Issuu on Google+

Jornal

Itabuna Cultura & Arte 15ª Edição- Jornal on line mensal - Itabuna 11 de março de 2012

EDITORIAL Após alguns messes de recesso, o Jornal Itabuna Cultura & Arte está de volta. Envolvido de corpo e alma no Projeto do Galpão Cultural Casa de Jorge Amado, o editor e diagramador do jornal se viu assoberbado, não dando conta assim de várias atribuições. Agora que o projeto do galpão já está pronto (dependendo tão somente da prefeitura para inaugurá-lo), nós podemos retomar nossas linhas. No dia 20 de janeiro de 2011, quando lançamos a primeira edição do jornal, tínhamos um sonho de ocupar o lugar deixado pelo jornal literário ABXZ, Caminhos das Letras. Hoje, mais de um ano depois, temos a plena consciência de que estamos ainda longe disso. O saber literário, ou o pouco conhecimento dele, exige muito, por isso enveredamos pelos caminhos da informação, entretenimento, críticas etc, para compensar o nosso aprendizado em busca do conhecimento. Hoje, dia 11 de março de 2012, voltamos a postar na rede, o nosso Jornal, na certeza de que não copiamos, não imitamos, e de que não usamos as nossas linhas para denegrir ninguém. Mas vamos falar de tudo e sobre tudo do que assola a cultura da nossa cidade, e do nosso estado, tenham certeza disso. Não nos intimidamos e não nos corrompemos (É só um aviso). Voltamos com mais força e com mais vontade de lutar em prol da cultura. Ari Rodrigues -Editor

O Projeto COMBO do Grupo DIMENTI apresenta quatro espetáculos em Itabuna

No dia 3 de março, o grupo DIMENTI chegou a Itabuna com o Projeto COMBO, iniciando a turnê pelo interior do estado. O Projeto é composto dos espetáculos: EDITAL, SINGLE, Aqui se mostra o que não está aqui e SOUVENIR. Este último mereceu nosso destaque, pela criatividade e concepção. "O Souvenir pode ser um hit musical, uma silhueta, um estilhaço cultural, estetizado e estilizado de um lugar. Uma lembrança, uma memória. O souvenir é um objeto-sujeito cujo corpo é animado, cheio de fetichismo e carrega o seu contexto para a prateleira" é a definição do grupo em relação ao espetáculo.

Paulo Xavier participando do espetáculo Souvenir

O souvenir dessa dança faz uma etnografia coreográfica de quintal. A ação acontece no quintal ou no parque e lá o público nos acompanha. Os artefatos c u l t u ra i s s ã o o s p ró p r i o s performers e os pontos turísticos são as suas coleções de biografias e repertórios coreográficos. São pessoas/artistas, mas talvez pudessem ser chaveiros, miniaturas, réplicas coloridas ou postais. O quintal escolhido foi o da casa do professor Sérgio Murilo na Mangabinha. O anfitrião foi o produtor artístico Paulo Xavier (irmão de Sérgio), que fez uma participação especial no quadro.

Março, o mês da Mulher! No mês dedicado as mulheres, a ACATE-Itabuna, dedicou uma singela homenagem a melhor criação de Deus.


15ª edição do Jornal Itabuna Cultura e Arte