Page 1

EDIÇÃO 01 - AGOSTO DE 2013

1


EDIÇÃO 01 - AGOSTO DE 2013

Design by

Alexandre Fidelis Cozinha, tira retrato dos outros e joga sinuca de boné. Estuda fotografia desde 2008 e é apaixonado por fotografia analógica e imperfeições. Lê, escreve e questiona.

2


3


Band of

Posters A banda norte americana Bando f Horses de destaca pela criatividade de seus posters de divulgação dos seus shows, com um catálogo extenso de ilustrações. O Band of Horses é uma banda de indie/alternative rock fundada em Seattle, nos Estados Unidos. Obtiveram um certo sucesso com seus trabalhos. A canção “The Funeral”, do álbum Everything All the Time, figurou na trilha sonora do jogo eletrônico Skate, dos filmes O Padrasto , 127 Horas e dos seriados How I Met Your Mother, no primeiro episodio da 8 temporada (Farhampton) em 2012, e em My Life as Liz, produção da MTV Americana . Nas próximas paginas, alguns exemplos dos posters de maior sucesso da banda.

4


5


6


7


8


9


Um mundo

Quadrado Febre no mundo inteiro, o Instagram vem tomando cada vez mais adeptos da fotografia ‘vintage’. Mas ainda há aqueles que a usam da maneira tradicional. O formato ‘quadrado’, característica principal dos filmes 120mm, com o tamanho de 6cmx6cm, ainda é bastante usado hoje em dia. O filme 120 pode chegar a atingir a marca dos 41 megapixels, coisas que as câmeras DSLR ainda não conseguem. A fotografia analógica nunca se foi, e está longe de nos deixar. Com o fechamento de algumas distribuidoras de filmes, houve uma pequena crise no meio, mas já contornada com o anuncio de distribuidoras que voltaram à ativa recentemente. Como o vinil, o filme ainda está seguro. Fotos por Alexandre Fidelis.

10


11


12


13


14


15


16


17


18


19


Porque,

preto e branco?

Por que a fotografia em tons de cinza nos fascina tanto?

A imagem em P&B era originalmente uma limitação. A fotografia foi inventada oficialmente em 1839 mas foi só cerca de 100 anos depois que a fotografia colorida ficou realmente viável. Era o fim da restrição e todos 20

poderiam fotografar o mundo como ele sempre foi: colorido! Mas por que, mesmo depois da descoberta e popularização da fotografia colorida, a gente continuou a fazer fotos em preto e branco?


MEDO DO NOVO.

O primeiro motivo para que a foto em P&B não morresse foi a reação dos fotógrafos da época. Assim como ainda hoje é possível escutar fotógrafos negando a validade da fotografia digital em relação ao filme, na década de 40 os fotógrafos negavam a novidade da fotografia colorida. Essa modernidade toda que estaria “denegrindo a fotografia de verdade”. É comum isso acontecer a cada mudança de estilo ou tecnologia: até mesmo Monet era visto como alguém que estava “denegrindo a arte de verdade” pelos críticos da época, que negavam o impressionismo.

tornou a mais utilizada. Hoje ela é unanimidade na mídia: é muito raro encontrarmos um filme, um outdoor ou um editorial de moda sem cores. Afinal, queremos a realidade.

Mesmo com o choque inicial, a fotografia colorida desde então cresceu e se

MAS AÍ.

ELA

AINDA

ESTÁ

Mesmo com as cores nos permitindo registrar o mundo com mais precisão as fotos preto e branco ainda vivem. O motivo pode ser variado, incluindo uma nostalgia crônica da geração Instagram, mas a maioria dos fotógrafos concorda: as cores podem nos distrair do que realmente interessa em uma foto. A emoção, as formas e as texturas aparecem muito mais em um registro sem esta distração. 21


22


Vai diminuindo Vai aumentando Quanto menor a Mais sincero o

a cidade a simpatia casinha bom dia

Mais mole a cama em que durmo Mais duro o chão que eu piso Tem água limpa na pia Tem dente a mais no sorriso Busquei felicidade Encontrei foi Maria Ela, pinga e farinha E eu sentindo alegria Café tá quente no fogo Barriga não tá vazia Quanto mais simplicidade Melhor o nascer do dia

23


24


25


26


27


28


29


Carta de

Instruções Eu finalmente aprendi que nossas mãos se encaixam melhor na chuva e que meus livros não são meus por acaso. Perdi muito tempo para decifrar seus mistérios, que, no final, virei indecifrável a você. Tomara que aprenda a fechar a porta para os estranhos, ainda está tudo uma bagunça por aí – como eu deixei. O prato sob a mesa, meus livros abertos e a janela que não fecha direito. Confesso que nunca soube fechá-la corretamente para que a chuva não entrasse. Guardei o violão e o travesseiro gasto que me eram de muito conforto. Apenas deixei o básico para ser confuso. Estrategicamente mau posicionado, para uma ou outra busca sem sentido. Não mais procurarei por ti na cidade. Muito menos no campo, pois sei que detesta abelhas. E sinceramente, foi atoa que lhe dei uma de presente. Onde costumávamos ir você não estará. Nunca fomos imprevisíveis o suficiente. Sem dar explicações não é possível fazer teorias ou métodos que funcionem. Até porque, nada funcionava na sua mão. Tem dias que não durmo direito, e não lembro mais do gosto de uma boa refeição na hora correta. Perdi o relógio e parte do dinheiro que restou no banco. O que me sobrou na verdade foram meus discos. Principalmente os que eu não lhe deixava ouvir. Você sempre teve um gosto duvidoso para música. Acho que é por isso que nos demos bem no início. Como qualquer igreja, eu era 30


convicto que poderia lhe converter para o meu lado musical. Fracassei com alguns méritos, mas lembre-se sempre de John e June. Consegui lhe curar de alguns vícios, e lhe fiz outros. Naturalmente eu os absorvi, pois não faziam mais sentido para você. Aqui o outono acaba amanhã. Já pode começar a reclamar da temperatura da água na hora do banho. No jornal de domingo saiu uma matéria sobre aquele restaurante que você insistia em ir logo após o pagamento. Dizem que faliu por falta de clientes, mas elogiaram a comida. Eu nunca gostei. Espero que aprenda a acordar cedo, ou se lembre de comprar um despertador. O ponteiro maior indica os minutos. Se quiser voltar um dia, bata na porta antes de entrar. Não precisa avisar que vem ou tocar o interfone. Apenas bata na porta entes de entrar – não estarei esperando.

31


32

Pardal #1  

Revista experimental.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you