__MAIN_TEXT__

Page 1


M E N S A G E M D O PÁ R O C O P E . D I O M A R R O M A N I V, S C J

OUTUBRO: MÊS DE APARECIDA, DAS CRIANÇAS E DAS MISSÕES! Querido paroquiano: vamos viver um intenso mês de outubro! Dedicamos uma semana – dias 4 a 10 – para o Cerco de Jericó, consagrado para rezar à luz do tema da Campanha da Fraternidade 2018: Fraternidade e Segurança Pública. Em seguida, celebraremos a padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. Pedimos que ela interceda por cada um de nós e pelo nosso país que, dentre outros desafios, vive o processo eleitoral. Que ela nos ajude a escolher bem nossos representantes! Louvamos a Deus pelas crianças, especialmente no seu dia. Somos felizes por termos a presença e a participação de muitas crianças nas diversas atividades de nossa Paróquia. Gratidão aos pais, pelo incentivo e presença na Igreja junto com seus filhos! Recordamos que outubro é o mês das missões! Pela graça de Deus, contamos com a presença do Pe. Osnildo Klann em nosso meio, que dedicou parte de sua vida à missão no Congo, e que nesta edição partilha um pouco de sua experiência. Que Deus desperte corações missionários para o anúncio do Reino do Coração de Jesus! Já em Roma, a Igreja

MISSAS MATRIZ SÃO SEBASTIÃO Terça-feira: 19h Quarta-feira: 7h e 15h30 Quinta-feira: 19h | Sexta-feira: 19h Sábado: 19h Domingo: 7h, 9h30 e 19h Primeira sexta-feira do mês: 7h, 15h30, 19h e 23h COMUNIDADE SÃO LUÍS GONZAGA Sábado: 19h | Domingo: 10h COMUNIDADE RAINHA DA PAZ Sábado: 17h30 Primeiro domingo do mês: 10h Dia 25 de cada mês: 19h30 (quando cair durante a semana) COMUNIDADE SÃO BENEDITO Sábado: 17h30 COMUNIDADE N. SRA. DO ROSÁRIO Domingo: 8h30

vive o Sínodo da Juventude: oferecemos nossa prece pelas reflexões e definições para a evangelização dos jovens e o despertar de novas vocações. Por falar em juventude, em 21 de outubro acontece o DNJ – Dia Nacional da Juventude, que este ano será realizado no Seminário Sagrado Coração de Jesus, em Corupá. A Diocese de Joinville abraça cada jovem e os convida para este dia especial de oração e convivência naquele recanto de paz, que é o Seminário de Corupá. Rezemos, também, pelos professores e pelos médicos – cujo dia celebramos em 15 e 18 de outubro, respectivamente –, pedindo a Deus que conceda a eles coragem e sabedoria, para que exerçam suas profissões com espírito cristão. Outubro também é um mês que celebramos santos muito especiais na caminhada da Igreja: Santa Teresinha do Menino Jesus, Santos Anjos da Guarda, São Francisco de Assis, São Benedito, São João XXIII, Santa Teresa de Jesus, São Lucas, São João Paulo II, Santo Antônio de Sant’Anna Galvão... que eles intercedam por nós e pela Igreja!

EXPEDIENTE DA SECRETARIA MATRIZ SÃO SEBASTIÃO Segunda-feira: 13h às 18h Terça a sexta-feira: 7h30 às 12h e 13h às 18h Sábado: 8h às 11h COMUNIDADE SÃO LUÍS GONZAGA Terça a sexta-feira: 7h30 às 11h30 e 13h às 17h30 Sábado: 8h às 11h COMUNIDADE RAINHA DA PAZ Segunda-feira: 13h30 às 17h30 Terça a sexta-feira: 8h às 12h e 13h30 às 17h30 Sábado: 8h às 11h COMUNIDADE N. SRA. DO ROSÁRIO Segunda a quinta-feira: 13h às 17h30 Sexta-feira: 13h às 17h Sábado: 7h30 às 11h

2 . E D I TO R I A L | R E V I S TA S Ã O S E B A S T I Ã O

ATENDIMENTO DOS PADRES (confissão, orientação espiritual e bênção de objetos) MATRIZ SÃO SEBASTIÃO Terça, quarta e sexta-feira: 8h às 11h30 e 13h30 às 17h30 Quinta-feira: 13h30 às 17h30 Sábado: 8h às 10h30 COMUNIDADE SÃO LUÍS GONZAGA Quinta-feira: 15h às 17h30 COMUNIDADE RAINHA DA PAZ Quinta-feira: 14h às 17h COMUNIDADE N. SRA. DO ROSÁRIO Sexta-feira: 15h às 17h


CRIANÇAS

ELCIO DOS SANTOS

DEIXAI VIR A MIM AS CRIANÇAS! Jesus já disse: “Deixai vir a mim as criancinhas”. Na correria dos dias de hoje, muitos pais não acham tempo para levar seus filhos para participarem das atividades na Igreja. Outros falam que a Igreja Católica não tem atividades divertidas para envolver as crianças. Em nossa Paróquia, contamos com vários grupos e atividades voltados aos pequenos, como os cursos promovidos pelo Movimento do Encontro de Pais com Cristo (EPC). Um deles é o “Tachinha”: retiro de pais e filhos, para crianças de 5 a 7 anos. Já para as crianças entre 8 e 10 anos, temos o “Girassol” – o retiro acontece em novembro próximo. De 11 a 14 anos, o indicado é o “Onda”. Os três cursos – Tachinha, Girassol e Onda – acontecem uma vez ao ano e os encontros são mensais.

Temos, também, a Infância e Adolescência Missionária: os encontros para crianças e adolescentes, de 4 a 14 anos, acontecem aos sábados, a partir das 9h. Outro projeto voltado às crianças é o coral infantil da Matriz São Sebastião, recomendado para crianças a partir de 6 anos. Os ensaios do coral são aos sábados, das 10h às 11h. Para as crianças que desejarem ter um maior engajamento com as atividades da Igreja, há o Ministério dos Coroinhas, cuja principal função é auxiliar o padre na missa. Para novos coroinhas, a partir de 7 anos, a formação ocorre uma vez ao ano. Então, se você quer ver seu filho participando da vida da Igreja, é só procurar a Secretaria da Matriz ou das comunidades para mais informações.

Idade indicada

Atividade

Quando acontece

5 a 7 anos

Tachinha

abril/uma vez ao mês

8 a 11 anos

Girassol

novembro/uma vez ao mês

11 a 14 anos

Onda

junho/uma vez ao mês

4 a 14 anos

Infância Missionária

sábados, às 9h

A partir dos 6 anos

Coral infantil

sábados, às 10h

A partir dos 7 anos

Coroinhas

uma vez ao mês (formação)

JUVENTUDE DANIELLE JAROCZINSKI

DNJ 2018 A celebração do Dia Nacional da Juventude (DNJ) é um encontro de vivência fraterna e espiritualidade, que fortalece o amor pela Igreja e impulsiona para a evangelização da juventude! Dentre as diversas atividades preparadas com muito amor, haverá um momento de espiritualidade com o Dunga (PHN). O evento acontecerá em 21 de outubro, no Seminário Sagrado Coração de Jesus, em Corupá/SC, iniciando às 9h (com término previsto às 18h). A entrada é 1 kg de alimento não perecível. Confira as informações ao lado e convide todos os jovens que você conhece!

3 . I G R E J A | R E V I S TA S Ã O S E B A S T I Ã O


A Constituição Dogmática Lumen Gentium nos ensina: “Ao passo que, na Santíssima Virgem, a Igreja alcançou já aquela perfeição sem mancha nem ruga que lhe é própria, os fiéis ainda têm de trabalhar por vencer o pecado e crescer na santidade; e por isso levantam os olhos para Maria, que brilha como modelo de virtudes sobre toda a família dos eleitos” (LG 65). Em outubro, a Igreja do Brasil não tem outro caminho a não ser o coração de Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Ela que é reconhecida por ser intermediadora das graças de Deus, proclamada padroeira do Brasil em 1930, pelo Papa Pio XI. A Mãe Aparecida carrega consigo um grande número de devotos e fiéis consagrados à sua docilidade e presença materna. Como mãe venerável e amada, ela é um berço de derradeiras graças para o coração do Brasil e para a Paróquia São Sebastião. Em Aparecida, Nossa Senhora realiza inúmeros milagres, como o da cega que, quando estava no Santuário Nacional, enxergou pela primeira vez; a libertação do escravo Zacarias; e a conversão do cavaleiro que tentou entrar na igreja com seu cavalo. Até hoje, diversas são as graças alcançadas por meio da Padroeira do Brasil, até mesmo de paroquianos que vivem entre nós e buscam tantas vezes em Aparecida a intercessão de Maria. Que pela ternura e generosidade da padroeira do Brasil, todos os devotos de Maria Imaculada possam elevar suas preces e gratidão a ela, particularmente em 12 de outubro, dia em que recordamos sua aparição nas águas escuras do rio Paraíba. Que uma geração mariana assuma que, de fato, a “Mãe de Deus é o título principal e essencial de Nossa Senhora. Tratando-se duma qualidade, duma função que a fé do povo cristão, na sua terna e genuína devoção à Mãe celeste, desde sempre lhe reconheceu” (Papa Francisco). Por Agência Arcanjo


A Paróquia São Sebastião conta com várias atividades para os devotos de Nossa Senhora, tanto na Matriz quanto nas comunidades. Confira a programação e participe!

Terço dos Homens Os homens se reúnem para rezar o santo terço às terças-feiras, às 20h, na Capela do Santíssimo Sacramento da Igreja Matriz. Na Comunidade Rainha da Paz, o grupo se reúne às segundas-feiras, às 19h; e na Comunidade Nossa Senhora do Rosário, o encontro é às 19h30, também nas segundas-feiras. Já na Comunidade São Luiz Gonzaga, os encontros para a recitação do terço acontecem às quartas-feiras, às 19h30.

Intercessão Os encontros de oração, abertos a todos que desejarem participar, acontece há 15 anos na Capela da Igreja Matriz, todas as quartas-feiras, das 19h30 às 21h. A Comunidade São Luiz Gonzaga também se reúne para rezar o terço: aos sábados, às 9h30.

Mãe Peregrina O movimento da Mãe Peregrina de Schoenstatt nasceu na Alemanha, em 1914, onde pessoas atuantes na Igreja são convidadas a serem missionárias. Elas recebem o envio do padre e ficam responsáveis por organizar a visita da Capelinha da Mãe e Rainha nas famílias que desejam recebê-la. Quem desejar ser uma missionária ou receber a Capelinha, pode entrar em contato com a Secretaria para mais informações.

Eis-me Aqui Com formação devocional mariana, o curso “Eis-me Aqui” ocorre anualmente, sempre no mês de maio.

Terço das Mulheres Na Matriz e na Comunidade Rainha da Paz, as mulheres se encontram para rezar o terço às segundas-feiras, a partir das 14h, e todas estão convidadas a participar. Já às 15h, os dois grupos rezam o Terço da Misericórdia.


E N T R E V I S TA

KAMILA RIBEIRO E LUCAS MACHADO

ALMA MISSIONÁRIA Iniciamos o mês de outubro celebrando a memória litúrgica de Santa Teresinha do Menino Jesus, virgem e doutora da Igreja. Por isso, outubro é conhecido como “mês missionário”, sendo Santa Teresinha a padroeira das missões. Nesta edição, trazemos uma entrevista com nosso vigário paroquial Pe. Osnildo Klann, scj. O religioso, que completou 81 anos de vida em 26 de setembro, conta com um extenso currículo de atividades desenvolvidas nos 54 anos de vida sacerdotal. Já atuou como pároco, formador e até foi superior provincial da Congregação dos Sacerdotes do Sagrado Coração de Jesus. Dentre tantas funções, a que mais marcou sua vida, com certeza, foi ser missionário na República Democrática do Congo. Confira a entrevista! (RSB) Revista São Sebastião: Como o senhor sentiu o chamado para ser missionário? (PO) Padre Osnildo: Lembro que, quando eu era seminarista em Corupá, já ficava encantado ao ler as notícias sobre o Congo. Com o passar dos anos, veio o interesse em ir para lá, pois nossa Congregação conta com atividades missionárias permanentes há muito tempo no Congo. Porém, a Congregação precisava que eu exercesse meu ministério sacerdotal em outras funções, até que, após três triênios sendo superior provincial, já com 70 anos, obtive a permissão para ser missionário no continente africano. (RSB): Qual a maior dificuldade enfrentada nos anos em que esteve na África? (PO): A maior dificuldade foi a adaptação cultural, pois não é fácil se adaptar a outros costumes, ainda mais com 70 anos de idade! A comunicação também foi uma grande dificuldade, pois a República do Congo conta com mais de 200 tribos, cada qual com seu dialeto próprio. Eu, por exemplo, trabalhei em três cidades, sendo que, em cada uma, os moradores falavam um dialeto diferente. (RSB): O Congo é um país marcado até hoje pela violência. Como era a convivência com os guerrilheiros? (PO): O Congo sofre com a violência promovida por grupos armados, sendo muitas vezes financiados pelos países vizinhos que desejam expandir seu território. Eu fiquei por cinco anos em Butembo, região dominada por um grupo guerrilheiro. Certa noite, ao voltarmos para casa após as orações na capela, eu e os noviços fomos recebidos por guerrilheiros armados. Eu disse aos noviços para ficarem calmos e não reagirem. Em certo momento, os guerrilheiros colocaram os noviços contra a parede e me levaram para o quarto. Como eu não falava o dialeto dos guerrilheiros, perguntei se algum dos noviços falava. Por sorte, havia um noviço que falava e que nos acompanhou até o quarto. Hoje digo que sofri um ataque com tradução simultânea (risos)! Eles queriam dinheiro, objetos de valor... mas eu não tinha nada além de cinco dólares, pois um dia antes havia feito as compras do mês. Os guerrilheiros deram mais uma procurada nas minhas coisas e, enfim, foram embora. (RSB): E o que nós podemos aprender com sua experiência na África? (PO): Eu acho que nós devemos ter um espírito de gratidão para com Deus, pois aqui no Brasil temos muito mais do que precisamos, e muitas vezes ainda reclamamos. Para mim, é um sofrimento estar em uma mesa farta de alimentos, pois recordo daqueles que estão no Congo passando fome. Por isso sempre digo que os pais precisam ensinar os filhos a não deixar comida no prato, a não desperdiçar alimentos. Também, precisamos ser solidários, ajudar o próximo, sempre que possível.

Confira a entrevista completa com o Pe. Osnildo em nosso site: matrizsaosebastiao.com.br

6 . PA S TO R A L | R E V I S TA S Ã O S E B A S T I Ã O


Em setembro, os agentes da Pastoral do Dízimo encenaram um teatro nas comunidades, com a finalidade de conscientizar para a importância do dízimo.

Comunidade Nossa Senhora Rainha da Paz

Comunidade São Benedito

Comunidade Nossa Senhora do Rosário

#retiro

Em 8 e 9 de setembro, aconteceu um retiro promovido pelo Grupo de Oração Jovem Sol, na Comunidade Nossa Senhora Rainha da Paz.

{

{

Comunidade São Luiz Gonzaga

O Oratório de São Valentim de Terni, da Comunidade São Luiz Gonzaga, foi reinaugurado em 19 de setembro.

De 21 a 23 de setembro, aconteceu o 13º Encontro de Jovens Amigos (EJA), da Paróquia São Sebastião.

7 . C O M U N I D A D E | R E V I S TA S Ã O S E B A S T I Ã O


PROGRAME-SE ! ENCONTRO DE PREPARAÇÃO PARA O MATRIMÔNIO (NOIVOS)

20 e 27 de outubro e 3 de novembro 14h às 20h Inscrições na Secretaria Paroquial

ENCONTRO DE PREPARAÇÃO PARA O BATISMO (PAIS E PADRINHOS)

6 e 7 de novembro 19h30 às 21h30 Auditório São José Inscrições na Secretaria Paroquial (vagas limitadas)

EVENTOS Missa com as crianças 6 de outubro | 15h 24 de novembro | 15h Igreja Matriz Encontro de Casais Jovens (casais com até 10 anos de matrimônio) 20 de outubro | Igreja Matriz Participação do Dunga (PHN) Inscrições na Secretaria Paroquial Caminhada pela paz no trânsito (do Posto Mime da Ilha da Figueira até a Chiesetta Alpina) 2 de novembro | 7h: partida 11h: missa na Chiesetta Alpina

Em outubro, além da padroeira do Brasil, celebramos o Dia das Crianças e o Dia Mundial das Missões. Temos motivos de sobra pra louvar a Deus, não é mesmo? Nesta edição, você precisa identificar onde estão as palavras da lista. Vamos lá?! NOSSA SENHORA - DEVOÇÃO MÃE - CRIANÇAS - MISSÕES INTERMEDIADORA

REDAÇÃO Marco Farias

Este informativo é uma publicação sob responsabilidade do Pe. Diomar Romaniv, scj e da Paróquia São Sebastião, situada na Av. Marechal Deodoro da Fonseca, 632 Centro - Jaraguá do Sul/SC - (47) 3371-0321

DIAGRAMAÇÃO Matheus José SUGESTÃO DE CONTEÚDO redacao@agenciaarcanjo.com.br www.agenciaarcanjo.com.br facebook.com/agenciaarcanjo (47) 3227-6640

REVISÃO Fernanda Felicio IMPRESSÃO Gráfica Sbardelatti TIRAGEM 2.000 exemplares

Profile for Agência Arcanjo

Revista São Sebastião - outubro de 2018  

Revista São Sebastião - outubro de 2018  

Advertisement