Page 101

Para
Entender
as
Mídias
Sociais




100


de
uma
foto
ou
de
uma
pergunta,
respectivamente.
A
 atuação
de
gente
famosa
nesses
espaços
serve
como
 fonte
oficial,
mas
antes
de
monitorar
um
perfil,
 certifique‐se
de
que
não
se
trata
de
um
fake.
 
 Acompanhar
o
hype
através
de
Trending
Topics
e
de
 outros
termômetros
de
assuntos
quentes
nas
redes
 ajuda
o
jornalista
a
entrar
nesse
mundo
informal
onde
 quem
diz
o
que
é
importante
na
pauta
do
dia
não
é
a
 imprensa,
mas
os
integrantes
das
redes.
E
fique
alerta,
 pois
os
hypes
podem
ser
brincadeiras,
boatos
ou
 manifestações
espontâneas
que
ganham
destaque.
 Certifique‐se
bem,
não
abra
mão
da
checagem
e,
mesmo
 se
for
“invenção
da
rede”,
avalie
se
não
merece
ser
 noticiada
ou
desmentida,
como
os
casos
de
Lima
Duarte,
 Chuck
Norris
e
do
ator
que
interpretava
o
Kiko,
de
 Chaves,
cujas
“mortes”
foram
anunciadas
pelo
Twitter
 como
boato
e
assustaram
muitos
desavisados.
 
 Essas
e
outras
possibilidades
de
se
fazer
jornalismo
nas
 redes
sociais,
criadas
e
experimentadas
diariamente
por
 players
sem
medo
de
gente
têm
mais
chance
de
darem
 certo
se
os
profissionais
que
estiverem
por
trás
das
 ações
forem,
antes
de
qualquer
coisa,
nativos
das
redes.
 Conhecer
a
dinâmica
dos
grupos,
os
códigos
implícitos
 de
comportamento
e,
obviamente,
saber
tirar
o
melhor
 de
cada
ferramenta
ajuda
desde
a
fase
do
planejamento
 do
uso
das
mídias
sociais
no
jornalismo
até
a
execução
e
 a
análise
dos
resultados.
Antes
de
ser
um
jornalista
de
 mídias
sociais,
portanto,
seja
um
forte
usuário
dessas
 redes.
 


Para Entender as Midias Sociais  

Livro coletivo sobre assuntos transversais as redes de relacionamento, produzido e publicado por profissionais e pesquisadores da área em ab...

Advertisement