Page 1

Fundado em 15 de abril de 1917 Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013 - Ano XCVI Nº 27.264

www.altomadeira.com.br

MAU EXEMPLO Roberto Sobrinho tem contas reprovadas pelo TCE

RECESSO

Câmara Municipal limpa pauta de projetos de 2013

Página

O deputado federal foi eleito um dos parlamentares que mais trabalharam em 2013. A edição desta semana da revista Veja divulga um levantamento que analisa o trabalho dos parlamentares no Senado e na Câmara dos Deputados. De acordo com os dados da pesquisa, dos 513 deputados federais, Moreira é o 16º que mais trabalhou. Ele tirou “nota” (7,3) e é o único da bancada de Rondônia que figura no ranking. Página

A-3

ABSURDO Falta de recurso suspende obra em escola de Ji-Paraná A-4

“RANKING DO PROGRESSO” Pesquisa destaca trabalho de Moreira Mendes na Câmara

O presidente da Câmara Municipal, Alan Queiroz (PSDB) decretou o recesso parlamentar que vai até 1º de fevereiro. Porém, antes disso, os vereadores votaram diversos projetos. Dez deles foram aprovados. O único projeto da pauta que vai ficar para 2014 é o que dispõe sobre doação de lote de terras do Município para o Sindicato das Auto Escolas e Centros de Formação de Condutores do Estado de Rondônia (Sindar). Página

Valor R$ 1,00

A-3

ABUSOS O Tribunal de Contas do Estado voltou a encontrar irregularidades na gestão do ex-prefeito de Porto Velho. O conselheiro Wilber Coimbra, responsável por um extenso relatório, recomendou a não aprovação das contas de Roberto Sobrinho pelas ilegalidades descobertas na Educação, onde o ex-prefeito deixou de aplicar os 25% previstos no Orçamento. Também foram detectadas irregularidades na Saúde. Mas, a palavra final sobre a aprovação ou não das contas, fica a cargo da Câmara de Vereadores. Página A-3

PF diz que agentes denunciados por “carteirada” estavam a serviço Página

A-4

FINAL DE ANO

Nazif ignora atentados e mantém festa da virada A Prefeitura vai manter a programação inicial da Festa da Virada na Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, mesmo com a onda de ataques registrados na semana passada. A equipe que vai comandar os festejos não vê motivos para cancelar a festa e argumenta que Polícia Militar, a quem pediram reforço na segurança, tem muita experiência em trabalhar em eventos dessa natureza. Página

A-4

SISTEMA SEGURO

Max 31º Min 23º

O preparador físico do Vilhena Esporte Clube, Claudio Vidal. No último dia 19 de novembro o profissional recebeu o troféu Mário Jorge Lobo Zagallo, do Sindicato dos Treinadores de Futebol do Rio de Janeiro. A premiação foi feita como forma de homenagem por conta do trabalho realizado no Rondoniense 2013.

LIMINAR

Crianças tem acesso ampliado às escolas de RO

A Polícia Civil reforçou esta semana as equipes do Serviço de Investigação e interligou oito Distritos Policiais e 15 Delegacias Especializadas a um canal de comunicação interno por meio de aplicativos e redes sociais. Segundo o diretorgeral da Polícia Civil, o andamento das investigações está adiantado e são utilizadas, inclusive, escutas telefônicas autorizadas pelo Judiciário.

A Justiça Federal atendeu pedido do Ministério Público Federal e suspendeu exigência de que crianças tivessem quatro e seis anos de idade completos até 31 de março para serem matriculadas nas escolas. No julgamento, foi considerado que a Lei de Diretrizes e Bases aumentou a duração do ensino fundamental de oito para nove anos, com ingresso das crianças aos seis anos, mas não estabeleceu data limite para que os alunos completassem esta idade. Página A-5

A-7

terça-feira, 24/12

Preparador físico do Vilhena recebe troféu no RJ

PáginaA-4

Polícia reforça equipe de investigação e interliga distritos e delegacias

Página

VEC

Manhã

Tarde

Noite

MASCOTE

CARIOCAS

Índio e Tambaqui empatam na escolha do mascote do Ariquemes

Página B-4

Disputa interna no Flu impede que Renato Gaúcho seja anunciado

Página B-4


2 OPINIÃO

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Editorial

Ponto de virada

CRIMINALIDADE IRROMPE Cada ano que passa, as autoridades de segurança se esmeram em tentar reduzir a criminalidade, que cresce cada vez mais. Não lembram de tornar a lei penal mais severa, mais intimidativa aos criminosos, mais segura para a esmagadora maioria da sociedade, que quer trabalhar, quer viver momentos de lazer com sua família. O Brasil é um campeão de criminalidade, com mais de 20 homicídios dolosos por 100 mil habitantes e o país onde o criminoso tem mais poder de coação do que o Estado, até das cadeias, das penitenciárias, chefes de gangues, líderes de grupos comandam o crime cá fora, já com reflexo evidente em Porto Velho, onde, também, é preciso que a criminalidade seja tratada com mais seriedade, sem que os responsáveis por ela estejam preocupados com o brilho dos holofostes, como costuma-se dizer. Parece uma resposta das autoridades aos que reclamam o estado de coisas deploráveis.

Uma resposta propositada, com a ação malfeita ou com a complacência com o que ocorre, de nada ou quase nada tomando providências. A verdade de tudo isso é que nunca vimos povo tão paciente no sofrimento quanto o nosso. Se o governo usasse essa capacidade de sofrer e tolerância no rumo do progresso, seriamos um outro povo, já teríamos deixado esse barbarismo. Porto Velho ainda não é, afinal, uma cidade grande, de dimensões impoliciáveis – meio milhão de habitantes – bastando uma ação permanente e conjunta de todos os organismos de segurança do Estado e até federais, para combater, pelo menos, o tráfego e o uso de entorpecentes, em derredor dos quais ultimamente estão crescendo tudo de ruim, até financiamento de campanha política; crescendo casos de proporções preocupantes até arriscado estar-se comentando fatos ligados a antros de viciados, locais suspeitos, “conhecidas bocas de fumo”. Se meia P.

V. sabe, a polícia, portanto, muito mais ainda, não deve e nem pode ignorá-las e deixálas sem vigilância, fechandoas, inclusive. Não basta só amontoar soldados na fiscalização do trânsito e apenas no perímetro do centro nevrálgico da cidade – enquanto o resto fica dela despoliciado, entregue à própria sorte. São necessárias uma e outra atuação, mas que também se olhe o trânsito em todos os sentidos. Porto Velho inteira reclama que chega de imobilidade, indiferença e do “jeito depois da casa arrombada”... Nós sabemos, temos consciência de que a coisa não é tão fácil como estamos pondo aqui no papel, mas é preciso fazer; foram eleitos para isso, ganham bem para isso, prometeram mundos e fundos nas campanhas eleitorais; todos os dias as páginas dos jornais estampam mais vítimas da violência em Porto Velho, “de lote, de monte” no Estado todo. Brincadeira! É correta e imprescindível a no-

tícia nua e crua do fato incontestável. O crime ocorreu é notícia, e como tem leitores. É assalto a banco, estupro, assassinato, roubo de cambulhada, mortes por tostões. É pau, é pedra, é o fim do caminho. O assunto é vasto, reconhecemos, difícil mas precisa de providências, a população não pode ficar assombrada, se enclausurar; os PMs não precisam ter medo ao ponto de terem medo de usar a farda, a não ser em serviço. Não basta a vontade de fazer ou dizer “estamos fazendo”. É necessário um pouco mais: FAZER. Já estamos perdendo a batalha onde muita gente já morreu bestamente. Não é possível continuar nesta situação. Tudo o que se fizer de agora em diante para reprimir a bandidagem será pouco, para restaurar a imagem de cidade civilizada que Porto Velho desfrutou durante tanto tempo. Palavras não resolvem. O que os cidadãos de bem desta cidade pedem é ação. Agora.

Artigos

OPINIÃO - 365 dias sem Prefeito (*) FRANCISCO COSTA Basta São Pedro abrir as torneiras no céu, para rapidamente descobrir que Porto Velho não tem prefeito – homem público eleito de maneira democrática pelo voto popular. O inverno amazônico é o melhor período para testar um gestor público: é o tempo de doenças tropicais, alagações de rios, desmoronamento de casas em áreas de risco. As chuvas expõem mazelas sociais. É o tempo em que a cidade é banhada por um tsunami: os córregos não suportam a força d‘ água e transbordam, revelando a falta de coleta e destino do lixo. Nos bairros, moradores são humilhados pela lama, a falta de ruas pavimentadas e o fedor dos esgotos. Faz crescer a fila de doentes, sem remédios e médicos nas unidades de saúde. O cidadão Mauro Nazif que escolheu ganhar a vida,

pousou de mala e cuia em Rondônia. Aqui fez trajetória na vida médica, e ensaiou mandatos políticos trágicos. Já era o suficiente para o eleitor saber, que se ele não foi um bom parlamentar no passado, nem um milagre faria dele um excelente prefeito. Mas a teimosia foi maior. Deram para Nazif as chaves dos cofres da cidade. O voto inconsciente fez dele um Tiririca da vida: “pior que tá não fica”. Isso por que seu antecessor um petista de bigode fino, já tinha passado a mão na nossa dignidade. Foi-se Sobrinho, ficou Mauro. O que Nazif fez? Encheu gabinetes de parentes, aliados políticos e sabe-se lá o que mais. Na melhoria da cidade as verbas não aparecem. O socialista poderia ter sido o homem do ano, mas escolheu ser o Judas do povo.

A nossa felicidade depende de quem cuida do lugar onde moramos. A qualidade de vida do ser humano é atribuição de prefeitos, governadores, e presidentes no regime político democrático brasileiro. Quando nossa dignidade é roubada, perdemos esperança em dias melhores. Cada cidadão que adoece, morre doente, não tem remédio, educação, comida, roupa, casa e cama para dormir, ceia de natal e não tem perspectiva de vida, pode ter certeza que a desgraceira teve dedos de um político. Isso por que eles levam cada centavo que investimos para melhorar nossa vida. Apropriaram-se do nosso patrimônio, dos tributos que pagamos. Quando morreu de câncer, Chiquilito Erse - referência de melhor prefeito de Porto Velho

na década de 90 - deve ter jogado uma praga aos substitutos. Desde então todos que passaram pela mesma cadeira, sepultaram seu mandato e foram banidos da vida pública espontaneamente. O palácio Tancredo Neves é comprovadamente um cemitério político, e a maré de azar deve se estender por todo ano que vem. Nazif não terá tempo, antes do período eleitoral, de cumprir suas promessas de campanha. Em 2013 não tivemos boas recordações, ou quase nenhuma de sua gestão. O sentimento que fica é de que foram 365 dias, sem ninguém cuidando dos mais de 500 mil habitantes da Capital rondoniense. E pelo andar do trenó, não são animadoras as previsões para o ano vindouro. *Francisco Costa é jornalista, repórter na Folha de São Paulo em Rondônia.

Artigos

Desinventando a imprensa Por Ruy Castro

Pesquisa científica divulgada há dias revela que foram os chineses, há 5.500 anos, que domesticaram os gatos —1.500 anos antes dos egípcios, a quem se creditava essa maravilha. Quando um país está com a bola branca, como a China, não apenas seu presente chama a atenção —até seu passado fica iluminado. E, se alguns ainda se espantam com o ímpeto com que ela ocupa hoje todo tipo de espaço, só me intriga que não tenha acontecido antes.

A história nos ensina que, com sua criatividade, os chineses já mudaram o mundo pelo menos duas vezes. Uma foi quando inventaram a pólvora —de que resultaram o canhão, o mosquete, o arcabuz e muita gente morta. A outra foi quando criaram o papel e, daí a séculos, os tipos móveis, de argila —do que, 400 anos antes de Gutenberg, nasceu a imprensa. Essas foram as suas grandes contribuições no atacado. No varejo, é aos chineses que devemos o

macarrão e, deste, o talharim, o espaguete e a língua de pato. Eles nos deram também a seda, a porcelana, a bússola, o sismógrafo, o moinho hidráulico e até a pipa — esta, para pescar sem barco. Sem falar no palito de fósforo, nos fogos de artifício e na tinta —não por acaso, nanquim. Mas isso foi lá atrás. A China moderna são os bilhões de cacarecos e cafonices que assolam o mercado mundial, empesteiam o planeta e levarão séculos para ser dige-

ridos pelo ambiente. E ela vem agora com uma novidade ainda mais revolucionária: a desinvenção da imprensa. Seus jornalistas, se quiserem manter a licença de trabalho, terão de devorar um manual de 700 páginas para fazer uma prova sobre os princípios do marxismo e se submeter a 18 horas de treinamento para se condicionar a não contrariar o Partido. No Brasil, havia gente no governo que queria nos impor essa medida. Mas isso foi antes da Papuda.

Ponto de Vista: Os artigos assinados não traduzem necessariamente a opinião deste jornal. Sua publicação obedece ao propósito de estimular debates dos problemas naconais e, principalmente regionais.

Fundado em 15 de abril de 1917 Diretor Geral: Euro Tourinho Diretor Superintendente: Luiz Malheiros Tourinho Ciro Pinheiro DRT-AC/RO Nº003 Paulo Diniz Fernandes Impressor Industrial: SEDE Av. Dos Migrantes, nº 4.045 Setor Industrial - CEP. 76.803 - 651 Porto Velho - RO. - Fones: Comercial (69) 3222-7659 / 3225-2267 Administração: 3225-5087

INSCRIÇÕES: Empresa Alto Madeira Ltda - EPP. - C.G.C (MF) 05.904.891/0001-24 INSC. EST. 101.01.120-7 JUCER: 11.2.0003032-8 SUFRAMA: 6066

E-MAILS: comercialaltomadeira@hotmail.com redacaoaltomadeira@hotmail.com

EXEMPLARES AVULSOS CAPITAL INTERIOR OUTROS ESTADOS SEMANA R$ 1,00 R$ 1,00 R$ 2,00 DOMINGO R$ 1,00 R$ 1,00 R$ 2,50 ATRASADO R$ 2,50 R$ 2,50 R$ 3,00

ANUAL

ASSINATURA CAPITAL INTERIOR R$ 300,00 R$ 330,00

REPRESENTANTE COMERCIAL Porto Visual I T DE LUCENA MARKETING - ME SÁ PUBLICIDADE E REPRESENTAÇÕES Av. dos Migrantes, 4045-B, Setor Industrial, Brasilia: SCS Quadra 2 bloco B Ed. Oscar CEP. 76.821-063 Niemeyer 15º andar, conjunto 1502/1503. Tel: (69) 8477-3244 Tel. (61) 3201-0071 Fax: (61) 3037-1182 Cep: 70316-900

Por Lúcia Guimarães

As palavras não têm culpa do uso que fazemos delas. O ano de 2013 passou uma flanela na palavra que era associada a esquerdismo infantil nos Estados Unidos: desigualdade. Os Estados Unidos hoje têm a mais alta disparidade de renda entre os países desenvolvidos. Nova York se tornou o laboratório do diálogo, impulsionado pela campanha improvável do homem que toma posse na prefeitura no dia 1o de janeiro. O tabu quebrado por Bill de Blasio está se espalhando, de eleições municipais a discursos presidenciais. A nova prefeita da cidade de Rochester se elegeu plagiando o refrão de campanha do nova-iorquino, o Conto das Duas Cidades, que, por sua vez toma emprestado o título homônimo de Charles Dickens. Progressistas começam a sair do armário e a debater distribuição de renda. Recebi uma carta-convocação da atriz Cinthia Nixon, de, ó ironia, Sex and the City. Ela não propõe que todos os nova-iorquinos possam comprar sapatos Manolo Blahnik. Está pedindo adesões à iniciativa UPK, a plataforma que ajudou a eleger de Blasio, para estender acesso à educação pré-escolar a todas as crianças de Nova York. O programa precisa ser financiado com um aumento de 4% no imposto de quem ganha mais de meio milhão de dólares por ano e, há uma década, teria sido ridicularizado por estas bandas. Barack Obama escolheu o tema desigualdade para o seu mais importante discurso de fim de ano. Mas 30 anos de estigma do termo tratado como bastardo ainda se fazem sentir. Dois autores, auto-investidos com a tarefa de manter o Partido Democrata difícil de distinguir da oposição republicana, publicaram um manifesto no Wall Street Journal alertando que o debate sobre a desigualdade será um beco sem saída para o futuro político do partido. Bill de Blasio é acusado de ingênuo e seus críticos lembram que, na economia globalizada, uma cidade, ainda que seja Nova York, não pode combater a disparidade social. É difícil imaginar que ele seja obtuso a ponto de pensar que pode fazer desta metrópole uma bolha na contramão da economia internacional. Mas a economia, global ou local, é produto de um conjunto de regras e regulamentos, do salário mínimo regional aos impostos sobre ganhos de capital. Um argumento favorito da direita é de que combater a desigualdade é populismo, promoção de igualdade de resultados. Mas o debate é sobre a diferença de oportunidades. Ninguém há de contestar que uma família americana pobre ou de classe média baixa hoje tem muito mais chances de colocar seus filhos numa dilapidada escola pública e assim selar a sorte deles num futuro radicalmente transformado pela tecnologia. Um novo documentário, Inequality for All (Desigualdade para Todos), que recomendo e vai estar disponível em DVD no começo de janeiro, traça a marcha da tendência com a clareza típica de seu narrador, o renomado economista Robert Reich, exSecretário do Trabalho do governo de Bill Clinton e professor da Universidade da California, em Berkeley. Reich é autor de 13 livros. O título do último, Beyond Outrage (Além da Indignação) não deixa dúvidas sobre o que pensa do fato de que a disparidade de renda nos Estados Unidos chegou ao auge em duas datas historicamente relacionadas: 1928 e 2007, vésperas das duas maiores recessões do último século. O documentário dirigido por Jacob Kornbluth não é uma cantilena de vítimas e demonização. Argumenta que as duas origens mais citadas da desigualdade, a globalização e a tecnologia, não precisam ser uma sentença de morte para a classe média. Sem classe média, não teria havido a prosperidade americana do pós-guerra da qual o mundo também se beneficiou. Reich diz que a elite americana cruzou os braços e passou a se concentrar em evitar perdas com a globalização, o que facilitou a emergência da indústria financeira fora de controle. A mídia aqui saiu da torcida incondicional e passou a divulgar com mais frequência fatos como este: nos três anos em que os Estados Unidos começaram a sair da grande recessão, 95% dos ganhos de renda foram para 1% da população. Se o caro leitor estiver em Manhattan comprando uma camiseta de US $ 5 neste Natal, faça uma pausa para pensar o seguinte: o salário do vendedor, que continua a cair, apesar do aumento de sua produtividade, é subsidiado por esta colunista. O imposto que pagamos é gasto com vales refeição do governo federal e assistência médica na emergência de hospitais sustentados pela prefeitura. As corporações reduziram de tal forma o salário e os benefícios que o governo precisa ajudar a manter os trabalhadores alimentados e de pé para vender a camiseta. O prêmio Nobel de Economia Joseph Stiglitz publicou ontem um artigo no New York Times argumentando que a desigualdade gera desconfiança no sistema, enfraquece a economia e acaba por erodir a democracia. Vista a sua camiseta mas não deixe de vestir também a ideia de que algo pode mudar.


POLÍTICA 3

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

DE NOVO

Roberto Sobrinho tem contas reprovadas pelo TCE

AM na rua

Desta vez o parecer foi contrário aos gastos de 2012, onde faltou aplicação na Educação A exemplo de anos anteriores, o ex-prefeito de Porto Velho, Roberto Sobrinho, que foi retirado do cargo no final do mandato, teve novamente as contas reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado. Desta vez, o parecer foi contrário aos gastos de 2012. Uma das principais ilegalidades foi a não aplicação dos 25% do orçamento na educação. Neste ponto, a ex-secretária de Educação e atual vereadora, Maria de Fátima Ferreira (Fatinha) e a também exsecretária de Educação, Ângela Aguiar, também foram responsabilizadas. “Houve a infringência ao artigo 212 da Constituição Federal, no que tange a aplicação dos 25%, no Ensino Fundamental, pois constatamos que o município em análise aplicou o montante de R$ 85.281.715,75 (oitenta e cinco milhões, duzentos e oitenta e um mil, setecentos e quinze reais e setenta e cinco centavos), correspondente ao percentual de 15,26%, portanto abaixo do mínimo legal exigido”. Também foram detectadas irregularidades na secretaria municipal de Saúde, à época comandada pelo atual secretário estadual de Saúde, Willames Pimentel. “Descumprimento do artigo 198, da Constituição Federal c/c o artigo 20 da Instrução Normativa nº 22/ TCER-2007, por inserir despesas em ações e serviços públicos de saúde de exercícios anteriores no Anexo XIIIA, num

total de R$ 6.022.182,47 (seis milhões, vinte e dois mil, cento e oitenta e dois reais e quarenta e sete centavos), que já foi objeto de computo para a aplicação em Gastos e Ações Públicas de Saúde em seus respectivos exercícios”. Outro que também começou “bem” com a Corte de Contas foi o prefeito Mauro Nazif. Em menos de um ano de administração, ele infringiu 16 artigos e/ou leis sobre a divulgação ou não dos gastos públicos do Executivo municipal. Um deles é uma diferença em valores declarados e existentes nas contas da prefeitura. Uma das cifras ultrapassa a casa dos 8 milhões de reais. “Infringência ao artigo 85 e 103 da Lei Federal nº 4.320/64, em virtude de diferença de R$ 8.628.760,02 (oito milhões, seiscentos e vinte e oito mil, setecentos e sessenta reais e dois centavos), apurada entre as contas apresentadas no Balanço Financeiro e os saldos das contas componentes do Ativo Financeiro Realizável e contas referentes à Dívida Flutuante, caracterizando descontrole contábil, conforme análise efetuada no item 6.2.1 do relatório anterior fls. 3193/3216”. Porém, o fato mais “bizarro” fica por conta novamente do ex-prefeito Roberto Sobrinho em conjunto com a Câmara de Vereadores. Na conclusão do relatório, Sobrinho fez gastos de mais de 290 milhões de reais sem a autorização da Casa

Roberto Sobrinho fez gastos de R$ 290 milhões sem autorização da Casa de Leis de Leis. ”Descumprimento ao disposto no artigo 6º, inciso “I” da Lei Municipal nº 1.979/2011, c/c o art. 167, V, da CF/88, em virtude de abertura de Créditos Adicionais Suplementares sem autorização Legislativa, no montante de R$ 290.246.629,14 (duzentos e noventa milhões duzentos e quarenta e seis mil seiscentos e vinte e nove reais e quatorze centavos), conforme análise efetuada no item 3.4.1.1 do relatório anterior fls. 3193/3216 e análise no item 2 deste relatório”. CONCLUSÃO O conselheiro Wilber Coimbra, responsável pelo extenso relatório, recomendou a não aprovação das contas do exprefeito Roberto Sobrinho. Isso acontece já que a palavra final sobre a aprovação ou não das contas e possíveis penas a serem aplicadas ficam a car-

go da Câmara de Vereadores de Porto Velho. Isso já provoca arrepios na população já que nos anos anteriores, mesmo com pareceres contrários, os vereadores aprovaram os gastos de Roberto Sobrinho. Wilber Coimbra também fez recomendações ao atual prefeito Mauro Nazif, principalmente na área da educação. “A prefeitura deve realizar a transferência dos recursos constantes nas contas evidenciadas no quadro constante do item 6 do presente Relatório Técnico, em atenção à Lei de Diretrizes e Bases da Educação, observando ainda a vinculação dos recursos, relativos ao Fundef, os quais deverão ser aplicados única e exclusivamente em despesas do Ensino Fundamental, conforme estabelece o artigo 8º da Lei Complementar nº 101/ 2000”. Fonte: RondoniaVip

EXTRAORDINÁRIAS

Câmara Municipal limpa pauta de projetos de 2013 O único projeto da pauta que vai ficar para 2014 é o que dispõe sobre doação de lote terras do Município para o Sindar

O presidente da Câmara Municipal, Alan Queiroz (PSDB) decretou o recesso branco na Casa, que só volta a funcionar no dia 6 de janeiro A Câmara Municipal de Porto Velho entrou em recesso branco no final da tarde

desta sexta-feira 2012 aprovando dez projetos, sendo oito de autoria do Executivo Muni-

cipal e duas Resoluções da Mesa Diretora da Casa. Dentre os projetos aprovados estão o 706/2013 que dispõe sobre o Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), após três dias de discussão entre a Câmara, Prefeitura e empresários da construção civil, Fiero e CREA-RO. Outros projetos de relevância estão o 709/2013 que institui o Programa de Regularização de Obras em Porto Velho, possibilitando que donos de imóveis consigam a regularização de seus imóveis de forma mais rápida e menos onerosa. O único projeto da pauta que vai ficar para 2014 é o 3069/2013, que dispõe sobre

doação de lote terras do Município para o Sindicato das Auto Escolas e Centros de Formação de Condutores do Estado de Rondônia (Sindar). Um dos Projetos de Resolução da Câmara aprovado foi o 642/2013 que concede abono natalino no valor de R$ 230 aos servidores estatutários da Casa, que faz parte da negociação feita entre a Presidência e o movimento grevista dos funcionários. O presidente da Câmara Municipal, Alan Queiroz (PSDB) decretou o recesso branco na Casa, que só volta a funcionar no dia 6 de janeiro. O recesso parlamentar, no entanto, vai até 1º de fevereiro. Fonte: Assessoria Câmara

TRABALHO

Moreira Mendes é destaque em “Ranking do Progresso” em Brasília Levantamento analisa o trabalho dos parlamentares no Congresso Nacional. De acordo com os dados da pesquisa, dos 513 deputados federais, Moreira é o 16º que mais trabalhou O atual líder do PSD na Câmara dos Deputados, Moreira Mendes (RO), foi eleito um dos parlamentares que mais trabalharam em 2013 para tornar o país mais moderno e competitivo. A edição desta semana da revista Veja (nº 235) divulga o “ranking do progresso”, levantamento que analisa o trabalho dos parlamentares no Congresso Nacional. De acordo com os dados da pesquisa, dos 513 deputados federais, Moreira é o 16º que mais trabalhou. Ele tirou “nota” (7,3) e foi o único da bancada de Rondônia que figura no ranking. De acordo com a publicação da Editora Abril, os critérios para análise dos congressistas que mais trabalharam em 2013 levam em conta nove eixos considerados fundamentais para que se alcance tal objetivo, que vão da diminuição da carga tributária, melhoria das condições de infraestrutu-

ra, combate à corrupção, melhor gestão de gasto público ao aprimoramento das relações entre empregadores e empregados. “É uma pesquisa séria promovida pela revista Veja que expressa o comportamento dos parlamentares durante este ano. Fico feliz de estar entre os mais bem avaliados do país na Câmara dos Deputados e de ter colocado Rondônia nesse ranking. Isso é fruto de muito trabalho e atuação firme na defesa dos interesses do povo brasileiro, em especial do produtor rural e da produção agrícola, setor de grande relevância para a economia brasileira. Portanto, recebo esse resultado da pesquisa envaidecido e muito honrado”, destacou Moreira Mendes. Parceria Em parceria com o Núcleo

de Estudos sobre o Congresso (Necon), do Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Iesp-Uerj), o levantamento de Veja se debruçou sobre 243 proposições de maior relevância entre as

centenas de projetos de lei, medidas provisórias e propostas de emenda à Constituição, que tramitaram na Câmara e no Senado em 2013, para estabelecer o chamado “ranking do progresso. Fonte: Assessoria

BIRUTA DE AERO PORTO A Agência Brasileira de Inteligência teria confirmado ao site francês o interesse do ditador de usar os Mirage para ameaçar a Coreia do Sul. GENERAL CONTINUA FUGINDO DE PERGUNTA INCÔMODA O tempo passa, o tempo voa, e até agora o comandante do Exército, general Enzo Peri esconde-se numa boa da pergunta que não quer calar: ele vai ou não vai cassar a Medalha do Pacificador, conferida ao mensaleiro José Genoino em 2003? O decreto que a regulamenta manda o comandante cassar a honraria, caso o homenageado venha a ser condenado por ladroagem, em sentença transitada em julgado. CONSTRANGIMENTO No Centro de Comunicação Social do Exército, militares de diferentes patentes, coitados, não sabem o que dizer sobre o papelão do general. BAGRINHOS Indulgente com Genoino, o Exército pune outros meliantes, como dois soldados expulsos após assaltar um taxista, em Brasília, em novembro.

CRUZ OU ESPADA O PT sofre forte pressão do PMDB na Paraíba para apoiar Veneziano, aliado de Vital do Rêgo; e do PP, do ministro Agnaldo Ribeiro (Cidades). CARACAS, CARACOLES Acredite, se quiser: a Petrobras garante entregar em 2015 a refinaria Abreu e Lima (PE), após seis anos esperando que o falecido semi-ditador e caloteiro Hugo Chávez pagasse a sua parte na sociedade. AU REVOIR Foi jogo de cena o “lobby” do presidente francês François Hollande para a compra dos caças Rafale no encontro com Dilma. A decisão pelos Gripen suecos estava tomada. E o “mala” sem graça já sabia. AO PÉ DA JANELA Madame cansou da decoração, por isso Ano Novo, vida nova: serão trocadas persianas e bandôs dos escritórios e residências oficiais da Presidência da República, numa despesa estimada em R$ 104 mil.

JÁ FUI BOM NISSO Em busca de reaproximação com movimento sindical, o ex-presidente Lula usou boa parte do encontro com João Gonçalves, o Juruna, da Força Sindical, para lembrar tempos de lutas na região do ABC. PANIS ET CIRCENSIS A política do pão e circo foi utilizada por antigos administradores romanos com o intuito de dirimir o descontentamento do povo com seus governantes. A estratégia consistia em oferecer grandes espetáculos públicos enquanto se distribuía pão ao povaréu animado. A prática teve como consequências elevação de impostos e a subsequente derrocada da economia do Império. Vale dizer que tudo isso ocorreu dois mil anos antes da criação do Bolsa Família, do Ultimate Fighting e do Campeonato Brasileiro de Futebol.

O deputado Moreira Mendes tirou “nota” (7,3) e foi o único da bancada de Rondônia que figura no ranking


4

CID ADE CIDADE

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

FINAL DE ANO

Apesar da onda de violência, Nazif mantém festa da virada Entre as atrações musicais estão a banda de forró patentear e a banda Fala Mansa. A presidente da Fundação Cultural de Porto Velho, Jória Baptista de Souza Lima, disse que a Prefeitura vai manter a programação inicial da Festa da Virada, mesmo com a onda de ataques registrados na semana passada. Segundo ela, a Prefeitura pediu a Polícia Militar, reforço na segurança para o local do evento, na Praça da Estrada de Ferro Madeira Mamoré. A programação começa as 19 ho-

ras e só termina por volta das 5 da manhã do 1° de janeiro de 2014. “Até segunda ordem a programação está mantida. Não vejo motivos para cancelar a festa. O pessoal da policia tem experiência em trabalhar nesses eventos e nós solicitamos o policiamento com muita antecedência”, disse ela. Na semana passada, três ataques em áreas diferentes da cidade, deixaram sete mortos e 22 feridos. A

Polícia dobrou o número de policiais nas ruas, mesmo assim, um novo ataque foi registrado na madrugada de segunda-feira (23). A coordenação da Festa da Virada em Porto Velho, estima que o evento deva receber entre 20 e 30 mil pessoas. Entre as atrações musicais estão a banda de forró patentear e a banda Fala Mansa, que deve subir ao palco depois da meia noite. Fonte: Rondoniagora

Estima-se que o evento deva receber entre 20 e 30 mil pessoas.

ATRASO

Falta de recurso motiva suspensão de obras em escola de Ji-Paraná Ministério da Educação não efetuou pagamento à empreiteira, diz governador; operários da obra assinam aviso prévio e permanecem com trabalho parado

A escola estava definida aos parâmetros do MEC

A escola do Bairro Jorge Teixeira, em Ji-Paraná, tem obras paradas devido à falta de pagamento do Ministério da Educação para empresa responsável pela construção, de acordo com o Governo do Estado. O nome da instituição ainda não foi definido, mas é conhecido como escola padrão MEC. A empreiteira afirma que já assinou os avisos prévios dos funcionários e pretende manter os trabalhos parados até que a última parcela do projeto seja depositada em conta. O investimento de quase R$ 3 milhões é do governo federal. A obra teve início em

dezembro de 2012 e o prazo de conclusão do projeto estava previsto para este mês, mas apenas 80% do prédio está pronto. Equipe de construção conta apenas com 16 operários em processo lento já que estão de sobreaviso de rescisão do contrato. A escola deve oferecer ensino integrado com atividades educacionais pela manhã e à tarde. Deverão ser construídas doze salas de aula, biblioteca, quadra esportiva, vestiário e laboratório. De acordo com o encarregado da obra, José Hermínio de Souza, a empresa está precisando do

dinheiro para dar continuação e terminar no tempo previsto. “Se o homem mandar parar a obra, o que é que eu vou fazer?”, diz José Hermínio. Segundo o governador de Rondônia, Confúcio Moura, a culpa pelo atraso é do Ministério da Educação, que ainda não efetuou pagamento da última parcela do projeto. “A parte nossa está em dia, não tem problema. A parte federal está atrasada. A gente não vai de jeito nenhum deixar de inaugurar essas obras rapidamente e começar o ano letivo em fevereiro”, diz o Governador. Fonte: G1-RO

ABUSOS

PF diz que agentes denunciados por “carteirada” estavam a serviço Segundo a Polícia Federal, que reagiu à nota divulgada pelo Ministério Público Federal, os agentes se encontravam em “serviço velado” peitados com a negativa do ingresso gratuito, os policiais federais deram voz de prisão ao proprietário. Seguranças do estabelecimento tentaram impedir a prisão, mas um dos policiais sacou uma arma. Por fim, o proprietário e dois seguranças da boate foram presos. Os frequentadores do estabelecimento reclamaram da atitude dos policiais e ouviram dos agentes que também seriam presos por desacato”.

A Polícia Federal em Rondônia defendeu nesta segunda-feira seus dois agentes denunciados à Justiça por “carteirada” em estabelecimento comercial de Porto Velho. Na última semana, o Ministério Público Federal (MPF) encaminhou nota à imprensa detalhando que denunciou os agentes Fábio Falcone Onety, Bernardo Caetano Schuster e Marc da Hora Marechal. A Polícia Federal afirmou que pelo menos dois em

“serviço velado” e que foram desacatados. De acordo com o MPF, “em maio deste ano os policiais federais tentaram entrar sem pagar em uma casa noturna de Porto Velho, alegando que estavam em serviço. O dono do estabelecimento argumentou que eles não aparentavam estar a trabalho, pois estavam embriagados. Um deles trajava bermuda e chinelos e não mostraram nenhuma ordem de missão. Sentindo-se desres-

Veja a nota da Polícia Federal: Em que pese à nota do MPF, data de 20/12/2013, informando o ajuizamento de ação de improbidade administrativa em face de dois agentes de Polícia Federal em virtude de suposta “carteirada” a Polícia Federal informa que, conforme procedimento apuratório interno, os policiais se encontravam em serviço velado, não ingeriram bebida alcoólica e foram ofendidos e desacatados pelo dono do estabelecimento comercial, além de terem sido impedidos de adentrar no local, apesar de autori-

zados legalmente. Dessa forma, os policiais deram voz de prisão ao infrator. A Polícia Federal, independentemente de recomendação do MPF, já vinha atuando, orientando e reprimindo o uso de Carteira de Identidade Funcional indevidamente por meios de mecanismos internos e atuação presente da Corregedoria Regional. Porto Velho/RO, 23 de Dezembro de 2013. Fonte: Rondoniagora com informações da Polícia Federal


EST ADO ESTADO

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

5

FIM DE ANO

População tem garantidos serviços essenciais no período de festas Em atendimento ao Decreto 18.330, de 29 de outubro, em que o governo do Estado publicou o calendário dos feriados nacionais, estaduais e municipais dos últimos dois meses deste ano, não haverá expediente nesta terça (23), véspera de Natal; e na quarta-feira (24), Dia de Natal, nas repartições do Estado, com exceção dos órgãos que prestam serviços essenciais, como hospitais e delegacias. Também em atendimento ao mesmo decreto em que o governador Confúcio Moura estabeleceu recesso de 20 de dezembro de 2013 a 6 de janeiro de 2014, o atendimento

será normalizado na próxima quinta, sexta e segunda-feira (26, 27 e 30), com servidores em escala de plantão. No dia 31 será ponto facultativo, antecedendo ao feriado de 1º do ano, enquanto que nos dia 2 e 3 os órgãos estaduais voltam a funcionar ainda em escala de plantão, voltando ao normal no dia 6 de janeiro. Além dos serviços hospitalares e de segurança pública, considerados inadiáveis por colocar em risco a sobrevivência da população, o artigo 10 da Lei Federal 7.783, de 28 de junho de 1989, estabelece como serviços ou atividades essenciais, o tratamento e abastecimento de

água, produção e distribuição de energia elétrica, gás e combustíveis; distribuição e comercialização de medicamentos e alimentos; funerários, transporte coletivo, captação e tratamento de esgoto e lixo; telecomunicações, guarda, uso e controle de substâncias radioativas, equipamentos e materiais nucleares; processamento de dados ligados a serviços essenciais; controle de tráfego aéreo e compensação bancária. Todos devem ser garantidos à comunidade com pelo menos 30% do quadro de servidores em escala de plantão. Fonte: Decom

A Lei Federal também estabelece o transporte coletivo como serviço essencial

MPF obtém decisão liminar que amplia acesso de crianças às escolas de Rondônia Justiça Federal atendeu pedido do MPF e suspendeu exigência de que crianças tivessem quatro e seis anos de idade completos até 31 de março para serem matriculadas nas escolas

A Justiça Federal considerou que a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional aumentou a duração do ensino fundamental de oito para nove anos, com ingresso das crianças aos seis anos

A pedido do Ministério Público Federal (MPF), a Justiça Federal suspendeu artigos de duas resoluções federais e de uma resolução estadual nas quais se exigia que a criança tenha quatro e seis anos de idade completos até 31 de março para ser aceita nas escolas de ensinos infantil e fundamental, respectivamente. A decisão também determinou que a União deverá publicar a sentença nas escolas de ensinos infantil e fundamental em Rondônia, inclusive as particulares, no prazo de 15 dias. A decisão é resultado

de uma ação civil pública proposta pelo MPF contra a União e o Estado de Rondônia. Na ação, o MPF argumentou que as resoluções adotadas em âmbito federal (resoluções CNE/CEB 1/2010 e 6/2010) e estadual (resolução 824/2010/CEE/RO) contrariam o princípio do acesso à educação básica obrigatória dos quatro aos 17 anos. “As resoluções impõem tratamento desigual àquelas crianças que completem seis anos de idade após 31 de março e que tenham condições de ingressar no primeiro ano do ensino fun-

damental. É dever do Estado garantir o acesso aos níveis mais elevados de ensino, segundo a capacidade do aluno”, apontou o órgão. Nojulgamento, com ingresso das crianças aos seis anos, mas não estabeleceu data limite para que os alunos completassem esta idade. Na decisão, cita-se ainda que as resoluções não estão acima da lei e não podem criar restrições. A sentença é em caráter liminar e ainda pode ter recurso.

Fonte: MPF/RO


6 PAÍS

Teia Digital

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 a quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Sílvio Persivo

É muito difícil de entender isto no mundo atual. “A civilização tem como fim não o progresso da ciência e das máquinas, mas, do homem” (Alexis Carrel). Expansão do microcrédito. É imperioso ressaltar o excelente trabalho feito pelo Banco do Povo, que com o incentivo do governador Confúcio Moura, vem crescendo a oferta de microcrédito em todo o Estado de Rondônia. Sem dúvida merece parabéns, em especial, o desempenho da Associação de Crédito Cidadão de Rondônia (ACRECID – Banco do Povo), que tem promovido o desenvolvimento por meio da inclusão econômica de pequenos empreendedores. Só nos nove primeiros meses deste ano, foram assinados mais de dois mil contratos, somando mais de R$ 7 milhões em recursos. Os segmentos que formalizam maior número de contratos são os prestadores de serviços (27,98%), comércio (25,57%), produção (24,51%) e agricultura (21,95%). O valor médio de cada projeto é de R$ 3 mil. Em todo o Estado, nos nove primeiros meses de, já foram assinados mais de dois mil contratos, somando mais de R$ 7 milhões em recursos. Os segmentos que formalizam maior número de contratos são os prestadores de serviços (27,98%), comércio (25,57%), produção (24,51%) e agricultura (21,95%). O valor médio de cada projeto é de R$ 3 mil. Promessa boa. Segundo a Prefeitura a nova licitação, a ser feita em janeiro, para mais uma empresa de ônibus na capital irá aumentar a frota em, no mínimo, 70 novos transportes coletivos equipados com ar condicionado e três portas (uma para cadeirante). Vamos esperar para ver. Confirmado. Para amenizar os problemas de locomoção dentro do estado (em face das condições da BR-364 e dos incontáveis acidentes) a Azul confirmou que voltará a fazer voos para Ji-Paraná. Mas, somente a partir de 15 de janeiro. Inflação mais alta. A nova estimativa de inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do boletim Focus para este ano passou de 5,70% para 5,72%. Os preços administrados, definidos por contrato ou pelo governo, recuaram de 1,5% para 1,35%. A taxa básica de juros (Selic), em linha com a decisão da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), está estimada em 10% ao ano. Para 2014, a projeção da inflação passou de 5,95% para 5,97%. PIB menor. Ainda de acordo com o boletim Focus, o mercado reduziu, pela terceira semana seguida, suas projeções para o crescimento da atividade econômica em 2014: o Produto Interno Bruto (PIB) é previsto, este ano, para 2%, ligeiramente abaixo dos 2,01% do levantamento anterior. Para 2013, as contas foram mantidas com expansão de 2,30%. O Focus mostrou ainda que os especialistas estão vendo cada vez menos recuperação da produção industrial neste e no próximo ano. A atividade, calculam, deve crescer 1,60%, em 2013. Para 2014, a redução foi mais intensa, com as estimativas de expansão passando a 2,23%, ante 2,31%. Na última sexta-feira, o Banco Central reduziu, no seu Relatório de Inflação a estimativa de crescimento do PIB brasileiro deste ano para 2,3%, antes era 2,5% com indicações que a atividade econômica não deve acelerar em 2014, ao mesmo tempo em que não mudou sua perspectiva para a inflação em 2013 e 2014, mantendo-a próxima de 6%. Contabilidade criativa gera descrédito. Infelizmente, apesar da crença que se tem no futuro do País, a manutenção de melhores patamares de taxas de crescimento passa, invariavelmente, por se ter competitividade. É claro que produzir com qualidade e preço internacional exige certos pré-requisitos como se ter um marco regulatório estável e um bom ambiente de negócios, O que passa pela credibilidade no próprio governo. O nosso não tem ajudado, apesar de preocupação fiscal, da divulgação de vultosos investimentos públicos em infraestrutura e das previsões otimistas, principalmente, por passar uma imagem não muito positiva, como o da recente revisão do crescimento do PIB de 2012, que passou de 0,9% para 1%. Isto depois da presidente da República declarar em uma entrevista à imprensa internacional que a expansão havia sido de 1,5%. Fica a impressão de desentrosamento e baixa confiança nas estatísticas oficiais. De que os números mudam de acordo com as vontades governamentais. É preciso que se ataque os problemas que nos amarram como a carga fiscal, melhorar a despesa pública, diminuir a burocracia e maior flexibilidade nas relações trabalhistas, entre outros. Sem ações consistentes, no ambiente interno e externo, não seremos capazes de produzir o ambiente econômico desejável para o crescimento sustentado. Feliz natal. Aos muitos amigos e alguns leitores que não tiver o prazer de desejar pessoalmente ( e aos companheiros de redação) um feliz natal. Que seja o início de tempos de alegria e paz.

PREVARICAÇÃO POLITICA

Renan consulta FAB sobre uso de jatinho para implante capilar Ofício foi enviado nesta segunda-feira ao comandante da Aeronáutica, Juniti Saito

Renan Calheiros (PMDB-AL) O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), enviou ofício nesta segunda-

feira pela manhã para o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, para sa-

ber se ele cometeu alguma irregularidade ao utilizar um jatinho da Força Aérea, na quarta-feira passada, para ir a Recife fazer um implante capilar. O decreto presidencial 4.244, de 2002, é claro ao apontar que as autoridades só podem utilizar as aeronaves da FAB em três circunstâncias: por motivo de segurança e emergência médica, em viagens de serviço ou no deslocamento para seu local de residência fixa. Renan é senador por Alagoas. O vice-presidente do Senado, Jorge Viana (PTAC), ao defender o amigo disse que o presidente do Senado se valeu do jatinho para ir para casa, mas “desceu antes”. Viana, porém, incorre em erro de geografia, uma vez que Recife está localizada depois de Maceió. A reserva da aeronave foi

feita para levar Renan a Recife, como demonstra relatório da FAB - ou seja, oficialmente, ele solicitou o avião não para ir para sua casa. A assessoria de imprensa da presidência do Senado informou que Renan aguarda a manifestação da Aeronáutica para poder decidir o que fará. Se a carona for considerada irregular, ele irá devolver o dinheiro aos cofres públicos. Esta não é a primeira vez que o presidente do Senado faz uso privado de um bem público. Em junho, ele já havia utilizado do mesmo expediente. Na ocasião, ele foi ao casamento da filha do líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), em trancoso, no litoral da Bahia. Depois da polêmica, fez um reembolso de R$ 32 mil. Fonte: O Globo

INCLUSÃO

Internet móvel cresceu mais de 400% em três anos no Brasil A cada ano um número maior de brasileiros passa a se conectar pela internet e o veículo Principal tem sido os smartphones e tablets, seguindo uma tendência mundial de mobilidade O crescimento da internet móvel é natural, por ser uma das tecnologias mais novas. No Brasil isso não é diferente, e os números relacionados à categoria são muito altos. De acordo com levantamento feito pela TeleBrasil (Associação Brasileira de Telecomunicações), o uso de internetem dispositivos móveis como smartphones e tablets cresceu 438% desde 2010. Além disso, em 2013, a internet móvel respondeu por 95% das novas conexões à rede mundial de computadores do país. “A cada ano um número maior de brasileiros passa a se conectar pela internet e o veículo principal tem sido os smartphones e tablets, seguindo uma tendência mundial de mobilidade”, celebra a associação.

Ainda segundo ela, o 3G já cobre 90% da população nacional, estando presente em 3.463 municípios, sendo que 68% dos brasileiros moram em cidades com pelo menos três empresas que oferecem o serviço. O órgão ainda revelou dados da internet fixa, que também cresceu no país. De outubro de 2010 a outubro de 2013 a internet banda larga teve 89 milhões de acessos novos, fechando em 122 milhões, tendo assim uma proporção de 64 acessos para cada 100 habitantes. Analisando apenas a banda larga fixa, considerada pela associação “mais adequada para regiões mais densas e geograficamente menores”, o crescimento foi de

Internet móvel: 3G já cobre 90% da população do país 46% no período. A TeleBrasil cita um levantamento do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) que diz que o crescimento da internet banda larga vem sendo maior em cidades pequenas, chegando a 120% em locais com menos de cinco mil habitantes.

Outro estudo recente mencionado, desta vez do Ibope Nielsen, afirma que 55% dos brasileiros que acessam a internet em casa por meio de banda larga fixa possuem conexões com velocidade acima de 2 Mbps. Esse número é 30% superior ao registrado no mesmo período do ano passado.

JURISPRUDÊNCIA

Mantida permanencia de menor sob guarda provisória de pais adotivos até solução judicial da adoção De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), deve ser levando em conta o interesse da criança. A Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça dediciu que pais adotivos que não passaram pelo processo legal de adoção são autorizados a ficar com a guarda de uma menor até a solução judicial definitiva. O entendimento atendeu um pedido de um casal que pretende evitar a transferencia da criação para uma instituição de acolhimento. Segundo o processo, o casal passou a cuidar da criança desde o momento em que ela deixou o hospital. A mãe biológica alegou que a menina é filha do pai adotivo, mas com exame de DNA o fato não foi confirmado. O Ministério Público pede o envio da criação para a instituição de acolhimento alegando que o fato é conhecido como adoção à brasileira, quando alguém registra a criança e se declara falsamente ser o pai ou a mãe biológica. No STJ, o relator, ministro Luis Felipe Salomão, esclareceu que de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), deve ser levando em conta o interesse da criança. O ministro disse também que durante visita do conselho tutelar à fa-

mília adotiva, foi constatado que a criança estava sendo bem tratada. Luis Felipe Salomão ressaltou ainda que as

medidas de proteção, entre elas o acolhimento institucional, só devem ser tomadas quando houver violação desse

interesse. O número deste processo não foi divulgado em razão de segredo judicial. Fonte: STJ


POLICIA 7

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

SEGURANÇA

TEMOR

Polícia Civil reforça equipe de investigação e interliga distritos e delegacias

A Polícia Civil reforçou na manhã de ontem as equipes do Serviço de Investigação e interligou oito Distritos Policiais e 15 Delegacias Especializadas a um canal de comunicação interno por meio de aplicativos e redes sociais. A medida, de acordo com o diretorgeral da PC, delegado Pedro Mancebo, é garantir maior eficácia às operações realizadas em conjunto com a Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Força Nacional de Segurança durante os festejos de final de ano. As ações se estendem ainda aos municípios do interior de Rondônia, com a permanência de 14 delegados em escala de plantão e conectados entre si. Mais um delegado e vários investigadores passaram a atuar no Serviço de Investigação da Polícia Civil (Servic) com o objetivo de apontar os autores dos ataques da última quinta-feira (19) em Porto Velho, quando em decorrência dos tiros dois bairros da capital, sete pessoas morreram e 22 estão feridas. Segundo o diretor-geral da Polícia Civil, o andamento das investigações está adiantado e são utilizadas inclusive escutas telefônicas autorizadas pelo Judiciário. Nenhuma hipótese, de acordo com Pedro Mancebo, é descartada. As principais linhas de investigação das mortes levam em consideração causas como retaliação entre traficantes das proximi-

dades da rua Eça de Queiroz, onde foram apreendidas uma metralhadora e pistolas automáticas durante a operação, e a própria participação de agentes penitenciários e de policiais militares em possível represália aos assassinatos de um PM e de um agente penitenciário. O delegado admitiu a existência de outras linhas de investigação, mas não podem ser reveladas no momento por transcorrerem em segredo de justiça. Mas adiantou que a autoria dos crimes está muito próxima de ser descoberta. Correria no Shopping O delegado explicou que três fatos contribuíram para a correria de sábado, no Porto Velho Shopping: um estelionatário foi reconhecido por um lojista, que avisou em seguida os seguranças. Iniciada a tentativa de prisão, a esposa de um policial conseguiu chegar ao estacionamento onde uma guarnição da polícia prendia um suspeito de roubo de moto. Ao buscar proteção dentro do carro da polícia a mulher foi confundida com refém de assalto e o episódio gerou o desencontro de postagens nas redes sociais Segundo Pedro Mancebo, não houve confirmação de tiros no local e a população pode ficar tranquila, pois não houve nenhum outro tipo de ocorrência no final de semana, além do reforço do siste-

Manifesto público da Arquidiocese de Porto Velho

ma de policiamento e investigação nas ruas. Cuidados Os internautas não devem postar fotos ou comentários nas redes sociais, dando pistas de que estão ausentes de casa. Ao sair de casa, sempre deixar alguém ou avisar o vizinho e deixar número de telefone para contato. Evitar sacar grande quantia ou guardar dinheiro em casa. É preferível usar cartão de crédito, o chamado dinheiro de plástico e proteger a senha. Conferir o dinheiro de maneira discreta e estar atento à presença de suspeitos. Estar sempre atento aos movimentos de pessoas que entram de capacete ou tentando esconder o rosto com a aba do boné. Qualquer suspeita ou dúvida ligar para os telefones 190 (Polícia Militar) e 197 (Policia Civil) Campanha A Polícia Civil decidiu iniciar, também, a partir de janeiro de 2014, uma campanha para sensibilizar os empresários e lojistas em todos os municípios a investirem na instalação de câmeras de monitoramento, principalmente, nas áreas e centros comerciais. A medida, segundo Pedro Mancebo, além de inibir ações de furto e roubo, e degradação do patrimônio privado e público, é importantes fatores de geração de informações para as investigações policiais. Fonte: DECOM

TECNOLOGIA

Aplicativo permite checar placa de veículo suspeito O aplicativo do Sistema Nacional de Segurança Pública, chamado Sinesp Cidadão já está disponível para celulares. O sistema é gerenciado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça (Senasp). O aplicativo possibilita a Consulta Veículo que permite a qualquer pessoa consultar, principalmente por meio de dispositivos móveis, em segundos, se determinado veículo consta como roubado, furtado ou clonado em todo o País. O aplicativo foi idealizado pela Senasp, órgão do Ministério da Justiça e desenvolvido em conjunto com o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). O aplicativo encontra-se disponível gratuitamente nas lojas: Google Play e em breve na App

Store. Em breve, novos módulos serão agregados ao Sinesp Cidadão A ferramenta gratuita irá facilitar o trabalho da polícia na recuperação de veículos. Com a contribuição de todos, as ruas ficarão mais seguras. Qualquer cidadão pode baixar de graça o Sinesp Cidadão. Após instalar o aplicativo, basta digitar a placa para saber a situação do veículo que deseja pesquisar. Caso a resposta seja de que o veículo é furtado ou roubado, a informação aparecerá destacada em vermelho. O Sinesp Cidadão mostra ainda as características do veículo no sistema, o que permite ao indivíduo checar se dados da placa informada conferem com essas características do veículo. Caso elas sejam diferentes, a pla-

ca pode ser falsa ou furtada. Ela ainda pode estar sendo utilizada em um carro clonado. Caso alguma irregularidade seja constatada, o cidadão deve acionar a polícia pelo telefone 190. Uma equipe será direcionada ao local, onde será feita a checagem das informações com os procedimentos corretos, sem identificar de quem ou de onde partiu a denúncia. A ligação será anônima e a identidade de quem denunciar será preservada em qualquer situação. A Polícia Militar alerta que nenhum cidadão deve fazer abordagem ou se aproximar de veículos cuja situação no Consulta Veículo seja de registro positivo para furto, roubo ou clonagem. A orientação é que acione a PM.

A ferramenta irá facilitar o trabalho da polícia na recuperação de veículos.

VIOLÊNCIA

Criminosos atiram contra clientes em bar e acertam dois durante a madrugada na capital A ação desenfreada de criminosos em Porto Velho continua. Na madrugada desta segunda-feira dois homens em uma moto Titan efetuaram vários disparos contra clientes que bebiam em um bar na Avenida Jatuarana, Bairro Jardim

Eldorado, Zona Sul da Capital. Duas pessoas ficaram feridas e foram socorridas ao Pronto Socorro João Paulo II. A PM fez buscas, mas não conseguiu localizar suspeitos. Os disparos eram de pistola 9 mm. Fonte: Rondoniagora


8 GERAL

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

CONSUMIDOR

ARMA DE GUERRA

Oito em dez consumidores comprariam pelo celular Pesquisa realizada em 17 países, no entanto, mostra que apenas 32% faz compras regularmente Oito em cada dez pessoas estariam dispostas a comprar ou pagar contas através de dispositivos móveis, aponta uma pesquisa da SAP realizada em 17 países. De acordo com o levantamento, a demanda pelos serviços eletrônicos é ainda maior. Em países como África do Sul Arábia Saudita e China, 96% dos consumidores expressaram o desejo de usar o celular para efetuar compras ou serviços. Nas economias consideradas “maduras” pela pesquisa, esse índice cai para 59%. Ainda segundo o estudo, apenas um terço (32%) dos entrevistados já utilizam o celular para transações comerciais regularmente, sendo que os serviços bancários, como pagamento de contas e transferências, são os mais comuns entre os usuários. Entre as principais barreiras para maior adesão está a limitação das formas de pagamento: 64% dos consumidores afirmaram que estariam

mais propensos a elevar o uso de serviços móveis se tivessem mais escolhas para efetuar o pagamento. O receio de fornecer informações pessoais, a preocupação com a segurança das informações e a falta de acesso à Internet também foram apontados como obstáculos ao maior uso dos celulares para compras por 46%, 45% e 43% das pessoas, respectivamente.

Para 80% dos consumidores, as empresas deveriam usar a tecnologia disponível para “tornar mais fácil a vida de seus clientes”, diz a pesquisa. De acordo com a empresa, cerca de 12,5 mil pessoas foram ouvidas durante a pesquisa, realizada entre março e abril deste ano. No Brasil, o levantamento consultou pouco mais de mil consumidores. Fonte: Agência Estado

ABUSO INFANTIL

CPI vai propor em 2014 marcos legais contra exploração de crianças nas fronteiras De acordo com a presidente da CPI, deputada Erika Kokay, deve-se criar novos mecanismos para romper as relações de impunidade

A CPI da Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes pretende sugerir, em 2014, marcos legais para a proteção de menores de idade em localidades com grandes obras, grandes eventos e nas fronteiras do Brasil. A Comissão Parlamentar de Inquérito tem recebido várias denúncias de exploração sexual nas fronteiras do Acre com o Peru e a Bolívia. Outra preocupação, de acordo com a presidente da CPI, deputada Erika Kokay, do PT do Distrito Federal, é a de criar mecanismos mais ágeis de andamento dos processos e de responsabilização, e para romper as relações de impunidade que possam existir em determinadas localidades. “Nós temos a preocupação com a responsabilização e também com o atendimento dessas crianças e adolescentes. Muitas vezes, há a situação e não há um atendimento

do Estado que possibilite que haja a interrupção da situação de exploração sexual e a ressignificação da vida desses meninos e, particularmente, das meninas, que são as maiores vítimas da exploração sexual no nosso país.” A relatora da CPI, deputada Liliam Sá, do Pros do Rio de Janeiro, pretende apresentar o parecer em maio, com algumas sugestões de projetos de lei. “A gente está pensando até em punir o gestor público que não usar a verba destinada à criança e ao adolescente, porque o lugar de criança é na escola, a criança tem que estar na escola amparada, a Constituição fala isso, que a criança tem direito ao lazer, a uma boa educação, a ser protegida, e a gente não vê isso.” A CPI para investigar a exploração sexual de crianças e adolescentes foi instalada em 2012. Em 2013, a comissão visitou 10 estados e realizou

audiências públicas. Os deputados receberam várias denúncias sobre o envolvimento de políticos com a exploração sexual. Um dos casos investigados é o de Coari, no Amazonas, onde o prefeito, Adail Pinheiro, é acusado de pedofilia. Integrantes da CPI tentam trazer a investigação do caso para o âmbito federal. Para eles, a apuração no estado está contaminada por laços familiares e de amizade que unem acusado e autoridades responsáveis pela investigação. No Rio de Janeiro, a comissão investiga casos de meninas desaparecidas há mais de 12 anos. A chefe da Polícia Civil do estado, delegada Marta Rocha, prometeu a criação de uma força-tarefa para reunir todos esses casos em uma única delegacia. Em fevereiro, está previsto um novo encontro de integrantes da CPI com a delegada. Fonte: Rádio Câmara

Morre Kalashnikov, inventor da arma que marcou o século 20 O inventor do fuzil Kalashnikov (também conhecido como AK-47), o russo Mikhail Kalashnikov, morreu nesta segundafeira na Rússia aos 94 anos sem nunca ter aceitado responsabilidade pelas milhares de mortes causadas pela sua invenção. Nascido em 1919, quando a Rússia ainda era palco da Guerra Civil que se seguiu à revolução bolchevique de 1917, Mikhail Timofeyevich Kalashnikov foi convocado em 1938 para integrar o Exército Vermelho. Logo ele passaria a usar seu talento de projetista para melhorar a eficiência de armas e equipamentos usados por regimentos de tanque soviéticos. O trabalho na criação que lhe daria fama internacional começou depois que um soldado reclamou com ele, questionando como os soviéticos não tinham uma arma com a mesma eficiência das usadas pelos alemães durante a Segunda Guerra Mundial. Ele concluiu o desenvolvimento do Kalashnikov em 1947, e, dois anos depois, o fuzil passou a ser usado pelo exército soviético. DESIGN CARACTERÍSTICO Com seu característico pente curvado, a Kalashnikov logo se tornou um ícone revolucionário nas mãos de militantes e insurgentes ao redor do mundo. Kalashnikov continuou trabalhando até depois dos 80 anos como projetistachefe da empresa Izhevsk, que foi a primeira a fabricar o AK-47. Ele recebeu muitas ho-

Morre Mikhail Kalashnikov, criador do fuzil AK-47 menagens e comendas, inclu- samente mostrava a medaindo a Ordem de Lênin e a de lha de Herói do Trabalho SoHerói do Trabalho Socialista. cialista em sua jaqueta. Ele Mas o orgulho por sua in- parecia perplexo com as venção vinha misturado pela mudanças extraordinárias tristeza pelo seu uso por cri- que tomaram seu país.” minosos e crianças-soldado. “Ele mostrava sentir as “É doloroso para mim ver críticas de que sua arma tielementos criminosos de todo nha causado um número intipo usando minha arma”, dis- contável de mortes ao redor se Kalashnikov em 2008. do mundo. Ele me falou que Porém, o russo alegava simplesmente projetou o funão ter ganhado muito dinhei- zil para defender a União ro com a arma. Soviética. Segundo ele, o Certa vez, ele disse que te- uso que foi feito da arma em ria ficado mais rico se tivesse outros lugares não tinha inventado um cortador de grama. nada a ver com ele.” MARCADA NA HISTÓRIA “A Kalashnikov – que ainDe acordo com o analista da é amplamente usada de Defesa da BBC Jonathan hoje – ficará marcada na hisMarkus, o projeto de Kalash- tória. Se o nome de Samuel nikov teve versões produzidas Colt e seu revólver são asem vários outros países além sociados ao século 19, enda União Soviética e da Rús- tão a arma do século 20 sem sia, como a China. dúvida é a Kalashnikov”, conMarkus relembra um en- cluiu Markus. contro que teve com Kalashnikov em Paris. “Ele orgulhoFonte: BBC


Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Ciro Pinheiro 46 anos escrevendo, com amor, a História de Rondônia

Tempo de esperança Hoje é dia de festas. O Natal chegou. tempo de orações por um mundo melhor. Um novo ano está vindo, trazendo esperança para todos os que acreditam nas dádivas divinas. Que a chegada do Ano Novo encontre cada um de nós e todos, na mais perfeita harmonia, prontos para uma nova jornada, preparados para Maria e Euro Tourinho enfrentar os possíveis e naturais percalços da vida. Que possamos fazer com que os tropeços e as barreiras encontradas no caminho possam ser removidas e transformadas em reforço para novos avanços, para o caminhar mais forte.

Ligia e Luiz Tourinho

Que as nossas mesas, fartas, estejam postas a cada dia. Que possamos, sempre, celebrar a paz, a harmonia, a compreensão e o entendimento entre todos. Que a violência seja contida e que todas as famílias possam viver com tranquilidade. Que haja trabalho e renda para todos aqueles que almejam uma vida melhor. Que o amor esteja presente em cada lar, todos os dias, o ano todo. E que ele seja eterno. Que Deus esteja no coração de cada um. De cada jovem, de filhos e pais, dos casais que colocaram filhos no mundo voltados para o bem. E neste prestamos nossa homenagens aos casais que delas merecem. Não são todos, pois teríamos que usar o jornal inteiro para isto, mas vale a intenção. Que Deus abençoe a todos.

Berenice e Eudes Tourinho

Silvia e Claudio Feitosa Sandra e Dilson Fernandes Paulo Gondim, a irmã Tânia e Kely Zelia e Dante Fonseca

Marlene e Geraldo Rolim

Fátima e Lucio Albuquerque

Germana e Tulio Pinheiro (Fortaleza)

Marilda e Rochilmer Rocha

Adla e Samuel Castiel

Maricélia e Anisio Gorayeb

Maria Silvia e Aparício Carvalho

Ana Maria e Euderson Tourinho Mag e Silvio Persivo

Auri-Stela e Jacob Atallah


ADES ARIEDADES 2 VARIED

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

-2

Amor à vida TERÇA-FEIRA (24/12/2013) Félix fica pasmo ao ver Niko, que pede para conversar com ele. Paulinha pede para Pilar deixar que ela e Paloma passem o Natal em casa com Bruno. Ciça vê Aline fazer bolinhos para César. Denizard aceita passar o Natal em casa com Gina para conhecer Elias. Edith ajuda Herbert a comprar um presente para Ordália e acaba ganhando uma joia. César expulsa Paloma e Paulinha de sua casa. Luciano pede para passar o Natal com Joana, mas leva um fora. Niko leva Félix, Márcia e Rinaldo para passar o Natal com ele e os filhos. Elias pede Gina em casamento. Tamara aconselha Edith a seduzir Herbert. Rafael dança com Linda. Rogério e Lídia repreendem Thales por tentar cortejar Natasha. Carlito e Valdirene passam o Natal na praia. Paulinha tenta reconciliar Paloma e Bruno. Pilar ganha um presente de Maciel. Herbert beija Edith. Vanderlei e Daniel dão para Perséfone o mesmo presente. Eron e Amarilys sofrem na noite de Natal por causa da ausência de Fabrício. Niko promete ajudar Félix e decide procurar Pilar. QUARTA-FEIRA (25/12/2013) Niko tenta convencer Pilar a chamar Félix de volta para sua casa. Valdirene fala com Márcia e pede um presente de Natal para Carlito. Gina e Elias saem para distribuir brinquedos e comida pelas ruas de São Paulo. Paloma confessa que ainda é apaixonada por Bruno, e Paulinha conta para o pai. Niko elogia Félix para Pilar e a convida para ver onde seu filho está trabalhando. Jucelino dá um presente para Félix. Vega sente ciúmes da forma como Atílio fala com Márcia. Leila descobre um jeito de afastar Rafael de Linda. Amarilys convence Eron a tirar Fabrício de Niko. Paloma não aceita que Pilar perdoe Félix. Jonathan conta para o pai que está namorando. Valdirene pensa em desistir de entrar no programa de TV para ficar com Carlito. Ignácio anuncia para Eudóxia que vai se casar com Gigi. Atílio visita Márcia. Bruno descobre que Ordália tem um namorado. Luciano não consegue falar com Joana no hospital. Herbert entrega o presente para Ordália. Niko almoça com Félix. Ciça conta para César que Aline usa um ingrediente especial em suas receitas e o médico fica curioso. Pilar vê Félix vendendo cachorro-quente. QUINTA-FEIRA (26/12/2013) Niko conversa com Pilar. Aline disfarça e não revela o ingrediente que usa nas comidas que faz para César. Félix fica arrasado ao saber que ele e Márcia trabalharão no Réveillon. Niko aconselha Pilar a perdoar Félix. Eron pede para Rafael ajudá-lo a tirar Fabrício de Niko. Valdirene consegue falar com Boninho. Inaiá conta para Laerte que é soropositiva. Pilar se aconselha com Bernarda sobre o que fa-

zer em relação a Félix. Laerte rejeita Inaiá, e Renan consola a moça. Michel pede Patrícia em casamento. Valdirene consegue que seu vídeo seja assistido pelo diretor do programa de TV. Rafael se recusa a ajudar Eron a tirar Fabrício de Niko. Jonathan acusa Pilar de fazer com Félix o mesmo que ele fez com Paulinha. Jucelino chama a atenção de Félix, que o repreende na rua. Aline manda Ninho dar um jeito em Ciça. Perséfone confessa a Patrícia que está em dúvida entre Daniel e Vanderlei. Rafael discute com Eron. Carlito se entristece ao saber que Valdirene conseguiu falar com o diretor do programa. Eron procura Niko. Pilar vai à casa de Márcia para falar com Félix.

Pecado Mortal Record – A partir de 22 h TERÇA-FEIRA (24/12/2013) não haverá exibição da novela. QUARTA-FEIRA (25/12/2013) Picasso vai até a casa dos Vêneto na noite de Natal. Michele fica furioso ao vê-lo e descobre que ele espancou Carlão. Picasso diz que é filho de uma ex-empregada da família. Otávio convida Marcinha para a ceia de Natal e dá notícia sobre o bebê para Michele. Todos comemoram a notícia, com exceção de Donana e Catarina. Marcinha fica com pena de Catarina e diz para Otávio que ela deve estar sofrendo. Patrícia faz mala de Carlão e o manda embora de casa, deixando-o confuso. Ela diz que não aceita estar casada com um bandido. Carlão ameaça sair, mas desmaia. Vegetal e Patrícia o socorrem e ele finge, dizendo que não se sente bem. Das Dores diz para Laura que Picasso é o culpado por tentar matá-la. Dorotéia descobre que Danilo pegou uma enorme quantia no banco e fica alarmada. Veludo diz que Picasso pode ter algo a ver com planos de Danilo. Dorotéia vai até o apartamento de Carlão. Ele diz que Patrícia o colocou pra fora de casa e que ele está fingindo gripe. Ela conta sobre dinheiro que Danilo pegou no banco e diz que Picasso pode estar envolvido. QUINTA-FEIRA (26/12/2013) Carlão e Dorotéia ficam presos no apartamento dele por conta de fortes chuvas. Ele fica preocupado com Patrícia e decide ir atrás dela. Patrícia e Michele discutem a respeito do destino de Carlão. Ela tenta convencê-lo a se afastar do jogo do bicho e não comprometer Carlão a tornar-se seu sucessor. Otávio socorre Picasso e os dois conversam sobre Michele. Patrícia liga para Carlão e diz que está na fazendinha com o pai dele. Ele não fala sobre Dorotéia. Fernanda confessa que deu dinheiro de hipoteca para Pedro. Marcinha diz que contará para Das Dores sobre golpe do sobrinho. Dorotéia provoca Carlão e ele fica tentado, mas diz que não trairá Patrícia. Leila

Áries Lidar com as atividades práticas fica mais fácil, pois o Sol adentra sua décima casa. Nos próximos dias sua motivação intensificará a produtividade, ao mesmo tempo em que as finanças se beneficiam de seu senso empreendedor.

Libra Você se dedica à vida familiar, neste dia em que o Sol adentra sua quarta casa, lhe deixando motivada também para deixar o lar acolhedor e a curtir bons momentos com os mais queridos. Compartilhe tarefas, isso une as pessoas!

Touro Aspectos subjetivos e filosóficos são ressaltados pela entrada do Sol em sua área espiritual, que torna o dia ideal para atividades intelectuais. Que tal ler ou entrar em contato com a natureza? Reveja suas metas e prioridades!

Escorpião Ao entrar em sua terceira casa, o Sol lhe incentiva uma expansão intelectual e nas interações pessoais. Aproveite seu maior poder de comunicação e conheça ambientes, pessoas e culturas diferentes. Saia da mesmice!

Gêmeos Você procura melhorar seu bemestar através dos meios materiais, neste dia em que o Sol entra em sua oitava casa, fortalecendo a valorização pessoal. Câncer As relações humanas tendem a ser vivenciadas de forma plena, com a entrada do Sol em sua sétima casa. As parcerias lhe trazem grande realização, e você se dedica mais intensamente à vida afetiva. Valorize as relações positivas! Leão Força e vigor são o que o Sol lhe traz, ao adentrar sua sexta casa. Que tal cuidar melhor da saúde e de seu corpo, praticando exercícios, por exemplo? As iniciativas em grupo e parcerias de trabalho estão favorecidas! Virgem A entrada do Sol em sua quinta casa lhe traz uma abertura na interação pessoal e aguça a percepção para as coisas mais simples. Aproveite a diversão nos próximos dias, seja na vida social, familiar ou no trabalho!

Sagitário Você busca incrementar as finanças, neste momento em que o Sol entra em sua segunda casa, elevando sua capacidade empreendedora. Capricórnio Suas iniciativas são favorecidas pelo Sol, que entra hoje em seu signo, lhe deixando consciente do próprio valor. Você atrai as pessoas com seu jeito espontâneo. Aproveite para projetar a imagem em prol de suas conquistas! Aquário Ao adentrar sua área de crise, o Sol lhe convida a refletir sobre a vida e a promover pequenas mudanças de modo a otimizar o cotidiano. Curta o domingo em recolhimento na intimidade familiar, que deve ser bastante prazerosa! Peixes Atividades culturais e divertimentos junto às pessoas queridas são estimuladas pela entrada do Sol em sua área de amizades. Aproxime-se de grupos com interesses em comum e aproveite boas trocas intelectuais nos dias a seguir!

provoca Catarina e as duas brigam. Patrícia diz para Michele largar o jogo antes que bicheiros descubram sua doença. Michele mantém o orgulho e diz que não abandonará o comando do bicho. Ela desiste e pede que Vegetal a leve para casa. Marcinha vai até Pedro e o ameaça. Ela diz que contará para Das Dores golpe que ele deu em sua mãe. Ele a chantageia e diz que Das Dores não gostará de saber que Fernanda o seduziu. Marcinha fica furiosa e desiste. Donana encontra Patrícia e a ameaça, dizendo que não permitirá que Michele desista do comando do bicho. Joia Rara Globo – 18:15 h TERÇA-FEIRA (24/12/2013) Hilda e Toni chamam Viktor para passar o Natal com eles, mas o rapaz não aceita. A pedido de Ernest, Josué leva para Pérola uma caixinha de música como presente de Natal. Iolanda e Mundo ceiam juntos em um quarto de hotel. Ernest leva Dália para jantar no clube e Laura fica incomodada com a presença dele. Ela pega Tavinho e o leva para passar o Natal no cortiço. Gaia vê Tavinho e sente uma emoção inexplicável. Santinha convida o delegado para a ceia, deixando Arlindo furioso e enciumado. Manfred busca Ernest no clube e diz que tem uma surpresa para ele em casa. Odilon se veste de Papai Noel para alegrar Pérola e as outras as crianças do cortiço. Manfred enfrenta Ernest e o obriga a comer a ceia preparada por Gertrude. Um casal de idosos cuida de Silvia, que está muito machucada. QUARTA-FEIRA (25/12/2013) Silvia está desacordada e chama por Viktor e Heitor. Sonan sonha com Matilde. Depois da ceia, Manfred manda que Ernest abra os presentes. Em um dos embrulhos estão as cartas de Catarina e Heitor.Hilda incentiva Toni a procurar Giuseppe. Ernest se desespera com as atitudes de Manfred, se lembra do dia em que Catarina morreu e chora. Pérola distribui brinquedos, roupas e comida para os pobres na rua. Aurora dá um carro para Davi. Ernest obedece todas as ordens de Manfred, submisso. Pérola e Franz chegam à mansão. Ernest se emociona com a visita e chora, deixando Franz e Pérola preocupados. Aurora e Davi são presos por desacato à autoridade. Ernest admite para Franz que Manfred é seu filho. QUINTA-FEIRA (26/12/2013) Manfred conta para Ernest que comprou as ações da Hauser Franz fica surpreso ao saber que Manfred é seu irmão, mas não consegue arrancar mais detalhes de Ernest. Cléo admite que não passou a noite com Joel. Franz conta para Viktor e Hilda que Manfred é filho de Ernest. Manfred recorta todos os álbuns da família Hauser e acrescenta fotos suas quando pequeno. Sonan sugere que Arlindo faça um show beneficente no cabaré para ajudar um lar de idosos, a pedido de Matilde. Manfred obriga Ernest a deserdar Franz, Hilda e Viktor e tranca o pai no quarto, deixando Gertrude preocupada. Aurora faz um número de canto e dança na cela, com as outras presas, e o delegado resolve liberá-la. Manfred conta para Ernest que comprou as ações da empresa e que agora é o único dono da Hauser. Malhação TERÇA-FEIRA (24/12/2013) Antônio provoca Ben com sua proximidade com Anita. Maura afirma a Sidney que Sofia não é menina para ele. Guilherme se preocupa com Clara. Giovana se incomoda com o sucesso de Sofia. Edgard e Sofia esnobam a modelo Fábia Brasil. Abelardo avisa a Caetano sobre a ameaça de um ex-cliente. Ben e Anita ficam juntos. Com medo da exposição, Caetano não permite que Sofia conceda a entrevista em sua casa. Fábia esnoba o Tapinha da Sofia. Zelândia incentiva Sidney a lutar por Sofia. Pedro alerta Sofia para a superficialidade de Edgard. Flaviana começa a namorar Serguei, e os dois decidem não ir à entrevista de Sofia. Vitor pede ajuda a Giovana para desfazer o mal-entendido com Clara. Domingas, Virgílio e os outros professores preparam o almoço comemorativo da escola. Sofia afirma a Bia Borges que o Tapinha da Sofia é um projeto somente dela. Bernardete aconselha Marinalva. Ronaldo e Vera selam a paz entre a família. Guilherme atrapalha os planos de Vitor com Clara. Antônio afirma para Anita que sabe que ela está apaixonada por ele. QUARTA-FEIRA (25/12/2013) Antônio se altera com Anita, e Ben chega para resgatar a namorada. Vitor chega a tempo de desfazer o mal-entendido com Clara, e Guilherme lamenta. Flaviana fica chocada ao ler o depoimento de Sofia so-

bre ela na internet. Ben e Antônio se enfrentam fisicamente, e Sidney e Paulino ajudam Ben. Flaviana corta relações com Sofia, que parece não se importar. Serguei repreende Flaviana. Monique, Giovana e Anita conversam sobre fé e religião. Edgard esnoba Sofia. Marinalva é informada de que a filial de seu supermercado em Miami será fechada e se decepciona com Edgard. Frédéric e Pedro tentam apartar a briga entre Flaviana e Sofia. Micaela apoia Flaviana. A turma do casarão prepara uma surpresa para Monique. Sidney consola Sofia. Serguei é duro com Sofia. Flaviana se desculpa com a amiga, e as duas reatam. Anita encontra Monique rezando na capela do colégio. QUINTA-FEIRA (26/12/2013) Anita e Ben se emocionam com Monique. Sofia se desculpa, e Flaviana e Serguei voltam à equipe do projeto de beleza. Domingas se despede dos novos amigos. Sofia decide sair com Edgard e deixa Sidney magoado. Raíssa comenta com Diva sua decisão de visitar uma clínica de reprodução. Antônio ameaça Paulino. Martin pede Micaela em namoro. Há uma disputa entre meninas e meninos no futebol da escola. A mãe de um aluno contrata Giovana, Clara e Guilherme para se apresentar fantasiados na festa de seu filho. Vera e Bernardete conversam. As meninas perdem a partida de futebol e decidem aprontar com Virgílio como prenda. Paulino é encarregado de buscar o material para a prenda no casarão. Antônio pede que Tita entregue um bilhete a Bruna. Bruna avisa a Paulino que ele deve levar o material para a cabana do bosque. Antônio tranca Paulino na cabana. Paulino respira uma fumaça tóxica e desmaia. . Além do Horizonte Globo – 18h00 h TERÇA-FEIRA (24/12/2013) Inês implora para que Thomaz não saia de casa. Celina agride Kléber. Nilson se explica para William. Celina chega em casa abalada e é surpreendida pela simpatia de Lili. Kléber beija Keila, mas desiste ao pensar em Celina. Inês afirma que vai se vingar de Heloísa. Thomaz avisa a Heloísa que se separou de Inês. Kléber tenta falar com Celina, mas ela o repreende. Rita se insinua para Rafa. Paulinha se preocupa com a amnésia de Joana. Tereza e LC comunicam a Zélia o seu castigo. Lili consegue falar com Priscila. Celina pergunta a Assis sobre a expedição e pede para se juntar ao grupo de Lili. Nilson tira satisfações com Rafa sobre Fátima. Keila conversa com Hermes para provocar Kléber. Heloísa garante a Thomaz que encontrará Lili. Lili se enfurece ao ver Selma com suas roupas. William vai até a delegacia falar com Berenice. Heloísa leva Thomaz para o seu quarto. Inês decide ir à casa de Heloísa. William consegue falar com Berenice, mas ela se apavora ao ouvir vozes fora da delegacia. Inês invade o quarto de Heloísa. QUARTA-FEIRA (25/12/2013) Thomaz leva Inês para fora da casa de Heloísa. Berenice consegue falar com William sobre a Comunidade, antes que entrem na delegacia. Marcelo leva Inês para o hospital. Selma embriaga Líder Jorge. Celina canta no bar, e Kléber a observa. Líder Jorge beija Selma, e Hermes fica desapontado com seu comportamento. William vê Berenice dopada na cela. Priscila e Marcelo se beijam. Marlon desiste de um encontro com Angelique para ficar com Vitória. Paulinha fala mal de Marlon para Joana. Tereza pede que Angelique ensine tudo a seu sobrinho. Hermes repreende Líder Jorge por seu comportamento no bar. Celina sugere que Lili tome cuidado com Rita e Selma. Nilson pede conselhos a William para conquistar Fátima. Kléber proíbe Romildo de sair da delegacia. William pensa em embriagar Líder Jorge. Fernanda comenta com Thomaz que sabe tudo sobre LC. QUINTA-FEIRA (26/12/2013) William consegue embriagar Líder Jorge e descobre que Hermes é o Luminoso Mestre Thomaz confirma para Fernanda que LC está vivo. Celina percebe o interesse de Fátima em Rafa. Lili descobre o GPS na mochila de William. Marlon contraria Angelique e parte para o alojamento de Vitória. Álvaro tenta descobrir com Fernanda o segredo que ela guarda com Thomaz. Keila coloca Kléber para dançar com Celina. Líder Jorge foge de Selma. Rafa fala de Paulinha para William. Angelique manda Vitória se afastar de Marlon. Marcelo elogia o beijo de Priscila na frente Álvaro. William consegue embriagar Líder Jorge e descobre que Hermes é o Luminoso Mestre. Hermes fala para Kléber que Berenice precisa desaparecer, e William e Lili ouvem a conversa.


Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

www.altomadeira.com.br (69) 9205-0783 / 8482-1008

TOURINHO CORRETORA ALUGA-SE 1 - Prédio - José do Patrocínio com José Bonifácio. - Loja, escritório ou residencia 700 m2 no centro. 2 - Loja com 30 m2 no centro Rua Floriano Peixoto, 720. 3 - Loja com 56 m2 no centro Rua Floriano Peixoto, 720 B.

PROMOÇÃO DEZEMBRO

4 - Loja com 300 m2 no bairro São Cristovão Avenida Brasilia.

(69) 9220-8591 8108-0901

Vende-se S10, 2009/2010, mod. Advantage FLEX, Cor Branca, Cabine Dupla, 75.000 km Original, 2º Dono, 38.000,00. Tratar 9238-3318 ou 8104-6026


4 ESPORTES

Porto Velho, Rondônia, terça-feira, 24 à quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

-2

VEC

CARIOCAS

Preparador físico do Vilhena recebe troféu Mario Jorge Zagallo no RJ Claudio Vidal comandou duas partidas no Vilhena no Rondoniense 2013. Profissional diz que homenagem lhe rendeu ânimo para temporada em 2014 O preparador físico do Vilhena Esporte Clube, Claudio Vidal, promete começar 2014 com o pé direito. No último dia 19 de novembro o profissional recebeu o troféu Mário Jorge Lobo Zagallo, do Sindicato dos Treinadores de Futebol do Rio de Janeiro. A premiação foi feita como forma de homenagem por conta do trabalho realizado no Rondoniense 2013. - Foi tudo de bom receber este prêmio. É uma forma de reconhecimento do meu trabalho – declara. No estadual deste ano, Vidal acabou tendo que ficar a frente de duas partidas de futebol enquanto a direção do Vilhena contratava o novo técnico do time. Após a chegada de Marcos Birigui no Lobo do Cerrado, Vidal se dedicou na preparação física dos jogadores. Segundo o preparador físi-

Preparador físico do Vilhena co, a homenagem recebida acabou lhe dando mais ânimo para começar o próximo ano. - Uma honra estar no evento do jogador Zagallo, mestre dos mestres no futebol – de-

clara. Após a homenagem, Vidal resolveu permanecer no Rio de Janeiro, onde pretende passar o natal e ano novo. Fonte: G1 RO

Disputa interna no Flu impede que Renato Gaúcho seja anunciado Celso Barros revelou que o técnico Tite foi sondado através do empresário Gilmar Veloz. O acerto com o técnico Renato Gaúcho foi alcançado em uma reunião no último sábado, mas o novo comandante do Fluminense para a temporada 2014 continua sem ser anunciado oficialmente pelo clube. Uma disputa interna entre o grupo político do presidente do clube, Peter Siemsen, e o do presidente da Unimed, Celso Barros, principal patrocinadora do Flu, impede a confirmação da contratação. Assim como fez no ano passado com Vanderlei Luxemburgo, Celso Barros tenta impor sua vontade sobre a diretoria com o nome de Renato Gaúcho. O presidente da Unimed condiciona investimentos em reforços para o elenco com a aceitação do treinador, cujos vencimentos ele também se propõe a pagar. O grupo político de Siemsem pressiona no senti-

do de mais autonomia em relação ao patrocinador, e cobra posição mais firme do presidente. Os nomes preferidos da diretoria para o cargo de treinador são Enderson Moreira, que já fechou com o Grêmio, e Ney Franco, que tem contrato em vigor com o Vitória até o fim de 2014 e recebe salário acima do orçamento do clube. “Conversamos sobre os

técnicos, ele (Peter Siemsen) nos autorizou a negociar com o Renato, e estamos aguardando o presidente se pronunciar. Eu tenho o meu posicionamento, mas é o presidente que escolhe. No sábado, ele me disse que seguiríamos com o Renato”, afirmou Celso Barros nesta segunda-feira à Rádio Tupi.

GAÚCHOS

Especulado no Inter, Wellington Paulista entrega brinquedos na Mooca Se for confirmado como novo reforço do Inter, Wellington Paulista disputará com Scocco, Rafael Moura, Maurides e Natan uma posição no ataque da equipe de Abel Braga. Apontado como um dos nomes da lista de reforços do Internacional para 2014, o ata-

cante Wellington Paulista (que defendeu o Criciúma no último Campeonato Brasileiro), pro-

Wellington Paulista

moverá nesta terça-feira a quinta edição do Natal Solidário da Mooca, bairro da Zona Leste de São Paulo em que o jogador nasceu e foi criado. Wellington distribuirá brinquedos e cestas básicas para pessoas carentes. “É muito gratificante poder ajudar aqueles que precisam. E o carinho que a gente recebe de volta das crianças faz tudo valer a pena. Sempre tentamos equilibrar os presentes para os meninos e as meninas. Percebemos que ano passado o presente que fez mais sucesso foi a bola. Pode ser de futebol, vôlei ou basquete. Se tem bola, a criançada se diverte. E, quem sabe, não está aqui na Mooca o próximo desportista que pode trazer medalhas para o Brasil nas próximas Olimpíadas”, disse o atacante. Os presentes serão distribuídos a partir das 10 horas (de Brasília). O caminhão sairá da Rua Guaçui, 23, na Mooca.

PARANÁ

Zagueiro Júnior Lopes é o novo contratado do Paraná Outra boa notícia para o torcedor paranista foi a renovação do experiente meia Lúcio Flávio

Depois do técnico Milton Mendes, além dos atacantes Danillo Galvão e Keno, o Paraná Clube apresentou oficialmente nesta segunda-feira seu mais novo reforço para a temporada 2014. É o zagueiro Júnior Lopes, que já era considerado contratação certa desde o final da Série B. O defensor, que teve pas-

Júnior Lopes sagens por clubes como Vitória, Bragantino, Ituano e Nova Iguaçu e pelo futebol europeu, onde defendeu o Acadêmica de Coimbra, em Portugal, e o NK Celik, na Bósnia, fechou contrato por dois anos e se reapresentará com o grupo no dia 2 de janeiro para dar inicio à prétemporada.

Outra boa notícia para o torcedor paranista foi a renovação do experiente meia Lúcio Flávio, que seguiu os exemplos dos volantes Edson Sitta e Ricardo Conceição, e partirá para mais um ano com o Tricolor da Vila, time pelo qual foi revelado para o futebol e voltou em 2012.

Alto Madeira - Versão Digital  

Edição dos dias 24, 25 e 26 de Dezembro de 2013