Page 1

Dezembro-2012

Os principais fatos geradores de oportunidades do varejo e de serviços para 2013 ¹

Já se fala em uma recuperação econômica com a volta do crescimento do PIB brasileiro no patamar de 4% em 2013, em contrapartida a um período ainda difícil de recessão na Comunidade Econômica Europeia. Os Estados Unidos também apontam para um crescimento maior do que em 2012 e os países do BRICS ainda mantém crescimentos acima da média mundial. Aliado a um cenário econômico mundial mais favorável, o Brasil começa a receber os frutos dos megaeventos já em 2013, com a realização da Copa das Confederações. Até lá muitos investimentos em infraestrutura e serviços de turismo receptivo já devem ter sido concretizados.

¹ Fonte imagem: Disponível em: < http://www.franquiadsw.com.br/wp-content/uploads/2012/04/FOTO2.jpg >. Acesso em 11/12/2012 às 13:38.


Outros fatos são geradores de oportunidades para 2013, tanto no varejo, quanto em serviços.

Oportunidades no varejo Além da nova classe média incorporada pela classe C, que potencializa o mercado consumidor no varejo, existem alguns fatos pontuais em segmentos específicos que tendem a se destacar em 2013: • Crescimento acelerado do número de shopping centers no Brasil: segundo a Associação Brasileira de Shopping Centers (ABRASCE), até o final de 2013 será ultrapassada a marca de 500 centros de compras. Atualmente existem 445 shoppings no país e nos próximos 3 anos aproximadamente mais 100. A maior parte dos empreendimentos está sendo erguida no interior do país, em função da maior atratividade que o negócio representa nestas regiões. Os shoppings aquecerão o varejo regional, trazendo centros de gastronomia e lazer para cidades com poucas atrações (menos de 500 mil habitantes), além de novas marcas em busca de expansão de seu mercado. • Crescimento das franquias: segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o faturamento do segmento cresce mais de 15% ao ano desde 2007 e o número de redes franqueadas aumenta mais de 10% ao ano no mesmo período. É importante lembrar que o casamento entre franquias e shopping centers é perfeito, pois se as franquias contam com toda uma estrutura para mostrarem seus produtos e suas marcas com intuito de expandirem sua rede, do outro lado os shoppings têm a oportunidade de incrementar o seu mix de comercialização, com lojas de marcas expressivas. • A reinvenção das lojas de departamentos: há um movimento em curso que altera o modelo tradicional de lojas de departamentos. A primeira mudança diz respeito à locação de espaços para a implantação de outras lojas dentro das lojas. Esse modelo já vinha sendo adotado por supermercados em pequena escala, agora amplia os espaços para marcas de terceiros, como no caso da loja do supermercado Guanabara na Barra da Tijuca no Rio de Janeiro. Nessa loja, um dos dois andares do prédio é totalmente dedicado a outras marcas. A segunda é uma maior oferta de serviços de gastronomia, em busca de um maior tempo de retenção do cliente dentro das lojas. A terceira mudança foca o lay-out, ambientação e arquitetura para tornar os espaços mais fluidos, criar ambientes mais envolventes, ressaltar estilos de vida e valorizar produtos e marcas. E por fim o uso mais intensivo de tecnologias em busca de produtividade, pela melhor gestão de mercadorias, eficiência operacional, na definição de sortimento, alocação, precificação e gestão de estoques. • Uso de técnicas de marketing sensorial: o marketing trabalha as emoções do consumidor e isso pode ser feito através dos cinco sentidos do ser humano: visão, audição, tato, olfato e paladar. As técnicas de uso dos sentidos humanos para impulsionar o consumo estão ficando cada vez mais sofisticadas. No cinema não se fala mais somente em 3D e sim em 5D, com a inclusão do olfato e do tato nas salas de cinema. Lojas de roupa que vendem perfumes, espalham o seu aroma nas lojas, provocando a vontade de comprar o produto, além de fixar o aroma cada vez mais na mente do consumidor. Restaurantes fazem degustação com os clientes dos novos pratos a serem lançados. Ao mesmo tempo que colhem as impressões dos clientes, conseguem estimulá-los ao consumo e a propagar a informação pela rede de contatos. A tendência para os próximos anos é de um uso mais intensivo de técnicas de marketing sensorial. • Aeroportos privatizados – um novo nicho do varejo: com a privatização dos principais aeroportos brasileiros, a nova administração tende a buscar oportunidades para alavancar


as sua receitas e, certamente, uma das principais estratégias será a de incentivar boas marcas a abrirem pontos de venda nos aeroportos. Um dos fatores que impulsiona os administradores a mudarem a oferta é decorrente da insatisfação dos usuários, onde 41% das reclamações recebidas pela Infraero são referentes a preços abusivos e 36% são referentes à qualidade do atendimento. Investir no aumento da concorrência, soluciona o problema de abuso de preços e de mau atendimento. É importante lembrar que a privatização chega junto com os megaeventos, trazendo um aumento significativo de fluxo turístico que passa pelos aeroportos. Isto deve chamar marcas fortes para suprir o aumento de demanda.

“Com a privatização dos principais aeroportos brasileiros, a nova administração tende a buscar oportunidades para alavancar as sua receitas...”.

Oportunidades em serviços O setor de serviços é o que mais cresce na economia brasileira nos últimos anos e a tendência é a de manutenção dessa vantagem competitiva. Os principais fatos do setor que representam inovação para os próximos anos são: • Crescimento do segmento de beleza e estética: atualmente, o Brasil está classificado como o 3º país do mundo em consumo de cosméticos, atrás apenas do Japão e dos Estados Unidos. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC) o consumo de cosméticos no Brasil teve um crescimento de 10,6 % ao ano nos últimos 13 anos seu faturamento passou de R$ 4,9 bilhões em 1996 para R$ 21,7 bilhões em 2008. Em termos absolutos, segundo o sistema MPE-Data do Sebrae, em abril de 2012 havia 240 mil empresas formais, para cabeleireiros e afins, dentro da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE). Os principais fatores que impulsionam o segmento são a maior participação da mulher no mercado de trabalho, a quebra de paradigmas da vaidade masculina, a introdução de novas tecnologias, técnicas e produtos no segmento e o aumento de expectativa de vida do brasileiro, cada vez mais atento à sua beleza e estética. Este mercado deve continuar crescendo em taxas bastante atrativas em 2013. • Busca crescente pela educação a distância: tanto a oferta quanto a demanda vem crescendo na educação a distância (EAD). Recentemente, surgiu uma nova modalidade de EAD nos Estados Unidos, com o objetivo de ampliar a abrangência do número de pessoas capacitadas. O MOOC (Massive Open Online Course), como batizado pelas universidades americanas, criadoras desse tipo de iniciativa educacional, objetiva a

¹ Fonte imagem: Disponível em: < http://www.foradomapa.com.br/wp-content/uploads/2011/05/aeroporto-galec3a3o.jpg >. Acesso em 11/12/2012 às 14:21.


participação aberta e em larga escala em cursos de curta duração. As primeiras experiências já conseguiram reunir em um só evento, aproximadamente, 150 mil participantes, um número significativamente maior do que se observa atualmente nas ofertas de cursos a distância. Os MOOCs fazem uso de blogs ou hotsites, canais específicos como Youtube, Google Moderator, Twitter, VoiceThread, entre outras mídias sociais. No Brasil a Endeavor e o Sebrae foram pioneiros na introdução em parceria dessa nova modalidade de EAD, aproveitando a Semana Global do Empreendedorismo em novembro de 2012, com a organização do evento “Papo de Negócios”. A meta é de atingir mais de 10 mil participantes interagindo com os especialistas no tema. A tendência é de que os MOOCs sejam cada vez mais utilizados a partir de 2013. • Turismo alavancado pelos megaeventos: já em 2013 o turismo será beneficiado pelos megaeventos dos próximos anos no Brasil, com a realização da Copa das Confederações. A crescente importância que o consumidor dá à ecologia, aumenta a demanda pelos chamados turismo de aventura e o ecoturismo, onde ele pode estar em maior contato com a natureza e onde pode praticar atividades esportivas com um espírito aventureiro. Em função de um esforço de certificação do serviço, que tem como objetivo maior a segurança e o bem-estar do turista, a demanda por esse tipo de turismo tende a aumentar substancialmente nos próximos anos. • Ampliação do mercado de “games” no Brasil: segundo a Hime Digital Media, existem 40 milhões de “gamers” no Brasil, sendo que um terço joga na internet. Games também são o principal conteúdo acessado no Facebook no mundo. Já a pesquisa da InsideComm mostra que a média de tempo que o brasileiro passa em frente ao videogame é de sete dias por semana, duas horas por dia. A crescente procura por games aumenta as oportunidades para os empreendedores do segmento que veem suas perspectivas para 2013 como muito positivas, segundo a Associação Comercial e Cultural de Games (ACIGAMES). • A inovação como diferencial competitivo crítico: a inovação em serviços continuará sendo o grande diferencial crítico para o sucesso dos empreendimentos nos próximos anos. Nesse sentido a tecnologia empenha um papel muito importante em diversos segmentos, como o de beleza e estética, serviços automotivos, clínicas, laboratórios, entre muitos outros. Produtos ecologicamente corretos e que têm preocupação maior com o bem-estar dos consumidores se destacam em beleza e estética, engenharia e arquitetura, petshops e conservação e limpeza. No entanto, o grande diferencial para o setor de serviços com a inovação vem da capacidade criativa da empresa em repensar a forma como seus serviços podem ser prestados. Isso se deve ao fato de que as abordagens tecnicistas e de produto estarem ao alcance de todos, ou seja, da concorrência também, o que não acarreta, necessariamente, em um diferencial de mercado. Não obstante às novidades que devem despontar nos próximos anos, seja no varejo ou em serviços, é importante que as empresas entendam a nova onda do marketing que transforma o consumidor em um ser humano mais preocupado com as questões sociais e ambientais, exigindo uma postura mais ética. Esse consumidor quer também participar mais da criação e produção das empresas, sendo mais proativo naquilo que deseja consumir. Portanto, tudo o que se fizer terá que levar em conta que os consumidores estão agora ligados não só ao corpo e à mente, mas também ao coração e ao espírito. E essa tendência é irreversível.


BOLETIM OPORTUNIDADES & NEGÓCIOS é uma publicação da Unidade de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros SEBRAE –Serviço Brasileiro de Apoio as Micro e Pequenas Empresas Presidente do Conselho Deliberativo Nacional: Roberto Simões Diretor-Presidente: Luiz Barretto Diretor-Técnico: Carlos Alberto dos Santos Diretor de Administração e Finanças: José Claudio dos Santos UAMSF - Unidade de Acesso a Mercados e Serviços Financeiros UACS - Unidade de Atendimento Coletivo – Serviço Consultor Conteudista: Marcos Rabstein Diagramação: Renan Carvalho Endereço: SGAS 604/605, módulos 30 e 31, Asa Sul, Brasília/DF, CEP: 70.200-645

O&N 2012.12a Os principais fatos geradores de oportunidades do varejo e de serviços para 2013  

Oportunidades & Negócios 2012.12a Os principais fatos geradores de oportunidades do varejo e de serviços para 2013

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you