Page 29

O Mar Pela ponte de espuma chegaste. Ignoro o além da praia, O mundo que gerou; Se sugeriste do seio do dia Ou do grito da noite. Reconheço-me apenas No coral das unhas e da boca, Nos olhos líquidos, Na trança de sargaço. Sei que flutuas em mim, E teu corpo veste-se De vozes; No entanto, Regressarás ao mundo de areis brancas E meu murmúrio será sal, Brilhando em teus cabelos. Paulo Bomfim

29

Poemas do mar  

Trabalho global dos alunos da turma do 5ºC entregue em mãos na visita de estudo ao Museu da Marinha em Lisboa

Poemas do mar  

Trabalho global dos alunos da turma do 5ºC entregue em mãos na visita de estudo ao Museu da Marinha em Lisboa

Advertisement