Page 48

O Director da ADRACES na Assembleia da República Inserido na comemoração do Ano Internacional dos Desertos e da Desertificação e tendo como mote “Desertificação e Desenvolvimento Rural - Combater a Desertificação a partir do Parlamento”, a Assembleia da República foi palco, entre os dias 31 de Maio e 22 de Junho, de um conjunto de iniciativas que tiveram como objectivo reflectir e debater a problemática da Desertificação. Esta iniciativa contou com participação da ADRACES no Seminário “Combater a Desertificação com sucesso”, a qual foi convidada a apresentar a metodologia LEADER enquanto instrumento de combate à desertificação. No Seminário, no qual estiveram presentes o Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Jaime Silva, deputados dos vários círculos eleitorais, representantes de associações e ONG´s e a sociedade civil, António Realinho, enquanto representante da ADRACES, pautou a sua intervenção alertando para

as mais-valias de inscrever a metodologia LEADER e os seus princípios nas políticas públicas de desenvolvimento rural. Na sua opinião, a grande virtualidade desta Iniciativa é a de permitir, ao contrário de outros programas sectoriais, abordagens horizontalmente integradas, com forte participação dos actores locais e implementadas e coordenadas numa base territorial concreta, tendo em conta as características e especificidades do território. Nesta lógica de intervenção, o Director da ADRACES defendeu que as estratégias de desenvolvimento rural deverão centrar-se na promoção da atractividade das zonas rurais através do desenvolvimento económico e da criação de oportunidades de emprego, numa estratégia integrada de diversificação das actividades, acompanhada da aquisição de capacidades das populações locais. •

ADRACES

I Jornadas de Reflexão sobre a Desertificação

Nós adraces

as

46

Assumindo que o combate à desertificação humana passa por uma dinâmica de desenvolvimento assente na diversificação de actividades, na qualificação dos recursos humanos, no equilíbrio e valorização das potencialidades e dos recursos locais, a ADRACES, enquanto associação com responsabilidades na promoção de iniciativas potenciadoras do desenvolvimento regional, participou na organização das Ias Jornadas de Reflexão sobre a Desertificação, que tiveram lugar em Louriçal do Campo, nos dias 18 e 19 de Maio de 2006. A realização destas Jornadas surgiu no âmbito dos projectos: “Trilhos - Desenvolvimento Local Integrado”, levado a cabo pela ADRACES e financiado pelo POEFDS, e “Património e Ambiente uma Escola Mais Envolvente”, projecto desenvolvido pelo Agru-

pamento de Escola de São Vicente da Beira que visa, essencialmente, a sensibilização das crianças para a preservação e conservação dos valores tradicionais e recursos naturais locais. Com o apoio da Câmara Municipal de Castelo Branco e da Junta de Freguesia de Louriçal do Campo, a realização deste evento permitiu reunir, em meio rural, um grupo significativo de pessoas e entidades que desenvolvem trabalho diário na área da investigação e trabalho efectivo de campo, favorecendo a discussão e o debate colectivo, de forma a encontrarem-se novas estratégias de combate e potenciando as boas práticas desenvolvidas e, também, criando e formando mentalidades abertas e sensibilizadas para a problemática da Desertificação. •

Viver 2 - A Juventude da BIS  

Encarar os jovens como sérias esperanças para evitar o despovoamento absoluto e a subsequente desertificação da Beira Interior Sul foi o des...

Viver 2 - A Juventude da BIS  

Encarar os jovens como sérias esperanças para evitar o despovoamento absoluto e a subsequente desertificação da Beira Interior Sul foi o des...

Advertisement