Page 1

Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas Políticas Públicas Profa. Melissa Melo

Aline Bennett Lippstein Rosemara Souza Yasmim Fernandes

O Gabinete Digital é um canal de participação e diálogo entre governo e sociedade. 

Vinculado à Secretaria-Geral de Governo, tem o objetivo de incorporar novas ferramentas de participação, oferecendo diferentes oportunidades ao cidadão. Criado em maio de 2011, a concepção do projeto foi acompanhada de uma ampla pesquisa que analisou exemplos de democracia digital do Brasil e do exterior e inspirou a criação de um conjunto único de mecanismos para a participação. Com o objetivo de influenciar a gestão pública e exercer maior controle social sob o Estado.


Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas Políticas Públicas Profa. Melissa Melo


Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas Políticas Públicas Profa. Melissa Melo


Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas Políticas Públicas Profa. Melissa Melo

Com o objetivo de coletar junto a população informações e subsídios para a criação de políticas públicas, o Governador Pergunta abriu uma consulta pública que durou 30 dias e resultou no envolvimento de milhares de pessoas. Todo processo de participação digital foi dividido em quatro etapas. No primeiro momento o Governador fez o questionamento à população “Como podemos melhorar o atendimento na saúde pública”, inaugurando assim, no dia 9 de novembro, a primeira edição do Governador Pergunta. No evento com transmissão ao vivo pela internet e a presença do Secretario Estadual da Saúde, a ferramenta foi apresentada à população. A partir do final do dia 9, qualquer cidadão pode enviar propostas para o Governador através do site, até o dia 28 de novembro, resultando em 1,3 mil contribuições.

As propostas foram distribuídas nas seguintes áreas:

31% Cuidado Integral – 440 propostas 27% Saúde na sua Região – 384 propostas 18% Urgência e Emergência – 253 propostas 15% Saúde da Família – 205 propostas 9% Acesso a Medicamentos – 123 propostas Na terceira fase, aconteceu a votação, que se iniciou no dia 28 de novembro e foi até o dia 10 de dezembro. O objetivo foi permitir aos participantes se colocarem no papel de gestores da saúde, tendo que decidir sobre as prioridades em cada área. Na quarta e última etapa foram conhecidos os autores das 50 propostas mais priorizadas, que serão recebidos pelo Governador no dia 14 de dezembro no Palácio Piratini. A escolha da Saúde como tema para a primeira edição do Governador Pergunta, se baseou pelo interesse dos próprios gaúchos. O tema foi elencado como prioridade na discussão do PPA participativo.


Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas Políticas Públicas Profa. Melissa Melo

Cerca de 20 mil pessoas participaram em atividades presenciais do Governador Pergunta. Também estima-se que 10 mil pessoas acessaram o site do Gabinete Digital através da Van da Participação, veículo equipado com computadores que ofereceu acesso em parques, praças, hospitais e demais espaços públicos da Capital e Região Metropolitana. Os números de acesso ao site do Gabinete Digital também são expressivos, foram 25 mil visitas durante o mês de duração do Governador Pergunta. Do meio-dia do dia 28 de novembro até o dia 10 de dezembro, a ferramenta inovadora de participação online Governador Pergunta alcançou a marca de 122.609 mil votos, superando as expectativas e provando o interesse da população em participar ativamente nas decisões do Estado. Para a votação foi criado um sistema inspirado na experiência do projeto norteamericano All Our Ideas (www.allourideas.org), desenvolvido na Universidade de Princeton e já utilizado em Nova Iorque, nos EUA, e Calgary, no Canadá. As propostas consolidadas depois de uma análise de conteúdo foram distribuidas em pares aleatórios para votação. O objetivo é que os participantes se colocassem no papel de gestores da saúde, onde necessitaram escolher entre as ações mais urgentes e prioritárias para a saúde pública no Rio Grande do Sul. A metodologia usada privilegiou a decisão por prioridades a partir de propostas apresentadas por pares gerados aleatoriamente. Uma das vantagens desta metodologia é evitar desvios por ação de grupos de interesse, capturando a média da opinião pública.

Gabinete Digital  

Apresentação de políticas públicas da Universidade do Estado de Santa Catarina sobre o Gabinete Digital do RS.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you