Page 1

PARQUE LINEAR BEIRA RIO REQUALIFICAÇÃO URBANA FUNCIONAL E AMBIENTAL DO ENTORNO DO RIO IPITANGA – LAURO DE FREITAS/BA

1/10

A DEMANDA PELO PROJETO EM UMA GLEBA URBANA QUE RESPONDA AO FUTURO DESENVOLVIMENTO DE UM MUNICÍPIO APRESENTA UM ASPECTO ABSURDO E OUTRO UTÓPICO. O ABSURDO DE UM DESENHO QUE PARA SE MATERIALIZAR SEJA CONCRETIZADO EM MEIO AO ESTADO DE DESCRÉDITO ÉTICO E MORAL DA CLASSE POLÍTICA NACIONAL E SUA INCAPACIDADE DE CUIDAR DO BEM PÚBLICO. E A UTOPIA DESEJÁVEL EM TERMOS DE RADICAIS MUDANÇAS DE POSTURAS DOS AGENTES ENVOLVIDOS. ESTADO DA BAHIA ESSA INTERESSANTE DEMANDA EXIGE A PROBLEMATIZAÇÃO QUE VAI ALÉM DO SÍTIO COMO OBJETO DE INTERVENÇÃO. AS MARCAS SOFRIDAS PELO TERRITÓRIO, MEIO ANTRÓPICO CAÓTICO DE FORÇAS DIVERSAS, NOS PARECE O MESMO CAMPO DE REVISÃO DAS NOSSAS AÇÕES. UMA GLEBA É O MICROCOSMO DESSE AMPLO TERRITÓRIO.

INTRODUÇÃO LAURO DE FREITAS É UM MUNICÍPIO DE 164.000 hab, LOCALIZADO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SALVADOR. POSSUI LIMITES COM A CAPITAL, E COM OUTROS DOIS MUNICÍPIOS INDUSTRIAIS, ALEM DE SERVIR DE LIGAÇÃO PARA À REGIAO DO LITRORAL NORTE, QUE POSSUI GRANDE FLUXO TURISTICO. TAL QUAL A CAPITAL, POSSUI UMA ECONOMIA BASEADA EM COMÉRCIO E SERVIÇOS, DEPENDENDO DA IMPORTAÇÃO DE BENS PRODUZIDOS EM OUTROS ESTADOS E PAÍSES. A LOGÍSTICA INTERNA, BASEADA QUASE EXCLUSIVAMENTE NO MODAL RODOVIÁRIO CONTRIBUI PARA CONGESTIONAR A MOBILIDADE URBANA JÁ COMPROMETIDA PELA FALTA DE UMA REDE EFICAZ DE TRANSPORTE DE MASSA. MAIS DO QUE NECESSÁRIA, ALÉM DO TRÂNSITO, PARA INTERLIGAR SUAS ÁREAS CONURBADAS AOS PÓLOS INDUSTRIAIS DE SIMÕES FILHO, FEIRA DE SANTANA E CAMAÇARI ALEM DOS TURISTICOS DO LITORAL NORTE . OS DESLOCAMENTOS HABITAÇÃO-TRABALHO SÃO ESTENUANTES EM FUNÇÃO DAS GRANDES DISTÂNCIAS PERCORRIDAS E DOS ENGARRAFAMENTOS,, REDUZINDO A QUALIDADE DE VIDA. O PROCESSO DE OCUPAÇÃO DESORDENADA DO TERRITÓRIO EM FUNÇÃO DO DESCOMPASSO DAS GESTÕES MUNICIPAIS E ESTADUAIS, DA ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA, DO ENORME DÉFICIT DE HABITAÇÃO SOCIAL E O AUMENTO DAS CONSTRUÇÕES INFORMAIS, VEM ACOMPANHADO, SECULARMENTE, DO DESPERDÍCIO DOS RECURSOS NATURAIS E O DESMANCHE DAS ÁREAS AMBIENTAIS. DE MODO GERAL, ESSE É UM DESAFIO DAS METRÓPOLES BRASILEIRAS.

MADRE DE DEUS

CAMAÇARI SIMÕES FILHO ARATU

Baía de Todos os Santos

Oceano Atlântico LAURO DE FREITAS

SALVADOR

land links

SALVADOR ESTRADA DO COCO

AVENIDA BEIRA RIO RIO IPITANGA AVENIDA DOIS DE JULHO

LAURO DE FREITAS/BA

LITORAL NORTE


PARQUE LINEAR BEIRA RIO ARCOS DE DESENVOLVIMENTO – INTERREGIONAL E URBANO

2/10

2 ARCOS DE DESENVOLVIMENTO

land links

DOIS ARCOS DE DESENVOLVIMENTO EM DIFERENTES ESCALAS PODEM SER IMAGINADOS E CONECTADOS. UM DE ABRANGÊNCIA INTERREGIONAL, NO CASO, INTERMUNICIPAL; E OUTRO, DE ABRANGÊNCIA URBANA.

ARCO INTERREGIONAL – DESDE O PÓLO PETROQUÍMICO DE CAMAÇARI/BA, PASSANDO PELA ÁREA DE INTERVENÇÃO EM LAURO DE FREITAS/BA E SUA INTERFACE COM A FUTURA REDE DE METRÔ QUE VEM SENDO CONSTRUÍDA NA CAPITAL DO ESTADO. E O CENTRO INDUSTRIAL DE ARATU EM SIMÕES FILHO/BA. ATRAVÉS DO PLANEJAMENTO TERRITORIAL QUE PRIORIZA FORMAS DE DESENVOLVIMENTO URBANO SUSTENTÁVEL - MANUTENÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS, RECUPERAÇÃO E PRESERVAÇÃO DAS ÁREAS AMBIENTAIS AINDA EXISTENTES, E PROJETOS ESTRATÉGICOS ENVOLVENDO FUNÇÕES URBANAS QUE CONTEMPLEM O AUMENTO DO ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO E DA QUALIDADE DE VIDA DA MAIORIA DA POPULAÇÃO – LAND LINKS. ARCO URBANO – UM PARQUE URBANO LINEAR AGLUTINADOR E CATALISADOR DA REDINAMIZAÇÃO DE FUNÇÕES URBANAS FUNDAMENTAIS: - RECUPERAÇÃO, PRESERVAÇÃO AMBIENTAL, REQUALIFICAÇÃO FUNCIONAL E DESENHO URBANO DO ENTORNO DA PORÇÃO URBANA DO RIO IPITANGA AVENIDA BEIRA RIO; - ARTICULAÇÕES DE DIFERENTES MODAIS DE MOBILIDADE (METRÔ, VLT, RODOVIÁRIOS, CICLOVIÁRIO E PEDESTRE); - REORDENAMENTO DO USO DO SOLO FUNCIONAL ENTRE AS DUAS MARGENS URBANAS, ARTICULANDAS ATRAVÉS DE EIXOS DE USOS E CIRCULAÇÃO; - REORDENAMENTO, CONSOLIDAÇÃO E POTENCIALIZAÇÃO DE FUNÇÕES URBANAS PRÉ-EXISTENTES NAS SUAS MARGENS; - ESPAÇOS E ATIVIDADES PARA O INCREMENTO DA DINÂMICA URBANA – EDUCAÇÃO, COMERCIAL, INSTITUCIONAL, LAZER, ESPORTES, AMBIENTE; - AUMENTAR A OFERTA DE ESPAÇOS DE SOCIALIZAÇÃO ASSOCIADOS Á NOVA DINÂMICA DAS FUNÇÕES URBANAS.

EIXOS SOBREPOSIÇÃO DO SISTEMA VIÁRIO E USO DO SOLO EXISTENTE


3/10

PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESTRATÉGIAS DE MEIO AMBIENTE E PAISAGEM OBJETIVOS PLANEJAMENTO DE INTERVENÇÃO DO TRECHO URBANO DO RIO IPITANGA A PARTIR DA PRESERVAÇÃO, DA CONSERVAÇÃO, DO MANEJO DE MICRO BACIA DE FILTRAÇÃO E DA GESTÃO DOS SEUS COMPONENTES E PROCESSOS FÍSICOS, ECOLÓGICOS E HIDROLÓGICOS.

MEDIDAS ESTRUTURAIS RECOMPOSIÇÃO DO ECOSSISTEMA RIPÁRIO LINDEIRO AO RIO (MATA CILIAR). CANAIS VERDES: CANAIS SECOS OU COM LÂMINAS DE ÁGUA QUE POSSUEM COBERTURA VEGETAL E PERMITEM A INFILTRAÇÃO DA ÁGUA NO SOLO, REDUZINDO O ESCOAMENTO DE DEJETOS. A VEGETAÇÃO SERVE COMO UM FILTRO BIOLÓGICO, REMOVENDO UMA PARCELA DOS POLUENTES. SUPERFÍCIES VEGETADAS SÃO INDICADAS PARA FUNDOS DE LOTE EM ÁREAS RESIDENCIAIS OU NO ACOSTAMENTO DE VIAS, EM SUBSTITUIÇÃO ÀS SOLUÇÕES TRADICIONAIS DE DRENAGEM (RIGHETTO ET AL., 2009, p. 40).

BACIA DE INFILTRAÇÃO NESTE SISTEMA HÁ FILTRAGEM DA ÁGUAS PLUVIAIS COM VISTAS A REMOVER OS SEDIMENTOS, OBTENDO UMA REMOÇÃO EFICIENTE DE SÓLIDOS COLOIDAIS. SEU USO PERMITE ABSORVER OS IMPACTOS DA URBANIZAÇÃO, AUMENTANDO AS CONDIÇÕES DE ARMAZENAMENTO E DE INFILTRAÇÃO DA ÁGUA NA BACIA. (RIGHETTO, p. 42).

Família Fabaceae Mimosoideae Bignoniaceae Bignoniaceae Bignoniaceae Bignoniaceae Arecaceae Anacadiaceae

Plantas

SISTEMA DE BIORRETENÇÃO É UM SISTEMA QUE APROVEITA AS CARACTERÍSTICAS DA TOPOGRAFIA PARA FORMAR O SISTEMA DE AMORTECIMENTO DE ÁGUAS PLUVIAIS. PODE INCLUIR SISTEMA VEGETAL CONSTITUÍDO POR ESPÉCIES COM DIFERENTES TAMANHOS. AS PLANTAS SÃO COMPONENTES FUNDAMENTAIS NESSE SISTEMA, RESPONSÁVEIS PELA RETIRADA DA ÁGUA E DOS POLUENTES; TÊM AINDA A VANTAGEM DE INTEGRAR A PAISAGEM NATURAL, SENDO RECOMENDÁVEIS EM ÁREAS COM ALTO ÍNDICE DE IMPERMEABILIZAÇÃO COMO ESTACIONAMENTOS (RIGHETTO, p. 41). NESTE SISTEMA TAMBÉM HÁ REMOÇÃO DE POLUENTES DEVIDO À PRESENÇA DE COBERTURA VEGETAL.

Espécie Ingá vera Tabebuia avellandae Tabebuia chrysotricha Tabebuia heptaphylla Tabebuia róseo-alba Roystonea oleracea Schinus terebinthifolius

BARRAMENTO COM VERTERDOR SUPERFÍCIE DE INFILTRAÇÃO ESCOAMENTO SUPERFICIAL

INFILTRAÇÃO

Gênero Ingá Tabebuia Tabebuia Tabebuia Tabebuia Areca Schinus

Nome Popular Ingazeiro Ipê Roxo Ipê Amarelo Ipê Rosa Ipê Branco Palmeira Imperial Aroeira


4/10

PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESTRATÉGIAS DE MOBILIDADE MOBILIDADE

ESTRATÉGIA PARA MODAIS DE TRANSPORTES

A CONURBAÇÃO SALVADOR-LAURO DE FREITAS ENCONTRA-SE NO ENTORNO DO NODAL VIÁRIO QUE O LIGA AOS MUNICÍPIOS INDUSTRIAIS E AO LITORAL NORTE (ZONA DE TURISMO). ESSA REGIÃO, DE PTRIVILÉGIO DO MODAL RODOVIÁRIO, POSSUI GRAVES PROBLEMAS DE FLUIDEZ.

FERROVIÁRIO DE MASSA - NA HIPÓTESE PREVISTA DA CONSTRUÇÃO DA ESTAÇÃO AEROPORTO DO METRÔ LINHA 2 CHEGANDO EM LAURO DE FREITAS, EXTENDENDO O MODAL TIPO VLT NO PERÍMETRO DO CANAL DO RIO IPITANGA (AV. BEIRA RIO), COM PARADAS ARTICULADAS COM OS NOVOS EIXOS CRIADOS. RODOVIÁRIO - EXCLUIR A PRIORIDADE DO RODOVIÁRIO PRIVATIVO NA AV. BEIRA RIO, ALÉM DE OUTROS TRECHOS TRANSVERSAIS À MESMA (EIXOS PROPOSTOS), TONANDO-A DE ESPAÇO COMPARTILHADO (SHARED SPACE) ENTRE CARROS INSTITUCIONAIS E DE SERVIÇOS, COM OS PEDESTRES. CICLOVIÁRIO – ATRAVÉS DE CICLOFAIXAS AO LONGO DA MARGEM DO RIO IPITANGA, NO R.N. +2.50m. PEDESTRE – GANHANDO PRIORIDADE DE TRANSIÇÃO ENTRE OS EIXOS QUE COSTURAM O CENTRO ANTIGO DE COMÉRCIO E SERVIÇOS E A ESTRADA DO COCO, IMPORTANTE FAIXA DE PASSAGEM; POR SOBRE O RIO IPITANGA ATRAVÉS DE PASSARELAS (SISTEMA CONSTRUTIVO PROJETADO POR JOÃO FILGUEIRAS LIMA – O LELÉ). VIÁRIO E ÁREAS VERDES

PONTOS DE CONFLITO DE TRÁFEGO

VIÁRIO E MORFOLOGIA

MORFOLOGIA E ÁREAS VERDES

ESTRADA DO COCO

ESTRADA DO COCO

VLT E CICLOVIA

VLT E CICLOVIA VLT E CICLOVIA AVENIDA DOIS DE JULHO

VLT E CICLOVIA


PARQUE LINEAR BEIRA RIO

EDUCACIONAL

EIXO EDUCACIONAL E EIXO COMERCIAL FAVORECIDOS PELA PROXIMIDADE, ESTES DOIS EIXOS POSSUEM AGORA CONEXÕES URBANAS E TERRITORIAIS EFETIVADAS PELA MESCLA DE MODAIS. A PRAÇA COMERCIAL CONSOLIDADA EFETUA UMA CONEXÃO ENTRE OS DOIS LADOS SEGREGADOS. O COMPLEXO EDUCACIONAL PROPORCIONA FORMAÇÃO COPLETA PARA O SEU PRINCIPAL MANTENEDOR, OS PÓLOS INDUSTRIAIS.

COMERCIAL

5/10 EIXO EDUCACIONAL – ARTICULA A ESTRADA DO COCO E A AVENIDA LUÍS TARQUÍNIO – ONDE ATUALMENTE EXISTEM UMA INSTITRUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR E OUTRA DE ENSINO TÉCNICO PROFISSIONALIZANTE (SENAI) SETIND) E PRONATEC, PASSANDO PELA AVENIDA BEIRA RIO E DO PROPOSTO PARQUE LINEAR.

É ESTRUTURADO, ATRAVÉS DA MUDANÇA DE USO DO SOLO, CONSOLIDANDO A FUNÇÃO EDUCACIONAL ATRAVÉS DO ACRÉSCIMO DE UM COMPLEXO DE EDIFICAÇÕES E ÁREAS DE CONVÍVIOS + PASSAGENS DE PEDESTRES (R.N. +5.00m e +10.50m). AS EDIFICAÇÕES PROPOSTAS ABRIGAM OS SEGUINTES USOS: SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E CULTURA; ESCOLA DE CADETES MIRINS; ESCOLA INTEGRAL DE ENSINO MÉDIO E UMA BIBLIOTECA-MIDIATECA PÚBLICA MUNICIPAL. PARÁGRAFO DE ENCERRAMENTO ARTICULANDO COM AS ÁREAS DE EMPREGO NOS MUNICÍPIOS VIZINHOS; BEM COMO A PARTICIPAÇÃO DAS EMPRESAS NA CONSTRUÇÃO- PATROCÍNIO DESTA PROPOSTA

EIXO COMERCIAL - ARTICULA A ESTRADA DO COCO E O PRINCIPAL CENTRO DE COMÉRCIOS, INICIANDO NESSE PONTO, NO ENCONTRO ENTRE AS RUAS AMARÍLIO THIAGO DOS SANTOS (COMÉRCIO); ROMUALDO DE BRITO (SERVIÇOS) E VALDOMIRO RODRIGUES (FEIRA E CENTRAL DE ABASTECIMENTO); PASSANDO PELA AVENIDA BEIRA RIO E DO PROPOSTO PARQUE LINEAR. É ESTRUTURADO CONSOLIDANDO A FUNÇÃO DE COMÉRCIO E SERVIÇOS ATRAVÉS DA CRIAÇÃO DE UMA VIA DE USO COMPARTILHADO (CALÇADÃO) ACRÉSCIDA DE UMA PASSAGEM DE PEDESTRES (À NÍVEL, R.N. +5.00m) ARREMATADA EM SUA CABECEIRA NORTE POR UM CENTRO COMERCIAL SEMIENTERRADO PARA VENDEDORES AMBULANTES (ELIPSOIDAL); E, NA CABECEIRA SUL PELO NOVO LARGO QUE ABRAÇA O FORUM CIVIL. PARA TANTO, PROPÕE-SE UM ELEVADO EM UM TRECHO DA RUA ALAGOAS PARA O MODAL RODOVIÁRIO (R.N. +9.00m).


6/10

PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESPACIALIZAÇÃO DO EIX0 EDUCACIONAL

PASSAGEM ELEVADA SOBRE O RIO IPITANGA, CONECTANDO UMA MARGEM À OUTRA E DESAGUANDO NA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

CORTE ESQUEMÁTICO NO EIXO EDUCACIONAL

PASSAGEM ELEVADA SOBRE O RIO IPITANGA, CONECTANDO À BIBLIOTECA E ESCOLA DE ENSINO INTEGRAL . ABAIXO, CICLOFAIXA, VLT E SHARED SPACE

ACESSO À PRAÇA CRIADA ENTRE A BIBLIOTECA E À ESCOLA DE ENSINO INTEGRAL


PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESPACIALIZAÇÃO DO EIX0 COMERCIAL

7/10 ACESSO À GALERIA SEMIENTERRADA DO NOVO CENTRO COMERCIAL PASSAGEM PRIVILEGIADA PARA OS PEDESTRES À DIREITA, PASSARELA DO EIXO EDUCACIONAL

PASSAGEM ELEVADA SOBRE O RIO IPITANGA, CONECTANDO UMA MARGEM À OUTRA E DESAGUANDO NA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

CORREDOR COMERCIAL NO ENCONTRO COM A AVENIDA BEIRA RIO ACESSO AO0 VALE DO RIO IPITANGA COM A CONSOLIDAÇÃO DE UM EIXO COMERCIAL SHARED SPACE COM PISO INTERTRAVADO E ACESSO ÀS LOJAS E SERVIÇOS


PARQUE LINEAR BEIRA RIO EIXOS INSTITUCIONAL, DE USO MISTO E ESPORTIVO EIXO INSTITUCIONAL – ARTICULA A ESTRADA DO COCO E O SÍTIO DA FUNDAÇÃO (PREFEITURA), PASSANDO PELA AVENIDA BEIRA RIO E DO PARQUE LINEAR. É ESTRUTURADO, ATRAVÉS DE MUDANÇAS DE USO DO SOLO, CONSOLIDANDO A FUNÇÃO INSTITUCIONAL ATRAVÉS DO ACRÉSCIMO DE UM COMPLEXO DE EDIFICAÇÕES, ÁREAS DE CONVÍVIOS E PASSAGENS DE PEDESTRES (R.N. +5.00m e +10.50m). AS EDIFICAÇÕES PROPOSTAS ABRIGAM UM COMPLEXO DE SECRETARIAS MUNICIPAIS E UMA CRECHE.

INSTITUCIONAL MIXED-USE ESPORTIVO-CULTURAL EIXO DE USO MISTO – ARTICULA A ESTRADA DO COCO E O SÍTIO DA FUNDAÇÃO (NO PONTO DA IGREJA MATRIZ DE SANTO AMARO DE IPITANGA), PASSANDO PELA AVENIDA BEIRA RIO E DO PARQUE LINEAR. É ESTRUTURADO, ATRAVÉS DA MUDANÇA DE USO DO SOLO, ATRAVÉS DO ACRÉSCIMO DE UM COMPLEXO MIXED-USED (USO MISTO – HABITAÇÃO + COMÉRCIO + SERVIÇOS), ÁREAS DE CONVÍVIOS E PASSAGENS DE PEDESTRES (R.N. +5.00m e +10.50m).. EIXO ESPORTIVO – ARTICULA A ESTRADA DO COCO E ÁREA ESPORTIVA EXISTENTE, PASSANDO PELA AVENIDA BEIRA RIO E DO PARQUE LINEAR ATÉ A CABECEIRA LESTE DA AVENIDA 2 DE JULHO. É ESTRUTURADO, ATRAVÉS DA CONSOLIDAÇÃO DO USO DO SOLO NA FUNÇÃO ESPORTIVA E CULTURAL ATRAVÉS DO ACRÉSCIMO DE UM CONJUNTO DE EDIFICAÇÕES, ÁREAS DE CONVÍVIOS + PASSAGENS DE PEDESTRES (R.N. +5.00m). AS EDIFICAÇÕES PROPOSTAS ABRIGAM: SECRETARIA DE ESPORTES, LAZER E MEIO AMBIENTE; UM CENTRO ESPORTIVO (ATLETISMO, ESPORTES DE QUADRAS, GINÁSTICA, LUTAS MARCIAIS, SKATE-PATINS, E ESPAÇO PARA EVENTOS MUSICAIS).

8/10


PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESPACIALIZAÇÃO DOS EIXOS INSTITUCIONAL E DE USO MISTO

9/10 mixed use

VISTA DESDE A AVENIDA BEIRA RIO PARA O RIO IPITANGA, AO FUNDO EDIFÍCIOS DE USO MISTO E INSTITUCIONAIS . SECRETARIA DE HABITAÇÃO

VISTA DESDE A AVENIDA BEIRA PARA O ACESSO A EDIFÍCIOS INSTITUCIONAIS:

VISTA DESDE A AVENIDA BEIRA PARA O ACESSO A EDIFÍCIOS DFE USO MISTO


PARQUE LINEAR BEIRA RIO ESPACIALIZAÇÃO DO EIXO ESPORTIVO

10/10 VISTA DO EIXO ESPORTIVO DESDE A AVENIDA BEIRA RIO

PRAÇA PÚBLICA COBERTA ABAIXO DA SECRETARIA DE ESPORTES E MEIO AMBIENTE

VISTA DO EIXO ESPORTIVO DESDE A AVENIDA DOIS DE JULHO

PARQUE LINEAR BEIRA RIO  

Proposta para o concurso Urban 21 desenvolvida pelos estudantes de arquitetura e urbanismo: Alejandra Kirkwood, André Fraga, Eva Paranhos e...

PARQUE LINEAR BEIRA RIO  

Proposta para o concurso Urban 21 desenvolvida pelos estudantes de arquitetura e urbanismo: Alejandra Kirkwood, André Fraga, Eva Paranhos e...

Advertisement