Issuu on Google+

O Homem e a Maquina Você tudo inventa Alias, quase tudo A maquina pode lavar louças A maquina pode lavar roupas A maquina pode isso, pode aquilo... A maquina pode quase tudo Mas a maquina não pode dar à luz Ela não pode ser pai nem mãe Ela não pode criar e nem bronquear os filhos Ela desconhece o amor Ela desconhece Deus Ela é um monte de matéria ambulante Apesar de tudo ela tem suas vantagens Ela não rouba Ela não trapaceia Ela não olha com malícia Ela não mata Ela não cobiça Ela não Inveja Ela não adultera Nem tem ciúme Desconhece o orgulho Desconhece o egoismo Desconhece a opressão Desconhece a corrupção Ela não sabe o que é pecado A única diferença Entre a criação do homem Feita por Deus E a da maquina Feita pelo homem É que o homem se rebelou contra Deus E a maquina é para o homem O que o homem não é para Deus. (Autor: Eliseu Dias de Paiva).

LOUVE O SENHOR A QUALQUER PREÇO ! “Louvarei ao Senhor em todo tempo; agora toda as minhas necessidades o seu louvor estará continuamente na ( Filipenses 4:19 )- ,Repita sete vezes: minha boca.” - ( Salmos 34:1 ). obrigado, Pai, por tuas riquezas agora. * Você sente a alegria no Senhor em * Você está desfrutando de boa saúde? sua alma? Louve ao senhor! Ou você Louve o Senhor ! Ou está tendo se sente vazio por dentro, ou pior, problemas de saúde? Louve o Senhor você sente deprimido?Louve o Senhor a qualquer preço! A cura é recebida a qualquer preço! É o “sacrifício de pela fé, e o louvor é a linguagem da louvor” continuo a Deus que você tem fé. “Seja feito conforme a tua fé” ordem de oferecer ( Hebreus 13:15 ). ( Mateus 8:13 ). “ Sacrifício de louvor ” significa *O tempo está bom como você gosta? Louvar o Senhor a qualquer preço, Louve o Senhor! Ou está fazendo um especialmente quando você não tem mau tempo? Louve o Senhor a vontade! … qualquer preço! “ Este é o dia que o * Seus filhos estão todos salvos? Senhor fez: Regozijemos - nos e Louve o Senhor! Ou há algum que alegremo-nos nele” ( Salmos 118:24 ). ainda está perdido no pecado? Louve * Você tem verdadeiros amigos, que o o Senhor a qualquer preço! Deus incentivam em períodos de crise ? promete que, crendo. Toda a sua casa Então seja como Paulo, quando viu está salva ( Atos 16:31 ). Louve o seus amigos a caminho da prisão em Senhor por sua salvação, antes de Roma, “dando por isso graças a Deus, vê-lo no aprisco, e evidencia de que sentiu-se mais animado” (Atos 28:15). você realmente crê ! Mas talvez você esteja experimentando * Todas as suas contas são pagas em problemas com pessoas que se lhe dia? Louve o Senhor! Ou você anda opõem, que o desprezam, que o perseguindo por problemas financeiro? desapontam. Louve o Senhor a Louve o Senhor a qualquer preço! qualquer preço ! O louvor ativa a promessa divina de * Louve o Senhor a qualquer preço! abundância de dinheiro para suprir Porque? “sabemos que todas as cousas todas as suas necessidades. Louve-o cooperam para o bem daqueles que enquanto afirma: - Deus está suprindo amam a Deus, daqueles que


são chamados segundo o seu propósito” (Romanos 8:28). Não deixe de receber o que Deus planejou, louvando o Senhor só pelas coisas que você rotula de “bençãos”. Sua ordem é: - “Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” ( I Tessalonicenses 5:18 ). Do Livro: Há Poder em suas Palavras – Don Gossett

O Macaco, A Banana, O Cristão e o mundo “Não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus” - ( Romanos 12:2 ). veja nesta historia que é nos leva a refletir sobre as verdadeiras prioridades da vida. Algumas tribos africanas utilizam um engenhoso método para capturar macacos. Como eles são animais muitos espertos e vivem saltando nos galhos mais altos das árvores, os caçadores daquela região desenvolveram uma estratégica mais esperta, ainda. É o seguinte: Pegam uma cumbuca de boca estreita, E em seguida, amarram-na ao tronco de uma árvore frequentada por macacos, afastam-se e esperam. Após isso um macaco curioso desce; enfia a mão e apanha a fruta, mas com a boca do recipiente é muito estreita, ele não consegue retirar a banana. Na pobre mente animalesca surge um dilema: se largar a banana sua mão sai e ele pode ir embora livremente; caso contrário, continua preso na armadilha. Depois de um tempo, os nativos voltam e, tranquilamente, capturam os macacos que teimosamente se recusam a largar as bananas. O final é meio trágico, pois os macacos são capturados para servirem de alimentos. Você deve estar achando inacreditável o grau de estupidez dos macacos, não é? Afinal, basta largar a banana e ficar livre do destino de ir para a panela. É fácil demais escapar da morte quando existe o senso de perigo aguçado, coisas que os símios não possuem... O detalhe que salta aos olhos está na importância exagerada que o macaco atribui à banana. Ela já está ali, na sua mão... Parece uma insanidade largá-la Essa história pitoresca se repete na vida d e muitas pessoas, porque muitas vezes, fazemos exatamente como os macacos. Você nunca conheceu alguém que está totalmente insatisfeito com o emprego, mas insiste em permanecer mesmo sabendo que está cultivando um infarto? Ou alguém que não está satisfeito com o que faz, e ainda assim faz apenas por dinheiro? Ou pessoas infelizes por causa de decisões antigas, que adiam um novo caminho que poderia trazer de volta a alegria de viver. Na vida espiritual, você nunca viu cristãos cultivando mentiras? Cristãos caminhando na carnalidade, mesmo sabendo que a colheita dela é a morte ? A vida é preciosa demais para trocarmos por uma banana! Apesar de algumas coisas estarem ao nosso alcance e até estar na nossa mão, é necessário colocar a mente para funcionar e refletir sobre o que realmente mais importa, porque muitas coisas interessantes pode levar-nos direto à panela, o fogo ardente que nunca se apaga!!!...... - Pense Nisso!!!....


O Sistema em que Vivemos Estamos a viver um tempo em que o príncipe deste mundo se preocupa em utilizar todas as suas armas para combater a propagação do evangelho e dificultar a vivencia de uma cultura de santidade na vida dos salvos. Satanás está a utilizar a filosofia, a psicologia, a ciência arte, a medicina, a musica, a comunicação social, o desporto, etc. Para se opor ao reconhecimento por parte do homem da pessoa de Jesus Cristo como aquele que pode ser o Salvador Eterno da Alma. Por exemplo, satanás usa a medicina, para defender e promover o aborto-isto é a morte de seres humanos ainda não nascidos... a agricultura para promover a produção de drogas que destroem o corpo e a mente humana, denegrindo dessa forma a imagem do criador... A educação, para promover o pensamento humanista e materialista... os meios de comunicação para destruir os padrões morais de virtude, dignidade, do caráter e da decência individual e coletiva das pessoas. Nos os cristãos devemos estar conscientes das armas poderosas que, por detrás de todos os grandes empreendimentos humanos, há um espirito e um poder maligno que atua contra Deus e a sua vontade. Nos esquecemos o que Deus nos revela na sua Palavra: O cristão não deve ter comunhão espiritual com aqueles que vivem o sistema iníquo do mundo.(Mt. 9:11) O cristão não deve procurar “a concupiscência da carne”, que inclui os desejos impuros e a busca de prazeres pecaminosos. (I corintios 6:18). O cristão não deve amar o mundo. ( I João 2:15 ). Pois corrompem a nossa comunhão com Deus e leva-nos à destruição espiritual. É impossível amar o mundo e ao Pai ao mesmo tempo. (Mateus 6:24). Amar o mundo significa estar em estreita comunhão com ele e dedicar-se aos seus valores, interesses, caminhos e prazeres. Significa ter prazer e satisfação naquilo que ofende a Deus e o que se opõe a Ele. O cristão não deve esquecer que satanás é o deus presente sistema, que governa e controla o mundo. Para além disso é o inimigo de Deus, nosso Pai. O cristão deve se estar preparado para vencer a tentação. Elas aparecem das formas mais simples e atrativas que jamais imaginamos. Quando o cristão cai, dá lugar á vontade do inimigo do nosso Salvador e com seu testemunho faz cair muitas pedras que edificam a casa da espiritualidade, da comunhão e da alegria no Senhor. Jamais cansemos de recordar que os meigos interesses do mundo são as glórias do tentador. ( Samuel Perreira)

Cada vez o automóvel mais luxuoso, Certa vez um homem encontrou um e oferecendo recursos e opções, mendigo pedindo esmola. O homem observando o automóvel podemos estava se sentido generoso e ele deu compara-lo a determinados cristãos: R$5.00 Reais ao mendigo. O mendigo O Cristão Brindado: - pessoas que ficou muito alegre e grato. Ele resistem sobremaneira à vontade de agradeceu várias vezes o homem. Deus, estando também superprotegidas Um pouco mais adiante o homem se contra conselhos, opiniões, ensinos, sentiu movido a dar mais ainda ao exortações, sugestões, confrontações, mendigo. Então, ele voltou e chamou pensam estarem em ambiente seguro. o mendigo. Ele pediu ao mendigo que Engano! Tais pessoas são crentes a ele devolvesse os R$ 5.00 cinco ensimesmados, que não enxergam Reais. O mendigo ficou perplexo. outra coisas se não a si próprio. Vivem Ele perguntou porque. O homem só olhando para o próprio umbigo, pediu que o devolvesse os cinco Reais centralizado em si mesmos. O crente porque precisava. Transtornado, mas, brindado, ao contrário do que parece, sabendo que foi o mesmo senhor que está totalmente vulnerável, pois suas havia o dado, o mendigo devolveu o autoproteção é sintoma evidente de dinheiro. Ai, o senhor trocou a nota insegurança, imaturidade de quem de cinco Reais por uma de vinte e deu fugiu a vida toda de relacionamentos ao mendigo. Com isso o mendigo que o confrontam. Não seja você, mais havia trocado cinco reais por vinte. Um cristão brindado que não aceita a “Se você não tivesse confiado em vontade de Deus e a exortação dos mim,” disse o senhor, “eu não lhe ia irmãos, por se achar forte o suficiente lhe dar o resto.” Será que às vezes para viver a vida por si próprio. ficamos desconfiados do Senhor, Incline os seus ouvidos para o Senhor. assim? Será que há situações em que ''Portanto aborreçam o conhecimento, Ele quer nos dar mas, a gente, por não e não preferiram o temor do Senhor; confiar nEle, perdemos uma grande Não quiseram o meu conselho e benção?... desprezaram toda a minha repreensão.'' ( Provérbios 1:29-30 ). =========================== Muitas musicas infantis, cantadas para crianças, contém mensagem subliminar . Vejamos alguma: - Vem cá, Bitu! Vem cá, Bitu! / Vem cá, meu bem, vem cá! Não vou lá! Não vou lá, Não vou lá! Tenho medo de apanhar. A mensagem subliminar presente nesta musica: Medo! Sim, medo! Por causa desse tipo de canção os brasileiros sentem que estão tendo sua liberdade destruída pela violência.... Os brasileiros convivem como medo como fosse algo normal....


Tempo de Deus Em alguns momentos, temos a impressão de que Deus está muito distante como se estivesse indiferente às nossas necessidades, sem pressa alguma em nos atender. Surge, a partir, dai, uma tensão, entre a nossa pressa e aparente demora de Deus. O resultado, não raro, é a sensação de abandono, de agonia e de importância total. Há três reflexões que precisamos fazer nessas ocasiões. A primeira, Deus não tem pressa! O agir de Deus como Senhor do tempo, da vida e da história e na exata medida de sua precisão. Ele é perfeito em tudo que faz. A pressa é própria do homem. Nossas neuroses não combinam com a paciência de Deus, sendo sempre bom lembrar que a nossa pressa não altera a natural das coisas. O fluxo da vida é como o leito de um rio, que corre sozinho, sem pressa que ninguém precise apressá-lo. Em segundo lugar, a aparente demora de Deus deve ser entendida por nós como um tempo pedagógico. Enquanto esperamos, Ele nos está ensinando algo. Muitas vezes, é na expectativa da espera que encontramos tempo para um mergulho em nossa interioridade, mudamos nossas percepções, refletimos sobre nossos valores, sentimentos e prioridades. Esperar origina uma forma de aprender. Quando esperamos por Deus, estamos aprendendo com Ele. Uma terceira reflexão que deparamos no espaço do tempo entre a procura e a resposta, é que na vida nada melhor que um dia após o outro. O tempo sempre nos traz à luz aquilo que não conseguimos enxergar de imediato, porque a pressa encobre nossa visão. Consequentemente, a paciência produz a experiência, e a experiência nos conduz à esperança. Quem quiser colher frutos no futuro, precisa aprender a plantar esperança e paciência. Logo por que apressar o rio se ele corre sozinho e naturalmente? A cultura do imediato, das respostas prontas, da comida rápida e das demais neurose que a sociedade moderna nos impõe, acaba roubando de nós a paciência, uma das virtudes mais indispensáveis para quem quer viver uma vida melhor, e colher os frutos de um amanhã salutar. A vida desenvolve uma continua construção, sempre inacabada, que exige repensar valores, vivenciar novos sentimentos, aprender novas lições, conquistar novos espaços e vislumbrar novos horizontes. A vida é pedagogia pura. Ela é um aprendizado forjado nas lições do cotidiano. Deixemos pois, que cada dia dê conta de si mesmo, e que despeje suas águas turvas, cheias de amazelas e tensões, sempre ao por do sol. Tenhamos sempre em mente que Deus está no controle de tudo inclusive do tempo. Porque, então apressar o rio? Siga o conselho de Jesus, o Mestre da vida: “Não andeis ansiosos pelo amanhã; basta cada dia o seu próprio mal”.Deus não tem pressa! Nós é que não sabemos viver. (Pr. Estevam Fernandes)

O Cristão e o Mundo Imagine uma chácara. Bem no centro dessa chácara tem uma casa, com uma varanda e nessa varanda uma porta que dá acesso a uma sala. Nessa sala há uma poltrona bem confortável, dessas tipo '' cadeira de papai ''. Em volta dessa casa um enorme e bonito gramado com algumas árvores plantadas aqui e ali. Esse gramado vai até os limites da chácara, marcados por um cerca de madeira pintado de branco. Em um dos lados da chácara está um parque de diversões: roda gigante, carrossel, barracas de brincadeiras, comidas e bebidas, muitas luzes, cores e musica, musica.... Volte sua imaginação para o sofá que está na sala da casa. Sentado no mesmo, está o dono da chácara. Ele está conversando com um dos seus filhos. Em um dado momento esse filho, atraído pelo som baixo e indistinto que vinha do parque, se levanta e vai até a porta. E olha e vê o parque. - O pai fala que eles estão conversando, e o filho responde: - Pode falar que eu estou ouvindo. Depois de um tempo, apesar de o pai continuar a falar, o filho vai até a escada da varanda, e depois até o gramado e por fim, quase, quase sem perceber, ele está sentado na cerca já com as pernas para o lado de fora. O pai grita chamando-o, ao que ele responde: - Mas eu não sai da chácara!!!... A chácara é uma figura do cristianismo. O dono da chácara é Deus. E o parque de diversão é o mundo. Quanto estamos mais perto de Deus, melhor O ouvimos, e menos ouvimos os ''sons'' do mundo. E o contrário também é verdadeiro. Em que lugar da ''chácara'' você está? ''Alguém vai dizer: “Eu posso fazer tudo o que quero.” Pode, sim, mas nem tudo é bom pra você. Eu poderei dizer : “ Posso fazer qualquer coisa.” Mas não vou deixar que nada me escravize.'' (I Corintios 6:12). - '' Alguns dizem assim: “Podemos fazer tudo o que queremos.” Sim, mas nem tudo é bom. “Podemos fazer tudo o que queremos”, Mas nem tudo é útil.'' - ( I Corintios 10:23 ). Que tal passar o resto de sua vida na ''chácara'' ? Quadrinhos Gospel


Jormi-JornalMissionário n° 50