Page 1

M

Rrd+ri RElatório de reputação digitaL e risco de imagem


SUA REPUTAÇÃO RESISTE AO GOOGLE? Na era digital, uma informação divulgada hoje anonimamente em um blog obscuro pode estar amanhã em todos os computadores e nos principais jornais. Além disso, tudo que já foi divulgado sobre você de bom e de ruim, falso e verdadeiro, pode ser encontrado facilmente com ferramentas de busca como o Google.  O que estão dizendo sobre você na internet?  Essas pessoas são seus amigos, ou seus opositores?  O que falam sobre você é verdade?  Os comentários são positivos?  Há boatos circulando a seu respeito?  Que tipo de informações existem sobre você na internet?  Há imagens constrangedoras divulgadas por um familiar, documentos privados distribuídos por engano?  E quem cuida de seu perfil?  Como seria sua biografia se fosse escrita apenas com dados encontrados na internet?

COMO PROTEGER SUA REPUTAÇÃO

NA ERA DA INFORMAÇÃO DIGITAL. Relatório de reputação digital e risco de imagem O Relatório de Reputação Digital é um estudo customizado, que identifica todas a referências relacionadas ao seu nome na internet e na mídia tradicional. Os dados são organizados, classificados e analisados por especialistas em comunicação. O resultado é um estudo completo que aponta riscos para a imagem e reputação e uma série de informações essenciais para orientar trabalhos de blindagem, construção de imagem e relacionamento com a mídia

CONFIRA

.......................................................................................................................................................................

2

RRD + RI


RRD+RI Relatório de Reputação Digital e Risco de Imagem Confira os pontos abordados pelo estudo e as respostas que você irá obter:

PRIMEIRA PARTE: UMA SUPER VARREDURA EM BUSCA DE REFERÊNCIAS REALIZADA EM SETE ETAPAS 1) Busca por palavra chave em mecanismos de busca Google, Yahoo(1) e Bing(1), com browser Firefox e IEx(1), com o objetivo de identificar todas as referências localizáveis na internet associadas ao termo pesquisado. (1) Dependendo do caso, complementarmente, a fim de simular a “experiência” de busca e verificar a ordem e classificação dos retornos. 2) Levantamento e classificação de referências de texto e imagem, em diversos formatos de arquivos, (por ex.: html, doc, pdf, xls, png, jpgs, etc.) relacionado a palavra chave em meio digital aberto. 3) Levantamento de referências em blogs 4) Levantamento de referências em mídias sociais (Orkut, Facebook, Myspace, LinkedIn, etc.) 5) Levantamento de referências em sites de compartilhamento de arquivos de textos e documentos. 6) Levantamento de referências em sites de compartilhamento de vídeos (YouTube, Vimeo, etc.) 7) Levantamento de referências em sites de compartilhamento de imagens (Flicker, Picasa, etc.) 8) Levantamento e classificação de referências em mídia tradicional. Objetivo é buscar em jornais e revistas, em um período definido, todas as referências que serão pesquisada em mídias digitais, a fim de avaliar cruzamentos e identificar interações

SEGUNDA PARTE: ANÁLISE DE DADOS E CONCLUSÕES. RISCOS, OPORTUNIDADES E PERFIL DE RELACIONAMENTO COM A MÍDIA 1) Riscos de imagem e reputação • Lista conteúdos negativos em mídia tradicional • Lista conteúdos (de texto e imagem) negativos, incompletos, sujeitos a má interpretação, “fakes” e outros que merecem checagem ou revisão em mídia digital • Analise a origem desses conteúdos e investiga a existência de grupos e correntes de críticos atuando em mídia digital como distribuidores e replicadores de informações, boatos a rumores 2) Acusações objetivas • Lista e organiza acusações objetivas entre todas as referências pesquisadas 3) Referências negativas e fragilidades • Lista e organiza contradições, posicionamentos inadequados e outras referências que podem ser exploradas por críticos e opositores 4) Referências positivas e destaques • Lista e organiza aspectos positivos do discursos e outras referências que podem ser exploradas por admiradores 5) Oportunidades • Indica espaços que merecem ser ocupados em mídia digital preventivamente, a fim de evitar ocupação indevida, ou estrategicamente • Lista grupos e correntes de entusiastas em mídia digital 6) O fator tempo na percepção da imagem • Mostra a influência do fator tempo nas eventuais variações de percepção por parte da mídia em relação a palavra chave 7) Frequência e cobertura • Mostra o perfil de frequência e de cobertura em mídia tradicional com referência a palavra chave 8) Protagonismo • Indica quem participa e que papel ocupa nas referências de mídia tradicional que citam a palavra chave

RRD + RI

3


9) Assunto • Lista os assuntos e indica o peso de cada um nas referências em mídia tradicional que citam a palavra chave 10) Autoria • Quem são os autores das referências em mídia tradicional que citam a palavra chave. Em outras palavras, que jornalistas falam da palavra chave? É possível observar algum padrão? 11) Padrão de busca • Indica os caminhos que levam a palavra chave em buscas na internet e os termos de busca relacionados a seu nome. 12) O papel dos veículos • Identifica eventuais padrões relacionados ao comportamento dos veículos de mídia tradicional pesquisados nas referências a palavra chave 13) Mídia tradicional e mídia digital: limites e fronteiras • Identifica padrões (especialmente relacionados a assunto) característicos de mídias tradicionais e mídias digitais na cobertura que cita a palavra chave pesquisada. 14) Fraseologia • Inventário de frases atribuídas a palavra chave 15) Interrogatório • Lista as perguntas que podem ser feitas a palavra cheve com ênfase àquelas capazes de gerar embaraços e constrangimentos 16) Recomendações • Sugere iniciativas técnicas, no campo do Online Reputation Management (ORM) e Search Engine Optmization (SEO) a fim de orientar tráfego na internet • Sugere possíveis ações a fim de eliminar ou dificultar o acesso a referências inadequadas • Sugere alternativas para “ocupação” do espaço virtual

TERCEIRA PARTE VERIFICAÇÃAO 1) Repete passos de 1 a 7 da primeira parte, 30 dias após a conclusão da pesquisa.

4

RRD + RI

RRD+RI Relatório de Reputação Digital e Risco de Imagem

Alexandre Secco Coordenação da pesquisa secco@analise.com (11) 9439-3353 Mediaconsult Comunicação Rua Major Quedinho 111, 16º andar Centro - São Paulo (11) 3201-2300


Mediaconsult Comunicação Rua Major Quedinho 111, 16º andar Centro - São Paulo (11) 3201-2300 Alexandre Secco secco@analise.com (11) 9439-3353

13 RAZÕES PARA PENSAR  

Reputação e imagem na era da Informação Digital