Issuu on Google+

Luz Imperecível "Mestre, qual o mandamento maior da lei?" - Jesus respondeu: "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu espírito; este o maior e o primeiro mandamento. E aqui tendes o segundo, semelhante a esse: Amarás o teu próximo, como a ti mesmo. - Toda a lei e os profetas se acham contidos nesses dois mandamentos." (S. MATEUS, cap. XXII, vv. 34 a 40.)


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda!


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) História Bíblica: Certo dia, três horas da tarde, Pedro e João foram ao templo orar. Naquele lugar chamado Porta Formosa, havia um homem o qual havia nascido coxo. Ele sempre estava a pedir esmolas as pessoas que entravam no templo. Vendo Pedro e João entrando, pediu esmola. Pedro disse: Olhe para nós. O homem olhou para eles esperando receber alguma coisa. Então Pedro disse: - Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda!


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) Prece de Cáritas

Cáritas, martirizada em Roma. (conf. Mensagem em Lyon, 1861. ESE Cap. XIII)


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) A Única Dádiva Consta-se que Simão Pedro estava cansado, depois de vinte dias junto do povo. Banhara ferimentos, alimentara mulheres e crianças esquálidas, e, em vez de receber a aprovação do povo, recolhia insultos velados, aqui e ali... Após três semanas consecutivas de luta, fatigara-se e preferira isolar-se entre alcaparreiras amigas. Por isso mesmo, no crepúsculo anilado, estava, ele só, diante das águas, a refletir... Aproxima-se alguém, contudo... Por mais busque esconder-se, sente-se procurado. É o próprio Cristo.


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) - Que fazeis, Pedro? – diz-lhe o Senhor. - Penso, Mestre. E o diálogo prolongou-se. - Estás triste? - Muito triste. - Por que? - Chamam-me ladrão. - Mas se a consciência te não acusa, que tem isso? - Sinto-me desditoso: Em nome do amor que me ensinas, alivio os enfermos e ajudo aos necessitados. Entretanto, injuriam-me. Dizem por aí que furto, que exploro a confiança do povo... Ainda ontem, distribuía os velhos mantos que nos foram cedidos pela casa de Carpo, entre os doentes chegados de Jope. Alegou alguém, inconsideradamente, que surripiei a maior parte. Estou exausto, Mestre. Vinte dias de multidão pesam muito mais que vinte anos de serviço na barca.


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) - Pedro, que deste aos necessitados nestes últimos vintes dias? - Moedas, túnicas, mantos, ungüentos, trigo, peixe... - De onde chegaram as moedas? - Das mãos de Joana, a mulher de Cusa. - As "túnicas"? - Da casa de Zobalan, o curtidor. - Os mantos? - Da residência de Carpo, o romano que decidiu ampararnos. - Os unguentos? - Do lar de Zebebeu, que os fabrica. - O trigo? - Da seara de Zaqueu, que se lembra de nós. - E os peixes? - Da nossa pesca. - Então, Pedro?


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) -Que devo entender, Senhor? Que apenas entregamos aquilo que nos foi ofertado para distribuirmos, em favor dos que necessitam. A Divina Bondade conjuga as circunstâncias e confia-nos de um modo ou de outro os elementos que devamos movimentar nas obras do bem... Disseste servir em nome do amor... - Sim, Mestre... - Recorda, então, que o amor não relaciona calúnias, nem conta sarcasmos. O discípulo, entremostrando súbita renovação mental, não respondeu.


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) Jesus abraçou-o e disse: -Pedro, todos os bens da vida podem ser transmitidos de sítio a sítio e de mão em mão... Ninguém pode dar, em essência, esse ou aquele patrimônio do mundo, senão o próprio Criador, que nos empresta os recursos por Ele gerados na Criação...

E, se algo podemos dar de nós, o amor é a única dádiva que podemos fazer, sofrendo e renunciando por amor...


Dádiva Maior - Atos 3.6 (Luz Imperecível) O apóstolo compreendeu e beijou as mãos que o tocavam de leve. Em seguida, puseram-se ambos a falar alegremente sobre as tarefas esperadas para o dia seguinte. Irmão X/ Psicografia: Francisco Cândido Xavier Aliança Espírita - Maio de 2000. Jesus ajuda Pedro ao andar sobre ás águas


Luz imperecĂ­vel

Significados do amor – Chico Xavier


Luz imperecível VENCERÁS Não desanimes. Persiste mais um tanto. Não cultives o pessimismo. Centraliza-te no bem a fazer. Esquece as sugestões do medo destrutivo. Segue adiante, mesmo varando a sombra dos próprios erros. Avança ainda que seja por entre lágrimas. Trabalha constantemente. Edifica sempre. Não consintas que o gelo do desencanto te entorpeça o coração. Não te impressiones nas dificuldades. Convence-te que a vitória espiritual é construção para o dia-a-dia.


Luz imperecível Não desistas da paciência. Não creias em realizações sem esforço. Silêncio para a injúria. Olvido para o mal. Perdão às ofensas. Recorda que os agressores são doentes. Não permitas que os irmãos desequilibrados te destruam o trabalho ou te apaguem a esperança. Não menosprezes o dever que a consciência te impõe. Se te enganaste em algum trecho do caminho, reajusta a própria visão e procura o rumo certo. Não conte vantagens nem fracassos. Não dramatizes provocações ou problemas.


Luz imperecível Conserva o hábito da oração para quem se te faz a luz na vida íntima. Resguarda-te em Deus e persevera no trabalho que Deus te confiou. Ama sempre, fazendo pelos outros o melhor que possas realizar. Age auxiliando. Serve sem apego. E assim vencerás. Emmanuel


Luz imperecível Prece ao Anjo Guardião


Luz imperecível Disse Paulo: - "Desperta, tu que dormes! Levanta-te dentre os mortos e o Cristo te iluminará." -Efésios 5:14 E nós repetiremos : “Acordemos para a vida superior e levantemo-nos na execução das boas obras e o Senhor nos ajudará, para que possamos ajudar os outros". - Acordar e erguer-se : Fonte Viva Emmanuel - Chico Xavier


Luz imperecĂ­vel Cante conosco!


Luz imperecível Para oração final ! Ave Maria.


Dádiva Maior - Atos 3.6 - Luz Imperecível