Issuu on Google+

Alana Centeno Camboim

A Ovelha Voadora


2


Copyright 2013, renewed 1994 by Alana Camboim Copiright da tradução 2013 by Editora Companha da Josi. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta edição pode ser utilizada ou reproduzida - em qualquer meio ou forma, seja mecânico ou eletrônico, fotocópia, gravação e etc. - nem apropriada ou estocada em sistema de banco de dados, sem a expressa autoriação da editora. Texto fixado conforme as regras do novo Acordo Ortografico da Língua Portuguesa (Decreto Legislativo nº 54, de 1995) Título original: “A Ovelha Voadora” Revisão: Alana Centeno Camboim Projeto gráfico: Alana Centeno Camboim Edição de imagem e arte final: Alana Centeno Camboim Dados internacionais de Catalogação na Publicidade (CIP) (Câmera Brasileira do Livro, SP, Brasil) Camboim, Alana, 2013 A ovelha voadora - / Alana Camboim; Revisão Alana Centeno Camboim. - Porto Alegre: Globo 2013. - (Coleção Globo de bolso) ISBN 978-85-250-4644-4 1. Conto Infantil I. Título II. Série 08-09488 CDD - 813.0876 Índice para catalogo sistematico: 1. Infantil : Literatura Brasileira 813.0876

4

Direitos de edição inglesa adquiridos por editora Companhia da Josi Av. Guilherme Schell, 268 - 05346-908 - Porto Alegre - RS www.companhiadajosi.com.br


5


6


Em uma fazenda, vivem diversos animais, tais como: galos, cavalos, vacas, porcos, pintinhos e ovelhas.

7


PorĂŠm, Lari era uma ovelhinha que via os pĂĄssaros e sonhava em voar como eles.

8


Lari tentou de tudo, pular do galho mais alto da รกrvore

9


usar penas que nem os pรกssaros

10


atĂŠ tirou seus pelos para ficar mais leve

11


mas no mรกximo conseguia pular na รกgua.

12


pensou, pensou, pensou e pensou. E veio a ideia de encher um moooooooooooooonte de bal천es.

13


Então subiu no topo do celeiro e começou a encher os balões.

14


Encheu tantos balĂľes que quando se deu conta jĂĄ estava voando.

15


então foi ver aonde os pássaros também iam. Como a Torre Eifell, em Paris.

16


Sobrevoou o Taj Mahal na Ă?ndia,

17


fez amizade com os camelos nas Pir창mides do Egito

18


e atĂŠ mesmo conheceu o Castelo da Disney.

19


S贸 que aos poucos os bal玫es iam estourando e ele chegando mais pr贸ximo ao ch茫o.

20


Viu um celeiro vermelho no horizonte, estava voltando pra casa.

21


Ao chegar na fazenda foi bem recebido por seus amigos e comeรงou a contar suas aventuras.

22


Prenda um bal達o na dobra do livro!


Uma História realizada para a cadeira de Linguagem II da Escola Superior de Propaganda e Marketing, pela Professora Joseane Rücker. A Ovelinha Lari queria voar que nem os pássaros, então quando realizou seu sonho fez viajens incriveis, leia e se aventure também.

28


A Ovelha Voaroda