Page 1

1 • TattooArt


Sumรกrio

20

capa Nina holy

2 โ€ข almanaquedigital.com.br

08

pelo mundo xoil

14

destaque as meninas do beaver tattoo

46

Narcissistic Rockstar ivana


26

mundo afora carlox angarita

44 14

38

tatuador convidado marko kaaone

56

Galeria Vip peter aurisch

50

artisticamente Bugs art

29 54 58 60 62 63 64 65

destaque Robson santos

42

destaque moreno simões

referências

passo-a-passo

eis a questão

botando em pauta primeira classe

o conceito da arte visitando tutorial

3 • TattooArt


pelo mundo

xoil

e seu ´ photoshop style´ Por Daniela Carrara

Conhecido como Xoil, Loic (seu nome de batismo) nasceu em uma pequena vila no sul da França e sua família era muito humilde. Seu pai era pedreiro e trabalhou duro durante toda a vida, e por esse motivo Xoil foi motivado a lutar por dias melhores. Quando era adolescente queria fugir da vida rural – e sua ambição, combinada com o destino, trouxeram-no até aqui. Hoje, comanda o Needles Side Tattoo e é visto como um dos tatuadores mais requisitados do mundo, pois trouxe algo novo, um estilo que ninguém jamais conhecia. Ele nomeia sua tatuagem como ‘Photoshop Style’, e ao tatuar usa diversas técnicas artísticas, como estêncil e grafite. Seu diferencial é o estilo quase gráfico, com padrões de pontinhos, linhas e até cores Pantone. 4 • almanaquedigital.com.br


Xoil essas coisas. Em contrapartida, há o lado ruim, que é o fato de ser mais difícil de fazer algo diferente para se destacar entre os demais. Você é uma referência no mundo da tatuagem. A que se deve isso, em sua opinião? Eu não sei! Quando você está começando como um tatuador de pequeno porte, indo a convenções e olhando para os melhores artistas, fica sonhando em ser um deles, e agora as pessoas vêm me ver nas convenções, o que é muito legal. Eu penso sobre isso, em ser uma referência, e isso me faz bem, pois é uma recompensa depois de tanto trabalho árduo. Como é a tatuagem na França? O mercado da tatuagem na França evoluiu muito desde que eu comecei e isso é um bom sinal, mas também tem aspectos ruins. Eu amo quando as coisas vão para a frente. Estou ansioso para ver aonde ele vai nos levar.

Há quanto tempo você trabalha como tatuador? Sou tatuador há cerca de 13 anos. Como você começou? Comecei como todos da velha escola: dentro de uma loja de tatuagem. Primeiramente, comecei trabalhando como perfurador. Depois de um tempo, não estava indo muito bem, mas tinha tempo para ver vários artistas trabalhando, e comecei desenhando e fazendo decalques quando possível. Foi há 13 anos; era uma loja simples em uma pequena cidade, um lugar bastante embora as pessoas já estivessem trabalhando muito. Quando o estúdio parou suas atividades, montei o meu próprio e iniciei minha aprendizagem, cometendo erros mas melhorando a cada dia. O que você acha da nova geração de artistas da tatuagem? Eles têm bastante sorte, pois têm a possibilidade de encontrar um fácil aprendizado e também boas ferramentas. As pessoas hoje em dia são mais abertas para

5 • TattooArt


capa

Nina Holy Por Daniela Carrara • Fotos: Kuba Staniecki

6 • almanaquedigital.com.br


Nina Holy

N

ina nasceu e cresceu em Gdansk, uma cidade polaca na província da Pomerânia . Viveu lá por 19 anos e resolveu que seria modelo. Quando mudou-se para Varsóvia, sua carreira começou a decolar e Nina não parou mais de trabalhar. “Gosto de roupas e música vintage, preferencialmente dos anos 50 – e em especial no estilo rockabilly – até mesmo na hora de modelar e fotografar.” Suas inspirações vêm da música rockabilly, psychobilly e rock'n'roll, além de se inspirar em revistas e livros dos anos 1950 e 1960. Seus traços marcados e incomuns contribuem para a carreira que resolveu trilhar, especialmente na caracterização do estilo pin-up, com o qual se identifica mais. “O estilo pin-up é relativamente novo por aqui, tanto que prefiro trabalhar com os nativos do que com as marcas estrangeiras, pois é um desafio para mim vê-las emergindo e desenvolvendo trabalhos com a cultura pin-up.” Nina é delicada, a pele é bem clara, mas em algumas partes o colorido da tinta toma conta. “Cada tatuagem que possuo tem uma razão de existir, mas os motivos não são

tão profundos e tampouco têm algum significado complexo. Talvez seja por isso que tenho preferência por tatuagens old school, com desenhos de mar e piratas – talvez por ter nascido em uma cidade à beira-mar. Gosto muito de gatos também e pretendo ter mais algumas tatuagens no futuro. A tatuagem no meu ombro foi feita por Radoslaw Podkowik; as outras foram feitas por Pawel Reduch, exceto o flamingo no meu braço, que foi feito por Iwona Kozlarzewska, do Tattoo Blackstar, que é um dos melhores estúdios de tatuagem em Varsóvia.”

7 • TattooArt


mundo afora

N

a Colômbia, o mercado da tatuagem é muito competitivo porque existem muitos estúdios. Sua rotina de trabalho começa todos os dias depois das 11 horas da manhã. Inicia suas atividades sempre com um rascunho e o desenho da primeira tatuagem do dia; só não o faz quando é um trabalho realista, quando então se preocupa somente em passar para o estêncil. Se for um desenho que está na mente do cliente, começa dando ideias para fazer um esboço e depois segue com uma etapa para apreciação do futuro tatuado, para ver se está dentro do que ele espera e, daí, começa a tatuar, trabalhando em média de cinco a sete horas – tempo aproximado que leva para realizar seu trabalho.

Subterranea Tattoo Bogotá - Colômbia

CARLOX ANGARITA Por Alessandro Carvalho

Começou sua carreira há aproximadamente oito anos. Naquela época, desenhava coisas que seus amigos curtiam muito. Foram eles que o incentivaram a tatuar, pois queriam ter seus desenhos em suas peles. Quando vai criar algo, primeiramente absorve a ideia do cliente e se encarrega de transformá-la em arte. Existem também as pessoas que já sabem o que querem, então Carlox ocupa-se somente de aconselhá-los sobre qual forma ficaria melhor a tatuagem. 8 • almanaquedigital.com.br

Quem são suas influências na tatuagem? A princípio, gostava muito da Nova Escola e estava sendo muito influenciado por artistas dos EUA, como Josh Wood. De quatro anos para cá, me interessei muito pelo realismo, sendo influenciado por artistas como Nikko Hurtado e Mike Devries. Ultimamente, minhas influências estão mais focadas em coisas da natureza e tudo que ela permeia, buscando um estilo de realismo próprio e diferenciado. De onde tira suas referências para tatuagem? Quase sempre o cliente chega com uma ideia, e em outras vezes tenho alguma sacada que quero fazer e comento com algum cliente, que na maioria das vezes deixa eu realizar o trabalho que idealizei. Conhece o Brasil? Sempre tive as melhores referências de tatuagem do Brasil e há pouco tempo fiz uma tatuagem em um brasileiro, com o qual conversei muito sobre esse assunto. Acredito que no Brasil há muitos artistas espetaculares, que merecem muito respeito e admiração.


Carlox Angariita

Como é a tatuagem em seu país? É um mercado que vem crescendo muito. Alguns anos atrás, era difícil tatuar aqui porque a tatuagem era vista como um tabu, mas na atualidade as coisas mudaram e as pessoas veem como uma forma de arte muito respeitada. Quais tatuadores colombianos você destacaria? Existem artistas muito bons em todo o país, mas os mais citados são Kory Angarita, Miguel Dark, Daniel Acosta, Julio Forero, Espanhol Tattoo, Pajo Quintero, Nestor Pala-

cios e alguns mais cujos nomes agora me escapam, mas que são dignos também de muita admiração. Produz outro tipo de arte? Gosto muito de desenhar e pintar com tinta a óleo. Que pensa do futuro? Penso em trabalhar muito para melhorar esta forma de arte e ser cada dia melhor para minha satisfação e a de meus clientes. www.carloxangarita.com.co

9 • TattooArt


A revista TattooArt orgulhosamente apresenta:

Tattooart especial desenhos

NAS BANCAS!

10 • almanaquedigital.com.br


11 • TattooArt


e maquiagem definitiva 12 • almanaquedigital.com.br

TattooArt 11 previa  

Capa: Nina Holy (Polônia) Xoil, Robson Santos, Marko Kaone, Carlox Angarita..

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you