Page 287

Eu não queria deixá-lo ir. Nunca. Eu sabia que este era o lugar onde eu pertencia, que esse foi o futuro que eu sempre sonhei e não era só por causa de Blizzard. Era todo o clube. Eles eram a família que eu tinha imaginado. Eles eram ásperos nas bordas e disfuncionais às vezes, mas eles me deixavam ser eu mesma. Ser quem eu queria ser, e fazer o que eu quisesse sem julgamento. Eles me aceitaram como eu era e sabiam que eu não teria mais que forçar um sorriso e esconder meu verdadeiro eu sob a superfície. Esse foi o sentimento mais libertador que já experimentei. Ser uma DePalma não era mais uma parte do meu futuro. Eu não queria ter que viver o resto da minha vida sendo sufocada por um nome. Cansei de fingir. Isso só me trouxe - e às pessoas de quem eu gostava - dor. Blizzard e o clube finalmente me deram um lugar onde eu poderia ser eu mesma e não ter que me preocupar com o meu sobrenome, e ter que me certificar que ele permanecesse claro e limpo. Eu não era perfeita. Eu ia cometer erros, eu já havia cometido tantos. Mas o clube me aceitaria de qualquer maneira, porque isso era o que uma verdadeira família fazia. Anthony DePalma e seu império não precisavam de mim, havia pessoas aqui que precisavam de mim. E eu precisava delas. Eu sempre seria grata por ele ter me acolhido e me dado um lugar para viver. Mas eu seguiria em frente sabendo que estava feliz com minha decisão. — Rose!— Eu sorri quando Jayla veio correndo até mim do parque infantil. Eu estava deitada na varanda, observando-a, Harlyn e Macy brincarem.

The Club Girl Diaries #3 The Brotherhood Journals #1 Blizzard - Addison Jane  

*Para Blizzard, o sentimento de traição era um que ele conhecia bem. Seu pai era um membro antigo dos Brothers by Blood MC. Ele acreditava...

The Club Girl Diaries #3 The Brotherhood Journals #1 Blizzard - Addison Jane  

*Para Blizzard, o sentimento de traição era um que ele conhecia bem. Seu pai era um membro antigo dos Brothers by Blood MC. Ele acreditava...

Advertisement