Issuu on Google+

Informativo da Paróquia

TRIÊNIO MISSIONÁRIO

OUTUBRO 2012 - ANO 5 - Nº49 www.igrejasantaluzia.com.br

pascom@igrejasantaluzia.com.br

Nossa Senhora Aparecida, padroeira do povo brasileiro A imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada por pescadores do Rio Paraíba do Sul, na região de Guaratinguetá, estado de São Paulo, por volta do ano de 1717. O culto à Senhora não tardou a tomar vulto. Foi dado o nome de Aparecida, por ter aparecido do meio das águas nas mãos dos pescadores. A imagem fragmentada, negra, feminina, encontrada nas águas do Rio simboliza a simplicidade e pureza do povo simples de nossa nação brasileira, que volta-se para ela para agradecer e pedir graças. Defensora dos pobres, protetora dos que sofrem patrona dos oprimidos. Títulos como esses expressam a fé do povo a Nossa Senhora que traz uma mensagem de libertação e de esperança. Aos pés da Aparecida são colocados pedidos e fazem-se orações, acendem-se velas. Nossa Senhora Aparecida nada mais é que uma das muitas faces que Nossa Senhora mostra à humanidade. Hoje a Igreja Católica, inspirada em Maria, a protetora da vida, é a "mãe" dos excluídos. E quer proteger e salvar a vida do nascituro, do feto indefeso, assim como ela salvou a vida de seu filho Jesus das mãos de Herodes. No Santuário de Aparecida os peregrinos olham com fé para a imagem que veio do fundo do rio, puxada pela rede dos três pescadores. Ela veio e as redes se encheram de peixes, comida e alegria de viver a festa sem fim. Esta mesma imagem continua fazendo sorrir milhões de peregrinos que vêm buscar: conforto, esperanças, graças e levam, no coração, a vida abundante do Filho Jesus. A Mãe Aparecida diz para todos:"Fazei tudo o que Jesus vos disser!". Nossa Senhora Aparecida é muito querida pelo povo brasileiro. Ela de forma amorosa e solícita intercede junto a Jesus em favor dos seus filhos. E é com certeza uma intercessora poderosa diante de Jesus o nosso Salvador. Ela sempre nos apresentará ao seu filho Jesus.

Mãe das crianças do Brasil Como todas as mães Nossa Senhora tem carinho especial para com seus filhos menores e mais frágeis. Costuma-se dizer que um país que não cuida das suas crianças e dos seus adolescentes está fadado a ter um futuro nada promissor. O mesmo podemos dizer das comunidades cristãs que não zelam pelas suas crianças e pelos seus adolescentes. Elas estão fadadas a desaparecer. O exemplo de mãe para os cristãos é Maria, a mãe de Jesus. Que a Mãe Aparecida olhe com carinho para o povo brasileiro. Que ela inspire os governantes a promoverem a paz e a justiça social. Ajude os pais a educarem seus filhos nos valores do Evangelho. Ilumine a Igreja a promover ações de solidariedade e a se transformar em "casa e lugar de comunhão". Que a Mãe Aparecida ampare as crianças do Brasil, para que elas possam "crescer em tamanho, sabedoria e graça diante de Deus e dos homens", a exemplo do seu Filho Jesus . Nossa Senhora Aparecida, rogai por nós!

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PAROQUIAL - OUTUBRO 2012 DATA

EVENTO

LOCAL

01/07

Celebração Semana da Vida

Nas comunidades

06

Missa Comarcal da Infância Missionária

São José Operário

06

CPP (Conselho Paroquial Pastoral)

N. S. Bom Parto

06

MIssa das Crianças

Santa Luzia

09

Missa Grupos Bíblicos Reflexão

São José

19h30

16 a 18 Curso Diocesano do Clero

Vila Nova

9 a 11

Triduo de Nossa Senhora Aparecida

N.S.Aparecida

19:30

21

Curso de Noivos

Santa Luzia

12

Missa em honra a N. Senhora

Santa Luzia

08h

23

Missa Grupos Bíblicos Reflexão

Sr. Bom Jesus

12

Carreta (saída Sta Luzia em direção a Com. N. Sra Aparecida

09h

27

Curso de Pais e Padrinhos

Santa Luzia

13h30 – 20h30

12

Missa Solene da Padroeira

10h

30

Reunião Animadores do GBR

Santa Luzia

19h30

N.S.Aparecida

HORÁRIO

13

Mil Aves Maria

Santa Luzia

12h

13

Missa em honra a Santa Luzia

Santa Luzia

19h30

15h

13

4ª Noite Carismatica

N.S.Aparecida

19:30

14:30

14

Reejaf

Santa Luzia

9h

16

Missa Grupos Bíblicos Reflexão

N. Sra Bom Parto

15h 19h30 8h 08h – 18h 19h30


2

Informativo da Paróquia Santa Luzia • OUTUBRO 2012

EDITORIAL Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Queridos paroquianos o mês de outubro é o mês especial, ele começa com a semana nacional da vida, com o tema "Vida, saúde e dignidade: direito e responsabilidade de todos". E nesta mesma semana comemoramos o dia Internacional do idoso. A data comemorativa é importante para lembrar os avanços em relação à qualidade de vida dessas pessoas e das condições que elas precisam para viver bem. São Francisco de Assis, que comemoramos no dia 04 de outubro. foi uma criatura de paz e de bem, terno e amoroso. Amava os animais, as plantas e toda a natureza. Por isto que ele é conhecido como o protetor dos animais e santo patrono dos ecologistas. No dia 12 de outubro comemoramos a padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida e o dia das crianças. E este é o tema de nossa capa. Na matéria do dizimo vamos rezar a oração do Pai-Nosso do Amor-Partilha e ver que o testemunho de vida acontece a partir da vivência da Palavra de Deus. Padre Inácio fala sobre a importância da missão. Com o objetivo de tirar o cansaço da fé e tornar Deus presente neste mundo, o papa Bento XVI anuncia o Ano da fé (de 11/10/2012 a 30/11/2013). Este ano deverá intensificar-se a reflexão sobre a fé. Irmã Edite comenta sobre o retiro das jovens vocacionadas e deixa o convite para as jovens conhecerem o trabalho que a congregação realiza. Dia 12 de outro acontecerá uma carreata saindo da Igreja Matriz Santa Luzia em direção a comunidade Nossa Senhora Aparecida onde irá acontecer a missa as10h com coroação. Haverá almoço e tarde festiva. Leia o nosso jornal, leve aos seus vizinhos e amigos. Desejamos um abençoado mês. Abraços fraternos, Pastoral da Comunicação.

Coluna do Dízimo

Outubro mês missionário PADRE INÁCIO - PÁROCO

Nossa Igreja é missionária por natureza, se deixar de ser, perde sua essência. Pois aquele que a fundou, Jesus Cristo foi o grande missionário do Pai. Esteve neste mundo fazendo a vontade do Pai. Jesus tinha consciência da sua missão e nós sabemos para que viemos a esse mundo? A mulher Samaritana junto ao poço disse a Jesus: "Senhor dá-me desta água, para que eu não tenha mais sede, e nem tenha que vir aqui e tirar água" (Jô 4,15). Você sabe que existe muita gente com sede, mas não tem quem lhes dê da água viva, ou seja, não tem ninguém que lhes fale de Deus. Precisamos nos aproximar das pessoas e oferecer esta água viva. Não aquela que compramos, ou a tiramos diretamente de uma nascente, ou aquela que sai de uma torneira, mas aquela que um dia também nós "bebemos", a Palavra de Deus. Somos desafiados a repartir com os outros aquilo que para nós é novidade, a verdadeira água viva, Jesus Cristo. As pessoas muitas vezes por não conhecerem buscam água que não mata a sede. Estão atrás de migalhas quando poderiam ter tudo, por não conhecer Jesus a verdadeira água Viva. Vamos olhar ao nosso redor e encontraremos pessoas de mãos estendidas clamando para que alguém olhe por elas. Você participa dos Grupos Bíblicos?

Não participa? Que tal você também se engajar tomando a iniciativa e abrindo um Grupo Bíblico aí em sua rua? Faça a sua parte, pois Deus faz muito bem a sua. Se você prefere não participar, reze pelos seus vizinhos, parentes e por sua Igreja. Reze pelas vocações sacerdotais e religiosas, faça pequenos gestos de amor, assim no silencio de sua casa estás contribuindo de forma indireta pelas missões. Não esqueça que quando você foi batizado (a) ao ser ungido com óleo do Crisma o sacerdote assim rezou: "que o Espírito Santo o consagre com este óleo, para que você participe da missão do Cristo, sacerdote, profeta e rei, agora que você faz parte do povo de Deus, siga os passos de Jesus e permaneça sempre com Ele". Como você viu, fomos todos ungidos e enviados a viver e anunciar a Boa Nova a todos. Coloque em prática o seu Batismo e verás a glória de Deus. Portanto todos os cristãos pelo batismo exercem as funções de sacerdote, profeta e rei. Eles realizam segundo a sua condição, a missão de todo povo cristão na Igreja e no mundo nos diz o Documento de Aparecida 209. São homens e mulheres da Igreja no coração do mundo e mulheres e homens do mundo no coração da Igreja (cf. DPb 786), seja você também um missionário.

Seja bem-vindo, Ano da Fé! Pai-Nosso do Amor-Partilha Pai-Nosso que estais nos céus, santificado seja o vosso nome; ensinai-nos a partilhar o nosso dízimo na Igreja para que vossa vontade seja feita aqui na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje e vossa justiça seja feita em toda terra. Perdoai nossa ganância, egoísmo e individualismo e que o vosso reino seja implantado no imenso universo. Livrai-nos da tentação de querer reter a parte que vos pertence. Que vosso perdão nos traga a benção de vossa infinita bondade e que possamos encontrar-vos, plenamente, um dia, em vosso magnífico coração. Sabemos que tudo isso é possível, por meio do amor-partilha. Amém. Se Deus lhe perguntasse: porque você ainda não é um dizimista justo e fiel na Igreja? Qual seria sua resposta? O testemunho de vida acontece a partir da vivência da Palavra de Deus. Os ensinamentos bíblicos devem ser lidos a partir do coração. Tudo que brota do coração dá frutos de amor. 1-"Toda pessoa que é instruída pela Palavra de Deus, deve partilhar os seus bens com a Comunidade". Gálatas – 6,6. 2- Segundo o Profeta Malaquias, 3,8-9, sonegar, falsificar ou negar o dízimo e as ofertas, é roubar ao próprio Deus, autor da vida e de todos os bens. 3- Depois de ter lido, refletido e rezado sobre os textos bíblicos acima, qual seria a sua resposta se Deus hoje lhe perguntasse de novo: Por que você ainda não é um dizimista fiel e perseverante... Juarez Pedro Borba

Através da Carta Apostólica o papa Bento XVI proclamou o "Ano da Fé". Em nossa diocese, em função do Dia Nacional da Juventude (DNJ), a abertura acontecerá em 26 de outubro. O "Ano da Fé" e "Jornada Mundial da Juventude", caminharão lado a lado. Por que o Ano da Fé? Porque com este ano se quer marcar solenemente dois grandes acontecimentos importantes na vida de nossa Igreja: 1) Os 50 anos de abertura do Concílio Vaticano II; 2) Os 20 anos de publicação do Novo Catecismo da Igreja Católica. O papa afirmou que atravessar a porta da fé é embrenhar-se num caminho que dura a vida inteira: "Este caminho tem início com o Batismo, pelo qual podemos dirigirnos a Deus com o nome de Pai, e está concluído com a passagem através da morte para a vida eterna". Ele falou sobre a importância deste ano: "Deverá intensificar-se a reflexão

sobre a fé, para ajudar todos os crentes em Cristo a tornarem mais consciente e revigorarem a sua adesão ao Evangelho, sobretudo num momento de profunda mudança como este que a humanidade está a viver". Ao longo deste ano, todos os fiéis batizados são convidados a descobrirem as riquezas teológicas e espirituais contidas nos 16 documentos aprovados no Concílio Vaticano II, bem como no Catecismo da Igreja Católica. Será, sim, um ano de aprofundamento doutrinal e espiritual. Precisamos descobrir as verdadeiras razões de nossa fé, pois quanto mais estivermos convictos daquilo que acreditamos,

mais daremos testemunho autêntico da nossa fé. Infelizmente, poucos ainda sabem do evento "Concílio Vaticano II". O Catecismo já é mais conhecido, mas pouco lido e compreendido. Esforços e investimentos não deverão ser economizados para fazer deste ano aquilo que o papa tanto deseja: uma autêntica e renovada conversão ao Senhor, único Salvador do mundo. O desafio é grande e, por isso, deve ser assumido com entusiasmo. Este ano precisa fazer a diferença na vida de nossa Igreja. Uma vez que nossa formação é permanente, continuamente precisamos estar crescendo em "idade, sabedoria e graça". Vamos descobrir novamente os conteúdos da Fé professada, celebrada, vivida e rezada e refletir sobre o próprio ato com que se crê, é um compromisso que cada crente deve assumir, sobretudo neste Ano. Convidamos a você, querido leitor, a neste mês, aprofundar-se num documento do Concílio.

Este jornal tem o apoio da

Família

Pauli Joinville / SC Paranaguamirim

Matriz: Rua João Luiz de Miranda Coutinho, 772 Estevão de Mattos - Fone 47 3463.5293 Filial: Rua Minas Gerais, 5691 Anita Garibaldi - Fone 47 3436.7323


Informativo da Paróquia Santa Luzia • OUTUBRO 2012

3

Idoso é quem tem o privilégio de viver uma longa vida No dia 1º de outubro é comemorado o Dia Nacional e Internacional do Idoso. A data comemorativa é importante para lembrar os avanços em relação à qualidade de vida dessas pessoas e das condições que elas precisam para viver bem. O Ministério da Saúde afirma que as principais diretrizes que vem sendo utilizadas para a atenção integral à saúde do idoso é a promoção do envelhecimento ativo e saudável. No mundo, 600 milhões de seres humanos têm mais de 60 anos. A Pastoral da Pessoa Idoso da Paróquia Santa Luzia tem 152 idosos cadastrados. Conforme a coordenadora Maria de Souza Novak o objetivo principal é ir até o idoso, conhecer suas necessidades, conversar com eles. De três em três meses é realizado uma missa especial para os Idosos. Aqueles que não podem se deslocar até a igreja são transportados pela equipe da pastoral. Após a missa há um momento de confraternização. Maria convida a todas as pessoas para se engajarem neste bonito trabalho.

Ser Idoso, nunca ser velho Idoso é quem tem o privilégio de viver uma longa vida... velho é quem perdeu a jovialidade. A idade causa a degenerescência das células... a velhice causa a degenerescência do espírito. Você é idoso quando sonha... você é velho quando apenas dorme. Você é idoso quando ainda aprende... você é velho quando já nem ensina. Você é idoso quando se exercita... você é velho quando somente descansa. Você é idoso quando tem planos... você é velho quando só tem saudades.

Para o idoso a vida se renova a cada dia que começa... para o velho a vida se acaba a cada noite que termina. Para o idoso o dia de hoje é o primeiro do resto de sua vida... para os velhos todos os dias parecem o último de uma longa jornada. Para o idoso o calendário está repleto de amanhãs... para o velho o calendário só tem ontem. Que você, idoso viva uma vida longa, mas que nunca fique velho. Parabéns aos queridos idosos de nossa paróquia.

Semana Nacional da Vida e Dia do Nascituro De 1º a 7 de outubro a Igreja Católica comemora a Semana Nacional da Vida e o Dia do Nascituro que será dia 8. Tema deste ano "Vida, saúde e dignidade: direito e responsabilidade de todos". A ação faz parte da dinâmica de defesa da vida e começou a ser celebrada bem antes de sua oficialização pela CNBB, em 2005. O foco é a defesa da dignidade, da humanidade, e da originalidade do embrião, do feto, do nascituro. De acordo com a Pastoral Familiar, a atividade complementa a luta pela ecologia, contra a fome, pela inclusão social, contra as injustiças e desigualdades. É um mutirão pelo cuidado e atenção com as gestantes e a educação para o amor convocando namorados, noivos e casais a serem promotores da vida. Segundo os organizadores, o direito à vida precede quaisquer outros direitos. Todas as culturas reconhecem o valor inviolável da vida. Porque a Semana Nacional da Vida e Dia do Nascituro? A Semana da Vida é uma ocasião especial para colocar em evidência o valor e a beleza desse dom precioso que recebemos de Deus. De modo especial para salientar o valor sagrado da vida humana e da sua dignidade, sem nos esquecermos de todas as demais dimensões que esta abrange. Diante de tantas ameaças que atualmente a vida vem sofrendo é nossa missão reafirmar sua importância inestimável. Ela é o fundamento sobre o qual se apoiam todos os demais valores. Mas quem é o Nascituro? É aquele ser humano que está no ventre materno antes que a mãe lhe dê à luz. Este possui o direito de ser respeitado na sua integridade. Tem dignidade como a de qualquer pessoa já nascida. Por qual motivo a vida é um bem? No homem, criado à imagem e semelhança de Deus, reflete-se, em cada fase da sua existência, "o rosto do seu Filho Unigênito…" Este amor ilimitado e quase incompreensível de Deus pelo homem revela até que ponto a pessoa humana seja digna de ser amada por si mesma, independentemente de qualquer outra consideração: inteligência, beleza, saúde, juventude, integridade, etc. Numa palavra, a vida humana é sempre um bem, porque "ela é, no mun-

do, manifestação de Deus, sinal da sua presença, vestígio da sua glória" (cf. Evangelium vitae, 34; Dignitas Personae, 8). Assistimos hoje a novos desafios que nos pedem ser voz dos que não tem voz. A criança que está crescendo no seio materno e as pessoas que se encontram no ocaso de suas vidas, são exigências de vida digna que grita ao céu e que não pode deixar de nos estremecer. (DA 467). Como a Pastoral da Criança atua em favor do Nascituro? Entre as ações da Pastoral da Criança está o apoio integral às gestantes pobres ou em situação de risco. Atualmente, a entidade acompanha mais de 85 mil gestantes em 4.117 municípios de todos os estados brasileiros. A Pastoral da Criança durante o ano promove "mutirões em busca das gestantes" nas quase 43 mil comunidades acompanhadas. Durante o mês que acontece o mutirão, os líderes comunitários vão identificar as gestantes e convidá-las a participar da Pastoral da Criança. O acompanhamento das gestantes é uma das prioridades da Pastoral da Criança. Entre as principais causas de mortalidade infantil estão as afecções neonatais (27%), que poderiam ser evitadas com um pré-natal de qualidade e orientação às mães sobre saúde, higiene, nutrição e cidadania. Mensalmente, mais de 131 mil líderes comunitários acompanham 1,2 milhão de famílias e 1,5 milhão de crianças menores de seis anos nas comunidades pobres do Brasil. O objetivo é o desenvolvimento integral das crianças, desde a sua concepção, em seu contexto familiar e comunitário, a partir de ações preventivas e baseadas na multiplicação de conhecimento e solidariedade. Na Paróquia Santa Luzia também existe este trabalho de acompanhamento das gestantes, que mensalmente recebem em suas casas a visita do líder da Pastoral da Criança, onde ele orienta e auxilia a gestante em suas dúvidas e dificuldades, sobre saúde, higiene, nutrição, cidadania e prevenções durante a gestação. Como Discípulos Missionários, somos chamados para defender e promover a Vida humana no Planeta. José Heerdt, Líder da Pastoral da criança

O Chamado se fez Caminho Foi muito significativo nos dias 24 a 26 de agosto o grupo de jovens vocacionadas de Joinville, São Bento do Sul, Benedito Novo e Itajaí participarem do Retiro Vocacional em Rodeio na Casa-Mãe das Irmãs Catequistas Franciscanas, onde puderam com a reflexão de Ir. Mari Hammes sentir como Deus fez e faz caminho ao chamar Santa Clara, São Francisco de Assis e especialmente em 1914 chamar as jovens Amábile e Maria Avosani e Luduina Venturi, da pequena localidade de Rodeio para responder ao apelo da Educação e Catequese. Foi uma ótima oportunidade para parar,

Julia Presentes Rua: General de Divisão Euclides Bueno, 230

Fone: 3463-6162

rezar, e contemplar o amor de Deus que se manifesta de forma maravilhosa em cada criatura e em cada pessoa, refletir sobre a vocação como resposta ao chamado de Deus que nos envia a cumprir a missão de anunciar Jesus a todos os povos. Valeu partilhar e conhecer mais profundamente Carisma da Irmã Catequista Franciscana! Jovem, se você está interessada em participar de encontros, retiros ou conhecer o Carisma da Congregação entre em contato conosco. Ir. Edite Nardelli e Ir. Edite Tomelin – ICF • Rua dos Tecelões, 192 – Fone: (47) 3463 5149 - Paranaguamirim – Joinville- SC - E-mail: editecf@yahoo.com.br


4

Informativo da Paróquia Santa Luzia • OUTUBRO 2012

GALERIA DE FOTOS DA PARÓQUIA SANTA LUZIA E COMUNIDADES VISITE NOSSA GALERIA DE FOTOS NO SITE: WWW.IGREJASANTALUZIA.COM.BR

Encontro estadual de CEB's Aconteceu em Florianópolis nos dias 07, 08 e 09 de setembro encontro estadual de CEB's. Participaram em torno de 750 pessoas do Estado de Santa Catarina. Com o tema Justiça e profecia a serviço da vida, o Assessor Pe. Benedito Ferraro falou que existe saberes diferentes, mas onde estamos somos ligados diretamente a Jesus de Nazaré. Temos que enraizar todas as lutas, olhar para o céu e também para nossos irmãos necessitados. Os Grupos Bíblicos são CEB's, pois estão ligados ao bispo. Igreja é povo que tem o dever de

anunciar o projeto de Deus, terra, pão pra todos. Se as religiões não trabalharem pela Paz, não teremos Justiça. 1º - Apelo de conversão:- mudança de mentalidade. 2º - Busca da justiça: justiça é dom de Deus, é um ato da pessoa, repartir no coletivo. E a justiça se concretiza nas pessoas. Representaram a Paróquia Santa Luzia: Bárbara, Adelaide, Sirlei, Maria e Lourenço. Barbara Ponijaleski

Encontro Comarcal do Apostolado da Oração

Retiro dos Catequistas

Retiro dos Crismandos

Confraternização dos idosos da Pastoral da Pessoa Idosa

Momentos da festa do padroeiro na comunidade São Miguel Arcanjo

Passeio ciclístico No dia 16 de setembro foi realizado um passeio ciclístico dos membros dos Grupos Bíblicos de Reflexão. A saída foi da igreja Matriz Santa Luzia com destino a comunidade Senhor Bom Jesus (Morro do Amaral) Participaram do eventos 34 pessoas entre crianças e adultos e 17 bicicletas. Houve partilha do lanche e sorteios de brindes para bicicletas enfeitadas e brindes de participação. Foi bem positivo, sentimos pelos que não foram.

São Francisco de Assis, o protetor dos animais São Francisco de Assis nascido na Úmbria (perto de Assis), Itália, em 1182, seu nome era Francisco Bernardone. Filho de um rico comerciante de tecidos. Teve uma adolescência fútil, vivendo na companhia de boêmios. Em 1207, aos 26 anos, entrou na igreja de São Damião, que estava praticamente arruinada; ao ver a imagem do Cristo, sentiu que Jesus lhe falou: "Francisco, restaura minha casa decadente". Levado pelo susto foi para a loja do pai, onde vendeu toda a mercadoria para restaurar a igreja; ao ver o que fazia, o pai o deserdou. Francisco tirou suas vestes, entregou-as ao seu pai Pedro e disse-lhe: "Até agora o chamei de pai, mas agora direi com razão: meu pai está no céu, porque Nele depositei minhas esperanças". Em seguida, vestiu uma túnica de algodão e maltrapilho saiu pelo mundo. Dois anos depois, Francisco, com mais onze companheiros, se tornou um grande pregador, viajando por vários países como Marrocos, Egito e Israel. Assim, nasceu a "Ordem dos Franciscanos". Era comum vê-lo pregar e ao seu redor, vários pássaros e animais se juntavam a ele. Em 1212, juntamente com Clara, fundou a "Ordem Franciscana das damas pobres". A partir de então, o movimento começou a crescer chegando à Inglaterra e a toda Europa. Coube a Assis, em 1223, a idéia da criação do presépio no dia de Natal, uma tradição que permanece viva até hoje. Francisco morreu no dia 03 de outubro de 1226. Ele foi sepultado no dia 04 por isso o Dia Mundial dos Animais é comemorado no dia do santo. Ao longo dos séculos, São Francisco foi admirado por seu voto de pobreza, humildade, liberdade religiosa, além da grande bondade com todos os seres vivos, em especial os animais. Francisco de Assis foi canonizado em 1228 e seu culto é associado à "proteção dos animais". Em 1979, o Papa João Paulo II proclamou-o santo patrono dos ecologistas. O "pobrezinho de Assis", como Francisco era chamado, foi uma criatura de paz e de bem, terno e amoroso. Amava os animais, as plantas e toda a natureza. Poeta ele cantava o Sol, a Lua e as Estrelas. Sua alegria, sua simplicidade, sua ternura, estima e simpatia fez dele um dos santos mais populares.

Ouça a rádio Continental 93,3 FM Programa Ave Maria

A Coordenação

2ª a sábado das 18 às 19 horas

Terço da Misericórdia

Informativo da Paróquia Santa Luzia - Publicação da Paróquia Santa Luzia. Rua Monsenhor Gercino. 6767, Paranaguamirim - Joinville - Santa Catarina. Conselho editorial: Padre Inácio Giacomelli. Colaboradores: Pastoral da comunicação. Jornalista Responsável: Ruy Ferrari (MTB 22251/SP). Projeto gráfico e diagramação: Girardi Junior Editora Ltda. Impressão: A Notícia. Tiragem: 3.000 exemplares. As matérias assinadas são de responsabilidade dos autores

Panificadora

Lanchonete

Domingo Santa Missa às 18 horas

FARMÁRCIA

Bom Dia

do Renato

2ª à sábado às 7 da manhã

Bom Jesus Rua: Monsenhor Gercino, 6974

Fone: 3463- 5068 Rua João Luiz de Miranda Coutinho, 973 Estevão de Mattos - Joinville/SC

Rua: Kurt Meineter, 954

Fone 3463.5028 Rua: Atila Urban - Espigão

Email: supermercadolindamir@hotmail.com


Informativo Paroquia