__MAIN_TEXT__

Page 1

Jornal do

SANTU SANT UÁRIO

www. santuarioscj.com.br

Joinville, 01 de Janeiro de 2013 | Ano 01 | N° 01

01


Jornal d o

SANTUÁRIO

Opinião MENSAGEM DO PÁROCO CELEBRAÇÕES NO SANTUário

• Segunda-feira - 19h (pelos falecidos) • Terça-feira - 19h • Quarta-feira - 19h (pelas famílias) • Quinta-feira - 19h • Sexta-feira - 19h • Sábado - 19h • Domingo - 6h30, 8h, 11h30, e 19h

INFORMAÇÕES importantes

• 1ª sexta-feira do mês - missa às 7h, , 16h, 19h • Adoração ao Santíssimo Sacramento - toda quinta-feira, das 8h às 19h • Missa com tradução em Libras - 4° domingo do mês, às 19h • Bênção de objetos (após as missas da 1ª sexta-feira do mês e no expediente paroquial) • Confissão - terça a sexta-feira - 8h30 às 11h, 14h30 às 17h • Sábado - 8h30 às 11h

CELEBRAÇÕES nas comunidades

• DIVINO ESPÍRITO SANTO 1ª segunda-feira do mês - 19h30 4ª quarta-feira do mês - 16h (pelos enfermos) Quinta-feira - 19h30 Sábado - 19h Domingo - 8h • SÃO JUDAS TADEU Quarta-feira - 16h (pelos enfermos) Domingo - 19h Dia 28 - 19h30 (missa do Padroeiro)

Por padre Sildo da Costa

Caros paroquianos e devotos do Sagrado Coração de Jesus: estamos iniciando um novo ano. Desejo que 2014 seja repleto de muitas bênçãos para todos nós! Nossas comunidades e também o Santuário passam a viver uma nova etapa. Como é de conhecimento de todos, a partir de fevereiro as comunidades São Judas Tadeu, Divino Espírito Santo e Nossa Senhora do Rosário serão desmembradas do Santuário Sagrado Coração de Jesus e instituídas como paróquia. A Comunidade Sagrada Família irá pertencer à nova Paróquia Nossa Senhora do Rosário. Dessa forma, o Santuário estará sem nenhuma comunidade. Desde sua criação, nossas comunidades viveram a experiência de ter à frente dos trabalhos pastorais os padres do Sagrado Coração de Jesus e beberam dessa espiritualidade. A história de muitas famílias está inserida no contexto religioso da Paróquia, hoje Santuário. Quem não se lembra da expressão: “Eu vou à missa no Sagrado!”? Quem não se lembra dos padres Augusto, Érico, Geraldinho, Carmo, Dionísio, Pedro, Alesio, Mauridio, Claudionor e tantos outros? Quantas histórias! Quantas celebrações! Quantas festas do Padroeiro! Quantos momentos belos de encontros e retiros! Hoje, ao fazer uma retrospectiva rápida dessa história tão bela, percebemos o amor que as comunidades tiveram quando estavam ligadas ao Sagrado Coração de Jesus. Caras comunidades, agora vocês começam a escrever a sua história. O tempo passou, aquilo que parecia impossível acontecer (criar a comunidade) não só se tornou possível, mas fez com que pudessem dar esse passo tão importante. Em tudo, vemos o sinal de Deus. Que este momento histórico seja uma verdadeira bênção. Quero agradecer a todas as lideranças que estiveram à frente do processo da criação das novas paróquias. Agradecer a todo o povo que entendeu e assumiu junto esse processo. Desejo aos padres diocesanos, que a partir de agora estarão à frente destas comunidades, que tenham as bênçãos de Deus e a iluminação do Espírito Santo para continuar a obra evangelizadora. Termino agradecendo a Deus pela história de nossas comunidades. Continuaremos sempre unidos. O Santuário será sempre a nossa Casa do Coração. Obrigado por vocês ajudarem a escrever a história do nosso Santuário. Jesus manso e humilde de coração: fazei o nosso coração semelhante ao Vosso!

EDITORIAL

Clima de renovação Um novo ano acaba de raiar. Novos desafios, novas conquistas e um tempo de renovação. As comunidades que, até então faziam parte do Santuário, começam os preparativos para receber os novos párocos que a partir do próximo mês tomam posse. É uma nova fase que se inicia na vida das comunidades e que, com a graça de Deus, será chuva de bênçãos. Na matéria principal deste mês, você vai ler como está a expectativa e como as novas paróquias estão se articulando para este novo tempo. Conheça de onde vêm os padres de cada Comuni-

dade.Uma novidade nesta edição é a coluna fixa do padre Aloísio, scj, no caderno formação. Todo mês com temas diferentes que nos levem a reflexão. Em dezembro de 2013 foi comemorado seu centenário de nascimento em Jaraguá do Sul. Padre Aloísio está em processo de beatificação. Além dessas mudanças, o ano de 2014 inicia com um novo tempo para a Igreja Católica. Este é o Ano da Comunidade. Que o espírito comunitário de cada cristão esteja ainda mais aflorado neste ano e que a união se faça presente ao longo do tempo. Que você tenha uma ótima leitura e que seu ano seja repleto de graças para você e sua família. Paz e bem!

• NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO Quarta-feira - 19h30 3ª sexta-feira do mês - 16h (pelos enfermos) Domingo - 8h • SAGRADA FAMÍLIA 3ª sexta-feira do mês - 19h30 Domingo - 9h30

2

www.santuarioscj.com.br


Jornal d o

SANTUÁRIO

Geral ARTIGO DO MÊS

Por Talita Rosa

2014: a chegada de um novo ano O que esperar ou em Quem esperar?

Estamos na época do ano mais propícia a novos planos. Com os calendários de 2014 recebemos 365 oportunidades de fazermos diferente. Muitas pessoas costumam colocar esses novos planos no papel, em uma lista de metas para o ano novo. Entre os itens, infelizmente, pouco aparecem novos objetivos espirituais. Os mais comuns são mudar de emprego, começar uma atividade física, matricular-se em um curso, fazer uma viagem, etc. Por que não incluímos novos desafios espirituais no ano que está chegando? Por-

Benfeitores do Coração Por Jacqueline Freudenborg

Iniciamos uma nova história no Santuário Sagrado Coração de Jesus, um tempo novo. Muitas foram as conquistas no decorrer de 2013 que, em conjunto com os dizimistas e benfeitores, contribuíram com amor na devolução daquilo que é de fato de Deus: o dízimo. Reformas, projetos, manutenção. Tudo para o bem estar da comunidade, dos peregrinos e daqueles que visitam a Casa do Coração. Queremos agradecer aos colaboradores do jornal que permitem a evangelização utilizando este meio de comunicação, distribuído gratuitamente e mensalmente nas missas. Agradecemos também a oferta concedida e que expõe sua imagem nas páginas desse informativo contribuindo para a formação e a informação. Muito obrigada! Que o Sagrado Coração de Jesus abençõe a cada um e a cada uma pela sua bondade e generosidade com a Casa do Coração, pois aqui todos tem um lugar reservado no Coração de Jesus.

www.santuarioscj.com.br

que quase nunca paramos para avaliar que cristãos temos sido. Aí fica difícil identificar onde precisamos crescer espiritualmente e quais práticas cristãs podemos efetivamente inserir no nosso dia a dia a fim de alcançarmos esses novos objetivos. Ao contrário, já começamos um novo ano esperando. Esperando que a comunidade cresça, que entrem novos membros nas nossas pastorais e movimentos, que a Igreja tenha mais vocações sacerdotais e religiosas, que sejam feitas reformas e construções nas dependências paroquiais, que haja mais horários de missas e confissões e por aí vai. Nosso ser cristão se resume às realizações e conquistas do outro. Quase nunca às nossas. Mas em 2014 pode ser diferente. Ao invés de nos perguntarmos “O que esperar de 2014?”, perguntemo-nos, sinceramente, “Em Quem esperar em 2014?” Isso significa uma mudança de foco nos planos que estamos fazendo: assumir nosso ser cristão como sujeitos que fazem a diferença no mundo e que superam seus limites humanos, graças ao que recebem do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Esperar em Cristo significa estar pronto para vivenciar o que quer que venha. Há quem diga, licenciando-se das regras mais rígidas da Língua Portuguesa, que esperança é um verbo porque precisa ser praticado. Cristãos que somos, quando questionados sobre o que esperar do ano novo, estejamos prontos para responder: eu prefiro saber em Quem esperar. E já encontrei essa resposta: em 2014, eu vou esperar em Deus.

SANTO DO MÊS

Santo Tomás de Aquino

Tomás de Aquino veio de uma família de nobres. Nasceu em 1225, em Aquino, localizado em Roccasecca, atual Lácio, na Itália. Fez seus primeiros estudos no castelo de Monte Cassino. Estudou, em 1239, as artes liberais - conjunto de disciplinas de iniciação ao conhecimento filosófico e teológico -, em Nápoles. Foi um importante teólogo, filósofo e padre dominicano do século 13. Fundador da escola tomista de filosofia e teologia, Tomás de Aquino é considerado um dos principais representantes da escolástica (linha filosófica medieval de base cristã). O tomismo (conjunto de doutrinas teológicas e filosóficas de São Tomás de Aquino) foi um dos argumentos usados pela Igreja Católica para reafirmar a fé cristã, principalmente na contrarreforma, que tinha a intenção de combater o protestantismo na Europa. Tomás de Aquino foi canonizado em 1323 pelo papa João 23. Morreu em 1274, antes de participar do concílio de Lyon.

3


Jornal d o

SANTUÁRIO

Formação NOVO ANO

Por padre Luciano dos Santos

O que poderíamos fazer hoje com um Ano Comunitário, na busca da renovação da paróquia, que já não tenha sido tentado antes? Há muita coisa que aparece como nova, mas que já pertence ao passado. São propostas recicladas. A paróquia já trilhou o caminho da Lumen Gentium, já trabalhou no caminho da Gaudium et Spes, já se inspirou na Dei Verbum, na Sacrossanctum Concilium e já passou por todos os documentos conciliares, além dos documentos do Celam e da CNBB. Muitos projetos já foram criados e muitos foram superados ou arquivados por falta de paciência, por cansaço ou pelo sufoco de advertências, resistências e desconfianças. Muitos projetos e sonhos de renovação não chegaram a ser alma da diocese e da paróquia. Há muita rigidez e resistência a mudanças. Até parece que nossa paróquia (e diocese) é uma realidade blindada. Muitos projetos deixaram excelentes contribuições, porém foram silenciados em nome do mais cômodo e do mais seguro. Precisamos de um projeto suficientemente sólido para o Ano da Comunidade para enfrentar a grande maioria que está contente com a paróquia assim como está. Para contagiar os que não têm vontade de mudança ou tem medo de mudanças porque as coisas como estão trazem segurança. Um projeto que esteja em conformidade com as palavras do papa Francisco: “Não podemos ficar enclausurados na paróquia, em nossa comunidade, em nossa instituição paroquial ou em nossa instituição diocesana, quando tantas pessoas estão esperando o Evangelho” (papa Francisco no Brasil. São Paulo: Paulinas, 2013, p. 73). Precisamos passar de uma pastoral centralizada na matriz e capelas, onde os fiéis vão buscar a oração e o atendimento, para uma paróquia: rede de comunidades, espalhadas por todo o seu território, servindo a todos e dando frutos de caridade. Tarefa árdua, mas o Documento de Aparecida adverte que “ninguém pode se isentar de dar esses passos” (Aparecida 365). Considerando o clamor do povo de Deus por meio das respostas ao questionário em preparação de nossa 38ª Assembleia Diocesana de Pastoral, apresentamos 14 ações para o ano de 2014, a serem estudadas e aplicadas por todos nós durante o Ano da Comunidade: reforçar os Grupos Bíblicos de Reflexão; setorização das paróquias em unidades menores; favorecer o surgimento de comunidades; fortalecer os Conselhos de Pastoral; qualificar a acolhida; aprofundar o jeito de ser Igreja em nosso jeito de celebrar; iniciação à vida cristã e catequese permanente; fortalecer as pastorais sociais; orientar os movimentos; formação sistemática e de qualidade do laicato; formação de presbíteros; dar atenção especial à dimensão ecumênica; abandonar as estruturas ultrapassadas, buscar a conversão pastoral e renovação missionária das comunidades e buscar a unidade fundamental da ação pastoral. Que estas ações (projetos), somadas às iniciativas pensadas nas comunidades, paróquias e comarcas, venham a fazer deste Ano da Comunidade uma oportunidade de crescimento de nossas comunidades e um despertar vocacional para todos os batizados e batizadas que ainda não deram sua resposta positiva ao chamado do Senhor. Padre Luciano dos Santos, em nome da Coordenação Diocesana de Pastoral. A íntegra das ações para o Ano da Comunidade está disponível no portal: www.diocesejoinville.com.br

4

Foto: padre Otávio Ferreira Antunes

2014: Ano da Comunidade

Ano novo

Por padre Aloísio

Iniciemos o ano com Nossa Senhora, para que seja um ano de progresso na vida interior e na espiritualidade. Coloquemos nossa confiança no Coração de Jesus, para realizar tudo aquilo que Deus quer tendo a coragem de nos santificar para nossos irmãos.

www.santuarioscj.com.br


Jornal d o

SANTUÁRIO

pastorais e Movimentos MUdANÇAS

Despedida dos padres do Santuário Por padre Elinton Jesus manso e humilde de coração: fazei nosso coração semelhante ao Vosso! Essa oração tem me acompanhado no meu caminho vocacional e traduz meu desejo de ser instrumento nas mãos de Deus. Com esse fervor, vim para Joinville para ser padre no Santuário Sagrado Coração de Jesus, procurando ser presença d´Ele de amor e misericórdia no meio do povo. Foi um presente iniciar minha vida sacerdotal na Casa do Coração. Fui muito bem acolhido, cativado e motivado a mergulhar na espiritualidade do Coração de Jesus pelo exemplo concreto da vida de tantos devotos que aqui cultivam sua fé. Trabalhei bastante e já recebi muitas graças. Afinal, não tem preço poder ajudar alguém a renovar sua esperança, retomar o brilho no olhar e a alegria de não caminhar sozinho ao descobrir que o Coração de Jesus não o abandona em Seu infinito amor. Sou muito grato ao Coração de Jesus e à Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus por me proporcionarem essa experiência maravilhosa em Joinville. Também quero agradecer a todos que de uma forma ou outra passaram em minha vida. Vocês foram rosto do Coração de Jesus, me ajudando a ser um padre melhor a cada dia. Tenham a certeza que os levarei no coração com muito carinho. Afinal de contas, o primeiro amor a gente nunca esquece! Minha nova missão é na Comunidade Bethânia, fundada pelo falecido padre Léo, scj. A casa acolhe e restaura dependentes químicos e lá também quero ser sinal e canal da presença amorosa do Coração de Jesus, como pede padre Dehon, nosso fundador. Lá trabalharei na acolhida dos dependentes, acompanhando os consagrados, pregação de retiros e atuando na comunicação. Quero contar com sua oração para que essa missão continue a restaurar muitas vidas. Também quero convidá-lo a me visitar e conhecer a Comunidade. Bethânia é a casa dos amigos de Jesus, lugar onde Ele gostava de estar, como nos ensina a Palavra. Obrigado por todo carinho. Que o Coração de Jesus vos cumule de muitas bênçãos. Permaneçam na paz, no amor e alegria que vem do próprio Coração de Jesus. Forte abraço.

Por padre Valdir Foi inspirado na palavra de Deus que vivi cada uma das 19 transferências ao longo da minha vida sacerdotal. “Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz seu senhor. Mas chamei-vos amigos, pois vos dei a conhecer tudo quanto ouvi de meu Pai”, conforme registrado em João 15,15. Cumpro meu voto de obediência e desejo ser amigo de Jesus ao atender o pedido daquele que foi escolhido para me conduzir. Em 2014, volto ao Seminário São José, em Rio Negrinho, onde iniciei minha formação e também fui reitor. Viverei um ano sabático, sem compromissos apostólicos e comunitários para poder descansar, refletir e me renovar espiritualmente. Quem sabe, aproveitarei este tempo também para viajar, conhecer Roma, sede da Igreja Católica, e encontrar-me com Francisco, nosso papa. Mesmo sem compromissos formais, não deixarei de atender às necessidades dos padres da paróquia na qual pertencerei, seja para celebrar missa, atender confissão ou qualquer outra atividade. E será em Rio Negrinho que comemorarei meu jubileu de ouro, em junho, por conta dos cinquenta anos de vida sacerdotal. Agradeço sua acolhida nestes 11 meses que fiquei em Joinville. Pe. Flávio Morelli, scj, que também já passou por aqui, sempre me falou muitíssimo bem da Paróquia Sagrado Coração de Jesus. E ele estava certo: convivi com pessoas maravilhosas e conheci uma comunidade espetacular. Fiquem com Deus e com as bênçãos de Nossa Senhora do Carmo.

www.santuarioscj.com.br

5


Jornal d o

SANTUÁRIO

O ano que se inicia traz consigo uma nova fase na vida do Santuário e, com isso, desafios se achegam. A partir do próximo mês, as comunidades Divino Espírito Santo, São Judas Tadeu e Nossa Senhora do Rosário se tornarão paróquia. A última, em questão, terá ainda a Comunidade Sagrada Família como capela. Os preparativos para a mudança começaram no ano passado em reunião com os coordenadores do Conselho Pastoral Comunitário (CPC). Para os coordenadores de cada comunidade, as expectativas para as mudanças são grandes e, com a ajuda do Espírito Santo, a nova caminhada será repleta de bênçãos. “Estamos ansiosos e curiosos para saber como se vivenciará o próximo ano e como será a caminhada com a nossa nova comunidade”, comenta a coordenadora do CPC da Comunidade Nossa Senhora do Rosário, Tânia Roza. Como preparação para esta nova paróquia, nos dias 29, 30 e 31 está marcado o Momento do Tríduo. No dia 2 de fevereiro, oficialmente, esta comunidade se tornará paróquia. “Toda transição é sempre exigente e complicada, por ter que lidar com uma estrutura pesada e com pessoas já adaptadas à atual caminhada pastoral da comunidade. Como coordenadora, terei como o desafio de ajudar na mudança de mentalidade de comunidade para paróquia. Em segundo lugar, o desafio é elegermos, em comunhão com a Comunidade Sagrada Família, um coordenador do Conselho Pastoral Paroquial (CPP). Em terceiro, auxiliar na reorganização das lideranças e estruturas pastorais; e em quarto lugar e o mais importante, é lutar para que, como paróquia, caminhemos juntos com um mesmo objetivo: a evangelização”, conclui. A Comunidade Divino Espírito Santo também se prepara para a mudança desde o ano passado. Sendo

6

assim, uma equipe foi feita para participar das reuniões na Mitra Diocesana de Joinville e preparar os documentos para implantação da nova paróquia. Aos poucos, a comunidade vai agregando novas mudanças, como a escolha da casa paroquial e a reestruturação da secretaria. “Estamos em oração e esperamos que tudo ocorra bem nessa transição”, conta o coordenador de CPC da Comunidade, João Baptista. A intenção, a partir desta nova etapa, é continuar dando sequência aos trabalhos missionários desenvolvidos por meio da Pós-Missão e colocar em prática as 14 ações de trabalhos da Diocese levantadas na última Assembleia Diocesana. Por fim, a Comunidade São Judas Tadeu vai buscar dar ainda mais prioridade para os Grupos Bíblicos de Reflexão (GBR’s) com o projeto de animar e reanimá-lo sempre. Para a coordenadoras do CPC, Claudete Petris, o desafio nesta etapa está presente em todo o processo. “Precisamos ajudar a despertar novas lideranças e novas pastorais, como implantar a Pastoral da Criança, do Idoso e reativar o Serviço de Animação Vocacional (SAV)”, relata. Este tempo de renovação traz consigo ansiedade e um desejo de uma paróquia fraterna e acolhedora. A Comunidade está sendo orientada pelo cerimoniário do bispo para o dia da posse. Um coquetel de celebração também está sendo preparado para selar o presente que lhes foi dado. Todas estas mudanças e adaptações que as novas paróquias viverão serão guiadas pelo CPC em conjunto com o Conselho Pastoral Paroquial (CPP). Para quem não conhece, o CPC é um órgão que tem como função animar e organizar a vida pastoral da Comunidade, colocando em prática as ações de evangelização.

www.santuarioscj.com.br


Jornal d o

SANTUÁRIO

Conheça os novos párocos O novo tempo das Comunidades Divino Espírito Santo, São Judas Tadeu e Nossa Senhora do Rosário começa a ganhar um toque especial. Os novos párocos tomam posse em fevereiro e, abaixo, você pode conhecer melhor cada um deles.

Comunidade divino Espírito Santo Ordenado presbítero em 29 de novembro de 2013, em Itapoá, José Carlos Oliveira será o primeiro pároco da Comunidade Divino Espírito Santo. Desde adolescente, sentiu-se chamado a servir a Deus, como consagrado, dedicando-se à educação. Como aluno marista, identificou-se com a vida consagrada religiosa, ingressando à Congregação dos Irmãos Maristas das Escolas. Fez seus estudos eclesiásticos e acadêmicos, exercendo o magistério por 37 anos, em diversas escolas de Santa Catarina, Paraná e Rondônia. Aos 59 anos, ingressa na Diocese de Joinville, a fim de ser ordenado presbítero da Igreja com total dedicação. Que seu ministério seja abençoado e iluminado pelo Espírito Santo.

Comunidade São Judas Tadeu Ordenado padre em 2003, Luciano dos Santos iniciou sua vida de sacerdote como vigário na Paróquia São Paulo Apóstolo, no bairro Comasa, e dois anos depois assumiu o cargo de pároco. Passou também pelo Santuário Senhor Bom Jesus de Araquari em 2008, onde atuou como administrador diocesano, e até o dia 1º de dezembro do ano passado era pároco da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, no bairro Glória. Agora, no mês de fevereiro, torna-se o primeiro pároco da Paróquia São Judas Tadeu. As expectativas, segundo o padre, são grandes e as melhores possíveis. Nascido e criado na zona sul da cidade, participou de muitas missas na Comunidade São Judas Tadeu. Com a participação nos Grupos Bíblicos de Reflexão, nos encontros do Grupo de Jovens e participação em retiros, sentiu o chamado para trabalhar como servo do Senhor. Ingressou no seminário aos 15 anos e em 2013 completou dez anos de vida sacerdotal.

Comunidade Nossa Senhora do Rosário Natural de Paranavaí, no Paraná, o primeiro pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, padre Adalberto Donadelli Júnior, ingressou no seminário aos 15 anos. Trabalhou durante dez anos no Seminário Servos dos Pobres, em Curitiba. Veio para a Diocese de Joinville no ano 2000, sendo acolhido na época por Dom Orlando Brandes. Foi ordenado diácono e padre no ano de 2004. No ano seguinte, trabalhou como vigário paroquial na Paróquia Cristo Ressuscitado, no bairro Floresta. De 2006 a 2008 foi reitor do Seminário Diocesano Divino Espírito Santo e em 2009 foi fazer mestrado em Teologia Espiritual, em Roma. Quando retornou em 2011, começou a trabalhar no Seminário Nossa Senhora de Guadalupe, em Florianópolis, como reitor de teologia e em 2013 foi administrador diocesano da Paróquia São Luiz Gonzaga, no bairro Itinga. No dia 2 de fevereiro assume, junto com o diácono Jackson Rampelloppi, o cargo de pároco da nova paróquia. A expectativa é de conhecer melhor a comunidade, as lideranças e o povo. Padre Adalberto está muito esperançoso para que seja um ano abençoado.

www.santuarioscj.com.br

7


Jornal d o

SANTUÁRIO

Comunidades DIVINO ESPÍRITO SANTO

Retrospectiva 2013

Durante a Semana de Pentecostes, realizaram-se as Casas de Oração Comemoração do aniversário de 33 anos da comunidade

Uma das tendas na Festa das Tendas

Jovens da comunidade na Jornada Mundial da Juventude

Missa do Sacramento da Crisma

Em 2013, umas das prioridades da Comunidade foi o fortalecimento dos Grupos Bíblicos de Reflexão

8

Ordenação sacerdotal do padre Silvino (à direita) e a ordenação diaconal de Osvaldo da Rosa (à esquerda)

Em 2013, a comunidade contou com a visita do seminarista Fábio Bosco, que neste ano será ordenado padre

www.santuarioscj.com.br


Jornal d o

SANTUÁRIO

Comunidades SÃO JUDAS TADEU

Por Marco Farias

Retrospectiva 2013 Durante o ano de 2013, nossa comunidade vivenciou inúmeros momentos de fé, devoção, partilha e festa. Confira ao lado algumas fotos desses momentos marcantes. Fevereiro: uma vez por mês, saímos da igreja e fomos celebrar a Eucaristia na casa de nossos irmãos com as missas de setor dos Grupos Bíblicos de Reflexão. Março: iniciamos o ano de 2013 com mais uma edição da Escola Paroquial de Formação. Logo no primeiro encontro, foi possível conhecer e aprender um pouco mais sobre a Campanha da Fraternidade, em que o tema era “Fraternidade e Juventude”. Ainda em março, recordamos a morte e ressurreição do Senhor nas celebrações da Semana Santa. Saímos às ruas em procissão com ramos nas mãos no domingo, para a Procissão do Encontro na terça-feira, e no domingo de Páscoa para a Procissão da Ressureição. Abril: nossos crismandos estiveram reunidos em retiro durante um domingo, em que participaram de momentos de descontração, oração e adoração para assim estarem bem preparados para receber o Sacramento da Confirmação. Maio: mês de grandes comemorações: Maria, Dia das Mães e Corpus Christi. Coroamos Nossa Senhora e homenageamos nossas mães com bolos e presentes. Ao término do mês, celebramos o dia de Corpus Christi, em que prestigiamos o tradicional tapete que, em 2013, foi confeccionado por voluntárias de nossa Comunidade no corredor central da igreja. Junho: mês de São João! Os Grupos Bíblicos de Reflexão promoveram uma festa junina com direito a casamento caipira, quadrilha e todas as comidas e bebidas que uma boa festa junina requer. Julho: as igrejas do Brasil e do mundo se voltaram para a cidade do Rio de Janeiro para acolher o papa Francisco e a Jornada Mundial da Juventude. Nossos jovens foram enviados por nossa Comunidade para participarem desse grande encontro, no qual foram convidados pelo santo padre a serem missionários. Agosto: no mês das vocações, fomos convidados a partilhar os dons que de Deus recebemos por meio de um jantar beneficente em prol de uma família de nossa comunidade que passa por dificuldades. Ainda em agosto, foi a vez de celebrarmos o aniversário de 24 anos do Grupo de Jovens Sementes do Amanhã. Setembro: no mês da Bíblia, o convite foi para nos aproximarmos mais da Palavra do Senhor. Além de destaque nas celebrações, a Bíblia foi o tema de uma gincana em nossa Comunidade, em que foi testado o conhecimentos dos participantes. Outubro: mês de celebrar nosso padroeiro São Judas Tadeu! Durante nove dias, fizemos a novena que contou com a participação de nossas comunidades irmãs e convidados, além de saborearmos delícias durante os cinco dias de nossa festa social. Novembro: foi a vez de nos reunirmos em Comunidade para rezar pela ordenação diaconal de Osvaldo da Rosa, realizada no dia 24 de novembro.

www.santuarioscj.com.br

Fevereiro

Março

Abril

Maio

Junho

Julho

Agosto

Setembro

Outubro

Novembro

9


Jornal d o

SANTUÁRIO

Comunidades SAGRADA FAMÍLIA

Por Mariléa Soares

Retrospectiva 2013 A Sagrada Família de Nazaré sempre teve muitas dificuldades durante a caminhada para o nascimento de Jesus, mas permaneceram confiantes que conseguiriam chegar ao destino que lhes fora comunicado pelo anjo. Nós, como comunidade que procura caminhar conforme a vontade do Senhor, também seguimos o mesmo trajeto com dificuldades, mas buscamos levar o mais longe possível a Palavra de Deus e Seus mandamentos. Não existem mais imperadores nem sacerdotes que sejam contra os cristãos. Mas dificuldades financeiras nos acompanham, pois muitas pessoas que estão ao nosso redor são carentes e necessitadas. Com toda essa realidade, completamos 23 anos de existência em 2013 e assim continuamos rumo aos 25 anos de fundação. Iniciamos o ano que se passou com a nova coordenação do Conselho Pastoral Comunitário (CPC), assumido por Idinéia da Silva com todo o apoio. Vivemos a Semana Santa com a presença do padre Silvano da Costa, que nos acompanhou durante o Tríduo Pascal e o domingo de Páscoa com seu carisma e simpatia. Suas palavras nos fizeram refletir sobre o calvário que Jesus viveu e deixaram, em nós, o desejo de cada vez mais reconhecer que Ele é o Senhor e Seu amor por nós é infinito. Com muita luta e colaboração de todos, conseguimos colocar o forro da igreja. Isso ocorreu graças ao trabalho espetacular do Conselho Administrativo e Financeiro (CAF) de nossa comunidade que é liderado por Anselmo Bernardes e sua equipe muito participativa.

Bíblia

Procissão de Ramos

10

Nascituro

Sexta-feira Santa

A festa em honra a Sagrada Família, em maio, foi um momento marcante, pois envolveu várias pastorais e movimentos e tudo aconteceu conforme o previsto. Ao longo do ano, estudamos o Catecismo da Igreja Católica (CIC) todo mês em nossas reuniões do CPC e também nos programas Clube da Fé, na rádio Clube AM 1590, sob a orientação do padre Elinton. Refletimos, no Ano da Fé, o catecismo para poder torná-lo conhecido diante dos nossos ouvintes e realmente foi gratificante. No mesmo ano, nossos jovens reativaram o Grupo de Jovens que, com muita perseverança, vem desenvolvendo um belíssimo trabalho junto à comunidade. Estamos muito orgulhosos dessa pastoral! Nessa trajetória de evangelização, que nos foi proposta por meio do projeto de Deus, Ele nos diz em Sua Palavra: “Eis que estarei convosco todos os dias até o final dos tempos” (Mateus 28,20). No ano de 2014, estaremos seguindo um novo caminho, em que teremos uma nova paróquia, novos desafios e um novo pároco. Com a implantação da nova paróquia, a Assembleia Comunitária de 2013 foi realizada junto com Comunidade Nossa Senhora do Rosário e refletimos sobre o DOC 104, “Comunidade de comunidades”, que nos chama a perceber que devemos viver nosso dia a dia sem esquecer de que precisamos ver nossos irmãos com amor e sermos solidários. Enfim, encerramos o ano com o tríduo da ordenação diaconal de Osvaldo da Rosa, em 19 de novembro e, com muita alegria, parabenizamos este homem de fé. Ao final do ano, na missa de Natal, às 20h, tivemos a junção de vários membros da pastoral do canto e música em um coral rico de vozes inspiradas por Deus.

Nascituro

Missa de Lava-pés

Vigília Pascal

Assembleia

www.santuarioscj.com.br


Jornal d o

SANTUÁRIO

Comunidades nossa senhora do rosário

Por Edilson Maia

Retrospectiva 2013 A Comunidade Nossa Senhora do Rosário viveu momentos especiais de muita alegria e espiritualidade em 2013. Ficamos felizes pelas graças recebidas, por isso, queremos compartilhar e relembrar alguns desses momentos registrados em fotografias com vocês, leitores.

A comunidade só tem a agradecer e louvar a Deus por tudo o que viveu e pedir que o ano que se inicia seja tão abundante de graças quanto o ano que se foi. A seguir, alguns dos momentos marcantes da comunidade em 2013.

Café com Maria

Coroação de Nossa Senhora

Envio dos coroinhas

Festa da Padroeira

Iniciação à Vida Eucarística

Missa de Corpus Christi

Missa da Crisma

Missa de Lava-pés

Procissão de Ramos

Ultima reunião CPC do ano

Via Sacra

Cerco de Jericó

www.santuarioscj.com.br

11


Profile for Agência Arcanjo

Jornal do Santuário | Edição janeiro/2014.  

Confira a Edição de janeiro do Jornal do Santuário Sagrado Coração de Jesus, de Joinville / SC. O Projeto E da Agência Arcanjo Comunicação C...

Jornal do Santuário | Edição janeiro/2014.  

Confira a Edição de janeiro do Jornal do Santuário Sagrado Coração de Jesus, de Joinville / SC. O Projeto E da Agência Arcanjo Comunicação C...

Advertisement