Page 1

A8

A TARDI N HA

SALVADOR SÁBADO 15/7/2017

Fotos Adilton Venegeroles / Ag. A TARDE

Gira, gira, gira, até cansar

O brinquedo pode ser comprado em várias cores e formatos

Para brincar com o spinner, o jogador deve fazê-lo girar no dedo, testa, joelho... ALESSANDRA OLIVEIRA

Cabe na palma da mão. Quando começamos a rodá-lo, o objetivo é fazer com que demore a parar. Sabe do que eu estou falando? O spinner virou febre no mundo e chegou a Salvador no início deste ano. Além de brincar em casa, Rafael de Andrade, 7,

contou que na escola Lua Nova, onde estuda, ele e os amigos fazem a “treta de spinner”. Funciona assim a competição: todo mundo roda seus brinquedos entre os dedos e bate contra o brinquedo dos amigos, como se fossem espadas. O dono do spinner que parar após o choque perde. Rafael disse que

gosta do brinquedo porque “chama atenção”. Já Valentina de Araújo, 7, gosta de inventar novas formar de usar. No mesmo dia em que ganhou o primeiro, já estava equilibrando ele no joelho, na testa, no queixo. Depois, na boca, que é a parte do corpo mais difícil. “Você pode usar a criatividade”.

CONCENTRAÇÃO

Muita gente acha que o spinner faz o jogador relaxar e se concentrar. A psicóloga Paula Sanders explicou, porém, que já está comprovado que brincar ajuda no nosso desenvolvimento, mas não há certeza de que o spinner ajude mais. A psicopedagoga Christina Fonseca deu

Contos de fadas com dendê Você deve conhecer os contos de fadas e suas princesas Cinderela, Rapunzel, Chapeuzinho Vermelho... A professora de português e literatura Maria Izabel Muller também conhece e olha o que ela fez: transformou essas princesas e todos os outros personagens em baianos. Tem também os três porquinhos e os irmãos João e Maria. Todas vêm acompanhadas de desenhos feitos à mão. Nesta nova versão, a maioria das aventuras se passa aqui em Salvador.

Mas não é só isso. Lendo o livro, há nomes de várias comidas típicas do Nordeste, como sarapatel, moqueca e acarajé. CULTURA BAIANA

Você vai perceber que algumas frases estão

BRUNO AZIZ

confusas, nem toda fala tem travessão antes e algumas palavras estão sem o acento. Mas o legal será conhecer mais sobre a cultura da Bahia. Cada conto é tão pequeno que a gente fica querendo mais.

[ leia ] Os Contos de Fadas na Realidade Afro-Baiana Autora: Maria Izabel Muller Editora: Òmnira, 60 págs., R$ 30

dicas de jogos que ajudam na concentração: “Xadrez, da memória, desafios matemáticos”. SEGURANÇA

O spinner só pode ser usado por pessoas com mais de 6 anos. Isto porque crianças mais novas podem engolir as peças. Quem definiu esta idade foi o Instituto

Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, que é responsável por testar se os brinquedos vendidos são seguros. Gustavo Trigo, 7, fez um em casa, apesar de já ter outros sete modelos diferentes. De todos os amigos, Gustavo tem o maior recorde: ficou 6 minutos e 20 segundos com o spinner girando.

Brinquedo spinner  

Matéria sobre o brinquedo spinner, publicada em A Tardinha, página infantil do jornal A Tarde

Brinquedo spinner  

Matéria sobre o brinquedo spinner, publicada em A Tardinha, página infantil do jornal A Tarde

Advertisement