Page 30

Para
Entender
as
Mídias
Sociais






29


êxito
(apenas
35%
dos
usuários
do
site
não
fazem
parte
 do
território
nacional).
Diz
a
Comscore:
“Se
não
fosse
o
 Brasil,
o
Orkut
não
existiria
em
2011″.
 
 De
fato.
Segundo
informações
da
nave‐mãe
Google,
o
 Orkut
é
acessado
por
cerca
de
70%
da
população
 conectada
no
país.
E,
para
reduzir
o
extenso
volume
–
e
 ampliar
sua
fatia
no
setor
‐,
Mark
Zuckerberg
adota
 estratégias
reconhecidamente
agressivas
para
ganhar
 mercado.
A
criação
de
um
escritório
em
São
Paulo,
por
 exemplo,
e
a
contratação
de
Alexandre
Hohagen,
até
 então
personagem
mais
poderoso
da
empresa
na
 América
Latina,
é
uma
das
táticas
já
reveladas.
O
Orkut
 sentiu
o
peso
do
Facebook
no
mundo
–
e
parou
no
 tempo.
 
 Reza
a
lenda
que
o
atual
cenário
das
duas
plataformas
 ilustra,
de
certa
forma,
a
desigualdade
social
 apresentada
no
país
‐
uma
clivagem
socioeconômica
 entre
usuários
dos
sites
–,
vaticinando
que
o
Orkut
está
 na
base
da
pirâmide
e
o
Facebook,
no
alto.
 
 Por
ora,
o
panorama
é
mera
suposição.
Nenhuma
 empresa
de
métricas
ou
qualquer
instituto
de
pesquisa
 chegou
a
uma
conclusão
similar
aos
relatos
descritos
 pela
pesquisadora
americana
Danah
Boyd,
responsável
 pela
produção
de
um
artigo
publicado
em
junho
de
 2007.
Na
ocasião,
Danah
relata
a
migração
de
usuários
 do
MySpace
para
o
próprio
Facebook.
Diz
Danah:
“Aos
 poucos,
o
MySpace
começou
a
ser
visto
como
um
site
 que
reúne
latinos
e
adolescentes.
Um
ambiente
virtual
 


Para Entender as Midias Sociais  

Livro coletivo sobre assuntos transversais as redes de relacionamento, produzido e publicado por profissionais e pesquisadores da área em ab...