Issuu on Google+

CAMAPUÃ E SÃO GABRIEL DO OESTE, 15 A 31 DE JULHO

Ano I - Nº 12

R$ 1,00

Agropecuaristas superam perdas provocas pelas chuvas de março Camapuã: V igilância Vigilância Sanitária compra veículo com verba de pr emiação premiação

Página 4

A Vigilância Sanitária apresentou nesta segunda-feira (25) para a população camapuanense o carro que foi adquirido com repasse que a Secretaria Municipal de saúde (Sesau) recebeu da Secretaria de Estado de Saúde (SES), como premiação de um projeto de autoria Médico Veterinário Leandro Machado Borges, responsável pela Vigilância Sanitária do município.

Página 6

O saldo do início de 2011 com as chuvas para a agricultura de São Gabriel foram de 35% de perdas com os grãos de soja. Mesmo percentual que vem se confirmando para a produção do milho safrinha. Um

efeito dominó, pois os atrasos no plantio e colheita da soja consequentemente atrapalharam o plantio do milho safrinha. O volume de chuva no início deste ano ficou para a história de todo o Mato

Grosso do Sul, bem como os danos causados para o agronegócio. O presidente do sindicato rural de São Gabriel do Oeste, Júlio Bortolini, lembrou que a chuva se prolongou por mais de um mês e

quando parou, o solo estava encharcado gerando grandes prejuízos. “Não podemos generalizar. Cada caso foi um caso e cada produtor encontrou a sua solução”.

Página 4

Cir cuito V iver Saúde Famílias de Camapuã Circuito Viver de Corrida e realizam o sonho da Caminhada rreúne eúne casa própria atletas em São Gabriel Camapuã esteve em festa na última quinta-feira (28) com a entrega das 117 casas dos novos conjuntos residenciais Cristo Redentor II e Coophavalle. A solenidade que contou com a presença do prefeito Marcelo Duailibi e do go-

vernador André Puccinelli (PMDB), também recebeu o senador Waldemir Moka (PMDB), deputados estaduais Junior Mochi (PMDB) e Márcio Fernandes (PTdoB), além de vereadores e demais autoridades.

Página 3

São Gabriel do Oeste realizou no último sábado (30) a segunda etapa do Circuito Viver Saúde de Corrida e Caminhada, que nesta edição teve como novidade a largada noturna, às 19 horas. O evento realizado pela Prefeitura Municipal, por meio da fundação de desporto de São Gabriel (Fundesg), contou com a participação de 52 atletas, na categoria masculina e feminina. E, premiou em dinheiro os três primeiros colocados de cada categoria.

Três vezes por semana, Marlene Giusti e outros seis pacientes de São Gabriel do Oeste acordam de madrugada para irem a Campo Grande para hemodiálise. Para amenizar o sofrimento do dia a dia, o grupo ganhou um veículo exclusivo para o transporte à capital morena – oferecendo mais conforto e deixando o dia “menos cansativo”.

Página 8

A divisão de Vigilância Sanitária está realizando desde o início deste mês de julho o inquérito canino sorológico censitário para leishmaniose visceral canina, sendo esta uma das etapas para o controle da leishmaniose visceral no município e que atualmente recebeu reconhecimento nacional, onde o trabalho que vem sendo realizado foi apresentado em Brasília (DF).

Página 6

Projetos de Camapuã são destaques na Capital FFederal ederal Recentemente dois projetos de autoria de camapuanenses foram destaques em Brasília na mostra “Brasil aqui tem SUS” realizado pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS). O médico veterinário e coordenador da Vigilância Sanitária Municipal Leandro Machado Borges e a fonoaudióloga Evamerlyn de Podesta Étges foram os autores dos projetos selecionados no estado para se apresentarem na Capital Federal, de Mato Grosso do Sul ao todo foram 7 projetos escolhidos, sendo 2 de Camapuã.

Página 6

Acesse

www.idest.com.br

Página 3

Pacientes da hemodiálise ganham conforto com van ex clusiva exclusiva

Secr etaria de Saúde Secretaria de Camapuã continua o trabalho contra a leishmaniose

CÂMARA DE SGO

P rimeir o rimeiro semestre na Câmara de Ver eador es de ereador eadores São Gabriel do Oeste é marcado por grandes ações Página 8

e acompanhe, em tempo real, tudo que acontece em todos os municípios da Região Norte e as principais notícias do Estado e do País.


Página 2

15 a 31 de Julho de 2011

EDITORIAL Mais que a realização de um sonho, a conquista da casa própria é sinônimo de segurança e felicidade para toda a família. Trabalhar com algo que está no campo dos sonhos e torná-los real, para muitos é quase uma mágica e chega a ser difícil acreditar no que se torna concreto. No Alto Taquari, o sonho tornado realidade está registrado tanto em Camapuã, quanto em São Gabriel do Oeste, onde cidadãos terão a oportunidade de receber a casa própria, seja por ações do governo municipal e estadual, ou por meio de projetos elaborados pelo Cointa. Mas não é só de sonhos que vivemos. Muito trabalho é realizado nos municípios para favorecer e melhorar as condições de vida dos cidadãos. E, um exemplo disso é a lei do fumo, que além de tornar o ambiente mais agradável para quem não é adepto ao tabagismo, também garante um ar mais limpo para nossas crianças, que não precisam,de forma alguma, conviver com os malefícios dos produtos associados ao cigarro. E, vale conhecer a lei como um todo para não deixar de cumprir seus deveres e exigir seus direitos, seja fumante ou não. E quem sabe ser um incentivo para deixar de fumar e buscar novos hábitos voltados ao bem estar e à saúde? Como no caso das unidades habitacionais que trazem consigo a esperança de uma vida nova, optar em deixar o fumo pode representar o mesmo. Os sentimentos, sempre presentes em nosso cotidiano, também nos impulsionam para contribuirmos com o desenvolvimento dos municípios, com projetos profissionais, ou participando de ações voltadas ao bem comum. Podemos participar das sessões da câmara e fazer sugestões para nossos representantes. Contribuir na elaboração de projetos que tragam benefícios ao município e aos cidadãos como um todo. Muitas de nossas sugestões, aquelas de colocamos em roda de amigos, podem trazer desenvolvimento e mudar o contexto de uma lei. Se fazer presente e participar da construção da cidade, pensando no crescimento que poderá realizar os sonhos, seja de se conquistar uma casa, de se ter atendimento de qualidade e de ver garantida a geração de emprego e renda aos cidadãos. São conquistas que devem ser compartilhadas para que os sonhos sejam alcançados e que a economia local seja alavancada com ações positivas. Vale à pena lembrar a importância do trabalho conjunto para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, onde todos são ouvidos e participam do desenvolvimento local. Sempre acreditando que tudo pode ser cada vez melhor. Seja pela conquista de um sonho, ou pela mudança de hábitos que prejudicam a saúde. Com certeza, tudo pode e será cada vez melhor.

CHARGE

ARTIGO

Violência doméstica e os perigos de uma segunda chance Por Franklin Razzac A Violência Doméstica em São Gabriel do Oeste, não é diferente dos demais locais. O perfil dos agressores e de suas vítimas, bem como as forma de violência são praticamente as mesmas. No CREAS especificamente, tivemos maior incidência de casos de violência em 2009, e novamente voltaram a acontecer com mais freqüência em 2011. Isso não significa que em 2010 a violência diminuiu, e nem mesmo que os casos que atendemos em 2011 são de novas vítimas. É preocupante o fato de que o número de denúncias tenha diminuído. Isso se deve ao rigor da lei? Boa parte sim, mas ainda acredito que está mais diretamente ligada à perigosa “Segunda Chance”. É um ciclo vicioso, inicia com o abuso, o parceiro agride fisicamente, psicologicamente, humilhando a víti-

ma. Após esta etapa inicia em ambos (vítima e agressor) sentimentos divergentes, ela: a vontade de tomar uma providência, seja denúncia, seja a separação, ele: o sentimento de culpa, via de regra, não pelo que fez, mas pelas conseqüências do que fez. A partir de então que começa a seqüência de equívocos e temores, que adoecem a família, e faz com que reiteradamente ocorram novas violências e geralmente de forma ainda mais grave. O agressor, passa a tentar demonstrar a vítima que o que ocorreu é algo normal, tentando mantê-la no relacionamento como se nada tivesse acontecido, como se fosse uma segunda lua de mel. A Vítima por sua vez, em sua grande maioria, passa acreditar que isso nunca mais se repetirá, pensa nos filhos, nas dificuldades e passa a novamente investir em um relacionamento condenado por sua

própria natureza. E quando falamos em adoecer a família é devido a este fator, filhos passam a presenciar brigas cada vez mais freqüentes, agressões, homicídios, como vimos aqui mesmo em São Gabriel do Oeste – MS. Às vezes as pessoas me perguntam, será que está faltando informação? Eu costumo dizer que nunca estamos informados o suficiente, mas creio que falta é conscientização. A própria ação penal é condicionada a representação da vítima, ou seja, ela precisa querer denunciar. Mas quando atendemos (e esse é um sentimento que as delegacias compartilham com os CREAS), ainda há um temor muito grande, e ao invés de buscar solucionar o problema, denunciando, exercendo seu direito de exigir medidas protetivas, o que vemos é o discurso mudar totalmente para um famoso pedido: “Será que

vocês poderiam dar somente um susto nele”? Não foram poucas as vezes que todo um aparato de proteção foi colocado a disposição e em menos de 48h vítima e agressor estavam novamente juntos. Isso por que ainda falta informação, falta acompanhamento e conscientização. Em São Gabriel do Oeste, existe a Coordenadoria de Apoio aos Assuntos da Mulher, que em parceria com o centro de referência especializado de assistência social (CREAS), trabalha assiduamente neste objetivo. Como dito, informação nunca é o bastante, temos que difundir sempre mais, mas, de forma clara, de fácil entendimento, e observando a vítima como um todo, seu ambiente domiciliar, seu trabalho e sua família, para que ela consiga acreditar no próprio potencial, e consiga de fato mensurar o que realmente deve fazer parte de sua vida.

PROIBIÇÃO

Mato Gr osso do Sul entra em período Grosso de pr oibição de queimadas contr oladas proibição controladas

CNPJ:08401698/0001-69 Av. Getúlio Vargas, 757 – sala 210 CEP: 79.490-000 – Centro São Gabriel do Oeste-MS Redação: Rua Chaad Scaff, 332 Bairro Itanhangá - Campo Grande - MS Telefone: (67) 3321-9312 São Gabriel do Oeste: (67) 3295-5584 Diretor: Tiago Braga E-mails: jornal@idest.com.br Jornalista Responsável: Ana Rita Amarilia - DRT/MS 270 Tiragem: 5 mil exemplares Periodicidade: Quinzenal Editoração Gráfica e Impressão: Editora Visão Rua Donizete, 139 Fones: (67) 3342-7682/3342-1639 E-mail:lucicm@terra.com.br

Mato Grosso do Sul está com as queimadas controladas proibidas de 1º de agosto até o dia 30 de setembro, segundo uma resolução publicada pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia (Semac) e pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). A resolução também prevê que o período de proibição fica estendido até 31 de outubro de 2011, nas áreas do bioma Pantanal. Não estão enquadradas na resolução a queima de canaviais, como método despalhador e facilitador do corte de canade-açúcar em unidade agroindustrial, a queima de palhada resultante da colheita mecanizada de sementes e a queima controlada utilizada nos cursos de capacitação promovidos pelas entidades membros do Comitê Interinstitucional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais em Mato

Grosso do Sul. Vale ressaltar que durante o período determinado pela resolução está suspensa a concessão de autorização para queima controlada constante dos processos já protocolados

no Imasul e a realização da queima controlada que, mesmo já autorizada, ainda não tem a sido executada. A inobservância das disposições desta resolução sujeitará os infratores, pessoas físi-

cas ou jurídicas, às penalidades previstas na Lei n° 6.938/ 81, na Lei n° 9.605/98 e Decreto 6.514, de 22 de julho de 2008, sem prejuízo da adoção de outras medidas administrativas e judiciais pertinentes.


Página 3

15 a 31 de Julho de 2011

SAÚDE

Circuito Viver Saúde de Corrida e Caminhada reúne atletas em São Gabriel Este ano o evento teve a largada noturna, sendo a grande novidade do circuito Ana Rita Amarília e Suzana Vanessa

S

ão Gabriel do Oeste realizou no último sábado (30) a segunda etapa do Circuito Viver Saúde de Corrida e Caminhada, que nesta edição teve como novidade a largada noturna, às 19 horas. O evento realizado pela Prefeitura Municipal, por meio da fundação de desporto de São Gabriel (Fundesg), contou com a participação de 52 atletas, na categoria masculina e feminina. E, premiou em dinheiro os três primeiros colocados de cada categoria. Para o presidente da Fundesg, Ederson Joacir Wagner, a corrida foi um sucesso e todos os atletas participantes estão de parabéns. “O grande objetivo do circuito viver saúde é levar

qualidade de vida para a população de São Gabriel do Oeste. Segundo o presidente, outros eventos serão realizados até o final do ano. “Além de limpa e bonita queremos uma cidade com saúde”. MASCULINO Eder Vaz e Flávio Bezerra conquistaram o primeiro

e o segundo lugar na categoria geral masculino, respectivamente. Os dois atletas representaram Campo Grande. Já o terceiro lugar ficou para o atleta de São Gabriel, Renato Pereira. Na categoria de 18 a 35 anos, masculino, o atleta João Pedro, de São Gabriel ficou com a primeira colocação. O segundo lugar foi

conquistado por outro corredor de Campo Grande, Jeferson Uchôa. O são-gabrielense Aldo Mendonça chegou em terceiro lugar. De Campo Grande também foi o primeiro colocado na categoria de 35 a 45 anos. Jeferson conquistou o primeiro lugar no pódio. A cidade de Ribas do Rio Pardo esteve bem representada e levou o segundo lugar com o atleta José Miguel. José Pércio, de São Gabriel foi o terceiro colocado na categoria. Também de Ribas do Rio Pardo, Edson Santana ficou com o primeiro lugar na categoria de 46 anos acima. Seguido por Francisco José, e Ênio Gaspareto, ambos de Campo Grande. FEMININO Na categoria geral feminina, as três campo-granden-

F OTOS: S UZANA V ANESSA

ses, Marleide em primeiro lugar, Rosinha em segundo e Elidia em terceiro, conquistaram o pódio. A campo-grandense Sibele foi a campeã na categoria de 18 a 35 anos. E, as atletas de São Gabriel do Oeste, Juliane e Gilvana, ficaram com o segundo e terceiro lugar. O destaque na categoria de 36 a 45 anos ficou para

atletas de São Gabriel, sendo o primeiro lugar ficou com a Lucia, em segundo a Karen Umpierre e em terceiro lugar ficou a atleta de Campo Grande Rosineide. Na categoria de 46 anos acima Feminino, em primeiro lugar ficou a atleta Francisca Fernandes e em segundo lugar ficou Janete Flores, as duas da capital.

MORADIA

Famílias de Camapuã rrealizam ealizam o sonho da casa própria O governador este no município de junto com autoridades local entregou 117 casas para famílias do município F OTOS : T IAGO BRAGA

Érick Espíndola e Ana Rita Amarilia Camapuã esteve em festa na última quinta-feira (28) com a entrega das 117 casas dos novos conjuntos residenciais Cristo Redentor II e Coophavalle. A solenidade que contou com a presença do prefeito Marcelo Duailibi e do governador André Puccinelli (PMDB), também recebeu

o senador Waldemir Moka (PMDB), deputados estaduais Junior Mochi (PMDB) e Márcio Fernandes (PTdoB), além de vereadores e demais autoridades. Durante a solenidade, o senador Moka destacou o trabalho do prefeito para que as casas fossem construídas no município. “Há um esforço do poder público, do prefeito Marcelo, em especial da prefeitura na aquisi-

ção da área, da infraestrutura aqui colocada para que agente pudesse realmente fazer com que essa entrega se tornasse realidade,” afirmou. O prefeito de Camapuã, Marcelo Duailibi agradeceu o voto de confiança que recebeu para conduzir os rumos da administração pública no município e falou da parceria política que oportunizou a construção das uni-

dades habitacionais. “Este sonho não é somente de vocês, mas, este sonho é de todos nós também. Isso é uma gratificação, uma realização na inauguração de obras e nós todos agradecemos o voto de confiança que recebemos e, vamos continuar trabalhando para que Camapuã continue se desenvolvendo”. O governador destacou que ações como a entrega das 117 casas em Camapuã fazem parte do governo do estado independentemente do partido político dos prefeitos. “É um contentamento estar em Camapuã entregando essas unidades habitacionais”, ressaltou. Geladeira Antes da entrega das casas, no salão do conviver, o governador André e o prefeito Marcelo participaram da entrega de 200 refrigeradores (geladeiras) para famílias que fazem parte do programa “Eficiência Energética”. O governador e demais autoridades também aproveitaram a estada em Camapuã para vistoriar as obras de pavimentação asfáltica da

MS-436, rodovia estadual que faz a ligação do município com Figueirão. A rodovia contribuirá com o aumento do tráfego

de veículos e interligará a região norte de Mato Grosso do Sul, impulsionando ainda mais o desenvolvimento.


Página 4

15 a 31 de Julho de 2011

AGRONEGÓCIOS

Agropecuaristas superam perdas provocas pelas chuvas de março Mas, o período é de alerta contra as queimadas e a seca, que pode ser prolongada F OTOS : D IVULGAÇÃO

Ana Rita Amarilia

O

saldo do iní cio de 2011 com as chuvas para a agricultura de São Gabriel foram de 35% de perdas com os grãos de soja. Mesmo percentual que vem se confirmando para a produção do milho safrinha. Um efeito dominó, pois os atrasos no plantio e colheita da soja consequentemente atrapalharam o plantio do milho safrinha. O volume de chuva no início deste ano ficou para a história de todo o Mato Grosso do Sul, bem como os danos causados para o agronegócio. O presidente do sindicato rural de São Gabriel do Oeste, Júlio Bortolini, lembrou que a chuva se prolongou por mais de um mês e quando parou, o solo estava encharcado gerando grandes prejuízos. “Não podemos generalizar. Cada caso foi um caso e cada produtor encontrou a sua solução”. Para Bortolini o que foi vivenciado pelo agronegócio tem dois lados, o da soja que sofreu com o atraso na colheita e com o milho safrinha que passou do período para ser plantado. “Vinte e dois de março parou a chuva. Aí, já sabíamos que enfrentaríamos a seca”. O presidente do sin-

dicato rural enfocou o período difícil enfrentado pelos produtores de São Gabriel. “Excesso de chuva, milho atrasado em um mês e formação de grãos na seca”. Na contramão da soja e do milho vem o sorgo. “O sorgo está bem. Temos previsão de super safra”, avaliou Bortolini. Além do sorgo, o algodão dá sinais de boa produtividade. “Agora a preocupação com relação

estão muito secos e as queimadas são ameaças constantes. Bortolini falou que foi necessário até o uso de aviões para controlar os incêndios.

à seca está na pecuária. A bacia leiteira sofrerá com a falta de pasto”.

QUEIMADAS A preocupação de Bortolini vai além da produção leiteira. O presidente do sindicato rural lembra que ainda há a possibilidade de ter 40 dias sem chuva. “Isso agrava ainda mais a situação no município e o nosso alerta é com relação às queimadas”. Bortolini recordou que em 2010 foram registrados alguns acidentes ocasionados pelas queimadas. “Temos que tomar cuidado com os catadores de milho. Estamos nomeio da colheita e precisamos ficar alertas com as queimadas”. O presidente destacou que todo cuidado é pouco nesta época de colheita do milho e de estiagem prolongada, onde os campos

PREPARADOS Acostumado com as variações do clima e com o trabalho na produção agropecuária, Luiz Carlos Rotili aconselha que o produtor deve estar pre-

parado. “Essa sequinha aqui é normal para nós. Temos que nos adaptar”, ressaltou. Experiente, o agropecuarista destacou que as dificuldades com a chuva já foram superadas. “ Já está tudo normal, graças a Deus”. Rotili enfocou que é fundamental buscar opções para cuidar do gado neste período em que a seca deixa os animais sem pasto. “Se não se preparar o gado morre de fome”. A experiência dos produtores da região tem contribuído para superar as dificuldades climáticas e transpor os obstáculos encontrados para a produção. CHUVAS No início do ano, de janeiro a março, o volume de chuva atrapalhou na produção e causou muitos prejuízos ao município. Os danos foram tantos que a Prefeitura de São Gabriel chegou a decretar estado de emergência. Num período de dez dias mais de 400 milímetros de chuva caíram na região, destruindo inclusive pontes na zona rural e deixando estradas com grandes danos. Houve caso em que comunidades ficaram isoladas em razão das estradas estarem intransitáveis.


Página 5

15 a 31 de Julho de 2011

Show Baile Carla e Junior - dia 26.07 F OTOS: S UZANA V ANESSA

Mais fotos no: ww.idest.com.br

Cir cuito V iver Saúde de Corrida e Caminhada - 30/07 Circuito Viver


Página 6

15 a 31 de Julho de 2011

CAMAPUÃ

Camapuã: Vigilância Sanitária compra veículo com verba de premiação Premiação foi dada a projeto do Médico Veterinário Leandro Machado Borges

A

Vigilância Sanitá ria apresentou nesta segundafeira (25) para a população camapuanense o carro que foi adquirido com repasse que a Secretaria Municipal de saúde (Sesau) recebeu da Secretaria de Estado de Saúde (SES), como premiação de um projeto de autoria Médico Veterinário Leandro Machado Borges, responsável pela Vigilância Sanitária do município. Leandro apresentou para a SES ações com inúmeras melhorias para o

bom funcionamento da Vigilância Sanitária Municipal. A SES premiou 25 municípios com os melhores projetos apresentados. A premiação foi um recurso de R$25 mil para que os autores possam desenvolver suas ações mencionadas nos projetos. Em Camapuã, o repasse foi complementado com uma contrapartida da prefeitura para aquisição de um carro Fiat Uno, onde dará à vigilância sanitária municipal melhores condições para desenvolver suas ações.

TEXTO

PREMIADO Leandro Machado Borges recentemente foi premiado também com um projeto voltado ao controle da leishmaniose visceral americana. Na oportunidade ele esteve juntamente com a fonoaudióloga Evamerlyn de Podestá Etges, que foi premiada com o projeto “Fonoaudiologia promove a leitura e a escrita para crianças com paralisia cerebral”, representando o Estado no encontro do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

Projetos de Camapuã são destaques na Capital FFederal ederal D IVULGAÇÃO

E FOTO :

Secr etaria de Saúde de Secretaria Camapuã continua o trabalho contra a leishmaniose D IVULGAÇÃO

Aloízio Targino

Dois projetos do município representam o Estado

Recentemente dois projetos de autoria de camapuanenses foram destaques em Brasília na mostra “Brasil aqui tem SUS” realizado pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS). O médico veterinário e coordenador da Vigilância Sanitária Municipal Leandro Machado Borges e a fonoaudióloga Evamerlyn de Podesta Étges foram os autores dos projetos selecionados no estado para se apresentarem na Capital Federal, de Mato Grosso do Sul ao todo foram 7 projetos escolhidos, sendo 2 de Camapuã. Leandro Machado Borges apresentou o projeto

sobre o Controle da Leishmaniose Visceral Americana por meio de ações que contemplam a educação em saúde e o manejo ambiental, envolvendo equipes multidisciplinares no município de Camapuã/MS, nos anos de 2009 e 2010. Já Evamerlyn de Podesta Étges apresentou o projeto intitulado, fonoaudióloga promove a leitura e a escrita para crianças com paralisia cerebral. Ambos estão sendo executados pela prefeitura de Camapuã. A fonoaudióloga destacou a importância da participação no evento. “Lá estão presentes as secretarias municipais de saúde do Brasil

inteiro e, além é claro da troca de experiências, por que graças a nossa participação lá nós vamos poder implantar aqui alguns procedimentos que ainda não utilizávamos,” disse. Para o prefeito Marcelo Duailibi isso mostra que Camapuã tem talentos e pessoas capacitadas. “Os projetos apresentados são de pessoas capacitadas e que saíram de nossa cidade, foram implantados aqui, deram resultados satisfatórios e, agente fica muito feliz e orgulhoso em ver que Camapuã está em destaque no cenário nacional com bons projetos como estes,” diz Duailibi.

ALOÍZIO T ARGINO

A divisão de Vigilância Sanitária está realizando desde o início deste mês de julho o inquérito canino sorológico censitário para leishmaniose visceral canina, sendo esta uma das etapas para o controle da leishmaniose visceral no município e que atualmente recebeu reconhecimento nacional, onde o trabalho que vem sendo realizado foi apresentado em Brasília (DF). Nesta etapa, a equipe da vigilância sanitária coletará amostras sanguíneas de mais de 200 cães nos locais pré determinados em pactuação com a Secretaria de Estado de Saúde. Os locais de coleta são a vila Diamantina, jardim dos Palmares, vila São Miguel, parque dos ipês, jardim nova era, vale do sol, vila Olídia Pereira da Rocha e centro. Segundo o médico veterinário e coordenador da vigilância sanitária, Leandro Machado Borges, até o final deste ano haverá novidades, pensando no bem estar da população e

na inovação técnica e científica. O Ministério da Saúde, em parceira com a Secretaria de Estado de Saúde (SES) e a prefeitura de Camapuã, trará o kit de teste rápido para leishmaniose visceral canina, produzido pela Fiocruz, onde o proprietário do cão poderá saber na hora o resultado do exame que será feito pelo médico veterinário da prefeitura. A intenção é de que este teste esteja disponível até o início do projeto cata treco deste ano. Vale lembrar que desde o início de 2009, ano em que foi implantado o programa de controle da leishmaniose visceral

americana, na atual administração, vinha aumentando no município o número de pessoas e cães com leishmaniose. No primeiro inquérito em 2009, o índice de positividade canina foi de 36,14%, caindo para 14,09% em 2010 e este ano após o resultado do inquérito espera-se que caia ainda mais este índice. Leandro destacou o emprenho da administração municipal. “Graças ao empenho do prefeito Marcelo Duailibi (DEM) e do secretário de saúde Frederico Marcondes Neto, estamos conseguindo controlar a leishmaniose, em Camapuã”.

Limpeza do Córr ego Garimpinho surpr eende população de Camapuã Córrego surpreende Moradores dizem que jamais havia sido realizado uma limpeza como a atual TEXTO

Os moradores vizinhos ao Córrego Garimpinho estão surpreendidos pela forma que está sendo feita a limpeza do córrego, devido à grandiosidade do serviço jamais visto pela população de Camapuã. Frequentemente a prefeitura realiza o serviço as margens do Garimpinho, porém nesta oportunidade o

prefeito Marcelo Duailibi (DEM), juntamente com o secretario de Infra-Estrutura e Serviços Públicos, Luiz Moreira estão realizando uma limpeza aguda no córrego que corta a cidade, não apenas ás suas margens, mas também em seu leito o que jamais havia sido realizado. A moradora Avelina Campos de Lima que reside ao

lado do córrego há 28 anos, relata com surpresa o serviço. “Nossa, eu não esperava que um dia fossem fazer uma limpeza tão grande como esta, pra gente que mora aqui há 28 anos é a primeira vez que um prefeito faz isso, estou muito feliz, pois o mato já tava mais alto que uma pessoa ai do lado, é uma pena que vocês não vieram tirar uma

foto daqui antes da limpeza, pra ver a diferença”. Avelina fez questão de citar alguns benefícios da limpeza. “Alem da aparência que nem se compara, agora tenho certeza que dará mais segurança pra gente que mora aqui ao lado, limpo assim diminui o numero de bichos e até de mosquitos, nossa ficou 100%”.

Para a administração esse período de seca é o ideal para realizar o serviços e mesmo assim o trabalho para retirar principalmente as terras no leito do córrego é muito grande, uma vez que outros administradores nunca tiveram essa atenção com o córrego, o que fez acumular uma grande quantidade de materiais em seu leito.

E FOTOS:

ALOÍZIO TARGINO

Além das limpezas realizadas, Marcelo desde o inicio de seu mandato teve uma atenção especial com a arborização e embelezamento das margens do Garimpinho, uma das suas primeiras ações foi o plantar gramas nas margens do córrego e também mudas de árvores próximo as pontes da rua Cuiabá e Francisco Faustino.


Página 7

15 a 31 de Julho de 2011

PREFEITURA DE SÃO GABRIEL DO OESTE AVISO DE LICITAÇÃO PÚBLICA MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 058/2011 A Prefeitura Municipal de São Gabriel do Oeste, Estado do Mato Grosso do Sul por solicitação da Secretaria Municipal de Administração, através de seu Pregoeiro Oficial, torna público para conhecimento dos interessados que fará realizar licitação na modalidade de Pregão Presencial, do tipo Menor Preço por item, de conformidade com as disposições da Lei nº 10.520/ 02, Lei nº 8.666/93, de 21/06/93, e suas alterações posteriores e pelo Edital, seleção da proposta mais vantajosa para a Administração Pública, visando a contratação de empresa para serviços de horas de máquina Trator Esteira D4 para realização de ações para contenção e adequação de processos erosivos, em cumprimento ao Convênio SICONV nº 704454/2009 MMA, em sessão pública, às 14:00hs do dia 05 de Agosto de 2011, na sala de reuniões, localizada à Rua Martimiano Alves Dias 1211, São Gabriel do Oeste - MS, onde serão recebidos os envelopes de proposta comercial e documentação de habilitação. Valor da Pasta do Edital é de R$ 10,00 (dez reais) São Gabriel do Oeste - MS, 25 de Julho de 2.011. Ronilso Freitas Brandão - Pregoeiro AVISO DE LICITAÇÃO PÚBLICA MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL Nº 052/2011 A Prefeitura Municipal de São Gabriel do Oeste, Estado do Mato Grosso do Sul por solicitação da Secretaria Municipal de Administração, através de seu Pregoeiro Oficial, torna público para conhecimento dos interessados que fará realizar licitação na modalidade de Pregão Presencial, do tipo Menor Preço por item, de conformidade com as disposições da Lei nº 10.520/ 02, Lei nº 8.666/93, de 21/06/93, e suas alterações posteriores e pelo Edital, visando a aquisição de equipamentos e material permanente para o Hospital Municipal, em atendimento à Fundação de Saúde Pública do município de São Gabriel do Oeste - MS, em sessão pública, às 08hs do dia 05 de Agosto de 2011, na sala de reuniões, localizada à Rua Martimiano Alves Dias, nº 1.211, São Gabriel do Oeste MS, onde serão recebidos os envelopes de proposta comercial e documentação de habilitação. Valor da Pasta do Edital é de R$ 10,00 (dez reais) São Gabriel do Oeste - MS, 25 de Julho de 2.011. Ronilso Freitas Brandão - Pregoeiro EXTRATO DO CONTRATO N º. 070/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 019/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: EDSON CARDOZO DA SILVA OBJETO: contratação de serviços funerários, conforme condições e especificações contidas no Processo Administrativo nº 019/ 2011. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02. VALOR: R$ 9.280,00 (nove mil, duzentos e oitenta reais) VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura do contrato, permitida a prorrogação por iguais e sucessivos períodos. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 02.04 Fundo Municipal de Assistencia Social 08.244.0011.2064.0000 Benefícios eventurais - Auxílio Funeral 3.3.90.39.00 Outros serviços de terceiros - Pessoa Jurídica ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Sérgio Vanderly Silva / Edson Cardozo da Silva. DATA DA ASSINATURA: 18 de julho de 2011. EXTRATO DO TERMO ADITIVO Nº 002/2011 CONTRATO Nº 41/2009 PROCESSO ADMINISTRATIVO: 202/2009 CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: ASSOCIAÇÃO TRANSPARÊNCIA MUNICIPAL OBJETO: O presente termo aditivo tem por objeto a prorrogação da vigência do contrato prestação de serviços nº 41/2009, pelo período de mais 12 (doze) meses, a contar de 26 de julho de 2011, bem como alteração da cláusula nona - da dotação orçamentária. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 57, inciso II, da Lei Federal n° 8.666/93 ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon/Paulo Sérgio Gomes da Silva DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2.011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 003/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 022/2011 CONTRATANTE: FUNDAÇÃO DE SAÚDE PÚBLICA DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: GESTORHA CONSULTORIA EM SEGURANÇA DO TRABALHO OBJETO: contratação de empresa para serviços de segurança do trabalho.

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 8.666/93. VALOR: R$ 24.000,00 (vinte e quatro mil reais) VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura do contrato, permitida a prorrogação por iguais e sucessivos períodos. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 02.03 Fundação de Saúde Pública do Município de São Gabriel do Oeste 10.302.0018-2054 Funsaúde- Hospital Municipal 3.3.90.39.00 Material de Consumo ASSINANTES:. Fábio José Judacewski/ Roberto Medeiros Barbosa DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO TERMO ADITIVO Nº 002 CONTRATO Nº076/09 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: F. ROCHA E CIA LTDA OBJETO: Constitui objeto do presente termo aditivo a prorrogação da vigência do contrato de locação de duas máquinas multifuncionais nº 076/2009, pelo período de 12 (doze) meses. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: no artigo 57, IV da Lei Federal n° 8.666/ 93. ALTERAÇÕES CONTRATUAIS: Fica alterada a redação das CLÁUSULAS SÉTIMA E DÉCIMA DO CONTRATO N.º 0076/2009, as quais passam a vigorar com a seguinte redação: CLÁUSULA SÉTIMA DO VALOR Pelo fornecimento do objeto do presente instrumento, a Contratante pagará à Contratada a importância de R$ 1.440,00 (um mil, quatrocentos e quarenta reais) mensais, totalizando o valor de R$ 51.840,00 (cinquenta e um mil, oitocentos e quarenta reais). CLÁUSULA DÉCIMA DO PRAZO DE VIGÊNCIA O prazo de início deste contrato será contado a partir de sua assinatura para vigorar pelo período de 36 (trinta e seis) meses, podendo ser prorrogado, nos termos do art. 57, IV da lei federal, nº 8.666/ 93. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon/Jéferson Luiz Tomazoni/ Marinês Hatori da Silva. DATA DA ASSINATURA: 01 de agosto de 2011. EXTRATO DO TERMO ADITIVO Nº 002 CONTRATO Nº020/2009-SMS CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: F. ROCHA E CIA LTDA OBJETO: Constitui objeto do presente termo aditivo a prorrogação da vigência do contrato nº 020/ 2009-SMS, referente s locação de duas máquinas multifuncionais pelo período de 12 (doze) meses. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Cláusula décima do contrato 020/ 2009-SMS e artigo 57, IV da Lei Federal n° 8.666/93. ALTERAÇÕES CONTRATUAIS: Fica alterada a redação das CLÁUSULAS SÉTIMA E DÉCIMA DO CONTRATO N.º 020/2009-SMS, as quais passam a vigorar com a seguinte redação: CLÁUSULA SÉTIMA- DO VALOR Pelo fornecimento do objeto do presente instrumento, a Contratante pagará à Contratada a importância de R$ 1.440,00 (um mil, quatrocentos e quarenta reais) mensais, pelo período de 36 (trinta e seis) meses, totalizando o valor de R$ 51.840,00 (cinquenta e um mil, oitocentos e quarenta reais). CLÁUSULA DÉCIMA DO PRAZO DE VIGÊNCIA O prazo de início deste contrato será contado a partir de sua assinatura para vigorar pelo período de 36 (trinta e seis) meses, podendo ser prorrogado, nos termos do art. 57, IV da lei federal, nº 8.666/ 93. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon/Camilla Nascimento Oliveira/Marinês Hatori da Silva. DATA DA ASSINATURA: 01 de agosto de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 075/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 066/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: GESSTORHA CONSULTORIA EM SEGURANÇA DO TRABALHO. OBJETO: prestação de serviços de consultoria, assessoria e treinamentos em segurança laboral. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 35.760,00 (trinta e cinco mil, setecentos e sessenta reais). DOTAÇÃO: 02.01.03 Secretaria de Administração 04.122.0001.2003.0000 Manut. Das Ativ. Sec. Administração 3.3.90.39.00 Outros serviços de terceiro - pessoa jurídica VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz

Marcon / Roberto Medeiros Barbosa. DATA DA ASSINATURA: 22 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 078/2011 - FMS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATADO: M V KOOS. OBJETO: aquisição de filtros e lubrificantes para veículos. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 16.859,90 (dezesseis mil oitocentos e cinquenta e nove reais e noventa centavos). DOTAÇÃO: 02.02 Fundo Municipal de Saude 10.301.0016-2031 Atenção Basica - Secretária 10.301.0016-2039 Unidade de Saúde da Familia VII Rural 10.301.0016-2043 Transporte de pacientes 10.305.0019-2053 Vigilância em Saúde - Epidemiologia 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Camilla Nascimento Oliveira/ Marley Vanice Koos. DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 079/2011 - FMS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATADO: AUTO PEÇAS RODRIGUES LTDA - EPP. OBJETO: aquisição de filtros e lubrificantes para veículos. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 16.859,90 (dezesseis mil oitocentos e cinquenta e nove reais e noventa centavos). DOTAÇÃO: 02.02 Fundo Municipal de Saude 10.301.0016-2031 Atenção Basica - Secretária 10.301.0016-2039 Unidade de Saúde da Familia VII Rural 10.301.0016-2043 Transporte de pacientes 10.305.0019-2053 Vigilância em Saúde - Epidemiologia 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Camilla Nascimento Oliveira/ Jonatas A. S. Rodrigues. DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 080/2011 - FMAS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE/ FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL. CONTRATADO: MV KOOS. OBJETO: Aquisição de filtros e lubrificantes para atendimento da Secretaria Municipal de Assistencia Social. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 1.680,00 (mil seiscentos e oitenta reais). DOTAÇÃO: 02.04 Fundo Municipal de Assistência Social 08.244.0015.2086.0000 Man. Geral Serv. Sócio Assist. 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Sergio Wanderly Silva / Marley Vanice Koos. DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 081/2011 - FMAS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL. CONTRATADO: AUTO PEÇAS RODRIGUES LTDA - EPP. Objeto: aquisição de filtros e lubrificantes para atendimento da Secretaria de Assistencia Social. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 210,45 (duzentos e dez reais e quarenta e cinco centavos) DOTAÇÃO: 02.04 Fundo Municipal de Assistência Social 08.244.0015.2086.0000 Man. Geral Serv. Sócio Assist. 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura

deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Sergio Wanderly Silva / Jonatas A. S. Rodrigues. DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 082/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: M V KOOS. OBJETO: aquisição de filtros e lubrificantes para veículos. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 39.063,50 (trinta e nove mil e sessenta e três reais e cinquenta centavos) DOTAÇÃO: 02.01.07 Secretaria de Infraestrutura Rural 26.782.0008.2020.0000 Construção e conservação de estradas rurais e pontes 3.3.90.30.00 Material de consumo 02.01.06 Secretaria de Infraestrutura Urbana 15.451.0005.1001.0000 Pav. Asf./Gal. Plv./Urban/Sinalização/Const. Praças e A. Lazer 15.452.0005.2016.0000 Manutenção das Ativ. Da Secretaria de Infraestrutura Urbana 15.452.0005.2017.0000 Ampliação e Manutenção da Iluminação Pública 15.452.0005.2018.0000 Serviço de Coleta de Lixo 15.452.0005.2019.0000 Conservação das Vias Urbanas, Praças, Área de Lazer 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Marley Vanice Koos. DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 083/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 060/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: AUTO PEÇAS RODRIGUES LTDA - EPP. OBJETO: aquisição de filtros e lubrificantes . FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 10.714,20 (dez mil setecentos e quatorze reais e vinte centavos). DOTAÇÃO: 02.01.07 Secretaria de Infraestrutura Rural 26.782.0008.2020.0000 Construção e conservação de estradas rurais e pontes 3.3.90.30.00 Material de consumo 02.01.06 Secretaria de Infraestrutura Urbana 15.451.0005.1001.0000 Pav. Asf./Gal. Plv./Urban/Sinalização/Const. Praças e A. Lazer 15.452.0005.2016.0000 Manutenção das Ativ. Da Secretaria de Infraestrutura Urbana 15.452.0005.2017.0000 Ampliação e Manutenção da Iluminação Pública 15.452.0005.2018.0000 Serviço de Coleta de Lixo 15.452.0005.2019.0000 Conservação das Vias Urbanas, Praças, Área de Lazer 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES: Sérgio Luiz Marcon / Jonatas Augusto Soares Rodrigues DATA DA ASSINATURA: 25 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 071/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 048/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE CONTRATADO: MS CARTUCHOS - ME. OBJETO: fornecimento contínuo de recargas para toners e jatos de tintas, conforme condições e especificações contidas no Processo Administrativo nº 048/2011. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 45.740,000 (quarenta e cinco mil setecentos e quarenta reais) DOTAÇÃO: 02.01.03 Secretaria de Administração 04.122.0001.2003.0000 Manutenção das Atividades da Sec. de Administração 3.3..90.39.00 Outros serviços de terceiros - Pessoa Jurídica 02.01.05 Secretaria de desenvolvimento Econômico 04.122.0001.2023.0000 Manutenção das Atividades da Sec. de Desenvolvimento Econômico 3.3.90.39.00 Outros serviços de terceiros - Pessoa Jurídica 02.01.06 Secretaria de Infraestrutura Urbana 15.452.0005.2016.0000

Manutenção das Atividades da Sec. Infraestrutura Urbana 3.3.90.39.00 Outros serviços de terceiros - Pessoa Jurídica 02.01.07 Secretária de Infraestrutura Rural 04.122.0008.2026.0000 Manutenção das Atividades da Sec. Infraestrutura Rural 3.3.90.39.00 Outros serviços de terceiros - Pessoa Jurídica VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES:Sérgio Luiz Marcon / Virlei Aparecida Inácio de Souza. DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 072/2011 - FMS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 048/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CONTRATADO: MS CARTUCHOS - ME. OBJETO: fornecimento contínuo de recargas para toners e jatos de tintas, conforme condições e especificações contidas no Processo Administrativo nº 048/2011. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 63.892,00 (sessenta e três mil, oitocentos e noventa e dois reais). DOTAÇÃO: 02.02 Fundo Municipal de Saude 10.301.0016-2031 Atenção Basica - Secretária 10.301.0016-2032 Apoio as Unidades de Saúde 10.301.0016-2033 Unidade de Saúde da Familia I Gramado 10.301.0016-2050 Medicamentos 10.301.0017-2042 NASF - Núcleo de Apoio a Saúde da Família 10.301.0017.2047 CEO - Centro de Especialidades Odontológicas 10.301.0017.2048 CAPS - Centro de Atenção Psicossocial 10.304.0019-2051 Vigilância em Saúde - Sanitária 10.305.0019-2053 Vigilância em Saúde - Epidemiologia 3.3.90.30.00 Material de Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES:Sérgio Luiz Marcon / Camilla Nascimento Oliveira/ Virlei Aparecida Inácio de Souza. DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 073/2011 - FEMSGO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 048/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL CONTRATADO: MS CARTUCHOS - ME. OBJETO: fornecimento contínuo de recargas para toners e jatos de tintas, conforme condições e especificações contidas no Processo Administrativo nº 048/2011. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 12.456,00 (doze mil quatrocentos e cinquenta e seis reais). DOTAÇÃO: 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2097.0000 Manutenção das Atividades da E.M. Pingo de Gente 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2098.0000 Manutenção das Atividades da E.M. Ênio Carlos Bortolini 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2099.0000 Manutenção das Atividades da E.M. Armelindo Tonon 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educa-

ção Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2100.0000 Manutenção das Atividades da E.M Senador Filinto F. Muller 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.365.0026.2111.0000 Manut. Amp. Aquis. Eqptos. p/ CMEI Mundo da Criança 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.365.0026.2112.0000 Manut. Amp. Aquis. Eqptos. p/ CMEI Jardim Gramado 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.365.0026.2113.0000 Manut. Amp. Aquis. Eqptos. p/ CMEI Pequeno Cidadão 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0032.2109.0000 Nucleo de Educação Especial 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2094.0000 Manutenção da SEMEC 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2119.0000 Formação Continuada de Servidores da Educação 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica 02.07.00 Fundo de Educação Municipal - FEMSGO 12.361.0025.2094.0000 Manutenção da SEMEC 3.3.90.39.00 O u t r o s Serviços de Terceiros - Pessoa Jurídica VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES:Sérgio Luiz Marcon / Jeferson Luiz Tomazoni/Virlei Aparecida Inácio de Souza. DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2011. EXTRATO DO CONTRATO N º. 074/2011 - FEMSGO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 048/2011 CONTRATANTE: MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL DO OESTE / FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CONTRATADO: MS CARTUCHOS - ME. Objeto: fornecimento contínuo de recargas para toners e jatos de tintas, conforme condições e especificações contidas no Processo Administrativo nº 048/2011. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Lei nº 10.520/02 e Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. VALOR: R$ 11.912,00 (onze mil novecentos e doze reais). DOTAÇÃO: 02.04 Fundo Municipal de Assistência Social 08.244.0015.2086.0000 Man. Geral Serv. Sócio Assist. 08.244.0011.2077.0000 PAEFI - Serv. Prot. Atend. Esp. Fam. Ind. 08.244.0014.2084.0000 Prog. Capac. Rede Mun. Assist. Social 08.244.0015.2088.0000 Man. Cemitério Municipal 08.243.0015.2089.0000 Man. Conselho Tutelar 08.244.0011.2063.0000 Prog. Atenção int. Fam. - PAIF 08.244.0011.2062.0000 Manutenção do CRAS 08.243.0011.2058.0000 Serv. Conv. Fort. Vinc./Cças de 06 a 15 aa 08.243.0011.2060.0000 Serv. Conv. Fort. Vinc./Cças de 15 a 17 aa 3.3.90.30.00 Materialde Consumo VIGÊNCIA: 12 (doze) meses, contados da data da assinatura deste instrumento, podendo ser prorrogado a critério da contratante. ASSINANTES:Sérgio Luiz Marcon / Sergio Wanderly Silva /Virlei Aparecida Inácio de Souza. DATA DA ASSINATURA: 19 de julho de 2011.


Página 8

15 a 31 de Julho de 2011

SÃO GABRIEL DO OESTE

Pacientes da hemodiálise ganham conforto com van exclusiva

T

rês vezes por sema na, Marlene Gius ti e outros seis pacientes de São Gabriel do Oeste acordam de madrugada para irem a Campo Grande para hemodiálise. Para amenizar o sofrimento do dia a dia, o grupo ganhou um veículo exclusivo para o transporte à capital morena – oferecendo mais conforto e deixando o dia “menos cansativo”. O veículo é uma van Ducato, antes utilizada para o transporte geral de pacientes. Depois da compra de um micro-ônibus para levar os outros são-gabrielenses que buscam tratamentos e exames em Campo Grande, o carro foi totalmente reformado para prestar serviços apenas ao grupo da hemodiálise. “Nós, que não temos a obrigatoriedade de um tratamento necessário para sobrevivência, não temos nem ideia do sofrimento que é. Com o veículo exclusivo, tentamos pelo menos dar um pouco mais de conforto

Veículo foi totalmente reformado pelo Executivo para atender os pacientes

para estes pacientes”, explica o prefeito Sérgio Marcon. De acordo com Marlene, com o carro exclusivo a viagem ficou menos cansativa, mais confortável e mais tranquila. “Nem se compara a antes, quando saíamos às 3h30 da manhã, com muita gente na van. Hoje saímos mais tarde e temos mais espaço”, conta a paciente, que há oito anos espera um transplante de rim. “Nós voltamos muito debilitados desse tratamento, é muito puxado”, conta Marlene,

que teve de deixar emprego por conta do tratamento. INVESTIMENTOS - A reforma da van para atendimento exclusivo aos pacientes da hemodiálise faz parte de uma série de medidas tomadas pela Prefeitura para melhorar a estrutura da saúde pública municipal. Entre as ações estão a reforma no hospital municipal e nas unidades de saúde do Milani, Areado e Fênix. Também foram adquiridas duas novas ambulâncias – uma com UTI móvel, um micro-ônibus para

transporte de pacientes à capital e equipamentos de última geração para hospital e postos. De acordo com a Secretaria de Saúde, outras ações estão previstas para as próximas semanas – como a reforma do posto de saúde do bairro Jardim Gramado. “A estrutura do serviço público estava bastante debilitada. Com as ações realizadas, buscamos ofertar atendimento de qualidade aos pacientes e mais conforto aos profissionais da área”, aponta a secretária de Saúde, Camilla Nascimento de Oliveira. O QUE É HEMODIÁLISE – A hemodiálise é um tratamento contínuo necessário em pessoas com insuficiência renal. Os pacientes são dependentes de um “rim artificial”, uma máquina que faz o processo de depuração do sangue, a retirada das toxinas e a remoção dos líquidos do corpo. O tratamento é necessário até que se consiga um doador compatível de rim e se faça um transplante.

13 de agosto haverá vacinação contra pólio e sarampo No próximo dia 13 de agosto, pais e responsáveis devem ficar atentos à realização da segunda etapa de vacinação contra a paralisia infantil, voltada para crianças com menos de 5 anos. É o Dia de Vacinação da campanha, em que todas as unidades de saúde de São Gabriel estarão abertas das 8 horas às 17 horas. A data também prevê o Dia D de imunização contra o sarampo, cuja campanha será realizada de 18 de agosto a 16 de setembro. De acordo com a organização, todas as crianças entre 1 e 7 anos devem tomar a vacina.

As campanhas serão realizadas nos postos Correios, Redondo, Gramado, Fênix e Milani, no distrito do Areado, no Assentamento Campanário e no posto da Polícia Rodoviária Federal. As crianças que estiverem com a carteira de vacinação desatualizada deverão ser imunizadas também contra outras doenças. Segundo a coordenação da campanha, os postos disponibilizarão vacinas contra tétano, febre amarela, hepatite B, meningite, tríplice viral e tetravalente, entre outros.

P rograma orienta taxistas no atendimento a visitantes Passageiros que têm como porta de entrada da cidade a rodoviária municipal, muitas vezes precisam dos serviços de táxi locais para chegar ao destino final - seja casa de amigos, parentes ou um hotel. Pensando nisso, a Prefeitura de São Gabriel do Oeste iniciou, em julho, um trabalho com os taxistas locais para aperfeiçoamento e atendimento aos clientes. A ação integra o programa Aprender a Crescer, instituído pela Prefeitura, em 2009, para assessorar e dar consultoria a pequenos empresários e empreendedores do município. Com o apoio do Sebrae e da Associação Comercial, o programa mostra aos participantes - desde empresários a colaboradores - a importância da busca pela formação contínua, com o intuito aumentar o seu potencial para iniciar ou melhorar o seu próprio negócio. Para o consultor do Sebrae, Jayro de Sousa, que fez as visitas aos taxistas e empresas às margens da rodovia BR-163, o trabalho é muito importante para o desenvolvimento da cidade, tanto para as empresas quanto para a população que utiliza os serviços. "Espero que, com esse trabalho, a população tenha a oportunidade de colher os resultados e que, um dia, eu possa voltar para esta cidade e ver que o programa realmente fez a diferença", aponta o consultor, que orientou os taxistas sobre o papel da categoria no desenvolvimento da cidade. Dentre os empreendedores visitados por Sousa está o taxista Osmar Delfino. Há 10 anos trabalha na área, o autônomo sabe da importância de atender bem o cliente e de ter atitudes diferenciais no mercado. "A gente vê com bons olhos uma proposta desta, porque tem alguém lembrando da gente", disse Delfino. "É sempre bom receber orientações para uma reciclagem", afirma. O trabalho tem mesmo um lado fundamental - os taxistas são o porta-voz da cidade, sendo muitas vezes o primeiro contato dos visitantes, como explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Renato Agostini. Por isso, aponta Agostini, o taxista deve passar uma boa imagem e estar bem informado sobre o histórico da cidade, além de saber todos os locais de serviços públicos, como restaurantes, lanchonetes, hotéis, farmácias, hospitais. A higiene e a educação também são fundamentais para o atendimento, ter um carro limpo e funcionando adequadamente são importantes para a conquista de clientes. O PROGRAMA O programa Aprender a Crescer conta com quatro projetos em execução desde 2009. Entre os trabalhos estão o desenvolvimento das micro e pequenas empresas, ações diferenciadas e de maneira contínua aos empreendimentos instalados ao longo da BR-163 no município, qualificação profissional e a orientação na implantação de pequenos negócios na produção de alimentos.

Primeiro semestre na Câmara de Vereadores de São Gabriel do Oeste é marcado por grandes ações Neste primeiro semestre do ano, muitas foram as ações de grande representatividade na Casa de Leis do Município. Durante este período, além das indicações e pedidos de providência, Projetos de Lei e audiências públicas também contribuíram para trazer melhorias ao Município de São Gabriel do Oeste. Após o recesso do final do ano, Legislativo e Executivo discutiram o destino do repasse do valor do Duodécimo de 2010 e priorizaram juntos, obras importantes para o Município, como reformas na área da saúde e lazer, atendendo a diversas regiões de São Gabriel do Oeste. Além das melhorias, que atenderam quase toda a cidade, muitas outras medidas foram co-

locadas em prática. Dentre os projetos aprovados estão o desmembramento de lotes urbanos, a celebração de convênio com o Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação - Simted e com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, a reorganização do Conselho Municipal de Assistência Social, além da autorização para que o Poder Executivo contratasse financiamento junto a Caixa Econômica Federal, referente ao programa de aceleração do crescimento – PAC 2, que garantiu obras de pavimentação ao Município. Para a presidente da Casa, vereadora Ana Rohr, os primeiros meses do ano foram produtivos na Câmara e garantiram melhorias ao Município, mas muito ainda pode, e será feito. “Temos um grupo dedicado em

Votação da reorganização do Conselho Municipal de Assistência Social

Alunos da Obra Kolping assistem a Sessão na Câmara

buscar mais qualidade de vida à nossa população e os mandatos estão sendo exercidos da melhor maneira possível”, reforça. Outros projetos, como o que estabelece a área escolar de segurança como espaço de prioridade especial do Poder Público Municipal e o que proíbe o consumo de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos ou qualquer outro produto fumígeno, derivado ou não do ta-

baco, na forma específica, e cria ambientes de uso coletivo livres de tabaco também entraram em discussão, e depois de acatados pelos edis, foram aprovados também, pelo Executivo Municipal. Projetos de grande impacto social e que visam o desenvolvimento do Município e qualidade de vida aos nossos munícipes. “Todos os dias estamos empenhados em apresentar à popu-

Audiência Pública para definir etapas faltantes dos assentamentos Itaqui e Patativas

lação, junto ao Executivo, propostas e ações que sigam ao encontro do desenvolvimento”, afirma. Bons exemplos dessas ações são as duas audiências públicas realizadas no primeiro semestre deste ano, a primeira reuniu assentados e representantes do Incra, Funasa, Executivo e autoridades do Município para discutir as necessidades e etapas faltantes para dar infraestrutura às famílias que vivem nos assentamentos Itaqui e Patativas. Após a audiência, muitos progressos já foram alcançados, como a abertura de estrada e o início da perfuração dos poços artesianos. Resultado positivo também em relação a audiência pública para a viabilização do Parque de Exposições de São Gabriel do Oeste, reuniu diversos setores da so-

ciedade, para juntos, iniciarem o projeto para a construção de um local adequado para a realização de grandes eventos. Na ocasião foi formado um grupo de trabalho, que já apresentou em Brasília um pré-projeto e que já iniciou as atividades para executar o que antes era apenas um anseio da população. São alguns exemplos de que estamos batalhando por melhorias, muito ainda será feito, mas caminhamos para o desenvolvimento e mostrando que “o ato de legislar envolve muito mais do que apenas fiscalizar as ações do Poder Executivo, mas também contribuir para o crescimento de São Gabriel do Oeste”, finaliza a presidente da Casa de Leis.

Audiência Pública para a viabilização do Parque de Exposiões de SGO


Agropecuaristas superam perdas provocas pelas chuvas de março