Page 18

Sessão B1

O Sistema GSM-R e a sua Aplicação nas Linhas Ferroviárias de Alta Velocidade

Engº José M. Pestana Neves REFERTELECOM

CURRICULUM VITAE Nasceu em Lisboa, em 1946. É

1.RESUMO

licenciado em Engenharia Electrotécnica (Correntes Fracas) pelo Instituto Superior Técnico (1969). Desde 1969 tem exercido diversos cargos e actividades, sempre na área das telecomunicações ferroviárias,

Esta comunicação tem por objectivo apresentar um sumário das principais questões relacionadas com a instalação do sistema de comunicações móveis GSM-R nas Linhas Ferroviárias de Alta Velocidade em Portugal, bem como da sua articulação com a rede convencional.

sucessivamente na CP, REFER, Netrail e Refertelecom. É actualmente Assessor da Comissão Executiva da Refertelecom, com funções de coordenação no âmbito do projecto de implementação do sistema GSM-R na rede ferroviária convencional.

Será feita uma descrição breve do sistema, das suas origens e da sua utilização no espaço ferroviário europeu, e serão discutidos os aspectos mais específicos relacionados com a sua aplicação em linhas de alta velocidade (LAV's), quer no que se refere à infraestrutura, quer ao material circulante.

É membro designado pela REFER do Grupo de Especialistas PETER, da UIC.

>16

2.DESCRIÇÃO GERAL DO SISTEMA GSM-R E ENQUADRAMENTO DA SUA UTILIZAÇÃO O sistema GSM-R foi desenvolvido a partir de uma iniciativa da UIC, no início dos anos 90, no sentido de ser estabelecido um novo standard, de tecnologia digital, para as comunicações rádio solo-comboio, em substituição do standard analógico estabelecido nos anos 70 e definido na Ficha UIC 751-3. Este, de resto, nunca constituíra um verdadeiro standard, mas apenas uma ténue base comum sobre a qual as diversas redes europeias desenvolveram, instalaram e utilizaram sistemas proprietários e geralmente incompatíveis entre si. Este facto, bem como a situação de obsolescência em que estavam a cair os sistemas existentes de instalação mais antiga e a própria tendência generalizada para a rápida obsolescência das tecnologias analógicas, foram alguns dos principais motivos que levaram a UIC a iniciar o processo de especificação e desenvolvimento do novo sistema, através do que então se designou por projecto EIRENE (European Integrated Railway Radio Enhanced Network). Uma das decisões mais estruturantes tomadas no âmbito deste projecto foi a da escolha do sistema que

Revista FERXXI - 7ºCongresso Nacional - Teses  

Publicação relacionada com sistemas de transporte. Realizada pela ADFER - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Ferroviário. Speciali...

Revista FERXXI - 7ºCongresso Nacional - Teses  

Publicação relacionada com sistemas de transporte. Realizada pela ADFER - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Ferroviário. Speciali...

Profile for adfer
Advertisement