Page 22

Coordenação e cooperação dos “Atores do Diálogo dos Cinco” como pré-requisito para a harmonia internacional

tem o dever de contribuir positivamente para a paz, para a segurança e para um mundo melhor. Com isto em mente, criei o quadro “Diálogo dos Cinco” (veja-o descrito mais à frente) e (co) organizei com o Gabinete das Nações Unidas sobre a Prevenção do Genocídio, em Nova Iorque, uma Cimeira Global sobre Religião, Paz e Segurança. O objetivo desta Cimeira era discutir como diferentes atores podem trabalhar juntos eficientemente para implementar estratégias que possam promover a paz e a segurança e partilhar as boas práticas; finalmente, a Cimeira visava estabelecer uma “Plataforma Internacional sobre Religião, Paz e Segurança”, como apoio para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, em particular o Objetivo 16, sobre “promoção de sociedades pacíficas e inclusivas” e o Objetivo 17, sobre a “revitalização da parceria global” para o desenvolvimento sustentável. Desejo e espero que as conclusões dos dois volumes seguintes: “A Influência da Liberdade Religiosa sobre a Paz e a Segurança”. Desafios à Liberdade Religiosa, à Paz e à Segurança e a Necessidade de Coordenação dos Atores do “Diálogo dos Cinco” (2017), e “Diplomacia e Educação sobre a Liberdade Religiosa – Uma Prioridade para a Política Pública. Diplomacia Preventiva; Diplomacia e Educação sobre a Mudança de Mentalidades para a Liberdade Religiosa, SDG’s e Líderes Religiosos, Lições Aprendidas (2018)”, possam abrir novas janelas de compreensão sobre como podemos contribuir para resolver as tensões e crises mundiais, e para termos uma influência na nossa harmonia e coexistência pacífica internacionais. Os volumes mencionados anteriormente foram preparados com base na estrutura de apresentações importantes feitas por diplomatas, políticos, eruditos, líderes religiosos e representantes da sociedade civil de renome mundial, na “Cimeira Global sobre Religião, Paz e Segurança” que teve lugar nas Nações Unidas em Genebra, em novembro de 2016, e na “Conferência Internacional de Madrid sobre Liberdade, Religião, Segurança: Termos Antagónicos?” que teve lugar na Universidade Complutense, em maio de 2016; também incluíram artigos, pesquisas, comunicados de Imprensa, planos e estratégias importantes que podem contribuir para a solução dos problemas da comunidade internacional. No presente volume, depois de algumas observações retiradas do livro recomendado sobre “Agentes e Embaixadores da Paz”, no início deste volume salientámos: Um chamado urgente para os Decisores Políticos: Promover sociedades pacíficas e inclusivas ao fomentar a Liberdade Religiosa; o quadro “Diálogo dos Cinco”, Crise Internacional, Religião, Sociedade, Paz e Segurança; Desafios à

21

Profile for AIDLR AIDLR

Consciência & Liberdade 30 (2018)  

Consciência & Liberdade 30 (2018)  

Profile for aidlr
Advertisement