Page 1

400

JORNAL DA

Ano 53 | Edição 400 Março-Abril 2018

AMAFRESP

ESPORTES

Diretoria define ações e projetos estratégicos para o próximo triênio. Confira os objetivos. Pág. 9

O XXVIII Torneio Metropolitano de Futebol começou em março e as partidas vão até novembro. Pág. 20

INVESTAFRESP Conheça o Seguro Proteção Familiar: com parcelas a partir de R$ 50 mensais, você garante o futuro financeiro de sua família. Pág. 11

70 ANOS DE AFRESP A Afresp, que completou 70 anos em 2018, foi homenageada em duas ocasiões. Em 2 de março, sua história foi lembrada na sessão solene que aconteceu na Assembleia Legislativa - mesmo local em que os colegas assistem ao embate que envolve o processo de aprovação da PEC 5.

Já no dia 24/03, uma festa para cerca de 800 convidados, na Casa Petra, em São Paulo, foi palco da posse da nova gestão dos Diretores Executivos, Designados, Regionais e Conselheiros, além de celebrar a importância da Associação em defesa da classe. Veja cobertura completa na página 4.

REGIONAIS

CONSELHO DELIBERATIVO

O presidente da Afresp designou, em decisão conjunta com a Diretoria Executiva, os Diretores Regionais e Adjuntos. Pág. 14

Luiz Carlos Toloi Junior, presidente do C.D., fala de seus desafios e expectativas para a Afresp e para a classe neste triênio. Pág. 13


EXPEDIENTE Diretoria Executiva Presidente: Rodrigo Keidel Spada E-mail: rodrigospada@afresp.org.br | (11) 3886-8811 1º Vice-Presidente: Denis da Cruz Mângia Maciel E-mail: denismangia@afresp.org.br| (11) 3886-8906 2º Vice-Presidente: José Roberto Soares Lobato E-mail: lobato@afresp.org.br | (11) 3886-8811 Secretária-Geral: Vanessa Kazue Murayama E-mail: vanessakm@afresp.org.br | (11) 3886-8820 Secretária Adjunta: Mara Tomasseti E-mail: mara@afresp.org.br | (11) 3886-8897 1º Tesoureiro: Luan Zacharias E-mail: luansilva@afresp.org.br | (11) 3886-8824 2º Tesoureiro: Renato Pei An Chan E-mail: renatochan@afresp.org.br | (11) 3886-8881 Conselho Deliberativo Mesa Diretora | Presidente: Luiz Carlos Toloi Junior; Vice-Presidente: Miguel Angelo Carvalho da Silva; 1ª Secretária: Márcia Maria Marchetti do Couto; 2º Secretário: Pedro de Oliveira Abrahão. Membros do Conselho: Alexandre Lania Gonçalves; Ana Paula Galletta Machado; Antônio Lourenço Colli; Carlos Augusto Gomes Neto; Carlos Doro Filho; Eduardo Gonçalves; Everaldo de Melo Brandão; Fernando Augusto Bellini; Gerson Alanis Lamera; Gilmar Domingos Macarini; Guglelmo Foa; José Francisco de Almeida; José Rubens da Silva, Luciana Moscardi Grillo; Luiz Carlos Toloi Junior; Marcelo Henrique Yasuda Ketelhuth; Márcia Maria Marchetti do Couto; Miguel Ângelo Carvalho da Silva; Miguel Siqueira; Paulo Henrique do Nascimento; Pedro de Oliveira Abrahão; Pedro Ventura Esteves; Sebastião Tadeu de Vasconcelos; Valter Gama Caldini Comissão Fiscal: Presidente: Gerson Alanis Lamera; Membros: Alexandre Lania Gonçalves e Pedro Ventura Esteves. Comissão Assessoria Administrativa e de Regionais: Valter Gama Caldini; Antônio Lourenço Colli; Gilmar D. Macarini. Comissão Saúde: Paulo Henrique do Nascimento; Everaldo de Melo Brandão; Carlos Doro Filho. Comissão Seguros em Geral: Ana Paula Galletta Machado; José Francisco de Almeida; José Rubens da Silva. Comissão de Comunicação: Fernando Augusto Bellini; Carlos Augusto Gomes Neto; Sebastião Tadeu de Vasconcelos. Diretorias da Afresp Denis da Cruz Mângia Maciel (InvestAfresp e Regionais); José Roberto Soares Lobato (Assuntos Estratégicos); Luan Zacharias Silva (Administrativa, Financeira, Inovação e TI); Mara Tomasseti (Recursos Humanos e Inscrição); Renato Pei An Chan (Amafresp); Vanessa Kazue Murayama (Comunicação, Eventos e Convênios). Diretorias Designadas Carlos Roque Gomes (Jurídico); Cezar José D’Avoglio (Engenharia); João Alves Pereira (Esportes); José Elias Cavalcanti Netto (Assessoria Técnica); José Varkulja (Auditoria Interna); Julia Hideco Serikava (Previdência); Marta Freire (Planejamento); Rita de Cássia Garcia (Aposentados); Ulysses P. Arêas (Assessoria Política) Fundafresp

José Rosa (coordenação) | Membros da Comissão: Aldo Gentile, Evelyn Quilles Moura, Gabriela Maia Lubies de Sousa, Lauro Kuester Marin, Luiz Fernando Catta Preta César e Simone Povia Silva.

CEP 01017-000 | Tel.: 11 3104-0317 DRTC-I Ivan Aurélio Ferrari de Senço DRTC-II Guilherme Ponce de Leon Ieno DRTC-III Diego Cezario da Silveira

Ouvidoria Lauro Kuester Marin | Fones: 0800-550679 | 11 3886-8843 | Fax: 11 3886-8852 | ouvidor@afresp.org.br

Afresp Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4843 | CEP 01401-002 Tel. 11 3886-8800

Sedes Regionais - Diretores ABCD/S. B. do Campo: Rivaldo Ribeiro de Jesus R. Doutor Dupré, 50 | Nova Petrópolis | S. Bernardo do Campo | CEP 09770-030 | Tel. 11 4330-3466 | 11 4121-8511 Araçatuba: Leonam Mendes de Lima R. São Paulo, 538 | Vila Mendonça | CEP 16015-130 Tel. 18 3623-6394 | 18 3623-1888 Araraquara: Thiago Martins Av. Espanha, 188 | 1º andar | CEP 14801-130 Tel. 16 3322-9034 | Tel/Fax. 16 3322-7245 Bauru: Raphael Augusto Zancra R. Beiruth, 1-21 | Vila Seabra | CEP 17060-055 Tel. 14 3227-8987 | 14 3226-2850 Campinas: José Lúcio Zambrotti Gomes Campos R. Dr. Arnaldo de Carvalho, 19 | Bairro Bonfim CEP 13070-723 | Tel. 19 3242-9571 | 19 3241-8811 Franca: Maria Mercedes Ares Blas Rosa Rua Capitão Zeca de Paula, 809 | CEP 14400-160 Tel. 16 3724-1057 Guarulhos: Sandro de Morais Peroni Rua Luiz Turri, 165 | CEP 07095-060 | Tel. 11 2468-8906 Jundiaí: Carlos Pinheiro do Nascimento Rua Flávio Rossi, 42 | Vila Maria Luiza | CEP 13209-301 Tel. 11 4586-8637 | 11 4586-8636 Marília: Fernando Montaldi Marques R. Paes Leme, 47 | 2° and. | sl. 21 | CEP 17500-150 Tel. 14 3413-4270 | 14 3433-5679 Osasco: Felipe Brasileiro de Oliveira R. Machado de Assis, 797 - salas 301 e 302 | CEP 06018-030 Tel. 11 4565-2052 Piracicaba: Eneida Maria C. R. Rossin R. Treze de Maio, nº 356 | Centro | CEP 13400-300 Tel: 19 3433-1849 | 19 3422-9166 Presidente Prudente: Oscar Akira Oda R. Siqueira Campos, 106 | Bairro do Bosque | CEP 19010060 Tel/Fax. 18 3221-6928 | Tel. 18 3221-3682 Ribeirão Preto: Marcelo Fidelis Marques Mendes Av. Presidente Kennedy, 1550, Ribeirânia | CEP 14096-350 Tel/Fax. 16 3610-4936 | Tel. 16 3635-9053 Santos: Carlos Alves Queiroz Av. Conselheiro Nébias, 576 | CEP 11045-002 Tel. 13 3233-2115 | 13 3222-5757 São José do Rio Preto: Antonio Guarnieri Neto Av. Francisco das Chagas de Oliveira, 245 | CEP 15091-330 Tel. 17 3227-8133 | 17 3227-8598 São José dos Campos: Valéria Sampaio Carrijo R. Euclides Miragaia, 660, sala 31 | CEP 12245-820 Tel. 12 3922-0010 | 12 3922-4024 Sorocaba: Cleo de Araújo Ferreira Av. Antônio Carlos Comitrê, 510, 1º andar |sala 15| CEP 18047-620 | Tel. 15 3231-7290 | 15 3232-7004 Taubaté: Renato Patrício Novelletto Junior R. José Dias de Carvalho, nº 130, Jardim Russi | Taubaté CEP 12010-370 | Tel. 12 3632-6415 | 12 3624-2413 Centro de Convivência Urbano / Escritório Centro: Felipe da Silva Muñoz Av. Rangel Pestana, 203 | 12º e 13º and | Centro | São Paulo

Centros de Convivência Araçatuba: Rod. Marechal Rondon, Km 527,5 | Fazenda Baguassu (Próx. à Assoc. Atlética - Banco do Brasil) Tel.: 18 3625-3586 AFR Luiz Carlos Toloi Junior - Araraquara: Av. Avenida Zuleika Bertoni Dall’Acqua, 57 | Recreio Campestre Idanorama Tel.: 16 3335-2371 | Cel.: 16 998119-2435 Bauru: Chácara Vale São Luís, lote 15 | Rod. Bauru-Iacanga (saída Estrada Água do Capim) | Tel.: 14 3239-4272 Campinas: Rua Alexandre Cazelatto, s/nº | Bairro Betel (Município de Paulínia) | Tel.: 19 3884-7407 | Cel.: 19 991391851 Franca: Rod. João Traficante, km 5 | Chácara 01 | Cond. “Recanto Esperança” (Saída Franca-Ibiraci) | Tel.: 16 999986011 AFR Luiz Dias, Grande São Paulo - Guarulhos: R. Maria Garcia Utrilla, n°50 | Próx. a acesso para Cumbica | Bairro Nova Cumbica | CEP 07230-640 | Tel.: 11 2446-1584 Jundiaí: R. Palmira Martini Pisapio, 320 | Parque Cecap Tel.: 11 4492-4575 Marília: R. José Paschoal Gervásio, 325, quadra 6 | Bairro Letícia II | Distrito de Padre Nóbrega | Tel.: 14 3415-1658 AFR Roberto Chiaverini, Grande São Paulo - Osasco: R. Octávio Catelani, n° 172 | Jardim Adalgisa | Tel.: 11 3682-5096 Presidente Prudente: R. dos Jasmins, s/nº | Bairro do Limoeiro | Álvares Machado (próx. Balneário Amizade) Tel.: 18 99703-8870 Ribeirão Preto: Rua E, 15 | Recreio Internacional (saída Estrada de Serrana) | Tel.: 16 3629-0213 AFR Ildefonso Giardini - São José do Rio Preto: R. Jairo de Andrade Leme s/n (antiga Rua 2) | Morada Campestre Tel.: 17 3238-1080 Sorocaba: Av. Francisco Roldão Sanches, 1000 (antiga Estrada da Serrinha) | Alto da Boa Vista | Sítio Darcy Tel.: 15 3228-2933 Vale do Paraíba (Taubaté) : Rua Dr. Flávio Goulart, 295 | Chácara Santa | Caçapava - Tel.: 12 99784-2279 Expediente Jornal da Afresp - Comunicação Diretora de Comunicação: Vanessa Kazue Murayama O Conselho Editorial do Jornal da Afresp é formado por todos os membros da Diretoria Executiva. Coordenador de Comunicação: Marcus Vinicius Rocha Lacerda Analistas de Conteúdo: Camila Barros, Thalita Azevedo e Vanessa Zampronho Analista de Comunicação Amafresp: Fabieli de Paula Designers: Isabella Novaes e Thiago Gesteira Assistente de Redação: Giselle de Melo dos Santos Periodicidade: bimestral Tiragem: 6.100 exemplares Impressão: Coktail Gráfica e Editora Circulação: março-abril/2018 Redação: Av. Brig. Luís Antônio, 4843 - São Paulo - SP CEP 01401-002 - Telefones: (11) 3886-8837/ 8927 E-mail: marketing@afresp.org.br

CONTRIBUIÇÃO O comunicado nº 04 de 2018, assinado pelo presidente Rodrigo Keidel Spada, determina as seguintes cotas para o mês de abril/2018: a) mensalidade Afresp= R$ 104,33 (cento e quatro reais e trinta e três centavos), mantendo o valor anteriormente cobrado; b) cota Amafresp = R$ 514,00 (quinhentos e quatorze reais), mantendo o valor anteriormente cobrado; c) cota Fundafresp = R$ 37,32 (trinta e sete reais e trinta e dois centavos), correspondentes à contribuição mínima de 20 (vinte) cotas no valor unitário de R$ 1,8658 (janeiro/2018). Informamos ainda que os citados valores terão vigência a partir de 01/04/2018.

2

Fev. 2018

Mar. 2018

Abril 2018

Mensalidade da Afresp

104,33

104,33

104,33

Cota Amafresp

514,00

514,00

514,00

37,32

37,32

37,32

Cota Fundafresp


EDITORIAL AFRESP: SETE DÉCADAS QUE REFLETEM A IMPORTÂNCIA DOS AFRS

Uma organização que completa 70 anos de existência no Brasil não é muito comum. Uma associação de classe do funcionalismo público alcançar este marco com segurança é ainda mais admirável. E a Afresp, a mais antiga associação entre os fiscos estaduais, pode se orgulhar disso, trazendo uma história ligada à solidariedade, modernização e renovação. Fundada por 181 AFRs em 28 de fevereiro de 1948, nossa Associação se torna uma entidade septuagenária com a consolidação, no decorrer destas décadas, dos serviços oferecidos aos seus associados. Para citar exemplos expressivos: a Amafresp realiza a Campanha Saúde há 20 anos, disponibilizando aos filiados exames e vacinas; o InvestAfresp possui, hoje, mais de 9 mil apólices de seguros. Além da sede na Capital, os 15 Centros de Convivência e os 19 Escritórios Regionais são responsáveis pela capilaridade da Associação em todo o estado e são evidências da grandeza construída com o capital humano e intelectual dos AFRs, que se destacam como categoria de servidores públicos. Para celebrar esta data tão importante, foram realizadas uma sessão solene comemorativa na Assembleia Legislativa em 02 de março e uma festa no dia 24 de março no espaço Casa Petra, que estão noticiadas nas próximas páginas.

Este momento de comemorações, no entanto, também nos leva a reflexões. Ainda que tendo orçamento maior que R$ 300 milhões para o ano de 2018 (superando o de 95% dos municípios brasileiros), nossa Associação entende que, para continuar sólida e fazer frente aos desafios que se apresentam nos âmbitos mundial e nacional, a classe fiscal precisa ser valorizada, motivada e remunerada com justiça. Por isso, faz-se necessário que a Afresp esteja ainda mais atuante em questões de interesse dos AFRs e adote estratégias de posicionamento político, defesa e valorização da classe em todo o Brasil. Na busca desses objetivos, além da Diretoria Executiva, Designada e do Conselho Deliberativo (que iniciam, neste ano, a gestão do próximo triênio), também têm papel significativo os Diretores Regionais e Adjuntos, que foram designados em março e são apresentados nesta edição. Com eles e todas as pessoas valorosas que temos em nossos quadros, temos a certeza de que a Afresp chega aos seus 70 anos com muito fôlego para, de forma sustentável, crescer ainda mais. A você, que faz parte da nossa história, nosso muito obrigado e boa leitura!

DADOS DO JORNAL DA AFRESP Jornal da Afresp: Órgão oficial da Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo | Reconhecida de Utilidade Pública Estadual pela Lei nº 277, de 5/5/1949. | Reconhecida de Utilidade Pública Municipal pelo Decreto nº 40.019 de 1/11/2000 | CNPJ nº 62.635.990/0001-91 | Inscrição Municipal nº 1.005.705-6 Edifício Sede: Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4843 - Jd. Paulista - São Paulo SP - CEP 01401-002 PABX 11 38868800 | E-mail: contato@afresp.org.br | Site: www.afresp.org.br

3


70 ANOS AFRESP AFRESP É HOMENAGEADA POR SEUS 70 ANOS EM SESSÃO SOLENE NA ALESP

Da esquerda para a direita: Rodrigo Spada (presidente da Afresp); deputados Pedro Kaká; Vaz de Lima; Vitor Sapienza e Orlando Bolçone; e o coordenador da CAT, Luiz Cláudio Rodrigues de Carvalho O plenário da Assembleia Legislativa foi o local escolhido para homenagear as sete décadas de história da Afresp, no dia 2 de março. O espaço também tem sido palco dos embates envolvendo a tramitação da PEC 5, principal pleito da classe, travado no legislativo há mais de um ano. Para o presidente Rodrigo Spada, a inércia é resultado do descaso do governo estadual, que tem ganhado corpo ao longo do tempo e ainda é sentido com força pela base, que hoje se vê desvalorizada. “Esse é o cenário atual que, somado à guerra fiscal entre os diferentes estados da Federação e à deterioração completa do imposto sobre o consumo, se impõe à Afresp, que é homenageada nessa Casa”.

4

senhora sabe que, sem essa tríade, não continuará forte e não fará frente aos desafios que os momentos mundial e brasileiro impõem”, reforçou. A sessão solene foi presidida pelo deputado Vitor Sapienza (PPS) e ainda contou com a presença dos parlamentares Vaz de Lima (PSDB), Orlando Bolçone (PSB) e Pedro Kaká (PODE). O Coordenador da Administração Tributária (CAT), Luiz Cláudio Rodrigues de Carvalho, também participou da mesa diretora, representando o Secretário da Fazenda.

Spada também citou que os elementos ‘valorização, motivação e remuneração’ estimulam a Afresp ao longo de seus 70 anos a seguir na contínua defesa dos interesses da categoria. “Essa jovem, bonita e vigorosa

Além de receber uma homenagem das mãos do deputado Vaz de Lima (PSDB), o presidente Spada ainda entregou uma lembrança em comemoração dos 70 anos a cada um dos presidentes da Afresp que compareceram à cerimônia: Luiz Augusto de Carvalho Guedes Pereira, Teruo Massita e Luiz Carlos Toloi Jr.

Rodrigo Spada em seu discurso na sessão solene

Convidados especiais: diretores e conselheiros da Afresp

Rodrigo Spada e ex-presidentes da Afresp

Convidadas durante o coquetel


70 ANOS AFRESP HISTÓRIA DA AFRESP É RELEMBRADA DURANTE FESTA

O evento em comemoração dos 70 anos da Afresp e posse da nova gestão de diretores Executivos, Designados, Regionais e Conselheiros (triênio 2018-2020) reuniu aproximadamente 800 convidados, em clima animado e de reencontro. A festa aconteceu em 24 de março, na Casa Petra, em São Paulo (SP). Durante a cerimônia, o presidente Rodrigo Spada recebeu um troféu das mãos do presidente da Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite), Roberto Kupski, em homenagem aos 70 anos da Afresp. “Essa festa representa a história de pujança da Afresp, uma das filiadas da Febrafite. A associação mais antiga, com mais experiência no fisco estadual e que, em conjunto com a Federação e demais filiadas, sempre esteve à frente das lutas que legitimam o valor do nosso trabalho. Parabéns a todas as diretorias, associados, familiares e colaboradores que construíram esse trabalho”, declarou Kupski. O presidente Spada também homenageou os mais de 230

colaboradores da Afresp, representados pela colaboradora Raquel Aparecida, do Centro de Convivência de Jundiaí, que venceu o concurso cultural “Quer ser nosso convidado especial na Festa de 70 anos da Afresp?”, organizado pelo departamento de Recursos Humanos. Durante a festa, os serviços da Associação, principalmente a Amafresp, foram lembrados e elogiados pelos AFRs: “Espero que a Afresp permaneça atendendo os seus associados com a mesma qualidade com que sempre atendeu, em especial a Amafresp: um plano de saúde ímpar, que auxilia todos os filiados. A Afresp é sinônimo de qualidade e bons serviços”, disse a AFR Nilza Lopes Cardoso. Outro ponto abordado foi a importância da união dos colegas como forma de fortalecer os pleitos da categoria. Segundo a associada Maria Adriane de Castro Xavier, a Afresp possui papel relevante nessa luta: “A Afresp é uma associação de muito valor para a categoria. Eu sinto que a união será altamente demandada nos próximos anos para que as conquistas se façam presentes”, disse.

5


70 ANOS AFRESP

6


NOTÍCIAS PRESIDENTE RODRIGO SPADA É ELEITO 1º VICE-PRESIDENTE DA FEBRAFITE da entidade, os novos membros devem cumprir seus mandatos de 2018 a 2020. Além da indicação de Spada, Juracy Soares, auditor fiscal da Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará e presidente da Auditece, foi nomeado o próximo presidente a conduzir a Febrafite até 2020. Soares substituirá o auditor fiscal do Rio Grande do Sul Roberto Kupski, que deixará o cargo após 16 anos consecutivos de trabalhos à frente da Federação.

O presidente da Afresp, Rodrigo Keidel Spada, foi empossado 1º vice-presidente da Federação Brasileira de Associações de Fiscais de Tributos Estaduais (Febrafite). A nomeação foi oficializada pelo Conselho Deliberativo da Federação durante a cerimônia de posse da nova diretoria, no dia 16/03, em Fortaleza (CE). De acordo com o estatuto

Juracy Soares nasceu em Pernambuco, mas reside no Ceará desde os 11 anos de idade. Em seu quarto mandato como diretor-executivo da Auditece (Associação dos Auditores Fiscais da Receita Estadual e dos Fiscais do Tesouro Estadual do Estado do Ceará), ingressou no Fisco cearense em 1993. É também membro-fundador da Escola Superior de Estudos e Pesquisas Tributárias (Eset), que oferece cursos nas áreas de auditoria e fiscalização.

C.C. DE SOROCABA INAUGURA NOVAS INSTALAÇÕES Os associados da Regional de Sorocaba contam agora com um Centro de Convivência mais completo: em 24 de fevereiro, foram inaugurados os quiosques, vestiários, salão de jogos e a quadra de areia. Os quiosques possuem estrutura para realizar churrasco; os vestiários trazem conforto aos associados; a sala de jogos tem mesas de pebolim, sinuca e poker; e a quadra de areia é destinada a partidas de vôlei. A Regional organizou também, no mesmo dia, o Carnafresp, um evento para reunir a família Afresp com muita alegria

e descontração. Para animar a festa, o grupo Black Bill & Banda Salada fez a trilha sonora. Participaram do evento o presidente da Afresp, Rodrigo Keidel Spada; os diretores Denis da Cruz Mângia Maciel (Regionais e InvestAfresp); Luan Zacharias Silva (Administrativo, TI, Financeiro e Inovação), Vanessa Murayama (Comunicação, Eventos e Convênios); além do diretor de Esportes, João Alves; do coordenador de Esportes, prof. Paulo de Carvalho; do diretor Regional de Sorocaba, Ronaldo Mitsudo; dos Auxiliares Alexandre Alves, Cleo de Araujo, Rogerio Omokawa e Gustavo Moura; e do Conselheiro Pedro Esteves.

7


AMAFRESP GERIATRA DE CONFIANÇA: TELEFONE EXCLUSIVO PARA AGENDAR CONSULTAS Para o bem-estar e a comodidade de seus filiados, a Amafresp passa a disponibilizar telefone exclusivo para o agendamento de consultas do programa Geriatra de Confiança, com os profissionais que atendem às regiões da capital, de Araraquara e de São José dos Campos. Um grande sucesso da Amafresp, o Programa Geriatra de Confiança é focado na saúde e na qualidade de vida dos associados da terceira idade e tem como objetivo realizar atendimento preventivo para garantir a construção de um histórico médico. A ação contribui para o diagnóstico precoce de doenças, busca criar vínculo de confiança entre profissional médico e filiado, além de evitar exames e internações excessivas ou desnecessárias.

SERVIÇO Drª. Renata Scilla Atendimento Beneficência Portuguesa (BP) Mirante R. Martiniano de Carvalho, 965 | (11) 3505-5000 Drª. Talita Junqueira Atendimento HCor (Capital) | R. Abílio Soares, 250 (11) 3889-3939 Drª. Flávia Areco Atendimento em São José dos Campos | R. Eng. Prudente Meireles de Morais, 646 | (12) 3923-3251 Drª. Wanessa Vieira Marques Atendimento em Araraquara | R. Napoleão Selmi Dei, 778 | (16) 3114-1038

PARA MAIS INFORMAÇÕES, LIGUE: (11) 3886-8925

HOSPITAL E MATERNIDADE É CREDENCIADO EM GUARULHOS Sempre buscando melhores alternativas de atendimento, os filiados de Guarulhos e região têm mais uma opção na prestação de serviços médicos: o Hospital e Maternidade de Guarulhos, do grupo NotreDame, que oferece atendimento qualificado e moderna infraestrutura. Para cuidar integralmente da saúde do paciente, o novo credenciado da Amafresp possui equipe especializada e estrutura altamente tecnológica no Pronto-Socorro (adulto e infantil), nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e nos

Centros Cirúrgico e Obstétrico. O Hospital e Maternidade de Guarulhos está localizado na Av. Tiradentes, 1.015, Guarulhos. Conheça o Espaço Mulher: dedicado ao atendimento individual e humanizado das mulheres, o espaço foi projetado para a realização de exames diagnósticos exclusivos, como mamografia, densitometria e ultrassonografia.

PLANILHA DE CUSTOS AMAFRESP - 201 MÊS

Consultas

Exames

Terapias

Internações

Outros Atend. Ambulatoriais

Demais Desp. Assistenciais

Emergências Médicas

Convênio Odontolog.

Reembolso Odontolog.

JAN.

762.126,14

2.100.676,99

303.368,28

6.455.849,68

3.040.840,31

288.412,64

84.506,89

0,00

0,00

FEV.

863.100,94

2.241.032,47

400.643,51

7.573.514,74

2.800.169,06

313.097,79

92.763,65

298.891,43

0,00

MAR.

998.188,48

3.126.400,24

422.111,27

10.764.907,87

3.231.691,16

375.546,94

88.652,05

105.653,98

0,00

ABR.

846.628,90

2.362.211,24

390.538,92

7.473.421,80

3.581.846,83

376.732,38

88.611,11

39.109,78

0,00

MAI.

1.029.102,06

2.617.650,17

480.172,79

8.461.236,00

3.726.038,74

431.865,35

88.497,65

207.036,02

0,00

JUN.

1.020.050,62

2.724.555,42

426.495,37

9.988.867,32

3.563.478,12

249.003,24

88.660,91

104.194,55

0,00

JUL.

1.007.058,08

2.380.273,96

624.131,85

7.784.160,40

3.408.136,39

407.283,65

88.485,38

33.347,80

0,00

AGO.

1.114.403,39

2.733.486,65

560.168,95

9.173.800,81

3.469.350,95

413.188,75

88.554,19

115.600,96

0,00

SET.

981.097,21

2.591.151,93

652.771,48

9.995.620,60

3.754.166,93

419.917,94

88.297,39

120.289,70

0,00

OUT.

1.058.982,60

2.617.397,88

658.686,08

10.071.554,84

4.001.740,78

503.189,71

88.220,93

118.762,39

0,00

NOV.

992.249,32

2.542.983,73

464.821,30

10.129.859,57

3.654.564,60

247.057,02

88.444,29

196.636,64

0,00

DEZ.

1.050.687,90

2.433.519,51

545.905,41

10.332.254,77

3.685.576,48

452.316,86

88.618,04

27.659,62

0,00

TOT.

11.723.675,64

30.471.340,19

5.929.815,21

108.205.048,40

41.917.600,35

4.477.612,27

1.062.312,48

1.367.182,87

0,00

*Sujeito a alterações

8


AMAFRESP DIRETORIA DA AMAFRESP DEFINE AÇÕES PARA OS PRÓXIMOS ANOS Durante os últimos meses, colaboradores da Amafresp participaram de debates para definição de ações e projetos prioritários para os próximos anos. Conduzidas pelo diretor Renato Chan, as atividades consistiram no levantamento de sugestões de projetos dos colaboradores, da Diretoria Executiva, do Conselho e de associados. Inicialmente, foram levantadas 130 propostas, que foram analisadas pela equipe. A etapa seguinte foi a realização de oficinas de trabalho para a apresentação de vídeos motivacionais, discussão de pontos fortes e fracos, oportunidades, ameaças, definição de objetivos estratégicos da diretoria e projetos que serão realizados. “Percebemos grande inquietação das pessoas em contribuir com suas ideias, mas, antes de iniciar qualquer ação, é necessário analisar como ela contribui para melhorar determinado objetivo da Amafresp. Por isso, o planejamento estratégico é importante porque cria uma agenda de prioridades e nos permite controlar de maneira

mais eficiente todo o ciclo de vida de um projeto. Desta forma, otimizamos a alocação dos recursos humanos e financeiros da diretoria em prol de uma administração mais eficiente e que satisfaça o associado em termos de custos e qualidade”, relata o diretor Renato Chan. No fim dos trabalhos, as ações foram classificadas em ordem de importância e agrupadas de acordo com os subsequentes objetivos estratégicos:

Objetivos de resultado

Objetivos de gestão e suporte

Objetivos de processo

Garantir recursos financeiros para a Amafresp

Controle eficiente dos custos e processos

Satisfação do associado

• • • • • •

Desenvolver competências, valorizar pessoas e adequação de quadros Viabilização e otimização de recursos e ferramentas Integração intra e interdepartamental Inovação nos processos Adequação do regulamento Gestão com foco em indicadores de resultados e controle de custos Aperfeiçoar comunicação interna e externa

• •

• •

Facilitar o processo de auditoria e diminuir litígio com glosas Otimizar canais de atendimento ao associado Adequar a rede de credenciados e estabelecer cultura de parceria para novo modelo de pagamentos dos serviços Incentivo a políticas de prevenção Aperfeiçoar gestão do caixa e critérios de transparência

17 (REGIME CONTÁBIL - COMPETÊNCIA) Ressarc. ao SUS

Glosas geradas

Despesa com INSS

Devoluções Cotas

Descontos Obtidos

Recuperação de Cobranças

Taxa ADM. 7,0%

Despesa Total

Qtde. de Cotas

Valor da Cota Real

0,00

(921.713,23)

50.527,48

37.856,62

(64,77)

(713.246,62)

1.107.437,37

12.596.577,78

35.477,10

355,06

32.765,00

(1.112.347,61)

60.218,45

22.771,95

(0,31)

(214.697,82)

1.024.774,59

14.396.697,84

35.444,80

406,17

35.545,01

(1.461.002,69)

53.651,08

62.079,70

(38.863,83)

(158.564,49)

1.046.697,64

18.652.694,41

35.397,50

526,95

0,00

(877.905,32)

72.573,60

6.930,11

(81.946,19)

(31.483,63)

1.109.646,69

15.356.916,22

35.414,70

433,63

0,00

(1.353.316,02)

59.744,82

25.433,57

(0,64)

(188.541,17)

1.110.394,99

16.695.314,33

35.422,60

471,32

38.821,95

(1.427.938,58)

76.578,35

63.867,04

(247,16)

(1.130.281,87)

1.206.322,28

16.992.427,56

35.393,10

480,11

65.523,61

(1.210.441,89)

70.744,58

9.224,03

(4.384,23)

(39.944,62)

1.194.403,68

15.818.002,67

35.397,40

446,87

23.136,24

(1.152.928,38)

66.685,89

53.112,44

(10.999,56)

(85.105,21)

1.142.849,18

17.705.305,25

35.463,10

499,26

34.520,58

(1.164.283,44)

65.087,68

8.600,16

(2.278,78)

(35.328,93)

1.375.686,84

18.885.317,29

35.489,10

532,14

0,00

(1.745.428,83)

57.920,81

13.310,35

(5.022,58)

(293.646,80)

1.110.845,20

18.256.513,36

35.502,30

514,23

30.843,72

(1.142.682,49)

78.754,88

14.880,98

(0,02)

(189.399,11)

1.331.894,49

18.440.908,92

35.532,90

518,98

16.954,11

(1.541.678,20)

64.464,10

251.960,04

(0,42)

(98.495,99)

1.244.062,90

18.553.805,13

35.588,00

521,35

278.110,22

-15.111.666,68

776.951,72

570.026,99

-143.808,49

-3.178.736,26

14.005.015,85

202.350.480,76

Saldo do Fundo de Reserva em 31/12/2017 = R$ 16.107.232,53 | Saldo do Fundo de Solidariedade em 31/12/2017 = R$ 41.656,92

9


FUNDAFRESP CONFIRA AS ENTIDADES CONTEMPLADAS PELO FUNDAFRESP JANEIRO

RECANTO DE CAMPOS NOVOS PAULISTA | R$ 5.500,00 | Estrada do Capão Grande, 28 | Capão Grande | (14) 99621-0060

DRTC I,II,III – CAPITAL NÚCLEO ASSISTENCIAL VILA BRASILÂNDIA | SÃO PAULO | R$ 4.000,00 Rua João Pinto de Oliveira, 101 | Jd. Guarani | (11) 3925-6722

DRT 12 – ABCD ASSOCIAÇÃO LAR MENINO JESUS | SANTO ANDRÉ | R$ 5.500,00 Av. Dr. Cesário Bastos, 595 | Vila Bastos | (11) 4990-9147

DRT 2 – LITORAL ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DO LAR DO MENOR ASSISTIDO – ALMA | GUARUJÁ R$ 3.000,00 | Av. Presidente Castelo Branco, 731 | Jd. Cunhambebe (13) 3352-5641

CASA – COMUNIDADE DE AMPARO SOCIAL E ASILAR | SÃO BERNARDO DO CAMPO | R$ 3.000,00 | Av. Coração Eucarístico de Jesus, 300 | Riacho Grande | (11) 4354-7279

DRT 3 – VALE DO PARAÍBA ASSOCIAÇÃO PRIVADA DE FIÉIS – COMUNIDADE MAGNIFICAT | SÃO JOSÉ DOS CAMPOS | R$ 3.000,00 | Av. João Rodolfo Castelli, 2947 | Putim (12) 3944-1633

MARÇO DRT 4 – SOROCABA CASA DE APOIO E INCLUSÃO SOCIAL AMOR DIVINO | PILAR DO SUL R$ 7.200,00 | Rua Luiz Estevam de Oliveira, 446 | Bela Vista | (15) 3278-3956

DRT 4 – SOROCABA INFÂNCIA FELIZ | TIETÊ | R$ 6.000,00 | Rua Florindo Floriam, 77 | Povo Feliz | (15) 3282-1655

ASSOCIAÇÃO ISABEL EXEL BOEMER | SOROCABA | R$ 3.000,00 Rua Alemanha, 135 | Jd. Europa | (15) 3222-1190

DRT 5 – CAMPINAS ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE SUMARÉ | R$ 7.000,00 | Rua Salvador Lombardi Neto, 630 | Vila Zilda Natel | (19) 3873-2045

DRT 6 – RIBEIRÃO PRETO FUNDAÇÃO ESPÍRITA JUDAS ISCARIOTES | FRANCA | R$ 3.000,00 Rua Ofélia Soares Russo, 994 | Jd. Planalto | (16) 2104-7700

ASSOCIAÇÃO ARTESÃS DO AMOR | PIRACICABA | R$ 2.000,00 | Rua Marechal Deodoro, 1208 | Alto | (19) 3434-0606

DRT 9 – ARAÇATUBA ASSOCIAÇÃO VILA DA INFÂNCIA DA IGREJA METODISTA | PENÁPOLIS R$ 7.600,00 | Av. José Carlos Pereira, 873 | Vila Paulista | (18) 3652-0455

DRT 6 – RIBEIRÃO PRETO ARTESANATO – CENTRO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL DE MOCOCA R$ 4.500,00 | Av. Senador José Ermirio de Moraes, 120 | Jd. Lavínia (19) 3656-0600

DRT 10 – PRESIDENTE PRUDENTE VILA VICENTINA FREDERICO OZANAM | MARTINÓPOLIS | R$ 3.400,00 Rua Frederico Ozanam, 620 | Vila Alegrete | (18) 3275-4114

NÚCLEO ASSISTENCIAL ESPÍRITA ANDRÉ LUIZ | MORRO AGUDO R$ 3.000,00 | Rua Francisco Gonçalves Rosa, 350 | Jd. Canadá (16) 3851-5297

ASSOCIAÇÃO DE PROTEÇÃO À INFÂNCIA E A MATERNIDADE | PRESIDENTE VENCESLAU | R$ 7.800,00 | Rua Castro Alves, 871 | Vila Ernane Murad (18) 3271-1506

ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DO AUTISTA | RIBEIRÃO PRETO | R$ 3.000,00 Rua Nélio Guimarães, 184 | Alto da Boa Vista | (16) 3623-4905

SOCIEDADE CIVIL BENEFICENTE LAR SANTA FILOMENA | PRESIDENTE PRUDENTE | R$ 3.000,00 | Rua Luiz Carlos Ferrari, 125 | Jd. Itapura (18) 3223-4786

DRT 7 – BAURU ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE BAURU R$ 3.000,00 | Av. José Henrique Ferraz, 20-20 | Res. Parque Granja Cecília (14) 3104-2830

ASSOCIAÇÃO DE APOIO AO PACIENTE RENAL CRÔNICO | PRESIDENTE PRUDENTE | R$ 2.000,00 | Av. Onze de Maio, 2511 | Jd. Marupiara (18) 3917-3684

DRT 10 – PRESIDENTE PRUDENTE INSTITUIÇÃO SOLIDÁRIA CARLOS PEGORARO | ADAMANTINA | R$ 3.000,00 Rua Padre Caetano Maria Dolcimásculo, s/nº | Pq. do Sol | (18) 3521-1614

DRT 12 – ABCD CENTRO COMUNITÁRIO DAS CRIANÇAS DE NOSSA SENHORA DE GUADALUPE DO JARDIM LAURA | SÃO BERNARDO DO CAMPO | R$ 8.000,00 | Rua Madre Maria Inês Tribbioli, 30 | Jd. Laura | (11) 4358-4162

DRT 11 – MARÍLIA ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE QUATÁ | R$ 3.000,00 Rua Prof. Arnaldo Pereira dos Santos, 555 | Vila Palazzi | (18) 3366-1270

DRT 15 – ARARAQUARA ASSOCIAÇÃO NOSSO DESAFIO PIRASSUNUNGA | R$ 3.000,00 | Ladeira Padre Felipe, 2330 | Centro | (19) 3561-9937

Faça parte desta corrente do bem! Filie-se ao Fundafresp e contribua com o futuro de crianças, adolescentes e idosos. Para mais informações, entre em contato pelo telefone (11) 3886-8807 ou pelo e-mail: fundafresp@afresp.org.br.

10


INVESTAFRESP INVESTAFRESP SEGURO DE VIDA: PARCELAS MENSAIS A PARTIR DE R$50 Uma das modalidades do Seguro de Vida da Afresp é o Proteção Familiar. Esse é o seguro ideal para você garantir a tranquilidade das pessoas que você mais ama.

CONFIRA SIMULAÇÃO e surpreenda-se com os comparativos: Plano de Proteção Familiar

Com parcelas a partir de R$50,00 mensais, você fica protegido e oferece segurança financeira à sua família com as seguintes garantias:

Valor do Capital: R$ 500 mil

Invalidez Permanente Total ou Parcial por Acidente (IPA) Caso você sofra um acidente ou tenha uma doença que lhe cause invalidez e precise parar de trabalhar, você tem a tranquilidade de estar protegido financeiramente.

Diagnóstico de doenças graves Você recebe um benefício em dinheiro e usa como quiser, caso seja diagnosticado com uma doença grave, como Câncer, Infarto Agudo do Miocárdio (IAM), Acidente Vascular Cerebral (AVC), Cirurgia Coronária, Insuficiência Renal e Transplante de Órgãos.

Morte Acidental Indenização adicional aos beneficiários em caso de falecimento do segurado, devido a acidente coberto.

Além dessas coberturas, você também participa do sorteio mensal de R$20 mil (bruto de IR) pela Loteria Federal.

Para mais informações sobre o Seguro de Vida - Proteção Familiar ou outras modalidades de Seguro de Vida, entre em contato com a Central do InvestAfresp: 0800 772 4747 ou segurodevida@afresp.org.br.

SAIBA COMO ABATER 12% DA RENDA BRUTA ANUAL COM A PREVIDÊNCIA Invista nos seus objetivos com a Previdência Privada InvestAfresp. Nela, você prepara seu futuro e da sua família, faz o planejamento sucessório e aproveita benefícios fiscais. Ao contratar o Plano Gerador de Benefícios Livres (PGBL), indicado para quem faz a declaração completa do Imposto de Renda, o beneficiário tem várias possibilidades de redução ou até eliminação dos tributos. A principal característica do plano é a possibilidade de abatimento da base de cálculo até o limite de 12% da renda bruta anual. A modalidade ainda oferece ausência de custos adicionais (honorários e taxas de cartórios) com inventário e ITCMD (isenção vigente no estado de São Paulo), não incidência de Imposto de Renda

sobre a rentabilidade durante o período de acumulação (come-cotas), além da oportunidade de transferência do benefício para os filhos. Mas se o modelo mais indicado para o seu perfil é o Vida Gerador de Benefícios Livres (VGBL), recomendado para quem realiza a declaração simplificada ou é isento do Imposto de Renda, as regras passam a ser diferenciadas. Neste caso, não há dedução fiscal e a incidência de IR se aplica apenas sobre a rentabilidade. Conheça mais detalhes sobre qual modelo se enquadra no seu perfil e descubra o que a Previdência Privada pode fazer por você e para sua família.

Aproveite os benefícios exclusivos da Previdência Privada! Para mais informações, entre em contato pelo telefone (11) 3886-8929 ou previdenciaprivada@afresp.org.br

Parceiros:

11


CONSELHO DELIBERATIVO BOLETIM INFORMATIVO DO CONSELHO DELIBERATIVO Nº 36 - MARÇO/2018

Reunião Ordinária de 24 de março A reunião aconteceu na sede da Afresp e estiveram presentes 22 Conselheiros titulares e dois suplentes. A Mesa Diretora foi composta pelo presidente do Conselho, Luiz Carlos Toloi Junior; pelo vice-presidente, Miguel Ângelo Carvalho da Silva; pela 1ª secretária, Marcia Maria Marchetti do Couto; e pelo 2º secretário, Pedro de Oliveira Abrahão. O presidente Toloi esclareceu aos presentes que, uma vez que todo material a ser discutido em reunião tem sido encaminhado previamente aos Conselheiros por e-mail e que será projetado em tela nas reuniões do C.D., não será mais distribuída cópia em papel desse material nas reuniões. Em virtude disso, não foram impressas para a reunião do dia 24 de março 696 folhas, o que resultou em economia de recursos para a Afresp e uma contribuição para a preservação do meio ambiente. Em seguida, a ata da reunião de 24 de fevereiro foi aprovada por unanimidade. O item seguinte da pauta foi o Regimento Interno do C.D. O vice-presidente Miguel Ângelo apresentou os principais itens do documento para conhecimento dos Conselheiros, sendo que o assunto foi amplamente discutido. Com a discussão dos itens do Regimento Interno, o presidente da Mesa Diretora ressaltou a importância de se formar um grupo de estudo para elaborar uma proposta de revisão do documento. Por isso, foram designados os Conselheiros Gilmar Domingos Macarini, Luciana Grillo, Eduardo Gonçalves, Márcia Maria Marchetti do Couto e Pedro Abrahão para formar o grupo de estudo para elaborar uma nova proposta, sendo nomeada para coordenar o grupo Luciana Grillo. Na sequência, foi apresentado o acompanhamento orçamentário do C.D. do período de janeiro a março de 2018.

O presidente Toloi falou da possibilidade de ocorrerem reuniões extraordinárias do C.D., inclusive às sextas-feiras à noite e aos sábados, a fim de agilizar a apresentação das Diretorias da Afresp, oferecendo mais conhecimento sobre a entidade e subsídios aos Conselheiros na tomada de decisões. Essas primeiras reuniões seriam nos dias 4 e 5 de maio, e serão convidados os Diretores da Amafresp e do InvestAfresp para apresentar suas áreas. Entre os assuntos relacionados à classe, o Conselheiro Carlos Gomes falou da preocupação do conflito de interesses no tocante à votação da PEC 5 e do PLC 25 na Assembleia Legislativa. O assunto foi debatido pelos Conselheiros. Esse momento contou também com a presença do presidente da Diretoria Executiva, Rodrigo Spada, que falou da importância da aprovação de ambos os projetos para a categoria. O 1º tesoureiro e diretor Financeiro, Luan Zacharias Silva, a gerente financeira, Raquel Gonçalez, acompanhados pelo presidente da Afresp, Rodrigo Spada, iniciaram a apresentação da diretoria financeira. Foram demonstrados o organograma da área financeira, a composição das receitas da Afresp, as despesas gerais, as inadimplências e os valores dos Fundos de Reservas da Associação, bem como as entidades financeiras onde se encontram aplicados e suas rentabilidades. Depois, foram esclarecidas dúvidas dos Conselheiros pelo diretor Luan e pelo presidente Rodrigo. A exposição foi muito produtiva. No final, o diretor Financeiro foi aplaudido. Por fim, foi apresentado o Relatório de Acompanhamento Orçamentário do 4º trimestre de 2017 da Afresp pelo presidente da Comissão Fiscal, Gerson Alanis Lamera. O relatório demonstrou que a movimentação financeira da Afresp no trimestre ocorreu dentro do orçado. O relatório foi aprovado por unanimidade pelos membros do C.D.

Veja quem esteve presente na reunião do Conselho Deliberativo: Mesa Diretora: presidente: Luiz Carlos Toloi Junior (Capital); vice-presidente: Miguel Ângelo Carvalho da Silva (Campinas); 1ª Secretária: Márcia Maria Marchetti do Couto (Capital); 2º Secretário: Pedro de Oliveira Abrahão (Capital). Conselheiros Titulares: Ana Paula Galletta Machado (Capital); Antônio Lourenço Colli (São José do Rio Preto); Carlos Augusto Gomes Neto (Capital); Carlos Doro Filho (Marília); Eduardo Gonçalves (Ribeião Preto); Everaldo de Melo Brandão (São José dos Campos); Fernando Augusto Bellini (ABCD); Gerson Alanis Lamera (Piracicaba); Gilmar Domingos Macarini (Presidente Prudente); Guglelmo Foa (Osasco); José Francisco de Almeida (Jundiaí); Luciana Moscardi Grillo (Bauru); Marcelo Henrique Yasuda Ketelhuth (Capital); Miguel Siqueira (Taubaté); Paulo Henrique do Nascimento (Araçatuba); Pedro Ventura Esteves (Sorocaba); Sebastião Tadeu de Vasconcelos (Franca); Valter Gama Caldini (Guarulhos). Suplentes: Edimir Afonso Trosdorf (Araraquara); João Romão Gomes Filho (Santos).

Entre em contato com o Conselho Deliberativo da Afresp: conselhodeliberativo@afresp.org.br ou (11) 3886-8819 12


CONSELHO DELIBERATIVO “EXPERIÊNCIA E RENOVAÇÃO DE IDEIAS REPRESENTAM O FUTURO DA AFRESP” Não é a primeira vez que o colega Luiz Carlos Toloi Junior participa do Conselho Deliberativo da Afresp. Com um histórico de ter sido diretor Regional, Conselheiro, presidente da Afresp e diretor da Amafresp, Toloi atualmente é o presidente do C.D. e quer passar todo o conhecimento adquirido na Afresp aos Conselheiros. Veja suas expectativas e desafios para este triênio. O que o motivou a se candidatar para o Conselho nesta nova gestão? Eu participo da Afresp ativamente desde 1991 e, por 15 anos, estive na Diretoria Executiva da Associação como presidente e diretor da Amafresp, onde adquiri, pela dedicação, um amplo conhecimento da entidade. Por isso, me candidatei com o propósito de transmitir a minha experiência para os membros do Conselho, mesmo porque a perspectiva era de que ocorresse uma grande renovação neste triênio. Houve um índice de mais de 60% de renovação do Conselho. O que significa isso para a Afresp? Essa renovação já era prevista, e isso representa o futuro para a Afresp. São ideias novas que vêm chegando. Se a Afresp chegou aos 70 anos com essa pujança, foi porque lá atrás houve ciclos de mudança. A experiência dos que vieram é passada para quem está chegando, com novas perspectivas, de forma que nossa entidade possa avançar cada vez mais rumo ao futuro. Em vista disso, quais são as diretrizes para o Conselho neste triênio? Neste primeiro momento, o principal ponto é passar o conhecimento sobre a entidade, principalmente para aqueles que estão chegando. Assim, neste semestre, vamos convidar os diretores de todas as áreas da Afresp para apresentarem seus departamentos, de modo que os Conselheiros tenham mais informações para deliberar sobre os assuntos. Nós também mostramos a eles alguns pontos do Estatuto Social da Afresp e do Regimento Interno do C.D., para que tenham noção da responsabilidade e grandeza da nossa Entidade. Inclusive, a respeito do Regimento, já foi formado um grupo de estudos com os próprios Conselheiros, para elaborar uma revisão, que privilegiará mais a voz do Conselheiro. Com isso, estaremos dando condições para os colegas analisarem os assuntos da Afresp com razão e tomar a melhor decisão em prol dos associados. Outro ponto importante é que o Conselho deve dar exemplo de economia para os colegas e a Diretoria Executiva. Como citei na última reunião do Conselho, contribuímos para a redução de papel, em virtude de os documentos serem enviados via e-mail e apresentados em tela, economizando mais de 690 folhas. Além disso, o Boletim Informativo do Conselho passará a ser divulgado pelo site, Facebook e e-mail, não havendo mais o envio pelo correio. Só com isso, serão economizados mais de R$ 40 mil por ano. Enfim, temos que proporcionar

condições para que o Conselho cumpra plenamente com suas atribuições estatutárias. Quais são seus desafios para este triênio? Não trato como desafio, porque trabalho com seletos Conselheiros, que têm boa vontade de fazer a Afresp caminhar. Vejo como uma obrigação passar minha experiência para eles. Essa obrigação acontece principalmente em relação à área da Amafresp, que é uma questão muito preocupante para os associados, além da Afresp como um todo. Acima de tudo, o papel do Conselho, além de fiscalizar, é oferecer sugestões para a Diretoria Executiva. Por isso, a atuação do C.D. deve sempre estar em harmonia com a Diretoria Executiva para que nossa entidade evolua cada vez mais. Quais são suas expectativas para a Afresp e para a classe dos AFRs? Apesar de a Afresp estar em boa situação financeira, um dos desafios é buscar novas receitas, sem depender do bolso do associado. Esse é também o papel do Conselho, trabalhar junto à Diretoria na expectativa de continuarmos crescendo, sem onerar nossos associados. E há vários motivos para isso, sendo que um dos principais é o fato de que os últimos governos não têm dado a devida valorização para a classe dos Agentes Fiscais de Rendas, basta ver o drama da classe com relação à questão salarial. É falta até de visão dos governantes, que não veem no Fisco de São Paulo uma classe seleta e inteligente, um apoio para aumentar sua arrecadação. Os AFRs são pessoas de brio, altamente capacitadas, para buscar novas receitas para que o governo possa atender às necessidades da população. No entanto, não se sentem motivados. Não é somente a parte salarial, mas também uma participação mais efetiva com o governo nas ações da Secretaria da Fazenda. Esperamos que a classe continue unida, principalmente depois dos movimentos como o da PEC, que unificou a classe. Eu tenho certeza de, com o reconhecimento da categoria, em todos os aspectos, o resultado é imediatamente visível para o governo e para a população do estado. Eu sou otimista: estamos vivendo uma fase difícil, que certamente passará, e retomaremos o patamar onde estávamos, numa questão salarial satisfatória. 13


REGIONAIS DIRETORIA EXECUTIVA DESIGNA NOVOS DIRETORES REGIONAIS E ADJUNTOS De acordo com o artigo 64 do Estatuto Social da Afresp e após decisão junto aos demais Diretores Executivos, o presidente Rodrigo Keidel Spada designou os Diretores

ABCD

Rivaldo R. Jesus Regional

ARAÇATUBA

Mario R. Ueda Adjunto

Leonam M. Lima Regional

Raphael A. Zancra Jorge L. Aronne Adjunto

Sandro M. Peroni Pedro S. Sadaho Adjunto

OSASCO

Felipe Brasileiro Regional

14

Adjunto

José Lúcio Campos Geraldo R. Bócoli Regional

GUARULHOS

Regional

Vitor C. Noale

ARARAQUARA

Thiago Martins

Adjunto

Adjunto

Adjunto

Maria M. Rosa

Carlos P. Nascimento Carlos N. Sobrinho

Eneida Rossin Regional

Jesus A. Eleotério

Regional

Adjunto

MARÍLIA

Adjunto

PIRACICABA

Edison I. Massaki

FRANCA

JUNDIAÍ

Regional

Filipe P. Stella

Regional

CAMPINAS

BAURU

Regional

Regionais e Adjuntos das 22 sedes Regionais da Associação. Conheça os nomeados:

Jairo C. Sidnei Adjunto

Fernando M. Marques Regional

José M. Filho Adjunto

PRESIDENTE PRUDENTE

Oscar A. Oda Regional

Marcos R. Faustino Adjunto


REGIONAIS RIBEIRÃO PRETO

Marcelo Fidelis Regional

Guilherme Pavani Adjunto

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

Valéria S. Carrijo Regional

José B. Soares Adjunto

SANTOS

Carlos A. Queiroz Placido Rodrigues Regional

Regional

Adjunto

Adjunto

Antonio G. Neto Regional

SOROCABA

Cleo A. Ferreira Regional

SEFAZ/PREDIÃO

Felipe S. Muñoz Marcelo Penteado

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

Alexandre Alves Adjunto

Regional

Adjunto

TAUBATÉ

Renato Novelletto Jr. José Elias Netto Regional

Adjunto

DRTC-II

DRTC-I

Ivan de Senço

Rodrigo L. Abreu

Paulo R. Bueno

Guilherme P. L. Ieno

Adjunto

Regional

DRTC-III

EVENTOS REGIONAIS Para mais informações sobre os eventos regionais, acesse a área de eventos no novo site da Afresp (www.afresp.org.br) ou entre em contato com a sua Regional. Diego Cezário Regional

Nelson Trombini Jr. Adjunto

15


APOSENTADOS 03/01 - David Torres, nível VI 03/01 - Liese Sarubbi Kvitko de Paulo, nível III 13/01 - Antonio Nicolaski, nível V 13/01 - Eny Satie Maeda, nível IV 13/01 - Manoel Messias Gomes Mariano, nível V 13/01 - Osmar Rodrigues Pirani, nível VI 01/02 - Gloria Maria Osorio de Castro, nível IV 01/02 - Jaime Antonio Decarli, nível V 01/02 - Karla Righi Cunha, nível V 01/02 - Luiz Kozo Motoki, nível VI 01/02 - Milton Zanotello, nível V 01/02 - Neila Barbosa, nível V 01/02 - Ricardo da Silva Picos, nível V 01/02 - Marco Antonio Vecchi, nível VI 06/02 - Carlos Roberto Barbieri, nível VI 06/02 - Iracema Ferreira Cardia Haddad, nível IV 06/02 - João Batista Camilo, nível V 06/02 - Nivaldo Antonio Garcia, nível VI 01/03 - João Carlos de Queiroz, nível V 01/03 - Oswaldo Luiz da Silva Vilela, nível VI

01/03 - Pedro Calderan Maziero, nível VI 01/03 - Samuel da Silva, nível IV 01/03 - Valdir Saviolli, nível V 03/03 - Francisco Eloy dos Santos, nível IV 03/03 - Idesio Alves, nível VI 03/03 - Joberto Castro Guerreiro, nível V 03/03 - Leo Julio Vieira, nível V 03/03 - Silvino Diogo Neto, nível V 03/03 - Silvio Carlos Gallo, nível VI 08/03 - Clovis Robison Pereira de Souza, nível VI 08/03 - Eduardo Vitor Haberli, nível VI 08/03 - Joji Kaibara, nível IV 08/03 - Manoel de Oliveira Filho, nível VI 08/03 - Manoel Pereira Barros, nível VI 08/03 - Mayumi Azuma, nível VI 08/03 - Paulo Cesar Gomes, nível V 08/03 - Roberto Tadeu Baraldi, nível V 13/03 - Regina Silvia de Oliveira Pordeus, nível VI 16/03 - Marco Antonio Vieira Coelho, nível VI 16/03 - Nelson Hernandes Junior, nível IV

NO TEATRO Em 4 de março, AFRs aposentados assistiram à comédia musical Forever Young, no teatro Fernando Torres, em São Paulo. A peça mostra as divertidas histórias de um grupo de idosos quase centenários. Depois da apresentação, os colegas foram à pizzaria Paulista 10, para se reunir, conversar e terminar a noite em ótima companhia.

ATENÇÃO, AFRS APOSENTADOS E DA ATIVA Se você faz aniversário no mês de maio, o prazo para realizar o recadastramento obrigatório vai até 30 de maio.

FALECIDOS

16

23/10/2017 29/11/2017 17/12/2017 20/12/2017 21/12/2017 01/01/2018 08/01/2018

Nivaldo Donega Rene de Francisco Mario Luiz Pereira da Silva José Wanderley Junqueira Newton Franca Moreira Valmir Nunes Leite José Antônio Leme

82 85 93 86 89 99 99

Mogi Mirim Itu São Paulo Guaratinguetá São Paulo Catanduva São Paulo


LIVROS O AFR Benedicto Ismael Camargo Dutra lançou o romance O Segredo de Darwin – uma aventura em busca da origem e do significado da vida, pela Madras Editora. Sua obra une ficção e realidade para contar a aventura de um grupo de jovens estudantes da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, que se envolve no confronto entre duas facções que disputam um misterioso documento, provavelmente escrito pelo naturalista Charles Darwin.

A nova obra do colega Cássio Junqueira, Apenas, Aprendi a ter esperança (Edicon Editora), é uma coletânea de poemas, frases, sensações e pensamentos. O tema, já trabalhado em obras anteriores, retorna com mais força e adquire um novo significado. “Na medida em que vamos amadurecendo, não só valorizamos mais a questão da esperança, como vivemos mais de esperança por conta das perdas da vida. Ficamos movidos por esse sentimento que é só sentir”, diz Junqueira. O livro é um compilado de textos escritos pelo colega desde que lançou Quarenta Sonetos, seu último livro, em setembro de 2016. “Reli tudo o que já havia escrito e escrevi mais. Inclusive, um dos poemas fiz em homenagem à cantora Celia, após seu falecimento”, explica. Celia Regina Cruz foi intérprete das poesias escritas por Cássio, além de grande amiga do autor.

A obra se apropria da teoria evolucionista de Darwin para fazer o leitor se questionar sobre o sentido da vida, com enigmas que despertam a atenção de pessoas descontentes com explicações ‘pueris’ sobre o tema. “Além de ter habilidades para o trabalho, bom relacionamento, se cuidar e ter horas de lazer, é dever do ser humano se perguntar como e por que nascemos na Terra. É um livro dedicado aos seres humanos em geral, sejam AFRs, médicos ou engenheiros”, disse o colega.

O colega e AFR aposentado Antônio Sérgio Valente pesquisou, nos últimos anos, sobre a família de Jesus e a vida de Tomé, um de seus apóstolos. A partir disso, ele lançou dois livros: A Misteriosa Família de Jesus e Tomé: Evangelho e Atos, que fazem parte da série Cristianismo primitivo em debate, da Fonte Editorial. Em A Misteriosa..., Valente abordou a formação da família de Jesus, baseado no estudo dos Evangelhos canônicos, dos não-canônicos, biografias sobre os santos católicos e textos de historiadores do começo do cristianismo. Já em Tomé, Valente traz, pela primeira vez, a conciliação canônica comentada e um estudo introdutório ao Evangelho de Tomé, que, diferentemente dos Evangelhos contidos na Bíblia, não apresenta uma sequência de acontecimentos, mas sim registros de diálogos de Jesus com os discípulos e alguns com Tomé em particular.

Um planeta em que todos são programados geneticamente para serem uma combinação perfeita: esse é o enfoque de Lirium, novo livro do colega AFR Jan Luiz Lluesma Parellada. O romance narra a história de Bert, um cientista que foi enviado à Terra para estudar os seres humanos de perto. “Bert é tão humano quanto qualquer um de nós, porém é hermafrodita e não morre de velhice. O ponto alto da história é quando um acontecimento inesperado altera seus planos e Bert passa a ter dia e horário para retornar ao seu planeta para que não sofra consequências”, conta Jan Luiz. O livro está disponível no formato e-book e à venda no site da Amazon.

17


FINANCEIRO BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO DE 2017 ATIVO CIRCULANTE Disponível Caixa / Banco Conta Mov./Aplicações de Liquidez Imediata Aplicações Financeiras

PASSIVO 110.348.281,96

CIRCULANTE

21.053.660,05

448.690,12

Provisão de Eventos a Liquidar

13.478.531,91

448.690,12

Débitos de Op. De Assist. à Saúde

84.171.490,43

Aplicações Vinculadas a Provisões Técnicas

12.027.089,22

Convênio Odontológico

Cotas de Fundos de Investimentos - ANS

12.027.089,22

Devoluções de Cotas/Coparticipação

72.144.401,21

Taxa de Administração Amafresp

Aplicações Não Vinculadas Renda Fixa Cotas de Fundos de Investimentos Créditos de Oper. C/ Plano de Assist. à Saúde

1.357.606,02

110.518,42 3.024,70 1.244.062,90

72.144.401,21

Débitos com Op. De Assist. À Saúde não rel. com Plano

588.619,31

72.144.401,21

Tributos e Encargos Sociais a Recolher

874.875,34

18.499.048,70

Tributos e Contribuições

114.445,58

Plano Posterior/Coletivo por Adesão/Referência

19.616.075,02

F.G.T.S a Recolher

99.742,55

Provisão Para Devedores Duvidosos

(2.027.153,47)

COFINS E PIS Folha de Pagto a Recolher

14.703,03

397.044,88

Retenções de Impostos e Contribuições

760.429,76

Coparticipação Amafresp Provisão Para Perdas Sobre Crédito Outros Créditos de Operação com Planos de Saúde Provisão Para Perdas Sobre Crédito Créditos de Op. De Assistência à Saude não Rel. com o Plano Reciprocidade Bens e Títulos a Receber

(285.909,55)

I.R.R.F a Recolher - Afresp

1.719.143,90

I.R.R.F a Recolher - Amafresp

(920.152,08)

I.S.S a Recolher - Afresp

4.006,46

1.406.905,39

I.S.S a Recolher - Amafresp

8.622,10

1.406.905,39 558.213,36

123.096,71 91.173,74

CSLL a Recolher - Amafresp

906,78

PIS a Recolher - Amafresp

592,47

Almoxarifado

168.990,10

CSLL / COFINS E PIS a Recolher - Afresp

Aluguéis a Receber

103.672,46

CSLL / COFINS E PIS a Recolher - Amafresp

131.215,67

285.550,80

Contribuições Previdenciárias Retidas de Funcionários

267.791,94

Adiantamentos Outros Créditos ou Bens a Receber

5.369.470,07

Contribuições Previdenciárias Retidas de Terceiros - Afresp

7.524,77

34.840,14

Mensalidades Afresp

819.405,76

Contribuições Previdenciárias Retidas de Terceiros - Amafresp

Mensalidades - Fundafresp

131.442,48

Débitos Diversos

4.701.665,71

Mensalidades - Seguro de Vida

90.658,98

2.043.058,43

Obrigações com Pessoal

1.822.462,75

Cia Vera Cruz Seguradora

1.105.768,25

Fornecedores

2.879.202,96

Taxa de Adm.Amafresp

1.244.062,90

Outros Débitos a pagar

Outros Valores a Receber Provisão Para Riscos S/ Títulos e Créditos

(126.297,00)

Despesas Antecipadas

20.760,89

ATIVO NÃO CIRCULANTE

33.110.251,73

Realizável a Longo Prazo

1.174.539,58

Aplicações Financeiras

114.649,97

Títulos de Renda Fixa

114.649,97

Depósitos Judiciais e Fiscais Depósitos Judiciais - Trabalhistas INVESTIMENTOS - Imóveis destinados à Renda IMOBILIZADO Imóveis de Uso Próprio - Não Hospitalares Terrenos Edificações Obras Preliminares e Complementares

PASSIVO NÃO CIRCULANTE Provisões

122.283,97 137.816,94

DÉBITOS DIVERSOS Fundafresp

1.059.889,61 3.418.772,74

PATRIMÔNIO LÍQUIDO Fundo Social

168.251,94

22.936.211,52

Reservas Patrimoniais

8.410.064,77

Reservas Estatutárias

9.087.449,19

6.127.037,32 16.489.645,64 319.528,56

119.804.268,86

Resultados Acumulados - AFRESP

63.826.024,34

Resultados Acumulados - AMAFRESP

21.226.221,52

Resultado do Exercício - AMAFRESP

6.359.889,93 10.894.619,11

697.591,01

Máquinas e Equipamentos

303.451,07

Equipamentos de Informática

337.417,98 1.315.264,29 169.342,98

Imobilizações em Curso

1.668.367,92

Obras em Andamento

1.668.367,92

TOTAL DO ATIVO

119.972.520,80

Reservas

2.823.067,33

INTANGÍVEL - Sistema de Computação

2.172.251,93

28.083.736,25

Bens Móveis - Não Hospitalares

Outras Imobilizações - Benfeitorias em imóveis de terceiros

2.172.251,93

1.059.889,61

Resultado do Exercício - AFRESP

Veículos

260.100,91

Contingências Trabalhistas

2.823.067,33

Móveis e Utensílios

2.432.352,84

Contingências Amafresp

Imobilizado de uso Próprio

Instalações

52.361,76

25.732,25

656.089,48 433.203,16 143.458.533,69

TOTAL DO PASSIVO

143.458.533,69


FINANCEIRO DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO JANEIRO A DEZEMBRO DE 2017 Sede Contraprestações Efetivas de Pl. de Assist. à Saúde

Regionais

Afresp

Amafresp

Consolidado

0,00

0,00

0,00

208.042.071,89

208.042.071,89

0,00

0,00

0,00

208.042.071,89

208.042.071,89

Contribuições Associativas

0,00

0,00

0,00

208.612.098,88

208.612.098,88

(-) Devoluções/Cancelamentos

0,00

0,00

0,00

(570.026,99)

(570.026,99)

0,00

0,00

0,00

(187.317.431,31)

(187.317.431,31)

Eventos Indenizáveis (Rede Credenciada)

0,00

0,00

0,00

(205.432.697,63)

(205.432.697,63)

Recuperação de Eventos Indenizáveis (Glosas)

0,00

0,00

0,00

15.111.666,68

15.111.666,68

Recuperação de Despesas com Eventos Indenizáveis (Coparticipação)

0,00

0,00

0,00

3.003.599,64

3.003.599,64

RESULTADO DAS OP. COM PLANOS DE ASSIST. À SAÚDE

0,00

0,00

0,00

20.724.640,58

20.724.640,58

Outras Receitas Op. de Assist. à Saúde Não Relac. C/ Pl. de Saúde da OPS

0,00

0,00

0,00

Outras Despesas Op. de Assist. à Saúde Não Relac. C/ Pl. de Saúde da OPS

0,00

0,00

0,00

RESULTADO BRUTO

0,00

0,00

0,00

20.724.640,58

20.724.640,58

(21.204.217,44)

(8.143.912,49)

(29.348.129,93)

0,00

(29.348.129,93)

Contraprestações Líquidas

Eventos Indenizáveis Líquidos

Despesas Administrativas Despesas com Pessoal Próprio

-

(12.141.408,37)

(3.955.170,37)

(16.096.578,74)

0,00

(16.096.578,74)

Despesas com Serviços de Terceiros

(2.639.098,60)

(337.613,88)

(2.976.712,48)

0,00

(2.976.712,48)

Despesas com Localização e Funcionamento

(4.380.098,29)

(3.484.141,47)

(7.864.239,76)

0,00

(7.864.239,76)

Despesas com Public. e Propag. Institucional

(335.992,01)

(830,00)

(336.822,01)

0,00

(336.822,01)

Despesas com Tributos

(485.265,69)

(200.981,49)

(686.247,18)

0,00

(686.247,18)

(1.222.354,48)

(165.175,28)

(1.387.529,76)

0,00

(1.387.529,76)

36.745.554,16

0,00

36.745.554,16

2.738.921,96

39.484.476,12

Despesas Adm. Diversas Outras Receitas Operacionais Contribuições Associativas

8.922.394,61

0,00

8.922.394,61

0,00

8.922.394,61

Administração Amafresp

14.005.015,85

0,00

14.005.015,85

0,00

14.005.015,85

Administração de Seguros

12.893.840,90

0,00

12.893.840,90

0,00

12.893.840,90

Outras Departamentais

486.766,71

0,00

486.766,71

0,00

486.766,71

Receitas Diversas

437.536,09

0,00

437.536,09

0,00

437.536,09

Taxa de Inscrição

0,00

0,00

0,00

1.631.606,59

1.631.606,59

Outras Receitas

0,00

0,00

0,00

1.107.315,37

1.107.315,37

(3.584.889,25)

(724.686,29)

(4.309.575,54)

(15.001.759,51)

(19.311.335,05)

Outras Despesas Operacionais Provisão Para Perdas Sobre Créditos

(60.561,81)

0,00

(60.561,81)

(1.473.095,39)

(1.533.657,20)

(3.524.327,44)

(724.686,29)

(4.249.013,73)

(13.528.664,12)

(17.777.677,85)

Encargos Sociais

0,00

0,00

0,00

(777.104,91)

(777.104,91)

Taxa de Adm. Amafresp

0,00

0,00

0,00

(14.005.036,35)

(14.005.036,35)

Outras

Taxa de Adm. Reciprocidade Confecção de carteiras/Indicador Médico Despesas Associativas ( - ) Recuperação de Outras Despesas Operacionais Taxa de Adm. Amafresp RESULTADO OPERACIONAL RESULTADO FINANCEIRO LÍQUIDO

(127.178,61) (5.508,87)

0,00

(5.508,87)

0,00

(5.508,87)

(3.518.818,57)

(724.686,29)

(4.243.504,86)

0,00

(4.243.504,86)

0,00

0,00

0,00

1.380.655,75

1.380.655,75

0,00

0,00

0,00

1.380.655,75

1.380.655,75

11.956.447,47

(8.868.598,78)

3.087.848,69

8.461.803,03

11.549.651,72

3.139.720,51

(13.952,59)

3.125.767,92

2.432.816,08

5.558.584,00

Receitas Financeiras

3.725.683,30

3.725.683,30

3.183.116,49

6.908.799,79

Despesas Financeiras

(585.962,79)

(13.952,59)

(599.915,38)

(750.300,41)

(1.350.215,79)

RESULTADO PATRIMONIAL

146.273,32

0,00

146.273,32

0,00

146.273,32

Receitas Patrimoniais

268.214,77

0,00

268.214,77

0,00

268.214,77

Despesas Patrimoniais

(57.956,37)

Resultado Não Operacional RESULTADO LÍQUIDO

Rodrigo Keidel Spada Presidente

(57.956,37)

0,00

(57.956,37)

(63.985,08)

0,00

(63.985,08)

0,00

(63.985,08)

15.242.441,30

(8.882.551,37)

6.359.889,93

10.894.619,11

17.254.509,04

Luan Zacharias Silva Diretor Financeiro

Raquel Gonçalez de Almeida CRC 1 SP 179645/O-8

19


ESPORTES COMEÇA O TORNEIO METROPOLITANO DE FUTEBOL DA AFRESP No dia 24 de março, três partidas abriram o XXVIII Torneio Metropolitano de Futebol da Afresp. Todas no mesmo horário, às 9h30, e em dois locais diferentes: os Centros de Convivência de Guarulhos e Osasco.

homenagem aos países que, neste ano, disputam a Copa do Mundo.

O time da Alemanha venceu o de Portugal por 2 a 1. Colômbia também fez 2 a 1 em cima da Argentina e, no duelo entre França e México, o resultado foi 5 a 1 para o time europeu. Os nomes dos times do Torneio são em

O torneio reúne associados, cônjuges e filhos de cidades próximas à capital (ABCD, Guarulhos, Osasco, Campinas, Jundiaí, Santos, Sorocaba e Vale do Paraíba). Nesta edição, os jogos são aos sábados e acontecem a cada 15 dias. A disputa vai até novembro, com partidas de ida e volta. Veja alguns momentos da abertura do Torneio!

Equipe México

Equipe Colômbia

Equipe Alemanha

Equipe Argentina

Equipe França

Equipe Portugal

Darcio de Souza e seu filho, João Henrique

20

Edson Hurtado entre seus filhos, André e Fernando

José Vani e seu filho, Leandro

Luiz Fernando e seu filho, Carlos

Eduardo Cestari e seu filho, Lucas

Jornal Afresp - Edição 400  
Jornal Afresp - Edição 400  
Advertisement