.P.A PARA TODOS”. Com isto a aula concluiu-se.

45


Sessão nº15 – dia 26/11/2010 No inicio desta aula, decorreu a entrega dos varios relatorios individuais. Por volta das 8:45, recebemos na sala de aula, a representante da YUPI, nomeadamente Mariana, que veio dialogar com 2 grupos da turma 1207 sobre a feira do dia 5 de Dezembro e o seu envolvimento dentro desta. Dialogou primeiramente, com o grupo “Ajuda-me a Sorrir” que envolve no seu projecto a ajuda a crianças. Posteriormente dialogou com o nosso grupo cujo tema é “A Importância das Associações no Nosso Concelho” para nos informar sobre os principais pontos da feira e na nossa possível adesão numa formação de voluntariado. Deu-se por terminada a aula.

46


´

Logotipo Solidário

47


48


As Nossas Atividades

49


Visita à Associação Dar As Mão

50


A

Associação

Dar

as

Mãos

é

uma

associação

de

solidariedade fundada em 1994, por um grupo de pessoas ligadas, naquela altura, ao presidente da Câmara Municipal. A sua criação deve-se porque detectou-se muitos problemas na sociedade. Á medido que os anos foram passando a associação foi crescendo, sendo ainda hoje pequena. Esta vive de voluntariado e já há pessoas a beneficiar deste apoio. As instalações, antigamente, não correspondiam a sede onde hoje se encontram. Estavam na sede do centro comercial Galiza, estando agora num local cedido pela câmara municipal situado no centro comercial Vinova. Também possuem um lugar designado por cantina social, triagem e armazenamento dos bens que se situa junto ao Mercado municipal. Este pertence as estradas autónomas de Portugal que neste tem o terreno a venda, por isso a associação a qualquer momento pode ter que abandonar o mesmo. Se até lá não conseguirem angariar o valor necessário para a compra terão de dar como finalizado o projecto. No inicio a associação ajudava só a Freguesia de Famalicão, contudo agora abrange todo o concelho. Como se organizam Para ajudarem a população, a associação faz uma selecção das pessoas que

deve

ajudar tendo

em conta

as suas

dificuldades. Esta selecção tem ajuda da rede social por não possuir meios suficientes para fazer esse serviço. Recebem um x do banco alimentar para 70 familias, mas a associação

neste

momento

está

com

115

familias

aproximadamente. 51


Trabalham apenas com pessoas voluntarias, que despendem algum do seu tempo para se dedicarem a associção. A Associação tem um movimento de assistência domiciliaria para um numero reduzido, não tendo meios para mais famílias. Os apoios são um pouco reduzidos, o apoio que tem fixo é do eleclerc que fornece alimentos que estejam quase a passar a sua data de validade. Modo de funcionamento Recolhem bens que a população lhe oferece, fazem uma tiragem daquilo que vai ser distribuído. No final as pessoas mais necessitadas recebem os bens necessários.

52


Ilustração 1 – Entrada da Associação Dar as Mãos.

Ilustração 2 – Carrinha da associação Dar as Mãos com o Logotipo.

53


Ilustração 3 – Cantina Social

Ilustração 4 – Entrevistadora Ana Filipa e Entrevistada D. Ana (cozinheira da Cantina Social)

54


Ilustração 5 – Bruna, Luciana, Adriana Martins e Adriana Barbosa depois de ajudarem a por alguns alimentos fornecidos pelo eleclerc na carrinha da associação.

Ilustração 6 – Armazem da Associação “Dar as Mãos”

55


Decoração de caixotes

56


Ilustração 1 – Adriana Barbosa a recortar

Ilustração 2 – Bruna Meireles cola os desenos no caixote

57


Ilustração 9 – Luciana a desenhar os objetos para decorar os caixotes

Ilustração 10 - Alguns dos caixotes já terminados

58


Ilustração 11 - O ínicio da decoração do caixote

Ilustração 12 – Colagem dos objetos no caixote

59


Ilustração 13 – Caixote dos produtos alimentares

Ilustração 14 – Caixote dos produtos higienicos

60


Triagem

61


Ilustração 15 – Ana Filipa a separar roupa

Ilustração 16 – Adriana Barbosa e Adriana Martins separam a roupa

62


Ilustração 17 – Caixote de roupa para criança

Ilustração 18 – Adriana Martins e Luciana arrumam a roupa nos caixotes 63


Ilustração 19 – Ana Filipa e Adriana Martins verificam se a roupa esta em condições para se por no caixote.

Ilustração 20 – Luciana e Adriana Barbosa fazem a contagem da roupa 64


Feira “S.O.P.A Para Todos”

65


Dia 5 de Dezembro, realizou-se a feira “S.O.P.A para todos” organizada, especialmente, pela associação yupi. Esta feira constituía outras associações e pessoas responsáveis por esta organização, tais como a A.D.A.I, cenas e dukes, pessoas de outras associações e jovens que cooperavam neste evento. Como inicio da manhã pelas 9 horas, o nosso grupo, ficou encarregue de buscar bolos aos patrocinadores que já tínhamos contatado previamente. No fim desta atividade, dirigimo-nos ao local onde se iria realizar a feira, ou seja na Praça D. Maria II, porém não encontramos ninguém responsável presente pela feira, por este fato, decidimos ir à escola Júlio Brandão para nos encontrarmos com os restantes grupos e organizadores. No recinto da escola realizou-se a apresentação de cada elemento dos vários grupos e para que existisse um espírito mais sociável, a representante da YUPI, Raquel, propôs-nos jogarmos ao jogo do “bang”, que consistia em adivinharmos o nome de cada pessoa. Após esta atividade jogamos ao jogo da “lata amarela”, em que tínhamos de cantar a música e dançar em roda com as várias pessoas presentes. Pelas 10 horas da manhã, dirigimo-nos para o local da feira, para então começarmos a montar a nossa banca na tenda. O nosso objetivo era trocar fatias de bolo por bens essenciais. Os outros grupos realizavam massagens, recolha de tampinhas para cadeiras de rodas, outros vestiam-se de palhaços para que existisse um convívio e a animação para pessoas e um último encarregava-se de distribuir informação sobre voluntariado realizado noutros países. Para desagrado de todos, o tempo não ajudou em nada, chovia constantemente e isto provocou a falta de adesão das pessoas. Para tentar chamar a atenção dos cidadãos, a Luciana e a Bruna Meireles, tentavam apelar a atenção de todos para ajudar neste projecto A manhã foi passada sem grande sucesso. Contraditoriamente a organização da feira “S.O.P.A para todos” não foi em vão, pois todos os grupos voluntários socializavam bastante bem connosco.

66


Na hora de almoço, distribuí-se sopa de caldo verde com pão, no entanto a Luciana e a Adriana Barbosa encaminharam-se à pastelaria Bom Gosto para compra de uns panados e uns bolinhos, para distribuir pelo nosso grupo e acompanhar a refeição. A tarde prosseguiu de igual forma, sem grande progresso vindo da parte da sociedade. A troca de fatias de bolos por bens essenciais, foi substituída pela “gula” de todos os elementos de outros grupos, que se ofereceram para comer umas fatias de bolo, até mesmo vindo da parte da professora Paula, da disciplina de espanhol, e da professora de área de projeto , Raquel Costa, que se fazia acompanhar pela sua mãe e que tinham estado na Feira pela parte da manhã. De um modo geral a feira não correu mal de todo, pois houve imenso convívio e animação pelos elementos de outros grupos. O que realmente não veio mesmo a contribuir nesta campanha foi o tempo húmido e frio, que teimava em aumentar a falta de adesão da população. A presença neste evento provocou-nos um ânimo para prosseguir com outros tipos de organizações, para ajudar as pessoas/famílias mais carenciadas. A luta pela felicidade e o bem-estar de outros continua…

67


Ilustração 21 – Alguns Voluntarios a ver algumas fotos

Ilustração 22 – A nossa banca na feira

68


Ilustração 23 – Montar a nossa banca

Ilustração 24 – O nosso grupo com mais três voluntarios

69


Ilustração 25 – Placar com a identificação do grupo e os patrocínios angariados para a feira.

70


Opiniões:

Adriana Martins: A feira de 5 de Dezembro foi uma boa experiencia para quem nunca fez voluntariado teve aqui uma boa oportunidade, para além de que podemos conhecer pessoas de outras associações para além do nosso projecto e quem sabe um dia não nos tornaremos a juntar para uma causa nobre como a de domingo. Adorei ter estado na feira “SOPA para todos”.

Bruna Meireles: Eu adorei a experiencia que vivi ao participar na feira “SOPA para todos” pois para alem de conhecer e socializar com pessoas novas, fiquei com uma ideia do que é fazer voluntariado pelos relatos das pessoas. Foi optimo conviver com todos os que participaram neste convivio.Voltava a repetir as vezes que fossem preciso.

Adriana Barbosa: Adorei a experiência da “S.O.P.A. para Todos” pois conhecemos outros grupos de voluntariado. Apesar do mau tempo e a falta de adesão das pessoas adorei o convivio entre os grupos. Uma experiência a repetir.

Ana Filipa Ribeiro: A experiência foi a melhor que tive até agora, adorei o convívio. Conhecemos pessoas novas, duas delas até eram estrangeiras, uma checa e outra italiana. Foi um dia cheio de alegrias e com muita mais vontade de continuar a fazer voluntariado. Adorei o dia. Obrigada pela oportunidade! 71


Luciana Silva Embora existisse o desagrado deste problema, achei bastante interessante e interativa esta atividade. O trabalho de todos se refletiu num ambiente de boa disposição, contribuiu sem duvida para a minha capacidade de socialização, que um dia me dará um suporte para pôr em prática nestes tipos de campanhas e organizações. Foi realmente algo memorável e totalmente diferente de aquilo a que estou abituada a fazer no meu dia-adia.

72


Triagem em Gondifelos

73


Ilustração 26 – Adriana Barbosa e Bruna Meireles separa roupa de bébé.

Ilustração 27 – Roupa e livros para separação

74


Ilustração 28 – Roupa e livros para separar

Ilustração 29 – Luciana Silva a separar livros

75


Ilustração 30 – Ana Filipa e Lluciana a ordenar os livros por anos

Ilustração 31 – Caixote com roupa de criança

76


Viagem a Lisboa ( Ano Europeu do Voluntariado )

77


Ilustração 32 – Grupo de Voluntarios na Feira do Voluntariado

Ilustração 33 – representantes de algumas associações do noss país. 78


Ilustração 34 – Auditório do Forúm.

Ilustração 35 – Encenação teatral dos alunos da Casa Pia

79


Ilustração 36 – Viagem de Comboio

80


Anexos

81


Acta Aos seis dias do mês de Outubro, pelas nove horas e vinte e cinco minutos reuniu o grupo quatro de área de projecto da turma doze sete, constituído por Adriana Martins nº1, Adriana Barbosa nº2, Ana Filipa Ribeiro nº 6, Bruna Meireles nº 7 e Luciana Silva nº 13, que irá tratar o tema IPRS´S – A Importância das Instituições na Sociedade, tendo assim como objectivo a apresentação deste mesmo á turma. Neste contexto, realizaram-se pesquisa de temas a escolher, tendo assim chegado a um consenso. Com o tema escolhido, seguiu-se a planificação do projecto. Este contém vários tópicos, nomeadamente os propósitos do trabalho que se baseiam em informar a sociedade do que fazem as associações, o modo como funcionam, a quem estas ajudam e como arranjam todos os bens essenciais; os elementos envolvidos no projecto são o grupo quatro de área de projecto da turma doze sete, os directores das várias associações, ainda a escolher, e alguns voluntários das mesmas. Debateram-se também os objectivos tendo assim concluído os seguintes pontos: ajudar as instituições a ser divulgadas, ajudar as instituições com os bens necessários e conseguir alertar as pessoas para este tema. No final do projecto esperamos sensibilizar, envolver as pessoas nas associações e angariar o maior número de bens para ajuda das diversas instituições do nosso concelho. Para conseguirmos tudo isto temos em projecto determinadas estratégias, designadamente, a publicação de um anúncio e uma notícia de explicação no jornal “O Povo Famalicense” e no Jornal Escolar, a convocação de vários

82


elementos das diversas instituições para palestras a realizar no recinto escolar e a recolha de bens ao longo do ano para entregar às instituições. Os materiais que necessitamos para que o projecto se torne fiável são o computador, caixotes para a recolha dos bens, veiculo para o transporte dos mesmos até às instituições, entre outros. Consequentemente podemos vir a encontrar alguns obstáculos como a falta de adesão da população e a indisponibilidade das pessoas para as palestras. O grupo para funcionar de uma maneira mais correcta adoptou por fazer uma divisão de tarefas em que cada elemento para já, terá de investigar e visitar as associações estando assim sujeito a alterações ou adição de tarefas. A calendarização é um ponto ainda a analisar e a planificar.

Sem mais nenhum assunto a tratar será entregue esta presente acta que vai ser lida e assinada Adriana Martins, Adriana Barbosa, Ana Ribeiro, Bruna Meireles e Luciana Silva.

83


Circular No âmbito da disciplina de Área de Projecto, da Escola Secundária D. Sancho I, da turma 1207, as alunas: Adriana Martins, Adriana Barbosa, Ana Filipa Ribeiro, Bruna Meireles e Luciana Silva, escolheram, como o seu projecto de trabalho, abordar o tema “O Voluntariado/A Solidariedade”. O trabalho consiste, essencialmente, em alertar e ajudar os mais necessitados, e com esse intuito, aderimos a algumas associações de Vila Nova de Famalicão. Toda a ajuda é bem-vinda. Precisamos da tua contribuição. Deposita nos postos de recolha, presentes no átrio da escola, tudo o que poderes e que não te fizer falta, como por exemplo: roupa, bens de primeira necessidade, brinquedos, produtos higiénicos, calçado, entre outros bens. Agradecemos a tua colaboração no nosso projecto. Ajuda-nos a Ajudar! Juntos podemos fazer algo pelos outros e marcar a diferença. Obrigada!!! Atenciosamente,

As alunas: Adriana Martins _________________________ Adriana Barbosa _________________________ Ana Filipa Ribeiro _________________________ Bruna Meireles _________________________ Luciana Silva ________________________

A Professora responsável: ___________________________

(Raquel Costa)

O Presidente da CAP: _________________________________ (António Pereira Pinto)

84


Relatório da visita a Júlio Brandão No dia 5 de Novembro de 2010 pelas 09:15h, no âmbito da disciplina de Área de Projecto dirigimo-nos á Escola EB 2,3 Júlio Brandão a fim de pedir um espaço para colocarmos um posto de recolha para o projecto. A professora responsável pelo conselho executivo, Maria José Araújo, concordou logo de inicio, com a nossa proposta. O nosso objectivo com este posto de recolha, é angariar mais bens de primeira necessidade. Com isto dentro de pouco tempo termos o posto de recolha na respectiva escola.

85


O que cada elemento realizou: Adriana Martins: executou alguns diários de bordo, passou textos para o computador,descolou autocolantes e conclui a sua caraterização.

Adriana Barbosa: deu a sua opinião sobre os textos, como a ata,portfólio, realtório de grupo, anúncio e circular. Recortou papeis autocolantes, executou alguns diários de bordo e por ultimo elaborou a sua caraterização,

Ana Filipa Ribeiro: realizou todos os textos, colou e sublinhou os autocolantes dos respetivos caixotes e passou textos para o computador.organizou a estrutura do portfólio , do relatório de grupo, contatou as asssociações e conclui a sua caraterização.

Bruna Meireles: colaborou e passou todos os textos, decorou e sublinhou os autocolantes, fez a sua caraterização e deu opinião sobre textos que iam sendo elaborados. Luciana Silva: desenhou sobre os autocolantes, deu opinião de alguns textos, executou alguns diários de bordo, opininou igualmente no relatório de grupo, na ata, circular e finalizou a sua caraterização.

86


Cartaz da Formação de Voluntariado:

87


Entrega de bens 6/12/2010 “Feira S.O.P.A. para todos”

No dia 6 de Dezembro de 2010, pelas 10horas dirigimo-nos ao centro

comercial

Vinova

para

nos

encontrarmos

coma

Raquel,

representante da YUPI, para deslocarmo-nos a “Associação Dar as Mãos” com o fim de entregar os alimentos que sobraram na “Feira S.O.P.A. para todos” decorrida no dia anterior. Os elementos que foram entregar nomeadamente Adriana Martins, Adriana Barbosa e Luciana Silva sentiram-se realizadas pois puderam tornar o dia das pessoas carenciadas mais feliz.

88


Entrega dos bens referente ao dia 22/12/2010

Aos 22 dias do mês de Dezembro, pela parte da tarde dois dos elementos do grupo, Adriana Barbosa e Ana Filipa Ribeiro dirigiram-se á associação “Dar as Mãos” e falarem com uma voluntária e perguntaram se poderiam levar bens essenciais recolhidos pelo grupo. A resposta foi afirmativa. Minutos mais tarde, Adriana Martins e Luciana Silva, deslocaram-se á mesma com todos os bens essenciais como, roupa, alimentação

e

brinquedos.

Alguns

voluntários

ajudaram

no

descarregamento dos bens essenciais e agradecendo a ajuda que o grupo lhe deu. Um elemento do grupo não esteva presente na entrega dos bens, nomeadamente, Bruna Meireles. Todos os elementos saíram da associação radiantes pois contribuíram com um gesto solidário.

89


Circular No âmbito da disciplina de Área de Projecto, o grupo quatro, da turma 1207, cujo tema de trabalho é “A Importância das Associações no Nosso Concelho” vem, por este meio, informar que a campanha de recolha de bens essenciais, se prolongará até ao término de ano lectivo. É importante relembrar que os mais necessitados não precisam apenas da nossa ajuda na época natalícia, mas sim todos os dias. Continue a depositar bens materiais nos nossos caixotes colocados no átrio da escola. Ajudo-nos a ajudar! Atenciosamente,

As alunas: Adriana Martins _________________________ Adriana Barbosa _________________________ Ana Filipa Ribeiro _________________________ Bruna Meireles _________________________ Luciana Silva _________________________

A Professora responsável: ___________________________ (Raquel Costa)

O Presidente da CAP: _________________________________ (António Pereira Pinto)

90


Relatório da reunião com a YUPI do dia 10-01-11 Pela parte da tarde do dia 10 de Janeiro, os elementos, Adriana Martins, Adriana Barbosa e Ana Filipa Ribeiro deslocaram-se até á Associação “Dar as Mãos” a fim de termos um reunião com a YUPI para a possibilidade de o grupo fazer voluntariado na cantina social da mesma. Mas o responsável da associação rejeitou a proposta alegado que os utentes poderiam estranhar a presença de novos voluntários. Sem mais nenhum assunto a tratar a reunião deu-se por terminada.

91


Relatório do dia 5 de fevereiro No dia 5 de fevereiro, os elementos, Adriana Barbosa e Ana Filipa deslocaram-se pelas 6h40 a Lisboa, cm a YUPI para visitar uma feira de voluntariado a fim de celebrar o Ano Europeu do Voluntariado. Chegámos por volta das 11h à estação Gare do Oriente, seguidamente apanhámos o metro em direçaõ ao Fórum Picoas. Chegámos ao local da feira às 11h45. Esta estava fechada, por isso decidimos ir almoçar. No final voltámos outra vez à feira, já aberta. Lá assistimos a workshops de várias associações e a uma encenação teatral em que cada adolescente contava a sua experiência de vida com uma pedra na mão e relacionava-a. Esta atividade esteve a cargo dos alunos da Casa Pia. De seguida passeámosu pouco pela cidade. Com a hora da partida a aproximar-se dirigimo-nos até à estação de metro. Passados alguns minutos chegámos à estação Gare do Oriente, para assim, irmos em direção a Famalicão. Pelas 21h10, a nossa viagem terminou. Foi uma boa experiência pois conseguimos aprender coisas novas e conhecer novas pessoas.

92


Relatório do dia 12 de Janeiro

Pela parte de tarde do dia 12 de Janeiro, o grupo reuniu-se para começar a triagem, mais especificamente na redacção do jornal “O POVO Famalicense”. Todo os materiais adquiridos, como roupa, calçado e brinquedos eram separados por caixotes. Na parte do vestuário, este era separado por faixa etária adolescente até adulto e por outro lado crianças.

93


Relatório referente voluntariado 18-012011

O nosso grupo, pelas 14:20h dirigiram-se a Gondifelos para uma acção de voluntariado. O local onde íamos iniciar o voluntariado encontrava-se na sede da YUPI. Quando chegamos ao local a representante da associação, Raquel Oliveira, apresentou-nos as instalações de sede. O local é espaçoso, com boas condições. Existe uma sala de convívio, uma salinha, uma recepção, sala de reuniões, casas-de-banho distinguidas por sexos e a cabe onde a associação realiza varias tarefas. No final da apresentação do local ao grupo, dirigimo-nos á cabe para a triagem a que nos tínhamos proposto. Os bens a separar eram muitos por isso fizemos divisão de tarefas. A Adriana Martins, a Adriana Barbosa e Bruna Meireles ocupavam-se da separação da roupa por sexos e idades. A Ana Filipa Ribeiro e a Luciana Silva dedicaram-se á separação de livros escolares por anos e também as folhas que se podiam reutilizar. Como o tempo foi escasso, tentamos fazer o máximo possível, não conseguindo acabar todo o trabalho que tínhamos. No próxima terça-feira dia 25 de Janeiro iremos concluir a restante separação. E se possível dar-mos inicio a outra actividade. Com isto terminamos a nossa tarde de voluntariado.

94


Relatório da reunião do dia 19 de Janeiro

No dia 19 de Janeiro de 2011, pelas 14h30 o grupo dirigiu-se até ao café Sagres onde tinha combinado uma reunião com Raquel Oliveira, representante da Associação YUPI. Nesta reunião abordou-se a possibilidade de realizar um Banco Alimentar com a participação de alguns voluntários e dos Duques e Cenas em alguns hipermercados da cidade de Vila Nova de Famalicão. Posteriormente, debatemos o dia de formação para um dos elementos do grupo. Positivamente, conseguimos uma data acessível e se irá realizar no dia 29 de Janeiro, em que irão participar dois elementos do grupo, nomeadamente, Ana Filipa Ribeiro e Bruna Meireles. Debatemos também algumas tarefas que iremos realizar na Loja Social, como por exemplo, repor o stock, lavar e passar a ferro, fazer registo de entrada dos bens. Em relação ao levantamento de bens, a pessoa tem de estar registada e tem que existir total sigilo profissional, por parte dos voluntários. Nos primeiros tempos o grupo necessitará de acompanhamento de uma assistente para assegurar que as tarefas sejam bem executadas. Para que colaboremos com a Loja Social existe um seguro para os voluntários que já foi ativado. A reunião terminou com o envio de fotos da formação de Voluntariado ocorrida no dia 21 de Dezembro de 2010.

95


Relatório referente ao voluntariado 2501-2011

Na terça-feira, dia 25 de Janeiro, pelas 14:30h, o grupo encaminhou-se para Gondifelos. Na chegada dirigiu-se á sede da YUPI. Com a continuação da actividade realizada anteriormente, prosseguimos para as actividades a completar. Desta vez, as tarefas foram trocadas

entre os

elementos. Sendo assim, a Adriana Martins e a Adriana Barbosa encarregaram-se na organização das folhas de papel que poderiam ser reutilizadas. Os restantes elementos, nomeadamente, Ana Filipa Ribeiro, Bruna Meireles e Luciana Silva fizeram a divisão e triagem de roupas a serem necessárias. Com a conclusão da actividade da organização das folhas de papel, a Adriana Martins e Adriana Barbosa, juntaram-se aos restantes elementos para concluir a tarefa da roupa. Deste modo, todo o grupo, acabou com eficácia da roupa a divisão por tamanhos e género, em caixotes. As actividades propostas terminaram pelas 16:35h.

96


Relatório do dia 8-02-2011 (voluntariado Adriana Martins, Ana Filipa Ribeiro e Bruna Meireles) No dia 8 de Fevereiro dirigimo-nos a loja social para fazer voluntariado. Á chegada recebemos informações e regras sobre o seu funcionamento. Ao inicio estávamos um bocado perdidas, pois era a primeiro dia e não sabíamos o que era necessário fazer, tínhamos poucas informações. No inicio da tarde o ambiente esta um pouco parado e nós não tínhamos nada para fazer. Entretanto a Ana Filipa começou a varrer o chão e Bruna Meireles a passa alguma roupa a ferro. De seguida, uma jovem dirigiu-se á loja para levantar alguns bens que necessitava. A sua ficha encontrava-se no portefólio correspondente a todos os utentes da loja. Neste momento, verificamos que a roupa que estava nas prateleiras se encontrava desorganizadas e com roupa das diferentes idades todas misturadas. Depois de atender a jovem, começamos com a organização da roupa por idades e sexos. Entretanto demos conta que já era cinco da tarde, terminamos o serviço.

97


Relatório referente ao voluntariado Loja Social 15 de Fevereiro (Adriana Martins, Ana Filipa Ribeiro e Bruna Meireles)

Pelas 14h, dirigimo-nos á Loja Social para mais um dia de voluntariado. Mal chegamos, demos continuidade á actividade iniciada na semana anterior, arrumação de roupa por idade e sexo. Desta vez o tempo chegou ainda sobrou, veio mais gente a levantar bens essenciais e demos por concluído a arrumação da roupa. Entretanto chegou a hora de irmos embora.

98


Relatório da loja social -dia 16 de Fevereiro (voluntariado de Luciana Silva) Pela parte da tarde, precisamente às 14 horas, estive presente na Loja Social pela primeira vez para participar em mais uma causa voluntária. No local se encontravam mais três elementos de outro grupo de Área De Projeto que estavam dispostas a participar nesta causa. O estabelecimento foi aberto por um responsável, o Pedro, que deixou por nossa guarda as instalações. Deste modo pude observar que era um espaço pequeno e que o vestuário e a alimentação estavam arrumados por prateleiras. Parecia tudo ordenado, porém vi dois enormes sacos de roupa que estavam colocados num canto, era roupa molhada e suja e então deixei-a no mesmo sítio pois era para ser encaminhada para a lavandaria. A princípio sentia-me um pouco desorientada, visto que era a minha primeira vez enquanto os outros três elementos já estavam há algum tempo presentes na Loja Social. Se me recordo só apareceram três senhoras em diferentes horas, vieram para receber os seus bens, contudo duas senhoras não puderam levar nada pois uma não tinha a ficha a permitir usufruir de tais bens e outra não tinha o tempo completo para pedir o que precisava. Recordo que os alimentos e as roupas são todas racionadas, para que não haja desequilíbrio perante a distribuição a cada pessoa. No restante tempo, foi passado lentamente com a ajuda de um entretenimento, neste caso o computador. A hora de saída foi às 5 horas.

99


Relatório do dia 23-02-2011 (voluntariado Luciana Adriana B.)

A Adriana Barbosa Luciana Silva dirigiram-se até á loja social onde se encontraram com as restantes voluntarias ás 14 horas. No início da tarde começamos a organizar alguma roupa de adulto. Enquanto isso algumas pessoas necessitadas apareciam. Algumas não podiam levantar os bens essenciais pelo seu nome não constatar na lista. Desta vez houve mais movimentos do que na semana anterior. A tarde passou num instante pois existia mais convívio entre os voluntários e as pessoas que iam aparecendo.

100


Relat贸rio referente ao dia 25 de Fevereiro-filmagens

O grupo dirigiu-se para a casa de um dos elementos, nomeadamente Ana Filipa Ribeiro, para iniciar as filmagens para o portef贸lio de grupo a apresentar no final do per铆odo. Nestas filmagens falamos sobre o nosso projecto, no que consistia e o que significa para n贸s o voluntariado pensando alguns momentos divertidos.

101


Relatório da Loja Social 1-03-2011 (Adriana Martins, Ana Filipa Ribeiro e Bruna Meireles)

Pelas 14h dirigimo-nos á Loja Social e como sabíamos que a YUPI avisou-nos de que iriam fazer filmagens nossas na loja social, a trabalhar, mas como não tínhamos nada para fazer tínhamos pouca roupa para arrumar, estávamos praticamente a olhar uns para os outros ate que as horas passassem, houve também pessoas que se encaminharam á loja para poderem levantar os bens necessitados conforme se a sua folha constava no portefólio da Loja Social. Poucas horas depois a Raquel mais o Tiago (camaramen) para realizar as filmagens de nós a trabalhar na Loja Social e a descrevermos o que é para nos o voluntariado e o que mais gostamos de tudo que já fizemos. Posteriormente a Dr. Vera dirigiu-se a nós para qualquer coisa que precisássemos e claro se quiséssemos mudar o horário para uma hora mais fácil para nós. Entretanto chegou as cinco horas e fomos embora.

102


Relatório referente á Loja Social 02-0311 (Luciana e Adriana Barbosa)

Pelo inicio da tarde a Adriana Barbosa e Luciana silva dirigiram-se á loja social. Durante a tarde algumas pessoas necessitaram de levar alguns bens. O procedimento foi igual, ou seja, o seu nome teria de constar na lista dos assistentes sociais caso contrário, não poderiam de qualquer maneira de levantar os bens. Perto da hora de saída, recebemos um reabastecimento de mercadoria e de roupa. Organizamos alguma roupa e expomos os bens alimentares nas prateleiras correspondentes. Esta tarde foi bastante calma e decorreu normalmente.

103


Relatório do dia 16 de Março de 2011

Pelas 14:30 o grupo dirigiu-se á redacção do Jornal O Povo Famalicense para realizarmos a actividade da triagem dos bens essenciais que tinha-mos recolhido. Ao longo desta triagem fomos filmando o nosso trabalho. De vez enquanto mudávamos o operador de câmara para não estarem sempre a mesma pessoa a filmar. Depois de fazermos a triagem e de colocarmos nos caixotes, decidimos levar os mesmos para a “Associação Dar as Mãos”. Aqui podemos gravar mais um pouco nós a entregarmos os bens e que a voluntaria que nos recebeu ficou radiante com tudo aquilo que levamos para poder ajudar as outras pessoas. Assim foi a nossa tarde de mais um trabalho e mais uma aventura.

104


Documentos Fornecidos Pelo Professor

105


ESCOLA SECUNDÁRIA D. SANCHO I ÁREA DE PROJECTO – 12.º ANO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

2010/2011

Parâmetros a avaliar

Percentagem

Iniciativa/Investigação/ Espírito Crítico

Competências

70% Organização

Comunicação/Criatividade

Responsabilidade

Atitudes e Valores

Empenho

30%

Respeito pelos outros

Serão tidos em conta os seguintes instrumentos de avaliação:

106


Instrumentos de avaliação Portefólio

1.º Período

2.º Período

3.º Período

30%

30%*

55%

20%

Planificação

25%

25%*

---

Grelhas de Observação / Sistematização de dados

20%

20%

20%

15%

15%

---

Outros

Exposição Oral / Debate

Actividades Desenvolvidas/

30%

Produto final Relatório Final (1º/2º/3ºP) Apresentação Final

10%

10%

10%

---

---

20%

Nota: A avaliação nesta área curricular é eminentemente formativa, assumindo um carácter contínuo e sistemático; assim, em cada período lectivo e no final do ano lectivo, a avaliação sumativa deverá integrar toda a informação recolhida até ao momento (quer do processo, quer das diversas produções realizadas).

* No 2.º período, a planificação assume uma ponderação de 25%. Nos casos em que não haja alterações, os 25% remetem para o Portefólio, passando este a ter o peso de 55%.

107


ESCOLA SECUNDÁRIA D.SANCHO I

Ano lectivo: 2010 / 2011

ASSUNTO: Estrutura do Portefólio 0. Apresentação inicial do portefólio o Capa: Tema; Ano lectivo; Escola o Índice 1. Planificação do Projecto 2. Diário o

Tearefas realizados e avanços conseguidos por sessão

o

Avaliação dos elementos do grupo por sessão

o

Avaliação global da sessão do trabalho

o

Proposta de tarefas para a sessão seguinte

o

Observações do docente

3. Informação Recolhida o

Informação recolhida pelo grupo adaptada ao tema/problema

4. Informação Produzida o

Selecção / tratamento da informação.

o

Informação produzida pelo grupo

o

Outros documentos produzidos pelo grupo

5. Obstáculos encontrados e Fundamentação das opções tomadas o

Levantamento de obstáculos

o

Fundamentação das opções tomadas.

6. Avaliação do processo

108


o

Grelhas de Auto e Hetero-avaliação

7. Documentos fornecidos pelo docente

8. Outros documentos

109


ÁREA

DE

PROJECTO

12.º ANO ESCOLA SECUNDÁRIA D. SANCHO I

Ano lectivo: 2010 / 2011

ASSUNTO: Grelha de Auto e Hetero-Avaliação em Grupo

Grupo _____________Tema _________________________________ Período ____º

Elementos do grupo: Nome __________________________________________________________N.º ___ Nome __________________________________________________________N.º ___ Nome __________________________________________________________N.º ___ Nome __________________________________________________________N.º ___ Nome __________________________________________________________N.º ___ Nome __________________________________________________________N.º ___

1. No desenrolar do processo… Insuficiente

Suficiente

Bom

Muito Bom

Levantamento de questões / problemas Definição do tema Elaboração da Planificação Capacidade de fundamentação das opções tomadas Pesquisa / Recolhade Informação Selecção da Informação

110


Criação de materiais Criação/actualização do Portfólio Cumprimento de tarefas / actividades delineadas Cooperação na realização de tarefas Preparação da Exposição Oral do projecto Identificação dos obstáculos encontrados Eficácia na procura de soluções Autonomia na realização das actividades / tarefas Empenho na realização das actividades / tarefas Respeito pela opinião dos colegas Respeito pelas normas de funcionamento do grupo Respeito pelas normas de funcionamento da sala de aula Respeito pelas normas de funcionamento dos diferentes espaços frequentados (biblioteca…) Gestão das características / capacidade dos diferentes elementos do grupo Capacidade de avaliação da prestação individual Capacidade de avaliação da prestação colectiva Capacidade de auto-regulação durante o processo

111


2. O trabalho desenvolvido durante o período (opinião do grupo sobre a dinâmica de grupo e eficácia das decisões tomadas, rentabilização de recursos, qualidade e pertinência dos materiais criados e trabalho desenvolvido, qualidade da exposição oral e postura face às normas vigentes…)

3. Avaliação do Grupo sobre o trabalho desenvolvido

Qualitativa

Insuficiente

Suficiente

Bom

Muito Bom

Posicionamento do grupo

(X)

4. Avaliação dos diferentes elementos do grupo sobre o trabalho desenvolvido

112


Quantitativa

Insuficiente

Suficiente

Bom

Muito Bom

(1-20 valores)

(1-9)

(10-13)

(14-16)

(17-20)

Aluno n.º____ Aluno n.º____ Aluno n.º____ Aluno n.º____ Aluno n.º____ Aluno n.º____ Porta-voz do grupo Data ____/ _____/ _____

____________________________________

113


ÁREA

DE

PROJECTO

12.º ANO ESCOLA SECUNDÁRIA D. SANCHO I

Ano lectivo: 2010 / 2011

ASSUNTO: Grelha de Auto e Hetero-Avaliação Individual

Grupo/ Tema _____________________________

Turma ______ Período ___º

Procede à tua auto-avaliação e à avaliação dos teus colegas de grupo.

Nota: Nos 2º e 3º períodos, deverás ter em conta as avaliações realizadas anteriormente, assim como o processo de avaliação de cada elemento.

AUTO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________ Proposta

de

classificação:

_________

valores

114


HETERO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________ Proposta

de

classificação:

_________

valores

HETERO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________ Proposta

de

classificação:

_________

valores

HETERO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________

115


____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ _________________________________________ Proposta

de

classificação:

_________

valores

HETERO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ __________________________________________ Proposta

de

classificação:

_________

valores

HETERO-AVALIAÇÃO: Nome: _________________________________________________________

Nº : ____

____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________ __________________________________________

116


Proposta

de

classificação:

_________

valores

Normas para elaboração de um Relatório 1. Considerações gerais 1.1 Orientações de formatação O relatório deve seguir as seguintes normas formais: Papel branco, formato A4 (210 X 297 mm) Orientação – vertical Margens –

Superior – 2,5 cm Inferior – 2,5 cm Esquerda – 3 cm Direita – 3 cm

Tipo de letra – Times New Roman ou Arial Tamanho – 12 para a letra do texto e 8 para as notas de rodapé Espaçamento entre linhas – 1,5 Parágrafo – Recuo de 12,5 mm na primeira linha dos parágrafos Paginação – A folha de rosto não costuma ser numerada mas conta para numeração (página um); as restantes páginas são numeradas sucessivamente com numeração árabe. 1.2 Redacção Utilização da primeira pessoa do plural (ex. nós fizemos...) ao longo de todo o relatório, com excepção óbvia de quando de descreve a participação individual de cada elemento do grupo; As frases e os parágrafos não devem ser demasiado extensos; No caso de haver necessidade de incluir citações e notas de rodapé, estas devem ser colocadas na parte inferior da página a que se referem; As ideias devem ser apresentadas com clareza, rigor científico e bem estruturadas.

117


1.3 Aspectos a ter em conta na elaboração dos relatórios: -

Correcção e clareza da expressão escrita

-

Rigor científico

-

Correcção e clareza dos raciocínios;

-

Criatividade

2. Formalmente um relatório deve ser constituído por: 2.1 parte preliminar (capa, folha de rosto, agradecimentos (elemento facultativo), índice/ sumário, lista de abreviaturas;) 2.2 parte textual (introdução, corpo do relatório, conclusão); 2.3 parte referencial (apêndices, bibliografia, anexos...) 2.1 – Parte preliminar A capa do relatório/folha de rosto1 deve conter: -

Nome da escola;

-

Título do projecto;

-

Identificação dos autores;

-

Identificação do professor;

-

Data;

-

Opcionalmente, uma imagem alusiva ao tema do projecto.

Agradecimentos - é de bom tom e ético agradecer a todas a entidades que contribuíram para a realização da investigação (ex. funcionários do Centro de Saúde, Serviço de...); Sumário - (vulgarmente chama-se índice) indica as principais divisões do trabalho e respectivos capítulos assim como a respectiva paginação. Lista de abreviaturas / Símbolos / Sinais / Acrónimos – é um elemento recomendável à boa compreensão do relatório. 1

Num relatório de pequena dimensão não é necessário capa que pode apenas conter os seguintes dados: nome dos autores, título e data constando da folha de rosto todos os elementos completos.

118


2.2 – Parte textual A introdução do relatório deve: -

Justificar a escolha do tema;

-

Enquadrar o tema no meio da escola, ou da turma;

-

Apresentar os objectivos do trabalho incluindo as questões surgidas;

-

Definir a metodologia adoptada;

-

Apresentar o plano de desenvolvimento do trabalho

O corpo do relatório (desenvolvimento) relata as várias fases do trabalho desenvolvido, sendo importante destacar: -

Quem fez o quê e como (Descrição e justificação dos procedimentos utilizados);

-

Descrição do processo de investigação (incluindo tabelas e/ou esquemas, esboços de gráficos, organização dos dados recolhidos...), das pesquisas elaboradas, quando e onde e dificuldades encontradas;

-

Competências específicas adquiridas no âmbito das ferramentas necessárias para o desenvolvimento do Projecto;

-

As ferramentas (informáticas e outras) utilizadas;

-

O cumprimento das metas intermédias e dos prazos;

-

As dificuldades encontradas e as formas utilizadas para as superar.

O ponto de partida para a escrita do desenvolvimento do relatório tem de ser as anotações feitas em cada aula, a planificação das tarefas e o cronograma. Por fim, as conclusões e os comentários finais devem traduzir os sentimentos dos alunos em relação ao que foi feito ao longo de todo o ano lectivo, assim como observações críticas e sugestões de trabalhos futuros. Deve ainda incluir uma apreciação autocrítica sobre a intervenção de cada elemento do grupo.

2.3 – Parte referencial Anexos. -

Nos anexos, devem constar os diagramas, imagens e documentação que não caberiam na secção de desenvolvimento.

119


-

Permitem fornecer informações mais completas, englobando documentos auxiliares necessários à elaboração do Trabalho de Projecto (ex. Legislação consultada, entrevistas realizadas...).

-

A paginação deve continuar a do texto principal e sempre que seja necessário apresentar diferentes anexos estes devem ser identificados por uma letra maiúscula (ex. Anexo A – Legislação na área do xxxxx; Anexo B – Entrevistas realizadas aos responsáveis do Serviço xxxx).

-

As figuras devem ser numeradas com algarismos árabes, e a legenda e fonte deve ser escrita abaixo da figura correspondente. As fotografias são tratadas como figuras.

-

As tabelas devem ser numeradas com numeração romana e as legendas escritas acima da tabela correspondente e a fonte abaixo.

A TER EM ATENÇÃO: Um relatório que se limite a descrever as actividades desenvolvidas é pobre: é a reflexão sobre as dificuldades que sentiste, a forma como as ultrapassaste, o modo como interagiste com os teus colegas e com as outras pessoas com quem colaboraste que torna o teu relatório um documento único, porque reflecte a tua experiência pessoal. Mostra como organizaste e desenvolveste o trabalho e a tua contribuição para o grupo: integra portanto, uma apreciação autocrítica do teu trabalho.

Bibliografia LAGE, Maria Otília Pereira, coord. – Vademecum : organização e apresentação de trabalhos académicos científicos e técnicos e de documentos electrónicos. Porto : IPP, 2002. MANO, Alexandre – Metodologia de trabalho de projecto [documento multimédia]. [S.l.] : Centro de Formação Professor Agostinho Manuel da Silva, 2005-2006

120

Portefólio Sancho I  

Portefólio Sancho I

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you