Issuu on Google+

Ética Profissional - Da Atividade da Advocacia Prof. Fernando Nery Baixe mais www.atualidadesdodireito.com.br/fernandonery 1 2

3

4

5

6

7 8

9

10

12

11

13

14

15

16 17

18

19 20

21

22

23

24

25

26 27

28

29

30

31

EclipseCrossword.com


Ética Profissional - Da Atividade da Advocacia Prof. Fernando Nery Baixe mais www.atualidadesdodireito.com.br/fernandonery

Horizontais 2.

Atividades jurídicas, além da função de advogado, que são privativas de advogado inscrito na OAB. (29)

5.

Documento de outorga pelo qual o advogado constituído, transfere os poderes a outro advogado que continuará cuidando da ação. (17)

8.

Diz-se da prerrogativa que, garante ao advogado, imunidade profissional, por seus atos e manifestações em favor do jurisdicionado. (15)

10.

Para ela o advogado é indispensável. (22)

12.

Por este prazo, ficará o advogado que saiu do processo a ele ainda vinculado, exceto se o advogado que o suceder ingressar antes de seu término. (7)

3.

Somente possui reconhecimento como advogado, aquele que formado em curso superior em Direito, tenha sido previamente aprovado no exame nacional da... (25)

4.

Admite-se que o advogado, afirmando urgência, atue em prol de seu cliente SEM prova de outorga de poderes, desde que o apresente no prazo de ___ ___, prorrogável por igual período. (10)

6.

Pode o estagiário de advocacia praticar os atos descritos no art.1º, na forma do Regulamento Geral em conjunto com o advogado e ____ ____________ deste. (19)

7.

No exercício de sua atividade, o advogado está obrigado a conservar os interesses maiores da coletividade, preservando assim a... (12)

9.

Conduta repudiada pela Deontologia da Advocacia. (9)

13.

Diz-se da capacidade privativa do advogado que emana do Art. 133 da Constituição Federal de 1988 (13)

11.

Habilita o advogado a praticar todos os atos judiciais, em qualquer juízo ou instância, salvo os que exijam poderes especiais. (10)

17.

Mais que um direito. Recebe este nome a garantia profissional, em razão da função pública que desempenha, quando o advogado exercer o direito em nome de seu cliente. (12)

14.

18.

Restrição que mantém o advogado que saiu do processo vinculado ao feito. Esta condição obriga o novo advogado a prestar contas ao anterior, garantindo que perceba os honorários. (27)

Nos Municípios onde não existir Defensoria Pública, a Ordem dos Advogados do Brasil atenderá a população por força do Convênio mantido com a Procuradoria Geral do Estado. Recebendo a incumbência o profissional do direito passará atuar no processo como... (14)

15.

São declarados "sem efeito" os atos praticados por advogado ______, ______ ou _______, assim como aqueles que exercem atividade incompatível com a advocacia. Ressalvado inclisve o direito à perdas e danos sanções administrativas e criminais. (26)

16.

"Exercem a atividade de advocacia, sujeitando-se ao regime desta Lei, além do regime próprio a que se subordinem, os integrantes da Advocacia-Geral da União, da Procuradoria da Fazenda Nacional, da Defensoria Pública e das Procuradorias e Consultorias Jurídicas dos Estados e do Distrito Federal, dos Municípios e das respectivas entidades de administração indireta e fundacional." A referida Lei também é conhecida por... (19)

19.

Instrumento pelo qual o advogado exerce suas prerrogativas em nome de seu cliente. Postulando em juízo ou fora dele. (7)

21.

O advogado, a partir da juntada do instrumento com esta condição, fica isento de quaisquer espécie de responsabilidade pelo feito (sem prejuízo de ser responsabilizado até o dia em que substituído). (27)

22.

Diz-se do ato pelo qual o advogado, sem necessidade de revelar o motivo, abstem-se da ação perante seu cliente. (8)

26.

É _________ a divulgação de advocacia em conjunto com outra atividade. Para evitar-se a captação de clientela e o cunho de atividade mercantilista. (6)

28.

Qualquer cidadão está apto a ingressar com este remédio constitucional, não necessitando

20.

Época a partir de qual o estudante de Direito pode requerer sua inscrição provisória na Ordem dos Advogados do Brasil. (15)

23.

Por este ato o cliente dá ciência ao advogado que ele, não mais possui os poderes conferidos anteriormente para agir em nome daquele. (9)

24.

Por não possuí-la ao Bacharel em direito é impossível exercer a advocacia. (22)

25.

Trabalhando com recursos próprios, o advogado possui independência funcional, podendo escolher livremente a causa que deseja patrocinar. Essa autonomia se identifica por sua atividade que configura-se em... (17)

27.

Esta palavra sofreu efeitos restritivos conferidos pelo STF ao julgar a ADIN 1.127-8, restringindo sua interpretação em sentido lato, no art.1º do EAOAB (Lei nº8.906/94) (8)

30.

O exercício da atividade de advocacia no território brasileiro e a denominação de advogado são privativos dos... (14)

31.

Para que sejam válidos, tais documentos precisam da assistência de advogado. São eles que concedem vida e regular existência as pessoas jurídicas. (14)

Verticais 1.

Vício dos atos praticados por pessoa não inscrita nos quadros da Ordem dos Advogados do Brasil. (8)


Ética Profissional - Da Atividade da Advocacia Prof. Fernando Nery Baixe mais www.atualidadesdodireito.com.br/fernandonery

Verticais ser estudante de direito, estagiário ou advogado. Este remédio, visa afastar o abuso de autoridade contra o direito de liberdade da pessoa humana. Por isto, não se inclui na atividade privativa da advocacia. (12) 29.

O Estado confere ao advogado este encargo, reconhecendo que ele é ocupante de função pública, embora não seja ligado ao Poder Judiciário e demais entes da Administração Pública Direta ou Indireta. (12)


PALAVRAS CRUZADAS