Page 1

AGENDA CULTURAL LISBOA NOV 2017


Mundo

Distante

Na Comuna Teatro de Pesquisa de 3 a 26 de Novembro 2017 De quarta a sábado às 21h:30 | Domingos às 16h:30 Texto: Nuno Costa Santos Encenação e versão cénica: João Rosa Atores: Eduardo Frazão Manuel Coelho (gentilmente cedido pelo TNDM II) Letras slam poetry: Pedro FM da Silva Músicas para Slam Poetry: Gui Garrido Desenho de Luz: João Rosa Fotografia cena: Vitorino Coragem Produção: www.oficinasteatrolisboa.com Informações/reservas: geral@oficinasteatrolisboa.com | Tel: 934 512 418 Apoios

Classificação etária M/14 Produção


150 ANOS TEATRO DA TRINDADE 2

PEREGRINAÇÃO

DE JOÃO BOTELHO

20 GRADA

12

68 MÃO

ENTRE VISTAS KILOMBA MORTA CADERNOS ESPECIAIS TEMPS D’IMAGES 26 LISBON & SINTRA FILM FESTIVAL 44 FESTIVAIS DE MÚSICA EM NOVEMBRO 66

DESTACÁVEL LISBOA CAPITAL IBERO-AMERICANA DE CULTURA 53

CONVERSAS DE LISBOA

ANTÓNIO ARAÚJO 106

AGENDA

ARTES28 CIÊNCIAS40CINEMA46 DANÇA50 LITERATURA62 MÚSICA72 TEATRO76 VISITAS GUIADAS80 CRIANÇAS86

ARQUIVOS DE LISBOA 112


2

150 ANOS ´ MEMORIAS DO TEATRO DA TRINDADE A mais “moderna casa de espetáculos do Chiado” abriu portas a 30 de novembro de 1867. Consequência da vontade indómita de Francisco Palha, homem que, como escreveu Victor Pavão dos Santos, “viveu dominado pela paixão do Teatro”, o Trindade depressa se tornou ex-líbris da capital. Conta-se que, naquela primeira de incontáveis gloriosas noites, não terá sido propriamente o espetáculo a impressionar, mas sim o edifício e a sala “afrancesada”, tão ao gosto de uma sociedade lisboeta que Eça de Queiroz tão brilhantemente ilustrou. Finda esta introdutória memória que a história nos legou, e 150 anos depois de atores míticos, como Rosa Damasceno ou Augusto Rosa, terem subido ao palco, seis personalidades com confessada ligação afetiva e artística ao Teatro da Trindade partilham connosco um conjunto de pequenas memórias. Reportagem FREDERICO BERNARDINO Fotografia FRANCISCO LEVITA / HUMBERTO MOUCO


3

BEATRIZ BATARDA ENCENADORA E ATRIZ

DIRIGE, COM MARCO MARTINS, TODO O MUNDO É UM PALCO, O ESPETÁCULO COMEMORATIVO DOS 150 ANOS.


4

T E AT R O DA T R I N DA D E 1 50 A N O S

NO ANO DE LISBOA´94,

CURIOSAMENTE, UM

o Trindade recebeu o Teatro da Cornucópia com O Conto de Inverno, de Shakespeare. No papel de Perdita, Beatriz Batarda fazia a sua estreia em teatro enquanto profissional. “Era muito jovem e completamente inconsciente”, confessa a atriz. “Tinha acabado de filmar A Caixa [de Manoel de Oliveira] e surgiu o convite do Luís Miguel Cintra para o papel. Penso que, para ele, a minha inexperiência poderia, talvez, favorecer aquilo que pretendia da personagem”. Na bela sala do Trindade, Beatriz envergava “um vestido lindo, feito pela Cristina Reis, que ainda hoje não é possível esquecer”. Mas, o conto de princesa teve um revés: à época, mandavam as regras que as vozes dos atores numa peça de Shakespeare não seriam amplificadas e “a minha voz não chegava para lá da terceira fila”. Numa

dos nossos mais reconhecidos pianistas estreou-se profissionalmente numa peça de teatro. Foi em 1980 que Mário Laginha integrou o quinteto

BEATRIZ BATARDA crítica de João Carneiro, “a minha participação foi referida como sendo de uma inépcia total”. Perante tão demolidor parecer, em Beatriz nasceu “a vontade de ser, efetivamente, atriz e investir a sério numa formação em teatro”. 23 anos depois, é uma figura consagrada do teatro português, tendo-lhe sido endereçado o convite, pela Fundação INATEL, para dirigir, em conjunto com Marco Martins, o espetáculo comemorativo dos 150 anos do Teatro da Trindade.

MÁRIO LAGINHA de músicos (com Carlos Bica, Tomás Pimentel, Manuel Martins e Manuel Fatela), que acompanhava a ação de BAAL, peça de Brecht, com encenação de João Lourenço. “Tinha 20 anos e foi a primeira vez que tive aquilo que se podia considerar um emprego”, refere o músico, lembrando a honra de partilhar o palco do Trindade com um Mário Viegas em estado de graça, “e todo um elenco de atores e atrizes maravilhosos”. Laginha recorda a irreverência de juventude, explicação de múltiplas histórias – “algumas incontáveis”, sussurra. Na peça, os músicos estavam permanentemente em palco, mesmo quando havia blackout entre cenas. “Como estivemos em cena durante muitos meses, começou a ser hábito, durante o ‘escuro’, pregarmos partidas uns aos outros. Numa das últimas récitas, o Carlos Bica decide despejar arroz sobre o teclado do piano. Mas, era arroz agulha e sucedeu um problema: os bagos começaram a entrar entre teclas. Quando precisei de acompanhar a Irene Cruz num arpejo, as teclas prenderam e foi o caos. Foi bastante assustador para mim, mas no fim acabámos todos a rir”, conclui o músico com um sorriso aberto.


5

MÁRIO LAGINHA MÚSICO ESTREIA-SE PROFISSIONALMENTE EM BAAL , DE BERTOLT BRECHT, EM 1980.


6

RUI MENDES ENCENADOR E ATOR

DIRIGIU, EM 2009, OS MAIAS , A PARTIR DE EÇA DE QUEIROZ, UM DOS ÚLTIMOS GRANDES SUCESSOS DE PÚBLICO.


7

LEONILDO ALMEIDA FISCAL

FUNCIONÁRIO DA FUNDAÇÃO INATEL DESDE OS ANOS DE 1990, TORNOU-SE UM ROSTO ICÓNICO PARA O PÚBLICO HABITUAL .


8

T E AT R O DA T R I N DA D E 1 50 A N O S

NÃO FOI COMO O ATOR

NEM SÓ OS ARTISTAS

que todos reconhecemos que se estreou no Trindade. Em 1955, o muito jovem Rui Mendes concebeu cenários naquele que foi o primeiro espetáculo do Grupo Cénico de Direito, dirigido pelo “furioso do teatro Malaquias de Lemos”. No ano seguinte, pisaria o palco como ator numa adaptação do romance de Stevenson A Ilha do Tesouro, onde partilhou os aplausos com José Viana. Mas, as primeiras e mais caras memórias que guarda do Teatro da Trindade são como

fizeram a história do Trindade. Por isso mesmo, numa homenagem aos que nunca tiveram créditos assinalados nos escaparates, mas que se tornaram facilmente reconhecíveis pelo público mais habitual, fomos ao encontro

RUI MENDES espetador de Ribeirinho, “um homem demasiado avançado para o seu tempo, sobretudo nos tempos da companhia Os Comediantes de Lisboa, e que marcou toda uma geração de conhecidos nomes do teatro”. “Não esqueço as encenações magníficas que aqui vi de À Espera de Godot e Noite de Reis”, sublinha. Em 2009, enquanto encenador, Rui Mendes dirige a versão de António Torrado do mais famoso romance de Eça Os Maias. “Apesar de haver muita gente aqui no Trindade que não acreditava no projeto, Os Maias estiveram em cena vários meses, tendo uma lotação média de 440 espetadores, ou seja, sempre superior à lotação oficial da sala”, relembra. “Ouvi dizer que, com a receita da peça, se pintou a fachada e se fizeram obras no interior do Teatro. Ouvi dizer…”

LEONILDO ALMEIDA de Leonildo Almeida. São quase 30 anos de serviço ao Teatro, e poucos se podem arrogar de o conhecer tão bem quanto ele. Depois de ter perdido o emprego, um familiar sugere-lhe que concorra a uma vaga no quadro da Fundação INATEL para desempenhar funções no bar do Teatro. “Ali estive dois anos, até me convidarem para ser fiscal”, ou seja, aquele que confere os bilhetes à entrada do foyer. As histórias que tem para contar ilustram bem os tempos recentes, percorrendo desde os caprichos de artista até aos modos de ser e estar dos vários públicos da casa. Há uns anos, durante um espetáculo de teatro escolar, a paz reinante do lado de fora da sala durante as récitas foi, de súbito, interrompida. “Ao entrar na sala principal do Teatro, deparei com centenas de jovens na plateia a lutarem entre si. A causa foi, no mínimo, bizarra: tudo começou porque o galã da peça era disputado por duas raparigas da assistência”. Antes que a comédia desse em tragédia, o Sr. Leonildo foi forçado a chamar a polícia, e consta que o espetáculo lá continuou.


9

ELSA SAQUE CANTORA LÍRICA

INTEGRA A COMPANHIA PORTUGUESA DE ÓPERA, DIRIGIDA POR JOSÉ SERRA FORMIGAL, EM 1965.


10

T E AT R O DA T R I N DA D E 1 50 A N O S

A CASA DOS AVÓS FICAVA

DEPOIS DE CUMPRIR O

“bem perto do Teatro, na Rua Nova da Trindade, sobre a Academia dos Amadores de Música”, onde Elsa Saque e os irmãos estudaram. Por imposição da mãe, Elsa acompanhava a irmã Zuleika ao São Carlos, onde esta integrava o coro e “gradualmente se foi afirmando”.

serviço militar, na Guiné, chegou a Lisboa para cursar Escultura. Mas, à volta de 1971, o Conservatório abria o curso de Cenografia e José Carlos Barros tomou a opção de se matricular. Enquanto exemplo tido pelos docentes de teatro à italiana, era normal os alunos descerem do Bairro Alto até ao Trindade para o estudar. E “este edifício interessou-me mais do que qualquer outro”. Após o curso, passa alguns anos no D. Maria II até surgir um convite do INATEL para

ELSA SAQUE Quando em 1963, depois da aquisição do Trindade pela FNAT (antecessora do INATEL), Serra Formigal, “entusiasta e amante da ópera”, decide criar a Companhia Portuguesa de Ópera, Zuleika é contratada. “Uma noite, o Dr. Serra Formigal telefona para a minha irmã a perguntar por mim. Apesar de ser estudante de piano, integrava na altura o Coro da Gulbenkian, mas havia um pequeno papel na Tosca que eu poderia interpretar”, recorda a cantora que, apesar da concordância pronta da irmã, não pretendia, de todo, aceitar o convite. Mas, estava marcado nos céus que assim nasceria uma estrela. Em 1965, Elsa estreia-se no terceiro ato da ópera de Puccini, “mal entrando em cena, porque não saía bem lá do fundo do palco”. A experiência foi reveladora: “descobri que gostava de representar”. Foi o início da carreira de uma das nossas mais amadas cantoras líricas que, ainda hoje, confessa comover-se ao lembrar aquele “público tão eclético do Trindade, que se emocionava e até cantava, e tanto carinho nos deu”. Até ao final da Companhia, em 1975.

JOSÉ CARLOS BARROS assumir funções no Trindade. Aceitou e, em 1986, é-lhe proposto o cargo de diretor do Teatro, cabendo-lhe a difícil tarefa de o recuperar. “Depois de Serra Formigal o Trindade não mais teve um diretor. Após o 25 de Abril, o Teatro sofreu uma degradação profunda e, quando cá cheguei, era quase uma ruína”, lembra o cenografista, conceito que prefere a “cenógrafo”. “Aqueles primeiros anos foram uma beleza: restaurávamos o Teatro e oferecíamos programação cultural em simultâneo, num conjugar perfeito entre trabalho técnico e trabalho artístico”. Posteriormente, José Carlos Barros passa a diretor técnico, cargo que ocupa até 2000. O seu amor pelo Trindade surge vertido em cada palavra, ao ponto de afirmar que “mesmo que apaguem todas as luzes, sou capaz de o percorrer de cor, tantos foram os anos que o estudei.”


11

JOSÉ CARLOS BARROS CENOGRAFISTA

COM UMA LIGAÇÃO DE DÉCADAS AO TEATRO, FOI DIRETOR ENTRE 1987 E 1994, ANO DA CAPITAL EUROPEIA DE CULTURA .


12

A PEREGRINAÇÃO “Será um filme de aventuras, com efeitos especiais, sobretudo nas cenas que revisitam o género da pirataria”. O comunicado da Ar de Filmes, segundo o qual João Botelho se preparava para rodar em Portugal parte da adaptação ao grande ecrã da Peregrinação de Fernão de Mendes Pinto, espicaçou-nos a curiosidade. Fizemo-nos convida-


13

Reportagem MANUELA COSTA Fotografia HUMBERTO MOUCO

DE JOÃO BOTELHO dos a espreitar as filmagens em Lisboa, a decorrer na bela e apocalítica Igreja de São Domingos, que o realizador já tinha passado à tela no Filme do Desassossego. E fomos dar com todo um aparato de cabos, focos, telas e movimentações da equipa técnica por entre a luz vermelha das velas e o rumor das orações dos crentes.


14A

P E R E G R I N AÇÃO D E J OÃO B OT E L H O

“Quanto mais velho estou, mais me interessam as coisas boas da arte portuguesa, como os grandes livros.”


15


16A

P E R E G R I N AÇÃO D E J OÃO B OT E L H O


17

“É um grande texto de aventuras, se calhar um dos grandes livros de viagens, e se calhar o primeiro bestseller português.”


18A P EPREERG ER GIRNIAÇÃO N AÇÃO D ED EJ OÃO J OÃOB OT B OT E LEHLO HO

“Uma coisa de que nos podemos orgulhar é da multiculturalidade que se sente cada vez mais em Lisboa, como há 500 anos...”


19

MUITAS CULTURAS NUMA VIAGEM LOUCA Encontrámos o diretor de fotografia Luís Branquinho atrás da câmara dirigida aos atores Dinis Neto e Alexander David, enquanto o produtor Alexandre Oliveira nos introduzia a “um momento especial do filme, que acontece 31 anos depois da morte de Fernão Mendes Pinto, com a presença do editor holandês e do padre jesuíta, em que chega a autorização da Inquisição para publicar a Peregrinação . Assumidamente inspirado no Dreyer de Joana D’Arc, aquele momento era o culminar de um processo que já ia longo.

Tendo filmado os fundos de exteriores na Ásia, calhou bem à produção do filme encontrar personagens do mundo inteiro em Lisboa. “O Martim Moniz, mesmo aqui ao lado, é o coração de todas estas comunidades. Contactámos associações da China, de Timor, do Japão, etc, e fomos juntando todas estas culturas para nos ajudarem a montar esta viagem louca. Uma coisa de que nos podemos orgulhar é da multiculturalidade que se sente cada vez mais em Lisboa, como há 500 anos atrás. A verdade é que Lisboa, com a sua dimensão cosmopolita nessa época, era os pés do império. E eu sempre disse este também é um filme sobre Lisboa.”

A par da cidade, que também lhe serve de residência, outra coisa cada vez mais presente na filmografia de João Botelho é a literatura. Como explica o próprio: “Quanto mais velho estou, mais me interessam as coisas boas da arte portuguesa, como os grandes

livros. Comecei aqui há uns tempos, com o Garrett, o Quem és Tu?, depois fiz a Agustina, com A Corte do Norte, o Filme do Desassossego, Os Maias … E acho que a Peregrinação é um texto notável da literatura portuguesa. Para além de ser um grande texto de aventuras, e se calhar um dos grandes livros de viagens, e se calhar o primeiro bestseller português. Ele escreveu um tratado de uma coisa que é contemporânea. Que se ajusta à ideia da conciliação dos povos, porque o mundo hoje joga-se entre o oriente e o ocidente. E se houver esse encontro com respeito do outro, é uma coisa boa; se houver um regresso ao obscurantismo, à ideia de que o outro é diferente, e por ser diferente é mau, é uma tragédia.”

Tantos livros mais tarde, Alexandre Oliveira continua a encontrar aqui uma das partes mais estimulantes do trabalho que há mais de 14 anos desenvolve com o realizador: “Antes de fazermos Os Maias houve muita gente a dizer que íamos pôr os miúdos a ver o filme e eles nunca mais iam ler uma página. Mas a verdade, muito gratificante, é que as vendas do livro do Eça de Queiroz quadruplicaram. Nesse sentido, a Peregrinação foi um passo à frente, efetivamente. Não é que me importe de produzir um filme intimista, mas se um realizador tem oportunidade de me trazer este desafio, da fixação dos grandes clássicos, para fazerem parte da nossa memória coletiva, então é uma coisa magnífica.” A viagem conclui-se no dia 2 de novembro, com a chegada às salas de cinema.


20

ENTREVISTA GRADA KILOMBA

Duas exposições em Lisboa Grada Kilomba é uma escritora, professora e artista interdisciplinar portuguesa que tem visto o seu nome ser cada vez mais solicitado nos circuitos mundiais da arte contemporânea. A residir em Berlim, Grada apresenta agora as suas duas primeiras exposições individuais no nosso país. ANA RITA VAZ A sua formação é em psicologia clínica e psicanálise. Como é que a arte surge no seu percurso? Na minha família, fui a primeira que teve a grande oportunidade de estudar, e estudar significava “fazer algo sério”, arte era vista como uma paixão, que se alivia no tempo livre. E de todas as coisas “sérias” o que mais me apaixonava era a psicanálise, por isso a escolhi como o meu começo. Mas esta escolha não foi por acaso, pois a psicanálise trabalha com o inconsciente, assim como a arte. Trabalha com imagens, com símbolos, metáforas e interpretações da realidade. Por isso esta passagem foi muito natural. Logo depois de concluir os meus estudos, comecei por trabalhar com “sobre-

viventes de guerra”, e com temas ligados à memória, trauma, pós-colonialismo. Rapidamente estes temas passaram a ser escritos, depois encenados, depois visualizados, e o meu trabalho tornou-se cada vez mais experimental e artístico. Penso que a arte é como um rio que percorre muitos caminhos, mas acaba sempre por desaguar nas águas do mar. Sinto-me um pouco como um rio que passou por vários sítios até chegar ao mar. Que influência tem a psicologia na sua obra? A psicanálise é muito presente no meu trabalho, não pelo facto de eu ter estudado, mas muito mais porque houve uma série de artistas e autores impor-


© Zé de Paiva

21


22

E N T R E V I S TA G R A DA K ILO M B A

tantíssimos na minha carreira que me podem aparecer em múltiplos e híbridos inspiraram e, acima de tudo, me deram formatos: numa leitura encenada em que uma linguagem psicanalítica e visual os atores dão voz às histórias como em para lidar com a minha história - o que Plantation Memories (em ambas exposinão aconteceu com o curriculum da uni- ções); ou numa instalação de vídeo como versidade. Autores como Frantz Fanon, The Desire Project em que o próprio texto Toni Morrison, bell hooks, W.E.B. du se torna a imagem e a música se torna a Bois, Audre Lord, e os seus livros que voz (no MAAT); ou Illusions em que a hisforam verdadeiras bíblias para mim, e tória de Narciso e Eco é coreografada e que nunca encontrei nas bibliotecas da ao mesmo tempo narrada num segundo universidade, mas que lia repetidamente ecrã, juntando filme e performance numa em casa nos originais em francês e in- instalação (que foi mostrada este ano na glês. Estes tinham uma abordagem não Documenta 14 em Kassel, e especialmente só analítica, mas extremamente visual e reconfigurada para a exposição da Avemetafórica da realidade nida da Índia). Cada tema pós-colonial, que me ene cada história precisa da cantou e me definiu como A PSICANÁLISE sua própria linguagem TRABALHA COM O artista. e formato para ser conINCONSCIENTE, ASSIM tada, e é muito excitante COMO A ARTE. Como é que as suas lei- TRABALHA COM “escutar” como uma histuras encenadas, as suas IMAGENS, COM tória quer ser contada. performances e as ins- SÍMBOLOS, METÁFORAS talações de vídeo e som E INTERPRETAÇÕES DA O seu trabalho tem subliREALIDADE. ganham vida? nhado a urgência de uma Julgo que a escrita é o codescolonização mental meço de todos os meus trabalhos. Traba- que não está cumprida, apesar das deslhar com texto, com palavras, com histó- colonizações formais. Pode explicar? rias, e construir narrativas, é sempre a A descolonização mental parece-me primeira fase do meu trabalho. Os meus ser a mais urgente, mas também a mais textos têm uma textura híbrida, são si- complexa, pois tem a ver com a criação multaneamente subjetivos, políticos, de uma nova linguagem, não só gráfiteóricos, mas também poéticos. E é exa- ca, mas também visual. E digo isto por tamente esta forma de conhecimento que uma razão muito simples: toda a linguame interessa tornar vivido, emocional e gem colonial, e a linguagem do racismo, corporal - por isso eu tenho chamado o é discursiva. Ou seja, o racismo não é meu trabalho de Performing Knowledge. algo biológico, mas discursivo, funciona Esta é a segunda fase do meu trabalho e através de uma associação de palavras a que melhor define aquilo que faço, que e de imagens, que não são reais, mas é dar corpo, som, imagem, movimento que se tornam equivalentes através de aos meus textos. Quando passo a esta uma associação. Por exemplo, um tema segunda fase, não estou particularmente atual como a imigração. Quando se fala interessada em trabalhar com um único de imigração fala-se geralmente de “imiformato, como filme, ou performance, ou grantes ilegais”, associação entre duas teatro, mas sim em contar histórias. Elas palavras não equivalentes, mas que se


23

tornam, através de um processo associa- “africanos” sejam removidos ou que não tivo de palavras. Palavras que, por sua possam mais falar as “suas” línguas denvez, criam imagens: ser ilegal, significa tro da galeria. Isso, ela insistiu, manteria ser ilegítimo; ilegítimo significa ser con- a ordem de como uma exposição e a arte tra a lei; ser contra a lei significa ser cri- deveriam ser vivenciadas. minoso; e os criminosos metem medo. O Esta história verdadeira revela a incapadiscurso sobre a imigração é um discur- cidade das instituições artísticas, cultuso de medo, e se perguntarmos em ge- rais, mas também académicas, lidarem ral o que a maioria das pessoas pensam não só com a realidade pós-colonial, mas sobre os “imigrantes”, elas responderão também com os seus sujeitos, com as “que têm medo”. suas línguas, narrativas, imagens e coEstas associações são registadas pelo nhecimentos. nosso inconsciente, e reproduzem-se Durante todos estes anos tenho mostraatravés de um discurso de palavras e do o meu trabalho internacionalmente, de imagens que não são nas mais distintas casas, reais, mas que se tornam mas é a primeira vez na credíveis. Por isso a arte, A ARTE, ASSIM COMO minha carreira que receassim como a literatura, A LITERATURA, TÊM bo um convite de Portutêm um papel tão impor- UM PAPEL MUITO gal onde nasci e cresci. tante em criar novas as- IMPORTANTE EM CRIAR Nas minhas viagens de sociações, novas palavras NOVAS ASSOCIAÇÕES, trabalho quando digo NOVAS PALAVRAS E e imagens. que sou portuguesa, resIMAGENS. pondem-me com entuNa Galeria Avenida da siasmo que o português Índia expõe, até março, é “the most beautiful The Most Beautiful Language. O que language”. Esta é uma situação irónica, é que essa língua tão bela tem para nos que eu queria usar como título para esta dizer? primeira exposição individual em PortuNo catálogo desta exposição, a minha gal, e que levanta duas questões: quais os curadora Gabi Ngcobo escreveu um tex- corpos que podem representar esta línto lindíssimo que conta a história de uma gua tão bela? E que línguas é que estes senhora que, nos anos 50, escreveu uma corpos falam? carta à Galeria Nacional do Zimbabwe Como na história acima, o título The Most (na altura Rhodesia), a expressar a sua Beautiful Language brinca com a fantasia irritação pelo facto dos “homens africa- de que as línguas dominantes possuem nos” trabalharem dentro dos museus, a uma beleza que fica acima das línguas cuidar das peças de arte. Ela estava espe- que continuam a ser reprimidas e apacialmente irritada com o som da língua gadas através dos processos de colonideles, que conversavam na língua Sho- zação. E, por outro lado, o título alude na. Para a Sra. Brown, o nome dela, o à importância de criar novas línguas arsom desta língua nos espaços do museu tísticas, e que estas possam ser ouvidas, perturbava profundamente as suas ex- visualizadas e vivenciadas, em espaços petativas de como arte deveria ser viven- como museus e galerias. Para mim, esta ciada. Na carta, ela sugere então que os exposição está recheada de novas lín-


24


E N T R E V I S TA G R A DA K ILO M B A

guas, línguas que muitos de nós nunca pudemos falar antes.

O seu nome é um dos mais requisitados nos circuitos internacionais de arte contemporânea. Como é que só agora Em paralelo, no MAAT está patente a surgiu a oportunidade de expor indiviexposição Secrets to Tell, onde o as- dualmente em Portugal? sunto é, uma vez mais, a palavra. Que Esta é a resposta mais simples, começa importância tem ela para si? com R e acaba com O, e chama-se racisNesta exposição a palavra torna-se li- mo. Há um racismo institucionalizado e teralmente visível, pois a peça central estrutural que nos acompanha diariaserá a instalação de vídeo The Desire Pro- mente e que consegue construir uma ject, que foi originalmente criada para normalidade, em que as pessoas negras a Bienal de São Paulo, em 2016. Esta no nosso país são sistematicamente instalação é composta por três canais e excluídas das estruturas e das instituicontada em três atos, e a sua particula- ções, sem que isso seja necessariamente ridade é que a palavra é usada como o visto como anormal. único elemento visual. É como ver um filme dos Como ponto de partida anos 50, em que quase tive a história da Escra- HÁ UM RACISMO todos os personagens va Anastácia, uma figura INSTITUCIONALIZADO são homens, sem que feminina que durante a E ESTRUTURAL QUE isso incomode os espeescravatura foi obrigada NOS ACOMPANHA tadores. É criada uma a usar uma mordaça e DIARIAMENTE E QUE normalidade que não é impedida de falar, como CONSEGUE CONSTRUIR normal. era habitual. Esta figura UMA NORMALIDADE. O racismo tem essa capatem sido uma grande inscidade de tornar o anorpiração no meu trabalho, mal ou o incoerente, em pois levanta questões como: Quem pode algo normal. E não há nada mais viofalar? Quem é que não pode? E, acima lento do que lidar com a incoerência. É de tudo, sobre o que é que se pode falar? incoerente quando artistas e intelectuais Para abordar estas questões, que ainda negros são reconhecidos internacionalsão atuais, usei o texto como única ima- mente, mas não podem fazer parte do câgem visual que se movimenta para nar- none nacional. E aqui temos que pergunrar uma história. Da mesma forma es- tar de novo: quais os corpos que podem colhi usar a música como um elemento representar a língua mais bela; e quais as de narração. Para isso, em colaboração línguas é que estes corpos falam? com Moses Leo, que compôs a música, Estes convites são importantíssimos, trabalhamos durante semanas no texto pois mostram que estamos prontos para e na percussão até que ambos se tornas- criar uma nova normalidade, não só para sem um e respirassem como um corpo mim, mas para muitos outros artistas vivo. que incoerentemente têm sido colocados A música, assim como a palavra, torna- à margem dos museus e das galerias na-se central neste trabalho, e ambos apa- cionais. E isso é maravilhoso… recem como uma nova linguagem para narrar uma história silenciada. VER PÁGINA 32

25


26

15ª TEMPS EDIÇÃO

13 OUT > 5 DEZ

D´IMAGES

Nesta 15ª edição do Festival Temps D’Images, iniciada no passado mês de outubro, foram já apresentadas algumas propostas em que teatro e performance se misturam. Porém, o evento reserva a parte mais significativa da programação para o mês de novembro e primeiros cinco dias de dezembro. O cruzamento entre as artes performativas e a imagem são o mote original deste acontecimento, que apresenta uma vasta lista de programadores de espaços tão emblemáticos como: Rua das Gaivotas 6, Teatro da Trindade, Maria Matos e São Luiz (teatros municipais). As edições sucessivas do festival têm ainda permitido o fortalecimento de uma rede de criadores e parceiros, a par de um público cada vez mais fidelizado que, ano após ano, têm dado a matriz identificativa do Temps d’Images, festa temática e transdisciplinar que tem lugar em Portugal e noutros nove países europeus, para além do Canadá. Ricardo Gross


@Elizabeth Vieira Alvarez

@Fernando Alves_David Marques e Tiago Cadete

27

APAGÃO

DE DAVID MARQUES E TIAGO CADETE ZDB NEGÓCIO | 7 A 9 DE NOVEMBRO, ÀS 21H30

Para criar uma maior atenção ao que se passava em cena perante os olhos do espetador, Richard Wagner escureceu a plateia, o que permitiu uma maior imersão do público no espetáculo e a exploração de efeitos óticos e ilusões. Em Apagão não só se retira a luz da plateia - como fez Wagner - mas também a do palco, tal como no teatro negro, que explorava o desaparecimento de corpos e objetos sobre um fundo negro que enganava o olhar. RG

NO INTERVALO DE UMA ONDA

UM SOLO DE RAFAEL ALVAREZ / BODYBUILDERS ZDB NEGÓCIO | 1 A 4 DE NOVEMBRO, ÀS 21H30

No Intervalo de uma Onda assinala os 20 anos de percurso profissional na Dança de Rafael Alvarez, e o primeiro ano de atividade da BODYBUILDERS, resultando na estreia dupla do espetáculo, em Tóquio e Lisboa. Uma imagem iniciática motiva a criação deste solo – A Grande Onda de Kanawaga, obra icónica do pintor japonês Hokusai, criada em 1830. Um solo de sombras, evocações e máscaras, corporalizado pela onda de Hokusai, é um convite à viagem e à quietude. RG

NUNCA AS MINHAS MÃOS FICAM VAZIAS

SILÊNCIOS DO OLHAR

O documentário de Miguel Munhá acompanha o percurso do artista Faustin Linyekula, em Lisboa, no âmbito da bienal Artista na Cidade (edição 2016). O bailarino, coreógrafo e encenador congolês foi convidado a criar e a intervir na cidade em colaboração com várias entidades. A sua obra, assumidamente política, denuncia a corrupção, opressão e violência vividas pelo povo do Congo. Todavia, Faustin trabalha para uma mudança, um futuro melhor. O filme apresenta a dualidade da sua obra. AF

Homenagem à vida e obra do cineasta José Álvaro Morais, que faleceu em 2004. O documentário dá a conhecer a sua visão profunda do cinema como forma de arte, reunindo excertos da filmografia do realizador e testemunhos daqueles com quem se relacionou, quer na amizade, quer no trabalho. AF

DE MIGUEL MUNHÁ CINEMA IDEAL | 24 DE NOVEMBRO, ÀS 19H30

DE JOSÉ NASCIMENTO CINEMA IDEAL | 25 A 29 DE NOVEMBRO, ÀS 19H30


28

A RT E S

RUA DE XABREGAS, 49 4 A 26 DE NOVEMBRO FACEBOOK.COM/BORDALOII

BORDALO II ATTERO BY BORDALO II Bordalo II, um dos mais promissores artistas de arte urbana portuguesa, apresenta, pela primeira vez, uma grande exposição do seu trabalho em solo nacional e fá-lo fora do circuito de galerias e museus. Attero é um incontornável comentário à nossa sociedade consumista e à forma como exploramos, muitas vezes de forma abusiva, os recursos que a Natureza nos dá. Bordalo II convida o visitante a entrar no seu espaço de criação, levando-o ao questionamento e à reflexão do seu próprio papel enquanto ator na sociedade em que se I N AU G U R A M ALECRIM 50 - GALERIA DE ARTE TER A SÁB: 14H-19H

LUÍS ALMEIDA

PLAYING WITH FIRE

Desenho, pintura A PARTIR 9 NOV

COYOTE UGLY Coletiva ATÉ 4 NOV

APPLETON SQUARE TER A SÁB: 14H-19H

JOÃO CRISTÓVÃO LEITÃO E JOÃO PEDRO FONSECA

insere. Esta retrospetiva dos trabalhos desenvolvidos pelo artista até hoje - criações feitas de lixo que é transformado pela mão e visão de Bordalo II em algo maior - onde se integram peças de diferentes escalas e novas abordagens expositivas, resultantes da exploração de novos media, tem também uma forte componente pedagógica. Ao longo das três semanas da mostra, é possível assistir à construção, pelas ruas da cidade, de Big Trash Animals, workshops, visitas guiadas, projeção de documentários, entre outros. Ana Rita Vaz FESTIVAL TEMPS D’IMAGES Coletiva 19 A 24 NOV

BRUNO CIDRA E GONÇALO BARREIROS Coletiva 30 NOV A 21 DEZ

MARIANNE MUELLER FACING WEST

ATÉ 11 NOV CASA DO ALENTEJO SEG A DOM: 10H-22H

MAFALDA D’EÇA Escultura, pintura 4 A 17 NOV


A R T E S I N AU G U R A M

EXPANSÃO URBANA DA CIDADE DAS PORTAS DE SANTO ANTÃO ÀS PORTAS DE BENFICA

ESQUELETOS COLATERAIS

JOSÉ PINTO NOGUEIRA

PEDRO CALAPEZ

6 A 17 NOV

Desenho 18 NOV A 1 DEZ

JOÃO CARVALHO

Coletiva, pintura ATÉ 11 NOV

GALERIA BELO GALSTERER TER A SEX: 12H-19H, SÁB: 14H-19H

TRAÇÃO E COMPRESSÃO SIMPLES ENTRE LIMITES ELÁSTICOS 17 NOV A 20 JAN

Fotografia ATÉ 3 NOV

RITA GT

CENTRO CULTURAL DE BELÉM SEG A SEX: 8H-20H, SÁB, DOM: 10H-18H

ATÉ 4 NOV

NEIGHBOURHOOD, WHERE ÁLVARO MEETS ALDO 14 NOV A 11 FEV

CENTRO DE DOCUMENTAÇÃO DO EDIFÍCIO CENTRAL DO MUNICÍPIO SEG A SEX: 8H-20H

SÉRGIO LISBOA

LISBOA DAS MIL LUZES Pintura 21 NOV A 11 DEZ

NINA FRASER DIA A DIA

Colagem ATÉ 20 NOV ESPAÇO SANTA CATARINA SEG A SEX: 14H-20H

RETURN TO EARTH

PEDRO SOUSA VIEIRA BOUM

ATÉ 4 NOV GALERIA BOAVISTA TER A SEX: 10H-12H30/14H17H30, SÁB, DOM: 14H-17H30 (ÚLTIMA ENTRADA)

AN INCANTATION FIXED AT ITS CULMINATING POINT

OPEN CALL JOVENS CURADORES 2016 Coletiva 17 NOV A 31 DEZ

GALERIA LA CANOPÉE QUI A SÁB: 15H-18H

MURIEL GOARIN E HERVÉ GOARIN AN INVITATION TO JAPAN

MARGARIDA ALFACINHA

Pintura, vídeo 18 NOV A 15 DEZ

Desenho 2 A 16 NOV

GALERIA MONUMENTAL TER A SÁB: 15H-19H30

FABULA URBIS SEG A SÁB: 11H-13H30/15H-20H

VARIAÇÕES DE UM OSSO PARA CÃO

4D DINASTIAS DE PORTUGAL

MOSAICO

Coletiva, pintura 4 NOV A 24 FEV GALERIA ABRAÇO TER A SÁB: 12H-20H

MÁRIO GOMES

A REVOLUÇÃO AMOROSA SOCIAL Colagem, serigrafia 2 NOV A 3 DEZ

GALERIA BANGBANG QUA A SÁB: 12H30-19H

DANIELA NUNES Pintura 24 NOV A 13 JAN

ANTÓNIO SALVADOR CARVALHO E PEDRO ZAMITH

LUÍS BRILHANTE Desenho, pintura 4 NOV A 16 DEZ

MARIA PEDRO OLAIO PASSADO IMPERFEITO Escultura 4 NOV A 16 DEZ

GALERIA PEDRO CERA TER A SEX: 10H-19H, SÁB, DOM: 14H-19H

29

O GOSTO SOLITÁRIO DE GRAVAR 10 NOV A 7 JAN

GALERIA REVERSO SEG A SEX: 14H-19H

PÉROLAS PARA QUE TE QUERO Coletiva, joalharia 25 NOV A 10 JAN

RESIDÊNCIAS DA FAMÍLIA REAL ROMENA Fotografia 17 NOV A 9 JAN EG

LIVRO COMO OBJETO DE ARTE - A LETRA Coletiva, escultura, gravura, pintura ATÉ 13 NOV

MAAT - MUSEU DE ARTE, ARQUITETURA E TECNOLOGIA QUA A SEG: 12H-20H

GRADA KILOMBA SECRETS TO TELL Instalação, vídeo 8 NOV A 5 FEV

JOSÉ CARLOS TEIXEIRA ON EXILE

Fotografia, instalação, vídeo 8 NOV A 5 FEV

ANA JOTTA BÓNUS

Desenho, escultura, instalação, pintura 8 NOV A 5 FEV

ELECTRONIC SUPERHIGHWAY 1966-2016)

Coletiva, desenho, escultura, fotografia, multimédia, pintura 8 NOV A 19 MAR

QUOTE/UNQUOTE. ENTRE APROPRIAÇÃO E DIÁLOGO Coletiva ATÉ 5 FEV

BILL FONTANA

DAVID THORPE

Instalação, vídeo ATÉ 12 FEV

LUSH UNDERGROUND ATÉ 11 NOV

GALERIA QUADRUM TER A SEX: 10H-13H/14H-18H, SÁB, DOM: 14H-18H

ANA GALVÃO

Coletiva, vídeo ATÉ 30 ABR

MAC - MOVIMENTO ARTE CONTEMPORÂNEA SEG A SEX: 15H-20H, SÁB: 15H-19H ÁLVARES CABRAL

INSTITUTO CULTURAL ROMENO SEG A QUI: 10H-17H, SEX: 10H-13H

PALOMA VARGA WEISZ 17 NOV A 6 JAN

ARTISTS’ FILM INTERNATIONAL

MARTINHO DIAS PAROXETINA

Pintura 17 NOV A 16 DEZ

TIM MADEIRA E ANTÓNIO ALVES DA COSTA VERDE QUE TE QUIERO VERDE Coletiva, fotografia, pintura ATÉ 11 NOV SOL AO RATO

QUATRO SALAS DE LISBOA Coletiva 4 A 24 NOV

EXPOSIÇÃO COLETIVA DE NATAL Coletiva 27 NOV A 31 DEZ

MIISO GALERIA D’ARTES TER A SÁB: 14H-19H

LUÍS HERBERTO

CERTAS CORES DO VENTO PIntura 4 NO V A 16 DEZ

FIVE WORLDS FIVE VIEWS Coletiva ATÉ NOV

MUSEU DE ARTE POPULAR QUA A DOM: 10H-18H

ESCHER

24 NOV A 27 MAI MUSEU GEOLÓGICO/ LNEG

COLETIVO GMURDA SULCO

Coletiva, instalação 11, 17, 18 NOV: 14H-18H MUSEU MILITAR DE LISBOA TER A DOM: 10H-17H

MANUEL GANTES CORPO SANTO

SHADOW SOUNDINGS

Pintura 7 NOV A 7 DEZ

TENSÃO & CONFLITO

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA TER A DOM: 10H-18H

ARTE EM VÍDEO APÓS 2008 Coletiva, vídeo ATÉ 19 MAR

AS ILHAS DO OURO BRANCO

ENCOMENDA ARTÍSTICA NA


30

A R T E S I N AU G U R A M / C O N T I N UA M MADEIRA – SÉCULOS XV-XVI 15 NOV A 18 MAR

REMBRANDT. ELOS PERDIDOS

RIJKSMUSEUM E COLEÇÕES REAIS DA HOLANDA ATÉ 7 JAN

ANJOS: ENTRE O CÉU E A TERRA DESENHO EUROPEU (SÉCULOS XVI-XVIII) ATÉ 4 FEV

OBRA CONVIDADA DIEGO VELÁSQUEZ SIBILA

ATÉ 14 JAN MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DA CIÊNCIA TER A SEX: 10H-17H, SÁB, DOM: 11H-18H

THE NEW ART FEST’17 Coletiva 10 A 30 NOV

OCUPART | ESPAÇO CAMÕES SEG A SEX: 12H-19H

ANDRÉ SIER

NEON PALEOLITIKOS

Desenho, escultura, instalação 17 NOV A 13 DEZ

WHILE AWAY

Coletiva, fotografia ATÉ 4 NOV EG

RUA DAS GAIVOTAS 6

EFEITO- SURUBA PIPI COLONIAL 11 A 18 NOV EG

RUA DE XABREGAS, 49 QUA A DOM: 14H-20H

BORDALO II ATTERO

Arte urbana 4 A 26 NOV EG

SOCIEDADE NACIONAL DE BELAS ARTES SEG A SEX: 12H-19H, SÁB: 14H-20H

FERNANDO CRUZ

75 ANOS 75 OBRAS - RELEVOS DESENHOS PINTURAS

ANA WEVER E ROSA AREIAS FRAGILITY RESEARCH 16 NOV A 16 DEZ

GRACIETE ROSA ROSA MEMÓRIA SAGRADO

28 NOV A 6 JAN/18

FOTOGRAFIA DA PLMJ Fotografia ATÉ 11 NOV

SAUL ROQUE GAMEIRO

TRANSFORMAÇÕES DA PAISAGEM Pintura ATÉ 18 NOV

TEATRO DA TRINDADE TER A SÁB: 14H-18H

TODOS APLAUDEM COM DELÍRIO OS 150 ANOS DO TRINDADE 30 NOV A 29 DEZ

C O N T I N UA M 3+1 ARTE CONTEMPORÂNEA TER A SEX: 14H-20H, SÁB: 11H-16H

JOÃO FERRO MARTINS SOTTILE SFUMATURA DI RUMORE ATÉ 11 NOV

DEU LUGAR Coletiva ATÉ 5 NOV

BALCONY SEG A SEX: 14H-19H30, SÁB: 11H-15H

NEW WORK Coletiva ATÉ 11 NOV

BIBLIOTECA CAMÕES TER A SEX, 11 NOV: 10H30-18H

JOÃO RIBEIRO

MAPAS ALQUÍMICOS Pintura ATÉ 11 NOV

BIBLIOTECA DE MARVILA SEG A SÁB: 10H-18H

JOSÉ BUGINGA

BUGINGA: TRABALHOS EM MADEIRA Escultura ATÉ 12 NOV EG

CARLOS CARVALHO ARTE CONTEMPORÂNEA SEG A SEX: 10H-19H30, SÁB: 12H-19H30

TATIANA MACEDO

ORIENTALISM AND REVERSE ATÉ 18 NOV

A ARTE DA TERRA SEG A DOM: 11H-20H

MARTINHA SOARES

A INSPIRADORA AZULEJARIA POMBALINA Azulejaria ATÉ 5 NOV

ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA | FOTOGRÁFICO SEG A SÁB: 10H-19H

ELISA AZEVEDO BODY TO BODY ATÉ 17 NOV

IMPLOSÕES, CONSTRUÇÕES E DEMOLIÇÕES

COLEÇÃO ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA ATÉ 18 NOV

ELENCO, RETRATOS E CENAS TEATRAIS

Desenho, pintura 3 A 30 NOV

[ANTE] CÂMARA

APROPRIAÇÃO, DESEJO E MEMÓRIA

EG

3 A 30 NOV

ASSOCIAÇÃO GOELA QUI A DOM: 16H-20H

ATÉ 30 DEZ

CAROLINE PAGÈS GALLERY TER A SÁB: 15H-20H

SOFIA LEITÃO

CASA FERNANDO PESSOA SEG A SÁB: 10H-17H30 (ÚLTIMA ENTRADA)

OS DEUSES DEBRUÇAMSE DO PARAPEITO DA ESCADA PEÇAS DO ACERVO DA CASA FERNANDO PESSOA Coletiva ATÉ 10 FEV

CASA DOS MUNDOS TER A SEX: 14H30-19H30

JOSÉ MANUEL FERNANDES 22 CIDADES IBEROAMERICANAS E LISBOA: UM DIÁLOGO URBANO-ARQUITETÓNICO Fotografia ATÉ 31 DEZ

CASUAL LOUNGE CAFFÉ SEG A SÁB: 16H-2H

DARCY MORAIS

RANDOM - IDEIAS SOLTAS Pintura ATÉ 10 DEZ

CHAPITÔ SEG A DOM

LUIZA NETO JORGE

O SEU A SEU TEMPO/MATERIAIS INÉDITOS Fotografia ATÉ 30 NOV EG

CNAP - CLUBE NACIONAL DE ARTES PLÁSTICAS TER A SÁB: 11H-19H

PEDRO CÉSAR TELES SEM FRONTEIRAS

SPOLIA

ATÉ 11 NOV

TIAGO ORFEU

A MENINA QUE CONTAVA HISTÓRIAS

ATÉ 11 NOV

AREA COBERTA ATÉ 11 NOV

CASA DA ACHADA - CENTRO MÁRIO DIONÍSIO SEG, QUI, SEX: 15H-20H, SÁB, DOM: 11H-18H

ALBINO MOURA Pintura ATÉ 14 NOV

CULTURGEST TER A SEX: 11H-18H, SÁB, DOM: 11H-19H

TIME CAPSULE

A REVISTA ASPEN, 1965-1971

UM GRANDE COMÍCIO SEM ATÉ 7 JAN PALAVRAS - A PARTIR DA GORDON MATTA-CLARK SPLITTING, CUTTING, WRITING, II EXPOSIÇÃO GERAL DE EATING… ARTES PLÁSTICAS DE 1947 DRAWING, Desenho, fotografia Coletiva ATÉ 16 ABR

CASA-ATELIER VIEIRA DA SILVA TER A DOM: 10H-18H

VASCO FUTSCHER

MANUAL DE INSTRUÇÕES II Cerâmica ATÉ 21 JAN

ATÉ 7 JAN DELEME ESPAÇOARTE – JANELAS SEG A SEX: 10H-19H

NOCTURAMA

AGÊNCIA CALIPO

Coletiva, fotografia ATÉ 24 NOV


A R T E S C O N T I N UA M

31

ERMIDA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SEG A SEX: 10H-13H/14H17H, SÁB, DOM: 14H-18H

ESTAÇÃO VERNADSKY Coletiva ATÉ 19 NOV

DIOGO MACHADO (ADD FUEL)

Intervenção na fachada ATÉ 30 ABR ESPAÇO AMOREIRAS SEG A SEX: 7H-23H, SÁB: 9H-21H, DOM: 9H-18H

PEDRO PIRES 3.041,19 KM

Instalação ATÉ 2 NOV ESPAÇO CULTURAL DAS MERCÊS TER A SEX: 14H-20H, SÁB: 10H-16H

MARIA JOSÉ CALDERÓN WITHIN WITHOUT

ESTÁDIO JOSÉ DE ALVALADE TER A DOM: 10H30-17H30 (ÚLTIMA ENTRADA)/10H3013H (DIAS DE JOGO EM CASA)

LEOAS, BOAS DE BOLA ATÉ 31 DEZ

FUNDAÇÃO ARPAD SZENES - VIEIRA DA SILVA TER A DOM: 10H-18H

NIKIAS SKAPINAKIS

PAISAGENS OCULTAS - APOLOGIA DA PINTURA PURA Desenho, pintura ATÉ 14 JAN/18

ARTES E LETRAS EDIÇÕES DA GALERIA JEANNE BUCHER JAEGER ATÉ 21 JAN

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN QUA A SEG: 10H-18H MUSEU CALOUSTE GULBENKIAN

PORTUGAL EM FLAGRANTE OPERAÇÃO 1, 2 E 3 Coletiva ATÉ 18 NOV

MARIE JOSÉ BURKI ÀS VEZES SOMBRA, ÀS VEZES LUZ ATÉ 20 NOV

© Ken Rinaldo

Cerâmica, escultura ATÉ 11 NOV

MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DA CIÊNCIA 10 A 30 DE NOVEMBRO RUA DA ESCOLA POLITÉCNICA / 213 921 800 / WWW.MUSEUS.ULISBOA.PT

NEW ART FEST’17 O New Art Fest’17 é um festival internacional de new media que, de 10 a 30 de novembro, está patente no Picadeiro do antigo Colégio dos Nobres, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência. A segunda edição do evento, que tem como tema Lisboa Cidade Aberta, conta com a participação de mais de 50 autores, entre artistas, oradores e coletivos que, através do seu trabalho, propõem uma reflexão sobre a profunda transformação tecnológica das cidades, estimulada pelo desenvolvimento e massificação das tecnologias de informação, representação e computação. Este festival, com direção artística de António Cerveira Pinto e produção da Ocupart | Arte em espaços improváveis, reúne obras de artistas como André Sier, Dasha Battelle, Leonel Moura, Maria Lopes, Miguel Palma, Ken Rinaldo, Nashin Mahtani, Rita Burmester, entre outros. Mais informação em www.thenewartfest.com. ARV

ANA HATHERLY E O BARROCO

FUNDAÇÃO CARMONA E COSTA QUA A SÁB: 15H-20H

Desenho, pintura ATÉ 15 JAN

Desenho ATÉ 4 NOV

NUM JARDIM FEITO DE TINTA GALERIA PRINCIPAL E PISO INFERIOR

DO OUTRO LADO DO ESPELHO Pintura ATÉ 5 FEV

JORGE PINHEIRO

GALERIA 111 TER A SÁB: 10H-19H

JOANA FERVENÇA E ANTÓNIO POPPE WATERCOURSE

Desenho ATÉ 4 NOV GALERIA APGN2 SEG A SÁB: 14H-20H

FERNANDO AGUIAR

RETROSPECTIVA - NÚCLEO #2 ATÉ 11 NOV

GALERIA ART LOUNGE SEG A SEX: 9H30-19H30

BRICE MOUNIER


32

A R T E S C O N T I N UA M ENTER IN THE SQUARE TO BE BAND APART Pintura ATÉ 11 DEZ

GALERIA AVENIDA DA ÍNDIA TER A SEX: 10H-13H/14H17H30, SÁB, DOM: 14H-17H30 (ÚLTIMA ENTRADA)

GRADA KILOMBA

THE MOST BEAUTIFUL LANGUAGE ATÉ 4 MAR

GALERIA BAGINSKI TER A SÁB: 13H-19H

PATRICK HAMILTON LA MANO INVISIBLE

Escultura, fotografia, pintura ATÉ 4 NOV GALERIA BELTRÃO COELHO SEG A SEX: 9H-13H/14H-18H

UNIVERSO AFRICANO

Coletiva, escultura, fotografia, pintura ATÉ 3 NOV GALERIA FILOMENA SOARES TER A SÁB: 10H-19H

MARILÁ DARDOT

ATÉ 9 NOV

RUI MACEDO

GALERIA GRAÇA BRANDÃO TER A SÁB: 11H-19H

Instalação ATÉ 6 JAN

INTERDITO

JOSÉ ALMEIDA PEREIRA SIMULABOR

ATÉ 4 NOV GALERIA MADRAGOA QUA A SÁB: 14H-20H

RENATO LEOTTA AMICIZIA

ATÉ 4 NOV GALERIA MAISTERRAVALBUENA TER A SÁB: 10H-19H

N. DASH, VIRGINIA OVERTON E B. WURTZ Coletiva ATÉ 11 NOV

GALERIA MILLENNIUM SEG A SÁB: 10H-18H

A PARTIR DO SURREALISMO Coletiva ATÉ 6 JAN

(LAND)SCAPING NORMATIVE THINKING

Piolh 2ª ED IÇ ÃO

C I n e m a

RUI SOARES COSTA LIFELINE SERIES Desenho ATÉ 11 NOV

GALERIA QUADRADO AZUL SEG A SÁB: 10H-18H

GALERIA TAPEÇARIAS DE PORTALEGRE SEG A SEX: 14H-19H30

ERNESTO DE SOUSA

TOM PHILLIPS E BERNARD FOUCHER

PROVAS DE CONTACTO, 19721980/OLYMPIA, 1979 Fotografia ATÉ 11 NOV

TAPEÇARIA DE PORTALEGRE ARTE SOBRE ARTE Coletiva, pintura, tapeçaria ATÉ 27 NOV

GALERIA RATTON SEG A SEX: 10H-13H30/15H-19H30

AZULEJO PARA ARQUITETURA

GALERIA VERA CORTÊS TER A SEX: 14H-19H/SÁB: 10H-13H/14H-19H

ATÉ 29 DEZ

Pintura ATÉ 11 NOV

JOÃO QUEIROZ

RATTON 30 ANOS

CARTA DE LISBOA - DIREITOS E RESPONSABILIDADES

GALERIA ZÉ DOS BOIS QUA A SÁB: 18H-22H

MURAL COLETIVO DE AZULEJO Coletiva ATÉ 29 DEZ

o

Salã

GALERIA DAS SALGADEIRAS TER A SÁB: 15H-21H

OTELO M.F.

CHAMA XAMÂNICA Desenho, escultura ATÉ 6 JAN

Reviva espaços emblemáticos da história do Cinema na cidade

16 . 17 . 18 Nov LISBOA

>>16 Nov. 18h >Filme -Concerto >Curtas dos irmãos Lumière e de Chaplin ÁTRIO DA ESTAÇÃO DE COMBOIOS DO CAIS DO SODRÉ

ENTRADA LIVRE

roCIo PaLaCe . voz do oPerárIo . saLão foz . CInema PromoTora filmes-concerto / Crianças / debate TOdA A PrOgrAmAçãO em www.inatel.pt Informações e reservas : APOIOS

210 027 148 / cultura@inatel.pt | PÚBLICo em GeraL: 2€ assoCIados InaTeL: gratuito


A R T E S C O N T I N UA M

33

MUSEU DE ARTE POPULAR 24 DE NOVEMBRO A 27 DE MAIO AVENIDA BRASÍLIA / 213 011 282

ESCHER O Museu de Arte Popular recebe, a partir de 23 de novembro, uma grande retrospetiva de Maurits Cornelis Escher, artista gráfico holandês conhecido pelas suas xilogravuras, litografias e meios-tons. A mostra, que conta com 200 obras do artista e com um rico conjunto de equipamentos didáticos e de experiências científicas, apresenta o percurso criativo completo deste génio visionário, cujas criações exercem um grande fascínio nas mentes científicas e influenciam o mundo da arte. Entre os trabalhos apresentados nesta exposição, encontram-se obras como Mão com Esfera Reflectora, Relatividade, Vínculo da União e Belvedere. A exposição chega agora à capital portuguesa pelas mãos da Arthemisia, empresa de exposições de arte que irá investir, pela primeira vez, em Portugal. ARV

JOÃO SIMÕES

LUMIAR CITÉ TER A DOM: 15H-19H

Escultura, pintura ATÉ 11 FEV

MISTAKE ! MISTAKE! MUSEU DE LISBOA SAID THE ROOSTER…AND PALÁCIO PIMENTA A DOM: 10H-17H30 HOTEL LE CONSULAT STEPPED DOWN FROM THE TER (ÚLTIMA ENTRADA) DOM A QUI: 11H-19H, SEX, SÁB: 15H-23H DUCK UM NOVO PADRÃO. A CARMEN ESCUDERO RUBI E Coletiva FÁBRICA-ESCOLA DE ATÉ 5 NOV MIQUEL LLONCH LOUÇA DO RATO MONITOR LISBON MENOS ZERO ATÉ 6 JAN

SILÊNCIO, VALES E ECOS Coletiva, fotografia ATÉ 19 NOV

KUNSTHALLE LISSABON QUI A SÁB: 15H-19H

NAUFUS RAMIREZFIGUEROA

SHIT-BABY AND THE CRUMPLED GIRAFFE Instalação ATÉ 2 DEZ

LIVRARIA BARATA SEG A SÁB: 9H-23H, DOM: 10H-14H/14H30-20H

TER A SÁB: 14H-19H

TOMASO LUCA, ANDRÉ ROMÃO E ANDREIA SANTANA THE LOBSTER LOOP Coletiva ATÉ 18 NOV

MUSEU COLEÇÃO BERARDO SEG A DOM: 10H-18H30 (ÚLTIMA ENTRADA)

LU NAN

Cerâmica ATÉ 17 DEZ

MUSEU NACIONAL DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO CHIADO TER A DOM: 10H-18H RUA SERPA PINTO

JOÃO LEONARDO DECADANÇA ATÉ 3 DEZ

SEDUÇÃO DA MODERNIDADE

TRILOGIA, FOTOGRAFIAS

Coletiva ATÉ 15 ABR

ATÉ 5 NOV

SHARON LOCKHART

MUSEU NACIONAL DO AZULEJO TER A DOM: 10H-18H

LIVRARIA SÁ DA COSTA SEG A SÁB: 14H30-19H30

Fotografia, instalação, vídeo ATÉ 28 JAN

Coletiva, desenho ATÉ 1 NOV

COLEÇÃO DA FUNDAÇÃO EDSON QUEIROZ

ILDEBRANDA MARTINS MODIERNO

NÃO É O SOL, É A TOCHA

Fotografia ATÉ 14 JAN

MEUS PEQUENOS AMORES

MODERNISMO BRASILEIRO

HARU ISHII

DAS SOMBRAS DE QUIOTO À LUZ DE LISBOA Azulejaria ATÉ 31 DEZ

MUSEU NACIONAL DE ETNOLOGIA TER A DOM: 10H-18H

DE REGRESSO À LUZ

ESCULTURAS ORIENTAIS EM DEPÓSITO DA COLEÇÃO VICTOR BANDEIRA Escultura ATÉ 11 FEV

MUSEU NACIONAL DOS COCHES TER A DOM: 10H-17H30

DRAWING IN STONE

BIENAL EXPERIMENTADESIGN Arquitetura, coletiva, desenho ATÉ 5 NOV MUSEU NACIONAL DO TEATRO E DA DANÇA TER: 14H-18H, QUA A DOM: 10H-18H

ENTR’ACTO MODERNISTA: O TEATRO E A DANÇA NA OBRA DE ANTÓNIO SOARES ATÉ DEZ

MUSEU NACIONAL DO TRAJE TER: 14H-18H, QUA A DOM: 10H-18H

PAULO AZENHA

A CRIAÇÃO À FLOR DA PELE ATÉ 23 DEZ


34

A R T E S C O N T I N UA M MUSEU DO ORIENTE TER A QUI, SÁB, DOM: 10H-18H, SEX: 10H-22H

NORIO FUJISHIRO

O MUNDO DE NORIO FUJISHIRO ATÉ 5 NOV

A ÓPERA CHINESA

Fotografia, gravura, objetos, pintura, vídeo ATÉ 31 DEZ/18 MUTE ART PROJECT SEG A SEX: 15H30-19H30

VERA CARMO DIFÁCIL

Pintura ATÉ 24 NOV OFICINA IRMÃOS MARQUES QUA A SÁB: 10H30-18H30

BETE MARQUES, GEZO MARQUES E JOSÉ APARÍCIO GONÇALVES RAIZ

Coletiva ATÉ DEZ OURIQUE’S VILLA SEX, SÁB: 15H-20H

O NÚ…

Coletiva, pintura ATÉ 2 DEZ PALACETE DE SÃO BENTO (RESIDÊNCIA OFICIAL DO PRIMEIRO MINISTRO) DOM: 10H-17H

ARTE EM SÃO BENTO SERRALVES 2017

Coletiva, desenho, fotografia, pintura ATÉ 17 DEZ

MAAT – MUSEU DE ARTE, ARQUITETURA E TECNOLOGIA ATÉ 12 DE FEVEREIRO AVENIDA BRASÍLIA, CENTRAL TEJO / 210 028 130 / WWW.MAAT.PT

EG

BILL FONTANA SHADOW SOUNDINGS

PALÁCIO NACIONAL DA AJUDA SEG, TER, QUI A DOM: 10H-18H

SONIA FALCONE CAMPOS DE VIDA ATÉ 31 DEZ

JOAN MIRÓ

MATERIALIDADE E METAMORFOSE Colagem, desenho, tapeçaria, pintura ATÉ 8 JAN PASSEVITE SEG A SEX: 18H-20H

PAULO LOURENÇO O LUGAR ONDE… Serigrafia ATÉ 8 NOV

Shadow Soundings é uma instalação imersiva de som e vídeo do artista norte-americano Bill Fontana e é a mais recente encomenda internacional para a Galeria Oval do MAAT. Realizada a partir dos sons e vibrações da Ponte 25 de Abril e do Rio Tejo, este trabalho, especialmente criado para Lisboa, alia uma dimensão sonora e dinâmica à componente de vídeo transmitida em live streaming. Partindo de sete pontos de projeção, a instalação mostra vistas únicas da ponte e do Tejo, assim como ângulos desconhecidos das sombras dos veículos em movimento no tabuleiro da infraestrutura. São estas sombras em movimento que, segundo o artista, criam a musicalidade característica da ponte. Bill Fontana é mundialmente conhecido pelas suas instalações sonoras de grandes dimensões, como a obra site-specific Harmonic Bridge, que apresentou em 2006 na Tate Modern, em Londres. ARV


A R T E S F E S T I VA I S / C O N V E R SAS / WO R KS H O P S PLATAFORMA REVÓLVER SEG A SÁB: 14H-20H

RENAUD MONFOURNY LIGHTS, CAMERA, ACTION! RETRATOS DO CINEMA Fotografia ATÉ 4 NOV

PERVE GALERIA TER A SÁB: 14H-20H

AL.EM MARCHA Coletiva ATÉ 16 DEZ

PURA CAL TER A SÁB: 11H-20H, DOM: 12H-17H

CINZA PÚRPURA Tapeçaria ATÉ 26 NOV

RUA DA CONCEIÇÃO, 134 TER A SÁB: 12H-18H30

LOJAS COM HISTÓRIA ATÉ 25 NOV

Exposição ao ar livre ATÉ 14 NOV press@postermostra.com

CONCURSOS

Novo Talento FNAC da Fotografia Inscrições abertas até 17 nov www.culturafnac.pt

CONVE RSAS/ CON FE RÊ NCIAS CASA DA ACHADA - CENTRO MÁRIO DIONÍSIO

Manuel Filipe e o Feio Social - A Fase Negra (1942-1945) nas Exposições Gerais de Artes Plásticas Conversa com João Archer Carvalho 11 NOV: 16H

SALÃO BELAS ARTES SEG A SEX: 11H-13H/15H-19H, SÁB: 15H-19H

O Fotógrafo tem Ponto de Vista?

MUNDOS ARDENTES ATÉ 10 NOV

TEATRO NACIONAL D. MARIA II QUA A DOM (30 MIN ANTES DOS ESPETÁCULOS DA SALA GARRETT)

TEATRO EM CARTAZ

A COLEÇÃO DO D. MARIA II, 1853-2015 Cartazes ATÉ 31 DEZ

THE BELMONTE CULTURAL CLUB SEG A DOM: 7H-21H

ANITA ACKERMANN LIGHTCRAFT 2017 Instalação ATÉ 31 DEZ

GISOO KIM DAYDREAM

Instalação ATÉ 31 DEZ VERSO BRANCO TER A SÁB: 11H30-20H

ULRICH HILMER

AMOR COM AMOR SE PAGA Pintura ATÉ 8 NOV

F E S T I VA I S MARVILA

MOSTRA POSTER

C onferências da Garagem

Living Architectures Por Bêka & Lemoine 28 NOV: 19H

FNAC

EG

MARIA PIA OLIVEIRA

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

Conversa com José Soudo e Renato Roque 25 NOV: 16H

CASA-MUSEU DR. ANASTÁCIO GONÇALVES

Ciclo d’outono A Descoberta dos Vasos em Alabastro da Coleção da CMAG CMAG 1055 e 1056 Por Maria Inês Gomes 2 NOV: 18H30

No Melhor Pano Caia a Tinta: Suportes da Pintura a Óleo em Portugal no Final do Século XIX e Início do século XX Por Ângela Ferraz 9 NOV: 18H30

A Arte do Guadamecil Biombo CMAG 800 Por Lina Falcão 16 NOV: 18H30

O Colecionador e a sua Biblioteca Por Manuela Moreira 23 NOV: 18H30

O Fascínio da Relojoaria Inglesa de Setecentos: Dois Relógios nas coleções de Anastácio Gonçalves Por Luís Couto Soares 30 NOV: 18H30 EG

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

Qual a Relação Possível de um Artista com uma Época Passada ou já “Histórica”?

Aula aberta no âmbito da exposição Ana Hatherly e o Barroco. Por Maria João Branco e Paulo Pires Vale 25 NOV: 14H30 EG

GALERIA MILLENNIUM

A Partir do Surrealismo e (Land)Scaping Normative Thinking

Por Raquel Henriques, Rui Macedo, Rui Paiva e Pietra Fraga 11 NOV: 16H-17H HANGAR - CENTRO DE INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA

Memórias, Resgates e Riscos Conversa com Grada Kilomba moderada por Manuela Ribeiro Sanches 3 NOV: 19H

CU RSOS/ WORKSHOPS 40 CAMELS

Ateliê de Fotografia de Retratismo Oitocentista VÁRIOS HORÁRIOS 933 139 785

ACADEMIA DE ARTES E TECNOLOGIAS

Desenhar & Pintar Lx, Fotografar Lx, Cerâmica e Pintura em Azulejo

35 AR.CO - CENTRO DE ARTE E COMUNICAÇÃO VISUAL

Workshop Cartoon Político 12 DEZ A 6 FEV/18 ARTE PEL’ARTE

Pintura e Desenho

SEG, QUI: 16H-18H OU 18H30-20H30

Restauro

QUI: 14H30-17H30 ASSOCIAÇÃO DOS ARTESÃOS DA REGIÃO DE LISBOA

Bordados e Arraiolos, Cerâmica Criativa e Figurativa, Costura Criativa, Encadernação, Pintura em Azulejo e Tecido, Restauro de Loiça, Madeiras, Tecelagem e Modelagem de Vestuário VÁRIOS HORÁRIOS aarlisboa@gmail.com ATELIÊ CÁ

Pintura Manual do Azulejo QUA: 10H30-13H

Curso de Cerâmica TER: 10H-12H30 OU 18H30-20H30 ATELIER CABINE

Expressão Plástica: Desenho, Pintura e Gravura MP

Atelier de Gravura MP

ATELIÊ DE CERÂMICA CHAMOTE FINO

Cerâmica

TER, QUI, SEX: 15H-18H

VÁRIOS HORÁRIOS

ATELIER FACA E ALGUIDAR

ACADEMIA NOVAS LETRAS

facaealguidaratelier@gmail.com

Desenho e Pintura QUA: 15H-16H20

APCC - ASSOCIAÇÃO PARA A PROMOÇÃO CULTURAL DA CRIANÇA

Ateliê de Máscaras, Marionetas Marotes e Trabalhar o Papel / o Plástico VÁRIOS HORÁRIOS

Oficina de Gravura

ATELIER FERNANDO SARMENTO

Aulas de Olaria

SEG A QUA: 19H-23H MP

sarmefermento@gmail.com ATELIER DE LISBOA

Iniciação à Fotografia, Curso Técnico de Fotografia, Luz e


36

A R T E S C U R S O S / WO R KS H O P S

Fotometria, Laboratório Preto e Branco, Workshop de Fotografia com Flash, Workshop de Iluminação e Estúdio, Paisagem, Fotografia e Artes Plásticas VÁRIOS HORÁRIOS info@atelierdelisboa.pt

ATELIER MUSICAL E ARTÍSTICO DO AREEIRO

Ateliers de Pintura, Desenho, Pintura em Azulejo, Tapeçaria, Trabalhos Manuais e Workshops de fotografia

Arte

VÁRIOS HORÁRIOS CASA-ATELIER VIEIRA DA SILVA

Curso de Ilustração Naturalista Por Pedro Salvador Mendes ATÉ 28 JUN QUI: 9H30-12H30

Oficina de Ilustração Por Pedro Salvador Mendes ATÉ 29 JUN SEX: 18H-20H

Desenhar à Flor da Pele Desenho de Modelo ATÉ 20 JUN QUA: 18H-19H30 MP

casa-atelier@fasvs.pt

VÁRIOS HORÁRIOS

CASA NIC E IN ÊS ATELIER PASTA DE PAPEL

Workshop em Pasta de Papel TER: 10H30, 18H zabica@sapo.pt

Gravura

4 NOV: 10H-13H

Livro Casa 3D

18 NOV: 10H-13H MP

ineslcostalmeida@gmail.com ATELIER DE SÃO BENTO

CCD - CENTRO DE CULTURA E DESPORTO DOS TRABALHADORES DA AUTORIDADE TRIBUTÁRIA E ADUANEIRA

Ourivesaria Contemporânea, Ateliê Livre de Esmaltes, Bordados Tradicionais, Pintura em Porcelana e Faiança, Técnicas de Cerâmica e Olaria, Escultura, Artes Decorativas, Modelação em Barro, Modelação em Porcelana e GrésMoldes e Ateliê de Artes Plásticas e Cerâmica VÁRIOS HORÁRIOS ccdtat@gmail.com

CENTRO COMUNITÁRIO DA ESTRELA

Encontro dos Origamigos de Lisboa 1º SÁB: 15H-19H EG / MP

CAULINO CERAMICS Desenho, Pintura, Ateliê de Cerâmica1 13/10/17 13:50 Página 2 Gravura e História de AnúncioAgendaCultural.qxp_Apresentação SEG A SEX: 11H-21H origamigos.lx@gmail.com

ESTUFA FRIA DE LISBOA 17 NOVEMBRO | 2017

15 ABRIL

| 2018

Os dinossáurios vão à Estufa Fria, a Lisboa? E um TRex também? Mas, então, os dinossáurios não estão extintos? O quê? Na Estufa Fria há plantas do tempo dos dinossáurios? Pode lá isso ser? Já devem estar todas podres… Ou será que não estão? A resposta para estas e muitas outras perguntas sobre dinossáurios e outras extinções na Estufa Fria de Lisboa.

CENTRO CULTURAL DE CARNIDE

Workshop de Fotografia Por Luís Rocha e Tânia Araújo Nível 1 QUI: 19H30-21H30 Nível 2 TER: 19H30-21H30

CENTRO DE RECREIO POPULAR DO BAIRRO

Curso de Pintura Por Almaia SEG, QUA, SEX 966 037 222

Curso de Artes Decorativas 915 380 811

CONTRAPROVA - ATELIER DE GRAVURA

Formação Contínua em Gravura ATÉ JUL TER, QUI: 19H-22H

CORBEL - TUDO PARA BELAS ARTES

Aguarela e Ilustração

Cursos por Pedro Salvador Mendes ATÉ DEZ TER, QUI: 17H-19H30, QUA: 10H30-12H30, SEX: 10H3012H30, 12H30-14H30


A R T E S C U R S O S / WO R KS H O P S ESCOLA DE ARTES E OFÍCIOS DO CCD -AT

Técnicas de Cerâmica e Moldes de Gesso SEG, QUA: 14H-18H, 18H-20H atirabarroaparede@gmail.com

ESCOLA DE BELAS ARTES PEDRO SERRENHO

Cursos de Desenho/ Pintura, Iniciação à Gravura, Desenho de Corpo Humano (com Modelo) e História da Arte

ESCOLA DE DANÇA ANA KÖHLER

Pintura

SÁB: 11H30 ESCOLA SUPERIOR DE ARTES DECORATIVAS DA FUNDAÇÃO RICARDO DO ESPÍRITO SANTO SILVA

Curso de Peritagem de Mobiliário SEG, TER: 18H-22H, QUA: 18H-22H (15 EM 15 DIAS)

917 540 178

37 FACULDADE DE BELASARTES DA UNIVERSIDADE DE LISBOA

Geometria e Composição na Obra Abstrata de Almada Negreiros

13, 20, 27 NOV, 4, 11 DEZ: 20H30-22H30 MP

almadanegreiros120@gmail.com FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

Exposições de Arte: Arquivo, História e Pesquisa

Encontro internacional por Reesa

Greenberg, Léa-Catherine Szacka, Rémi Parcollet, Alexandre Matos e Isabel Falcão 6 NOV: 18H EG

GALERIA DIFERENÇA

Oficina de gravura da Diferença Iniciação às Técnicas de Gravura e Desenvolvimento de Projetos Individuais com Apoio Técnico

TER: 18H30-21H30, QUA, SEX: 16H30-19H30, SÁB: 15H30-19H30 gdiferenca@gmail.com

GALERIA MILLENNIUM ATÉ 6 DE JANEIRO RUA AUGUSTA, 96 / 938 623 259

A PARTIR DO SURREALISMO Numa homenagem à arte contemporânea portuguesa, a Galeria Millennium acolhe a exposição A Partir do Surrealismo, que reúne obras de oito artistas da Coleção Millennium BCP como Cruzeiro Seixas, Mário Cesariny, António Dacosta, Carlos Calvet, Marcelino Vespeira, Eduardo Luíz, Paula Rego e Graça Morais. Destes artistas, só alguns pertenceram aos movimentos surrealistas de meados do século XX, como

Vespeira, Cruzeiro, Cesariny ou Dacosta, mas todos pintam a realidade como se ela tivesse a natureza dos sonhos: confusa, disparatada e surpreendente. Nesta mostra histórica, com curadoria de Raquel Henriques da Silva, intromete-se (Land)scaping Normative Thinking, da autoria do pintor Rui Macedo, especialmente convidado, que gosta de trabalhar em espaços de museus e em diálogo com as memórias da pintura. ARV


38

S CR OSNO TS I N/UA M R / KS C IHROCPOS / AU L AS / WO R KS H O P S AERCTÇÃO ES CU WO GALERIA MILLENNIUM

Oficinas de Desenho

Por João Catarino 9, 16 NOV: 13H15-14H30 EG / MP

fundacaomillennium. surrealismo@gmail.com GALERIA REVERSO

O Prazer de Fazer, a Joia ao Alcance da Mão

Cursos práticos de joalharia

IMAGERIE - CASA DE IMAGENS

Oficina de Processos Alternativos - Goma Bicromatada Por Magda Fernandes e José Domingos 4 NOV: 10H-30-13H30, 15H-18H

Acerca de La Mirada Workshop por Leo Simoes 25 NOV: 10H-30-13H, 15H-19H MP

geral@imagerieonline.com

GALERIA VALE FORMOSO

Desenho, Pintura e Ilustração QUA: 15H-17H HÉLICE

Manual para Utilização do Espelho. A Técnica Fotográfica

Curso por João Paulo Serafim 7, 14, 21, 28 NOV, 5, 12 DEZ: 19H-22H helice@helice.pt

INSTITUTO DE ARTES E OFÍCIOS

INSTITUTO PORTUGU ÊS DE FOTOGRAFIA

Workshop de Fotografia Móvel A PARTIR 3 NOV: 20H

Workshop O Flash não Morde A PARTIR 16 NOV: 19H

Workshop de Fotografia em Estúdio A PARTIR 27 NOV

LISBOA MOSAIC STUDIO

Workshop de Mosaicos

Oficina de Mobiliário, Pintura, Escultura e Talha

lisbonmosaics@gmail.com

INSTITUTO PORTUGU ÊS DO DESPORTO E DA JUVENTUDE

933 139 785 | www. lisbonphotographer.com

Pintura

Por Carlos Franco SÁB: 10H-13H

LISBON PHOTOGRAPHER

Ateliers de Fotografia a Céu Aberto MAAT - MUSEU DE ARTE, ARQUITETURA E TECNOLOGIA

Passagens da Imagem

MESTRES DO REGUEIRÃO

Introdução à Cerâmica SEG: 19H-21H

MOB - ESPAÇO ASSOCIATIVO

Desenho de Modelo Nú QUI: 18H30-21H

MOVIMENTO DE EDUCAÇÃO PELA ARTE

Memórias em Álbum QUA: 10H-12H

MUSEU BORDALO PINHEIRO

Curso Livre de Banda Desenhada

Por Penim Loureiro 4, 11, 18, 25 NOV: 14H3017H30, 18H-19H

Cursos Livres de Desenho e Diários Gráficos Por Eduardo Salavisa 8, 15, 22, 29 NOV: 15H-17H30

Curso teórico-prático de vídeoinstalação por Ana Rito 11, 18, 25 NOV: 14H-17H

| 26 5 2 24 |

nov. 2017

8ª FEIRA DO LIVRO DE FOTOGRAFIA DE LISBOA

gráfico de lisboa | fotoma, 246 l a ip ic n u m o iv arqu rua da pal livros c o n v e rs a s xposições detolivros e s e õ ç a p re s e n ta shops mercado de fo work entrada livre

sex 17-21h h m sáb/do 14-21/20


A R T E S C U R S O S / WO R KS H O P S

39

MUSEU DO DINHEIRO

Oficinas de Notafilia

11 NOV, 16 DEZ, 20 JAN: 10H30 MP

MUSEU NACIONAL DO AZULEJO

Modelação de Barro e Pintura de Azulejo MUSEU NACIONAL DE ETNOLOGIA

Oficina de Tecelagem Manual e Tapeçaria QUA: 13H30-17H30

MUSEU DO ORIENTE

Jóias em Cerâmica Inspiradas no Oriente

Workshop por Ana Cordovil e Ana Ferreira 6, 13 NOV: 18H-20H30, 17 NOV: 18H-19H30

Workshop de Iniciação à Pintura Chinesa Por Mário Kong 11, 18 NOV: 10H-13H

Origami Arquitetónico - Modelos de Masahiro Chatani

Workshop por Constança Arouca 17 NOV: 15H-17H

Origami para o Natal

Workshop por Constança Arouca 23 NOV: 15H-17H, 15 DEZ: 10H-12H NAF - N ÚCLEO DE ARTE FOTOGRÁFICA

4ª Aberta - Laboratório Comunitário QUA

OFICINA DO CEGO ASSOCIAÇÃO DE ARTES GRÁFICAS

Reciclagem de Papel

Curso por João Sebastian e Rui Sebastian 11 NOV

Introdução à Tipografia Por João Sebastian 18 NOV: 10H-18H

Introdução à Encadernação

Curso por Manel Leitão 25 NOV: 10H-18H POLO CULTURAL DAS GAIVOTAS

Planificação e Organização de Exposições. O Papel do Curador

Workshop por Cláudia Camacho 4, 5 NOV: 10H-13H, 14H-19H

MUSEU ARPAD SZENES – VIEIRA DA SILVA ATÉ 14 DE JANEIRO PRAÇA DAS AMOREIRAS, 58 / 213 880 044 / WWW.FASVS.PT

NIKIAS SKAPINAKIS PAISAGENS OCULTAS - APOLOGIA DA PINTURA PURA A mais recente exposição de Nikias Skapinakis, Paisagens Ocultas - Apologia da Pintura Pura, reúne 25 obras que o artista criou nos últimos quatro anos. Através de 23 óleos e dois desenhos, Skapinakis mostra como a pintura pura recusa a contaminação da linguagem, da filosofia, da sociologia, da fotografia e da computorização. Para o artista, de ascendência grega, a pintura pura preserva a natureza essencial das imagens pictóricas que, acredita, mudam com o mundo. Nascido em Portugal, Nikias Skapinakis, atualmente com 86 anos, continua a trabalhar com diferentes meios artísticos e é considerado um dos maiores artistas portugueses vivos. ARV PONTO DE LUZ ATELIER

Desenho e Gravura Por José Faria

Desenho de Figura Humana - Retrato, Técnicas de Calcografia e Gravura em Metal, Técnicas em Pintura

SEDIMENTO CERAMICS STUDIO

Aulas de Cerâmica ATÉ DEZ SEG: 19H-21H, QUI: 11H-13H, 19H-21H info@sedimento.pt

SOCIEDADE DE INSTRUÇÃO GUILHERME COSSOUL

Cursos de Formação

Por Luís Rocha e Tânia Araújo

TEATRO DA VOZ

Desenho Aberto

VÁRIOS HORÁRIOS VIRAGEM LAB

Técnicas de Impressão de Preto e Branco SÁB, DOM

E ESCOLAS EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101


40

CI Ê N CI AS

FIL, ALTICE ARENA , PARQUE DAS NAÇÕES 6 A 9 DE NOVEMBRO WWW.WEBSUMMIT.COM

WEB SUMMIT 2017 Está aí a segunda edição da maior reunião mundial do setor das tecnologias e da web. Os números voltam a impressionar: mais de 60 mil participantes de 160 países, cerca de 2200 jornalistas e mil oradores e entre os quais se contam Prémios Nobel, governantes, CEOs, CTOs, investidores, visionários e aspirantes à última grande ideia empresarial. Para além do negócio, há também um vasto programa

ACADEMIA DAS CIÊNCIAS DE LISBOA

EXPOSIÇÃO PERMANENTE NO MUSEU MAYNENSE SEG, QUA: 10H-18H Visitas guiadas MP

ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA

IMPLOSÕES, CONSTRUÇÕES E DEMOLIÇÕES

Exposição com curadoria de Sofia Castro ATÉ 18 NOV SEG A SÁB: 10H-19H

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

MORTE À MORTE! 150 ANOS DA ABOLIÇÃO DA PENA DE MORTE EM PORTUGAL / 1867-2017 ATÉ 29 DEZ VISITAS SEG A SEX: EG 10H-16H

ACADEMIA DE MARINHA

XV SIMPÓSIO DE HISTÓRIA MARÍTIMA O MAR COMO FUTURO DE PORTUGAL (C.1223 – C. 1448). A PROPÓSITO DA CONTRATAÇÃO DE MANUEL PESSANHA COMO ALMIRANTE POR D. DINIS 14 A 16 NOV

de reflexão sobre temas atuais e de futuro, desde a política (Brexit, redes sociais e democracia), ética (inteligência artificial, robôs sexuais, questões de privacidade) e, como seria de esperar, futurologia (carros voadores, realidade aumentada, hologramas), entre muitos outros temas de relevo para o desenvolvimento da sociedade humana. Tomás Collares Pereira

ARQUIVO NACIONAL TORRE DO TOMBO

FELIZMENTE HÁ LUAR...

Mostra documental nos 200 anos da execução de Gomes Freire de Andrade ATÉ 17 FEV

À DESCOBERTA DO CASTELO

Visitas orientadas ao Castelejo, sítio arqueológico e exposição permanente 13H, 16H EG / MP

CASTELO DE SÃO JORGE

OLHARES INVULGARES SOBRE O CASTELO DE LISBOA

Da rocha à pedra talhada, com a geóloga Madalena Rodrigues 12 NOV: 16H

SÍTIO ARQUEOLÓGICO TODOS OS DIAS: 10H30-19H30

CENTRO DE ARQUEOLOGIA DE LISBOA

VISITAS ÀS INSTALAÇÕES 6 NOV: 10H30 EG / MP

WORKSHOP DE ANTROPOLOGIA BIOLÓGICA E FORENSE

18 NOV: 10H-17H MP antropologia.lcfpem@egasmoniz. edu.pt


C I Ê N C I AS

FAUNA - VI CONGRESSO INTERNACIONAL 10 A 12 NOV EG

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

UMA NOVA PERSPETIVA - APRESENTAÇÃO DO ESTUDO EDUCAÇÃO SUPERIOR EM PORTUGAL

OPENING UP TO AN ERA OF SOCIAL INNOVATION Encontro internacional com organização da Comissão Europeia, Governo de Portugal e Fundação Calouste Gulbenkian 27, 28 NOV: 18H

CONFERÊNCIA LITERACIA DIGITAL

7 NOV: 11H

Keynote – Literacia Digital num cenário em mudança, por Cristóbal Cobo Apresentação do Portal MILD (Manual de Instruções para a Literacia Digital) 30 NOV: 9H30

EG

EG

UM CONSTRUTOR DA MODERNIDADE: LUTERO - TESES - 500 ANOS

Colóquio internacional do Instituto Europeu de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes 9 A 11 NOV

HÁ LUGAR PARA AS HETERODOXIAS?

Conferência com Maria Filomena Molder, José Pacheco Pereira e Eduardo Lourenço 13 NOV: 17H30 EG

PRÁTICAS EDUCATIVAS PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Seminário Escola e Cidadania Global 18 NOV: 9H30 EG/ MP

DIA ABERTO PARA ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS NO INSTITUTO GULBENKIAN DE CIÊNCIA (OEIRAS)

Estudantes de licenciatura e mestrado nas áreas científicas e tecnológicas 20 NOV: 10H – 17H EG/MP

wwwpt.igc.gulbenkian.pt/ outreach/scienceatschools

AQUELE OUTRO MUNDO QUE É O MUNDO: O MUNDO DOS MEDIA E O MUNDO DO DESENVOLVIMENTO

Conferência com Abderrahmane N’Gaide 20 NOV: 14H30 EG

GABINETE DE ESTUDOS OLISIPONENSES

NAS IMEDIAÇÕES DO PORTO. A PRESENÇA ITALIANA NA RUA NOVA DA LISBOA (SÉC. XV)

Ciclo Chifa questo camino é ben navigate. Culturas e dinâmicas nos portos de Italia e Portugal (sécs. XV-XVIII). Conferência de Mário Farelo (IEM- CEHR- CHUL) 20 NOV: 18H30

©Valentine Green

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA – UL

41

EG

GOMES FREIRE E OS MÁRTIRES DA PÁTRIA

Exposição ao ar livre no Campo Mártires da Pátria, junto à estátua do Dr. Sousa Martins ATÉ 15 NOV

EXPOSIÇÃO DOCUMENTAL: TESTEMUNHOS DA ESCRAVATURA. MEMÓRIA AFRICANA Documentos relativos e ao tráfico negreiro que se encontram no acervo do Gabinete de Estudos Olisiponenses ATÉ 30 DEZ SEG A SEX: 10H-18H ISCTE – IUL

O HOMEM PROMOTOR DA IGUALDADE Encontro sobre novos valores da masculinidade para a igualdade de género 16, 17 NOV EG / MP

www.promotoresdaigualdade.pt ISPA – INSTITUTO UNIVERSITÁRIO DE CIÊNCIAS PSICOLÓGICAS, SOCIAIS E DA VIDA

RAÇA, IDENTIDADE E MUNDIALIZAÇÃO

Colóquio organizado pelo Centro

MUSEU DO DINHEIRO 10 DE NOVEMBRO A 27 DE JANEIRO RUA DE SÃO JULIÃO 150 / WWW.MUSEUDODINHEIRO.PT

TEMPUS FUGIT VIDA, MORTE E MEMÓRIA NA IGREJA DE S. JULIÃO Os norte-americanos gostam de dizer que só há duas coisas irremediáveis na vida: os impostos e a morte. A lição de moral subjacente é a de que nada vale contrariar, melhor é abraçar a inevitabilidade de ambas. Na casa que hoje é do dinheiro (Museu do Dinheiro do Banco de Portugal) celebra-se a morte, como circunstância da vida. A exposição Tempus Fugit é o resultado da investigação arqueológica da necrópole de inícios do século XIX, descoberta no local do Museu. Em três núcleos, são apresentados vislumbres de vidas passadas, através de evidências antropológicas e arqueológicas resultantes das inumações da necrópole, suportados por peças e documentação de distintos acervos. TCP


42

C I Ê N C I AS de Etnopsicologia Clínica 2 A 4 NOV MP

ISEG - IUL

XXX ENCONTRO DAS TAIPAS 9, 10 NOV MP

www.centrodastaipas.pt MUSEU DA ÁGUA DA EPAL

EXPOSIÇÃO PERMANENTE DO MUSEU DA ÁGUA TER A SÁB: 10H-12H30, 13H30-17H30

MUSEU DO COMBATENTE

EXPOSIÇÕES A TRINCHEIRA A GRANDE GUERRA AO VIVO - EVOCANDO A PAZ ARMARIA - 200 ANOS DE ARMAS REGULAMENTARES EM PORTUGAL

HISTÓRIA DA AVIAÇÃO NO SÉCULO XX TODOS OS DIAS: 10H-17H MUSEU DO DINHEIRO

TEMPUS FUGIT: VIDA, MARTE E MEÓRIA NA IGREJA DE S. JULIÃO Exposição temporária A PARTIR DE 10 NOV

MUSEU GEOLÓGICO DE PORTUGAL/LNEG

EXPOSIÇÕES 100 MILHÕES DE ANOS DA HISTÓRIA DE LISBOA PORTUGAL ANTES DO HOMEM AS (PRIMEIRAS) 27 MARAVILHAS DO MUSEU GEOLÓGICO SEG A SÁB: 10H-18H

MUSEU DE FARMÁCIA

PATRIMÓNIO, CIENCIA

SMS

GRÁTIS

E SAÚDE: INTERVIR, CONHECER, PRESERVAR E VALORIZAR Encontro sobre património da ciência e das ciências da saúde 8 , 9 NOV

MUSEU DE LISBOA - CASA DOS BICOS

NÚCLEO ARQUEOLÓGICO DA CASA DOS BICOS

SEG A SÁB: 10H-18H (ÚLTIMA ENTRADA 17H30) EG

MUSEU DE LISBOA TEATRO ROMANO

VISITAS GUIADAS AO MUSEU TER A DOM: 10H-18H MP

217 513 215 (Museu de Lisboa Palácio Pimenta) MUSEU DE MARINHA

VIKINGS - GUERREIROS DO MAR

Exposição TODOS OS DIAS: 10H-18H

MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA

EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS LOULÉ, TERRITÓRIOS, MEMÓRIAS E IDENTIDADES ATÉ DEZ 2018 TER A DOM: 10H-18H

TESTEMUNHOS DA ESCRAVATURA. MEMÓRIA AFRICANA ATÉ 31 DE DEZ TER A DOM: 10H-18H

EXPOSIÇÕES PERMANENTES TESOUROS DA ARQUEOLOGIA PORTUGUESA TER A DOM: 10H-18H

ANTIGUIDADES EGÍPCIAS TER A DOM: 10H-18H

RELIGIÕES DA LUSITÂNIA – LOQUUNTUR SAXA TER A DOM: 10H-18H

MUSEU NACIONAL DE ETNOLOGIA

EXPOSIÇÃO PERMANENTE


C I Ê N C I AS

O MUSEU, MUITAS COISAS RESERVAS VISITÁVEIS GALERIAS DA AMAZÓNIA GALERIAS DA VIDA RURAL DE REGRESSO À LUZ Exposição de esculturas orientais da coleção de Victor Bandeira ATÉ 11 FEV

MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DE CIÊNCIA

NEW ART FEST ‘17 FESTIVAL INTERNACIONAL DE NEW MEDIA 10 A 30 NOV

EXPOSIÇÕES

TER A SEX: 10H-17H (ÚLTIMA ENTRADA 16H30), SÁB, DOM: 11H-18H (ÚLTIMA ENTRADA 17H30)

MAR MINERAL – CIÊNCIA E RECURSOS NATURAIS NO FUNDO DO MAR REIS DA EUROPA SELVAGEM - OS ÚLTIMOS

43

GRANDES CARNÍVOROS PLANTAS E POVOS CUIDAR E CURAR

ATÉ 31 DEZ

DINOSSAUROS QUE VIVERAM NA NOSSA TERRA ATÉ 31 DEZ

DO MUSEU PARA A RUA 11 NOV: 15H MP

DO BIG BANG AO OBSERVADOR CÓSMICO 19 NOV: 16H

ATIVIDADES IV FEIRA DA MATEMÁTICA 11 NOV: 11H-18H

EG

FRANCISCO ARRUDA FURTADO. DISCÍPULO DE DARWIN

A OLHAR PARA O CÉU

MEMÓRIA DA POLITÉCNICA - QUATRO SÉCULOS DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E CULTURA VISITAS MEMÓRIA DA POLITÉCNICA

5 NOV: 11H30

ATÉ 31 DEZ

4 NOV:11H30

HÁ FOSSEIS NA 7ª COLINA 4 NOV: 15H

5 NOV: 16H30

HISTÓRIAS DE ESTRELAS E PLANETAS

OCEANÁRIO DE LISBOA

UM PLANETA, UM OCEANO

Exposição permanente TODOS OS DIAS: 10H-20H (ÚLTIMA ENTRADA 19H) TRIENAL DE ARQUITETURA DE LISBOA

CICLO DE CONVERSAS QUANDO É QUE A INOVAÇÃO NÃO É REALMENTE INOVADORA? Por Izabella Kaminska (Financial Times - Reino Unido) 8 NOV: 18H30 EG / MP

O CÉU DE GALILEU 11NOV: 16H30

TARDES COM MATEMÁTICA 25 NOV: 15H

N ÚCLEO ARQUEOLÓGICO DA RUA DOS CORREEIROS

VISITAS GUIADAS SEG A SÁB: 10H-12H, 14H-17H E / MP

E ESCOLAS EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101


44

LISBON SINTRA FILM FESTIVAL

&

17 A 26 NOV

Ana Figueiredo

O LEFFEST – Lisbon & Sintra Film Festival regressa com a 11ª edição apresentando, mais uma vez, o que melhor se faz no mundo da sétima arte. Antestreias, retrospetivas e homenagens dão a conhecer o trabalho de cineastas de renome, mas também de jovens realizadores. O festival apresenta ainda outras propostas culturais que vão além do cinema. Artes plásticas, música e literatura complementam a programação. Vários locais | www.leffest.com


45

HOMENAGENS

Isabelle Huppert é a atriz convidada desta edição. O seu trabalho é homenageado no festival com uma retrospetiva de filmes e uma exposição. O programa inclui obras do início da carreira até hoje, alguns dos filmes nunca antes estreados em Portugal. Violette Nozière (1977), o primeiro de sete filmes que a atriz fez com o realizador Claude Chabrol é uma das obras exibidas, assim como Loulou (1980) de Maurice Pialat, A Pianista (2001), de Michael Haneke, e, em antestreia, La Caméra de Claire (2017), de Hong Sangsoo. O LEFFEST homenageia ainda o encenador Peter Brook com a peça Battlefield, uma retrospetiva de filmes e uma masterclass.

RETROSPETIVAS

Ao realizador português João Mário Grilo é dedicada uma retrospetiva integral. O cineasta estreou-se na realização, em 1979 com a longa-metragem Maria. A sua carreira inclui mais de 15 filmes, entre longas e médias metragens de ficção e documentário, é ainda autor de vários livros. Destaque para o seu mais recente filme, Não Esquecerás, realizado a partir de um conto Dulce Maria Cardoso sobre a tragédia de Entre-os-Rios. José Vieira, realizador de origem portuguesa, terá também uma retrospetiva no festival. Autor pioneiro de uma filmografia dedicada à problemática da emigração, apresenta um conjunto de filmes escolhidos por si.

SESSÕES ESPECIAIS

O LEFFEST realiza duas sessões especiais. Uma dedicada a Alain Planès, pianista virtuoso e figura central do filme Alain Planès, L’Infini Turbulent, escrito e realizado pelo violinista e cineasta Dominique Lemonnier, onde são reveladas as fontes de inspiração do pianista. A projeção do filme é seguida de um recital onde Alain Planès interpreta obras de Stockhausen, Schubert e Shostakovitch. A outra sessão é dedicada ao filme Images of the East, de Gidon Kremer e Sandro Kancheli, que aborda a questão dos refugiados. O escultor sírio Nizar Ali Badr, cujas obras são animadas no filme, também estará presente. A exibição é seguida de um concerto e debate.


46

CI N E M A

CINEMA MEDEIA MONUMENTAL 11 NOVEMBRO, ÀS 19H, 14 NOVEMBRO, ÀS 21H30 AV. PRAIA DA VITÓRIA 72 / 213 142 223 / MEDEIAFILMES.COM

ROSAS DE ERMERA Luís Filipe Rocha estreia, este mês, o documentário Rosas de Ermera que conta a história da separação da família de Zeca Afonso. Em 1939 os pais e a irmã mais nova partem de Moçambique para TimorLeste, os dois irmãos João e José seguem para Coimbra para continuarem os estudos. Quando a 2ª Guerra Mundial começa, o Japão ocupa Timor-Leste e vários portugueses são presos nos campos de

E S T R E I AS

BATTLE OF THE SEXES

De Jonathan Dayton, Valerie Faris, com Emma Stone, Steve Carell, Andrea Riseborough

A história verídica que originou a partida de ténis, em 1973, entre a número um do ténis feminino Billie Jean King e o ex-campeão Bobby Riggs.

BOB THE BUILDER: MEGA MACHINES

De Colleen Morton, Scott Pleydell-Pearce, com (vozes) Brian Cox, Dustin Demri-Burns, Joanne Froggatt

Bob o Construtor e os seus amigos vão ajudar a cidade onde vivem com a construção de uma nova barragem. A tarefa não será fácil…

BRAD’S STATUS

De Mike White, com Ben Stiller, Austin Abrams, Jenna Fischer

Brad Sloan viaja com o filho para encontrarem a universidade perfeita para o jovem. Ao longo do percurso, Brad questiona a sua posição na vida pois muitos dos seus ex-colegas de faculdade estão financeiramente bem melhor do que ele. Quando os reencontra, mais tarde, Brad percebe que há coisas que não têm preço.

CINEMA NOVO De Eryc Rocha

Filme-ensaio que revela o movimento cinematográfico latino-americano através do pensamento dos seus principais autores: Nelson Pereira do Santos, Glauber Rocha, Leon Hirszman, Joaquim Pedro de Andrade, Ruy Guerra, Walter Lima Jr, Paulo César Saraceni, entre outros.

concentração aí criados, entre eles os pais e a irmã de Zeca Afonso. A partir das memórias de Maria e João Afonso, de cartas e fotografias, o realizador dá conhecer este episódio da família Afonso dos Santos. O filme estreia em Lisboa e segue depois para outras localidades, sendo que todas as sessões contam com uma conversa com o realizador. Ana Figueiredo

120 BATTEMENTS PAR MINUTE

UM CRIME NO EXPRESSO DO ORIENTE

Nos anos de 1990 um grupo de ativistas luta contra a indiferença generalizada em relação ao problema da SIDA. Um jovem junta-se ao movimento e apaixonase por um dos militantes.

Baseado no livro de Agatha Christie, segue o famoso Hercule Poirot que tenta desvendar mais um complexo crime.

De Robin Campillo, com Nahuel Pérez Biscayart, Arnaud Valois, Adèle Haenel

COCO

De Lee Unkrich, Adrian Molina, com (vozes) Alanna Ubach, Edward James Olmos, Gael García Bernal A nova aventura da Disney acompanha Miguel, um aspirante a músico que vive fascinado pela figura do tetravô e que inesperadamente é transportado para o mundo dos mortos onde encontra muitos antepassados que o vão ajudar a encontrar este avô desaparecido.

De Kenneth Branagh, com Johnny Depp, Michelle Pfeiffer, Daisy Ridley

DEATH WISH – A VINGANÇA

De Eli Roth, com Bruce Willis, Vincent D’Onofrio, Elisabeth Shue

Um cirurgião que perdeu a família num ataque embarca numa missão de vingança fazendo justiça pelas próprias mãos.

DOISNEAU: THROUGH THE LENS De Clémentine Deroudille


C I N E M A E S T R E I AS

47

Um documentário sobre o fotógrafo Robert Doisneau que inclui fotografias e vídeos nunca antes revelados, assim como entrevistas com vários dos seus amigos.

Um documentário que dá a conhecer a marcha que os pinguins fazem rumo ao desconhecido. Sequela do documentário A Marcha dos Pinguins (2015).

PEREGRINAÇÃO

ENGLAD IS MINE

LIGA DA JUSTIÇA

Adaptação da obra de Fernão Mendes Pinto. Um relato das viagens dos descobridores e conquistadores portugueses no Oriente.

De Mark Gill, com Jessica Brown Findlay, Jodie Comer, Jack Lowden Um retrato da vida de Steven Morissey quando ainda era um jovem e muito antes de se tornar vocalista da banda The Smiths.

O ESPÍRITO DA FESTA

De Olivier Nakache, Eric Toledano, com Gilles Lellouche, Suzanne Clément, Jean-Paul Rouve Uma comédia que retrata a organização de um casamento, dando a perspetiva daqueles que preparam a festa.

A FESTA

De Sally Potter, com Kristin Scott Thomas, Timothy Spall, Cillian Murphy

Janet recebe um grupo de amigos em sua casa para uma comemoração. Quando o seu marido faz uma série de revelações a festa transforma-se num conflito aberto.

O FIM DA INOCÊNCIA De Joaquim Leitão

A história de um grupo de jovens que vive uma vida dupla. Alunos de bons colégios e com pais presentes consomem regularmente drogas e têm comportamentos sexuais de alto risco.

O GANG DO PARQUE 2

De Cal Brunker, com (vozes) Will Arnett, Katherine Heigl, Maya Rudolph

O grupo de animais que vive no parque vê a sua casa ameaçada quando é aprovada a construção de um parque de diversões no local. Juntos têm lutar para salvar o seu lar.

GAUGIN

De Edouard Deluc, com Vincent Cassel, Tuheï Adams, Malik Zidi

Filme biográfico sobre o pintor Paul Gaugin, durante o tempo que viveu no Taiti.

O HOMEM DO CORAÇÃO DE FERRO

De Cédric Jimenez, com Rosamund Pike, Mia Wasikowska, Jason Clarke A história do atentado mortífero a uma das maiores patentes do regime nazi, Reinhard Heydrich.

O IMPERADOR: A MARCHA DOS PINGUINS 2 De Luc Jacquet, com Lambert Wilson

De Zack Snyder, com Ben Affleck, Gal Gadot, Jason Momoa Batman e a Mulher-Maravilha são aliados. Juntos procuram uma solução para salvar o planeta de um ataque catastrófico.

MÃES À SOLTA 2

De Jon Lucas, Scott Moore, com Kristen Bell, Mila Kunis, Cheryl Hines

Neste segundo filme as três mães rebeldes voltam a quebrar a tradição festejando a época natalícia de forma completamente inesperada.

MARCAS DE GUERRA

De Jason Hall, com Haley Bennett, Miles Teller, Amy Schumer

Um grupo de soldados americanos que regressou do Iraque luta para conseguir integrar-se na sociedade e viver em harmonia com a família.

A MONTANHA ENTRE NÓS

A Hany Abu-Assad, com Idris Elba, Kate Winslet, Beau Bridges

Dois estranhos sobrevivem a um acidente de avião. O desastre acontece numa montanha remota. Rapidamente percebem que só com a ajuda um do outro têm alguma hipótese de escapar.

THE ONLY LIVING BOY IN NEW YORK

De Marc Webb, com Callum Turner, Kate Beckinsale, Pierce Brosnan

Thomas Webb acabou a faculdade e procura um rumo para a sua vida. Inesperadamente descobre que o pai tem uma amante. O seu objetivo é terminar a relação mas acaba por se envolver com a namorada do pai. Esta situação alteras tudo o que, até aqui, julgou ser.

PAI HÁ SÓ UM… OU DOIS

De Sean Ander, com Will Ferrell, Mark Wahlberg, Linda Cardellini

Depois do conflito entre pai e padrasto, Dusty e Brad são finalmente amigos. Assim resolvem juntar as famílias para um Natal especial. Mas quando os pais de ambos aparecem as coisas não correm da melhor maneira…

PATIENTS

De Mehdi Idir, Grand Corps Malade, com Pablo Pauly, Soufiane Guerrab, Moussa Mansaly

As lutas, conquistas e derrotas de um grupo de doentes que partilha o mesmo centro de recuperação.

De João Botelho, com Cláudio da Silva, Catarina Wallenstein, Rui Morisson

O QUADRADO

De Ruben Östlund, com Claes Bang, Elisabeth Moss, Dominic West

O curador de um museu de arte contemporânea, com uma vida aparentemente perfeita e até altruísta, vê a sua realidade alterada quando a propósito da nova exposição O Quadrado é criada uma campanha inesperada. Esta situação leva-o a ele e ao próprio museu aviver uma crise existencial. Filme vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes.

de população, os alimentos escasseiam e as alternativas geneticamente modificadas criam um problema: o nascimento de gémeos. Surge então uma lei drástica: os casais só podem ficar com um filho. Um homem consegue salvar as sete netas gémeas. A cada uma é atribuído um dia de semana, e só podem sair nesse dia, porque assumem apenas uma identidade: Karen Settman. Quando a SegundaFeira desaparece toda a vida que levaram até então fica em perigo.

SÓ PARA BRAVOS

De Joseph Kosinski, com Taylor Kitsch, Jennifer Connelly, Jeff Bridges Baseado na história de um grupo de bombeiros do Arizona que, em 2013, combateu um enorme fogo que matou 19 dos seus membros.

SÓ PARA TER A CERTEZA

47 METROS DE TERROR

De Carine Tardieu, com François Damiens, Cécile De France, Guy Marchand

Duas irmãs que viajam até ao México para umas férias de sonho, ficam encurraladas numa jaula no fundo do oceano depois de uma excursão para verem os tubarões correr da pior forma.

SÓ TE VEJO A TI

De Johannes Roberts, com Mandy Moore, Claire Holt, Matthew Modine

RAPTO

De Luis Prieto, com Halle Berry, Dana Gourrier, Lew Temple

Karla está com o seu filho num parque quando este é raptado por uma mulher. Desesperada não olha a meios para o encontrar.

REBEL IN THE RYE

De Danny Strong, com Sarah Paulson, Zoey Deutch, Kevin Spacey

A história de vida do escritor J.D. Salinger.

ROBERT FRANK – DON’T BLINK De Laura Israel

Robert Frank, fotógrafo rebelde e revolucionário, revisita a sua vida e obra neste filme.

RODIN

De Jacques Doillon, com Vincent Lindon, Izïa Higelin, Séverine Caneele Filme biográfico sobre o romance do famoso escultor francês com Camille Claudel.

ROSAS DE ERMERA De Luís Filipe Rocha

SETE DIAS

De Tommy, Wirkola, com Noomi Rapace, Glenn Close, Willem Dafoe

2073, o mundo sofre com o excesso

Erwan, um homem de 45 anos, descobre que o seu pai não é o pai biológico. Ao mesmo tempo a sua filha adolescente está grávida e não diz quem é o pai da criança. Erwan resolve procurar o seu pai biológico e o pai do seu neto.

De Marc Forster, com Blake Lively, Yvonne Strahovski, Wes Chatham

Uma mulher cega recupera a visão. A relação com o marido altera-se a partir desse momento, quando descobre questões perturbadoras sobre a vida que têm em comum.

STRONGER – A FORÇA DO AMOR

De David Gordon Green, com Jake Gyllenhaal, Tatiana Maslany, Clancy Brown Uma vítima do atentado de Boston, em 2013, ajuda a polícia a encontrar os culpados ao mesmo tempo que recupera de um trauma devastador.

WOODSHOCK

De Kate Mulleavy, Laura Mulleavy, com Kirsten Dunst, Joe Cole, Pilou Asbæk Uma mulher entra em paranoia depois de tomar uma droga letal.

VIVE

De Andy Serkis, com Diana Rigg, Claire Foy, Andrew Garfield

A história verídica de Robin e Diana Cavendish, um casal que enfrentou a doença de Robin e a sua incapacidade de respirar sozinho de uma forma surpreendente, numa época (final dos anos 1950) em que a medicina ainda não tinha respostas que permitissem uma vida mais ou menos normal para o doente.


48

C I N E M A C I C L O S / F E S T I VA I S

LA 6ÈME FACE DU PENGAGON

CINEMATECA EM NOVEMBRO

A ARTE EM IMAGENS

PORTUGALITO

CINEMATECA PORTUGUESA

Ciclo de filmes de Jorge Silva Melo

De Regina Guimarães

FUNDAÇÃO ARPAD SZENES - VIEIRA DA SILVA

BALADA DE UM BATRÁQUIO

Ciclo de filmes NOV

C I C L O S/ / F E S T I VA I S

NIKIAS SKAPINAKIS: O TEATRO DOS OUTROS Com a presença de Nikias Skapinakis e Jorge Silva Melo 5 NOV: 21H30

CICLO DE CINEMA: QUANDO O CINEMA INTERVÉM

De Chris Marker, François Reinchenbach

De Leonor Teles

CICLO 1917 NO ECRÃ

O CINEMA E A CIDADE EINLEITUNG ZU ARNOLD Ciclo de filmes SCHOENBERGS BEGLEITMUSIK ZU NOV B EINER LICHTSPIELSCENE (1973) HOLLYWOOD Ciclo sobre a Série B do cinema De Jean-Marie Straub

SARAJEVO FILM FESTIVAL De Johan van der Keuken

clássico norte-americano NOV

27 NOV: 21H30

CLUBE DE CINEMA SÉNIOR

CASA DA ACHADA

MISÈRE AU BORINAGE

CINEPOP

De Joris Ivens, Henri Storck

FÓRUM LISBOA

DECRESCENTE

MAD MAX 2

De George Miller

SOCIEDADE HISTÓRICA DA INDEPENDÊNCIA DE PORTUGAL Sessões comentadas e debatidas por Dr. António Pascoalino QUI: 15H30-18H30

De Saguenail

6 NOV: 21H30

A MINHA BELA LAVANDARIA De Stephen Frears 13 NOV: 21H30

NÃO DÊS BRONCA De Spike Lee

20 NOV: 21H30

5 NOV: 16H

KRAMER VS KRAMER De Robert Benton 12 NOV: 16H

MAD MAX BEYOND THE THUNDER DOME

MP

213241475/969599918

2 FILMES DE CHARLOTTE BAYER-BROC – OS RECÉMCHEGADOS

ARKANA’S SKULLS (LES TÊTES DE MORT D’ARKANA) LOS DIABLOS AZULES 7 NOV: 20 EG

ENQUADRAMENTOS CINEMA CITY CLASSIC ALVALADE Visionamento e análise de filmes em cartaz conduzido por um crítico de cinema. 3º SÁB: 10H Inscrições até à véspera da sessão

HÁ CINEMA NO MUSEU – MORTE VIDA MEMÓRIA MEDO MUSEU DO DINHEIRO

A CIDADE DOS MORTOS De Ségio Tréfaut

4 NOV: 16H MP

LEFFEST’17 LISBON & SINTRA FILM FESTIVAL VÁRIOS LOCAIS 17 A 26 NOV www.leffest.com

De George Miller 19 NOV: 16H

9-12 Nov 2017 #FestivalMental

Festival da Saúde Mental Para mais informação:

mental.pt

Bilhetes à venda em:

ticketline.sapo.pt


CIN E MA CONCURSOS / CURSOS

MENTAL – FESTIVAL DA SAÚDE MENTAL VÁRIOS LOCAIS 9 A 12 NOV www.mental.pt

MUVI LISBOA CINEMA SÃO JORGE Festival Internacional de Música no Cinema 15 A 20 NOV

PROCURAM-SE FILMES ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA - VIDEOTECA Recolha de filmes caseiros feitos em Lisboa ou por lisboetas

TEMPS D’IMAGES RUA DAS GAIVOTAS 6

PERGUNTAS DIFÍCEIS De João Meirinhos 22 NOV: 19H30 MP

CINEMA IDEAL

SESSÃO CURTAS DA ESCOLA SUPERIOR DE TEATRO E CINEMA

da Imagem em Movimento – Projeções e construções óticas 2 NOV A 21 DEZ

CINECLUBE CINE REACTOR 24I

12º Curso Geral de Cinema

ATÉ 29 JUN/18 www.cursogeraldecinema.com FUNDAÇÃO PORTUGUESA DAS COMUNICAÇÕES – MUSEU DAS COMUNICAÇÕES

Curso de iniciação edição de vídeo ATÉ 25 NOV

KINO -DOC

Curso de Documentário KINO-DOC ATÉ JUN 919 300 853

RESTART

Realização I

SEG, QUA, SEX: 9H-12H, 20H-23H

Vários autores

Realização II

23 NOV: 19H30

TER, QUI : 19H-23H

NUNCA AS MINHAS MÃOS FICAM VAZIAS

Geral de Audiovisuais

TER, QUI: 9H-13H,14H-18H

De Miguel Munhá

24 NOV: 19H30

SILÊNCIOS DO OLHAR De José Nascimento

25 A 29 NOV: 19H30

SHORTCUTZ O BOM, O MAU E O VILÃO Exibição de curtas-metragens TER: 22H

CONCURSOS

MONSTRA 2018

Inscrições para longas, curtas, séries de TV, curtas de estudantes, curtas para crianças e curtíssimas de animação INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 19 NOV

Câmara e Iluminação para Audiovisuais

TER, QUI: 9H-13H, 19H-23H

Pós-Produção Audiovisual

SEG, QUA, SEX: 9H-12H, 13H-16H, 20H -23H

Produção e Marketing Audiovisual SEG, QUA, SEX: 9H-12H

Interpretação – Cinema e televisão TER, QUI: 19H-23H

Animação e Grafismo 2D/3D I

TER, QUI: 14H-18H/19H23H

Animação e Grafismo 2D/3D II TER, QUI: 9H-13H

CURSOS AMA – ACADEMIA MUNDO DAS ARTES

Representação para televisão e cinema AR.CO

Workshop: Dispositivos

49

Escrita para Cinema, Televisão e New Media

SEG, QUA, SEX: 20H-23H EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA E ESCOLAS

> Contactos pág 101

CINEMATECA PORTUGUESA NOVEMBRO E DEZEMBRO R. BARATA SALGUEIRO, 39 213 596 200 / WWW.CINEMATECA.PT

HOLLYWOOD B Começa este mês um grande ciclo dedicado ao cinema clássico norte-americano de série B. Com o aparecimento do cinema sonoro, a indústria de Hollywood não conseguia viver apenas de grandes produções. Os estúdios criaram, então, as unidades de produção B que trabalhavam com maior rapidez e orçamentos mais curtos, conseguidos também pela ausência de grandes estrelas no elenco. Os filmes série B foram, ao contrário do que se acredita, um meio para o surgimento de cineastas tão sérios e artísticos como Douglas Sirk, sendo a primeira exibição do ciclo, Hitler’s Madman, da sua autoria. Por outro lado, a série B permitia uma liberdade e um contacto com a realidade social que a série A não podia explorar, o que justifica que estes filmes sejam hoje retratos mais fiéis e ousados da sociedade americana da época do que as grandes produções. Do programa destacam-se realizadores determinantes no género como Joseph H. Lewis, Bud Boetticher, Edgar G. Ulmer ou Don Siegel. AF


DA N ÇA

© Bart Grietens

50

CENTRO CULTURAL DE BELÉM 30 NOVEMBRO, 1, 2 DEZEMBRO, ÀS 21H PRAÇA DO IMPÉRIO / 213 612 400 / WWW.CCB.PT

ANECKXANDER Alexander Vantournhout & Bauke Lievens direcção; Alexander Vantournhout interpretação.

Aneckxander estreou em 2015 no Festival Humonologie, Bélgica. Recebeu o prémio do público no Festival de Ostend e foi nomeado, na Bélgica e Holanda, para a melhor produção de 2015-2016. Oscilando entre a tragédia e a comédia, Alexander/ E S P E TÁC U L O S ASSOCIAÇÃO ADN

ROCKAFORTE BATTLE

Competição de Breakdance e Hip-Hop 1vs1. 18 NOV: 14H

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

LES BALLETS TROCKADERO DE MONTE CARLO 24, 25 NOV: 21H, 25, 26 NOV: 16H

ANECKXANDER

30 NOV, 1, 2 DEZ: 21H

CULTURGEST

SONGS FOR TAKASHI 10, 11 NOV: 21H30

TEATRO CAMÕES

ESPECIALISTAS 9, 10 NOV: 21H, 11 NOV: 18H30

Aneckxander reescreve a autobiografia do seu próprio corpo, num cenário minimalista. Com um conjunto de objetos cuidadosamente escolhidos e três variações de uma peça de piano de Arvo Pärt se faz este autorretrato cru, em que o corpo não só se expõe mas também tenta escapar aos olhares curiosos que o rodeiam. Ricardo Gross

FESTIVAL TEMPS D’IMAGES ZDB NEGÓCIO

NO INTERVALO DE UMA ONDA de Rafael Alvarez. 1 A 4 NOV: 21H30

APAGÃO

F E S T I VA I S

de David Marques & Tiago Cadete. 7 A 9 NOV: 21H30

FESTIVAL FLAMENCO HERITAGE

AULAS/CURSOS WORKSHOPS

AULA MAGNA

FLAMENCO DE SANGRE

Grande gala de baile flamenco. 3 NOV: 21H30

AAMA - ASSOCIAÇÃO DE ACTIVIDADE MOTORA ADAPTADA

Dança Contemporânea

Inclusiva

QUA: 10H30 917 737 409 / 217 121 330 ACADEMIA LIFECLUB/ ESTÚDIO 1

Dança Contemporânea para Maiores de 55 anos e Seniores Por Rafael Alvarez TER: 17H30-19H15 bodybuilders321@gmail.com ARTA - TABERNA DAS ALMAS

Oficina de Tango Por Miriam Nieli QUI: 20H-21H30 938 226 403


DA N ÇA AU L AS / C U R S O S / WO R KS H O P S

51

ASSOCIAÇÃO ADN

Acrobacia Aérea

Com Joa Gouveia, Mila Xavier e Rita Oliveira SEG, QUA: 19H30-21H45

Acrobacia de Chão Com Jocka Carvalho TER: 19H30-21H30

Pinos

Com Joa Gouveia TER: 19H30-21H30

Mastro Chinês

Com Ricardo Paz QUI: 19H30-21H30 armazem13adn@gmail.com ASSOCIAÇÃO CRISTÃ DA MOCIDADE DE LISBOA

Samba Gafieira

Por Livia Oliveira QUA: 20H30-22H30

Kizomba

SEX: 20H30-22H

Forró

Por Marquinhos SÁB: 17H-19H 916 540 235 ASSOCIAÇÃO SUBUD

Biodanza

TER: 19H30-21H45 965 350 034 http://biodanza-davida.webnode.pt AUDITÓRIO CARLOS PAREDES

Oficinas de Movimento Por Bruno Rodrigues SEG: 17H15-18H, 18H1019H10, 19H15-20H15, 20H15-21H30 brunosebastiaorodrigues@ gmail.com

© Bruno Simão

B.LEZA

Workshops de Dança DOM: 18H 963 612 816

C.E .M . CENTRO EM MOVIMENTO

Corpo Paisagem Com Inês Ferreira SEG: 9H30 -11H

Vertical

Com Sofia Neuparth SEG: 17H30-19H

Movimento com Adolescentes

Com Clara Bevilaqua SEG: 18H30 -19H30

Corpo Dinâmico Corpo Flutuante

Com Peter Michael Dietz SEG, QUA: 19H30-21H30

Práticas de Criar Corpo Com Sofia Neuparth QUA: 9H30- 11H

TEATRO CAMÕES 9, 10 NOVEMBRO, ÀS 21H, 11 NOVEMBRO, ÀS 18H30 PASSEIO DO NEPTUNO – PARQUE DAS NAÇÕES / 218 923 477 / WWW.CNB.PT

ESPECIALISTAS Aldara Bizarro, direção e coreografia; artistas da CNB, interpretação.

Os bailarinos tornam-se peritos do corpo e da memória. Desde novos, e durante muitos anos, ensaiam bailados ao longo de horas e horas, que ficam gravados para sempre na memória do corpo. Para recordar esses passos, recorrem por vezes às contagens musicais e aos nomes dos passos que entoam baixinho: glissade, jeté, pas de bourrée... como numa lengalenga que nos acompanhasse ao adormecer. Especialistas é uma peça sobre a memória do corpo. O que este guarda ao longo do tempo e como se consegue recuperar essa memória. RG


52

DA N ÇA

AU L AS / C U R S O S / WO R KS H O P S

Travessias

Com Susana Salazar QUI: 17H-18H

Movimento-Dança

Com Inês Ferreira TER, QUI: 18H-19H30

Rhythmical Immersion (instrumento de percussão) Com Baltazar Molina QUA: 17H30-19H30

Práticas de Dança Com Sílvia Pinto Coelho QUI: 19H30-21H

CASA DA COMARCA DE ARGANIL

Aulas Regulares de Tango Argentino (Iniciado/Intermédio) QUI: 20H30-21H30 964 859 049 CASA DE LAFÕES

Aulas de Tango TER: 19H30

Aulas de Forró TER, QUI: 21H

CENTRO CULTURAL DE CARNIDE

Ballet

Professora Francisca Moura TER: 18H-18H45 (NÍVEL I), 18H50-19H50 (NÍVEL III); QUI: 18H-18H45 (NÍVEL II), 18H50-19H50 (NÍVEL IV)

Hip-Hop

Professora Ana Marta Azevedo SEG, QUA: 18H40-19H30 CENTRO CULTURAL PADRE CARLOS ALBERTO GUIMARÃES

BalletArte

Dança Clássica, Dança Criativa, Dança Contemporânea e Barra de Chão pontifice73@gmail.com CHAPITÔ

Técnicas Circenses

Por Sâmara Botelho, Matias Hugo e Neuza Ribeiro SEG, QUA: 19H30-21H

Técnicas de Manipulação Por Tommaso Mortari TER: 19H30-21H

Capoeira

Por Mário Correia TER, QUI: 19H30-21H COMPANHIA OLGA RORIZ

Aulas de Contemporâneo

SEG, QUA, SEX: 10H3012H10, TER, QUI: 9H-10H30

Aulas de Condicionamento Físico SEG, QUA, SEX: 9H-10H30 CONVENTO DE SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA

Dançar com Pk

Aulas de dança para pessoas com Parkinson e cuidadores por Rafael Alvarez e Leonor Tavares. SÁB: 10H-11H30 EG / MP

934 788 156 DANCE FACTORY STUDIOS

Aulas Regulares, Cursos e Workshops

Kizomba Zero, Tango Argentino, Danças de Salão, Salsa, Tarrachinha, Semba, Bachata, Forró, Street Jazz, Ragga, Hip-Hop, Kuduro, Belly Dance, Sevilhanas, Ritmos Latinos, Pole Dance, Ballet, Sapateado, Dança Afro. 966 755 755 DANCE SPOT

Artes de Palco, Street Dance e Danças Sociais 915 773 155

DE PURA CEPA - ESCUELA DE TANGO

Tango Argentino (Iniciação, Intermédio e Técnica) depuracepatango@gmail.com DOJO DA LUZ

Dança Contemporânea Por Sofia Freire Diogo SEG, QUA: 10H30-11H30, SEG: 21H-22H, SEX. 20H30-21H30 EKA (PALACE)

Bharata Natyam TER: 19H00 dance@ekaunity.com

ESCOLA DE DANÇA ANA KÖHLER

Cursos

Dança Criativa, Ballet, Contemporâneo, Jazz/Broadway, Sapateado/Tap Dance, Dança Tradicional Irlandesa, Hip-Hop, Bollywood e Barra de Chão 961 268 279 ESCOLA DE DANÇA PROJETO LATINO

Aulas e Workshops

Salsa, Roda de Casino, Ritmos Africanos, Bachata, Tango Argentino e Sevilhanas SEG A SEX: PÓS-LABORAL 917 860 556

ESCOLA DE DANÇA RAQUEL OLIVEIRA

Dança Extemporânea e Danças Espanholas

escoladedanca@raquel-oliveira.pt ESCOLA PRO.DANÇA

Formação Essencial Matridança

Corpo e movimento para mulheres com Vera Eva Ham SÁB: 14H-19H, DOM: 9H30-18H 919 727 601 ESPAÇO 9

Gipsy Duende

SEG: 18H-19H30

Danza Duende

QUA: 19H-20H30 info@espaco9@gmail.com ESPAÇO DANÇA PALMIRA CAMARGO

Aulas e Workshops

Dança Jazz, Jazz Broadway, Bollywood, Dança Oriental, Sapateado, Dança Irlandesa e HipHop (novas modalidades) ESPAÇO MATER

Aulas

Dança Clássica, Sevilhanas, Dança Mais, Dança Indiana, Danças Europeias, Danças Celtas e Danças Orientais amalgama.info.ins@gmail.com ESPASSUS 3G

Dança Escocesa

QUI: 19H15-20H45, 20H45-22H 931 462 215 ESTÚDIO ACCCA

Dança Contemporânea

Por Sofia Silva SEG: 19H30-21H30 (NÍVEL ABERTO); TER, QUI: 19H-20H30 (NIVEL I E II) E 20H30-22H (NÍVEL III) MP formacaodanca@gmail.com | 919 657 249 ESTÚDIOS VICTOR CÓRDON

Aulas de Dança Clássica para Adultos Por Carla Pereira e Paulina Santos QUA: 18H-19H15

Aulas de Dança Clássica para profissionais Por Filipe Macedo e Alexandre Fernandes SEG, QUA, SEX: 10H-11H15

Aulas de Dança Contemporânea para profissionais Por Miguel Oliveira TER, QUI: 10H-11H15

FORUM DANÇA

Dança Contemporânea

Por Maria Ramos TER: 19H30-21H (NÍVEL ABERTO), QUI: 19H30-21H (NÍVEL INTERMÉDIO)

Ballet e Barra de Chão Por Maria João Lopes SEG: 19H30-21H, QUA: 19H30-21H

Laboratório Coreográfico

Por Maria Ramos QUA: 19H30-21H FUNDAÇÃO LIGA

Atelier de Dança Inclusiva

Por Rafael Alvarez SEG: 10H-11H fundacaoliga@fundacaoliga.pt GINÁSIO BEIJA-FLOR

Capoeira

SEG, QUA, SEX: 19H3021H, TER, QUI: 20H30-22H IGREJA DE SANTO ANTÓNIO DE CAMPOLIDE

Aulas de Biodanza QUA: 19H30-22H 911 068 976 KI’ANDA PRIME

Aulas

Salsa, Bachata, Kizomba e Semba SEG A SEX: 19H-22H LX DANCE - ESCOLA DE DANÇA E BAILADO DE LISBOA

Cursos

Ballet, Jazz, Musical, Barra no Chão, Contemporâneo, Flamenco/ Sevilhanas, Pontas e Dance Mix MUSEU DO ORIENTE

Aulas Regulares de Dança Oriental Por Carla Sofia QUI: 13H-14H POLE HEART

Aulas de Pole Dance Por Carolina Ramos www.carolinaramos.net

PRO.DANÇA - ESCOLA DE DANÇA

Aulas

Ballet Clássico, Sevilhanas e Flamenco, Barra no Chão, Hip-Hop, Burlesco e Broadway Jazz STAGE 81

Aulas

Kizomba, Broadway Jazz, Burlesco, Ballet, Contemporâneo e Modern Dance stage81escoladedanca@gmail.com


53

PASSADO E PRESENTE LISBOA, CAPITAL IBERO-AMERICANA DE CULTURA 2017 NOVEMBRO www.lisboacapitaliberoamericana.pt


LI S BOA , CAPITAL I B E RO -AM E RICANA D E C U LTU RA 201 7

Jorge Andrade e José Capela AMAZÓNIA 9 a 19 de novembro

© Francisco Levita

54 N OVE M B RO


M O NUTU A OVE R ÇBM ORO BLRO ILI S BS LI OA BOA S BOA , CA , CAPITAL ,PCAPITAL I TA L I B IB EIE RBRO OE-RO A -AM M-AM EERRICANA IECA RICANA N A DDEED CCEUUC LT LTU UULTU RRA ARA 2201 0 201 1 77 7

Quem viu Moçambique poderá estar tentado a pensar que Jorge Andrade tem uma tia brasileira. Mas, não! A ideia de ter família no Brasil até agradaria ao autor, encenador e ator, mas Amazónia, afinidades tropicais à parte, é uma viagem sem conexões familiares aparentes e, certamente, muito mais ecológica. Pelo menos a julgar pelo que os diretores artísticos da Mala Voadora nos revelaram acerca do novo espetáculo, em estreia no Teatro São Luiz a 9 de novembro.

O que é Amazónia e essa “telenovela ecológica” que vem anunciada? Jorge Andrade: Trata de um grupo de artistas que resolve ir para a Amazónia fazer, precisamente, uma telenovela ecológica, porque o conceito interessa às pessoas, é ético e é urgente; e parece ser uma fórmula de sucesso. Ao chegarem, começam por ocupar o espaço e tentam tornar aquele cenário inóspito, com muita natureza por toda a parte, um sítio agradável. Isso envolve limpar parte dessa natureza, e até mesmo eliminar alguns índios das redondezas. À medida que o vão fazendo, conseguem angariar alguns patrocinadores e financiadores para aquele empreendimento. Mas nem tudo acaba por correr como o previsto…

portuguesa naquela zona, sobretudo a dizimação dos nativos, e a luta atual dos “sem terra” contra os senhores do gado e da soja. Tal como em Moçambique, também aqui se reflete a história, mas de uma forma muito mais livre. Essa liberdade faz de Amazónia um espetáculo ainda mais pessimista do que Moçambique? José Capela: Talvez seja um espetáculo mais negro… JA: Mas não creio, apesar de tudo, que seja um espetáculo cínico e de descrença. Até porque team algum espaço para a esperança. Aliás, e tal como Moçambique, é bastante divertido. Como diz Timothy Morton, “todos nós sabemos que estamos lixados, mas não vamos passar o tempo que nos resta a chorar sobre o quão lixados estamos.”

Tawapayera

Ou seja, as preocupações que norteiam a ficção esfumam-se na realidade. ATELIER-MUSEU JA: Porque a telenovela ecológica deles é JÚLIO POMAR 28 de outubro a 28 de A fevereiro de 2018 mesmo pouco ética e despudorada. É um propreocupação ecológica está subjacente jeto a lembrar a nossa história passada fazenao próprio modo como este espetáculo foi do deles novos colonizadores. concebido, não é assim? espetáculoopreocupado Um dia, enquanto tomava banhoJC: no Como rio Amazonas, curador com as questões da ecologia, resolvemos aplicar um verdaMoçambique Alexandre trabalhavaMelo diretamente a lembrou-se inesperadamente de imagens de deiro processo de reciclagem de outros espetáhistória de um país. E aqui, como é que tratrabalhos de Júlio Pomar. E o mesmo voltou a acontecer quando culos. Por exemplo, na música e no desenho de balharam a realidade daquele imenso terparticipou nas festas dos Bois Bumba de Parintins. “Não é uma luz apropriamo-nos do que criámos ritório? questão de realismo”, explica o próprio. “Para os artistas, e para as em espetáculos anteriores da MalaaVoadora; JA: Aquandopessoas de uma ida ao Brasil com Moçamvivas em geral, a energia e a vida e, se possível, alegria, a cenografia é emprestada de um espetáculo bique, que apresentámos em São Paulo e Corisão matérias para um desafio e um encontro que, neste caso, da Cláudia com árvores Natal a ilustrarem a tiba, fomos foram à Amazónia, ao estado do Acre, umNunoGaiolas, aceites por Júlio Pomar, de Almeida e Silva,de Igor Jesus densidade da floresta amazónica. dos últimoseaTiago integrar o “império” brasileiro. Alexandre.” De terça a domingo, das 10h às 13h e das 14h às E, as cenas Adquiri bibliografia, estudei alguma história 18h no espaço expositivoe textos da Ruasão dotambém Vale. MC objeto desse mesmo processo de reciclagem. Frederico Bernardino da Amazónia, como aspetos da colonização

55


56 N OVE M B RO

LI S BOA , CAPITAL I B E RO -AM E RICANA D E C U LTU RA 201 7

Imperial Silence: Una Ópera Muerta MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL 9 a 11 de novembro, às 21h30

O folclore e o multimedia encontram-se numa peça em quatro atos que parte das representações mexicanas tradicionais do Dia dos Mortos para chegar ao “Silêncio Imperial” aplicado à dissidência nos EUA. Imaginários cruzados por John Jota Leaños, que se vai especializando em combinar as técnicas do teatro, da arte pública e do desenho animado. Para um espetáculo cantado, dançado e muito sentido, Imperial Silence: Una Ópera Muerta, que sobe ao palco do Maria Matos. MC


M O NUTU A OVE R ÇBM ORO BLRO ILI S BS LI OA BOA S BOA , CA , CAPITAL ,PCAPITAL I TA L I B IB EIE RBRO OE-RO A -AM M-AM EERRICANA IECA RICANA N A DDEED CCEUUC LT LTU UULTU RRA ARA 2201 0 201 1 77 7

Potência e Adversidade

Arte da América Latina nas Coleções em Portugal PAVILHÕES BRANCO E PRETO Inaugura a 11 de novembro, às 17h até 8 de janeiro 2018

A arte, sabemo-lo, viaja. E a Capital Ibero-americana da Cultura revela-se um ótimo pretexto para ficar a conhecer o trabalho artístico de outras latitudes a residir em coleções públicas e privadas portuguesas. O que salta à vista é a politização da arte, veículo do impacto das desigualdades sociais e da repressão governamental. O que salta à vista é Potência e Adversidade, no Pavilhão Branco das Galerias Municipais e no Pavilhão Preto do Museu de Lisboa, com curadoria de Marta Mestre. MC

57


LI S BOA , CAPITAL I B E RO -AM E RICANA D E C U LTU RA 201 7

© João Tuna

58 N OVE M B RO

Um Museu Vivo de Memórias Pequenas e Esquecidas SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL 19 a 21, 24 a 26 de novembro, das 18h às 23h

Onde ficam as pessoas no meio das memórias? O que se transmite omite da narrativa do país? Joana Craveiro (direção, texto e interpretação) vem-se perguntando exatamente isto desde 2012. Recolhendo testemunhos pessoais, pesquisando arquivos privados, questionando a versão oficial dos eventos junto de cidadãos mais ou menos anónimos. E encenando uma palestra performativa com diferentes declinações sobre a história portuguesa recente. Apresentada aqui como espetáculo de cinco horas, é uma demanda em atualização permanente. MC


M O NUTU A OVE R ÇBM ORO BLRO ILI S BS LI OA BOA S BOA , CA , CAPITAL ,PCAPITAL I TA L I B IB EIE RBRO OE-RO A -AM M-AM EERRICANA IECA RICANA N A DDEED CCEUUC LT LTU UULTU RRA ARA 2201 0 201 1 77 7

E AINDA DESENHO

TEATRO

FUNDAÇÃO ARPAD

TEATRO DA POLITÉCNICA

SZENES-VIEIRA DA SILVA

A VOZ DO TEATRO LATINO-AMERICANO

LISBOA – UM ANO A DESENHAR PARA O FUTURO 2017 *

Associação de Urban Sketchers com Luis Ruiz MÁLAGA 4 NOV

Artistas Unidos PORTUGAL 25 NOV SÁB, ÀS 18H CONFERÊNCIA

FACULDADE DE CIÊNCIAS

EXPOSIÇÃO MUSEU DO FADO

CANÇÕES DE IDA E VOLTA Imagens Musicais na Pintura Ibero-Americana 11 NOV A 31 DEZ TER A DOM: 10H-18H INAUGURA A 11 NOV, SÁB, 17H

SOCIAIS E HUMANAS DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

ATRAVÉS, DESDE, PARA A AMÉRICA LATINA Redes, circulações e trânsitos artísticos dos anos 1960 à atualidade 27, 28 NOV

FOTOGRAFIA

TEATRO

ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA

MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL

| FOTOGRÁFICO

8ª FEIRA DO LIVRO DE FOTOGRAFIA 24 A 26 NOV SEX: 17H-22H SÁB, DOM: 11H-23H

VIEJO, SOLO Y PUTO Sergio Boris ARGENTINA 28 A 30 NOV TER A QUI: 21H30

59


60 N OVE M B RO

LI S BOA , CAPITAL I B E RO -AM E RICANA D E C U LTU RA 201 7

PROGRAMA EDUCATIVO BLX – BIBLIOTECAS DE LISBOA

CENTRO DE ARQUEOLOGIA DE LISBOA

ORLANDO RIBEIRO

HISTÓRIAS DA LISBOA COSMOPOLITA E DO MUNDO DESCONHECIDO

CRESCENDO ENTRE CANÇÕES OFICINA MUSICAL - PÚBLICO ESCOLAR DO 3.º AO 6.º ANO 9, 14, 21, 28 NOV: 11H, 14H30 Máximo 25 participantes | Duração 1h30 Marcação: isabel.n.goncalves@cm-lisboa.pt

VISITA /OFICINA - PÚBLICO ESCOLAR DO 2º E 3º CICLO, SECUNDÁRIO E PROFISSIONAL 9 NOV: 10H30

MUSEU DE LISBOA - TORREÃO POENTE

Máximo 20 participantes | Duração 2h Marcação: centro.arqueologia@cm-lisboa.pt

DESTINO LISBOA

Um percurso pelos lugares e vivências africanas entre os séculos XVI e XVIII PERCURSO PEDESTRE - 26 NOV, 11H Máximo 30 participantes | Duração 1h30 Marcação: servicoeducativo@museudelisboa.pt GALERIAS MUNICIPAIS GALERIA QUADRUM

VIBRAÇÕES CENTRÍFUGAS ENSAIO ABERTO - 25 NOV: 11H-13H Marcação: helenatavares@egeac.pt MUSEU DO FADO

CANÇÕES DE IDA E VOLTA

Imagens Musicais na Pintura Ibero-Americana

VISITAS GUIADAS - 12 NOV A 31 DEZ Máximo 25 participantes | Duração 1h30 Marcação: info@museudofado.pt

ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA FOTOGRÁFICO

SISTEMAS DE ACONDICIONAMENTO Por Adriana Ferreira e Helena Nunes

OFICINA PÚBLICO ADULTO - 25 NOV: 11H

ENCADERNAÇÃO DE LIVRO COM COSTURA À JAPONESA Por Margarida Duarte

OFICINA - CRIANÇAS DOS 6 AOS 12 ANOS 25 NOV: 15H

ÁLBUM EM BRANCO OFICINA - PÚBLICO ADULTO 21 NOV: 18H Marcação: arquivomunicipal. servicoeducativo@cm-lisboa.pt


DA N ÇA

AU L AS / C U R S O S / WO R KS H O P S

STEPS CLUBE

Aulas e Cursos

Tango, Salsa, Kizomba, Forró, Samba, Danças Orientais, Sapateado e Burlesque 914 890 204 TANGO D’AVENIDA

Aulas de Tango Argentino

Por Miriam Nieli QUA, QUI: 20H, QUI: 21H 938 226 403 TAP DANCE CENTER LISBON

Aulas de Sapateado

TEATRO CINEARTE

Aulas de Tango Argentino

DOM: 20H-21H30 milongabarraca@gmail.com TEATRO DOM LUIZ FILIPE (TEATRO DA LUZ)

Aulas de Novo Circo - Acrobacias Aéreas: Tecido, Trapézio e Lira SEG A QUI: 18H-21H, SÁB: 10H-13H 932 904 467

Aulas de Danças Tradicionais Europeias Tradballs SEG: 19H (INICIAÇÃO), 20H45 (INTERMÉDIOS) balldados@tradballs.pt

Aulas de Iniciação ao Tango Argentino Por Lua SEX: 19H45-21H15 geral@workin.com.pt

VOZES EM CONSERTO ACADEMIA DE CANTO E PERFORMANCE

Aulas de Dança 911 155 558

WORK IN STUDIO

Aulas de Flamenco

EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA E ESCOLAS

> Contactos pág 101

Por Tatiana Saceda QUA: 20H30-21H30

© Rosa-Frank.com

Por Michel e Paula Cirino SEG, QUA: 17H30-20H30,

SÁB: 10H30-12H30 932 940 988

61

CULTURGEST 10, 11 NOVEMBRO, ÀS 21H30 RUA ARCO DO CEGO 50, PISO 1 / 217 905 155 / WWW.CULTURGEST.PT

SONGS FOR TAKASHI Raimund Hoghe, conceção, coreografia e cenário; Takashi Ueno, Raimund Hoghe, dança.

A Culturgest vem mantendo na última década uma relação privilegiada com o coreógrafo alemão Raimund Hoghe, de quem apresentou os trabalhos Young People, Old Voices em setembro de 2006,

Swan Lake 4 acts em fevereiro de 2008, Si Je Meurs Laissez le Balcon Ouvert (que coproduziu) em fevereiro de 2011 e Pas de Deux em setembro de 2013. Chega agora o momento de dar a descobrir a peça Songs for Takashi, com o bailarino Takashi Ueno, um intérprete “poderoso e poético” como diz o próprio Hoghe. RG


62

LIT E R ATU R A

INSTITUTO CERVANTES 7 A 9 DE NOVEMBRO RUA DE SANTA MARTA 43F / 213 105 020 / LISBOA.CERVANTES.ES

PRESENÇA DE ORTEGA Y GASSET EM PORTUGAL E NO BRASIL “Eu sou eu e a minha circunstância” é uma das frases mais citadas no século XX, mesmo por aqueles que não conhecem o seu autor, o filósofo, ensaísta, jornalista e ativista político espanhol José Ortega y Gasset (1883-1955). Na sua obra, discute temas, aparentemente contrários entre si, que funde numa unidade de sentido, contrapondo e articulando conceitos como individualismo e coletividade; comunidade, nação e estado; história, presente e futuro; poder arbitrário e respeito pela opinião pública; guerra e pacifismo. A obra e o pensamento de Ortega y Gasset e o lugar que ocupa na reflexão filosófica da primeira metade do APCC - ASSOCIAÇÃO PARA A PROMOÇÃO CULTURAL DA CRIANÇA

ATELIÊ DE MARIONETAS DE DEDO E ANIMAÇÃO DO LIVRO E DA LEITURA MP

ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA | FOTOGRÁFICO

8ª FEIRA DO LIVRO DE FOTOGRAFIA DE LISBOA 24 A 26 DE NOV

EG

ASSOCIAÇÃO RENOVAR A MOURARIA

CONTARIA - UM BECO DE HISTÓRIAS

Ana Sofia Paiva vai à Mouraria, para contar, cantar e encantar... ÚLTIMA QUA: 19H-21H EG

ATELIER DDLX

ATELIER DE ESCRITA CRIATIVA LITERÁRIA

Com Filipa Melo SEG, TER: 18H30-20H30

TUTORIA E GRUPO DE ESCRITA

Com Filipa Melo Acompanhamento personalizado e em grupo de projetos de escrita de ficção SEX: 18H30-20H30 atelierfilipamelo@gmail.com

século XX têm suscitado crescente interesse tanto em Portugal como no Brasil, documentado no número e na qualidade dos estudos que, em ambos os países, lhes têm sido consagrados. O Instituto Cervantes e Instituto de Filosofia Luso-Brasileira, em associação com a Fundação Ortega y Gasset, promovem a realização de um Congresso Internacional sobre a presença do pensador madrileno na cultura filosófica de língua portuguesa com a participação de estudiosos brasileiros, espanhóis e portugueses, que analisarão as múltiplas expressões que essa presença tem revestido nas últimas décadas. Luís Almeida d’Eça BIBLIOTECA CAMÕES

ROTA DE CONTADORES NAS BIBLIOTECAS DE LISBOA 2017 Miguel Horta 17 NOV : 21H

EG

LER LER | GRUPO DE LEITORES DA BIBLIOTECA CAMÕES Sobre o tema: Vinhos | Ficção EG/MP 29 NOV: 18H30 BIBLIOTECA DOS CORUCHÉUS

ROTA DE CONTADORES NAS BIBLIOTECAS DE

LISBOA 2017 Luís Carmelo 24 NOV: 21H

EG

BIBLIOTECA NACIONAL DE PORTUGAL

PORTUGAL FUTURISTA E OUTRAS PUBLICAÇÕES DE 1917 Mostra ATÉ 30 DEZ

OH, VIDA, SÊ BELA! ALBERTO DE LACERDA (1928-2007) Exposição ATÉ 13 JAN

EG


L I T E R AT U R A

63

BIBLIOTECA PENHA DE FRANÇA

C.E .M – CENTRO EM MOVIMENTO

FACULDADE DE BELAS ARTES DA UNIVERSIDADE DE LISBOA

JUNTA DE FREGUESIA DE ARROIOS

A cruz de Santo André, Camilo José Cela 29 NOV: 17H30 EG / MP

Com Bernardo Bethonico TER: 16H30

FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

Escrita criativa por Filipa Melo SEG: 18H MP

COMUNIDADE DE LEITORES LEITURAS DA BOCA BIBLIOTECA SÃO LÁZARO

CURSO DE LÍNGUA E CULTURA GREGA Com José Luís Costa SEX MP bib.slazaro@jfarroios.pt

CENTRO CIENTÍFICO E CULTURAL DE MACAU

CURSO DE LÍNGUA E CULTURA CHINESAS

SÁB: 9H-11H, 11H-13H

MP

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

CLUBE DE LEITURA

Conversa mensal à volta de um livro, pontualmente com a presença dos autores. ÚLTIMA SEX: 18H EG BU ÉDALOUCO PHARMÁCIA DE CULTURA

TERTÚLIA DE POESIA

Cada sessão tem um poeta convidado e um poeta celebrado TER: 21H30 CASA DA ACHADA CENTRO MÁRIO DIONÍSIO

CICLO A PALETA E O MUNDO IV

Uma hora semanal de leitura de A Paleta e o Mundo de Mário Dionísio com projeção de imagens. SEG: 18H30

... E AUTOR SEJAS TU

Contos de Filomena Marona Beja, lidos pela própria. 10 NOV: 18H30

OS AMIGOS DESCONHECIDOS: CASTELAO

DIA LITERÁRIO RAÚL BRANDÃO 18 NOV

EG

CENTRO INTERCULTURACIDADE

CURSO DE INTRODUÇÃO AO CRIOULO DE CABO VERDE Língua e cultura MP CULTURGEST

COMUNIDADE DE LEITORES

Norte e Sul por Helena Vasconcelos Luz de Agosto, William Faulkner 2 NOV: 18H30 MP

ESCREVER FICÇÃO

Com José Vegar 16 NOV A 17 MAI: 19H30

ESCRITA DE HUMOR

Conversa com Sara Figueiredo Costa e outros sobre o escritor e desenhador galego Alfonso Daniel Manuel Rodríguez Castelao e leituras a várias vozes. EG 18 NOV: 16H

Com Guilherme Fonseca 28 NOV A 19 DEZ: 19H30 MP ESPAÇO BAIRRO ALTO

TUTORIA E GRUPO DE ESCRITA

CASA DO ALENTEJO

Acompanhamento personalizado e em grupo de projectos de escrita de ficção SEX: 18H30-20H30 atelierfilipamelo@gmail.com

4 NOV: 15H

ESPAÇO PESSOA E COMPANHIA

TARDE CULTURAL COM POETA SILVAIS E CONVIDADOS EG

CASA FERNANDO PESSOA FUNDAÇÃO JOSÉ SARAMAGO

DIAS DO DESASSOSSEGO Leituras, passeios literários, conversas,concertos. 16 A 30 NOV CASA DE MACAU

CURSO DE LÍNGUA E CULTURA CHINESA QUA: 18H30-20H

MP

MP

9 E 10 NOV

FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS INSTITUTO ORIENTAL

CURSO LIVRE DE LÍNGUA E CULTURA TURCA Info: 931 625 424

MP

FUNDAÇÃO JOSÉ SARAMAGO

JOSÉ SARAMAGO – A SEMENTE E OS FRUTOS Exposição documental e bibliográfica

O LAGARTO, DE J. BORGES E JOSÉ SARAMAGO

ESCREVER ESCREVER

Com João Tordo 13 NOV A 18 DEZ: 10H30

HEMEROTECA

COMUNIDADE DE LEITORES

O Crime: a propósito do assassinato do Alferes Brito (1875), de Guerra Junqueiro Oradora: Rita Correia Moderação: Maria Helena Roldão 28 NOV: 17H30 EG / MP ILNOVA - INSTITUTO DE LÍNGUAS DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

CURSOS SEMESTRAIS

Alemão, Árabe, Búlgaro, Coreano, Dinamarquês, Espanhol, Finlandês, Francês, Grego Moderno, Hebraico, Hindi, Húngaro, Inglês, Italiano, Japonês, Mandarim, Neerlandês, Polaco, Romeno, Russo, Sérvio, Sueco, Turco. INSTITUTO CERVANTES

PRESENÇA DE ORTEGA Y GASSET EM PORTUGAL E INTERCÂMBIO POÉTICO; BRASIL POEMAS SEM FRONTEIRAS NO Congresso internacional Poesia nos mais diversos idiomas do Mundo EG 4ª SEX: 19H30-21H

7 A 9 NOV

EVOÉ – ESCOLA DE ACTORES

CURSO DE LÍNGUA ROMENA

CURSO DE ESCRITA CRIATIVA Com Isabel Costa TER: 18H30-20H

MP

JUNTA DE FREGUESIA DO

COLÓQUIO INTERNACIONAL LUMIAR PROJECTOS EDITORIAIS CLUBE DE LEITORES REPÚBLICA E ESTADO NOVO Poesia 15 NOV: 21H

Exposição

CURSOS ESCRITA DE ROMANCE

OFICINAS CINCO ÀS SEIS

INSTITUTO CULTURAL ROMENO Prof.ª Rodica Adriana Covaci SEG, QUA: 17H-18H30 / 19H-20H30 Prof. Simion Doru Cristea TER, QUI: 19H-20H30

LIVRARIA LER (CAMPO DE OURIQUE)

LER NA LER - CLUBE DE LEITURA

O Pianista de Hotel, com a presença do autor Rodrigo Guedes de Carvalho 25 NOV: 18H MUSEU DA FARMÁCIA

O QUE VAMOS LER EM 2018?

Conferência com a presença de editores, críticos e livreiros. EG 16 NOV: 18H-20H30 MUSEU DE SÃO ROQUE

SIMÏTÜ – MÚSICA AO POETA

Recital de poesia Joana Vasconcelos e Sá (piano) e Jorge Soares (poesia) MP 29 NOV: 19H ORIENTA-TE

INICIAÇÃO À LÍNGUA CHINESA

TER: 18H30-20H, QUA, QUI: 19H-20H30

MP

PORTUGU ÊS ET CETERA Cursos de português, língua estrangeira e língua materna TEATRO DA TRINDADE

TEXTOS DO TRINDADE

Iniciativa que promove a leitura de textos que subiram à cena nestes 150 anos do Teatro, acompanhados de um enquadramento e de uma conversa com os espectadores. O Duelo, de Bernardo Santareno EG 22 NOV: 18:30 TEATRO NACIONAL D. MARIA II

CLUBE DOS POETAS VIVOS Com João Paulo Esteves da Silva. Coordenação Teresa Coutinho EG 7 NOV: 19H

EG ENTRADA GRATUITA IA INSCRIÇÕES ABERTAS MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101


MÚSICA, LEITURAS, PASSEIOS LITERÁRIOS, OFICINAS, ARTE URBANA

PESSOA E SARAMAGO NAS RUAS DE LISBOA

DIAS DO DESASSOSSEGO’17 16-30 NOV

Fundação José Saramago e Casa Fernando Pessoa diasdodesassossego.org


L I T E R AT U R A O S L I V R O S D E N OV E M B R O

GEORGES SIMENON

65

GERTRUDE STEIN

O TERRIVÉL

MAIGRET E O SEU MORTO

ÀS VEZES SÃO PRECISAS RIMAS DESTAS

A ESFERA DOS LIVROS

RELÓGIO D’ÁGUA

TINTA-DA-CHINA

PONTO DE FUGA

Camões celebrou Afonso de Albuquerque como um daqueles “em quem poder não teve a morte”. Esta biografia do governador do Estado da Índia, denominado o “Terrível” pelo Vate Lusitano, procura ultrapassar quer as ideias nacionalistas e imperialistas de herói mítico, quer as ideias anacrónicas de terrível tirano, tentando compreender o homem que foi decisivo no tempo e no espaço e nas circunstâncias económicas, sociais, políticas, militares e religiosas que o moldaram e que ele moldou. Dando voz ao próprio e aos cronistas do seu tempo, este estudo, amplamente documentado e ilustrado, revela-nos uma figura de governante autoritário e audacioso que também soube mostrar-se prudente, disciplinador das atuações tanto dos fidalgos como dos mais humildes soldados e funcionários, lamentando “a cobiça desordenada que antre nós anda”. Um homem que usou a sua estratégia guerreira como instrumento do domínio das redes de comércio desde o Golfo Pérsico à China, ampliando o domínio português no Oriente.

Georges Simenon (1903-1989) foi um dos raros escritores que conheceu, simultaneamente, os favores da crítica especializada, dos seus pares (Gide, Faulkner ou Cocteau) e do público leitor. Produziu 425 obras literárias, vendendo mais de 600 milhões de cópias pelo mundo fora. Porém, a sua fama e popularidade repousam na série policial protagonizada pelo comissario Maigret. Contrariamente a Holmes ou Poirot, Maigret não possui poderes sobrenaturais de dedução, o que o torna mais humano e credível. É um inspetor que faz o seu trabalho de investigação zelosa e pacientemente, mediante uma cuidada análise psicológica dos suspeitos e um estudo apurado do meio sociológico em que ocorreu o crime. Neste livro, Maigret investiga o caso dos Assassinos da Picardia, nome com o qual, a partir do primeiro delito, os jornalistas batizaram a quadrilha que se esconde num dos piores bairros de Paris, entre “uma barafunda de estrangeiros indocumentados ou com documentos falsos”.

Sempre houve poesia politicamente empenhada. Porém, o século XX assumiu uma feição tal, com o estremar ideológico e as duas guerras mundiais, que forçou os escritores a tomarem partido. Esta coletânea de poesia portuguesa e de expressão alemã, colige 100 poemas políticos que refletem as lutas e os conflitos do século XX, e são, ao mesmo tempo, poesia de grande qualidade. Os textos revisitam a história do lado dos vencidos, sublinhando as palavras da crítica literária alemã Ijoma Mangold: “Aquilo que se pode imaginar de mais contrário ao poder é o poema”. Com seleção de Joachim Sartorius, Fernando J.B. Martinho, João Barrento e Helena Topa, reúne poesia de Brecht, Karl Kraus, Paul Celan, Ruy Belo, Jorge de Sena, Mário Dioníso, entre muitos outros. Ainda que cada um deles tenha visto “apenas uma ínfima, uma insignificante parcela da tragédia”, como escreve Adolfo Casais Monteiro no admirável poema Europa, a presente antologia regista de forma vasta e eloquente o sofrimento do último século.

Gertrude Stein (1874–1946), escritora norte-americana, viveu em Paris desde 1903. O seu famoso salão acolhia a elite inteletual e artística da época: Matisse, Picasso, Satie, Apollinaire, Cocteau, Pound, Hemingway, Man Ray. Stein conversava com os “génios” enquanto a sua amante Alice B. Toklas entretinha as respetivas esposas. Stein criou um estilo de escrita modernista que tinha por modelo a pintura cubista apta a reproduzir várias perspetivas do objeto representado. Pretendia dar a impressão de um “presente contínuo” através de uma construção frásica assente em ritmos repetidos e circulares e em estranhas regras de pontuação. Em 1932, propôs-se escrever em apenas seis semanas, uma autobiografia. O resultado é único e profundamente irreverente pois Stein recorre a um astucioso estratagema: assume o ponto de vista e a voz da companheira para contar a sua própria vivência no fascinante e criativo meio artístico e literário parisiense do início do seculo XX. LAE

JOSÉ MANUEL GARCIA

AUTOBIOGRAFIA DE ALICE B. TOKLAS


66

FESTIVAIS EM

NOVEMBRO Diz a sabedoria popular que novembro à porta, geada na horta. Se no verão o bom tempo e as várias opções culturais que a cidade oferece nos impelem a sair de casa, em novembro o cenário é diferente. Em pleno outono, com frio e chuva, a preguiça toma conta dos nossos movimentos e o sofá está mais apelativo que nunca. No entanto, a cidade não para e a oferta cultural continua em efervescência. Este mês há dois clássicos e uma novidade: regressam o Misty Fest e o Vodafone Mexefest, e estreia o Festival Flamenco Heritage. Tudo boas escolhas para mandar o frio ir dar uma volta. Filipa Santos

MISTY FEST

Regressa o Misty Fest, festival que traz a melhor música às melhores salas de Lisboa. O Misty Fest nasceu há sete anos em Sintra, tendo, dois anos depois, alterado o seu epicentro para a capital, embora mantendo alguns concertos noutras cidades. Os espetáculos decorrem no CCB, no Teatro Tivoli BBVA e na Fundação Gulbenkian, continuando a privilegiar a palavra e a atualidade musical. Do programa constam nomes como Rui Massena Band, Nathalie (na foto), Miguel Poveda, Pedro Jóia com Mariza ou Gaiteiros de Lisboa. Fora de portas, haverá concertos em Évora, Braga, Porto, Aveiro, Leiria e Espinho. Várias salas | 2 a 15 de novembro www.misty-fest.com


67

VODAFONE MEXEFEST

FESTIVAL FLAMENCO HERITAGE

Novembro traz o tão esperado Vodafone Mexefest, sempre com o melhor da música alternativa nacional e internacional. O festival decorre nos dias 24 e 25 em vários espaços da Avenida da Liberdade, e recebe Cigarettes after Sex, Julia Holter, Washed Out ou Allen Halloween. Em português atuam Valete, Manel Cruz, Luís Severo e o brasileiro MOMO, que tem como convidado o inigualável Camané. O bilhete único válido para os dois dias tem o valor de 45€. Nos dias do festival o valor do bilhete é 50€. Toda a informação em www. vodafonemexefest.com.

O Festival Flamenco Heritage realiza-se este ano pela primeira vez, com o intuito de dar a conhecer os melhores intérpretes e compositores da música e dança flamenca e a sua fusão com a cultura portuguesa e ibérica. Dia 3 de novembro há um espetáculo de Flamenco da Extremadura, com uma atuação de Miguel Vargas acompanhado pela guitarra de Juan Vargas. No dia seguinte, presta-se tributo a Paco de Lucía com Entre dos Aguas, que conta com a presença do guitarrista Gerado Nuñez e participação especial de Hélder Moutinho com Pedro de Castro na guitarra portuguesa.

Av. da Liberdade (vários locais) 24, 25 de novembro www.misty-fest.com

Aula Magna | 3 e 4 de novembro Alameda da universidade | 210 113 448 http://festivalflamencoheritage.com


ENTREVISTA

68

MÃO MORTA

Mutantes S.21 FILIPA SANTOS

Em 1992, os Mão Morta lançavam Mutantes S.21, um dos seus álbuns mais icónicos e que os deu a conhecer a um público mais vasto. 25 anos depois, a banda de Adolfo Luxúria Canibal celebra a data redonda com um concerto comemorativo na Culturgest. Mutantes S.21 faz 25 anos. O que representa este disco para os Mão Morta? Adolfo Luxúria Canibal: Este disco é um marco especial por vários e diferentes motivos. Desde logo porque foi o nosso primeiro disco cujo resultado final correspondeu exatamente ao que tínhamos idealizado. Depois, porque foi com este disco que conhecemos o José Fortes – na sua gravação e mistura – e o Nuno Tudela – na realização do videoclip de Budapeste –, companheiros de aventura por longos anos. Depois também, porque foi o primeiro disco em que assumimos mais descaradamente uma visão conceptual do álbum como um todo coerente. Depois ainda porque correspondeu, simultaneamente, ao nosso primeiro disco no novo formato CD e ao supostamente último disco em vinil, pretexto para uma despedida condigna com uma edição especial contendo um livreto em

banda-desenhada a ilustrar os temas do álbum e a aproveitar as potencialidades gráficas do formato. Finalmente porque, com o êxito televisivo e radiofónico de Budapeste, selou a primeira fase mais underground dos Mão Morta e abriu as portas a um público mais vasto, potenciando a nossa sobrevivência enquanto banda. Pela primeira vez, todos os temas do álbum serão tocados em concerto. Teremos um espetáculo nostálgico ou será uma viagem ao passado com uma nova roupagem? ALC: Os temas de Mutantes S.21 fazem parte, na sua quase integralidade, do reportório ao vivo dos Mão Morta e têm sido regularmente tocados, sofrendo a natural evolução e sedimentação que o processo de repetição acarreta, sendo tocados portanto com estes “novos” arranjos que foram sendo agregados. Quanto aos outros três temas do álbum nunca antes tocados ao vivo, sofreram também, obviamente, uma adaptação na sua transposição do estúdio para o palco – não são assim, nenhum dos temas, qualquer viagem puramente nostálgica ao passado. Acresce que o álbum não é tocado de fio a pavio, antes intercalado com outros temas do repertório dos Mão


@Paulo Cunha Martins

69


70

E N T R E V I S TA M ÃO M O R TA

Morta, uns antigos outros mais recen- João Martinho Moura para trabalhar dites, que concetualmente se integram nos gitalmente essas ilustrações ao vivo. ambientes urbanos de Mutantes S.21, o Já disseram que gostam demasiado da que acaba por afastar, de todo, qualquer música para fazer dela profissão. Se deespírito nostálgico do espetáculo. Final- pendessem financeiramente dela, os Mão mente, num piscar de olho às bandas-de- Morta seriam um grupo completamente senhadas do livreto da edição especial diferente do que é? original de Mutantes S.21, convidamos 15 ALC: Os ses são sempre uma incógnita, ilustradores portugueses para ilustra- mas cremos sinceramente que sim. O rem cada um dos temas apresentados simples facto de dependermos financeino espetáculo, sendo as suas ilustrações ramente, para sobrevivermos fisicamenmanipuladas ao vivo pelo artista digital te, do sucesso da nossa música, da sua João Martinho Moura com um progra- venda, do seu acolhimento público, de ma criado expressamente para o efeito, ir ao encontro do gosto do mercado, iria num espetáculo tecnológico impossível cortar a nossa liberdade criativa, mesmo que apenas inconscientemente, para tende fazer ou mesmo imaginar em 1992… tarmos que o nosso trabalho fosse bem Como surgiu essa ideia? ALC: A ideia surgiu, exatamente, por- rececionado e nos permitisse pagar a que queríamos fugir a qualquer espírito casa, o carro, o dia-a-dia… O gozo de exnostálgico. Para nós, tocar apenas um perimentarmos apenas porque nos apetecesse, sem preocupadisco – por muito imporções de qualquer ordem, tante ou marcante que teperdia-se – e com isso nha sido – para celebrar MUTANTES S.21 perdia-se a essência dos o seu aniversário, sem ABRIU AS PORTAS Mão Morta. mais, não fazia qualquer A UM PÚBLICO MAIS sentido. Soava um boca- VASTO, POTENCIANDO Depois da digressão Mutantes S.21 o que se do a atitude de reforma- A NOSSA segue para os Mão Mordo a lembrar “os velhos SOBREVIVÊNCIA ta? Para quando o lançatempos”. Para pegarmos ENQUANTO BANDA. mento de um novo disco no velhinho Mutantes de originais? S.21 e celebrar-lhe os 25 anos de edição – como nos foi proposto ALC: Bem, temos disco novo em prepa– só fazia sentido se pudéssemos aven- ração. Inicialmente estava agendada a turar-nos em algo novo, algo que nunca sua edição para o final deste ano, mas o tivesse sido feito, nem por nós nem por ano acabou por ficar tão preenchido com ninguém. Assim, as músicas do disco concertos, com três alinhamentos e diseriam apenas pretexto para um novo gressões a entrecruzarem-se (25 anos de espetáculo e não “o” espetáculo. Depois, Mutantes S.21, repertório base Mão Morta aproveitando o facto do vinil, contraria- e colaboração com o Remix Ensemble), mente à sua morte anunciada, estar a que se tornou impossível dedicarmo-nos ressurgir em força e relembrando que na à sua composição – ficou assim adiado edição original do Mutantes S.21 já tínha- para 2018. É a nossa tarefa mais imediamos festejado o formato e as suas poten- ta, que poderá ser conciliada ou não com cialidades gráficas, decidimos avançar um outro projeto que estamos a maturar, por essa vertente visual na componente mas que ainda é segredo… exploratória do espetáculo. Foi assim que decidimos convidar artistas plásticos para ilustrar os temas escolhidos e o VER PÁGINA 73


Design: UCCLA - Outubro 2017 anuncio agenda cultural_participa premio literario 3edicao.indd 1

11/10/17 15:10


72

M Ú S ICA

CENTRO CULTURAL DE BELÉM 17 DE NOVEMBRO, ÀS 21H PRAÇA DO IMPÉRIO / 213 612 400 / WWW.CCB.PT

GONÇALO SALGUEIRO Integrado no ciclo Há Fado no Cais , que conta com coprodução do Museu do Fado, o CCB recebe um concerto de Gonçalo Salgueiro. O fadista vem apresentar o mais recente disco, Sombras e Fado . Para além dos novos temas neste concerto, o músico revisita algumas das suas canções

E S P E TÁC U L O S ACADEMIA DE AMADORES DE M ÚSICA

CONCERTO COMEMORATIVO DOS 140 ANOS DO MAESTRO E COMPOSITOR PEDRO BLANCH 18 NOV: 18H30

AUDITÓRIO CARLOS PAREDES

PATRÍCIA CANDOSO 10 NOV: 22H

AULA MAGNA

THE MUSICAL BOX

THE BLACKSHOW - SELLING ENGLAND BY THE POUND 2 NOV: 21H

TERESA SALGUEIRO

O HORIZONTE E A MEMÓRIA 18 NOV: 21H30

BASÍLICA DOS MÁRTIRES

CONCERTO DE ÓRGÃO MARIA TERESA FONSECA, ORGANISTA 26 NOV: 16H EG

mais antigas, bem como versões que o tornaram popular junto do público. No dia 17 de novembro, Gonçalo Salgueiro contará com a companhia de alguns convidados que fazem parte do seu percurso artístico, e promete ainda algumas surpresas. Filipa Santos BIBLIOTECA NACIONAL DE PORTUGAL

CICLO COMPOSITORES EXILADOS SOLISTAS DA METROPOLITANA WEILL, LOPES_GRAÇA, ZEMLINSKY

Concerto comentado em francês pelo maestro Amaury Du Closel 24 NOV: 13H CASA DO ALENTEJO

MARIA ISABEL GALANTE VILLALONGA Concerto lírico 11 NOV: 16H

CASINO DE LISBOA

CONCERTOS ARENA LIVE GISELA JOÃO 6 NOV: 21H30

EG

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

OS AZEITONAS 3 NOV: 21H

ORQUESTRA DE CÂMARA PORTUGUESA 5 NOV: 17H

LA BOHÉME

COM CORO E ORQUESTRA DA ROYAL OPERA HOUSE

Transmissão em diferido da Royal Opera House 8 NOV: 20H


M Ú S I CA E S P E TÁC U L O S

73

BRUNO SANTOS E ANDRÉ SANTOS

FADO NO BARTÔ COM FLÁVIO GIL

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

11 NOV: 21H

FADO COM MARIFÁ

3 NOV: 21H

MANO A MANO

ORQUESTRA SINFÓNICA PORTUGUESA 12 NOV: 17H

TAKE 6

16 NOV: 21H

ORQUESTRA SINFÓNICA METROPOLITANA DEPOIS DE OUTUBRO

Concerto Integrado no ciclo A Revolução Russa 100 Anos Depois 19 NOV: 17H

DE COIMBRA COM AMOR ESPETÁCULO DE FADO DE COIMBRA 24 NOV: 21H

DSCH - SCHOSTAKOVICH ENSEMBLE O FIM DO TEMPO 26 NOV: 21H

MAHLER CHAMBER ORCHESTRA TEMPORADA DARCOS 29 NOV: 21H

QUINTAS ÀS 7 INTEGRAL DA MÚSICA DE CÂMARA DE JOLY BRAGA SANTOS 2 NOV: 19H

GONÇALO LÉLIS E ENRIQUE LAPAZ

8 NOV: 22H

CORO E ORQUESTRA GULBENKIAN

EG

9 NOV: 21H, 10 NOV: 19H

MÚSICAS DO MUNDO EG

SOLISTAS DA ORQUESTRA GULBENKIAN

COLISEU DOS RECREIOS

10 NOV: 21H30

3, 10, 17, 24 NOV: 22H30

5, 12, 19, 26 NOV: 22H

LÉO MAGALHÃES

CCBEAT NORTON

4 NOV: 21H CHAPITÔ

CLUBE DO CHORO DE LISBOA

6, 13, 20, 27 NOV: 22H30 EG

TERÇA EM FADO

7, 14, 21, 28 NOV: 22H30

EG

3 NOV: 22H

FESTA DE S. MARTEENHO

Com João Raposo, Kerox, Primeira Dama Maldita, Zina, Shaolin Soccer, Manas do Mal b2b Caguincha Soundsystem 11 NOV: 18H

TÓ TRIPS E JOÃO DOCE 16 NOV: 22H

RAFAEL TORAL SPACE QUARTET 18 NOV: 22H

LOVE THEME (ALEX ZHANG HUNGTAI TRIO) 29 NOV: 22H

FOREST SWORDS 30 NOV: 22H

DO=S

O PÁSSARO DE FOGO

16 NOV: 21H, 17 NOV: 19H

IGREJA DE ST. GEORGE

XUTOS & PONTAPÉS

SOLISTAS DA ORQUESTRA GULBENKIAN

AVEY TARE EUCALYPTUS

17 NOV: 21H30

IMPRENSA NACIONAL – CASA DA MOEDA

AO VIVO NO COLISEU 4 NOV: 22H

MIGUEL ARAÚJO

Com Os Azeitonas, Ana Bacalhau, João Só, os Kappas, Catarina Salinas (Best Youth), André Tentugal (We Trust), Ana Moura, Rui Veloso 11 NOV: 22H

LAMB

TWENTY ONE

14 NOV: 20H30

SPOON

17 NOV: 21H

TITO PARIS

18 NOV: 21H30

FATHER JOHN MISTY CULTURGEST

17 NOV: 21H

BORODIN, MENDELSSOHN

DIOGO PIÇARRA

HÁ FADO NO CAIS IDENTIDADE F, FADO E FLAMENCO SOMBRAS E FADO

MAGNIFICAT

CORO E ORQUESTRA GULBENKIAN

1 NOV: 21H

PURE COMEDY

GONÇALO SALGUEIRO

COM ALINA IBRAGIMOVA, VIOLINO

SAMBA À MESA

2, 9, 16, 23, 30 NOV: 22H30

16 NOV: 19H

Com os fadistas Diana Vilarinho, Sérgio da Silva e Maura 3 NOV: 21H

IL POMO D’ORO

20 NOV: 20H30

BEATRIZ PESSOA 17 NOV: 21H30

MÃO MORTA

25 ANOS DE MUTANTES S. 21 18 NOV: 21H30

SECKOU KEITA

MOZART, BRAHMS EG

IL POMO D’ORO

COM FRANCO FAGIOLI, CONTRATENOR 21 NOV: 21H

ORQUESTRA GULBENKIAN COM FRANÇOIS LELEUX, MAESTRO/OBOÉ

24 NOV: 21H, 25 NOV: 19H

MET OPERA LIVE A FLAUTA MÁGICA, WOLFGANG AMADEUS MOZART 4 NOV: 18H

THE EXTERMINATING ANGEL, THOMAS ADÈS 18 NOV: 18H

CONCERTOS DE DOMINGO ORQUESTRA GULBENKIAN COM DAVID LEFÈVRE MAESTRO/ VIOLINO

21 NOV: 22H

CICLO COMPOSITORES EXILADOS SOLISTAS DA METROPOLITANA WEILL, LOPES_GRAÇA, ZEMLINSKY 23 NOV: 18H30

LISBOA AO VIVO

THE CHRIS SLADE TIMELINE 11 NOV: 22H

LUX FRÁGIL

ZDB NO LUX-FRÁGIL

THURSTON MOORE GROUP 23 NOV: 22H30 MEO ARENA

EPICA

VUUR - MYRATH

21 NOV: 20H30

SHAKIRA

30 NOV: 21H30

AS QUATRO ESTAÇÕES 5 NOV: 12H, 17H

EL DORADO WORLD TOUR

ESTÚDIO TIME OUT MERCADO DA RIBEIRA

GALERIA ZÉ DOS BOIS

UB40

TOKIMONSTA (US) PRESENTS THE LUNE ROUGE EXPERIENCE 12 NOV: 16H

JOHN MAUS 1 NOV: 22H

JARBOE & FATHER MURPHY 2 NOV: 22H

GAIKA PRESENTS THE SPECTACULAR EMPIRE 9 NOV: 22H

22 NOV: 20H 28 NOV: 21H

CARMINHO

CANTA TOM JOBIM 30 NOV: 21H30


74

M Ú S I CA E S P E TÁC U L O S MOSTEIRO DE SANTOSO -NOVO

LA BATALLA

SPECULUM MIRABILIUM - CANTIGAS DE LOUVOR E MILAGRES DE SANTA MARIA EM TERRAS DE PORTUGAL 5 NOV: 16H30

POPULAR ALVALADE

PROTEX

10 NOV: 21H PRAÇA DE TOIROS DO CAMPO PEQUENO

GAL COSTA

ESPELHO D’ÁGUA

10, 11 NOV: 22H MUSEU DO DINHEIRO

O MEU CORAÇÃO É ÁRABE 11 NOV: 16H

ALPHAVILLE

16 NOV: 21H30

MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA

CARLOS DO CARMO E RAQUEL TAVARES

PORTUCALIS

D.A.M.A.

ANA LAÍNS 18 NOV

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA

ENRICO ONOFRI COM A ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA 4 NOV: 21H

ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA LA NOTTE E LA TEMPESTA 25 NOV: 21H

18 NOV: 21H30 25 NOV: 22H

REITORIA DA UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

ORQUESTRA CLÁSSICA METROPOLITANA, ESCOLA PROFISSIONAL METROPOLITANA 24 NOV: 21H30

TEATRO ARMANDO CORTEZ

ÓPERA TREEMONISHA DE SCOTT JOPLIN

23 A 25 NOV: 21H30 TEATRO NACIONAL D. MARIA II

CICLO MÚSICA E POESIA SOLISTAS DA METROPOLITANA

FANTASIAS E CONTOS DE FADAS 25 NOV: 18H

TEATRO NACIONAL DE SÃO CARLOS

CONCERTO DE CÂMARA COM RUI LOPES 4 NOV: 18H

TEATRO THALIA

ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA

INTEGRAL DAS SINFONIAS DE BRAHMS II 11 NOV: 21H

SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL

DIAS DO DESASSOSSEGO´17 FILIPE RAPOSO E FILIPE MELO

ORQUESTRA METROPOLITANA DE LISBOA

GERADO NUÑEZ

ENTRE DOS AGUAS - A PACO DE LUCIA Com Hélder Moutinho e Pedro de Castro 4 NOV: 21H30

MISTY FEST CENTRO CULTURAL DE BELÉM

RUI MASSENA BAND 2 NOV: 21H

BENJAMIN FRANCIS LEFTWICH 8 NOV: 21H

NATHALIE

9 NOV: 21H

ANDRÉ BARROS & MYRRA RÓS 10 NOV: 21H

INSTRUMENTAL: AN EVENING WITH JAMES RHODES 14 NOV: 21H

PEDRO JÓIA TRIO CONVIDA MARIZA 15 NOV: 21H

TEATRO TIVOLI BBVA

CÉU

7 NOV: 21H30

TÉTÉ ALHINHO

A BIBLIOTECA DOS MÚSICOS

O DIA SEGUINTE - VENHA OUVIR UMA ORQUESTRA POR DENTRO!

22 NOV: 21H

12 NOV: 11H

Com Dany Silva 10 NOV:21H30

GRUPO RENASCENTISTA SETE LÁGRIMAS

JOANA GAMA

TEATRO TIVOLI BBVA

GAITEIROS DE LISBOA

4 NOV: 21H30

Recital de piano e lançamento do disco SATIE.150 24 NOV: 21H

MUSEU DO ORIENTE

CICLO CONCERTOS A ORIENTE DIÁSPORA

SOLISTAS DA METROPOLITANA

I LOVE SATIE

12 NOV: 16H

AMÉLIA MUGE E MICHALES LOUKOVIKAS

MUSICBOX

29 NOV: 21H

LISZT E VIANNA DA MOTTA: A 4 MÃOS

BRASS WIRES ORCHESTRA 16 NOV

TIFT MERRITT

ARCHIPELAGOS - PASSAGENS SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES

O’CULTO DA AJUDA

SOLISTAS DA METROPOLITANA

18 NOV: 21H30

9 NOV: 18H30

19 NOV: 22H30

VZGR CHAMBER4

CREATIVE FEST XI 2017 21 A 25 NOV: 21H30

PAÇOS DO CONCELHO

SOLISTAS DA METROPOLITANA

DUOS E TRIOS BARROCOS 24 NOV: 13H

LISZT E VIANNA DA MOTTA: A 4 MÃOS

SOLISTAS DA METROPOLITANA

FANTASIAS E CONTOS DE FADAS 23 NOV: 18H30

PATXI ANDION

ZECA NO CORAÇÃO 1 NOV: 21H30

FINK

6 NOV: 21H30 TITANIC SUR MER

DÍA DE MUERTOS ESPIRITO NATIVO, NAHUEL COLECTIVO DJ SET, TROPICÁUSTICA DJ SET 3 NOV: 23H

F E S T I VA I S

FESTIVAL FLAMENCO HERITAGE AULA MAGNA

MIGUEL VARGAS

RAÍCES – EXTREMADURA FLAMENCA 3 NOV: 21H30

MORNAS AO PIANO

Com Sérgio Godinho e Rui Veloso 11 NOV: 21H30 FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

MIGUEL POVEDA 11 NOV: 21H

REAL FADO - FADO AUTÊNTICO EM LOCAIS SURPREENDENTES PAVILHÃO CHIN ÊS

FADO TRADICIONAL TER: 19H

RESERVATÓRIO DA PATRIARCAL

FADO & OUTRAS SONORIDADES SEX: 19H

EMBAIXADA – PORTUGUESE SHOPPING GALLERY

FADO INTEMPORAL DOM: 20H


M Ú S I CA E S P E TÁC U L O S

VODAFONE MEXEFEST AV. DA LIBERDADE

CIGARETTES AFTER SEX, DESTROYER, JULIA HOLTER, LIARS, MANEL CRUZ, VALETE, WASHED OUT, ALDOUS HARDING, ALLEN HALLOWEEN, CHILDHOOD, ERMO, HINDS, IAMDDB, KARLON, LINIKER E OS CARAMELOWS, LUÍS SEVERO, MOMO CONVIDA CAMANÉ, ODDISEE, PAULI LOVEJOY, SONGHOY BLUES, STATIK SELEKTAH 24, 25 NOV www.vodafonemexefest.com/

CURSOS

ASSOCIAÇÃO CRISTÃ DA MOCIDADE DE LISBOA

Aulas de Forró e Samba MP

ASSOCIAÇÃO GAITADE -FOLES

Oficinas de Gaita-deFoles MP

ASSOCIAÇÃO DE RESIDENTES DE TELHEIRAS - ART

Aulas de Guitarra, Piano e Canto MP

ATELIER MUSICAL E ARTÍSTICO DO AREEIRO

Aulas de Instrumentos Musicais CASA DO ALENTEJO

Tardes alentejanas SÁB: 15H30

ACADEMIA DE AMADORES DE M ÚSICA

Canto, Clarinete, Contrabaixo, Cravo, Flauta de Bisel, Flauta Transversal, Harpa, Guitarra, Piano, Percussão/Bateria, Saxofone, Trompete, Violeta, Violino, Violoncelo, Técnica Vocal, Guitarra Elétrica, Improvisação – Jazz IA

ACADEMIA DO LUMIAR

Aulas de Piano, Viola, Grupo Coral

ACADEMIA DE M ÚSICA DA GRAÇA

Piano, Violino, Guitarra Clássica, Baixo Elétrico, Guitarra Rock, Violoncelo, Guitarra Jazz, Flauta Transversal, Canto, Viola d´Arco, Flauta de Bisel

EG

CÂMARA DE COM ÉRCIO E INDÚSTRIA PORTUGUESA

Som, Música e Sabedoria Congresso 11, 12 NOV https://sms2017congresso.com/

CENTRO CULTURAL ARTE PURA

Forró, Samba no Pé VÁRIOS HORÁRIOS

CENTRO CULTURAL DE CARNIDE

Canto e Voz

TER: 19H-20H MP

CENTRO INTERCULTURACIDADE

Canto e Técnica Vocal MP

EVOÉ – ESCOLA DE ACTORES

Aulas de voz e canto MP

ESPAÇO PESSOA E COMPANHIA

Aulas de piano, guitarra MP

MP

ESTÚDIO VANDA MELO

ARTS2SCIENCE

MP

Aulas de Guitarra, Piano, Violino, Violoncelo, Voz MP

75

Música e Acordeão

MATER – AMALGAMA LISBON

Aulas de Voz e Música MP

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN NOVEMBRO AVENIDA DE BERNA, 45 A / 217 823 000 WWW.GULBENKIAN.PT

GULBENKIAN EM NOVEMBRO Novembro é um mês típico na programação musical da Fundação Gulbenkian, na medida em que a oferta é muita e sempre de grande qualidade. Não podendo destacar todos os concertos do mês, chamamos a atenção para quatro. Logo no dia 3, a orquestra veneziana Il Pomo d’Oro (em residência na Gulbenkian ao longo da temporada) junta-se em palco à violinista russa Alina Ibragimova para um programa que inclui obras de Hasse, Bach, Haydn e Mendelssohn. O Pássaro de Fogo, de Stravinsky, ganha vida nos dias 16 e 17 com a atuação do violinista francês Renaud Capuçon e do Coro e Orquestra Gulbenkian. No dia 21 é vez da orquestra Il Pomo d’Oro se juntar ao contratenor argentino Franco Fagioli na interpretação de árias de óperas de G. F. Händel. Por fim, dias 24 e 25 de novembro, a Orquestra Gulbenkian e o maestro e oboísta François Leleux encontram-se para um programa que inclui a revisitação de parte do reportório que o músico gravou no álbum de referência Mozart: Works for Oboe and Orchestra. FS SOU – MOVIMENTO E ARTE

Aulas livres de música MP

TEATRO DOM LUIZ FILIPE

Aulas de Música MP

balltoques@tradballs.pt

VOZES EM CONSERTO

Aulas de canto, piano, guitarra, teoria musical, coro, composição MP EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101


T E ATRO

© Christophe Raynaud de Lage

76

TEATRO NACIONAL D. MARIA II 2 A 19 DE NOVEMBRO PRAÇA D. PEDRO IV (ROSSIO) / 800 213 250 / WWW.TNDM.PT

SOPRO TNDM II. Tiago Rodrigues, autoria e encenação; Beatriz Brás, Cristina Vidal, Isabel Abreu, João Pedro Vaz, Sofia Dias e Vítor Roriz, interpretação.

“Uma homenagem ao teatro e àqueles que o fazem”, leu-se no Le Figaro, aquando da estreia de Sopro no Festival d’ Avignon, em julho passado. O mais recente trabalho de Tiago Rodrigues passa-se num futuro mais ou menos próximo, num teatro em

E S T R E I AS CENTRO CULTURAL DE BELÉM

HUMOR MALIGNO

Ver destaque. 18 A 21 NOV SÁB, SEG: 21H, DOM: 16H, TER: 18H COMUNA

MUNDO DISTANTE

Oficinas Teatro Lisboa. Nuno Costa Santos, autoria; João Rosa,

encenação; Eduardo Frazão e Manuel Coelho, interpretação.

Confrontados com o desemprego, pai e filho são obrigados a dividir um apartamento nos subúrbios da cidade. 3 A 26 NOV QUA A SÁB: 21H30, DOM: 16H30

AS ORIGENS

Claudia Sousa, autoria e interpretação.

Um divertido solo sobre as mulheres e o sexo. 10, 17 NOV: 22H

ruínas habitado por fantasmas que falam através do “sopro” de uma voz feminina. Essa voz é a da Cristina Vidal, ponto no Teatro Nacional D. Maria II desde a década de 70 do século passado. Ao contrário da invisibilidade e do movimento na sombra a que compete o desempenho da função de ponto, aqui Cristina Vidal está à vista do olhar do espetador, tal como os atores, para evocar memórias do teatro, as reais e as imaginárias. Frederico Bernardino CULTURGEST

TRISTE IN ENGLISH FROM SPANISH Sónia Baptista, conceção, direção artística, escrita e interpretação; Márcia Lança, Carolina Campos, Isabél Zuaa, Joana Levi, Cleo Tavares e Júlia Rocha, interpretação.

Várias mulheres-artistas questionam o corpo no objeto artístico. 24 A 26 NOV SEX, SÁB: 21H30, DOM: 17H

MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL

UMA PEÇA FELIZ

Miguel Pereira, concepção e direção; António Onio e Sofie Burgoyne, interpretação.

Dois intérpretes tentam seduzir o público a partir do puro entertainment. Porém, algo irá inverter-se drasticamente. 22 A 25 NOV: 21H30


T E AT R O E S T R E I AS / C O N T I N UA M SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL

AMAZÓNIA

mala voadora. Jorge Andrade, texto e direção; Bruno Huca, Isabél Zuaa, Jani Zhao, Jorge Andrade, Marco Mendonça, Tânia Alves e Welket Bungué, interpretação. 9 A 19 NOV QUA A SÁB: 21H, DOM: 17H30

TEATRO DO BAIRRO

O PELICANO

August Strindberg, texto; Hugo Tourita, encenação; Bibi Perestrelo, Margarida Correia, Hugo Tourita, Rui Westermann e Susana Sá, interpretação.

As dificuldades financeiras de uma família vão promover a aproximação afetiva entre os seus membros. Porém, nem tudo será pacífico. 1 A 5 NOV QUA A SÁB: 21H, DOM: 17H TEATRO IBÉRICO

TEMPESTADE

Ver destaque. 29 NOV A 8 DEZ TEATRO NACIONAL D. MARIA II

SOPRO

Ver destaque. 2 A 19 NOV QUA: 19H, QUI A SÁB: 21H, DOM: 16H

BATTLEFIELD

A partir de Mahabharata e da obra de Jean-Claude Carrière. Peter Brook e Marie-Hélène Estienne, adaptação e encenação; Karen Aldrige, Edwin Lee Gibson, Jared McNeill e Sean O’Callaghan, interpretação. O regresso de Peter Brook a Lisboa com uma nova versão de um espetáculo que muito contribuiu para a consagração do encenador britânico. 23, 24 NOV: 21H TEATRO TABORDA

DISPLAY

Teatro da Garagem. Carlos J. Pessoa, texto e encenação; Ana Palma, Cirila Bossuet, Elmano Sancho, Emanuel Arada, Ma Xinyun e Maria João Vicente, interpretação.

A crise artística de uma companhia de teatro é o mote para abordar temas como o teatro, a vida e as migrações. 22 NOV A 3 DEZ QUA A DOM: 21H30

77

TEATRO DA TRINDADE

TEATRO VILLARET

TEATRO CINEARTE

Inspirado em William Shakespeare. Beatriz Batarda e Marco Martins com a colaboração de Victor Hugo Pontes, encenação; Romeu Runa, Miguel Borges, Carolina Amaral e atores não profissionais, interpretação.

Hernán Casciari, texto; Joaquim Monchique, encenação; Joaquim Monchique, Luís Mascarenhas, Joel Branco, Tiago Aldeia, Rita Tristão da Silva, Rui Andrade, Diogo Mesquita, Bruna Andrade e Leonor Biscaia, interpretação.

A Barraca. Federico García Lorca, texto; Maria do Céu Guerra, encenação; Rita Lello, Mariana Abrunheiro, Adriana Queiroz, Paula Guedes, João Maria Pinto, Ruben Garcia, Sérgio Moras, Adérito Lopes, Sónia Barradas, Samuel Moura, Cláudio Castro, Henrique Abrantes e Carolina Medeiros, interpretação.

TODO O MUNDO É UM PALCO

Espetáculo evocativo dos 150 anos do Teatro da Trindade. 17 NOV A 10 DEZ QUI A SÁB: 21H30, DOM: 16H30

À ESPERA DE BECKETT Jorge Louraço, texto e encenação.

Quatro atores tentam ensaiar uma peça de Beckett em momentos particulares da história de Portugal. Uma homenagem ao ator e encenador Ribeirinho. 30 NOV A 17 DEZ QUI A SÁB: 21H45, DOM: 17H TEATRO TURIM

A SOLUÇÃO É... TU MORRES!

Cesar Costa. texto; Isabel Leitão, encenação; César Costa, Martyn Gama, Susana Alexandre, Inês Lopes, Fátima Ramos, Carina Castanheira e Isabel Leitão, interpretação. 3 A 5 NOV SEX, SÁB: 21H30, DOM: 17H

SE O MEU AMOR VIER CEDINHO

Grupo de Teatro do Mob. Margarida Barata, criação; António Santos, Catarina Prada, Hugo Evangelista, João Carneiro, Judite Álvares, Mariana Falk, Mariana Venes, Rui Carneiro e Telma Pereira, interpretação. Espetáculo criado a partir de passeios, músicas, ditos, experiências pessoais e improvisações ocorridas no bairro da Mouraria. 10 A 12 NOV SEX, SÁB: 21H30, DOM: 17H

SEXO É QUANDO A AVÓ QUISER

Carlos Alves, texto; Rafael Dias Costa, encenação; Ana Campaniço, Rafael Dias Costa, Susana Rodrigues e Carlos Alves, interpretação. 16 A 26 NOV SEX, SÁB: 21H30, DOM: 17H

MAIS RESPEITO QUE SOU TUA MÃE

30 NOV A 17 DEZ QUI A SÁB: 21H30, DOM: 16H30

C O N T I N UA M CHAPITÔ

CIDADE MARAVILHOSA Miguel Thiré, criação e interpretação. ATÉ 26 NOV SEX A DOM: 22H COMUNA

CRISE NO PARQUE EDUARDO VII

Comuna - Teatro de Pesquisa. A partir de Herb Gardner. João Mota, encenação; Carlos Paulo, Elsa Galvão, Gonçalo Botelho, Hugo Franco, Igor Sampaio, Maria Ana Filipe e Miguel Sermão, interpretação. QUA A SÁB: 21H30, DOM: 17H

MARIANA PINEDA

QUI A SÁB: 21H30, DOM: 17H

TEATRO NACIONAL D. MARIA II

O ATO DA PRIMAVERA

Andresa Soares, José Maria Vieira Mendes, Miguel Castro Caldas, Nuno Moura, Ricardo Vaz Trindade, Sónia Baptista e Tiago Rodrigues, textos; Lígia Soares, conceito e coordenação artística. 4, 11 NOV: 16H30

TEATRO MARIA VITÓRIA

PORTUGAL EM REVISTA

Flávio Gil, Miguel Dias e Renato Pino, textos; Flávio Gil, encenação; Paulo Vasco, Susana Cacela, Miguel Dias, Rosa Villa, Flávio Gil, Patrícia Teixeira, Pedro Silva, Salomé Moedas, entre outros, interpretação. QUI A SEX: 21H30, SÁB, DOM: 16H30, 21H30

TEATRO ARMANDO CORTÊZ

TEATRO POLITEAMA

Marc Camoletti, autoria; Cláudio Hochman, encenação; António Camelier, Ricardo Castro, Carla Vasconcelos, Marta Melro, Liliana Santos e Sofia Grillo, interpretação.

Noel Coward, texto; Filipe La Léria, encenação; Manuela Maria, Helena Isabel, Carlos Quintas, Rita Salema, Maria Henrique, Nuno Guerreiro e Marina Albuquerque, interpretação.

NA BAGUNÇA DO TEU CORAÇÃO

TEATRO TIVOLI BBVA

BOEING BOEING

A COMÉDIA FANTÁSTICA

ATÉ 12 NOV QUI A SÁB: 21H30, DOM: 18H

QUA A SÁB: 21H30, SÁB, DOM: 17H

A partir de canções de Chico Buarque. João Máximo e Luiz Fernando Vianna. Paulo Sousa Costa, encenação; Carolina Puntel e Ricardo de Sá, interpretação. TER, QUA: 21H30

A ÚLTIMA NOITE DO CAPITÃO

Felipe Cabezas, texto; Filipe Crawford, encenação e interpretação. ATÉ 17 DEZ DOM: 21H

SIMONE - O MUSICAL

Tiago Torres da Silva,texto e encenação; Simone de Oliveira, FF, José Raposo, Maria João Abreu, Marta Andrino, Pedro Pernas, Ruben Madureira, Salvador Nery, Sissi Martins e Soraia Tavares, interpretação. ATÉ 5 NOV QUI A SÁB: 21H30, DOM: 16H30

TEATRO VILLARET

COMMEDIA A LA CARTE: OS MELHORES DO MUNDO César Mourão, Carlos M. Cunha, Gustavo Miranda* e Marco Gonçalves*, conceção e interpretação.


T E AT R O F E S T I VA I S / C U R S O S / WO R KS H O P S ATÉ 26 NOV QUI A DOM: 21H30

FILHO DA TRETA

Filipe Homem Fonseca e Rui Cardoso Martins, texto; Sónia Aragão, encenação; José Pedro Gomes e António Machado, interpretação. TER, QUA: 21H30

VILLAGE UNDERGROUND LISBOA

CÉU

Buzico! Xavier Pereira, autoria; João Ascenso, encenação; Ana Lúcia Magalhães, Catarina Mago, Catarina Siqueira, Laura Barbosa e Mikaela Lupo, interpretação. ATÉ 17 NOV QUA A SEX: 21H30

F E S T I VA I S

CLÁSSICOS EM CENA LIVRARIA SÁ DA COSTA Leituras encenadas de clássicos portugueses, exposições e lançamentos de livros. www.maizum.pt 25 NOV A 2 DEZ

ORIENTE-SE – FESTIVAL DE MUNICIPAL NOVA CRIAÇÃO TEATRO AMADOR

MARIA MATOS TEATRO

22 NOV: 19H30, 21H30 16 A 18 NOV: 21H30, 19 NOV: 16H30

AUDITÓRIO FERNANDO PESSA

Filipe Pereira e Teresa Silva, criação, direção e interpretação.

TEATRO DA TRINDADE

THE END

FLOR ALMA ESPANCA

Grupo Teatro Renascer (Esmoriz) 4 NOV: 21H30

TEMPS D’IMAGES BIBLIOTECA DE MARVILA

WE ARE NOT SO PRETENTIOUS

Bárbara Carlos e Maurícia Neves, criação; António Torres, Bárbara Carlos e Maurícia Neves, interpretação. 17, 18 NOV: 21H30 LATOARIA

KASPAR: PALAVRA SOPRADA (AUTO-TEATRO)

Peter Handke, texto; Alexandre Pieroni Calado, direção; Gustavo Salinas Vargas, Paula Garcia e Tiago Mateus, interpretação. 2 A 5 NOV: 17H, 18H, 19H, 20H, 21H

3 A 5 NOV SEX, SÁB: 21H30, DOM: 18H30

RUA DAS GAIVOTAS 6

CHEGO SEMPRE ATRASADA AOS FUNERAIS IMPORTANTES

Catarina Vieira, direção artística, criação, texto e interpretação. 6 NOV: 19H

TEATRO NACIONAL D. MARIA II

COLEÇÃO DE COLECIONADORES António Pedro Lopes, Bernardo de Almeida e Raquel André, criação; Raquel André, conceito, direção, produção e interpretação em palco. 2 A 12 NOV QUA: 19H30, QUI A SÁB: 21H30, DOM: 16H30

COLEÇÃO DE AMANTES

Raquel André, conceito, direção e interpretação. 15 NOV: 19H30,

Estrutura. Cátia Pinheiro, José Nunes e André Godinho, criação; Ana Tang, Cátia Pinheiro, José Nunes e Tiago Jácome, interpretação. 10 A 12 NOV SEX, SÁB: 21H45, DOM: 17H

C U R S O S/ / WO R KS H O P S ACT SCHOOL

Iniciação ao teatro IA

Iniciação às técnicas do ator IA CASA DO ARTISTA

Formação de atores 2017/2018

Oficinas Teatro Lisboa. João Rosa, direção. ATÉ JUL IA

CENTRO CULTURAL DE BELÉM 18 A 21 DE NOVEMBRO PRAÇA DO IMPÉRIO / 213 612 400 / WWW.CCB.PT

HUMOR MALIGNO Companhia Maior. Hugo van der Ding e Pedro Zegre Penim, texto; Pedro Zegre Penim, encenação; Angelina Mateus, Carlos Fernandes, Carlos Nery, Catarina Rico, Celeste Melo, Cristina Gonçalves, Diana Coelho, Elisa Worm, Helena Marchand, Isabel Millet, Isabel Simões, João Silvestre, Jorge Leal Cardoso, Júlia Guerra, Kimberley Ribeiro, Manuela de Sousa Rama, Maria Emília Castanheira, Maria Helena Falé, Maria José Baião, Mário Figueiredo e Paula Bárcia, interpretação.

Depois de Tiago Rodrigues, Clara Andermatt, Nuno Cardoso, Mónica Calle ou Tim Etchells, cabe agora a Pedro Penim, do Teatro Praga, dirigir a Companhia Maior, primeira estrutura portuguesa profissionalizada para maiores de 60 anos. O encontro faz-se em torno do riso ou, mais perversamente, à volta do riso maligno, como que à sombra da Antologia do Humor Negro que Andre Breton publicou (imagine-se) em 1939, ano dado, certamente, a poucos motivos de riso por essa Europa fora. Mas o riso tem destas idiossincrasias e, como refere o encenador, permite “experimentar a gargalhada e o desconforto, muitas vezes em simultâneo”. Este Humor Maligno marca ainda o reencontro de Penim com o criador das famosas páginas de Facebook A Criada Malcriada e Cavaca a Presidente Hugo van der Ding, depois do espetáculo dos Praga O Nome da Rosa, em 2016. FB

© Bruno Simão

78


T E AT R O C U R S O S / WO R KS H O P S

Workshop teatro pós laboral Oficinas Teatro Lisboa.

SEG, TER: 20H-22H IA

CHAPITÔ

Expressão dramática por Bruno Schiappa

SEG, QUA: 19H-21H IA

Técnicas circences

por Ana Ribeiro e Sâmara Botelho SEG, QUA: 19H30-21H IA

COMUNA

Oficinas de teatro por Cecília Sousa. ATÉ 24 JUN DOM: 16H-20H

IA

INSTITUTO DE FORMAÇÃO, INVESTIGAÇÃO E CRIAÇÃO TEATRAL

Teatro

por Paula Freitas.

TER, QUI: 18H30-20H30 IA

Teatro sénior por Carlos Melo.

QUA: 18H - 19H30 IA

IN IMPETUS

Formação de Atores 2017/2018 SEG, QUA, SEX: 20H-23H30 IA

SOCIEDADE DE INSTRUÇÃO GUILHERME COSSOUL

Formação de Atores da Cossoul 2017/18 ATÉ JUL IA

VÁRIOS LOCAIS (ANJOS E BAIXA)

Trupe sénior formação e capacitação em artes performativas e circenses

Workshops de Teatro, Dança, Música e Artes Circenses para maiores de 55 anos. IA

trupesenior@chapito.org 965 529 610 E ESCOLAS EG ENTRADA GRATUITA IA INSCRIÇÕES ABERTAS MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101

TEATRO IBÉRICO 29 DE NOVEMBRO A 8 DE DEZEMBRO RUA DE XABREGAS, 54 / 218 682 531 / WWW.TEATROIBERICO.ORG

TEMPESTADE Companhia João Garcia Miguel. A partir de William Shakespeare. João Garcia Miguel, direção; António Pedro Lima, David Pereira Bastos, Sara Ribeiro e Vítor Alves Silva, interpretação.

Estreado em junho, em Aveiro, Tempestade tem vindo a correr o país, chegando agora à casa da Companhia João Garcia Miguel, em Lisboa. Inspirado em textos de Shakespeare, o espetáculo centra-se, sobretudo, na peça A Tempestade, ambientada na ilha remota onde Próspero, duque de Milão, se exila e prepara a vingança contra um irmão usurpador. Porém, Garcia Miguel propõe uma reinvenção do clássico destinada ao “nosso tempo comum”, enaltecendo enigmas e mistérios, abrindo cada um dos muitos mundos que se encerram na peça como se fossem “uma ilha pessoal”. E é desse lugar, dessa “ilha”, que se “parte dos instintos animais que habitam o homem” e se sobe aos céus, “até à figura etérea das altas aspirações humanas”. Com esta “metáfora emocional” a Companhia João Garcia Miguel dá início a um ciclo de criações sobre o amor. FB

79


80

VI S ITAS G U I A DAS AGULHA MAGN ÉTICA

JARDINS DA ERA DO AUTOMÓVEL EM LISBOA

SÁB: 10H ÀS 17H30 Encontro: Miradouro do Alto do Parque Eduardo VII, na Av. Cardeal Cerejeira

JARDINS CONTEMPORÂNEOS DE LISBOA

SÁB: 10H ÀS 17H30 Encontro: Frente ao Meo Arena – Alameda dos Oceanos

JARDINS PARQUE FLORESTAL DE MONSANTO SÁB: 13H30-17H Encontro: Pç. Marquês de Pombal MP

916 126 556 AQUEDUTO DAS ÁGUAS LIVRES

VISITAS GUIADAS 1º SÁB: 11H E / MP

218 100 215 (Museu da Água) ARCO TRIUNFAL DA RUA AUGUSTA

VISITA LIVRE

TODOS OS DIAS: 9H-20H 210 998 599 ARQUIVO HISTÓRICO DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE LISBOA

ARQUIVOS SALVAGUARDA DE MEMÓRIAS Visita guiada temática com workshop SEG: 14H-18H, TER A SEX: 10H-12H30, 14H-17H30 MP CENTRO INTERPRETATIVO DA PONTE 25 DE ABRIL OUTUBRO A ABRIL, DAS 10H ÀS 18H, MAIO A SETEMBRO, DAS 10H ÀS 20H VISITLISBOA.COM

EXPERIÊNCIA PILAR 7 Descobrir a Ponte 25 de Abril, através de uma perspetiva completamente nova é agora possível. A Experiência Pilar 7 – Centro Interpretativo da Ponte 25 de Abril é uma visita que integra um miradouro panorâmico e uma experiência de realidade virtual. O percurso faz-se através da história e técnicas de construção da obra visionando quatro filmes que homenageiam os trabalhadores e apresentam as intervenções feitas na ponte. De seguida os visitantes envolvidos nas águas virtuais do Tejo sobem a uma plataforma que lhes permite ouvir e ver o comboio que faz a travessia entre as duas margens. Quando chegam ao miradouro, à altura do tabuleiro rodoviário, vislumbram uma panorâmica única de Lisboa e Almada. A visita termina num espaço dedicado à realidade virtual que dá a conhecer os locais inacessíveis da estrutura. Ana Figueiredo

ARQUIVO NACIONAL TORRE DO TOMBO

VISITAS GUIADAS ÀS EXPOSIÇÕES E ÁREA PÚBLICA

SEG A SEX: 9H30-15H ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

VISITAS GUIADAS AO PALÁCIO DE S. BENTO ÚLTIMO SÁB MP 213 919 625

ASSOCIAÇÃO RENOVAR A MOURARIA

MOURARIA DAS TRADIÇÕES MOURARIA DO FADO


V I S I TAS G U I A DAS

DO CASTELO À MOURARIA MOURARIA DOS POVOS E DAS CULTURAS Visitas guiadas em português, inglês, francês, italiano, espanhol e alemão. TODOS OS DIAS

MIGRANTOUR ROTAS URBANAS INTERCULTURAIS

Visitas guiadas em português, inglês e francês. TODOS OS DIAS MP

927 522 883

conhecer a história de uma peça. 2ª, 4ª QUI: 13H30 EG

SÁBADOS NO MUSEU

Visitas guiadas que permitem conhecer o fundador da instituição e as peças que mais se destacam na coleção. 1º E 3º SÁB: 12H EG CASTELO DE SÃO JORGE

VISITAS GUIADAS

Visitas em português, inglês e espanhol. TODOS OS DIAS

À DESCOBERTA DO CASTELO

ATELIER-MUSEU JÚLIO POMAR

Visita orientada ao Castelejo TODOS OS DIAS: 10H30, 13H, 16H

ATÉ FEV

CÂMARA ESCURA

EXPOSIÇÃO TAWAPAYERA MP

BIKE A WISH

TOURS

Passeios guiados de bicicleta elétrica lisboa@bikeawish.com BOUTIQUE DA CULTURA

STREET ART CARNIDE

Visitas guiadas à Galeria Pública de Arte Urbana do Bairro Padre Cruz 11 NOV: 10H Encontro: entrada do Centro Cultural de Carnide Além destas realizam-se também visitas guiadas em português ou em inglês para grupos MP

CASA FERNANDO PESSOA

VISITAS GUIADAS REGULARES

SEG, QUI, SÁB: 15H (EM PORTUGUÊS) SEG, SEX, SÁB: 11H30 (EM INGLÊS) CASA-MUSEU AMÁLIA RODRIGUES

VISITAS GUIADAS

TER A DOM: 10H-13H, 14H-18H CASA-MUSEU DR. ANASTÁCIO GONÇALVES

PEÇA DO MÊS

1º DOM DO MÊS EG CASA-MUSEU MEDEIROS E ALMEIDA

VISITAS GUIADAS

Permitem conhecer a história do fundador e de toda a coleção SEG A SÁB: 13H-17H30

PAUSA DO MÊS

Visitas guiadas que permitem

Descoberta da cidade de Lisboa através de um periscópio que permite explorar a cidade em tempo real, num olhar que percorre 360º. 10H-17H20 CENTRO CULTURAL DE BELÉM

CCB - UMA LEITURA GERAL DO EDIFÍCIO Por Fabrícia Valente e Maribel Sobreira SEG A SÁB: 10H30-18H

CCB - UMA CIDADE À BEIRA-RIO

Por Fabrícia Valente e Maribel Sobreira SEG A SÁB: 10H30-18H CENTRO CULTURAL CASAPIANO

VISITAS GUIADAS À EXPOSIÇÃO PERMANENTE SEG A SEX: 9H30-17H30, SÁB: 10H-17H CENTRO INTERPRETATIVO DA PONTE 25 DE ABRIL

EXPERIÊNCIA PILAR 7

MAI A SET: 10H-20H, OUT A ABR: 10H-18H 210 312 700 (Turismo de Lisboa) CONVENTO DOS CARDAES

VISITAS GUIADAS

SEG A SÁB: 14H30-17H30 CONVENTO DAS TRINAS DO MOCAMBO

VISITAS GUIADAS QUA: 15H MP

210 943 151

81 CPAS - CENTRO PORTUGU ÊS DE ACTIVIDADES SUBAQUÁTICAS

ESPÓLIO MUSEOLÓGICO DO CPAS MP

CULTURA SANTA CASA

ITINERÁRIOS DA FÉ’17 FÉ, HISTÓRIA E ARTE DE MÃOS DADAS - PERCURSO DA BAIXA

ESTAÇÃO ELEVATÓRIA A VAPOR DOS BARBADINHOS

VISITAS GUIADAS 3º SÁB: 10H E / MP

ESTÁDIO DO SPORT LISBOA E BENFICA

VISITA AO ESTÁDIO

TODOS OS DIAS: 10H-17H 707 200 100

Encontro Lg. da Sé 18 NOV: 10H

FÁBRICA LINCE

PERCURSO DO BAIRRO ALTO

SEG A SEX: 9H-18H

Encontro: Convento dos Cardeas 25 NOV: 10H

VISITAS À FÁBRICA MP

geral@cervejalince.pt

MP

218 879 549 (Paróquia de São Nicolau)

ITINERÁRIOS EM LISBOA EDIFÍCIOS HISTÓRICOS DA COMPANHIA DE JESUS

Encontro: Museu de São Roque, Lg. Trindade coelho 4 NOV: 10H EG/MP

IGREJA DE SÃO ROQUE VISITA GUIADA TEMÁTICA – CAPELA DAS RELÍQUIAS

5 NOV: 15H, 8 NOV: 13H15 EG/MP

CONVENTO DA NOSSA SENHORA DA ENCARNAÇÃO SANTA CASA ABRE PORTAS 18 NOV: 10H EG/MP

CONVENTO DE SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA SEX, SÁB

QUINTA ALEGRE

2, 9, 16, 23, 30 NOV: 10H30 EG/ MP

CULTURGEST

TIME CAPSULE - A REVISTA ASPEN, 1965-1971 Por Delfim Sardo 25 NOV: 17H30 Visitas à Hora de Almoço 16 NOV: 12H30

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

ANA HATHERLY E O BARROCO. NUM JARDIM FEITO DE TINTA Por Ana João Romana 11 NOV: 15H

DO OUTRO LADO DO ESPELHO

Por Margarida Carmona Rodrigues 4, 25 NOV: 15H Por Ana Paula Correia 11 NOV: 16H Por Maria Rosa Figueiredo 15 NOV: 15H Por Paulo Mendes 18 NOV: 15H

MIGRAÇÕES E CRUZAMENTOS – UMA COLEÇÃO ATRAVÉS DAS CULTURAS E DOS TEMPOS Por Susana Guerreiro 12 NOV: 11H

DIÁLOGO ENTRE “MEDALHÃO” ROMANO DE ABUQUIR E CADEIRA DE BRAÇOS Por Diana Pereira 15 NOV: 13H30

FUNDAÇÃO PORTUGUESA DAS COMUNICAÇÕES

VISITAS ÀS RESERVAS QUA: 15H-17H

SPLITTING, CUTTING, O MUSEU SAI À RUA… WRITING, DRAWING, CONHECER O EATING… GORDON MATTA- VENHA BAIRRO DE SÃO PAULO CLARK 1º SÁB: 15H Por Delfim Sardo 25 NOV: 16H30 DO MUSEU AO BAIRRO DA Visitas Hora de Almoço 16 NOV: 13H30 MADRAGOA MP

ÚLTIMO SÁB: 10H MP 213 942 810 (Museu da Marioneta)


V I S I TAS G U I A DAS GALERIA MILLENNIUM

A PARTIR DO SURREALISMO E INSTALAÇÃO (LAND) SCAPING NORMATIVE THINKING Por Ana Isabel Gonçalves 25 NOV: 16H-17H MP

GAME OVER, ESCAPE ROOMS LISBOA Jogo percurso que oferece como cenário três filmes: SAW, Templo Proibido de Montezuma e Missão Impossível. SEG A DOM: 10H30-22H30 MP

GARE MARÍTIMA DE ALCÂNTARA

PAINÉIS DE ALMADA NEGREIROS

SEG A SEX: 10H30, 14H30 MP

213 611 025 HOSPITAL DE BONECAS

VISITAS GUIADAS

SEG A SÁB: 10H30-12H30, 15H30-17H info@hospitaldebonecas.com

HOSPITAL DE SÃO JOSÉ

PADRE ANTÓNIO VIEIRA

VISITAS GUIADAS

Encontro: Lg. Trindade Coelho, junto à Igreja de S. Roque 12 NOV: 10H

Por Célia Pilão MP

celia.pilao@chlc.min-saude.pt LABIRINTO LISBOA

A HISTÓRIA DE PORTUGAL QUE OS LIVROS NÃO CONTAM. ATREVA-SE! QUA, QUI, DOM: 17H-22H, SEX, SÁB: 17H-24H

PELO CORREDOR VERDE ATÉ MONSANTO

18 NOV: 10H Encontro: Alto do Parque Eduardo VII

LISBOA DAS 7 COLINAS – 6ª COLINA: SÃO VICENTE

LISBOA AUTÊNTICA

19 NOV: 10H Encontro: Miradouro da Graça. Igreja da Graça

1 NOV: 15H Encontro: Pç. Luís de Camões

LISBOA COM FERNANDO PESSOA II

LISBOA DO TERRAMOTO LISBOA OPERÁRIA

25 NOV: 15H Encontro: Príncipe Real (quiosque do lado da R. do Século)

4 NOV: 15H Encontro: Miradouro da Graça. Igreja da Graça

CERCA VELHA

LISBOA DO FADO

5 NOV: 18H Encontro: Martim Moniz, Capela da Srª da Saúde

LISBOA COM FERNANDO PESSOA I

26 NOV: 15H Encontro: Campo das Cebolas/ MP Casa dos Bicos LISBON MOVIE TOUR

FERNANDO PESSOA EXPERIENCE

11 NOV: 15H Encontro: Brasileira do Chiado

O passeio inclui dormida no quarto onde viveu Fernando Pessoa entre 1908 e 1912.

AFIRMA PEREIRA

À descoberta de Lisboa com Marcello Mastroianni.

FILME DO DESASSOSSEGO Passeio dedicado a Fernando Pessoa no cinema.

CAPITÃES DE ABRIL

Passeio dedicado à Revolução de Abril.

COMBOIO NOTURNO PARA LISBOA Seguindo Jeremy Irons pela cidade. TODOS OS DIAS MP

LISBON WALKER

CIDADE DE ESPIÕES 12 NOV: 14H30

LENDAS E MISTÉRIOS

19 NOV: 14H30 Encontro: Pç. do Comércio, do lado da Rua do Arsenal, em frente ao posto de turismo LIVRARIA MÓVEL TELL A STORY

PASSEIOS LITERÁRIOS WALK A STORY LISBOA

“Muito cedo na minha vida foi tarde demais“ Marguerite Duras

Seminário de Comemoração 50º Aniversário de O Ninho (1967/2017)

Mundos e Mundos 17 de Novembro de 2017 Fórum Lisboa | Lisboa Comissão de Honra: Professor Doutor Adriano Moreira, Dr. António Martins da Costa, Professor Doutor Carlos Poiares, Dr.ª Catarina Marcelino, Dr.ª Edite Estrela, Dr. Edmundo Martinho, Dr. Eugénio da Fonseca, Dr. Fernando Medina, Dr.ª Ilda Figueiredo, Dr.ª Isabel Medina, Dr.ª Isabel Mota, Dr.ª Isabel Saldida, Dr. João Oliveira, Dr. Jorge Lacão*, Dr.ª Leonor Beleza, Dr.ª Manuela Eanes, Dr.ª Maria Cavaco Silva, Dr.ª Maria Helena Lopes da Costa, Dr.ª Maria José Ritta*, Dr.ª Maria do Rosário Carneiro, Dr. Paulo Rangel, Dr. Pedro Santana Lopes, Dr. Sérgio Cintra, Dr.ª Teresa Fragoso, Monsenhor Victor Feytor Pinto

50 Anos de Esperança

dignidade liberdade solidariedade inclusão cidadania igualdade respeito justiça ética coerência afecto valores princípios mudança

Aguarda confirmação

*

Entrada Livre

COM O APOIO:

Saiba mais e faça o seu registo em:

https://www.facebook.com/associacaooninho/

Design:

82


V I S I TAS G U I A DAS E / MP

LITERÁRIA

Passeio dedicado a Luís de Camões, Eça de Queirós, Fernando Pessoa e José Saramago. TODOS OS DIAS MP

MAAT - MUSEU DE ARTE, ARQUITETURA E TECNOLOGIA

VISITA COM A CURADORA ANA ANACLETO 4 NOV: 17H

VISITA COM A CURADORA EMILY BUTLER 8 NOV: 19H

VISITA TEMÁTICA. O DOM DA PALAVRA 18 NOV: 17H

VISITA TEMÁTICA. O FUTURO É AGORA 25 NOV: 17H ESPAÇOS LEGÍVEIS

Visita temática de arquitetura 1º SÁB: 16H

PERCURSO MONUMENTAL SÁB: 12H, DOM: 15H

PERCURSO SECRETO 1º DOM: 16H

SEG, QUA: 11H, 15H, QUI: 15H MUSEU BENFICA - COSME DAMIÃO

VISITAS GUIADAS 1º DOM: 11H

VISITAS LIVRES

TODOS OS DIAS: 10H-18H Em dias de jogo realizam visitas até ao início do mesmo MUSEU BORDALO PINHEIRO

VISITAS ORIENTADAS ÀS EXPOSIÇÕES

BICICLETADA

Encontro: Parque Eduardo VII ÚLTIMA SEX: 18H EG massacriticapt.net MONTES E VALES

PEDDY PAPER MOURARIA À GRAÇA ELEVADORES DE LISBOA DIAS DE LISBOA MP

geral@montesevales.com

MUSEU DA ÁGUA DA EPAL

GALERIA DO LORETO

Visitas guiadas aos subterrâneos do Aqueduto das Águas Livres. SEX: 15H, 1º E ÚLTIMO SÁB: 11H E / MP

MUSEU DE ARTES DECORATIVAS PORTUGUESAS DA FUNDAÇÃO RICARDO DO ESPÍRITO SANTO SILVA

MP

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA

OBRAS-PRIMAS DA COLECÇÃO DO MNAA 1º DOM: 11H30

MUSEU DA CARRIS

VISITAS ORIENTADAS MUSEU DO DINHEIRO

PERCURSO PELA COLEÇÃO SÁB: 15H, QUI: 13H MP

MURALHA DE D. DINIS SÁB: 11H, SEX: 13H MP

15 PEÇAS IMPERDÍVEIS NO MUSEU DO DINHEIRO Para pessoas cegas e com baixa visão 25 NOV: 10H30

MUSEU DE LISBOA PALÁCIO PIMENTA

VISITAS ORIENTADAS TER A SEX MP

217 513 214 MUSEU DE LISBOA SANTO ANTÓNIO

FADOS PARA SANTO ANTÓNIO 22 NOV: 18H30 MP

MUSEU DE LISBOA TEATRO ROMANO

O TEATRO ROMANO DE OLISIPO 4 NOV: 15H MP

MUSEU DE LISBOA TORREÃO POENTE

DESTINO LISBOA Percurso orientado. 26 NOV: 11H MP

VISITAS GUIADAS AO MUSEU E ÀS OFICINAS DE DO MUSEU AO BAIRRO DA ARTES E OFÍCIOS DA FRESS MADRAGOA FIGURAS DA MADRAGOA MUSEU DA MARIONETA

SEG A SEX: 10H-13H, 14H30-16H30

NO MUSEU COM OS ROBERTOS DE CONVENTO A MUSEU MARIONETAS PORTUGUESAS E MARIONETAS ORIENTAIS VISITAS TEMÁTICAS

EG

MP

MASSA CRÍTICA DE LISBOA

83

23 NOV: 15H

MUSEU NACIONAL DO AZULEJO

VISITA AO MUSEU E CONVENTO DA MADRE DE DEUS TER A DOM: 10H-16H30 MP

MUSEU NACIONAL DE ETNOLOGIA

RESERVAS VISITÁVEIS GALERIAS DA AMAZÓNIA TER, QUI, SÁB: 15H30

GALERIAS DA VIDA RURAL TER, QUI, SÁB: 14H30 MP

visitasguiadas@mnetnologia. dgpc.pt MUSEU NACIONAL DO TRAJE

VISITA AO MUSEU E AO PARQUE BOTÂNICO DO MONTEIRO-MOR TER: 14H-18H, QUA A DOM: 10H-18H E / MP

MUSEU DO ORIENTE

VISITAS ORIENTADAS - A ÓPERA CHINESA A GESTUALIDADE E A EXPRESSÃO CORPORAL 24 NOV: 17H-18H MP

MUSEU DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

VISITAS ORIENTADAS AO MUSEU TER A SEX: 10H-13H, 14H-18H MP

VISITAS ORIENTADAS AO PALÁCIO NACIONAL DE BELÉM E JARDINS

SÁB: 10H30, 11H30, 14H30, 15H30, 16H30 MP

MUSEU DE SÃO ROQUE

VISITAS GUIADAS À IGREJA E AO MUSEU DE SÃO ROQUE QUI A DOM

MUSEU SPORTING

ESTÁDIO JOSÉ ALVALADE

TER A DOM: 11H30, 14H30, 15H30, 16H30 PAÇOS DO CONCELHO

VISITA AO EDIFÍCIO

1º DOM: 11H EG ezequiel.marinho@cm-lisboa.pt PADRÃO DOS DESCOBRIMENTOS

VISITAS GUIADAS AO PADRÃO E À ROSA-DOSVENTOS E / MP

PALÁCIO NACIONAL DA AJUDA

VISITAS ORIENTADAS AO PALÁCIO O QUOTIDIANO DA FAMÍLIA REAL UM DIA DE GALA NO PAÇO DA AJUDA MP

servicoeducativo@pnajuda. dgpc.pt PANTEÃO NACIONAL

VEM DESCOBRIR O PANTEÃO

Visita orientada ao monumento TER A DOM: 10H-16H30 MP

ALMEIDA GARRETT NO PANTEÃO

Visita temática TER A DOM: 10H-16H30 MP

PAPA-LÉGUAS

OS BAIRROS OPERÁRIOS E MIRADOUROS DE LISBOA Passeio pedestre seguido de concerto de órgão na Igreja S. Vicente de Fora 11 NOV: 13H MP


84

V I S I TAS G U I A DAS PARQUE FLORESTAL DE MONSANTO

PERCURSOS PEDESTRES COMBATELASER PAINTBALL ELECTRÓNICO 968 297 047 (Ação Natura)

PEDDY PAPER

O jogo parte de Campolide atravessa o Aqueduto e termina em Monsanto. MP

218 452 689 (Papa-Léguas) SOCIEDADE HISTÓRICA DA INDEPENDÊNCIA DE PORTUGAL

VISITAS GUIADAS AO PALÁCIO DA INDEPENDÊNCIA SEG A SEX MP

TCHARAN EVENTOS JANTARES MISTÉRIO A MORTE DO ARTISTA NOITE DE GANGSTERS OS RÚSTICOS MP

TEATRO NACIONAL D. MARIA II

VISITAS GUIADAS

Visitas guiadas aos bastidores do Teatro em português, inglês, francês, castelhano, alemão e italiano SEG: 11H MP

213 250 829

TEATRO EM CARTAZ – A COLEÇÃO DO D. MARIA II, 1853-2015 Por Helena Barbosa 18 NOV: 18H

TEATRO NACIONAL DE SÃO CARLOS

VISITAS GUIADAS E / MP

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

PASSEIO DE PATINS POR LISBOA

A HERANÇA JUDAICA DE LISBOA

Encontro: em frente à esplanada do Galeto, Av. da República, 14 SEX: 21H30 eliseubike.co@gmail.com

11 NOV: 10H-13H Encontro: Terreiro do Paço

PASSEIO À LISBOA ISLÂMICA

WALK AND SEE

PASSEIOS GUIADOS A PÉ

18 NOV: 10H-13H Encontro: Terreiro do Paço MARCAÇÃO ATÉ 16 NOV

MP

917 443 389

WALKERS OS SEGREDOS DE XABREGAS WILD CRIMES DE LISBOA – PAÇOS REAIS, FÁBRICAS E Encontro: Arco da Rua Augusta SEX: 21H30, DOM: 18H CONVENTOS MP

25 NOV: 10H-13H Encontro: Estação Ferroviária de Stª Apolónia

916 014 842

visitas@saocarlos.pt TRAFARIA PRAIA TEATRO TIVOLI BBVA

TASTING FADO

Visita ao teatro, fado acompanhado por vinho do porto e pastel de nata. QUA A SÁB: 19H MP

TIME TRAVELLERS

OS DIAS DO TERRAMOTO

CRUZEIROS TURÍSTICOS NO RIO TEJO Entre o Cais do Sodré e a Torre de Belém TER A DOM: 10H30, 14H30, 16H30, 18H30 lisbonbluebus@douroazul.pt

02_AgendaCultural_137x106_DeviamosTerParado.pdf 4 NOV: 10H-13H

C

URBAN ROLLERS LISBOA

Encontro: Lg. do Carmo MARCAÇÃO PRÉVIA ATÉ 2 NOV

E ESCOLAS EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA

> Contactos pág 101 1

19/10/2017

12:15


V I S I TAS G U I A DAS

Museu da Presidência da República

85

V I S I TAS M U N I C I PA I S ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA

VENTURA TERRA, ARQUITETO – DO ÚTIL E DO BELLO EG/MP

BIBLIOTECAS DE BELÉM, CAMÕES, MARIA KEIL, MARVILA , ORLANDO RIBEIRO, PENHA DE FRANÇA E SÃO LÁZARO

UMA VIAGEM PELA BIBLIOTECA

Visitas guiadas dirigidas a centros de dia, universidades de 3ª idade e outros grupos organizados. EG / MP

DIVISÃO DE GESTÃO CEMITERIAL

PERCURSOS TEMÁTICOS NOS CEMITÉRIOS CEMITÉRIO DO ALTO DE SÃO JOÃO 11 NOV: 10H

CEMITÉRIO DOS PRAZERES - JAZIGO DE PALMELA

DIVISÃO DE PROMOÇÃO E COMUNICAÇÃO CULTURAL

ITINERÁRIOS DE LISBOA O PRESÉPIO DA BASÍLICA DA ESTRELA 5 DEZ

O PRESÉPIO DA SENHORA DO MONTE O BAIRRO DA ENCARNAÇÃO E OLIVAIS ANTIGO 6 DEZ

O PRESÉPIO DA ANUNCIADA 7 DEZ

O PRESÉPIO DA BASÍLICA ESTRELA 12 DEZ

VISITAS COMENTADAS

ARTES E OFÍCIOS: COMPANHIA PORTUGUESA DO CHÁ 4 DEZ

CASA MUSEU MEDEIROS E ALMEIDA

PRESÉPIO DOS MÁRTIRES 16 DEZ

O PRESÉPIO DO MUSEU NACIONAL DO AZULEJO

25 NOV: 10H

20 E 21 DEZ Marcações a partir do 1º dia útil do mês que antecede o itinerário

EG / MP

EG

dmevae.dgc@cm-lisboa.pt

218 170 742 lisboa.cultural@cm-lisboa.pt

ATELIER JOANA VASCONCELOS 13 DEZ

MUSEU NACIONAL DE HISTÓRIA NATURAL E DA CIÊNCIA EXPOSIÇÃO ”PLANTAS E POVOS”

5 DEZ

MUSEU DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA 6 DEZ

MUSEU MILITAR 6 DEZ

14 DEZ

14 DEZ

CONVENTO DE SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA 15 DEZ

SOCIEDADE HISTÓRICA DA INDEPENDÊNCIA

7 DEZ

15 DEZ Marcações a partir do 1º dia útil do mês que antecede a visita

BASTIDORES DO SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL

218 170 593 lisboa.cultural@cm-lisboa.pt

11 DEZ

15 DEZ

13 DEZ

IGREJA DAS FLAMENGAS

O BAIRRO DA ENCARNAÇÃO E OLIVAIS ANTIGOS O PRESÉPIO DA SÉ O PRESÉPIO DA SÉ

BIBLIOTECA NACIONAL

GALERIA RATTON - EXPOSIÇÃO “RATTON 1987/2017COMEMORAÇÕES DOS 30 ANOS DA GALERIA”

PALÁCIO BALDAYA

14 DEZ

12 DEZ

5 DEZ

O PRESÉPIO DA SENHORA DO MONTE O PRESÉPIO DOS BARBADINHOS 13 DEZ

PALÁCIO CHIADO

EG

ARTES E OFÍCIOS: FÁBRICA DA CERVEJA 8ª COLINA

GABINETE DE ESTUDOS OLISIPONENSES

SINAGOGA

16 NOV: 10H30

11 DEZ 11 DEZ

EXPOSIÇÃO DE DESENHOS DO MESTRE ESCULTOR SOARES BRANCO 12 DEZ

BIBLIOTECA MUNICIPAL DOS CORUCHÉUS 12 DEZ

VISITA COMENTADA AO PALÁCIO DO BEAU SÉJOUR MP


86

C R I A N ÇAS


O MUSEU DO PENSAMENTO Ana Rita Vaz

O Museu do Pensamento é um museu especialíssimo. Porquê? Porque tem a missão de compilar e proteger um bem essencial… Os nossos pensamentos! Sim, porque eles têm que ir para algum sítio depois de nos passarem pela cabeça, ou não? O Miguel é o guia do museu, um senhor muito bem vestido e com o cabelo cheio de gel, penteado para trás. É ele quem vai fazer uma visita guiada especialíssima aos meandros do pensamento. Mas há uma condição indispensável para desfrutar das palavras do guia Miguel: estar disponível para pensar. Este livro, editado sob a chancela da Caminho, é da autoria de Joana Bértholo e conta com ilustrações de Pedro Semeano e Susana Diniz que, na verdade, não se conhecem, apenas coabitam num imaginário comum, pelas bandas do universo a duas dimensões. A obra nasce de uma peça de teatro inspirada e escrita para ser interpretada na Chapelaria Azevedo Rua, no Rossio, na edição de 2014 do Festival Teatro das Compras, por Miguel Fragata (o verdadeiro Miguel…), e com encenação de Giacomo Scalisi, uma artista que usa quase sempre chapéu e que tem pensamentos em italiano. JOANA BÉRTHOLO ILUSTRAÇÕES DE PEDRO SEMEANO E SUSANA DINIZ CAMINHO

87


88

C R I A N ÇAS E S T E M Ê S ESTE M ÊS ACADEMIA DE SANTO AMARO

A ABELHA – UMA AVENTURA FORA DA COLMEIA Teatro Maiores de 3 anos 4 NOV: 11H

HAKUNA MATATA – O MUSICAL Teatro Maiores de 3 anos 5, 12, 19 NOV: 11H

AUDITÓRIO CARLOS PAREDES

FILMINHOS INFANTIS À SOLTA PELO PAÍS

Pai e filha, Tigre, As aventuras de Miriam: o teatro, Embrulhando o sol, O passarinho e a folha, Foxy & Meg almoçam no restaurante, Mancha e manchinhas: a varicela, Música para um apartamento e seis bateristas, Um polvo em apuros Maiores de 4 anos 12 NOV: 11H30 servicoeducativo@ zeroemcomportamento.org BAOBÁ LIVRARIA

BRUXA MIMI E A ABÓBORA GIGANTE! Conto com oficina PG / EG / MP 4 NOV: 16H

HISTÓRIA DA MAMÃ RAPOSA Conto Maiores de 3 anos 18 NOV: 11H MP SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL 25 DE NOVEMBRO, ÀS 16H RUA ANTÓNIO MARIA CARDOSO, 38 / 213 257 640 / WWW.TEATROSAOLUIZ.PT

EU GOSTO MUITO DO SENHOR SATIE O Senhor Satie era uma pessoa solitária mas com muito humor. Adorava desenhar e gostava muito de guarda-chuvas e de marisco. Passou grande parte da sua vida no centro da cidade de Paris, para onde ia diariamente a pé, por não ter dinheiro suficiente para pagar as viagens de comboio. Era compositor de música e o piano era o seu instrumento de eleição. E é ao piano que Joana Gama vai contar à pequenada um pouco mais da história do Senhor Satie, o homem solitário mais com muito humor. Este espetáculo musical, que sobe ao palco da sala Luis Miguel Cintra no dia 25, é destinado a maiores de seis anos. Os bilhetes variam entre os 3€ (crianças) e os 7€ (adultos). Ana Rita Vaz

LIVRO DO SOL NASCENTE

Oficina de ilustração com Rachel Caiano Maiores de 8 anos 25 NOV: 11H MP BIBLIOTECA DE BELÉM

AFINAL O CARACOL

Espetáculo, poesia e música 6 meses - 3 anos 4 NOV: 10H30 3-5 anos 4 NOV: 11H30

MÚSICA PARA BEBÉS 0-3 anos 18 NOV: 16H, 17H

BIBLIOTECA DOS CORUCHÉUS

NOTA A NOTA

Música, expressão e movimento 6-18 meses 4, 18 NOV: 10H30 19-36 meses 4, 18 NOV: 11H30


C R I A N ÇAS E S T E M Ê S BIBLIOTECA DAVID MOURÃO -FERREIRA

YOGA COM HISTÓRIAS 4-10 anos 11 NOV: 15H

HISTÓRIAS PARA BRINCAR 1-4 anos 25 NOV: 10H30

BIBLIOTECA DE MARVILA

O CÃO QUE CORRE ATRÁS DE MIM (E O AVÔ ELÍSIO À JANELA) Teatro 0-9 anos E / MP 2, 3 NOV: 10H 4, 5 NOV: 16H30 PG / MP BIBLIOTECA NATÁLIA CORREIA

OS LIVROS QUE GOSTAM DE CONTAR HISTÓRIAS Apresentação de livro 7-10 anos 18 NOV: 11H

BIBLIOTECA ORLANDO RIBEIRO

CRESCENDO ENTRE CANÇÕES

Oficina musical 8-12 anos 9, 14, 21, 22 NOV: 11H, 14H30 E / MP

FILMINHOS INFANTIS À SOLTA PELO PAÍS

Pai e filha, Tigre, As aventuras de Miriam: o teatro, Embrulhando o sol, O passarinho e a folha, Foxy & Meg almoçam no restaurante, Mancha e manchinhas: a varicela, Música para um apartamento e seis bateristas, Um polvo em apuros Maiores de 4 anos 18 NOV: 11H30 servicoeducativo@ zeroemcomportamento.org

OS LIVROS QUE GOSTAM DE CONTAR HISTÓRIAS Apresentação de livro 7-10 anos 4 NOV: 17H

ERA UMA VEZ UM CORPO: EU, TU, NÓS 5-12 anos 22 NOV: 10H EG / MP

CASA DA ACHADA – CENTRO MÁRIO DIONÍSIO

VAMOS FAZER A REVISTA DO ANO Colagens, notícias e cartoons Maiores de 6 anos 5, 12, 19, 26 NOV: 15H30-17H30 CASA DO BRASIL

DANÇA CRIATIVA CONTEMPORÂNEA 6-8 anos 27 NOV: 18H

CASTELO DE S. JORGE

JOGOS EM FAMÍLIA

E

BIBLIOTECA PALÁCIO GALVEIAS

YOGA & STORIES

Maiores de 3 anos 4 NOV: 16H30 EG / MP

Espetáculo de cinema, música e teatro Maiores de 6 anos 9, 10 NOV: 11H E 11 NOV: 15H30, 12 NOV: 11H30 PG

LISBOA EM VOO DE PEIXE

Performance, filme de animação e música ao vivo Maiores de 5 anos 23, 24 NOV: 11H E 25 NOV: 15H30, 26 NOV: 11H30 PG

FESTIVAL APROXIMA-TE

23, 24 NOV E 25, 26 NOV PG www.aproxima-te.com

CINEMA MONUMENTAL

MONUMENTAL DOS MIÚDOS

ARTES BÉLICAS - SÉCULO XVI - BATALHA DE ALJUBARROTA (1385) 12 NOV: 11H

DANÇAS COM HISTÓRIA DANÇAS DO TEMPO DE D. MANUEL I 19 NOV: 11H

VISITAS EM FAMÍLIA O CASTELO NA 1ª REPÚBLICA Maiores de 6 anos 26 NOV: 11H

C.E .M – CENTRO EM MOVIMENTO

BAILEIA

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

SIR SCRATCH Miniconcerto Maiores de 6 anos 4 NOV: 18H

CORDOARIA NACIONAL

DINOSSAUROS ALIVE

Exposição ATÉ 28 JAN SEG A SEX: 10H-18H, SÁB, DOM: 10H-20H CULTURGEST

CRASSH BABIES

Workshop performativo 6-18 meses 11 NOV: 10H30 18-36 meses 11 NOV: 11H30

CRASSH_STAGE

Concerto Maiores de 6 anos 11 NOV: 16H, 12 NOV: 11H, 16H

CRASSH WORKSHOPS Maiores de 3 anos 10 NOV: 10H30, 14H30 E / MP

217 619 078

ARTES À SOLTA: COM DESPERDÍCIOS

Ciclo de cinema

Oficina de artes plásticas 21 A 24 NOV: 10H30, 14H30

ROBINSON CRUSOE

25 NOV: 14H30

4 NOV: 11H30

MUITO À FRENTE 11 NOV: 11H30

Brincadeiras sonoras 6 meses-3 anos 25 NOV: 11H-12H

Conferência em forma teatral 10-18 anos 30 NOV: 14H

CREVESCER

MP

MP

SINGLE STORY

Oficina 4-11 anos 5 NOV: 11H

5 NOV: 11H30

MP

1stposition.estudio@gmail.com

URBEM EXQUIS

Maiores de 5 anos 5 NOV: 11H

AULA EXPERIMENTAL DE BALLET 5-7 anos 25 NOV: 16H

89

DOFUS, O FILME CARROS 3

12 NOV: 11H30

E / MP

PG / MP

P.E.D.R.A.

PROJETO EDUCATIVO EM DANÇA DE REPERTÓRIO PARA ADOLESCENTES 15-18 anos 26 NOV: 10H30 EG / MP

CINEMA UCI EL CORTE INGLÈS

POCAHONTAS

Teatro 16 NOV A 30 DEZ SÁB, DOM: 11H, 16H COLISEU DOS RECREIOS

RUCA – O ANIVERSÁRIO Musical 12 NOV: 11H

COMPANHIA CLARA ANDERMATT

DANÇA CRIATIVA CONTEMPORÂNEA 6-8 anos 14, 21 NOV: 18H

CONVENTO DE SÃO PEDRO DE ALCÂNTARA

ATELIER DE DESENHO E CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS DE CORDAS FRICCIONADAS 6-12 anos 12 NOV: 16H EG / MP

SENTIDOS DA IMAGEM EM MOVIMENTO Visionamento de filmes E / MP 27 NOV 217 619 078

FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN

MACAQUICES OU O MUNDO AO CONTRÁRIO

No âmbito da exposição Do Outro Lado do Espelho 2-5 anos 12, 26 NOV: 10H30, 11H40

MULTIPLICADORES DE IMAGENS

Oficina de expressão plástica 5-7 anos 19 NOV: 10H30 7-11 anos 19 NOV: 15H FUNDAÇÃO PORTUGUESA DAS COMUNICAÇÕES - MUSEU DAS COMUNICAÇÕES

CONHECER O MUSEU

CONTADORES DE ESTÓRIAS 5-12 anos 4 NOV: 15H30


90

C R I A N ÇAS E S T E M Ê S

ESPAÇO DAS ARTES

WORKSHOPS

5-12 anos 11 NOV: 15H30

CONSULTÓRIO DOS DOUTORES PALHAÇOS

ARTPOSTCOM

CIENTISTAS INVADEM O MUSEU PASSA A MENSAGEM 5-12 anos 18 NOV: 15H30

MEIOS E FORMAS DE COMUNICAÇÃO OFICINA DE TV

5-12 anos 25 NOV: 15H30 GALERIA MILLENNIUM

BOCA FOLHA CÃO

Visita performativa 3-8 anos 4 NOV: 10H30-11H15 EG / MP

GARE MARÍTIMA DA ROCHA CONDE D’ÓBIDOS

DEBAIXO DO SEU NARIZ Exposição ATÉ 19 NOV QUA A DOM

SÁB, DOM: 11H30-13H30

SÁB, DOM: 15H30-17H30

F. L. O. P. FESTIVAL LOUCO ORGANIZADO POR PALHAÇOS COM CONVIDADOS ESPECIAIS SÁB: 18H-19H

COMO FAZER UMA MÁSCARA

Palestra-performance com Pedro Barateiro 19 NOV: 17H IGREJA DE SÃO ROQUE

PAIAÇU OU PAI GRANDE Teatro ATÉ 27 NOV SEG

JARDIM ZOOLÓGICO DE LISBOA

NORAH - UM CONTO DE INVERNO Teatro 2-10 anos 26 NOV: 11H info.muzumbos@gmail.com LITTLE LISBON

PEDDY-PAPER NO BAIRRO ALTO

Visita 6-12 anos 18 NOV: 15H-18H Encontro: Jardim do Príncipe Real, junto à estátua de França Borges MP

info@lisbonforkids.com MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL

RACISMO

Com Rita Pedro. Mini-Conferência para Miúdas e Miúdos Curiosos 11 A 26 NOV SÁB: 16H30, DOM: 11H, 16H30 PG

9 A 24 NOV QUI, SEX

E / MP

E / MP

o atr es Te APrlát sticas

a Dança

sic

s orto Desplímpicos a r Pa

MAAT – MUSEU DE ARTE, ARQUITETURA E TECNOLOGIA

NÃO ACORDES O DRAGÃO Oficina elétrica Maiores de 6 anos 5, 12, 26 NOV: 15H30

CAMPO MAGNÉTICO Oficina de artes plásticas 6-10 anos 25 NOV: 16H

CARRINHOS SOLARES Oficina elétrica Maiores de 6 anos SÁB: 15H30

MOSTEIRO DE SANTOSO -NOVO

ATELIER DE CONSTRUÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS COM MATERIAIS RECICLADOS 4-12 anos 5 NOV: 16H EG / MP

MUSEU COLEÇÃO BERARDO

MAGIA NO MUSEU Visita-jogo 19 NOV: 11H

Lisbo a Limite s 3 DEZ 2017

sem

cional das Dia Interncaom Deficiência Pessoas toso

9 > 12 h 3 0Desportivo do Casal Vis Complexo

10 > 13ehn0tr0al do Colombo Praça C

14 > 17hn3tr0al do Colombo Praça Ce


C R I A N ÇAS E S T E M Ê S MUSEU DO DINHEIRO

MUSEU NACIONAL DE

NATURAL E DA PRINCESAS DE PORTUGAL, HISTÓRIA CIÊNCIA RAINHAS DA EUROPA HÁ FÓSSEIS NA 7ª COLINA Visita-jogo Maiores de 6 anos 11 NOV: 14H30 MP

OS DEUSES ANDAM À SOLTA Visita-jogo Maiores de 6 anos 18 NOV: 10H30 MP

A CASA DA SORTE Visita-jogo Maiores de 6 anos 25 NOV: 14H30 MP

MUSEU DE LISBOA – PALÁCIO PIMENTA

QUEM MATOU O JARDINEIRO? Jogo de pistas Maiores de 6 anos 12 NOV: 15H MP

MÚSICA PARA BEBÉS

25 NOV: 15H30, 16H30 MP

MUSEU DA MARIONETA

COMO SE PODE SER UMA MARIONETA?

LABORATÓRIOS DE ATIVIDADES CRIATIVAS Oficina Maiores de 6 anos 5 NOV: 15H30

Oficina expedição 6-12 anos 4 NOV: 15H MP

SENTIR AS IMAGENS Oficina de ilustração 7-12 anos 5 NOV: 10H30-16H30 MP

18 NOV: 16H, 19 NOV: 11H30 PG / MP

UM MUNDO DE HISTÓRIAS Visita em família Maiores de 4 anos 18 NOV: 14H30

MITOS E LENDAS DO VIETNAME Manhã criativa Maiores de 6 anos 26 NOV: 10H30

MUSEU NACIONAL DE ARTE ANTIGA

DIABÓLICAS TRAVESSURAS Visita jogo 6-12 anos 5 NOV: 11H30

MANGAS DE ÁGUA? Atelier 0-12 meses 4, 18 NOV: 11H30

AQUI NÃO HÁ BRUXAS! Oficina Maiores de 6 anos 5, 19 NOV: 11H

CASTANHAS QUENTINHAS E BOAS! Oficina dramatizada 12-24 meses 11, 25 NOV: 11H30

A OLHAR PARA O CÉU!

Oficina 7-12 anos 11, 25 NOV: 15H

Sessão de planetário Famílias 5 NOV: 11H30-13H

Sessão de planetário Famílias 5 NOV: 16H30-18H

CLUBE DE ROBÓTICA Maiores de 7 anos 10, 26 NOV: 10H-13H MP

O BAIRRO DO MUSEU Visita guiada 6-12 anos 11 NOV: 14H30-17H MP

info@lisbonforkids.com

O CÉU DE GALILEU

Visita guiada Famílias 11 NOV: 16H30-18H

DO MUSEU PARA A RUA Visita guiada 6-12 anos 11 NOV: 15H-17H MP

E / MP

MUSEU DO ORIENTE

HISTÓRIAS DE ESTRELAS E PLANETAS!

ULISSES DE VOLTA À CASA LABORATÓRIO DE PARTIDA Espetáculo-jogo ROBÓTICA Maiores de 6 anos 16, 17 NOV: 10H30

91

Maiores de 5 anos 12 NOV: 11H-12H PG / MP

TARDES COM MATEMÁTICA

Jogos e desafios 25 NOV: 15H-16H30 PG

A CASINHA DE CHOCOLATE

ESPREITEMOS O NATAL, DE JANELA EM JANELA! O MAGUSTO

3-5 anos 12, 26 NOV: 10H, 11H30 MUSEU DE SÃO ROQUE

3, 10, 17 NOV: 20H30 EG / MP

HÁ DANÇA NO MUSEU!

Workshop de dança 16-28 meses 25 NOV: 10H 28 meses-9 anos 25 NOV: 11H MP

6-12 anos 26 NOV: 15H

PADARIA DO POVO

FESTA! 1 ANO DE BAOBÁ 11 NOV: 16H PG / EG

A EXPOSIÇÃO

Teatro 1-5 anos 26 NOV: 10H30

OFICINAS DÓING

VAMOS PROGRAMAR? INTRODUÇÃO AO RASPBERRY PI Maiores de 12 anos 11 NOV: 15H30-18H30

EXPLORAR, CRIAR, IMAGINAR: LITTLEBITS Maiores de 8 anos 4 NOV: 11H30-18H30

EXPLORAR, CRIAR, IMAGINAR: SILLY GADGETS

Maiores de 8 anos 18 NOV: 11H30-18H30

EXPLORAR, CRIAR, IMAGINAR: ROBÔS WEDO

Maiores de 8 anos 26 NOV: 11H30-18H30

ATELIÊS DE COSTURA E SAPATOS

CESTOS E CASTANHAS Maiores de 6 anos 11, 12 NOV: 11H-19H

BADGE C&T

Maiores de 6 anos

Maiores de 6 anos 26 NOV: 15H30, 17H15

EG / MP

MUSEU NACIONAL DO TEATRO E DA DANÇA

BOBI, O CÃO SALSICHA

Maiores de 6 anos 12 NOV: 15H30, 17H15

26 NOV: 11H-19H A BRINCAR CONSTRUÍMOS 25, LABORATÓRIO O PASSADO LÍQUIDOS À PROVA Visita com atelier de Arte

PAVILHÃO DO CONHECIMENTO – CENTRO CIÊNCIA VIVA

Teatro 1-5 anos 12 NOV: 10H30

BOLINHOS DE CASTANHA

de 8 anos ATELIER DE CONSTRUÇÃO Maiores 25 NOV: 11H30-18H30 DE INSTRUMENTOS CRIAR, MUSICAIS COM MATERIAIS EXPLORAR, IMAGINAR: APRENDA A RECICLADOS SOLDAR BADGE C&T 4-12 anos

Teatro ATÉ 17 DEZ SÁB: 16H, DOM: 11H30, 16H

A BELA ADORMECIDA

A COZINHA É UM LABORATÓRIO

ANGRY BRIDS ATÉ SET/18

CANTINHO DA CIÊNCIA

HOJE VOU SER ORNITÓLOGO

Maiores de 3 anos 5 NOV: 11H30, 15H30, 17H15

SÃO LUIZ TEATRO MUNICIPAL

UM ESPECTÁCULO PARA OS MEUS FILHOS Teatro 10-14 anos 2, 3 NOV: 10H30 E / MP

4, 5 NOV:16H PG

POESIA-ME

Ciclo de leituras para a infância Maiores de 6 anos 11 NOV: 16H

OS SAPATOS DO SR. LUIZ Visita-espetáculo Maiores de 3 anos 13, 15 NOV: 10H30 E / MP

25 NOV: 11H PG


C R I A N ÇAS E S T E M Ê S / F E S T I VA I S / TO D O O A N O TEATRO DOM LUIS FILIPE (TEATRO DA LUZ)

EU GOSTO MUITO DO SR. SATIE

PINÓQUIO

Maiores de 4 anos 19 NOV A 23 DEZ SÁB: 16H30, DOM: 11H

Concerto de Joana Gama Maiores de 6 anos 25 NOV: 16H

SENTIDOS

5-10 anos SÁB: 15H-16H

PG

Danças Orientais criativas

Teatro Maiores de 2 anos DOM: 11H SEG A SEX: 11H, 14H30 E / MP

TEATRO POLITEAMA

TEATRO ARMANDO CORTEZ

ALADINO

O SOLDADINHO DE CHUMBO

O MUSICAL GENIAL SÁB, DOM: 15H PG

SÁB, DOM: 15H

TER A SEX: 11, 14H

PG

SEG A SEX: 11H, 14H30 E / MP

TEATRO TIVOLI BBVA

MOZARTINI

ASSALTO ÀS LANCHEIRAS

6 meses-4 anos ATÉ 26 NOV DOM: 11H

Teatro Maiores de 2 anos 4, 12, 18, 26 NOV: 16H

PG

PG

SEG A SEX: 11H, 14H30

TEATRO BOCAGE

E / MP

PEDRA, PAPEL OU TESOURA

TEATRO TURIM

Maiores de 6 anos 4, 11, 28, 25 NOV: 16H

O SAPATINHO DO PAI NATAL Maiores de 3 anos 26 NOV: 11H

E / MP

O KING VAI NU

4 A 26 NOV SÁB: 16H, DOM: 11H E / PG

TEATRO VILLARET

FADA JUJU E A FESTA DOS

MP

SÁB: 11H-12H MP

30damouraria@gmail.com

F E S T I VA I S

FESTA DAS PALAVRAS HISTÓRIAS, JOGOS E DESCOBERTAS

MUSEU DE LISBOA – TEATRO ROMANO, MUSEU DE LISBOA – SANTO ANTÓNIO, MUSEU DE LISBOA – PALÁCIO PIMENTA 17 NOV: 18-23H, 18 NOV: 10H-22H30, 19 NOV: 10H-18H 216 513 256

TODO O ANO 30 DA MOURARIA – PSICOTERAPIA E MOVIMENTO

Drama e Movimento

PARA MIÚDOS TÍMIDOS, ATREVIDOS E MAIS OU MENOS

ACADEMIA DE AMADORES DE M ÚSICA

Inciação musical 3-9 anos

Sessões de música para bebés 0-3 anos VÁRIOS HORÁRIOS

ACADEMIA DA ESTRELA

Judo

Maiores de 15 anos SEG, QUA, SEX: 19H3021H30, TER, QUI: 19H-20H30, SÁB: 11H-13H direcao@nunodelgado.net ACADEMIA DE M ÚSICA DA GRAÇA

Guitarra clássica, Piano, Violino, Violoncelo, Bateria, Canto, Baixo elétrico, Flauta e

RASTRILLO 2017 C o m o a l t o Pa t r o c í n i o d e S ua E x c e l ê n c i a

FEIRA DE

SOLIDARIEDADE 23 a 26 NOV R COMPRA AR! D JÁ É AJU

C. de Congressos de Lisboa Pç. das Indústrias - Pav 1 De 23 a 25 Nov – 12h-23h Dia 26 Nov – 12h-18h

www.novofuturo.org

92


C R I A N ÇAS TO D O O A N O

93

CORDOARIA NACIONAL ATÉ 28 DE JANEIRO AVENIDA DA ÍNDIA / 213 637 635

DINOSSAUROS ALIVE Afinal os dinossauros não foram extintos há 65 milhões de anos! Ao que parece, estes animais pré-históricos invadiram a Cordoaria Nacional para mostrar como viveram na Terra durante 165 milhões de anos, desde o período Triássico até ao final do período Cretáceo. São mais de 50 dinossauros animatrónicos e hiper-realistas que, no meio de florestas, bosques e desertos misteriosos, recriam os comportamentos e os hábitos alimentares destes gigantes. Esta aventura promete descobertas fascinantes e experiências inesquecíveis, onde os mais pequenos podem vestir a pele de um paleontólogo e fazer escavações ou assistir a um filme em realidade virtual que os vai levar numa viagem fantástica ao tempo dos dinossauros. ARV

Iniciação musical

Maiores de 3 anos SEG A SEX: 13H-20H MP

ACADEMIA DE M ÚSICA DE TELHEIRAS

Música para Bebés e Pais Até aos 3 anos TER: 18H30

ACADEMIA DE SANTO AMARO

Hakuna Matata – O Musical infantil, A abelha – uma aventura fora da colmeia, A Carochinha, os 3 porquinhos, a fada dos dentes, Mickey, ABC, Onde está o pai natal? E / MP

protagonizamagia@gmail.com ACADEMIA NACIONAL DE M ÚSICA CARLOS SEIXAS

Flauta Transversal Maiores de 6 anos

Piano

Maiores de 3 anos VÁRIOS HORÁRIOS

ACADEMIA NOVAS LETRAS

Ensino de Piano, Guitarra, Violino, Bateria e Flauta

SEG A SEX: 14H-20H contactos@novasletras.com AIKIDO - DOJO DA LUZ

Dança Criativa 6-10 anos TER, SEX: 17H

Dança Contemporânea 10-14 anos TER, SEX: 18H

ALUNOS DE APOLO – ESCOLA DE DANÇA

Aulas de Dança 5-9 anos SÁB: 9H45 10-13 anos SÁB: 10H45 Maiores de 13 anos SÁB: 10H45 ANAGRAMA

Mindfulness para crianças

4-15 anos VÁRIOS HORÁRIOS ARMAZÉM AÉRIO

Academia de novo circo 5-15 anos SEG A QUI: 18H, SÁB; 10H

ART KIDS

Oficinas de Artes Plásticas e Sessões de Arte como Terapia

5-16 anos TER: 17H30, QUA, SEX: 15H, SÁB: 11H30 ART!IST – ACADEMIA DE DANÇA , TEATRO & PERFORMANCE

Ballet, Sapateado, Hip-Hop, Condição Física, Dança Criativa, Contemporâneo, Kids on Broadway ASSOCIAÇÃO ADN / ARMAZÉM 13

Circo Kids - Introdução às Técnicas Circenses

ATELIER CABINE

Curso de expressão plástica 6-13 anos TER, QUI: 18H-20H ATELIÊ CÁ

Ateliê Criativo

5-12 anos QUA: 17H-18H30 atelie.ca@gmail.com ATELIER DO PAÇO

Ateliê de Arte 5-12 anos SÁB: 10H-12H

Danças Tradicionais e de Roda Maiores de 5 anos DOM: 10H-11H cursolisboa@gmail.com

SÁB: 11H-12H30

ATELIER DE SÃO BENTO

ASSOCIAÇÃO MUSICAL LISBOA CANTAT

5-14 anos TER, QUA: 18H-20H, SEX: MP 17H30-19H30

Coro Infantil Lisboa Cantat 7-13 anos

DOM: 17H30-19H30 coroinfantillisboacantat@ gmail.com

Artes Plásticas

AUDITÓRIO PEDRO ARRUPE

A Aventura de Ulisses Maiores de 6 anos

Auto da Barca do Inferno Maiores de 12 anos


94

C R I A N ÇAS TO D O O A N O www.culturalkids.com.pt E / MP

BIBLIOTECA ORLANDO RIBEIRO

Aulas de teatro

5-10 anos SEG: 18H40–19H40 11-16 anos SEG: 17H30-18H30 BIBLIOTECA SÃO LÁZARO

Visita-Guiada

Eu também sou Arqueológo

Cursos de Piano, Teclado, Flauta, Guitarra, Acordeão, Violino, Violoncelo

Farsa de Inês Pereira

E /MP / EG

Maiores de 6 anos

centro.arqueologia@cm-lisboa.pt

MP

Leandro, rei da helíria

CENTRO CULTURAL DE BELÉM

CLC - CREATIVE LEARNING CENTRE

Oficina lúdico-pedagógica sobre o trabalho do arqueólogo 9-14 anos

Biblioteca dos livros viajantes SEG A DOM: 9H-18H30

SÁB: 10H

Hora do Conto

CENTRO CULTURAL DE CARNIDE

MIL E UMA TARDES

Maiores de 6 anos SEG, QUA: 18H40-19H30

3-11 anos SÁB: 11H

Hora do Conto Ilustrado 3-9 anos QUA: 17H30

Iniciação ao Xadrez 3-9 anos QUI: 17H30

Oficina de Artes Plásticas 3-9 anos SEX: 17H30

CARAVELA VERA CRUZ

Bem-vindo a bordo da Caravela Vera Cruz Visita SEG A SEX: 10H-17H E / MP

geral@aporvela.pt CASA DO ARTISTA

Oficina de teatro juvenil 10-16 anos DOM: 10H-13H

HIip-Hop Ballet

Aulas de Ballet e Dança Criativa 6-11 anos QUI: 17H30-18H30, SÁB: 11H-12H

Aulas de Dança Contemporânea

12-18 anos QUI: 18H30-19H30, SÁB: 12H-13H 968 884 787 CENTRO DE ARQUEOLOGIA DE LISBOA

Aprender com os Objetos

Oficina lúdico-pedagógica sobre a Pré-História no território de Lisboa 9-14 anos E / MP / EG

Língua, história e cultura QUA, SEX: 17H30-18H30

CLÍNICA DOS SONS

Baileia

MP

CENTRO INTERCULTURACIDADE

CIL – Coro Infantil Lusófono

Projeto de música coral de inclusão social com temas lusófonos 8-14 anos SEX: 18H-19H30 CENTRO SOCIAL E PAROQUIAL DE ARROIOS

Dança Criativa Infantil 6-10 anos QUA: 18H

937 349 614

CHAPITÔ

Ateliê de Circo 4-12 anos QUA: 18H

CLAVE & SOM, ESCOLA DE M ÚSICA

Iniciação Musical 4-6 anos

E / MP

91 850 98 82 COMUNA TEATRO DE PESQUISA

MP

DANÇA DO SABER

SÁB: 9H30, 10H30, 11H30

Treino desportivo SÁB: 9H30, 11H00

COLÉGIO LUSO -SUIÇO

Aulas de inglês, francês, espanhol, alemão, italiano, russo e neerlandês

Maiores de 6 anos

DOM: 10H-13H

Dançar uma História

CENTRO EUROPEU DE LÍNGUAS

O Cavaleiro

Oficina de teatro

Treino de competição

Práticas de corpo 5-10 anos QUA: 18H30-19H30

Maiores de 6 anos

3-36 meses SÁB: 16H

CORPO-AUTONOMIA

2,5-5 anos QUA: 17H30-18H30

Maiores de 10 anos

Música para bebés

Aulas de ciclismo

C.E .M – CENTRO EM MOVIMENTO

Aquilo que os olhos vêem ou o Adamastor

PG / E

COELHINHOS - ESCOLA CLUBE DE CICLISMO DE LISBOA

5-7 anos TER: 18H-18H45 Maiores de 8 anos QUI: 18H-18H45

Maiores de 6 anos CASA DOS DIREITOS SOCIAIS

Mandarim

Maiores de 12 anos

SÁB: 9H30, 11H00

Curso de expressão dramática e cinema 3-14 anos VÁRIOS HORÁRIOS 919 300 853 COMPANHIA DA CHAMIN É

Teatro

6-12 anos QUA: 17H-19H 12-18 anos SEG: 17H-19H

Circo

6-12 anos TER: 17H, 18H COMPANHIA NACIONAL DE BAILADO

Escola da Companhia Nacional de Bailado 5-7 anos TER, QUI: 17H-18H 7-9 anos TER, QUI: 18H-19H

Todos Bailarinos

Crianças com perturbação do desenvolvimento intelectual 5-14 anos TER, QUI: 17H, 18H COMPANHIA DE TEATRO O SONHO

Auto da Barca do Inferno Maiores de 12 anos

Ballet kids, Hip-Hop kids, Contemporânea kids e teens VÁRIOS HORÁRIOS MP

DANÇARTE

Ballet, Dança Criativa, Sevilhanas, Flamenco, Hip-Hop MP

DANÇATTITUDE

Aulas de Dança Flamenca

3-8 anos SÁB: 10H-11H xavierflamenco@gmail.com DANCE FACTORY STUDIOS

Dança Criativa 3-6 anos

Hip-Hop Teens MP

DANCE SPOT

Ballet, Contemporâneo, Hip-Hop, Capoeira, Sapateado, Irish Dance, Dança Jazz, Sevilhanas, Danças de Salão, Dança Oriental, Bollywood, Danças de Carácter, Baby Dance, Family Dance VÁRIOS HORÁRIOS MP

DEPARTAMENTO DE PROTEÇÃO CIVIL

A segurança em casa, na rua e nos espaços públicos 5-10 anos SEG A SEX: 9H-12H, MP 14H-16H30


C R I A N ÇAS TO D O O A N O EDSAE – ESCOLA DE DANÇAS SOCIAIS E ARTES DO ESPETÁCULO

Dança livre ballet

Maiores de 3 anos VÁRIOS HORÁRIOS

Especial Disney

Canto e dança 4-6 anos TER: 17H30-18H15, QUI: 17H-17H45

Introdução ao teatro musical 6-9 anos QUA: 17H30-19H30 10-15 anos SEG: 17H30-19H30

Teatro musical 6-15 anos SÁB: 10H-13H

Contemporâneo

Maiores de 12 anos TER, QUI: 18H-19H

95

Street Jazz

Maiores de 14 anos TER, QUI: 19H30-20H30

Danças urbanas

Maiores de 10 anos TER, QUI: 18H30-19H30

MTV just Dance Maiores de 10 anos

Companhia jovens atores 12-15 anos SÁB: 14H-18H

ESCOLA BÁSICA DE SÃO VICENTE

Judo

4-15 anos VÁRIOS HORÁRIOS direcao@nunodelgado.net ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA JOSEFA DE ÓBIDOS

Judo

10-15 anos TER E QUI: 16H45-17H45 direcao@nunodelgado.net

MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL 11, 18 E 25 DE NOVEMBRO, ÀS 16H30, 12, 19 E 26 DE NOVEMBRO ÀS 11H E 16H30 (PÚBLICO EM GERAL) 16, 17, 23 E 24 DE NOVEMBRO (ESCOLAS) AV. FREI MIGUEL CONTREIRAS, 52 / 218 438 800 / WWW.TEATROMARIAMATOS.PT

RACISMO MINI-CONFERÊNCIA PARA MIÚDAS E MIÚDOS CURIOSOS Ser criança é fazer perguntas infinitas, mostrar uma grande dose de curiosidade e querer compreender tudo à sua volta. Não vale a pena fazer batota, muito menos quando as crianças demonstram uma complexidade filosófica que lhes é natural e espontânea. Para além de ser um ato educativo, a mini-conferência, dinamizada por Rita Pedro, é também uma tomada de consciência: não nascemos

racistas, tornamo-nos racistas. Ali, pretende-se ir de encontro às perguntas dos mais pequenos para, através delas, abrir espaço para uma reflexão crítica sobre o racismo, onde é possível desconstruir preconceitos, tomar consciência do que nos condiciona e esclarecer algumas palavras difíceis como discriminação, xenofobia, escravatura, apartheid, melanina e preconceito. ARV


96

C R I A N ÇAS TO D O O A N O ESCOLA DE BELAS-ARTES PEDRO SERRENHO

ESPAÇO ESPELHO D’ÁGUA

QUA: 10H-12H

Até aos 10 anos DOM: 13H30-16H

Desenho e pintura Artes Plásticas QUA: 17H-19H, SÁB: 10H-13H 5-12 anos

Tardes de Histórias

E / MP

EG

José Saramago, 90 Anos

213 010 510

Exposição itinerante E

EXTERNATO AS DESCOBERTAS

MP

ESCOLA DE DANÇA ANA KÖHLER

Ballet, Dança Contemporânea, Dança Jazz, Dança Tradicional Irlandesa, Hip-Hop, Danças Orientais MP

ESCOLA DE JARDINAGEM E CALCETEIROS

Programas de Educação e Sensibilização

A Maior Flor do Mundo

Judo

3-5 anos SEG: 15H50-16H35 6-10 anos SEG: 16H45-17H20 direcao@nunodelgado.net

Pré-Ballet, Dança Criativa 3-5 anos

Dança Contemporânea 7-15 anos

Ballet, zumba, hip hop, salsa, breakdance VÁRIOS HORÁRIOS

E

Teatro

SEG, SÁB 969 848 821

Música para Bebés 4 meses-3 anos DOM: 10H geral@anapar.pt

GALERIA MILLENNIUM

Visitas orientadas

MP

GABINETE DE ESTUDOS OLISIPONENSES

4-12 anos SÁB: 11H

Visitas guiadas ao Palácio do Beau Séjour

Teatro aos Sábados

Mikado Grupo de Teatro 13-18 anos SÁB: 16H MP

GALERIA 36

Artes Plásticas

4-10 anos SEG A SEX: VÁRIOS HORÁRIOS SÁB: 10H-12H 918 972 966

FUNDAÇÃO JOSÉ SARAMAGO

Peddy-paper

Maiores de 10 anos

NOVOS VALORES DA MASCULINIDADE PARA A IGUALDADE DE GÉNERO

16 E 17 DE NOVEMBRO ISCTEIUL (Annteatro B104) INSCRIÇÃO GRATUITA

promotoresdaigualdade.pt Com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa

Oficina de desenho e pintura

GATO QUE LADRA – ASSOCIAÇÃO CULTURAL Oficinas

O HOMEM PROMOTOR DA IGUALDADE

Organização:

GALERIA ARTE GRAÇA

E / MP

FULLOUT DANCE ACADEMY

MP / EG

MP

ESPAÇO DANÇA DE PALMIRA CAMARGO

Ilustrações de André Letria Exposição itinerante

Ballet, Hip-Hop

FORUM DANÇA

7-12 anos

MP / E

Visitas Guiadas à Fundação José Saramago

Apoio à organização:

GERARTE TEATRO

O Feiticeiro de Oz Teatro itinerante 3-12 anos E

reservas.feiticeirodeoz@gmail. com


C R I A N ÇAS TO D O O A N O GINÁSIO BEIJA-FLOR

Capoeira Infantil

3-16 anos QUA, SEX: 19H30-20H30 GRUPO DRAMÁTICO RAMIRO JOSÉ

Ballet, Karaté, Yoga GYMBOREE

Play & Learn: Música, Artes, School Skills, Sports, Mommy and Baby Fitness

Programas de desenvolvimento infantil 0-5 anos

WORKSHOPS

The happiest baby on the block, baby signs 0-24 meses

HELEN DORON EARLY ENGLISH

Ensino de inglês 3 meses-14 anos MP

HIPÓDROMO DO CAMPO GRANDE

Aulas de equitação VÁRIOS HORÁRIOS

Plantas de todo o Mundo, Quem sou Eu? Como me Chamo?, Da Alga à Laranjeira, Os Botânicos e a Conservação da Biodiversidade

LX DANCE

Ensino secundário

Visita guiada ao Teatro Maiores de 3 anos TER A DOM: 15H-20H

E / MP

EG / MP

JARDIM BOTÂNICO TROPICAL

MERCADO 31 DE JANEIRO

Os Sentidos no Jardim, Um Povo Descobridor, Na Ponta do Lápis Visitas guiadas e atividades temáticas E / MP

JAZZY DANCE STUDIOS

Break Dance Kids, Capoeira Kids, Hip-Hop, Shake-it-up Teens, Ginástica, Capoeira 4-12 anos MP

JUST4TEENS

Socialização e Descoberta para Bebés e Crianças TER A QUI: 10H-12H

INSTITUTO DE FORMAÇÃO, INVESTIGAÇÃO E CRIAÇÃO TEATRAL

Coro Meu planeta azul 0-5 anos SÁB: 9H45 6-9 anos SAB: 10H35 10-16 anos SÁB: 10H35

LANTERNA MÁGICA

O gigante egoísta, A viúva e o papagaio, Alenista, Auto da Barca do Inferno, O sermão aos Peixes decifrar as palavras E

lanterna.magica@iol.pt IPDJ – INSTITUTO PORTUGU ÊS DO DESPORTO E DA JUVENTUDE

Truz, Truz… Deixa-me Dançar! Aulas de dança criativa 4-6 anos QUA: 17H45-18H35 MP

JARDIM BOTÂNICO DA AJUDA

Visita Geral, As Plantas Oficinais, O Sabor e os Cheiros

LAVADOURO PÚBLICO DE CARNIDE

À Descoberta do Lavadouro!

Visita guiada com encenação Maiores de 4 anos 1º DOM: 11H LEAP – ESPAÇO AMOREIRAS

Visitas guiadas e atividades para escolas 6-10 anos MP / EG

info@edge-arts.org

PG / MP

Os Campeões do Jardim, À Descoberta do Jardim 4-5 anos

A Planta, O Herbário Ensino básico

97

LIVRARIA LER DEVAGAR

SER LIVRO

Livro desalinhado

Oficina artística 6-12 anos MP 2º DOM: 11H30-13H andaimecooperativacultural@ gmail.com

Ballet MP

MARIA MATOS TEATRO MUNICIPAL

Dentro de Cena

Vamos Todos ao Mercado

Visita guiada e atividade lúdica no âmbito da Educação Alimentar Maiores de 8 anos TER A SEX: 9H30-12H E / MP

MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS

Brincando no Mosteiro, Animais do Mundo, Animais do Rei, Jogo do Mosteiro, Jogo dos Descobrimentos, Ateliê das Iluminuras, Jogando com o Tempo, Viagem de Vasco da Gama, Vem Conhecer o Mosteiro Visitas guiadas e oficinas pedagógicas TER A SEX E / MP

MUNDO PATRIMÓNIO LAB

Depois da escola

SEG A SEX: 16H-19H

O poeta do barro, Exploradores 12-15 anos

O poeta do barro, Bestiário bordaliano 15-18 anos E / MP

servicoeducativo@ museubordalopinheiro.pt MUSEU DA CARRIS

Visitas orientadas e visitas-jogo Fantoches de dedos, Construção de Transporte à nossa Escala e Desfile, Carrinhos de Rolamentos, Lisboa em Sombras!, Janelas Mágicas, Diário de Bordo MP

MUSEU DAS CRIANÇAS

Viagem ao Meu... Futuro! Exposição 3-11 anos SEG A DOM: 10H-13H30/14H30-18H

A cozinha do chef Louis e do rato Sourit, Uma viagem ao corpo humano, Ciência com balões, Brincar com a matemática, Fantástica matemática, H2O O Ciclo da água MP / E

MUSEU DE ARTES DECORATIVAS PORTUGUESAS DA FUNDAÇÃO RICARDO DO ESPÍRITO SANTO SILVA

Visitas Guiadas ao Museu e às Oficinas SEG A SEX MP

MUSEU BORDALO PINHEIRO

Hoje sinto-me… Visitas-guiadas E / MP

OFICINAS PEDAGÓGICAS

Animais à solta, Bordalo no prato 3-6 anos

Bordalo no prato, Olá, Zé Povinho!

MUSEU DO DINHEIRO

Museu do Dinheiro: percurso pela coleção Visita QUI: 13H, SÁB: 15H E / MP

Muralha de D. Dinis Visita SEX: 13H, SÁB: 11H E / MP

Quem tem medo do lobo mau, A casa da sorte, Princesas de Portugal, Rainhas da Europa, Os deuses andam à solta, De caras!, Troco por trocas Visitas-oficina Maiores de 6 anos

6-10 anos

E / MP

Acorda, Zé Povinho! Exploradores

MUSEU DO FADO

10-12 anos

Fado Menor 6-10 anos


98

C R I A N ÇAS TO D O O A N O

Só é Fadista quem Quer 6-15 anos MP

MUSEU DA MARIONETA

Um Mundo de Histórias Visitas para famílias PG / MP

Vila das Cores (Contos e Marionetas) Oficina de leitura e construção de marionetas MP

MUSEU MILITAR

Uma história com… Ateliê 4-8 anos

MUSEU NACIONAL DE ARQUEOLOGIA

As Naus de Verde Pinho A AVENTURA DE BARTOLOMEU DIAS, DE MANUEL ALEGRE Teatro Maiores de 6 anos TER A SEX: 10H30, 14H E / MP

DOM: 16H PG

MUSEU NACIONAL DO AZULEJO

Pintar um Azulejo! Oficina de pintura Maiores de 3 anos E / MP

Há música no Azulejo!

Escrita Criativa 8-12 anos

Visita de descoberta e concerto de piano comentado 4-12 anos

Visitas históricas guiadas

Uma Viagem pela História do Azulejo

8-12 anos E / MP

Visita orientada Maiores de 8 anos

Um enigma no Museu

E / MP / EG

8-12 anos E / MP

Peddy Paper no Museu 4-12 anos

E / MP / EG

MUSEU NACIONAL DOS COCHES

Visitas Guiadas, Visitas a Grupos com Necessidades Especiais MP / E

Peddy-Paper, Guia de Exploração Pedagógica, Caça ao Tesouro, Quem é Quem?

SÁB: 11H05-12H05 11-16 anos SÁB: 12H10-13H20

Corpos em movimento Ateliê de expressão corporal 6-10 anos E / MP

Era uma vez uma Princesa que queria entrar numa História

Jogos

Ateliê de construção de fantoches 4-10 anos

E / MP / PG

E / MP

MUSEU NACIONAL DE ETNOLOGIA

Moinhos e Moídos, Panelas Cantoras

Oficinas de expressão plástica 4-12 anos

Galerias da Amazónia Visitas guiadas

Galerias da Vida Rural Visitas guiadas E / MP / EG

MUSEU NACIONAL DO TEATRO E DA DANÇA

Aulas de teatro 5-7 anos SÁB: 10H-11H 8-10 anos

Do Texto ao Palco

Ateliê de Escrita e Caracterização 10-16 anos E / MP

Peças em Peças

Visita guiada à exposição permanente E / MP

servicoseducativos@mnteatro. dgpc.pt MUSEU NACIONAL DO TRAJE E DA MODA

VISITAS GERAIS

Trajes no Paço: Memórias Escondidas E / MP


C R I A N ÇAS TO D O O A N O

© Beatriz Bagulho

99

CENTRO CULTURAL DE BELÉM 23 E 24 DE NOVEMBRO, ÀS 11H (ESCOLAS) 25 DE NOVEMBRO, ÀS 15H30 E 26 DE NOVEMBRO, ÀS 11H30 (PÚBLICO EM GERAL) PRAÇA DO IMPÉRIO / 21 361 24 00 / WWW.CCB.PT

LISBOA EM VOO DE PEIXE Joana Bagulho é cravista e, em conjunto com a sua filha Beatriz, ilustradora, leva os mais pequenos numa viagem alucinante por uma Lisboa em transformação. Nesta performance, com filme de animação e música ao vivo, a criançada apaga fogos no mundo de Bosch, perde-se nos labirintos

Há vida no Parque!, A minha primeira Visita ao Parque Botânico do Monteiro-Mor

No Bosque dos Passarinhos

E / MP

MP

MUSEU DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA

MUSEU DE SÃO ROQUE SEG: 14H-18H, TER A DOM: 10H-12H30, 14H-18H

OFICINAS PEDAGÓGICAS

Frente a frente… com um Presidente 4-12 anos

Como se faz uma bandeira 6-12 anos

Outras viagens 7-12 anos

Acrescenta um Ponto! 9-12 anos

4-10 anos

Visitas orientadas

Uma História Colorida Visita animada 3-6 anos

O que nos dizem as Cores? Visita animada 6-12 anos

Há Animais no Museu? Visita animada 3-8 anos

da calçada portuguesa e do azulejo barroco, e deambula por entre turistas e as suas máquinas fotográficas e câmaras de filmar. Os miúdos, ao descobrirem lugares e rotinas escondidos, aproximam-se da cidade onde coabitam vizinhos e visitantes. ARV

Personagens Animadas, Histórias Transformadas Visita-ateliê 8-12 anos

Vamos conhecer a Capela de São João Baptista Visita-jogo 8-12 anos

A Brincar Construímos o Passado Visita-ateliê 6-12 anos

Desenhar a Cidade. Exercícios sobre Arquitetura e Urbanismo Visita-ateliê 12-15 anos

Vamos conhecer o Oriente em São Roque Visita-jogo 12-15 anos

Pelos Sentidos do Barroco

Visita guiada temática com atividades 12-15 anos

O Padre António Vieira e o Barroco em São Roque Visita guiada temática com atividades 16-18 anos E / EG / MP/ PG

OLÁ MAMÃ

Massagem para Bebés Até aos 12 meses

Babyoga 1-9 meses MP


100 OCEANÁRIO DE LISBOA

Dormindo com os Tubarões Maiores de 4 anos E / PG / MP

Fado Miudinho Até aos 4 anos DOM: 9H

Concerto para Bebés Até aos 3 anos SÁB: 9H PG / MP

Visitas guiadas à exposição permanente Maiores de 4 anos E / PG

Visitas guiadas à exposição Florestas Submersas by Takashi Amano Maiores de 4 anos E / PG

PADRÃO DOS DESCOBRIMENTOS

O médico do mar, Os segredos do mar, O Grande Jogo dos descobrimentos, Puzzle fantástico, Entre fronteiras, Vou de viagem, o que levo na bagagem, Herbarium, Cruzando mares e oceanos Ateliês MP

A Primeira visita, Visita encenada e Um Monumento singular Visitas E / MP

PALÁCIO DA INDEPENDÊNCIA

Visitas Guiadas SEG A SEX MP

PANTEÃO NACIONAL

Era uma vez uma Igreja e uma Princesa Visita com atividade 4-6 anos

Contos no Panteão – Uma História de Mar Visita com atividade 4-10 anos

Peddy-Paper - Uma Aventura no Panteão Visita com atividade 5-12 anos

Joga e descobre o Panteão

Visita-jogo 7-12 anos TER A DOM: 10H-17H30 E / PG / MP

PENTÁCULO EXPO – ACADEMIA DE ESTUDOS

Atividades lúdicas e culturais com visitas a museus e castelos MP

A PISCINA DOS BEBÉS

Natação, Hidroterapia MP

PISCINA DO ORIENTE

Judo

VÁRIOS HORÁRIOS direcao@nunodelgado.net POLIVALENTE DE SANTA CATARINA

Futsal

6-12 anos TER E QUI: 18H30-20H RELICÁRIO DE SONS

Childfullness 0-10 anos SÁB 914 692 999

RUÍNAS E MUSEU ARQUEOLÓGICO DO CARMO

No Dia em que a Terra Tremeu, Rei por um Dia, Os Guardiões da Memória, Idade Média, Liberdade!, Arquitetar no MAC, Esculturas de Pedra e Ar, Múmias, Faraós e outros Amigos Assustadores!, Los Precolombinos, Quem tem Boca vai a Roma!, O Colecionador de Maravilhas, Há Mistérios no Carmo, O Estranho Caso do Misterioso Mestre, Spy Story no Museu, Qual é qual?, Com as Mãos na Arqueologia, Os Grandes Mistérios da Arqueologia, EscavaAção

SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE LISBOA (ARQUIVO HISTÓRICO)

D. Leonor, a Princesa Perfeitíssima

Teatro de marionetas e visita 3-12 anos SEG A SEX: 10H-12H30, 14H-17H30 E / EG / MP / PG

Letras habitadas

Visita com oficina 6-10 anos SEG A SEX: 10H-12H30, 14H-17H30 E / EG / MP/ PG

À Descoberta do Arquivo

Visita-jogo 6-10 anos SEG A DOM: 10H-12H30, 14H-17H30 E / MP / EG / PG

SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE LISBOA (BIBLIOTECA)

Perlim Pim Pim os Livros São Assim…

Sessão de leitura com atividade 3-5 anos SEG: 14H-18H, TER A SEX: 10H-12H30, 14H-17H30 E / MP / EG / PG

Ser Bibliotecário por um dia

THE LITTLE GYM

Ginástica para Bebés e Crianças 4 meses-12 anos VÁRIOS HORÁRIOS MP

TORRE DE BELÉM

Há Piratas Na Torre!, A viagem de Nuno Tristão, Armas e Brasões, À Descoberta de Novos Mundos, Vem Conhecer a Torre Visitas guiadas e oficinas pedagógicas 3-12 anos TER A SEX E / MP

VOZES EM CONSERTO

Estúdio de talentos

Canto, Dança, Ritmo, Expressão Dramática e Corporal 6-16 anos QUI: 18H-20H ZEN KIDS

Meditação e Mindfulness para Crianças

5-10 anos QUA: 18H30-19H30 11-15 anos TER: 18H30-19H30 projetozenkids@gmail.com

Visita guiada temática com atividades 12-18 anos SEG: 14H-18H, TER A SEX: 10H-12H30, 14H-17H30 E / MP / EG / PG

SEDIMENTO – CERAMICS STUDIO

Atelier de cerâmica Maiores de 8 anos QUA: 17H-18H30

SOU – MOVIMENTO E ARTE

Dança Criativa Com Marta Silva 3-15 anos SEG STAGE 81

Hip-Hop

6-12 anos QUA, SEX: 18H30-19H15

Ballet

5-7 anos TER, QUI: 18H-18H30 8-12 TER, QUI: 18H30-19H15

Glee Dance

8-14 anos QUA: 18H45-19H30

E ESCOLAS EG ENTRADA GRATUITA MP MARCAÇÃO PRÉVIA PG PÚBLICO GERAL SD SESSÃO DESCONTRAÍDA

> Contactos pág 101


> CONTACTOS A

Abysmo Galeria R. da Horta Seca, 40 r/c; www.abysmo.pt • Academia de Amadores de Música R. Nova da Trindade 18D; 213 425 022; www.academiaam. com • Academia de Artes e Tecnologias R. Silva e Albuquerque, 9, 3ºdto; 922 025 297 • Academia das Ciências de Lisboa R. da Academia das Ciências, 19; 213 219 730; www.acad-ciencias.pt • Academia Life Club R. de Cintura do Porto de Santos, Armazém J; 213 934 020; www.jazzylifeclub.pt • Academia do Lumiar Lg. Júlio Castilho, 3; 217 524 263; www.academialumiar.org • Academia de Música em Lisboa R. Rodrigues Sampaio, 170, 4º; 968 982 158; academiademusica. blogs.sapo.pt • Academia de Música da Graça Tv. S. Vicente, 15, 1º dt; 917 687 025; academia-de-musica2010.blogspot.pt • Academia de Música de Telheiras R. Armindo Rodrigues, 11C; 217 524 795; www.academiamusicatelheiras. com • Academia Nacional de Música Carlos Seixas Av. EUA 100, 1º; 917 807 602; artonus.pt/academia-nacional-musica-carlos-seixas • Academia Novas Letras Av. Maria Helena Vieira da Silva, 42A; 217 541 015; www.novasletras.com • Academia Talentos à Vista R. Álvaro Benamor, lt 8, lj 8A; 913 619 021 • ACT Escola de Actores LxFactory, R. Rodrigues Faria 103, Edif. 1-0.2; 213 010 168; www.act-escoladeactores.com • Aikido - Dojo da Luz R. Cláudio Nunes 59A; 913 624 103; www.aikido-duran.com • Alecrim 50 R. do Alecrim, 48-50; 213 465 258; www.alecrim50.pt • Alunos de Apolo, Escola de Dança R. Silva Carvalho, 225; 213 885 366; www.alunosdeapolo.com • Apaixonarte R. Poiais de S. Bento 57; 213 904 333; www.apaixonarte.com • APCC - Associação Para a Promoção Cultural da Criança R. dos Lagares de El-Rei, 21A, 1º esq; 218 429 730; www.apcc.org. pt • Appleton Square R. Acácio de Paiva 27; 210 993 660; www.appletonsquare. pt • Aqueduto das Águas Livres Cç. da Quintinha, 6; 218 100 215; www.epal.pt • Ar.Co - Centro de Arte & Comunicação Visual Antigo Mercado de Xabregas, R. Gualdim Pais; 218 801 010; www.arco.pt • Armazém Aério Teatro D. Luiz Filipe, Lg. da Luz; 211 536 034; www.armazemaerio.com • Arquivo Histórico da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa Lg. Trindade Coelho; 213 235 000; www.scml. pt • Arquivo Municipal de Lisboa - Fotográfico R. da Palma, 246; 218 844 060; arquivomunicipal.cm-lisboa.pt • Arquivo Municipal de Lisboa - Videoteca Lg. do Calvário, 2; 218 170 433; videoteca.cm-lisboa.pt • Arquivo Nacional da Torre do Tombo Al. da Universidade; 210 037 100; antt.dglab.gov.pt • Arta - Taberna das Almas Regueirão dos Anjos, 68; 963 023 435; mestresdoregueirao.pt • Arte Graça R. da Graça, 27-29; 965 858 009 • Arte Ilimitada Cç. da Estrela 128 - Anexo A; 213 954 401; www.arteilimitada.com • A Arte da Terra R. Augusta Rosa 40; 212 745 975; www.aartedaterra.pt • Arte pel’Arte R. Rodrigues Sampaio, 76, 1º; 917 937 703; www.facebook.com/artepelarte • Artes de São Bento R. de S. Bento, 69/71 • Art!ist – Academia de Dança, Teatro & Performance R. da Manutenção, 45; 218 689 416; www.artist-ac.com • ArtKids R. Pinheiro Chagas 8 r/c; 912 341 222; www.facebook.com/artkids.pt • Artlier R. Gervásio Lobato 47B; 939 067 111; www.cursos-artlier.com • Arts2Science R. Jorge Colaço 17B; 918 880 375; www.arts2science.com • Artyaplausos Urb. da Ameixoeira, R. Varela Silva, Lt. 12, 13A; 918 945 333; www.facebook.com/Artyaplausos • Assembleia da República Palácio de São Bento; 213 919 000; www.parlamento.pt • Associação ADN Av. Gomes Pereira 11; 963 061 995; www.adn-lx.com • Associação de Artesãos da Região de Lisboa R. de Entrecampos, 66; 217 962 497; www.aarl.pt • Associação Cristã da Mocidade de Lisboa R. de S. Bento 329; 213 845 380; www.acmdelisboa.com • Associação Desportiva e Cultural da Encarnação e Olivais - ADCEO R. Quinta de Santa Maria, 17; 218 510 203; www.adceo.pt • Associação Faca e Alguidar R. Dr. Júlio Dantas 4, lj. C; www.facebook.com/ oficinadeesculturaegravura • Associação Gaita-de-foles 938 118 192; www. gaitadefoles.net • Associação Goela R. dos Baldaques 47; associacaogoela. blogspot.com • Associação Musical Lisboa Cantat 934 004 004; www. facebook.com/AMLisboaCantat • Associação Portuguesa dos Amigos dos Castelos R. Barros Queirós, 20, 2º; 218 885 381; www.amigosdoscastelos.org. pt • Associação Renovar a Mouraria Beco do Rosendo, 8; 218 885 203; www. renovaramouraria.pt • Associação de Residentes de Telheiras R. Prof. Mário Chicó, 5; 217 568 103; artelheiras.wordpress.com • Associação Subud R. do Centro Cultural, 27; 969 640 100; biodanza-davida.webnode.pt • Ateliê Cá R. da Páscoa, 12 r/c dto; 211 561 348; www.facebook.com/AtelieCa • Atelier Cabine R. Palmira, lj. 36; 916 579 045; facebook.com/ateliercabine • Atelier Faca e Alguidar R. Dr. Júlio Dantas 4C, lj. C; www.facebook.com/oficinadeesculturaegravura • Atelier Fernando Sarmento R. Feio Terenas; 967 307 624 • Atelier de Lisboa Av. de Berna, 31, 2ºdto; www.atelierdelisboa.pt • Atelier-Museu Júlio Pomar R. do Vale, 7; 215 880 793; www.ateliermuseujuliopomar.pt • Atelier Musical e Artístico do Areeiro Av. Almirante Reis 256, 1ºE; 968 467 413; www. ateliermusicalartisticoareeiro.pt • Atelier do Paço R. da Mouraria 64, 4º; 962 457 850; cursolisboa.wix.com/atelierdopaco • Atelier Pasta de Papel Pç. Rainha Santa 6E; 913 841 180 • Atelier de São Bento R. da Quintinha 15, cave dta; 965 769 007; atelierdesaobento.blogspot.pt • Auditório Carlos Paredes Av. Gomes Pereira 17; 217 123 000; www.jf-benfica.pt • Auditório Fernando Pessa Espaço Municipal da Flamenga, R. Ferreira de Castro; 218 172 343 • Auditório Pedro

Arrupe Passeio dos Heróis do Mar, Parque das Nações Norte; www.culturalkids. com.pt/auditorio-pedro-arrupe • Aula Magna Al. da Universidade; 210 113 448

B Bairro ao Espelho R. da Guiné, 2, r/c dto; 966 816 785; www. bairroaoespelho.com • Balcony R. Coronel Bento Roma 12A; www.balcony.pt • Baobá Livraria R. Tomás da Anunciação 26B; 211 928 317; www.facebook. com/baobalivraria • Basílica dos Mártires R. Garrett (ao Chiado); 213 462 465 • Biblioteca de Belém R. da Junqueira, 295; 213 616 620 • Biblioteca Nacional de Portugal Cp. Grande 83; 217 982 000; www.bnportugal.pt • Biblioteca Orlando Ribeiro Antigo Solar da Nora, Est. de Telheiras, 146; 218 172 660; blx.cmlisboa.pt • Biblioteca da Penha de França R. Francisco Pedro Curado, 6A; 218 172 410; blx.cm-lisboa.pt • O Bom o Mau o Vilão R. do Alecrim, 21; 964 531 423; thegoodthebadandtheuglybar.com • Boutique da Cultura Lg. das Pimenteiras 6; 926 830 272; www.facebook.com/boutiquedacultura • Buédalouco Pharmácia de Cultura R. do Norte, 60; 933 479 161 C Caixa Geral de Depósitos - Sede Av. João XXI 63; 218 456 789 • Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa R. das Portas de Santo Antão 89; 213 224 050; www.ccip.pt • Caravela Vera Cruz Gare Marítima da Rocha do Conde D’Óbidos, R. General Gomes Araújo 1; 218 876 854; www.aporvela.pt • Carlos Carvalho Arte Contemporânea R. Joly Braga Santos, Lt. F r/c; 217 261 831; www. carloscarvalho-ac.com • Caroline Pagès Gallery R. Tenente Ferreira Durão 12, 1ºdto; 213 873 376; www.carolinepages.com • Casa da Achada – Centro Mário Dionísio R. da Achada, 11, r/c; 218 877 090; www.centromariodionisio.org • Casa do Alentejo R. das Portas de Sto. Antão, 58; 213 405 140; www.casadoalentejo.com.pt • Casa da América Latina e UCCLA Casa das Galeotas, Av. da Índia 110; 218 172 490; www.casamericalatina.pt • Casa do Artista Est. da Pontinha, 7; 217 110 890; www.casadoartista.net • Casa-Atelier Vieira da Silva Alto de S. Francisco, 3; 213 880 044; www.fasvs.pt/casa-atelier • Casa do Brasil R. Luz Soriano 42; 213 400 000 • Casa da Comarca de Arganil R. da Fé, 23; 218 851 896 • Casa da Comarca da Sertã R. da Madalena, 171, 3º; 218 872 154; casacomarcaserta.webnode.com • Casa dos Direitos Socias R. Ferreira de Castro; 217 988 000; http://lisboasolidaria. cm-lisboa.pt • Casa Estrela do Mar Estrada Poço do Chão, Lt 7, Lj A; 214 083 125; www.casaestreladomar.pt • Casa Fernando Pessoa R. Coelho da Rocha, 16; 213 913 270; casafernandopessoa.cm-lisboa.pt • Casa de Giz R. Prior do Crato, 41/43; 216 013 994 • Casa da Imprensa R. da Horta Seca, 20; 213 420 277/8 • Casa de Lafões R. da Madalena, 199; 218 872 065; www.facebook.com/casadelafoes • Casa da Liberdade - Mário Cesariny R. das Escolas Gerais 13; 912 521 450; www. pervegaleria.eu • Casa de Macau Av. Almirante Gago Coutinho, 142; 218 495 342; www.casademacau.pt • Casa dos Mundos R. Nova da Piedade 66; 211 308 480 • Casa-Museu Amália Rodrigues R. de S. Bento, 193; 213 971 896 • CasaMuseu Dr. Anastácio Gonçalves Av. 5 de Outubro, 6; 213 540 823; blogdacmag. blogspot.pt • Casa-Museu Medeiros e Almeida R. Rosa Araújo, 41; 213 547 892; www.casa-museumedeirosealmeida.pt • Casa Nic e Inês R. José Estevão 19B; 963 731 318; casaniceines.blogspot.pt • Casa de Trás-os-Montes e Alto Douro Campo Pequeno, 50, 3.º esq; 217 939 311; ctmad.pt • Casino de Lisboa Al. dos Oceanos; 218 929 000; www.casinolisboa.pt • Castelo de S. Jorge 218 800 620; www.castelodesaojorge.pt • Casual Lounge Caffé R. Bartolomeu Dias, 148B; 213 019 024; www.facebook.com/casuallounge • Caulino Ceramics R. de S. Mamede ao Caldas, 28; 917 296 439; caulinoceramics.com • CCD - Centro de Cultura e Desporto dos Trabalhadores da Autoridade Tributária e Aduaneira Av. João XXI 76; 217 610 075; www.ccd-tat-lx.org • CCL - Creative Learning Centre Av. da República 41, 6ºesq; 217 957 083; www.clc-creative.pt • c.e.m – centro em movimento R. dos Fanqueiros, 150, 1º; 218 871 763; www.c-e-m.org • Centro de Arqueologia de Lisboa Av. da Índia, 166; 218 172 180 • Centro Científico e Cultural de Macau R. da Junqueira, 30; 213 617 796; www.cccm. mctes.pt • Centro Colombo Av. da Lusíada; 217 113 600; www.colombo.pt • Centro Comunitário da Estrela R. da Esperança, 51; 936 258 619 • Centro Cultural Arte Pura R. do Loreto, 42; 927 924 763 • Centro Cultural de Belém Pç. do Império; 213 612 400; www.ccb.pt • Centro Cultural de Carnide R. Rio Cavado, 3, B.º Padre Cruz; 931 462 210; www.jf-carnide.pt • Centro Cultural Casapiano R. dos Jerónimos, 7 A; 213 614 090; www.casapia.pt • Centro Cultural Franciscano Lg. da Luz, 11; 917 737 409 • Centro Cultural Padre Carlos Alberto Guimarães R. Lagares de El-Rei 4; 218 454 458 • Centro de Documentação do Edifício Central do Município Campo Grande, 25, 1º F; 217 989 637; www.cm-lisboa.pt • Centro Europeu de Línguas www.cel.pt • Centro de Formação Artística Tv. de São Vicente, 11; 21 353 09 31; www.eira.pt • Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa Av. do Brasil, 53; 217 917 000 • Centro de Inovação da Mouraria Tv. dos Lagares 1; 218 170 202; www.cm-lisboa.pt/centro-de-inovacao-da-mourariamouraria-creative-hub • Centro InterculturaCidade Tv. do Convento de Jesus, 16 A; 21 820 7657; interculturacidade.wordpress.com • Centro Ismaili Av. Lusíada, 1 • Centro Nacional de Cultura R. António Maria Cardoso, 68; 213 466 722; www. cnc.pt • Centro Português de Serigrafia - Centro Cultural de Belém Loja 7; 213 162 175; www.cps.pt • Centro de Recreio Popular do Bairro Cç. dos Mestres, R. 7; 966 037 222 • Cerâmica do Bairro Alto R. Diário de Notícias, 24; 919 492 318 • Chamote Fino Cç. da Quintinha, 17A; 969 578 860; chamotefino.wordpress. com • Chapitô Costa do Castelo, 1/7; 218 855 550; www.chapito.org • Cineclube

101


102

> CONTACTOS Cine-Reactor 24i R. Latino Coelho, 87; 926 536 179; www.cine-reactor24i.com • Cinema City Classic Alvalade Av. de Roma, 100; 218 413 040; www.cinemacity. pt • Cinema Ideal R. do Loreto, 15/17; 210 998 295 • Cinema São Jorge Av. da Liberdade, 175; 213 103 402; cinemasaojorge.pt • Cinemateca R. Barata Salgueiro 39; 213 596 200; www.cinemateca.pt • Cinemateca Júnior Palácio Foz, Pç. dos Restauradores; 213 462 157; www.cinemateca.pt/cinemateca-junior.aspx • Cine Theatro Gymnásio R. da Misericórdia, 14; 213 430 184 • Clave e Som, Escola de Música Lg. Santa Bárbara, 3B; 213 150 886; www.claveesom.com • Clube Estefânia R. Alexandre Braga, 24A; 213 542 318 • CMS Espaço Terrapuriano www.centrodemeditacaosolaris.com • CNAP - Clube Nacional de Artes Plásticas R. Prof. Francisco Gentil 8 D/E; 927 550 559; cnap.pt • Colégio LusoSuíço R. de Santo Amaro, 18; 213 906 979; www.colegiolusosuico.com • Coliseu dos Recreios R. das Portas de Santo Antão, 96; 213 240 585; www.coliseulisboa. com • Companhia Olga Roriz R. de Santa Apolónia, 12; 218 872 383; www.olgaroriz. com • Complexo Desportivo Alto do Lumiar (Campo de Futebol) Junto à Av. Santos e Castro, lt. 2; 218 170 137 • Complexo Desportivo do Boavista (Pavilhão e Piscina) R. das Azáleas; 218 170 053 • Complexo Desportivo do Casal Vistoso (Pavilhão e Piscina) R. João Silva; 218 170 107 • Comuna Teatro de Pesquisa Pç. de Espanha; 217 221 770; www.comunateatropesquisa.pt • Comunidade Hindu de Portugal Al. Mahatma Gandhi; 217 576 524; www.comunidadehindu.org • Confiquatro – Desportos Naúticos R. José Dias Coelho, 36B; 213 627 984; www. confiquatro.pt • Contraprova R. do Garrido 62; contraprova-gravura.blogspot. pt • Convento do Beato R. do Beato, 48; 210 109 923; conventodobeato.pai. pt • Convento do Bom Sucesso R. Bartolomeu Dias 53-59 • Convento dos Cardaes R. de O Século, 123; 213 427 525; www.conventodoscardaes.pt • Convento de São Pedro de Alcântara R. Luísa Todi, 1; 213 243 930; www.scml.pt • Convento das Trinas do Mocambo R. das Trinas, 49; 210 943 283; www.hidrografico.pt • Convento da Trindade R. Nova da Trindade 20; 210 993 045 • Corbel - Tudo Para Belas Artes R. das Gáveas 9; 213 478 009; www.corbelartes.com • Cordoaria Nacional Av. da Índia; 213 637 635 • CPAS - Centro Português de Actividades Subaquáticas R. Alto do Duque, 45; 213 016 961; www.cpas.pt • Cristina Guerra Contemporary Art R. Santo António à Estrela 33; 213 959 559; www.cristinaguerra.com • Cultura Santa Casa Dir. de Cultura da SCML, R. Luísa Todi 1; 213 240 869; www.scml.pt • Culturgest R. Arco do Cego 50, Piso 1; 217 905 155; www.culturgest.pt

D Dança Livre - Escola de Dança R. Marquês da Fronteira, 76; 213 894 190; www.dancalivre.com • Dançarte R. Prof. Simões Raposo, 8 A; 217 147 244; www. dancarte.pt • Dança do Saber R. Barão de Sabrosa, 161 A; 215 932 074; www. dancadosaber.pt • Dançattitude Tv. Escola Araújo, 3 A; 965 127 123; www. dancattitude.com • Dance Factory Studios R. Soares dos Reis, 11A; 210 169 043; www.dancefactory.com.pt • Dance Spot R. Fernando Vaz, 10B; 214 003 877; www.palcoplural.com • Darc/Desterro Calç. do Desterro, 7; dar.pt • Deleme EspaçoArte - Janelas Av. Miguel Bombarda 102; 213 931 690; www.deleme. pt • Departamento de Proteção Civil R. Cardeal Saraiva; 217 825 240 • De Pura Cepa - Escuela de Tango Tv. da Escola Araújo , 3A; 965 127 123 • Direção Municipal de Cultura R. do Machadinho, 20; 218 170 900 • Divisão de Gestão Cemiterial R. do Rio Zêzere; 218 172 375 E Edge Arts - Arte Contemporânea Espaço Amoreiras, Centro Empresarial, R. D. João V, 24, 1.01; 213 600 071; www.edge-arts.org • Edifício Central do Município Campo Grande 25; 217 988 000 • EDSAE - Escola de Danças Sociais e Artes do Espetáculo R. Silva Carvalho 2; 213 943 530; www.edsae. com • EKA [Palace] Cç. de D. Gastão 12, porta 8; 969 300 402 • Embaixada - Portuguese Shopping Gallery Pç. do Príncipe Real 26; 965 309 154; www. facebook.com/Embaixada • Enigma Lisbon R. do Crucifixo, 86, 4º esq; 211 358 975; www.enigmalisbon.com • Ermida Nossa Srª da Conceição Trav. do Marta Pinto, 21; 213 637 700; www.ermidabelem.com • Escola de Actores Ilha D’Arte R. Antero de Quental, 18 c/v; 936 411 313; www.escoladeactoresilhadarte.com • Escola de Artes e Ofícios do CCD-AT Av. João XXI 76; 217 610 075; www.ccd-tat. lx.org • Escola Básica Pedro de Santarém Est. de Benfica 535; 217 160 684 • Escola de Belas-Artes Pedro Serrenho R. Campo de Ourique, 61; 218 063 436; escoladeartespedroserrenho.blogspot.pt • Escola de Dança Ana Köhler R. Luís Pastor de Macedo, 37A; 217 150 738; www.edak.pt • Escola de Dança Projeto Latino Havana e Hawaii, Doca de Santo Amaro, Armazém 1; 917 860 556 • Escola de Dança Raquel Oliveira R. dos Anjos; www.raquel-oliveira.com/escoladedanca • Escola de Jardinagem e Calceteiros Av. Dr. Francisco Luís Gomes, Quinta Conde dos Arcos; 218 550 690 • Escola Secundária Pedro Nunes Av. Álvares Cabral; 213 940 090; www.espn.edu.pt • Escola Superior de Artes Decorativas da Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva R. das Taipas 1; 218 814 653; www.fress.pt • Escola Superior de Educação de Lisboa Estr. do Calhariz de Benfica; 217 115 500; www.eselx.ipl.pt • Escrever Escrever R. do Alecrim 47 - 4ºA; 911 197 797; www.escreverescrever.com • Espaço 9 R. Coronel Luna de Oliveira, 9;

espaco9.weebly.com • Espaço Alcântara Stock - Loja Social de Alcântara R. Gil Vicente 57A; 932 333 170 • Espaço Amoreiras R. D. João V, 24, 1.01; 213 600 071; www.edge-arts.org • Espaço Cultural das Mercês R. Cecílio de Sousa 94; 961 391 916 • Espaço Dança Palmira Camargo R. Vítor Hugo 4C; 934 531 025; www.palmira.camargo.com • Espaço Eira 33 R. Camilo Castelo Branco, 33, 1º; 213 530 931; eira33.blogspot.com • Espaço Espelho d’Água Av. Brasília 210; 213 010 510; espacoespelhodeagua.com • Espaço INATEL Mouraria R. da Mouraria, 64, 4º; 210 027 150; www.inatel.pt • Espaço Lua Cheia R. de Barcelona 128, c/v, Bairro Padre Cruz; 211 548 979; www.luacheia.pt • Espaço Monsanto Estr. do Barcal, Monte das Perdizes; 218 170 200 • Espaço Nimas Av. 5 de Outubro 42B; 213 574 362 • Espaço Pessoa e Companhia Cç. de Santana, 177 • Espaço PT R. Andrade Corvo 6 • Espaço Santa Catarina Lg. Dr. António de Sousa Macedo, 7; 211 339 837; www.facebook.com/espacosantacatarina • Espassus 3G R. dos Táxis Palhinha; 931 462 215 • Estação Elevatória a Vapor dos Barbadinhos R. do Alviela, 12; 218 100 263; www.epal.pt • Estádio José de Alvalade R. Prof. Fernando da Fonseca; 217 516 000 • Estádio do Sport Lisboa e Benfica Av. General Norton de Matos; 217 219 500; www.slbenfica.pt • Estádio Universitário de Lisboa Av. Prof. Egas Moniz; 210 493 418; www.estadio.ulisboa.pt • Estúdio ACCCA Edif. Interpress, R. Luz Soriano, 67, 1º; 967 031 110 • Estúdio Time Out - Mercado da Ribeira Av. 24 de Julho 49; 213 951 274; www.timeoutmarket.com • Estúdio Vanda Melo Pç. Olegário Mariano, 5, 2ºdt; 932 015 610 • Estúdio Zen R. Prof. Damião Peres 256; 915 889 205; www.estudiozen.net • Estufa Fria Parque Eduardo VII; 218 170 996 • Evoé - Escola de Actores R. das Canastras, 36/40; 218 880 838; www.evoe.pt

F 40 Camels R. da Senhora do Monte 34, 3ºA; 214 059 311; www.40camels. com • Fábrica Braço de Prata R. da Fábrica de Material de Guerra, 1; 925 864 579; www.bracodeprata.com • Fábrica Lince R. do Açúcar, Armazém 8; 915 286 975; cervejalince.pt • Fabula Urbis R. de Augusto Rosa 27; 218 885 032; www. fabula-urbis.pt • Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa Lg. da Academia Nacional de Belas-Artes; 213 252 100; www.fba.ul.pt • Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa Av. de Berna 26C; 217 908 300; www.fcsh.unl.pt • Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa Al. da Universidade; 217 960 063 • FNAC Colombo Av. Lusíada, Centro Comercial Colombo, lj. A - 103; 707 313 435; www.fnac.pt • Forum Dança Tv. do Calado, 26 B; 213 428 985; www.forumdanca.pt • Fórum Lisboa Av. de Roma, 14L; 218 170 400 • FullOut Dance Academy R. Almirante Barroso 52A; 213 155 431; fulloutda.weebly.com • Fundação Arpad Szenes-Vieira da Silva Pç. das Amoreiras, 56; 213 841 490; http://fasvs.pt • Fundação Calouste Gulbenkian Av. de Berna, 45A; 217 823 000; www.gulbenkian.pt • Fundação Carmona e Costa R. Soeiro Pereira Gomes 1; 217 930 350 • Fundação das Casas de Fronteira e Alorna Palácio Fronteira, Lg. de S. Domingos de Benfica; 217 784 599; www.fronteira-alorna.pt • Fundação José Saramago Casa dos Bicos, R. dos Bacalhoeiros; 218 802 040; www.josesaramago.org • Fundação Leal Rios R. do Centro Cultural, 17B; 210 998 623; www.lealriosfoundation.com • Fundação LIGA R. do Sítio ao Casalinho da Ajuda; 213 616 910; www.fundacaoliga.pt • Fundação Portuguesa das Comunicações – Museu das Comunicações R. do Instituto Industrial, 16; 213 935 000; www.fpc.pt G Gabinete R. Ruben A. Leitão 2B; 213 461 001; www.gabineteeditions.com • Gabinete de Estudos Olisiponenses Palácio do Beau Séjour, Est. de Benfica, 368; 217 701 100; geo.cm-lisboa.pt • Galeria 111 Cp. Grande, 113; 217 977 418; www.111. pt • Galeria Abraço R. Poço do Borratém, 39; 218 884 310 • Galeria Acervo R. do Machadinho 1; 213 974 325; www.acervo.com.pt • Galeria aPGn2 Av. de Ceuta, lt.7, lj.1; 912 521 450; www.pervegaleria.eu • Galeria Art Lounge R. António Enes 9C; 213 146 500; www.artlounge.com.pt • Galeria Arte Periférica Centro Cultural de Belém, Pç. do Império 3; 213 617 100; www.arteperiferica.pt • Galeria Avenida da Índia Av. da Índia, 170; 215 830 010 • Galeria Baginski R. Capitão Leitão, 51-53; 213 970 719; www.baginski.com.pt • Galeria Bangbang R. Dr. Almeida Amaral, 30B; 213 148 018; www.galeriabangbang.com • Galeria BeloGalsterer R. Castilho, 71, r/c esq; 213 815 914; www.belogalsterer.com • Galeria Beltrão Coelho R. Sarmento Beires 3A; 213 122 807 • Galeria Bessa Pereira R. de S. Bento 426; 935 167 270; www.galeriabessapereira.com • Galeria Diferença R. S. Filipe Nery, 42, c/v; 213 832 193; diferencagaleria.blogspot.pt • Galeria de Exposições Temporárias da SCML Lg. Trindade Coelho; 213 235 000; www.scml.pt • Galeria Filomena Soares R. da Manutenção 80; 218 624 122; www.gfilomenasoares.com • Galeria Francisco Fino R. Capitão Leitão 76; 215 842 211; www.franciscofino.com • Galeria Foco R. da Alegria 34; 213 425 383; www.focolisboa.com • Galeria Graça Brandão R. dos Caetanos 26A; 213 469 183; www.galeriagracabrandao.com • Galeria João Esteves de Oliveira R. Ivens, 38; 213 259 940 • Galeria La Canopée R. Bernardim Ribeiro 43; 935 170 922; www. castelodif.com/la-canopeacutee.html • Galeria Madragoa R. do Machadinho 45; 213 901 699; www.galeriamadragoa.pt • Galeria Maria Lucília Cruz R. das Salgadeiras, 22; 213 421 135 • Galeria Millennium R. Augusta, 96; facebook. com/fundacaomillennium • Galeria Monumental Campo dos Mártires da Pátria, 101; 213 533 8 48 • Galeria Municipal Pavilhão Branco Cp. Grande, 245; 215 891 259; www.egeac.pt • Galeria Municipal Torreão Nascente da Cordoaria Av. da Índia; 215 830 010 • Galeria do Museu da Carris R. 1º de Maio, 101-103; 213 613


> CONTACTOS 087; museu.carris.pt • Galeria Pedro Cera R. do Patrocínio 67E; 218 162 032; www.pedrocera.com • Galeria Quadrado Azul R. Reinaldo Ferreira 20A; 213 476 280; www.quadradoazul.pt • Galeria Quadrum R. Alberto Oliveira, Palácio dos Coruchéus, 52; 215 830 010; www.facebook.com/galeriasmunicipaislisboa • Galeria Ratton R. Academia das Ciências 2C; 213 460 948; www.galeriaratton.blogspot.com • Galeria Raúl Solnado Casa do Artista, Est. da Pontinha 7; 217 110 890; www. casadoartista.net • Galeria Reverso R. da Esperança, 59/61; 213 951 407; www. galeriareverso.com • Galeria das Salgadeiras R. da Atalaia 12 a 16; 213 460 881; www.salgadeiras.com • Galeria de S. Bento R. de S. Bento 25-35; 914 864 623 • Galeria de São Mamede R. da Escola Politécnica 167; 213 973 255; www. saomamede.com • Galeria 36 R. S. Filipe Néri 36; 918 972 966; www.artelinguas. com • Galeria Tapeçarias de Portalegre R. da Academia das Ciências, 2J; 213 421 481; www.mtportalegre.pt • Galeria Tereza Seabra R. da Rosa 158; 963 731 318; www.terezaseabra.com • Galeria Underdogs R. Fernando Palha, Armazém 56; 218 680 462; www.under-dogs.net • Galeria Valbom Av. Conde Valbom, 89A; 217 801 110; www.galeriavalbom.com • Galeria Vale Formoso R. Fernando Farinha 18A; 218 597 246; www.galeriadeartevaleformoso.com • Galeria Vera Cortês R. João Saraiva 16, 1º; 213 950 177; www.veracortes.com • Galeria Zé dos Bois R. da Barroca, 59; 213 430 205; www.zedosbois.org • Gare Marítima de Alcântara Estação Marítima de Alcântara, Ed. Infante; 213 969 551 • Gato que Ladra R. Prof. Sousa da Câmara, 156; 968 382 245; www.gatoqueladra.com • Giefarte R. da Arrábida 54; 213 857 731; www.giefarte.pt • Ginásio Beija-Flor R. Severo Portela Lt. C1, Piso 0; 913 276 159; www.adccbf.com • Ginásio Clube Português Pç. Ginásio Clube Português, 1; 213 841 580; www.gcp.pt • Ginásio Pombalino R. dos Correeiros, 184-1º; 939 831 643 • Goethe-Institut Cp. Mártires da Pátria, 37; 218 824 510; www.goethe.delisboa • Grupo Amigos de Lisboa R. Portugal Durão, 58ª; 217 800 156; www.amigosdelisboa.com • Grupo Dramático Ramiro José R. João Villaret 11; 217 973 856; gdramirojose.blogspot.pt • Gymboree Azinhaga da Torre do Fato, 19B, lj. 1; 910 277 128; www.gymboree.pt

H Hangar - Centro de Investigação Artística R. Damasceno Monteiro 12; 218 871 481; hangar.com.pt • Happy Code R. Tenente Ferreira Durão 39A; wwww. happycode.pt • Helen Doron Early English Learning Center Av. Álvaro Cunhal 1B; 217 551 870 • Hélice R. Damasceno Monteiro 12; 967 209 639; www.helice. pt • Hipódromo do Campo Grande Cp. Grande; 217 817 410 • Hospital Miguel Bombarda R. Dr. Almeida Amaral • Hospital de São José R. José António Serrano; www.chlc.min-saude.pt • Hotel Le Consulat Pç. Luís de Camões 22; 919 932 262; www.leconsulat.pt I Igreja Protestante Inglesa (St. George’s) R. de S. Jorge 6 • Igreja de Santo António de Campolide Tv. Estevão Pinto; 213 850 477 • Igreja de São Vicente de Fora Lg. de S. Vicente; 218 824 400 • Ilnova - Instituto de Línguas da Universidade Nova de Lisboa Av. de Berna, 26; 217 908 382; ilnova.fcsh.unl.pt • Imagerie - Casa das Imagens R. 2 da Matinha, lt. A, 5ºD; 916 199 408; www. imagerieonline.com • Imprensa Nacional - Casa da Moeda Av. de António José de Almeida 42; 217 810 700; www.incm.pt • In Impetus R. de Campolide, 27A; 213 157 815; www.inimpetus.org • Instituto de Artes e Ofícios R. Particular à R. Saraiva de Carvalho, 207; 213 964 502; www.iao.ual.pt • Instituto Cultural Romeno R. Barão 10/08; 213 537 060; www.icr.ro/lisboa • Instituto de Formação, Investigação e Criação Teatral R. Santiago 19; 214 032 483; www.ifict.pt • Instituto Português do Desporto e Juventude R. de Moscavide 71; 218 920 800; www.ipdj.pt • Instituto Português de Fotografia R. Ilha Terceira 31; 213 147 305; www.ipf.pt • Instituto Superior Técnico Av. Rovisco Pais 1; 218 417 000; tecnico.ulisboa.pt J Jardim Botânico da Ajuda Cç. da Ajuda; 213 622 503; www. jardimbotanicodaajuda.com • Jardim Botânico Tropical Lg. dos Jerónimos; 213 609 660; www.iict.pt • Jardim Zoológico de Lisboa Pç. Marechal Humberto Delgado; 217 232 900; www.zoo.pt • Jazzy Dance Studios R. da Cintura do Porto a Santos, Armazém J; 213 950 763; www.jazzy.pt • Just4Teens Azinhaga dos Barros, 27, lj. 1; 218 003 949; www.just4teens.pt k KINO-DOC R. da Bempostinha 27A • Kunsthalle Lissabon R. José Sobral Cid, 9E; 912 045 650; www.kunsthalle-lissabon.org L Labirinto Lisboa R. do Instituto Industrial, 6-10; 213 900 365; www. labirintolisboa.com • Largo Residências Lg. do Intendente 19; 218 885 420; www.largoresidencias.com • Lavadouro Público de Carnide Est. da Correia; 217 121 330 • Leap – Espaço Amoreiras R. D. João V, nº 24, piso -1, 1.03; 210 415 920 • Lisboa Autêntica 913 221 790; lisboaautentica.com • Lisboa Ginásio Clube R. dos Anjos, 63; 213 154 002; www.lgc.pt • Lisboa Story Centre Terreiro do Paço, 7881; 211 941 099; www.lisboastorycentre.pt • Lisboa ao Vivo Av. Infante D. Henrique, Armazém 3; 967 089 462 • Lisbon Movie Tour 969 616 063; www.lisbonmovietour

• Lisbon Walker R. do Jardim do Tabaco, 126; 218 861 840; www.lisbonwalker. com • Livraria Barata Av. de Roma 11; 218 428 350; www.livrariabarata.pt • Livraria Bulhosa (Entrecampos) Campo Grande, 10B; 217 994 190; www.bulhosa. pt • Livraria Ler Devagar LxFactory, R. Rodrigues Faria 103; 213 259 992; www. lerdevagar.com • Livraria Móvel Tell a Story 963 171 710 • Livraria Sá da Costa R. Garrett 100; 211 357 623 • Lumiar Cité R. Tomás del Negro 8A; 217 551 570; www. maumaus.org • Lux Frágil Av. Infante D. Henrique, Armazém A, Cais da Pedra a Stª Apolónia; 218 820 890; www.luxfragil.com • Lx Dance - Escola de Dança e Bailado de Lisboa R. João Amaral, Pista de Atletismo Municipal Prof. Moniz Pereira; 961 722 039; www.escolalxdance.com

M MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia Av. de Brasília, Central Tejo; 210 028 190; www.maat.pt • MAC_Movimento Arte Contemporânea R. do Sol ao Rato 9C; 213 850 789; www.movimentoartecontemporanea.com • Maria Matos Teatro Municipal Av. Frei Miguel Contreiras, 52; 218 438 800; www. teatromariamatos.pt • MEF - Movimento de Expressão Fotográfica Palácio de Laguares, R. Prof. Sousa da Câmara 156; 962 527 453; www.mef.pt • MEO Arena Rossio dos Olivais, lt. 2.13.01A; 218 918 409; arena.meo.pt • Mercado 31 de Janeiro R. Eng. Vieira da Silva; 213 501 327 • Mercado do Forno do Tijolo R. Maria da Fonte • Mercado de Santa Clara Campo de Santa Clara • Mestres do Regueirão Regueirão dos Anjos, 68; mestresdoregueirao.pt • Miiso Galeria d’Artes R. de S. Bento 309; 210 993 678; www.miisogaleriadartes.tumblr.com • Minimundo R. Armindo Rodrigues, 7A; 936 969 949; www.minimundo.pt • MOB R. dos Anjos 12 F; moblisboa@gmail.com • Módulo – Centro Difusor de Arte Cç. dos Mestres, 34 A/B; 213 885 570; www.modulo.com.pt • Monitor Lisbon R. D. João V 17A; 913 840 247; www.monitoronline.org • Mosteiro dos Jerónimos Pç. do Império; 213 620 034; www.mosteirojeronimos.pt • Mosteiro de Santos-oNovo Lg. de Santos-o-Novo, Calç. Cruz da Pedra 44; 212 743 173 • Movimento de Educação pela Arte Pólo da Pena da Junta de Freg. de Arroios, R. Saco 1-A; 926 848 392 • MUDE - Museu do Design e da Moda. Coleção Francisco Capelo Torreão Poente, Pç. do Comércio 1, 2º andar (escritórios temporários); 218 171 892; www. mude.pt • Mundo Património LAB R. de Campo de Ourique, 169-171; 217 974 587; www.mundopatrimonio.com • Museu da Água da EPAL – Galeria do Loreto Pç. do Príncipe Real; 218 100 215; www.epal.pt • Museu Arpad Szenes-Vieira da Silva Pç. das Amoreiras, 56; 213 880 044; www.fasvs.pt • Museu Arqueológico do Carmo Lg. do Carmo; 213 478 629; www.museuarqueologicodocarmo. pt • Museu de Arte Popular Av. Brasília; 213 011 675; www.map.imc-ip. pt • Museu de Artes Decorativas Portuguesas da Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva Lg. das Portas do Sol, 2; 218 814 600; www.fress.pt • Museu Benfica Cosme Damião Av. General Norton de Matos; 217 219 500; www. slbenfica.pt/museu • Museu Bordalo Pinheiro Campo Grande, 382; 215 818 540; museubordalopinheiro.cm-lisboa.pt • Museu da Carris R. 1º de Maio 101; 213 613 087; museu.carris.pt • Museu Coleção Berardo Pç. do Império; 213 612 878; www.museuberardo.pt • Museu do Combatente Av. Brasília; 919 903 210; www. facebook.com/museucombatente.oficial • Museu das Crianças Est. de Benfica, 158-160; 213 976 007; www.museudascriancas.eu • Museu do Dinheiro Lg. de S. Julião; 213 213 240; www.museudodinheiro.pt • Museu do Fado Lg. do Chafariz de Dentro, 1; 218 823 470; www.museudofado.pt • Museu da Farmácia R. Marechal Saldanha, 1; 213 400 600; www.museudafarmacia.pt • Museu Geológico - LNEG R. da Academia das Ciências, 19, 2º; 213 463 915; www.lneg.pt/museugeologico • Museu de Lisboa - Casa dos Bicos R. dos Bacalhoeiros, 10; 217 513 200; www. museudelisboa.pt • Museu de Lisboa - Palácio Pimenta Cp. Grande 245; 217 513 200; www.museudelisboa.pt • Museu de Lisboa - Teatro Romano R. de São Mamede, 3A; 218 820 530; www.museudelisboa.pt • Museu da Marioneta Convento das Bernardas, R. da Esperança, 146; 213 942 810; www.museudamarioneta. pt • Museu Militar de Lisboa Lg. do Museu da Artilharia; 218 842 300 • Museu Nacional de Arqueologia Pç. do Império; 213 620 000; www.museuarqueologia. pt • Museu Nacional de Arte Antiga R. das Janelas Verdes; 213 912 800; www. museudearteantiga.pt • Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado R. Serpa Pinto, 4 | R. Capelo, 13; 213 432 148; www.museuartecontemporanea. pt • Museu Nacional do Azulejo R. Madre de Deus 4; 218 100 340; www. museudoazulejo.gov.pt • Museu Nacional dos Coches Pç. da Afonso de Albuquerque; 213 610 850; www.museudoscoches.pt • Museu Nacional de Etnologia Av. Ilha da Madeira; 213 041 160; mnetnologia.wordpress.com • Museu Nacional de História Natural e da Ciência R. da Escola Politécnica 56/58; 213 921 800; www.museus.ulisboa.pt • Museu Nacional do Teatro e da Dança Est. do Lumiar, 10; 217 567 410; www.museudoteatroedanca.pt • Museu Nacional do Traje Lg. Júlio de Castilho; 217 567 620; museudotraje.imc-ip.pt • Museu do Oriente Av. Brasília, Doca de Alcântara; 213 585 200; www.museudooriente. pt • Museu da Presidência da República Palácio de Belém, Pç. Afonso de Albuquerque; 213 614 660; www.museu.presidencia.pt • Museu de São Roque Lg. Trindade Coelho; 213 235 444; www.museudesaoroque.com • Música - Campo de Ourique R. Coronel Ribeiro Viana, 25 cv • Musickbox R. Nova do Carvalho 24; 213 473 188; musicboxlisboa.com • Mute Art Project R. Cecílio de Sousa 20C; 917 920 013; www.muteart.org N NAF - Núcleo de Arte Fotográfica Av. Rovisco Pais 1; 218 417 000; www.

103


104

> CONTACTOS nucleodeartefotografica.pt • NB Academia Trav. do Recolhimento Lázaro Leitão, 1; 218 438 020, www.nbacademia.pt • NH Hotel Campo Grande Cp. Grande 7; 217 917 600; www.nh-hoteles.pt/campogrande • NexGym R. Luís Pastor de Macedo, 1B; 210 366 165; www.nexgym.pt • Núcleo Arqueológico da Rua dos Correeiros R. dos Correeiros, 9; 211 131 004 • Núcleo de Artes e Ofícios Av. João XXI 76; 210 027 154; www.inatel.pt

O Oceanário de Lisboa Esplanada D. Carlos I; 218 917 002; www.oceanario.pt • O’Culto da Ajuda Tv. das Zebras 25/27 (à Cç. da Ajuda); 213 620 382 • Ocupart | Espaço Camões Pç. Luís de Camões 22, 4º; 917 071 693; www.ocupart.pt • Oficina do Cego R. Sabino de Sousa; oficinadocego.blogspot.pt • Oficina Irmãos Marques R. Luz Soriano 71; 213 470 003; www.oficinairmaosmarques.com • Oficina da Pessoa Av. 5 de Outubro, 122, 3º dto; 217 957 393 • Olá mamã R. Fernando Lopes Graça, 12 C; 217 580 301; www.olamama.com • Orienta-te Asian Studies orientate.pt/pt • Ourique’s Villa R. Pereira e Sousa 57 r/c; 960 091 184 P Paços do Concelho Pç. do Município; 213 236 200; www.cm-lisboa. pt • Padaria do Povo R. Luís Derouet, 20A; 213 620 464 • Padrão dos Descobrimentos Av. Brasília; 213 031 950; www.padraodosdescobrimentos.pt • Palacete de São Bento R. da Imprensa à Estrela, 4; 213 923 500 • Palácio Centeno Al. de St. António dos Capuchos 1; 210 113 406 • Palácio Foz Pç. dos Restauradores; 213 221 200; www.gmcs.pt/palaciofoz • Palácio da Independência Lg. de S. Domingos, 11; 213 241 470 • Palácio de Laguares R. Prof. Sousa da Câmara, 156 • Palácio Nacional da Ajuda Lg. da Ajuda; 213 637 095; www.palacioajuda. pt • Palácio Nacional de Belém Pç. Afonso de Albuquerque; 213 614 660; www. presidencia.pt • Palácio Pombal R. de O Século, 79 • Palavra de Viajante R. de S. Bento 34; 213 950 328 • Pando Atelier R. Particular à Manuel Soares Guedes 7B; 211 934 826 • Panteão Nacional Cp. de Santa Clara; 218 854 820 • Papa-Léguas R. Conde de Sabugosa 3F; 218 452 689; www.papa-leguas.com • Parque Florestal de Monsanto - Espaço Monsanto Est. do Barcal, Monte das Perdizes; 218 170 200; lisboaverde.cm-lisboa.pt • Parque das Nações www. parquedasnacoes.pt • Passevite R. Maria da Fonte 54A; 918 753 471; www. passevite.net • Pavilhão da Ajuda Cç. da Tapada; 218 170 143 • Pavilhão Chinês R. D. Pedro V 89; 213 424 729; www.facebook.com/pavilhaochineslisboa • Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva Al. dos Oceanos; 218 917 100; www. pavconhecimento.pt • Pavilhão de Portugal Al. dos Oceanos, Pq. das Nações; 218 918 409 • Pavilhão Preto do Museu de Lisboa Cp. Grande 245; 217 513 200; www.museudelisboa.pt • Pensão Amor R. do Alecrim 19; 928 639 054; www. pensaoamor.pt • Pentáculo - Academia de Estudos Av. Maria Helena Vieira da Silva, 36A e 44A; 217 578 110; www.pentaculo.pt • A Pequena Galeria Av. 24 de Julho 4C; 218 264 081; apequenagaleria.tumblr.com • Perve Galeria R. das Escolas Gerais 17; 218 822 607; www.pervegaleria.eu • Piscina de Alfama 218 170 873 • Piscina da Ameixoeira 218 170 306 • A Piscina dos bebés Ed. Gonçalves Zarco, Doca de Alcântara Norte; 913 171 158; www.apiscinadocas.com • Piscina do Oriente 218 170 124 • Piscina da Penha de França 218 170 103 • Piscina do Rego 218 170 309 • Piscina do Restelo 218 170 309 • Piscina Vale Fundão 218 170 121 • Plataforma Revólver R. da Boavista 84 • Pole Heart Pole Dance, Movement & Fitness Studio R. S. Tomás de Aquino 18D; 969 090 881; www. polehearstudio.com • Polivalente de Santa Catarina Cç. do Combro, 82A • Ponto de Luz Ateliê Lg. de Sto António da Sé, 21; 218 871 136 • Popular Alvalade R. António Patrício 11B; 217 960 216; www.facebook.com/PopularAlvalade • Português Et Cetera R. do Carmo 51, 2ºC; 969 056 067; www.portuguesetcetera. com • Pousada da Juventude do Parque das Nações R. de Moscavide 71; 219 920 890 • Praça de Toiros do Campo Pequeno Centro de Lazer Campo Pequeno, Torreão Sul; 217 998 450; www.campopequeno.com • Primo Canto – Associação Cultural R. da Mouraria, 64, 1º; 966 555 048; primocanto.com.sapo. pt • Pro.Dança - Escola de Dança R. de S. Domingos à Lapa, 8; 213 979 937; www. prodanca.pt • Propositário Azul, Associação Artística R. do Grilo, 104, 4ºesq; 933 288 560 • Pura Cal R. Rodrigues Faria 103, LxFactory, Espaço 0.1D.4; 966 781 511; www.puracal.pt R Reitoria da Universidade Nova de Lisboa Campus de Campolide; 213 715 600; www.unl.pt • Reservatório da Mãe d´Água das Amoreiras Pç. das Amoreiras 10; 218 100 262; www.epal.pt • Reservatório da Patriarcal Pç. do Príncipe Real; 218 100 215 • Rua das Gaivotas 6 R. das Gaivotas 6; 210 962 355; ruadasgaivotas6.pt S Sala d’Aula Av. da República, 41, 6ºE; 217 957 083; www.saladaula.com • Salão Belas Artes R. do Embaixador 126A; 926 253 297; www.salaobelasartes. org • Santa Casa da Misericórdia de Lisboa Lg. Trindade Coelho; 213 235 000; www.scml.pt • São Luiz Teatro Municipal R. António Maria Cardoso, 38; 213 257 640; www.teatrosaoluiz.pt • Sedimento Ceramics Studio Tv. de

Santo Ildefonso 31; 927 144 531; www.sedimento.pt • Sé Patriarcal Lg. da Sé; 218 866 752; www.patriarcado-lisboa.pt • S Espaço R. das Farinhas, 26; 924 368 752 • Sociedade Histórica da Independência de Portugal Palácio da Independência, Lg. de S. Domingos 11; 213 241 470 • Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul Av. D. Carlos I, 61-1º; 213 973 471; www.guilhermecossoul.pt • Sociedade Nacional de Belas-Artes R. Barata Salgueiro, 36; 213 138 510; www. snba.pt • Sociedade Portuguesa de Autores Av. Duque de Loulé, 31; 213 594 400; www.spautores.pt • Sou – Movimento e Arte R. Maria 10B; 926 235 379; www.sou. pt • Sport Lisboa e Benfica - Jardim do Regedor R. do Jardim do Regedor 9; 217 219 590; museubenfica.slbenfica.pt • Stage 81 R. Portas de St. Antão, 110; 912 629 568; www.stage81.com • Steps Clube R. dos Caminhos de Ferros, 90 B; 210 150 893; www.steps.pt • Studio 8A R. Luciano Freire 8A; 217 960 007; www. cursosdefotografia.pt • Studioteambox LxFactory, Ed. G, sala 6A; 965 786 793; www.studioteambox.org

T 30 da Mouraria - Psicoterapia e Movimento R. da Mouraria, 30, 4º; 30damouraria.weebly.com • 3+1 Arte Contemporânea Lg. Hintze Ribeiro 2E-F; 210 170 765; www.3m1arte.com • Tap Dance Center Lisbon R. de O Século, 44; 932 940 988; www.workin.com.pt • Tcharan Eventos Tv. dos Fornos, 15, 1º dto; 914 107 158; www.tcharan.com • Teatro Aberto R. Armando Cortez; 213 880 086 • Teatro Armando Cortez Est. da Pontinha 7; www.teatroarmandocortez.pt • Teatro do Bairro R. Luz Soriano 63; 213 473 358; www.teatrodobairro.org • Teatro do Bairro Alto R. Tenente Raúl Cascais 1A; 213 961 515; www.teatro-cornucopia.pt • Teatro Bocage R. Manuel Soares Guedes 13A; 214 788 120; www.teatrobocage. wixsite.com/bocage • Teatro Camões Pq. das Nações, Passeio de Neptuno; 218 923 470 • Teatro Capitólio Parque Mayer • Teatro Carnide Azinhaga das Freiras; 967 341 862 • Teatro Cinearte Lg. de Santos, 2; 213 965 360; www. abarraca.com • Teatro Dom Luiz Filipe (Teatro da Luz) Lg. da Luz; 211 536 034; http://teatrodluisfilipe.wix.com/tdlf • Teatro Maria Vitória Parque Mayer; 213 475 454; www.teatromariavitoria.com • Teatro de Marionetas Algazarra Cç. da Boa-Hora, 58, 2º; 962 429 895; www.algazarrateatro.blogspot.pt • Teatro Meridional R. do Açúcar, 64, Beco da Mitra; 218 689 245; www.teatromeridional. net • Teatro Nacional D. Maria II Pç. D. Pedro IV; 213 250 800; www.teatro-dmaria. pt • Teatro Nacional de São Carlos R. de Serpa Pinto, 9; 213 253 000; www. saocarlos.pt • Teatro Papa-Léguas R. Prof. Santos Lucas, 36A; 210 970 654; www. teatropapaleguas.net • Teatro Politeama R. das Portas de Sto. Antão, 109; 213 405 700; www.teatro-politeama.com • Teatro da Politécnica R. da Escola Politécnica, 56; 961 960 281 • Teatro Taborda R. da Costa do Castelo, 75; 218 854 190; www. teatrodagaragem.com • Teatro Thalia Estr. das Laranjeiras 205; 217 811 690 • Teatro Tivoli BBVA Av. da Liberdade nº 182 A; 213 151 050 • Teatro da Trindade Lg. da Trindade, 7A; 213 423 200; www.inatel.pt • Teatro Turim Est. de Benfica, 723 A; 217 606 666; www.teatroturim.com • Teatro Villaret Av. Fontes Pereira de Melo 30 A; 213 538 586 • Terra Incógnita Doca de St. Amaro, Armazém 17; 213 021 588; www.terraincognita.pt • The Belmonte Cultural Club Pateo D. Fradique 14; 218 816 600; www.palaciobelmonte.com • TheBlackSheep Art Gallery R. do Sol ao Rato 45A • The Little Gym R. 1 à R. Direita de Palma, 4B; 217 269 464; www. thelittlegym.pt • Time Out Mercado da Ribeira Av. 24 de Julho, 49; 213 593 100 • Time Travellers 965 107 188; www.timetravellers.pt • Top Ensino R. Gaivotas em Terra, Lt. 4A; 218 016 482; www.topensino.pt • Torre de Belém Av. de Brasília; 213 620 034; www.torrebelem.pt U Universidade Autónoma de Lisboa R. Santa Marta 56, Palácio dos Condes do Redondo; 213 177 600; www.ual.pt V Verso Branco R. da Boavista 132-134; 211 342 634; www.versobranco.pt • Viragem Lab R. de Santa Marta, 73 A; 213 580 733; www.viragem-lab.com.pt • Vozes em Conserto – Academia de Canto e Performance R. João Menezes, 4A; 218 400 213; www.vozesemconserto.com W Work in Studio R. de O Século, 44; 932 940 988; www.workin.com.pt • Wozen R. das Janelas Verdes 128, Lj. B; 912 700 506; www.wozenstudio.com Z Zen KidsR. Alexandre Herculano, 19; 960 271 750; www.zen-kids.org

EQUIPAMENTOS MUNICIPAIS ARQUIVO Arquivo Municipal de Lisboa R. B ao Bairro da Liberdade, lt 3-6, piso 0; 213 807 108; seg a sex: 9h-17h, encerra fer; arquivomunicipal.cm-lisboa.pt Arco do Cego R. Nunes Claro, 8 A; 218 411 170; seg a sex: 9h-17h, encerra fer Fotográfico R. da Palma, 246; 218 844 060; sala de exposições: seg a sáb: 10h-19h,


encerra dom, fer; sala de leitura: seg a sex: 9h30-17h, encerra fer; arquivomunicipal. cm-lisboa.pt Videoteca Largo do Calvário, 2; 218 170 433

BIBLIOTECAS Consultar horários em blx.cm-lisboa.pt Belém R. da Junqueira, 295; 218 172 580 Biblioteca/Espaço Cultural Cinema Europa Rua Francisco Metrass, 28; 218 009 927 Camões Largo do Calhariz, 17, 1º esq; 218 172 360 Coruchéus R. Alberto Oliveira; 218 172 049 David Mourão-Ferreira R. Padre Abel Varzim, 7 D; Casal dos Machados; 210 311 710 Gabinete de Referência Cultural R. Cidade do Lobito; 218 507 100; Reservado a atividades com estabelecimentos de ensino especial e regular, entidades para deficientes e outras instituições culturais; marcação prévia Hemeroteca R. Lúcio de Azevedo, 21B; 218 172 430 Maria Keil R. Maria José da Guia, 8; 217 589 280 Marvila R. António Gedeão; 218 173 000 Natália Correia Centro Social Polivalente; R. Rio Cávado, B.º Padre Cruz; 218 054 526 Olivais/Bedeteca R. Cidade do Lobito; 218 507 100 Orlando Ribeiro/Fonoteca Antigo Solar da Nora, Estrada de Telheiras, 146; 218 172 660 Palácio Galveias Campo Pequeno; 218 173 090 Penha de França R. Francisco Pedro Curado 6A; 218 172 410 Por Timor R. de São Bento, 182-184; 213 905 702 Quiosque Jardim da Estrela Jardim da Estrela; 911 528 536 República e Resistência - Cidade Universitária R. Alberto de Sousa, zona B do Rêgo; 217 802 760 São Lázaro R. do Saco, 1; 218 852 672 ITINERANTES/ MÓVEIS 21 8 170 544 / 910 238 089

CASA FERNANDO PESSOA R. Coelho da Rocha, 16-18; 213 913 270; seg a sáb: 10h-18h; casafernandopessoa.cm-lisboa.pt

CENTRO DE ARQUEOLOGIA DE LISBOA Av. da Índia, 166; 218 172 180; centro.arqueologia@cm-lisboa.pt

CINEMA SÃO JORGE Avenida da Liberdade, 175; 213 103 400; cinemasaojorge.pt

GABINETE DE ESTUDOS OLISIPONENSES Est. de Benfica, 368; 217 701 100; seg a sex: 9h-18h; geo.cm-lisboa.pt

GALERIAS Galeria Avenida da Índia Avenida da Índia, 170; 215 830 010; ter a dom: 10h-13h/14h-18h, sáb, dom: 14h-18h

AGENDA CULTURAL LISBOA

na capa

Nov 2017 / N.º 316

copy desk

Grada Kilomba fotografia de Zé de Paiva, tipografia de Elisabete Gomes Sara Simões coordenação

diretor

Manuel Veiga

Manuela Costa redação

Galeria Boavista Rua da Boavista, 47-50; 213 476 335; ter a dom: 13h-18h, encerra seg, fer; facebook.com/galeriasmunicipaislisboa Galeria Municipal Pavilhão Branco Campo Grande, 245; 215 891 259; ter a dom: 10h-13h/14h-18h; encerra dom, fer; www.egeac.pt Galeria Municipal Torreão Nascente da Cordoaria Av. da Índia; 215 830 010; ter a sex: 10h-18h, sáb, dom: 14h-19h Galeria Quadrum R. Alberto Oliveira, Palácio dos Coruchéus, 52; 215 830 010; ter a dom: 10h-18h, sáb, dom: 14h-18h, encerra seg, fer; facebook.com/ galeriasmunicipaislisboa

MONUMENTOS Castelo de São Jorge 218 800 620; Núcleo Museológico; Núcleo Arqueológico; todos os dias: 9h-21h; www.castelosaojorge.pt Padrão dos Descobrimentos Av. Brasília; 213 031 950; todos os dias: 10h-19h; www.padraodosdescobrimentos.pt

MUSEUS Atelier-Museu Júlio Pomar R. do Vale, 7; 215 880 793; ter a dom: 10h-13h/14h18h; www.ateliermuseujuliopomar.pt Museu do Aljube – Resistência e Liberdade R. de Augusto Rosa, 42; 218 172 400; ter a dom: 10h-18h; www.museudoaljube.pt Museu Bordalo Pinheiro Campo Grande, 382; 215 818 540; ter a dom e fer: 10h-18h, encerra seg; museubordalopinheiro.cm-lisboa.pt MUDE - Museu do Design e da Moda. Coleção Francisco Capelo 218 171 892; www.mude.pt Museu do Fado Lg. do Chafariz de Dentro, 1; 218 823 470; ter a dom: 10h-18h; www. museudofado.pt Museu de Lisboa - Casa dos Bicos R. dos Bacalhoeiros, 10; 217 513 200; seg a sáb: 10h-18h, encerra dom, fer; www.museudelisboa.pt Museu de Lisboa - Palácio Pimenta Campo Grande, 245; 217 513 200; ter a dom: 10h-118h, www.museudelisboa.pt Museu de Lisboa - Santo António Lg. de Santo António da Sé, 22; 218 860 447; ter a dom: 10h-18h Museu de Lisboa - Teatro Romano R. de São Mamede, 3A; 218 818 530; ter a dom: 10h-18h; www.museudelisboa.pt Museu de Lisboa - Torreão Poente Pç. do Comércio, 1; www.museudelisboa.pt Museu da Marioneta Convento das Bernardas, R. da Esperança, 146; 213 942 810; ter a dom: 10h-13h/14h-18h; www.museudamarioneta.pt

POLO CULTURAL GAIVOTAS | BOAVISTA Rua das Gaivotas, 8; todos os dias: 8h-20h; 218 172 600; pologaivotasboavista@ cm-lisboa.pt Loja Lisboa Cultura R. da Boavista 184; seg, qua e sex (exceto fer): 14h-19h; 218 173 600; loja.lisboa.cultura@cm-lisboa.pt

TEATROS Maria Matos Teatro Municipal Av. Frei Miguel Contreiras, 52; 218 438 800; www. teatromariamatos.pt São Luiz Teatro Municipal Rua António Maria Cardoso, 38; 213 257 640; www. teatrosaoluiz.pt

relações públicas, publicidade institucional, circulação e assinaturas

edição câmara municipal de lisboa/ EGEAC

publicidade

vereadora do pelouro da cultura

Marco Mateus

Sónia Maia Just Media / 213 219 120 impressão

Digipress

distribuição

Jorge Silva/Silva!Designers

Ana Figueiredo Ana Rita Vaz Cristina Engrácia Filipa Santos Frederico Bernardino Ricardo Gross Tomás Collares Pereira

design

fotografia

periodicidade

editora executiva

Paula Teixeira editor

Luís Almeida d’Eça direção de arte

Inês do Carmo Rute Figueira

Francisco Levita Humberto Mouco

JMTOSCANO, Lda tiragem

40 000 exemplares depósito Legal

40722/90

Mensal Isenta de registo na ERC ao abrigo da lei de imprensa 2/99

Catarina Vaz Pinto

recolha de informação

Rua do Machadinho, 20 1249-150 Lisboa Tel. 218 170 900 agenda.cultural@cm-lisboa.pt www.agendalx.pt

105


106

CONVERSAS DE LISBOA (X)


ANTÓNIO ARAÚJO A CULTURA TEM COR POLÍTICA? Entrevista SUSANA PINA Fotografia HUMBERTO MOUCO

107


108

Tiques, modas e modinhas, sossegos e desassossegos sociais, nada escapa ao olhar perscrutador de António Araújo. Senhor de imprevistos e múltiplos interesses, este jurista e historiador de formação, além da docência, tem desempenhado funções de topo no Estado, do Tribunal Constitucional à Presidência da República. É também o diretor de publicações da Fundação Francisco Manuel dos Santos. Tem um blogue onde discorre sobre livros, fotografia, exposições e... sobre tudo o que lhe apetece. É, ainda, autor de várias obras e artigos nas áreas de ciência política, direito e história contemporânea. No seu último livro, toma o conceito de cultura em sentido lato e faz uma espécie de ensaio onde escalpeliza, muitas vezes com ironia, a vida social e cultural dos portugueses (urbanos), Da Direita à Esquerda, dos anos 80 à atualidade.


109

Há um cliché recorrentemente usado para caraterizar as políticas culturais de esquerda e de direita: a direita teria uma conceção mais patrimonialista, e a esquerda uma conceção mais antropológica de cultura.

Sustenta que as práticas, os hábitos e os consumos socioculturais da esquerda e da direita se encontram cada vez mais próximos, e que a grande clivagem é, antes, a que divide elites e não elites. Mas não diria que o leitor de esquerda continua a preferir Saramago e o de direita, Agustina?

Não, acho que não. O Saramago, então, depois do ansiado Nobel e de toda a propaganda gerada à sua volta, da sua consagração oficial na Casa dos Bicos (talvez mais a consagração oficial de Pilar del Rio, mas enfim, adiante…), entrou – ou teve de entrar à força – nos hábitos de leitura portugueses, a começar pelas crianças, coitaditas… (Estou a ironizar, sem malícia alguma, com um grande escritor, que a dada altura começou a escrever em circuito-fechado, prisioneiro do estilo e da linguagem que criou, mas que nos deu livros extraordinários. Um deles é As Pequenas Memórias, onde Lisboa está muito presente, como sabe). Mas acima, ao lado, ou abaixo de leitores de esquerda ou de direita o que existem – e têm muito mais relevância, desde logo pelos números de vendas – são consumidores dos livros de grandes autores da Literatura Universal. É uma bênção! Estou a pensar em nomes como José Rodrigues dos Santos ou Domingos Amaral, entremeados de vez em quando pela leitura marota de um romance soft porn de devaneios sadomasoquistas, com milionários perversos e jovenzitas inexperientes [risos].

A sua reflexão incidiu muito nas práticas sociais e culturais, e não propriamente nas políticas. No entanto, pergunto-lhe: a política cultural tem cor política?

Há por vezes um cliché que é recorrentemente usado para caraterizar as políticas culturais de esquerda e de direita: a direita teria uma conceção mais patrimonialista, e mais vocacionada para a promoção da “alta cultura”, e a esquerda uma conceção mais antropológica de cultura, dando primazia à cultura como festa. Mas não devemos levar esse cliché demasiado longe: no Alentejo, o trabalho das câmaras do PCP (muitas delas, agora passaram para o PS…) na defesa do património cultural pode ser considerado de direita? A ação notável de Cláudio Torres em Mértola pode ser classificada como de direita? A obra do grande historiador de arte Vítor Serrão, muito atenta ao património, é catalogável como de direita? Isto para não falar de um exemplo maior, Paulo Varela Gomes, cuja falta sentimos – eu sinto – todos, mas todos os dias. No entanto, assume que, em determinados aspetos, há diferenças... Vou citá-lo: “Alguma esquerda tende a assumir uma atitude de complacência e até aplauso face aos grafitos e outras intervenções de arte urbana”. Significa isso que uma Galeria de Arte Urbana (criada na Câmara em 2008), dificilmente seria promovida por uma vereação de direita?


110

Talvez uma vereação de direita não a criasse, ainda que estejamos num terreno de meros palpites e especulações. O que se pode dizer, com um mais elevado grau de certeza, é que, uma vez instituída, uma Galeria de Arte Urbana dificilmente seria eliminada por uma vereação de direita, até pelos custos políticos e, digamos assim, mediáticos que isso teria. Tal como o festival Queer de Lisboa que, apoiado inicialmente por uma vereação de esquerda (ao encontro dos estereótipos), continuou a realizar-se sem sobressaltos sob outras governações?

O exemplo que dá do festival Queer é bastante elucidativo. Nestas coisas, a palavra “irrevogável” faz muito sentido. Noutras não, como sabemos. Como acha que seria visto o relançamento dos Casamentos de Santo António se o seu promotor não tivesse sido João Soares (1997)?

Como um ato saudosista, passadista e até salazarista. Para não dizer “fascista”. Aliás, digo-o no livro. O mesmo se poderá afirmar sobre lojas como A Vida Portuguesa, que, se não pertencessem a alguém declaradamente de esquerda como Catarina Portas seriam encaradas com bastante reserva. Pense, por exemplo, que o proprietário dessa loja, da mesmíssima loja, era José Pinto-Coelho, do PNR… No entanto, essa atitude de algum preconceito está a mudar, porque atualmente tudo isto é

nostálgico, tudo isto é trendy, tudo isto é vintage. No seu livro denuncia uma “geografia cultural” em Lisboa, considerando que os seus bairros mais populares são apropriados simbólica e efetivamente pela esquerda. Quer explicar-nos essa ideia?

Há uma “apropriação”, digamos assim, de certas zonas da Lisboa oriental, mas que é legítima e até saudável, pelo que contribui para a revitalização de espaços um pouco esquecidos. O trabalho de associações como a Renovar a Mouraria ou de pessoas como Camilla Watson é louvável, a todos os títulos. Mas penso que atualmente a “revitalização” do centro da cidade é uma questão ultrapassada. O centro da capital, sobretudo a Baixa e artérias adjacentes, tem até excesso de vitalidade, com as ruas intransitáveis, pejadas de turistas. Já fui várias vezes abalroado por excursões de dezenas de pessoas capitaneadas por uma guia-intérprete de guarda-chuva em riste. Não sou contra os turistas, mas estamos a chegar a um ponto de alguma saturação. Ora, e veja como estas coisas não são preto nem branco, é exatamente a mesma esquerda que pugnava pela “revitalização” do centro que agora lamenta a sua “gentrificação”. No fundo, queriam uma cidade à sua medida, o que é perfeitamente legítimo. Simplesmente, esse desejo esquece que as cidades têm dinâmicas próprias, como um afluxo turístico em massa, que es-

É exatamente a mesma esquerda que pugnava pela “revitalização” do centro que agora lamenta a sua “gentrificação”. No fundo, queriam uma cidade à sua medida, o que é perfeitamente legítimo.


111

O mesmo se poderá afirmar sobre lojas como A Vida Portuguesa, que, se não pertencessem a alguém declaradamente de esquerda como Catarina Portas seriam encaradas com bastante reserva.

capam ao controlo dos moradores. Mas não deviam escapar totalmente ao controlo dos decisores políticos. O que se passa com os tuk-tuk é um escândalo, uma vergonha completa para a cidade e para quem a governa. E eu que acho os tuk-tuk carripanas divertidas... mas avancemos [risos]. O António “frequenta” a cultura da cidade? Para onde vão as suas preferências?

Predominantemente exposições, de preferência exposições sem multidões. Espetáculos e festivais não muito, para não dizer nada. Agora há um problema recorrente e irritante com as exposições: abrem ao público sem catálogo; o catálogo, a existir, só aparece nos últimos dias da mostra ou mesmo quando ela já fechou portas. Foi e é inadmissível que não tenham feito um catálogo sobre a magnífica retrospetiva da obra fotográfica, e não só, de Artur Pastor. Os livros ficam, dão perenidade ao trabalho feito – um trabalho excecional, no caso da exposição de Pastor –, permitem que mais pessoas conheçam as obras, que tudo não se esfume no dia seguinte a terminar uma exposição. O Arquivo Fotográfico Municipal teve uma exposição extraordinária sobre a Avenida de Roma e o Bairro de Alvalade e dela não existe o menor rasto, que eu saiba. O problema, no entanto, não é só da autarquia; o Museu de Etnologia mostrou-nos a obra de um génio, um génio absoluto, o carpinteiro e escultor amador António Peralta, reunindo trabalhos de coleções particulares que

nunca mais irão estar juntos, e não se fez um catálogo! Mas, respondendo à sua pergunta, a cultura que mais me interessa na nossa cidade é, como ainda hoje me aconteceu, ir ver vestuário e adereços góticos numa loja como a Triparte, na Rua dos Fanqueiros, mirar os fatos azul-cobalto e as fazendas intemporais dessa rua fantástica (um pouco fantasmagórica agora, com tantas lojas fechadas, tristonhas), e acabar na Casa da Prosperidade, à Rua Barros Queiroz, com a proprietária chinesa a explicar-me o meu signo (chinês), a falarmos de netsuke e de coisas bem mais importantes do que saber se Lisboa tem, ou não, uma “política cultural”, feita de inaugurações de fim de tarde, um mostruário de vaidades que… bem, é melhor não dizer mais nada. Não, há uma coisa que deve ser dita e enaltecida: a ação da EGEAC liderada por Joana Cardoso e, já agora, do MUDE, dirigido por Bárbara Coutinho. Haveria mais gente e instituições para louvar; e isso não é tão melhor do que passar a vida com queixumes e maledicências? Lisboa tem um estabelecimento comercial como o Pestana & Filho, Lda., com belíssimo material esotérico à Rua Maria Andrade, 39 C – tem telefone e fax, mas só visto, porque contado não se acredita. Ou os columbófilos dos Barbadinhos… enfim, há muitas lisboas dentro de Lisboa, e nem sempre estamos atentos a algumas lisboas que fazem da cidade uma urbe fantástica. Gostei de usar a palavra “urbe”, soa a Uber em dialeto disléxico [risos].


CORTEJO COMEMORATIVO DA ASSINATURA DO ARMISTÍCIO QUE PÔS FIM À PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL / JOSHUA BENOLIEL, 1918, ARQUIVO MUNICIPAL DE LISBOA / FOTOGRÁFICO

NOVEMBRO 1918

ARQUIVOS DE LISBOA

112


NOVEMBRO ATÉ 11 NOV

O ATO DA PRIMAVERA

VOZ ALTA — FESTIVAL DE LEITURAS

2 – 19 NOV

SOPRO SALA GARRETT

2 – 12 NOV

COLECÇÃO DE COLECCIONADORES

DE TIAGO RODRIGUES

SALA ESTÚDIO

SALÃO NOBRE

DE RAQUEL ANDRÉ

M/12 C O N C E I TO E C O O R D E N A Ç Ã O A RT Í S T I C A LÍGIA SOARES

COCRIAÇÃO ANTÓNIO PEDRO LOPES, BERNARDO DE ALMEIDA

M/14

M/12 15 – 22 NOV

COLECÇÃO DE AMANTES

23 – 24 NOV

BATTLEFIELD LEFFEST

SALA GARRETT

SALA ESTÚDIO DE RAQUEL ANDRÉ COCRIAÇÃO ANTÓNIO PEDRO LOPES, BERNARDO DE ALMEIDA

A PA RT I D E D E MAHABHARATA E DA OBRA DE JEAN-CLAUDE CARRIÈRE ENCENAÇÃO PETER BROOK E MARIE-HÉLÈNE ESTIENNE

M/16 A CLASSIFICAR PELA CCE

PARC E I RO S TN D M I I

Informações e reservas 800 213 250 Bilheteira online www.teatro-dmaria.pt

CO LECÇÃO D E CO LECC IO NADO R ES É U M PRO J ETO FI NAN C IAD O PE L A APAP – PE R FO R M I N G EU RO PE 2 0 2 0, N O ÂM B ITO D O PRO G R AMA EU RO PA C R IATIVA DA U N IÃO EU RO PE IA


CARLOS LOPES ÍDOLOS DO DESPORTO

MOEDA DE COLEÇÃO COMEMORATIVA AUTOR ANDRÉ CARRILHO

LANÇAMENTO 22 DE NOVEMBRO | 18H30 PAVILHÃO CARLOS LOPES

Agenda Cultural Lisboa |novembro'17  

No mês em que o Teatro da Trindade comemora 150 anos, convidámos Beatriz Batarda, Elsa Saque, Rui Mendes, José Carlos Barros, Mário Laginha...

Advertisement