Page 10

8

N OVAS D I R E Ç Õ E S

Paulo Ribeiro COMPANHIA NACIONAL DE BAILADO Convidado para substituir Luísa Taveira na direção da Companhia Nacional de Bailado (CNB), Paulo Ribeiro optou por deixar para trás 18 anos de trabalho no Teatro Viriato de Viseu, porque “é um desafio interessantíssimo. É a única companhia de repertório portuguesa, é eclética e cosmopolita no tipo de arte e danças que apresenta. Consegue juntar peças de grande virtuosismo e exigência física e técnica, onde o músculo é prioridade, com outras onde imperam a interioridade, a alma, o ter história, o ser um artista de mão cheia.” Não poupa elogios ao trabalho da sua antecessora e à equipa que agora dirige e que classifica de multifacetada e generosa. Destaca ainda o facto de a CNB ter sabido acompanhar o tempo e pensa que a companhia “tem de começar a estar à frente do seu tempo. Esse é o seu desafio maior, antecipar os movimentos que aí vêm, as novas linguagens, as novas formas de olhar para a dança.”

Agenda Cultural Lisboa | janeiro '17  

Em 2017, Lisboa será a Capital Ibero-americana de Cultura, um evento que trará a cerca de 40 equipamentos culturais e às ruas de Lisboa, exp...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you