6ª Edição_EMCASACOMOPAVILHAODAAGUA _Fenómenos da Natureza

Page 1

Sustentabilidade e Ambiente Edição nº 6 | #EMCASACOMOPAVILHAODAAGUA – Fenómenos da Natureza

Notícia Na exposição interativa do Pavilhão da Água, o visitante tem a possibilidade de descobrir mais sobre alguns fenómenos da natureza diretamente associados à água. Considera-se como fenómeno natural, um acontecimento que não tenha a intervenção direta do ser humano. São manifestações da própria natureza, tão diferentes como um simples arco-íris, passando por um furacão, um tornado, cheias, e até um tsunami. Com base no CRED (Centro de Pesquisa sobre a Epidemiologia dos Desastres) o número de fenómenos naturais aumentou fortemente até ao início do século XXI, com fortes impactos a nível mundial. E em Portugal? Será que teve uma evolução semelhante à que se observa no mundo? Não! Na sua grande maioria são de origem hídrica, tais como tempestades, inundações e cheias, provocando prejuízos essencialmente financeiros. Embora estes fenómenos possam ser fascinantes, podem causar grandes desastres naturais.

Nesta Edição PG. 2  Tornado vs. Furacão As suas origens e os seus impactos no mundo.  Sabia que… PG. 3  Remoinho ou redemoinho de Água?  Arco-Íris  Tsunamis PG. 4  Chuvas Ácidas. Poluição: causa ou consequência?  Atividade em Família – Vamos analisar o efeito nas chuvas ácidas nas plantas  Sugestões


Tornado vs. Furacão As suas origens e os seus impactos no mundo Os tornados e furacões são talvez dos fenómenos naturais que mais curiosidade, dúvidas e impacto causam no ser humano. Serão o mesmo fenómeno? O que os distingue? Na verdade, embora comumente se confundam os tornados com os furacões, eles têm muito pouco em comum. O furacão é um dos fenómenos da natureza mais violento, caraterizado por um vento circular forte, com velocidade igual ou superior a 120 km/h. Gira no sentido horário (no hemisfério sul) ou anti-horário (no hemisfério norte) tendo entre 200 km a 400 km de diâmetro. Os furacões formam-se no mar e a sua duração pode chegar a vários dias, mas quando atingem a terra perdem a sua força até se dissiparem. Por onde passam deixam um grande rastro de destruição. O furacão Katrina, de categoria 5 com ventos de 280 km/h, provocou 1.833 vítimas, e foi o desastre natural com maior impacto financeiro, que atingiu os Estados Unidos. O tornado, por sua vez, é o mais forte dos fenómenos meteorológicos, tendo um diâmetro menor (2 km), mas a sua velocidade do vento chega a atingir os 500 km/h. Para se formar necessita de diferentes massas de ar com diferentes temperaturas, conjugadas com alguma humidade no ar. Os seus movimentos são giratórios e formam-se de baixo para cima, ou seja, a parte mais larga do tornado encontra-se em baixo e a mais estreita em cima. Tendo a sua origem na terra, podem demorar entre 10 minutos e 1 hora, até desaparecer.

Sabia que… É possível observarmos um arco-íris duplo. Este fenómeno é provocado por uma dupla reflexão da luz do sol nas gotas de chuva.

Sabia que… A maioria dos furacões tem nomes de mulheres. Durante a Segunda Grande Guerra Mundial o exército norte-americano começou a batizar as tempestades com nomes das namoradas, esposas e mães. Porque seria? Mulheres de força?

Sabia que… Há alturas em que a água do mar fica, fluorescente. Chama-se Bioluminescência. Este fenómeno pode ocorrer em praias que tenham várias espécies de fitoplâncton. A energia química é transformada em energia luminosa.

Sabia que… Ciclone é o nome genérico para ventos circulares, como tufão, furacão e tornado.

Tornado no Pavilhão da Água

Nos EUA ocorrem em média cerca de 800 tornados por ano. Podem percorrer até 100 km de distância, e a sua ação é rápida e geograficamente cirúrgica. A sua força é medida pela escala Fujita-Pearson, de acordo com o nível de destruição que provoca, e não pelas suas dimensões.

Edição nº 6 | #EMCASACOMOPAVILHAODAAGUA – Fenómenos da Natureza

2


Remoinho ou Redemoinho de Água?

Arco – Íris

Remoinho e redemoinho são sinónimos.

São talvez dos fenómenos da natureza mais bonitos e que ocorrem com maior frequência. O seu nome provém da mitologia grega, onde Íris, uma deusa, deixava as suas mensagens num rastro colorido que atravessava os céus. A aparência do arco-íris é causada pela dispersão da luz do sol que sofre refração pelas (aproximadamente esféricas) gotículas de água. A sua forma em arco aparece quando metade do céu ainda está escuro com nuvens de chuva e o observador está num local com céu claro. Por ser um espectro de dispersão da luz branca, mostra-nos uma palete de cores fantásticas e memoráveis, com as sete cores…vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, anil e violeta.

É um fenómeno provocado nas águas dos rios por efeito de depressões ou cavidades existentes no leito, que criam “remoinhos”, por vezes observáveis à superfície. Os, comumente designados, vórtices são encontrados nos mais diversos locais da natureza, como correntes circulares de água vindas de marés conflitantes, como quando se mexe uma chávena de café. A direção de rotação que um vórtice adota, sentido horário ou anti-horário, depende da força que o provocou. Em condições autónomas, sofre influência inercial da rotação do planeta, chamada força de Coriolis, e faz com que os vórtices naturais do hemisfério norte girem no sentido anti-horário, e os do hemisfério sul no sentido horário. Aparentemente menos perigosas, as águas dos rios estão armadilhadas, sendo as suas correntes mais fortes do que as marítimas, e a ocorrência de redemoinhos mais frequente.

Remoinho no Pavilhão da Água

Tsunamis É uma série de ondas causadas pelo deslocamento de um grande volume de água, normalmente num oceano ou um grande lago. As ondas dos tsunamis podem atingir dimensões gigantescas, de 30 metros de altura e 200 km de comprimento, tendo energia suficiente para viajar através de oceanos inteiros a velocidades que podem atingir os 250 km por hora. A 26 de dezembro de 2004 ocorreu o tsunami mais destrutivo da história, atingindo a costa de Sumatra, na Indonésia, tendo as ondas chegado a 50 m de altura. Estima-se que perderam a vida mais de 230 mil pessoas.

Tsunami ou Maremoto

Edição nº 6 | #EMCASACOMOPAVILHAODAAGUA – Fenómenos da Natureza

3


Chuvas Ácidas Poluição: causa ou consequência?

Atividade em Família – Vamos analisar o efeito das chuvas ácidas nas plantas!

A chuva ácida ocorre quando a poluição chega às nuvens, baixando o PH da água que posteriormente chega ao solo. De uma forma simples é o excesso de CO2 e gases tóxicos que são libertados para o meio ambiente. Os gases provenientes da queima de combustíveis reagem com o oxigénio do ar e o vapor de água, transformando-se em ácidos que são depositados na superfície terrestre através da precipitação. Essa acidificação do solo e das águas superficiais exerce efeitos devastadores nos ecossistemas e representa um grave perigo para os seres vivos. Exemplo desse efeito na saúde são os problemas respiratórios, e nas casas, prédios e demais edifícios, a corrosão. A acidificação no meio ambiente, representa um enorme desgaste, como é o caso da desflorestação, provocando clareiras e dizimando as plantações, sendo a agricultura gravemente afetada.

Para verificar este fenómeno, sugerimos-lhe que realize em família, a seguinte experiência: Material:    

Plantas (de preferência alface) 3 vasos ou copos com terra Água destilada Vinagre

Procedimento 1. Plantar as alfaces em cada um dos 3 vasos. 2. Regar o primeiro vaso com água destilada. O segundo com vinagre e o terceiro com as duas soluções (0,50 ml de água e 0,50 ml de vinagre). 3. Regar com as diferentes soluções durante 15 dias. 4. Observar.

Quais as soluções a adotar para minimizar este impacto? Reduzir o consumo de energia, usar transportes públicos e utilizar fontes de energia …. Atividades Divertidas para Crianças https://bit.ly/80AtividadesCrianças Experiência Arco-Íris Doce https://bit.ly/ArcoÍrisDoce Sugestão de Filme No Olho do Furacão Singing in the Rain https://bit.ly/SintheRain

#Siga-nos nas redes sociais

Edição nº 6 | #EMCASACOMOPAVILHAODAAGUA – Fenómenos da Natureza

4


Issuu converts static files into: digital portfolios, online yearbooks, online catalogs, digital photo albums and more. Sign up and create your flipbook.